Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Equipe de TV da Suiça grava documentário em Fortaleza

Os suíços Bernard Robert Charrue e Henri Guareschi, da TV Nacional da Suíça, estão em Fortaleza exclusivamente para fazer documentário sobre a Igreja dos Sagrados Filhos de Deus (ISFD), que fica localizada na rua Ceres, nº 1149, bairro Água Fria. Aqui, estão desde quarta-feira e permanecerão até a próxima segunda-feira.

Com o declínio do Cristianismo na Europa, a dupla informa que veio no Ceará o trabalho dessa Igreja que vive, na prática, o “Cristianismo comunitário”. Fundada pelo advogado Orlando Júnior, a Congregação tem como marca fundamental os cursos de Formação Cristã Continuada, que ocorrem regularmente aos domingos, a cada 15 dias.

O documentário será apresentado na TV Nacional Suíça (Rede TV 5 Mundo), que abrange mais de 200 países, em 15 línguas.

Michel Temer comemora um ano à frente do governo e diz que o Brasil mudou

Nesta data em que completa um ano à frente do governo do Brasil, o peemedebista Michel Temer, em artigo no O POVO desta sexta-feira, diz que recebeu um País “dilacerado pela greve” e comemora agora avanços na economia. Confira:

A maior recompensa de um governante é verificar que suas medidas beneficiam a maioria da população do Estado que administra. Nesta semana tivemos a notícia de que as vendas do varejo voltaram a crescer. E isso se deu graças a uma combinação de fatores, como a queda da inflação, a confiança de que o tempo do desemprego passou e a liberação do dinheiro das contas inativas do FGTS.

Completando um ano de Governo, temos a satisfação de, ao cumprir a obrigação de prestar contas ao País, afirmar que estamos alcançando os objetivos.

Meu governo recebeu um país dilacerado pela crise. Para combatê-la, em meu discurso de posse fiz questão de enfatizar a defesa da pacificação nacional e o papel central do diálogo. Chamei ao diálogo, à união. Reitero hoje este chamado.

O nosso trabalho de recuperação do País tem como objetivo devolver a confiança a todos. Para isso, partimos de pilares intocáveis: responsabilidade fiscal e responsabilidade social.

Instituímos o teto de gastos públicos, ou seja, não gastar mais do que se arrecada, ao tempo em que revalorizamos o benefício do Bolsa Família, que estava sem aumento há dois anos. Com o controle da dívida pública, a inflação começou a ceder, possibilitando ao Banco Central traçar uma trajetória firme da queda dos juros básicos da economia. Com a liberação do dinheiro das contas inativas do FGTS, devolvendo ao trabalhador um dinheiro que é seu, injetamos na economia cerca de R$ 40 bilhões.

Todas essas medidas têm um foco: gerar empregos. É assim com as melhoras no Minha Casa Minha Vida. E, de igual maneira com o Cartão Reforma. É assim na recuperação de nossas estatais, como a Petrobras, a Eletrobras, o Banco do Brasil.

Controlar os gastos, priorizar despesas, reforçar áreas como saúde, educação, habitação popular, grandes obras de infraestrutura, como a conclusão da transposição das águas do São Francisco: tudo isso foi possível fazer neste nosso primeiro ano.

Tivemos avanços em todas as áreas. Esses avanços levaram à retomada da confiança no Brasil, em nossa capacidade de enfrentar o presente e estar prontos para o futuro, deixando para trás os temores e as ameaças de que tínhamos perdido o rumo.

Com a aprovação das reformas da Previdência e Trabalhista, vamos perenizar essas conquistas. Tivemos uma travessia árdua. Mas estamos chegando. Agora é trabalhar mais, na direção de um país mais solidário, mais unido, mais generoso.

*Michel Temer

regional.imprensa@presidencia.gov.br

Presidente da República

Estoril vive clima de mais uma reinauguração

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai reinaugurar, a partir das 16 horas desta sexta-feira, o Estoril. A novidade é que o prédio abrigará a nova sede da Secretaria Municipal do Turismo.

O objetivo da medida, de acordo com o titular da pasta, Alexandre Pereira, é contribuir para a revitalização da área onde se encontra o Estoril, no caso a Praia de Iracema.

Por falar nisso, uma dúvida cruel: quantas vezes, em sua existência, o Estoril foi reinaugurado?

 

TRE discute com a direção da OAB processo judicial eletrônico

O Tribunal Regional Eleitoral, por meio da secretária judiciária, Orleanes Cavalcanti, e do coordenador de Processamento da Secretaria Judiciária do órgão, Felipe Morais, fez reunião com o presidente da OAB-CE, Marcelo Mota, e o presidente da Comissão de Direito da Tecnologia da Informação da Ordem, Renato Torres.

O objetivo, segundo a assessoria de imprensa do TRE, foi tratar sobre a obrigatoriedade do uso do PJe para peticionamento judicial nas classes obrigatórias previstas na Resolução TRE 653/2017. Eis os temas do encontro, que ocorreu na sede da OAB nessa quinta-feira:

– Divulgar perante a instituição e os advogados militantes, o uso obrigatório do PJe a partir do dia 13 de maio de 2017, para peticionamento judicial nas classes previstas na resolução, com a entrega de cartazes (produzidos pelo TRE-CE) e a solicitação de divulgação perante os advogados pelos meios de mídia disponíveis na instituição;

– Firmar parceria no sentido de disponibilizar aos advogados um suporte quanto à operação do Sistema PJe, tirando dúvidas e auxiliando quanto aos procedimentos relacionados ao peticionamento, cumprimento de prazos, recebimento de intimações e publicação de atos, principalmente nessa fase inicial de utilização do sistema;

– Abrir um canal de comunicação entre a Secretaria Judiciária do TRE-CE e a OAB-CE, para o recebimento de sugestões e observações quanto ao uso do sistema pelas partes e seus advogados, buscando o funcionamento adequado e a implementação de melhorias ao sistema, cabendo á SJU encaminhar as sugestões de melhoria ao TSE e CNJ;

– Designação de servidor e/ou advogado da OAB-CE para receber treinamento básico no PJe, a fim de servir de apoio aos demais advogados que atuam perante o TRE-CE.

A secretária Judiciária do TRE-CE, Orleanes Cavalcanti, afirmou que “o encontro foi muito produtivo, porque dirimiu algumas dúvidas e estreitou essa importante parceria entre a OAB e o TRE em benefício do trabalho dos advogados e da celeridade processual”.

SERVIÇO

*Para obter mais informações e acessar os tutorais de utilização do Sistema, entre no Portal do PJe no site do TRE-CE através do link clicando aqui.

Projeto quer declarar barracas da Praia do Futuro como patrimônio cultural imaterial do Ceará

389 4

O deputado estadual Capitão Wagner (PR) deu entrada no projeto de lei nº 114/17 declarando como “patrimônio cultural imaterial do Estado do Ceará” as barracas de praia localizadas na Praia do Futuro, em Fortaleza. A matéria começou a tramitar nesta sexta-feira, na Assembleia Legislativa.

O parlamentar explica que “é incontestável” a contribuição das barracas da Praia do Futuro como patrimônio histórico e artístico cearense para o desenvolvimento turístico na Capital do Estado.

A Lei Estadual 13.465, de 5 de maio de 2004, que dispõe sobre a proteção ao Patrimônio Histórico e Artístico do Ceará, estabelece em seu artigo 2º que constitui o patrimônio histórico e artístico do Ceará os bens móveis e imóveis e locais cuja preservação seja do interesse público, quer por sua vinculação a fatos históricos memoráveis, quer por seu excepcional valor artístico, etnográfico, folclórico ou turístico.

Reforma trabalhista terá novo debate no Senado

A proposta de reforma trabalhista será discutida, na próxima terça-feira (16), às 11 horas, na segunda Sessão de Debates Temáticos sobre o PLC 38/2017, aprovada pela Câmara dos Deputados e em análise no Senado. A primeira sessão de discussão sobre a matéria ocorreu nessa quinta-feira (11). O senador José Pimentel (PT) já se manifestou contrariamente ao projeto.

Para Pimentel, “essa reforma trabalhista altera mais de 100 artigos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). E entre essas mudanças tem um conjunto de itens que deixa todos muito preocupados, dentre eles o trabalho intermitente”. O senador destacou que “esse processo vai fragilizar muito os direitos dos trabalhadores no que diz respeito ao décimo-terceiro salário, à licença-maternidade, esse conjunto de benefícios que foram construídos nos últimos anos”, alertou.

Estão previstas, ainda, audiências públicas nas comissões de Assuntos Econômicos (CAE), Assuntos Sociais (CAS) e Constituição e Justiça (CCJ), onde a matéria deve ser debatida e aprovada, antes de seguir para discussão e votação em plenário. No entanto, o presidente da República, Michel Temer, tem orientado a base governista no Senado a acelerar a tramitação da proposta e garantir a aprovação do texto oriundo da Câmara dos Deputados, sem qualquer alteração. Temer se comprometeu, inclusive, a modificar o texto, após a aprovação no Congresso, por meio de vetos ou da edição de medida provisória.

IFCE abre vagas para cursos no Campus do Pecém

O Instituto Federal do Ceará está oferecendo em seu campus do Pecém, em São Gonçalo do Amarante (RMF), 35 vagas para o curso Eletromecânica e mais 35 para Automação Industrial – ambos na modalidade subsequente (destinada a alunos que já concluíram o ensino médio).

São os primeiros cursos regulares da unidade, uma das mais novas do IFCE. Para Eletromecânica, o turno ofertado é o matutino, enquanto as aulas de Automação Industrial ocorrerão no turno vespertino. A seleção para essas vagas serão feitas mediante a análise de histórico escolar.

SERVIÇO

*As inscrições para o processo seletivo do referido campus seguem até o próximo dia 17/5, exclusivamente pela internet.

*Processo Seletivo 2017-2 – Campus Pecém aqui.

Feira da José Avelino – A desativação é um bom começo

Com om título “Desativação de feira no Centro é bom começo”, eis o Editorial desta sexta-feira do O POVO. Aborda a polêmica em torno da Feira da José Avelino. Confira:

Após muitos anos de existência, a feira da rua José Avelino, no Centro de Fortaleza, será definitivamente desativada pela Prefeitura. Por determinação do governo municipal após anuência do Conselho da Cidade, a desocupação e o isolamento da área começam logo após o encerramento da feira, na manhã do próximo domingo. Sem dúvidas, é um passo fundamental para dar início à reorganização urbana de um trecho inserido na área de maior valor histórico da Capital.

A iniciativa da Prefeitura para aquela área se insere no planejamento urbano proposto pelo Plano Fortaleza 2040. Em resumo, a ideia é começar o processo de reordenamento do Centro com a desativação do comércio instalado no espaço público da José Avelino, um patrimônio histórico cujo piso em pedra tosca será restaurado.

A José Avelino passará por restauração do calçamento mantendo a demarcação do trilho do antigo bondinho que circulava pela região. As obras contemplam também a avenida Alberto Nepomuceno. A previsão é de um investimento de R$ 2 milhões em obras.

Quanto ao comércio que funciona em local proibido e inadequado, é claro que a sua dinâmica econômica e social deve ser levada em consideração. Para tanto, a Prefeitura articula outros espaços. A resistência de alguns comerciantes é natural. Porém o bom planejamento urbano, a organização da cidade e o valor histórico e turístico do Centro são prioridades.

O Plano Fortaleza 2040 indica que o espaço adequado para o funcionamento deste tipo de comércio, que se torna predador caso não seja tratado com critérios rígidos de funcionamento, é a área contígua ao Centro, na Jacarecanga, bairro com boas circunstâncias viárias e muitos galpões industriais desativados.

Nesse ponto, cabe à iniciativa privada, com incentivos públicos, oferecer espaços modernos e adequados para receber ônibus, automóveis e milhares de compradores. É o que já começou a ocorrer com a inauguração de um shopping para os feirantes.

Fortaleza só se tornará uma cidade de referência quando, entre outras coisas, resgatar a qualidade residencial e comercial que marcou a sua existência. A desativação das feiras e pontos de venda nos espaços públicos é apenas um bom começo de um procedimento que precisa ser muito mais amplo.

Feira da José Avelino – Uma situação de emergência

Do arquiteto Fausto Nilo, durante reunião do Conselho da Cidade, que, nessa quinta-feira, no Paço Municipal, tratou sobre alternativas para Feira da José Avelino, que, de acordo com o prefeito Roberto Cláudio (PDT), só vai operar até domingo:

“Estamos diante de uma emergência!”

Fausto Nilo integra o grupo que elaborou o Programa Fortaleza 2040. No documento, a rua José Avelino e seu entorno são tratados como importante pedaço do patrimônio histórico da cidade.

Virá, inclusive, um programa de obras para revitalizar o trecho, logo após a desocupação do local, de acordo com o prefeito que não se intimidou com recomendação feita pelo Ministério Público Estadual de que deveria adiar a decisão de retirada da feira da José Avelino. Ele reiterou que a medida virá.

*Confira mais sobre a Feira no O POVO aqui.

(Foto – Paulo MOska)

Desembargador que abriu denúncias sobre venda de liminares no TJ do Ceará pede aposentadoria

O desembargador Luiz Gerardo Brígido deu entrada num pedido de aposentadoria por tempo de contribuição. O ato saiu no Diário Eletrônico da Justiça do Estado.

Foi com Gerardo Brígido, quando presidiu o Tribunal de Justiça do Ceará, que a Expresso 150, da Polícia Federal, envolvendo compra de liminares, entrou nos trilhos.

O caso resultou em afastamento de desembargador e na suspensão de advogados por pate da OAB/Ceará.

Assembleia Legislativa quer discutir liberação da venda de bebida alcoólica nos estádios

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

Há um tema que merece ser discutido no momento em estamos conferindo a abertura de mais uma temporada de futebol envolvendo nossos clubes: a venda e o consumo de bebida alcoólica nos estádios.

A Comissão de Cultura e Esporte da Assembleia Legislativa aprovou requerimento do líder do Governo, Evandro Leitão (PDT), propondo audiência pública sobre o assunto. Evandro, ex-dirigente do Ceará Sporting, defende a regulamentação desse tipo de comércio no Estado.

“Essa comercialização acaba se dando na porta dos estádios até poucos minutos antes dos jogos, o que causa tumulto no acesso ao interior das arenas. Além disso, em muitos casos o torcedor faz uso exagerado por saber que não poderá consumir a bebida durante a partida”, explica o deputado.

Tem razão. Quem vai aos estádios conferir seu jogo, observa isso na prática. É hora de resolver esse, digamos, gargalo do nosso futebol. A data da audiência está sendo acertada.

Ministério Público Estadual abre inquérito para apurar desastre no Trairi e cobrar reparos

Os proprietários da Unique LQD Investments Empreendimentos Imobiliários Ltda, donos do açude que arrombou e causou prejuízos à população do Trairi, responderão a um inquérito civil público. Na última segunda-feira, o promotor Antônio Robson Timbó, abriu uma investigação para apurar como se deu o problema e quais prejuízos, de fato, ocorreram no município turístico do Litoral Oeste do Ceará — localizado a 124,5 km de Fortaleza.

De acordo com a portaria 003/2017, do Ministério Público em Trairi, o promotor Robson Timbó também solicitou à Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) que “realize fiscalização em regime de urgência na propriedade rural em questão (da Unique) e, constatando eventual dano ambiental, lavre o necessário auto de infração”.

No documento, o promotor pede à Semace que especifique “a dimensão do dano, a forma de repará-lo e indenizá-lo, bem como se já foi cessada a conduta danosa, comunicando esta promotoria de justiça de tudo que ali for constatado”, escreve Robson Timbó.

Segundo o titular da promotoria do Tariri, “há notícias que a barragem (da Unique) fora construída e/ou reformada recentemente sem as devidas licenças, sobretudo ambientais”. O rompimento do açude, que tinha capacidade de 492,9 metros cúbicos, produziu duas crateras na CE-163 cortando a mobilidade no Município, prejudicando o turismo de praias e a oferta de serviços básicos à população.

Pelo menos 25 mil pessoas teriam sido atingidas, segundo o prefeito Marcos Prado (PSDB), e os prejuízos podem passar de R$ 4 milhões.

Notificação

Os proprietários da Unique LQD, os britânicos Andrew James Goodman e Anthony Justin Archer, também foram notificados para apresentarem em 15 dias a defesa. De acordo com o promotor, eles devem apresentar “todos os documentos que demostrem a regularidade da construção (do açude) e/ou reforma da barragem rompida”.

Até hoje, 21 dias após o rompimento do reservatório, a Unique não apresentou um plano de reparação de danos para o poder público, para moradores e empreendedores de Trairi.

Desde o arrobamento da barragem, em 20/4/2017, O POVO vem enviando e-mails, Whatsapps e bilhetes, e telefonando para os proprietários e gerentes da Unique LQD Investments Empreendimentos Imobiliários Ltda. A equipe do jornal também foi à sede da fazenda Unique, em Tariri, porém não foi recebida. Até agora, nenhum dos donos da empresa nem os gerentes se pronunciaram.

Para entender

20/4/2017. Na véspera do feriado de Tiradentes, o açude da fazenda Unique, com capacidade para armazenar 492,9 metros cúbicos, arromba. A força das águas destrói dois trechos da CE-163, deixando “ilhados”, ou parcialmente isolados, algumas localidades. Incluindo os distritos de Canaã e as praias de Flecheiras e Guajiru.

21/4/2017. O Departamento Estadual de Rodovia (DER) e a Prefeitura de Trairi iniciam a improvisação de duas passagens precárias ao lado dos trechos destruídos na rodovia CE-163.

24/4/2017. O POVO envia perguntas ao secretario do Meio Ambiente do Ceará, Artur Bruno, e a Ricardo Araújo — superintendente da Semace. Pede informações sobre a suposta falta de licença ambiental para a construção ou ampliação do açude da Unique. Não há retorno sobre as questões.

25/4/2017. O POVO vai ao Trairi e constata o prejuízo para a mobilidade no municípios, para o turismo, comércio, para aulas na rede pública e particular e interrupção na oferta de serviços básicos. Como coleta de lixo e atendimento médico nas comunidades.

27/4/2017. Sem mandar fiscalização ao Trairi, Ricardo Araújo, superintendente da Semace, informa ao O POVO que “não se trata de crime ambiental”. E, sim, de um “acidente natural motivado por fortes chuvas verificadas na região”. Informações que teriam sido repassadas pelo DER e Prefeitura do Trairi.

7/5/2017. O prefeito de Trairi, Marcos Prado, afirma ao O POVO que houve crime ambiental. Inclusive em nota publicada no site da prefeitura. Segundo o gestor, houve destruição de “dunas, plantações” e de uma estrada que prejudicou a rotina do município.

(O POVO – Repórter Demitri Túlio)

Servidores da Agência de Defesa Agropecuária do Estado negam crise no orgão, mas anunciam greve

540 11

A presidente do Sindicato dos Servidores da Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri), Patrícia Facó, anuncia: a categoria vai entrar em greve a partir do próximo dia 22. Isso, porque briga por reajuste salarial e melhorias, o que só vem saindo para algumas categorias do Estado.

Ela, em nota, aproveitou para deixar claro que o movimento não é contra a atual direção da Adagri, mas apenas com o caráter reivindicatório e voltado para a melhoria salarial.

Sobre “ataques” contra o atual presidente da Adagri, Anderson Mota, o que ocorre por meio das redes sociais, Patrícia deixa claro que não partem do sindicato.

Ela atribui a apoiadores do presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Domingos Filho, descontentes pela perda de cargos no órgão, a partir do rompimento dele com o governador Camilo Santana (PT).

(Foto – Sindagri/CE)

Hospital Albert Sabin zerou em abril fila das cirurgias de correção de lábio leporino

O Hospital Infantil Albert Sabin (Hias) divulgou, nesta quinta-feira, que, no mês de abril, zerou a fila de espera para cirurgias de correção de fissuras no lábio e palato, mais conhecida como lábio leporino. “É um presente para nós do Albert Sabin, mas principalmente para as mães, numa semana mais do que especial, a semana em que se celebra o Dia das Mães. Elas que lutam tanto pela saúde de seus filhos. Nossa demanda agora é diferente”, disse a diretora geral do Hias, Marfisa de Melo Portela.

Segundo o Núcleo de Atendimento Integrado ao Fissurado (Naif) do Hias, a demanda atualmente é de recém-nascidos. Crianças que precisam atingir a idade mínima necessária para realizar os procedimentos. Para fazer a cirurgia do lábio, de acordo com o novo protocolo, a criança tem de ter, pelo menos, oito meses de vida. E para a correção do palato, pelo menos um ano e meio.

Os dados do Naif mostram que, desde a formação do Núcleo, em 2001, 3.116 pacientes de lábio leporino foram, ou são, acompanhados e tratados pelo Hias. Atualmente, a média de cirurgias realizadas mensalmente para correção de fissuras é de 32, e, uma média de oito novos pacientes por mês têm sido cadastrados desde janeiro de 2017.

Associação dos Defensores Públicos do Ceará lançará a campanha “Família Afetiva”

A Associação dos Defensores Públicos do Ceará vai lançar dia 19 próximo, das 8 às 12 horas, na Praça do Ferreira, a campanha “Família Afetiva”. De caráter nacional, a ideia é mostrar à sociedade que a Defensoria Pública garante o direito ao reconhecimento da instituição familiar e defende a aplicação de todos os dispositivos previstos no Direito de Família a qualquer tipo de relação. O lançamento ocorrerá com prestação de serviços.

Na ocasião, além de distribuição de cartilhas, os defensores públicos prestarão orientação jurídica e esclarecimento de dúvidas dos cidadãos sobre o tema. Os atendimentos contemplarão questões como adoção, guarda compartilhada, união estável, reconhecimento de paternidade, direito de convivência, tutela (de crianças, adolescentes e/ou incapazes por motivo de doença), regularização de guarda, entre outros.

Conforme dados levantados pela Associação Nacional dos Defensores Públicos (ANADEP), em um universo de 10 milhões de atendimentos em todo o país, cerca de 60% são na área de família. O reconhecimento de paternidade e a execução de alimentos ocupam o topo da lista.

 

Luizianne Lins quer instituir a Semana Nacional do Estatuto da Juventude

A deputada federal Luizianne Lins (PT) quer instituir a Semana Nacional do Estatuto da Juventude. O objetivo é fazer com que gestores dediquem uma semana inteira do ano à promoção, difusão e ampliação do acesso dos jovens ao estatuto. A parlamentar quer, no entanto, discutir essa ideia coletivamente.

Dentro dessa meta, ela promoverá, a partir do Ceará, nesta sexta-feira, dois encontros com universitários. O primeiro será na Unilab, em Redenção, com apoio do CA de Administração Pública, a partir das 10 horas; o outro, às 14 horas, apoiado pelo DCE do Instituto Federal do Ceará (IFCE), que cedeu espaços do seu bloco central para o encontro.

Com a Semana Nacional do Estatuto da Juventude, Luizianne quer um marco anual no calendário de atividades da juventude brasileira. “A divulgação do teor do Estatuto e a discussão na sociedade civil a respeito dos direitos dos jovens é ferramenta essencial para o desenvolvimento de políticas públicas voltadas para esse segmento no Brasil”, explica a parlamentar.

A Saudade da desembargadora Águeda Passos

Do Site do TJCE

A Capela Nossa Senhora de Fátima, construída em 1999, recebeu, nesta quinta-feira (11/05), amigos, familiares e colegas de trabalho da desembargadora Águeda Passos Rodrigues Martins para missa de corpo presente. Foi na sua gestão como presidente do Tribunal de Justiça (TJCE) que, em 3 de setembro, a capela foi inaugurada pela magistrada no Palácio da Justiça.

Representando o governador Camilo Santana, a vice-governadora Izolda Cela destacou o trabalho da desembargadora como defensora da criança e do adolescente. “Foi uma pessoa com ótimas referências, na forma como procedeu à frente das suas responsabilidades. Foi uma magistrada enérgica, firme e contribuiu para a estruturação do Judiciário em relação ao atendimento de crianças e adolescentes. Ela deixa um legado de bons feitos e, com certeza, isso ficará não só no seio de sua família e amigos, mas também das instituições”.

O vice-presidente do TJCE, desembargador Washington Araújo, elogiou o trabalho da magistrada como presidente da Corte. “Ela foi uma mulher de muita competência. Uma mulher de fibra e que, de certa forma, conduziu o Poder Judiciário num momento de grande dificuldade, de grande exposição negativa.”

Segunda mulher a assumir a Presidência do Tribunal, a desembargadora Iracema Vale ressaltou o pioneirismo da magistrada. “Tenho uma grande admiração pela desembargadora Águeda porque, naquela época, tudo era mais difícil. Nós tivemos o privilégio de ser, em 150 anos, ela a primeira e eu a segunda mulher presidente do TJCE, e não é fácil. Ela sempre foi uma mulher profissional, séria, forte, respeitada e admirada.”

O decano do Judiciário cearense, desembargador Fernando Ximenes, também prestou homenagens à desembargadora Águeda. “Uma pessoa altamente vocacionada, de muita coragem e disposição, que desempenhou suas atividades até o último dia com muita devoção e compromisso com o Poder Judiciário”, declarou.

Nelson Martins, chefe da Casa Civil do Governo do Estado, pontuou a grande contribuição da desembargadora para a Justiça do Ceará. “Foi uma pessoa bastante rigorosa, cumpridora da lei, dedicada e trabalhadora. Ela contribuiu para o fortalecimento da Justiça e o fim das desigualdades sociais. Minhas sinceras condolências à família.”

A magistrada também foi ressaltada por Evânia Silva de Andrade, hoje com 34 anos de serviços prestados ao Tribunal. “Dinâmica e guerreira, a desembargadora ‘chegava junto’ em defesa dos servidores. Era uma mulher atuante e participativa e seu gabinete estava sempre de ‘portas abertas’.”

Francisca Célia Gomes Rodrigues, chefe do Núcleo de Apoio aos Magistrados de 1º Grau, lembrou dela com carinho. “Uma mulher pioneira e batalhadora. Deixou um legado de fé e determinação. Sou grata por todo o reconhecimento à frente do trabalho de apoio aos magistrados”.

A missa de corpo presente foi conduzida pelos padres Luis Alberto, da Igreja do Rosário, e José Seiberras, da Igreja Cristo Rei. O corpo da magistrada seguiu para o Cemitério Parque da Paz, o bairro Passaré, em Fortaleza, onde houve o sepultamento.

Escritora cearense conta em livro sua paixão por Lisboa

A escritora cearense Rijarda Giandini foi morar em Lisboa, com a família, há pouco mais de dois anos. O propósito da mudança radical era estudar, mas o seu encantamento pela cidade a fez alçar outros voos. Apaixonou-se pela capital portuguesa, que já conhecia, mas não com tanta intimidade. A vontade de transmitir o que sentia deveu-se, segunda a escritora, à boa recepção que teve, especialmente da universidade por onde faz um doutorado em História Contemporânea, com outras confluências de uma cidade que, por não ser perfeita, é real e preserva ainda alguns modus vivendi fascinantes que a sociedade brasileira já não cultiva.

Ela confessa que o desejo em compartilhar este momento com outras pessoas era intenso, aliado a outro sentimento que a machucava, a saudade do Brasil, principalmente, dos amigos e da família. Daí o processo de escrita servir-lhe como uma espécie de catarse, a partir das andanças e experimentos da cidade que adotou para viver. Rijarda faz questão de afirmar que escrever “Viver e Amar Lisboa” foi uma tarefa prazerosa. “As impressões que relato são reais. Abordo direitos e deveres, em todos os momentos, observados com o espírito desarmado. Viver Lisboa não é nenhum sacrifício. Ao contrário, amar é uma consequência”. O livro será lançado nesta sexta-feira, às 19 horas, na Livraria Cultura.

Perfil

Rijarda Giandini é brasileira de Fortaleza, casada com Giovanni e mãe de Artur. Historiadora e Internacionalista, mora no bairro Restelo, em Lisboa, desde 2014, para um doutorado em História Contemporânea. É diretora do Instituto da Cidade, em Fortaleza e membro do Conselho da Camera di Commércio Italo-Brasiliana do Nordest. Traduziu adaptou o conto infantil “Il Principe Felice”, de Oscar Wilde, para o português e realidade brasileira. Escreveu o livro de Poesia “Inquietude”, ambos inéditos. Possui capítulos de livros e artigos em revistas sobre Cidades Sustentáveis.

 

UFC inaugura unidade da Rede Universitária de Telemedicina no Campus do Porangabuçu

“É uma alegria ver esse sonho antigo sendo concretizado”, afirmou, nesta quina-feira,  o reitor da Universidade Federal do Ceará, Henry Campos, ao inaugurar a unidade da Rede Universitária de Telemedicina (Rute). O ato ocorreu nas dependências do Núcleo de Tecnologias e Educação a Distância em Saúde (Nuteds), na Faculdade de Medicina (Famed) da UFC, onde o equipamento passa a funcionar. A informação é do site da Instituição.

A Rute, iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, coordenada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e presente em universidades e hospitais universitários de todo o País, visa apoiar o aprimoramento de projetos de telemedicina já existentes e de futuros trabalhos institucionais na área.

Com o equipamento, espera-se que temas de relevância para a saúde nacional e internacional sejam facilmente compartilhados por meio de banda larga de alta conexão e imagens com resolução de alta definição, favorecendo o ensino e a pesquisa na Universidade.

Apesar de somente agora ter sido inaugurada, a unidade Rute já vem desenvolvendo projetos, como o 1º Special Interest Group (SIG) de Educação em Informática Biomédica do Brasil, realizado, desde abril, na última quinta-feira de cada mês. Trata-se de uma iniciativa para promoção de debates, discussões de casos e aulas a distância.

Para o professor Luiz Roberto, coordenador geral do Nuteds, a inauguração da Rute é “o coroamento de um trabalho que começou anos atrás”. Ele acredita que a Rede funciona como um aparato de fomento ao ensino da Informática Biomédica no Brasil, que o professor considera ainda incipiente.

“É algo ainda não é reconhecido como área do conhecimento e não faz parte do currículo da grande maioria das instituições de ensino. O que temos ainda é pouco para o Brasil e há uma deficiência na formação de pessoas”, pontuou o coordenador, que falou ainda sobre outros projetos que acompanham a Rute, como o Campus Digital de Ensino e Pesquisa em Saúde (www.saudedigital.ufc.br).

HUB

O coordenador nacional da Rute, Luiz Ary Messina, esteve presente no evento e afirmou que já são 180 hospitais universitários e mais de 300 instituições de ensino inscritos na Rede. Também segundo ele, Fortaleza representa um importante hub para a telesaúde no mundo, pela privilegiada localização geográfica.

“É difícil ter um especialista em todos os locais do Brasil. A telemedicina vem para aliviar a demanda de saúde que temos hoje, promovendo o atendimento remoto de pacientes”, disse Messina. O coordenador também levantou a importância que o novo instrumento tem na melhoria de práticas dos estudantes, como a transmissão de cirurgias em alta definição.

Também participaram do evento a diretora da Faculdade de Medicina da UFC, Valéria Goes Ferreira Pinheiro, que coordenou a mesa da solenidade, e o vice-diretor, Francisco Chagas Medeiros.