Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Vem aí o Festival Popular de Teatro de Fortaleza

mascaras-teatro

O Festival Popular de Teatro de Fortaleza (Feptef), que já faz parte da agenda cultural da cidade, acontecerá no período de 11 a 18 de novembro próximo. A abertura ocorrerá dia 11, a partir das 16 horas, em frente a Praça José de Alencar (Centro).

Ao todo, serão 19 peças durante 25 apresentações. Haverá espetáculos nos terminais de ônibus do Siqueira, Parangaba, Papicu e Antônio Bezerra.

Os três Cucas (da Barra do Ceará, Jangurussu e Mondubim) também serão contemplados na agenda. O Festival passará ainda pela Praças dos Leões, Praça José de Alencar e Praça do Ferreira.

Alguns bairros também receberão espetáculos como o Dias Macedo, Maraponga, Pirambu, Vila Pery, Barroso e Vila Manoel Sátiro.

SERVIÇO

*Entrada franca.

*Mais informações e a programação das peças e oficinas podem ser adquiridas no endereço: www.festivalpopulardeteatro.com

TRE fará neste sábado sorteio das urnas a serem auditadas na Votação Paralela do 2º turno

A Comissão de Auditoria de Verificação das Urnas Eletrônicas, mediante Votação Paralela, presidida pelo juíz auxiliar da Presidência do TRE-CE, Francisco Gladyson Pontes Filho, realiza neste sábado (29), às 8h30min, na Sala de Sessões do tribunal, o sorteio das duas seções eleitorais – uma de Fortaleza e uma de Caucaia – que terão suas urnas eletrônicas auditadas no 2º turno das Eleições 2016.

A Votação Paralela será realizada no próximo domingo (30/10), no Colégio Ari de Sá, maior local de votação no Ceará, na avenida Washington Soares, 3737, no bairro Edson Queiroz. Nos trabalhos de auditoria, os votos assinalados na cédula – e posteriormente depositados em urna de lona – são digitados também nas urnas eletrônicas. Os dois processos de votação (manual e eletrônico), além de acompanhados por servidores da Justiça Eleitoral, advogados e representantes dos partidos, são filmados. Ao final, contrapõem-se os resultados. Se forem idênticos, fica comprovado o correto funcionamento da urna eletrônica.

O presidente da Comissão de Auditoria do Funcionamento das Urnas Eletrônicas, juiz Francisco Gladyson Pontes Filho, afirma que “este trabalho de auditoria é fundamental para levar ao cidadão a certeza de que a urna eletrônica é segura, mesmo porque cada passo é acompanhado de perto pelos fiscais dos partidos políticos, policiais da PF e representantes de diversas entidades da sociedade”.

Além do juiz auxiliar da Presidência do TRE-CE, a comissão é composta pelos servidores Fernando Moura Linhares, representante da Secretaria de Tecnologia da Informação; Ana Lilian Bastos Santana da Cunha, da Secretaria Judiciária; Simone Cellis Gaia, da Corregedoria Regional Eleitoral; e Cláudio Emmanuel Medeiros Dantas, da Secretaria de Administração.

(Sie do TRE/CE)

Presidente da ABAD – Desemprego elevado reduzirá vendas natalinas

josedoegito

O presidente da Associação Brasileira dos Atacadistas e Distribuidores (ABAD), José do Egito, cearense controlador da Jotujé Distribuidora, não anda nada otimista sobre previsão de vendas natalinas.

Ele afirma que, além da inadimplência – alta (não declinou percentual), há outro fator que pesa nisso: o desemprego elevado. A taxa mais recente do IBGE dá conta de número superior a 12 milhões sem emprego.

Mas ele tem esperança é de que boa parte do 13º salário sirva para aquecer o período.

 

Presidente da CNDL – Inadimplência é o maior entrave nas vendas de fim de ano

honoro

O maior entrave hoje na previsão de venda do varejo para o Natal é a inadimplência.

Quem afirma é o presidente da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas, Honório Pinheiro, cearense que é um dos controladores da Rede Pinheiro de Supermercados.

Indagado sobre os números dessa inadimplência, não adiantou. Quem sabe, para não assustar. Honório também não quis fazer projeção sobre incremento de vendas neste fim de ano.

 

Lula – O homem que fez o Brasil crescer e aparecer

361 3

Com o título “O homem que fez o Brasil crescer e aparecer”, eis artigo do jornalista e sociólogo Demétrio Andrade. Ele destaca a figura de Lula que, acossado pela Lava Jato, ainda conta com prestígio popular, como mostram pesquisas de inteção de votos para 2018. Confira:

Dia 27 de outubro de 2016, Luís Inácio Lula da Silva fez 71 anos. Cercado de polêmicas, investigado em várias frentes, ele acompanha há alguns meses a derrocada política do Partido dos Trabalhadores, agremiação que ajudou a fundar. Em paralelo, há um evidente crescimento da direita no país, que não titubeou em usar de todo tipo de artifício – legal e ilegal, de forma legítima ou não – para tentar destruir a imagem do PT e seu principal líder junto à população. O PT, lógico, também deu imensa contribuição para chegar a esta lamentável situação, quase de repulsa por boa parte da sociedade.

Ainda é cedo para perceber o efeito do desgaste. A curto prazo, o resultado da última eleição mostrou um encolhimento do PT, na casa superior aos 60%, em todo o país. Mas, ao mesmo tempo, a médio e a longo prazo, as pesquisas mostram o nome de Lula liderando as intenções de voto para 2018. Não se sabe se é um prestígio sedimentado ou somente recall por ser uma personagem mais conhecida. O tempo falará por si próprio. Não sou adivinho. E nem é esta a intenção deste texto.

O que quero mesmo é externar minha admiração pelo ex-presidente, de quem sou eleitor desde 1989. Independente de ideologia ou coloração partidária, é preciso estar muito cego de ódio para não perceber o crescimento do Brasil nas gestões petistas, notadamente nas de Lula. E o mais importante: um crescimento para todos, de forma horizontal, beneficiando diversas classes sociais, do mais pobre ao mais rico. Bem longe da ideologia socialista presente em sua fundação, o PT, tendo Lula à frente, foi responsável pela primeira grande revolução reformista de nossa trajetória.

E não falo somente de economia. Falo de educação, de saúde, de cultura, de direitos humanos, de assistência social. Falo do respeito que alavancou o país para outro patamar no contexto internacional e de diversas instituições do mundo inteiro que têm em Lula uma referência como estadista, gestor público e, principalmente, como um líder que conseguiu, pela primeira vez na história da República, tratar os mais pobres como prioridade. Não à toa, o Brasil sediou, em sequência, uma Copa do Mundo e uma Olimpíada.

Sobre as investigações, acho que, como qualquer cidadão brasileiro, Lula não está acima da lei. Por outro lado, nenhuma lei – ou os seus guardiães – deve se soprepor ao respeito ao ser humano. Confesso que fico assustado com a quantidade de pessoas que já tem certeza da culpa de Lula e já o condenaram. Mais que isso: não acreditam na sua inocência e jamais acreditarão, mesmo que todos os processo não dêem em nada. A presunção da inocência foi jogada pelo ralo.

O que posso afirmar, porém, é que o brasileiro foi muito feliz durante o governo petista. Alguns dirão: sim, mas a que preço? Pois é, para estes eu diria: as coisas boas custam caro. Como se diz no popular, não há como fazer omelete sem quebrar ovos. E as necessidades da população mais pobre do país não cabem num orçamento enxuto. Lula teve esta coragem. Receio dizer que, num futuro próximo, os governantes que não agirem da mesma forma estarão condenando o povo ao suplício, com absurdos do tipo a PEC 241. Não é só corrupção: o gasto público é enorme porque nossas carências são enormes.

No mais, é desejar longa vida ao melhor presidente que esta nação já teve. Alguém que soube equilibrar os mais diversos interesses em nome de um país melhor. Alguém que ousou superar, com diálogo, a mesquinhez do discurso da elite brasileira. E pagou por isso.

Demétrio Andrade
Jornalista e sociólogo

Justiça barra vaquejada em Solonópole

O juiz Sérgio da Nóbrega Farias, da Comarca de Solonópole, acatou pedido do Ministério Público Estadual e mandou cancelar a tradicional vaquejada desse município, que estava programada para os dias 30  e 31 deste mês e 1º de novembro, no Parque Maria Lucileda Pinheiro situado na CE 371, há dois quilômetros da sede do município.

A decisão já se baseia em entendimento do Supremo Tribunal Federal, que proibiu tal prática em todo o País, a partir do momento em que definiu como inconstitucional lei que permita a vaquejada no Ceará.

O magistrado decretou que o realizador, Aníbal Pinheiro, se abstenha imediatamente de realizar a vaquejada sob pena de multa de 100.000 reais por dia de realização do evento, além da responsabilização civil e criminal; e que a Prefeitura de Solonópole não conceda nenhuma autorização para a realização de vaquejadas em todo o seu espaço territorial, sob pena de multa de 100.000 reais por dia de realização do evento, e responsabilização civil, criminal e por improbidade administrativa.

Dr. Luiz Porto ganha homenagem por sua luta contra o câncer de mama

luisporto

Tereza Machado e Dr.Luiz Porto.

O oncologista Luiz Porto ganhou homenagem, nessa quinta-feira, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza, em reconhecimento à sua luta contra o câncer de mama. Foi no encerramento da programação pelo Outubro Rosa.

O médico recebeu a placa de homenagem das mãos da gerente de Programas Habitacionais da Habitafor, Tereza Machado, que foi sua paciente quando enfrentou o câncer de mama.

Durante a solenidade, o médico Luiz Porto falou sobre pesquisas realizadas na área do câncer no Ceará, criticou a PEC 241 e conclamou a todos à luta por mais investimentos para a saúde pública.

Além da homenagem, a Habitafor também encerrou a campanha “Doe um lenço”, realizada junto aos funcionários, na qual mais de 70 lenços foram arrecadados. Os lenços serão destinados ao Grupo AMAR – Associação de Motivação e Apoio e Renovação, que foi criado pela doutora Ilná Escóssia. Ativista pela luta contra o câncer de mama, a médica morreu em janeiro deste ano.

(Foto – Divulgação)

Eleições 2016 – Tropa do Exército sai às ruas neste sábado para reconhecer áreas de atuação

A 10ª Região Militar (10ª RM) realizará, às 8 horas deste sábado (29), no 23º Batalhão de Caçadores, uma formatura militar com a tropa que vai atuar no 2º turno das eleições municipais deste ano em Fortaleza. Os militares em forma estarão equipados e já prontos para embarcar nas viaturas e ir às ruas fazer o reconhecimento nas áreas de atuação, informa o Setor de Relações Públicas da Corporação.

Após as orientações do Comandante da 10ª RM, General Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, o efetivo de militares do Exército Brasileiro seguirá em comboio para as suas posições nos diferentes bairros da cidade – que, no dia da votação, correspondem a 13 zonas eleitorais e 645 locais de votação. No pleito municipal, a 10ª RM vai atuar com um efetivo de 2.500 homens de unidades de Fortaleza, Crateús Picos Teresina, Petrolina e Garanhuns, operando cerca de 290 viaturas.

A missão do Exército Brasileiro, segundo o Setor de Relações Publicas, é apoiar a Justiça Eleitoral com ações de Garantia da Votação e Apuração em Fortaleza. Para isso, os militares da 10ª RM vão realizar ações de patrulhamento ostensivo, motorizado e a pé que objetivam: proteger os locais de votação, garantir o livre acesso a esses locais e proteger também os pontos de apuração.

Ceará entra no pacote de leilão de transmissão de energia da Aneel

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realizará hoje (28), às 11h30min, na BM&FBovespa, na capital paulista, a segunda etapa do Leilão de Transmissão número 13/2015 para contratação de serviço público de transmissão de energia elétrica na Bahia, Ceará, Goiás, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

Segundo a Aneel, serão licitados 24 lotes com aproximadamente 6.800 quilômetros de linhas de transmissão e 6000 megavolt-ampère (MVA) de potência em subestações. O prazo para que as instalações entrem em operação é de 42 a 60 meses a partir da data de assinatura dos contratos de concessão.

A soma das Receitas Anuais Permitidas (RAP) máximas dos 24 lotes é de R$ 2,6 bilhões. O concessionário vencedor terá direito ao recebimento, por 30 anos, da RAP pela prestação do serviço, a ser recebida a partir da operação comercial do empreendimento.

A expectativa é a de que sejam investidos nos projetos R$ 12,6 bilhões, com geração de 25.658 empregos diretos.

(Agência Brasil)

Secultfor divulga resultado do Edital das Artes

magelala

Magela Lima é o titular da Secultfor.

A Secretaria Municipal da Cultura (Secultfor) está divulgando o resultado final do Edital das Artes de Fortaleza 2016. Ao todo, foram 486 projetos válidos inscritos, sendo 66 de Teatro, 39 de Dança, 23 de Humor, 38 de Artes Visuais, 25 de Fotografia, 52 de Audiovisual, 39 de Cultura Tradicional e Popular, 20 de Artesanato, 29 de Circo, 67 de Música, 58 de Literatura, 17 de Moda e 13 de Mídia Digital.

O processo seletivo do Edital foi realizado em duas etapas: conceitual e técnica e jurídica. Para a habilitação técnica, foi composta uma Comissão de Pareceristas formada por 25 especialistas nas linguagens contempladas. Selecionados via Edital, os pareceristas analisaram os projetos durante cinco dias, de 28 de agosto a 1 de setembro, em regime de confinamento na Vila das Artes. Alguns pareceristas trabalharam com mais de uma linguagem, situação prevista no Edital.

No período de 2 a 13 de setembro, das 8 às 21 horas, uma Equipe Técnica da Secretaria, composta por técnicos dos setores jurídicos, financeiros e artísticos, tabulou as informações da análise dos pareceristas, finalizando o processo.

*Confira o resultado aqui.

*As atas completas estão disponíveis para consulta na sede da Secultfor e a assinatura dos termos acontecerá a partir do dia 3 de novembro.

O fim da farra das greves no serviço público

87 1

Com o título “Fim da farra das greves no serviço público”, eis o Editorial do O POVO desta sexta-feira. Confira:

É de imensa repercussão a decisão do Supremo Tribunal federal (STF) que impõe o corte dos salários dos servidores públicos que entrarem em greve. A sentença proferida com o voto favorável de seis ministros tem abrangência geral e se espalha pelas diversas esferas de Governo. Ou seja, vale para a União, municípios e estados. Quatro ministros votaram contra.

Por coincidência, a decisão histórica do Supremo ocorreu dias após o fim da greve dos professores da Universidade Estadual do Ceará (Uece) que perdurou por impressionantes cinco meses. “Quantas vezes as universidades não conseguem ter um ano letivo completo sequer por causa de greves?”, clamou o relator do processo, ministro Dias Tóffoli.

A decisão do Supremo teve a inteligência de não permitir a efetivação de descontos no salário de servidores que entraram em greve quando motivados por quebra do acordo de trabalho, como, por exemplo, atrasos no pagamento mensal. Foi a forma de dizer que greve no setor público só se justifica em situações muito especiais.

Segundo a sentença formulada pelo Supremo, a remuneração de servidores grevistas deve ser suspensa imediatamente após a decretação da greve. No entanto, deixou aberta a brecha para que possíveis acordos com o empregador (União, estados e municípios) possam redundar em suspensão dos cortes no pagamento com a compensação dos dias parados.

Enfático, o voto do ministro Luís Roberto Barroso declarou que “o poder público não apenas pode, mas tem o dever de cortar o ponto. O corte de ponto é necessário para a adequada distribuição dos ônus inerentes à instauração da greve e para que a paralisação, que gera sacrifício à população, não seja adotada pelos servidores sem maiores consequências”. A fala de Barroso toca no ponto crucial.

Irrecorrível, a decisão certamente vai mudar o padrão no serviço público brasileiro. Os servidores têm empregos estáveis e previdência diferenciada. Situação que torna a greve um ato sem nenhum risco para os que a adotam como caminho reivindicatório. Não é uma relação justa para com os cidadãos usuários dos serviços públicos, sempre as grandes vítimas das greves de servidores.

Capitão Wagner diz que vai processar os Irmãos Ferreira Gomes

182 1

capitaoa

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PR, deputado estadual Capitão Wagner, anuncia: vai processar os irmãos Ferreira Gomes pelas ofensas proferidas em discursos e nas redes sociais contra ele. “Se pensam que vou perder tempo respondendo críticas em vez de debater a cidade, estão muito enganados. Mas há publicações muito caluniosas. Não podemos deixar passar. Eles vão ter que responder na Justiça”, afirmou, ao fim de caminhada de campanha, nessa quinta-feira, no bairro  Quintino Cunha.

De acordo com Capitão Wagner, há outros processos que já correm contra os irmãos Ferreira Gomes. Ciro Gomes tem sido um dos mais críticos a Capitão Wagner. O policial militar é mal visto pelo grupo político desde que liderou a greve dos policiais militares em 2011, no governo de Cid Gomes.

Entre as acusações mais comuns, Ciro chamou o candidato do PR de “chefe de milícia” e “bandido”. Wagner é o adversário do apadrinhado dos Ferreira Gomes, o prefeito Roberto Cláudio (PDT).

Nos últimos dois dias de campanha, Capitão Wagner vai se concentrar na periferia da cidade. Em segundo lugar nas intenções de voto, a campanha batizou os últimos atos de “virada”.

(O POVO – Repórter Isabel Filgueiras).

Cid Gomes: Campanha de Wagner “parece uma biruta”

95 2

foto cid ferreira gomes

Principais padrinhos políticos de Roberto Cláudio (PDT), os irmãos Ferreira Gomes (PDT) subiram ao palanque, nessa noite de quinta-feira, juntos com o governador Camilo Santana (PT) para acompanhar o último comício do atual prefeito antes da votação no domingo, 30, que reuniu centenas de militantes no comitê do candidato à reeleição, no Cocó. Na ocasião, ex-governador Cid Gomes voltou a criticar a campanha do candidato Capitão Wagner (PR), a qual classificou como “biruta”.

“Eu não devia falar não, mas a campanha do oponente do Roberto Cláudio parece uma biruta. Uma hora tenta apresentá-lo como bom moço, outra hora tenta apresentá-lo como o rapaz pobre da periferia. Outra hora como o super-herói, como o acusador, o agressor. Se ele não encontrar neste último dia um rumo para a campanha dele, vai ficar complicado o futuro político dele”, disse Cid ao O POVO.

No 2º turno, Capitão Wagner tem utilizado uma estratégia mais agressiva contra RC. Em um dos ataques, o candidato chegou a cobrar promessas não cumpridas pelo prefeito. Em 2012, Cid também prometeu que para cada creche construída por Roberto Cláudio, ele, então governador, construiria outra, mas não conseguiu cumprir. Questionado sobre o assunto, o ex-ministro culpou o financiamento com o BNDES.

“O Estado tem um programa feito ao meu tempo que prevê, não só para Fortaleza, mas para todos os municípios do Ceará que a cada creche construída pelo município, o Estado faz um convênio para construção de outro. Isso vem andando. A fonte de financiamento dele é o BNDES, que infelizmente não tem um fluxo contínuo. Ora suspende, ora vai. Mas o programa existe e o município tem assinado com o Estado convênios para construção de creches”.

(O POVO – Repórter Lucas Mota)

Enciclopédia do Blog

*Biruta – O mecanismo é constituído por um cone de tecido que contém duas aberturas opostas, das quais a maior fica acoplada a um aro de metal. É muito usado em aeródromos para orientar os pilotos durante as decolagens e aterrissagens das aeronaves, pois a execução dessas manobras é facilitada quando realizada em sentido contrário ao do deslocamento do vento.

UFC avança no registro de patentes

164 1

henry

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

Saiu o número mais recente das ações da Universidade Federal do Ceará no que diz respeito a registro de patentes de pesquisas. Nos primeiros sete meses deste ano, a Instituição registrou 48 pedidos de patentes, crescimento da ordem de 71% comparando a todo o ano passado.

O número, segundo o reitor Henry Campos, é reflexo de uma nova cultura que ganha força nos vários laboratórios da UFC: registrar a propriedade das descobertas e evitar que novos produtos e processos fiquem apenas nos armários dos seus laboratórios.

Os pedidos de patente ocorrem principalmente nas seguintes áreas: óleo e gás, tecnologia e produção de alimentos, tecnologia associada à saúde e a novas drogas, métodos e algoritmos para sistemas móveis e técnicas de predição de falhas de hardware.

Pelo menos quatro pesquisas sobre produtos derivados do Líquido da Casca da Castanha de Caju (LCC), por exemplo, subproduto da indústria nordestina, geraram pedidos de patente neste ano.Agora é reforçar mais ainda a parceria com o setor industrial.

Projetos do O POVO vencem prêmios nacionais de jornalismo do Banco do Nordeste

premioo

Histórias de gente resistente que se reinventa um século após uma das maiores secas do Nordeste, a de 1915, compuseram o projeto Os Quinzes, vencedor do Grande Prêmio de Jornalismo do Banco do Nordeste. A premiação ocorreu na noite de ontem e contemplou o material na mais importante categoria. Além disso, o caderno Juventudes, também do O POVO, foi vencedor na categoria nacional de mídia impressa.

Publicado em agosto de 2015, o material Os quinzes foi dividido em dois cadernos, nos quais os repórteres Ana Mary C. Cavalcante, Cláudio Ribeiro e Dimitri Túlio percorreram cerca de 2.500 quilômetros pelas áreas mais afetadas pela seca.

“O trabalho tem personagens bacanas que mostram que a região pode se renovar, recuperar, ser sustentável um século depois da seca de 1915; e viver e sobreviver diante de uma seca escrota como essa”, considera Cláudio Ribeiro.

Émerson Maranhão, editor-executivo do núcleo de Audiovisual, responsável pelo roteiro dos webdocs, acredita que o prêmio é uma sinalização do fortalecimento da cobertura transmidiática do O POVO.

Juventudes

A insurgência das Juventudes da Cidade foi contada pelos repórteres Isabel Costa, Rômulo Costa e Thaís Brito. Em quatro cadernos foram explorados os temas Sexualidade e Espiritualidade, Violência e Artes, Consumo e Educação e Territórios e Políticas Públicas. “O especial Juventudes ouviu jovens de várias Fortalezas Dar rosto a eles, escutá-los, foi nosso principal incentivo para produzir a série de cadernos”, afirmou Rômulo Costa.

Para Rui Aguiar, chefe do escritório do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), os quatro cadernos foram um presente do O POVO para a Cidade. “O principal resultado da série foi justamente o Comitê de Prevenção de Homicídios na Adolescência. Já vínhamos sendo provocados pela Assembleia Legislativa a trabalhar o comitê, mas o que nos deu o conteúdo e a energia foram as histórias de vida”, conclui.

(O POVO)

Polícia Civil do Ceará entra em greve

Após nove dias acampados em frente ao Palácio da Abolição, a Polícia Civil deflagrou a greve da categoria durante assembleia geral na noite dessa quinta-feira, 27. A partir da meia-noite de sexta-feira devem funcionar duas delegacias, sendo uma na Capital, o 34º DP (Centro) e a Delegacia Regional de Iguatu.

O presidente do Sindicato da Polícia Civil (Sinpol), Francisco Lucas, orientou os policiais a não irem até as delegacias nesta sexta-feira, 28, pois no próprio Palácio da Abolição será instalado um livro de ponto para os profissionais.

Segundo o Sinpol, nenhum tipo de procedimento será realizado nas demais delegacias, incluindo flagrante de presos, boletins de ocorrências, guia cadáverica ou soltura de presos. Nenhum policial civil (inspetor ou escrivão) ficará nos xadrezes das delegacias, todos vão entregar as chaves aos delegados.

“Estamos aqui na porta do Governo para negociar, para por fim a essa crise, está pronto a dialogar. mas só queremos dialogar para resolver. Conversas sem solução a gente não aceita mais, pois causa um desgaste para o governo e para a categoria, mas tenham certeza que estamos nos esforçando a três anos para fortalecer uma instituição que tem um trabalho importante e relevante”, relata.

Ilegalidade  

De acordo com o presidente do Sinpol, mesmo atendendo as determinações de manter 30% das atividades, na greve anterior, houve manifestação pela ilegalidade da greve.  O desembargador Luiz Evaldo Gonçalves Leite decidiu pela ilegalidade e afirmou que “o direito de greve aos servidores públicos fica relativizado em relação àqueles que prestam serviço relacionado à segurança pública”.

Conforme o sindicato, também houve a audiência de conciliação, que foi mediada pela Controladora Geral de Disciplina, Socorro França, que firmou compromisso de levar as propostas ao Governo, como a pauta para desativação das carceragens e o reconhecimento do nível superior, no entanto, Francisco Lucas alega que estado não teria cumprido o compromisso e pediu mais 30 dias.

(O POVO Online)

CDL Jovem de Fortaleza ganhará festa de debutante

A Assembleia Legislativa realizará, na próxima terça, às 19 horas, a sessão solene em homenagem aos 15 anos de fundação da CDL Jovem Fortaleza. O ato ocorrerá no Plenário 13 de Maio e foi proposto pelos deputados Sérgio Aguiar (PDT) e Carlos Matos (PSDB).

Na ocasião, haverá homenageadas a personalidades que prestaram serviços relevantes a entidade nesse período.

DETALHE – A CDL Jovem Fortaleza é um fórum que fomenta debates sobre temas variados e do interesse da sociedade, além de promover visitas a empreendimentos econômicos e apoiar ações sociais. Tem a missão também de incentivar o surgimento de novas lideranças.

Professora da UFC ganha Menção Honrosa em Prêmio da Fundação Carlos Chagas

A professora Bernadete de Lourdes Ramos Beserra, da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará, recebeu Menção Honrosa na sexta edição do Prêmio Professor Rubens Murillo Marques, da Fundação Carlos Chagas, com o trabalho “A construção do olhar antropológico na formação docente”, baseado na experiência desenvolvida na disciplina Antropologia da Educação, do Curso de Pedagogia da UFC. A iniciativa, que tem por objetivo valorizar e incentivar projetos de ensino de professores de Licenciatura, concedeu dois prêmios e três menções honrosas às experiências mais inovadoras e criativas de todo o País.

“A partir da utilização de recursos da pesquisa antropológica no ensino da disciplina, entre os quais a observação participante e a escrita de diários de campo, produziu-se a desnaturalização do fenômeno dar/assistir aula e, em consequência, constatou-se que a exotização do familiar não apenas possibilita a constituição de uma forma específica de enxergar e lidar com o outro, como também de observar-se e lidar consigo próprio. Alcançou-se, assim, tanto o objetivo do aprendizado dos conteúdos da disciplina, como da reflexividade, habilidade esta indispensável a toda formação docente, particularmente a do futuro professor da educação básica”, comentou para o Site da UFC a professora Bernadete Beserra sobre seu trabalho.

Também receberam Menção Honrosa o professor Giovani José da Silva, da Universidade Federal do Amapá, que apresentou uma ótica inovadora no ensino de História por meio do projeto “Objetos biográficos de memória: reconhecendo-se como agentes históricos a partir de aulas de prática de ensino de História”, e o professor Luciano Bedin da Costa, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com o projeto “Lá fora também pode ser aqui: saberes significativos entre escola e universidade”.

Os premiados foram as professoras Maria Renata Duran e Ana Heloisa Molina, da Universidade Estadual de Londrina, que apresentaram trabalho sobre tecnologia e inclusão de deficientes visuais no ensino de História a partir da Literatura, bem como o Prof. Amadeu Moura Bego, do Campus Araraquara da Universidade Estadual Paulista, que recebeu o prêmio pela implementação de unidades didáticas multiestratégicas na formação inicial de professores de Química.

PRÊMIO EM DINHEIRO – O Prêmio Professor Rubens Murillo Marques é o único no Brasil voltado para a valorização dos docentes de Licenciatura. Os vencedores serão premiados com R$ 20 mil, publicação na coleção Textos da FCC, divulgação e troféu, e serão homenageados em cerimônia a ser realizada na instituição no dia 18 de novembro, em São Paulo.

Especialista dá dicas para o eleitor em clima de 2º turno

ADV-2015-2016-ISABEL-MOTA (1)

No próximo domingo (30), os eleitores de Fortaleza e Caucaia  vão novamente às urnas e escolher seu prefeito. É importante estar atento às regras eleitorais. A advogada eleitoralista Isabel Mota alerta para cuidados e normas a serem seguidas.

“A primeira dica é checar o local de votação e levar documento de identificação com foto no momento de votar”, explica. Isabel lembra que o voto é sigiloso e que deve ser feito reservadamente, sem permissão de entrar acompanhado na cabine. “Salvo em casos de pessoas com deficiência que precisem de algum auxílio”.

Outra restrição é não usar celular ou máquina fotográfica no momento da votação. “São proibidos equipamentos de radiocomunicação em geral ou qualquer instrumento que venha a comprometer a inviolabilidade do voto”, frisa Isabel. Mas ela alerta que é permitido o eleitor levar o número de seu candidato para consulta no momento de votar.

Fazer propaganda de boca de urna e arregimentar eleitores no dia da eleição são crimes e podem levar a prisão. “De acordo com a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997 – http://migre.me/vm7C7), a punição pode ser de seis meses a um ano de detenção, com possibilidade de ser estabelecida pena de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período, além de multa no valor de 5 mil a 15 mil ufir”, destaca Isabel.

“O uso de alto-falantes e amplificadores de som ou a promoção de comício ou carreata, e a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos também são vedados. As punições também valem para o eleitor que for flagrado praticando tais delitos”, diz.

Além disso, até o fim do horário de votação, às 17 horas, é vedado ato que se configure como manifestação coletiva, com ou sem uso de veículos, assim como aglomeração de eleitores usando vestuário padronizado. “Mas manifestações individuais, desde que silenciosas, são permitidas, como uso de bandeiras, broches e adesivos”, destaca a advogada.

“Uma novidade que faz referência direta às eleições em Fortaleza é que, em decisão tomada esta semana, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE) decidiu autorizar o livre uso de vestimentas que expressem a decisão de voto do eleitor, sem que o mesmo sofra qualquer constrangimento por isso. Incluindo aquelas com imagens do Capitão América, que viraram polêmica no primeiro turno das eleições locais”, lembra a advogada.

Outra permissão para a data é a divulgação de pesquisa eleitoral de intenção de voto feita antes do pleito. E as de boca de urna poderão ser divulgadas a partir das 17 horas do domingo (Resolução n° 23.453/2015 do TSE – http://migre.me/vm7Hi).

A última dica da advogada eleitoralista é para os que vão precisar justificar o voto. “Para o eleitor que não puder votar no dia, um formulário de justificativa é disponibilizado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) no próprio site do órgão (http://migre.me/vm7ze) ou em pontos de distribuição (http://migre.me/vm7AU), cujo endereço também pode ser consultado no site. O formulário deve ser entregue no domingo em qualquer local de votação em que eleitor esteja. É importante lembrar que quem vai justificar também precisa portar número do título de eleitor e documento de identificação com foto”, afirma.

Isabel Mota

*Advogada cearense, especialista em Direito Eleitoral. Sócia-proprietária da Mota Advogados Associados, atua prioritariamente nas áreas do Direito Eleitoral, Administrativo e Municipal. Uma das fundadoras e conselheira fiscal da Academia Brasileira de Direito Eleitoral de Político (Abradep); participou da criação e é membro da Instituição Brasileira de Direito Público (Ibdpub).