Blog do Eliomar

Categorias para Ceará

Cinco Varas da Comarca de Fortaleza sob investigação

693 1

Cinco varas da Comarca de Fortaleza vão ser inspecionadas pela Corregedoria Geral de Justiça em maio e junho, a partir do próximo dia 8. Serão auditadas para apurar eventuais desvios de conduta dos juízes titulares e do serviço judiciário oferecido, a partir do que determina a Lei Orgânica da Magistratura Nacional.

“São várias representações, denúncias… Principalmente excesso de prazo (em julgar processos). Há casos de estranheza em algumas decisões. Essas (varas) são as que mais tiveram reclamação”, explica o corregedor-geral, desembargador Francisco Darival Beserra Primo, justificando o critério para sequência inicial da inspeção na Capital. Três juízes corregedores auxiliares farão a fiscalização em cada vara.

As portarias foram assinadas na tarde de segunda-feira, 17, e disponibilizadas no Diário da Justiça Eletrônico (DJE). Na decisão, assinada pelo corregedor, são citados os juízes Cid Peixoto do Amaral Neto (3ª Cível), Onildo Antônio Pereira da Silva (4ª Cível), José Edmilson de Oliveira (5ª Cível), José Barreto de Carvalho Filho (23ª Cível) e a juíza Adayde Monteiro Pimentel (24ª Cível).

O POVO foi informado, por telefone, que os juízes Cid Peixoto Neto e José Barreto Filho retornam de férias na próxima semana. “Não é contra o magistrado, é inspeção na Vara”, argumentou Davi Loiola, diretor da 3ª Cível. Uma servidora da 4ª Vara Cível disse que o juiz Onildo Pereira estava em audiência e prometeu retornar, o que não aconteceu. Os telefones da 5ª e 24ª Cíveis não foram atendidos. As ligações foram feitas entre 15h30min e 17 horas.

Darival descreve que, entre condutas indevidas a magistrados mais comuns na Capital – não apenas para as cinco varas a serem fiscalizadas -, “há juízes por aqui que, com a informática, inventaram de despachar de casa, porque têm acesso ao sistema. Não vão ao fórum”. Admite que, em Fortaleza, é necessária uma atuação “mais consistente” da Corregedoria. Fala com a experiência de ter sido corregedor auxiliar em outras duas gestões no TJCE (1989-1990 e 1999-2000), agora no cargo de corregedor-geral desde o início de 2017.

“Juiz TQQ”

O mesmo trabalho de investigação da Corregedoria foi feito no Interior durante o mês de março. As regionais percorridas foram Sobral, Limoeiro do Norte, Crateús, Juazeiro do Norte e Quixadá. Darival diz que por lá foi constatada a figura do “juiz TQQ ou Terquin”. É como ele conta que já são chamados os magistrados que, mesmo designados como titulares, só frequentam a comarca às terças, quartas e quintas-feiras. “Porque vivem aqui em Fortaleza. E eles recebem auxílio-moradia para morar lá”. O Estado paga ao juiz aproximadamente R$ 4.200,00 pelo benefício, além do salário.
O corregedor-geral listou que a lentidão de processos no Interior pode ser justificada por pelo menos quatro situações: comarcas que ficaram sem juízes por muito tempo, magistrados respondendo por várias comarcas ao mesmo tempo, comarcas ainda vagas e a ausência conivente dos “juízes TQQ”.

No mesmo DJE que anunciou a fiscalização nas varas da Capital também foi confirmada inspeção extraordinária nas comarcas de Sobral e Viçosa. São relativas a três processos administrativos já em andamento, “visando apurar possível favorecimento” a partir de decisões dos magistrado. As atividades de fiscalização nestas duas comarcas ocorrem hoje e amanhã.

(O POVO – Repórter Cláudio Ribeiro)

Eunício Oliveira articula senadores do NE para pedir redução da taxa de juros do FNE

O presidente do Congresso, senador Eunício Oliveira (PMDB), vai agendar reunião dos senadores nordestinos com a equipe econômica do governo federal. O objetivo é tratar sobre a redução da taxa dos juros praticados com os fundos constitucionais como o FNE, do Banco do Nordeste. Eunício esteve reunido com o presidente da República, Michel Temer, nessa terça, expondo a situação. Recebeu total apoio para resolver o impasse.

Segundo Eunício, no caso do FNE, são cerca de R$ 28 bilhões que não estão sendo demandados em razão da alta taxa de juros.

“Para dar um exemplo, só o BNB tem hoje cerca de R$ 28 bilhões estocado no FNE sem nenhuma demanda. Não por falta de investidores, ou por falta de pessoas que queiram demandar. Não existe demanda porque nenhum projeto de desenvolvimento de médio e longo prazo vai resistir a uma taxa de juros absurda que hoje é cobrada pelos fundos constitucionais”, argumentou.

Eunício lamentou que, atualmente, as taxas de juros praticadas pelos financiamentos concedidos através dos fundos constitucionais estejam até mesmo mais altas do que os índices praticados pelo mercado. “Nós não podemos conviver com taxa de juros de fundos constitucionais, que tem um papel de fomentar o desenvolvimento, muitas vezes, superior ao nível de empréstimo de mercado. Assim não haverá investimento para reduzir as desigualdades regionais”, reclamou.

Fundos

Os Fundos Constitucionais de Financiamento do Nordeste (FNE), do Centro-Oeste (FCO) e do Norte (FNO), foram criados o objetivo de contribuir para o desenvolvimento econômico e social das Regiões Nordeste, Centro-Oeste e Norte, por meio das instituições financeiras federais de caráter regional, mediante a execução de programas de financiamento aos setores produtivos.

Atualmente, os recursos dos Fundos Constitucionais de Financiamento são os principais instrumentos de financiamento da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR).

“Campo de Concentração” em plena seca cearense vai ser preservado

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quarta-feira (19):

Uma boa iniciativa adotou o Ministério Público do Ceará (MPCE). Firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a Prefeitura de Senador Pompeu para promover o tombamento de diversos pontos históricos do município, entre eles o Campo de Concentração do Patu.

De acordo com o promotor de justiça do Juizado Especial de Senador Pompeu, Geraldo Nunes, um inquérito civil público e um relatório técnico foram realizados pelo MPCE e concluíram: o tombamento do Campo de Concentração é uma medida para a defesa e preservação da memória cearense, por apresentar “inegável valor histórico-cultural”.

Um relatório do Iphan atesta que a área foi utilizada para instalação de um campo de concentração, em 1932, retendo cerca de 20 mil retirantes que viriam para Fortaleza na tentativa de fugir da seca.

Executiva do PT confirma vitória de Acrísio Sena

Em reunião que terminou na noite desta terça-feira (18), a Executiva Estadual do PT ratificou a vitória do vereador Acrísio Sena sobre Deodato Ramalho por três votos: 1509 a 1506.

O novo presidente do PT de Fortaleza, que terá mandato de dois anos, já avisou que sua linha será a de buscar a unidade para reconstruir o Partido na capital.

Durante a Executiva foram apresentados seis recursos, “nós tratamos com reconhecimento de que não havia elemento para fazer impugnação de urna e nem tampouco de todo o processo”, explica o presidente do PT Ceará, De Assis Diniz.

“Temos uma pauta dura a enfrentar. No plano nacional, por exemplo, a luta contra as reformas do governo golpista de Temer. No ano que vem, a reeleição de Camilo Santana e de Lula, com um palanque forte e plural. Aqui em Fortaleza, vamos chamar todas as correntes para tentar uma linha de atuação que seja a mais próxima possível de um consenso. O partido precisa, nesta conjuntura difícil, de união e capacidade de diálogo com os mais diversos setores sociais, principalmente na sua base”, ressaltou.

O presidente Estadual será definido durante o Congresso Estadual do PT que acontece nos dias 6 e 7 de maio, em Fortaleza.

(PT do Ceará)

Programa da Bienal – Escritora vai conversar com moradores de rua da Praça do Ferreira

A programação da Bienal Fora da Bienal, que integra as atividades da XII Bienal Internacional do Livro do Ceará, prosseguirá nesta quarta-feira. A escritora, bailarina e contadora de histórias Kiusam de Oliveira, de Santo André (SP), estará às 19h30min, na Praça do Ferreira, para dialogar com os moradores de rua do Centro de Fortaleza.

Professora universitária no Espírito Santo, doutora em Educação, mestre em Psicologia e especialista em temas étnico-raciais, Kiusam de Oliveira tem quatro livros lançados, com destaque para o tema direitos humanos, para o movimento negro e para o combate ao preconceito. A autora é também contadora de histórias e professora de danças afro-brasileiras.

O diálogo com os muitos moradores de rua na Praça do Ferreira promete ser um momento marcante para todos, como vem acontecendo nas diversas ações da Bienal Fora da Bienal, que já incluíram presença do ator e escritor Gero Camilo na Unidade Prisional Irmã Imelda, em Aquiraz; do escritor Valter Hugo Mãe na comunidade dos índios Anacé, em Caucaia, e dos escritores Tino Freitas e Benita Prieto no Instituto Tony Italo, em Itaitinga.

Banco Mundial prepara técnicos do TCM para auditar financiamentos à Prefeitura de Fortaleza

O Banco Mundial (BIRD) está capacitando, nesta semana, técnicos do Tribunal de Contas dos Municípios sobre gerenciamento financeiro. A atividade visa capacitar equipe do TCM para auditar programa ambiental financiado pela instituição financeira para a Prefeitura de Fortaleza. O curso ocorre em Florianópolis (SC), informa o site do tribunal.

A operação de crédito, no valor de 146,6 milhões de dólares, é destinada a um conjunto de ações para sistematização de licenciamento, saneamento urbano, infraestrutura física e ambiental da orla, criação de áreas verdes, dentre outras. O programa será executado no decorrer de 6 anos, a partir de 2017, por meio da Secretaria Municipal do Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma).

O TCM será responsável pela auditoria financeira do projeto durante seu período de execução, enviando relatórios de trabalho para o Banco Mundial . Enquanto isso, a instituição financeira oferecerá apoio à realização das atividades do Tribunal por meio de treinamento de auditores, contratação de consultores para estudos, dentre demais ações.

O presidente do TCM, Domingos Filho, avalia que “o trabalho articulado entre o Banco Mundial e o TCM é mais um exemplo de como os tribunais de contas podem atuar no controle dos recursos utilizados pelos entes públicos, em prol da sua adequada aplicação. A partir do momento em que o Banco passa a contar com um órgão oficial de controle externo, ele certamente dispõe de pessoal técnico especificamente qualificado e experiente para atuar no campo da auditoria governamental, que tem suas particularidades em relação ao setor privado”.

Preço do feijão cai em quase todas as Capitais do Nordeste

Grande vilão do orçamento doméstico no ano passado, o feijão apresentou a variação negativa mais relevante na Região Nordeste, entre os 13 itens que compõem a cesta básica. Em março, o preço do grão caiu e está mais barato em quase todas as capitais nordestinas, à exceção de Aracaju (+1,5%) e Salvador (+0,2%). A maior redução ocorreu em Maceió (-35%). .

Na Região, a queda acumulada nos últimos nove meses já é de 56%, número que contrasta com o aumento de 154,9% no período de dezembro de 2015 a julho de 2016.

As informações estão no Boletim Diário Econômico, publicação do Escritório técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), órgão vinculado ao Banco do Nordeste. O documento, que analisa dados do Dieese, foi divulgado nesta terça-feira pela assessoria de imprensa do BNB.

Cesta Básica

Nos primeiros três meses do ano, o Nordeste mantém o maior crescimento no custo da cesta básica. A variação acumulada no ano (+3,9%) e nos últimos 12 meses também é maior na Região do que nas outras partes do país.

Fortaleza tem a cesta mais cara da região. Na capital cearense, o consumidor deve dispor de R$ 408,83 para adquirir os 13 itens. O montante é 10,1% maior do que o valor da cesta regional (R$ 371,34) e supera em 16,2% a cesta mais barata do Nordeste, verificada em Aracaju (R$ 351,81).

As maiores altas foram registradas em Teresina (+3,9%), Natal (+3,5%), Recife (+3,5%), São Luis (+2,8%) e João Pessoa (+2,6%). A única retração ocorrida na Região foi em Maceió (-0,5%).

Segundo a pesquisa, o ritmo continua desfavorável às famílias mais pobres, que sentem mais o peso dos alimentos no orçamento doméstico. Os autores também ressaltam que o problema é ainda mais evidente no Nordeste, pois a Região apresenta os maiores índices de pobreza do país

Caravana do Ceará participará da Conferência do Rotary no Maranhão

O Ceará vai marcar presença, no período de 20 a 22 deste mês, em São Luis (MA), da 66ª. Conferência do Distrito 4490 do Rotary. Esse distrito abrange os estados do Ceará, Piauí e Maranhão. O encontro, denominado de “Conferência da Harmonia”, deverá reunir cerca de mil rotarianos, com toda a programação a ser realizada no Hotel Pestana.

Sob o comando do atual governador do Distrito 4490, o empresário maranhense David Lima Gomes, o evento contará com várias palestras sobre temas variados, tendo como destaque a presença do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). Ele proferirá palestra sobre o tema “Oportunidades de Investimentos no Estado”.

DETALHE -A festa de encerramento da conferência rotariana contará com o leilão de uma obra original do pintor Di Cavalcante.

Artur Bruno vai autografar dois livros na XII Bienal do Ceará

O prefeito Roberto Cláudio e Artur Bruno.

O secretário estadual do Meio Ambiente, Artur Bruno, estará na XII Bienal Internacional do Livro do Ceará, nesta quinta. Ele vai autografar duas obras.

Às 18h40min, na Casa Vida e Arte, “Fortaleza, uma breve história”, da Fundação Demócrito Rocha, escrito em parceria com o historiador Airton de Farias.

Às 19h30min, no estande 73, da Câmara Cearense do Livro, é a vez de “Atualidades do Brasil e do Mundo”, editado pelo Armazém da Cultura, em parceria com o historiador Manoel Sousa e o jornalista Daniel Sampaio.

(Foto – Divulgação)

Escola Superior dos Magistrados promove debate sobre Meio Ambiente

Alessander Sales deve abordar o Parque do Cocó.

A Escola da Magistratura do Ceará (Es,ec) promoverá, nesta quinta-feira, a partir das 14 horas, em seu auditório, uma mesa redonda sobre o tema “Meio Ambiente”.

Foram convidados para o encontro Alessander Sales (Procurador da República, mestre em Direito Público), Sheila Cavalcante Pitombeira (Procuradora de Justiça, doutora em Desenvolvimento e Meio Ambiente) e Bleine Queiroz Caúla (Professora da Unifor, doutoranda em Direito Constitucional). O juiz Jorge Di Ciero Miranda, mestre em Direito pela Unifor e Samford (EUA), será o mediador.

O evento é gratuito e se destina a magistrados, promotores de justiça, advogados, defensores públicos, servidores da Justiça, integrantes das equipes multiprofissionais a serviço do Poder Judiciário e estudantes de Direito.

SERVIÇO

*Mais informações: (85) 3218.6188 e esmec@tjce.jus.br.

Chacina de Messejana – Oito PMs vão a júri popular

O Colegiado da 1ª Vara do Júri de Fortaleza determinou, nesta terça-feira (18), que oito policiais militares deverão ser levados a júri popular pelo caso conhecido como Chacina da Messejana. Os réus em questão pertencem ao primeiro processo sobre o crime (os outros dois processos estão em fase de alegações finais por parte das defesas de cada acusado). A informação é da assessoria de imprensa do TJCE.

Os réus pronunciados na decisão (ou seja, que deverão ir a júri popular) são: Antônio Flauber de Melo Brasil, Clênio Silva da Costa, Antônio Carlos Matos Marçal, Francisco Hélder de Sousa Filho, Igor Bethoven Sousa de Oliveira, José Oliveira do Nascimento, José Wagner Silva de Sousa e Maria Bárbara Moreira.

Eles serão julgados pelos crimes de homicídio por omissão imprópria (em relação a 11 vítimas fatais) e tentativa de homicídio por omissão imprópria (em relação às três vítimas sobreviventes). De acordo com o Código Penal, a omissão imprópria ocorre quando um agente que tem por lei a obrigação de cuidado, proteção ou vigilância deixa de agir para evitar o crime.

Conforme a sentença de pronúncia, há indícios de que, entre a noite de 11 de novembro e a madrugada de 12 de novembro de 2015, os oito réus estavam em viaturas próximas ao local onde ocorreram as execuções e tinham conhecimento do que estava se passando, mas se omitiram dolosamente no auxílio às vítimas.

Além dos crimes de homicídio, eles deverão responder também por omissão em relação à tortura física e psicológica praticada contra três vítimas, e por autoria no crime de tortura psicológica contra uma vítima, que teria sido mantida sob o poder dos policiais, em uma das viaturas, sob grave ameaça, para que prestasse informação sobre o paradeiro de terceiros.

O Colegiado decidiu também revogar a prisão preventiva dos acusados. Esta havia sido decretada por motivo de garantia da ordem pública e para evitar que os réus criassem obstáculos à instrução processual, medida que, nessa fase do andamento da ação, não se faz mais necessária. Os magistrados consideraram também que os réus são primários, de bons antecedentes, com residência fixa e exercício de atividade laboral lícita.

Os réus não poderão exercer atividade policial externa, restringindo-se ao trabalho administrativo. Além disso, deverão cumprir outras medidas cautelares, sob pena de terem a prisão novamente decretada. São elas: proibição de exercerem atividade policial externa, restringindo-se ao trabalho administrativo; não se ausentar de Fortaleza, por prazo superior a oito dias, sem prévia informação à Justiça; comunicarem eventual mudança de endereço; e não manterem contato com as vítimas sobreviventes e com as testemunhas do processo, seja pessoalmente, por intermédio de outras pessoas ou por qualquer meio de comunicação.

A Chacina se refere a assassinatos ocorridos em novembro de 2015, no bairro Messejana, em Fortaleza. Ao todo, 11 pessoas foram mortas e sete, vítimas de crimes distintos. A denúncia foi oferecida pelo MPCE contra 45 policiais militares. Logo que o edital de formação do Colegiado foi publicado, nos termos previstos em legislação própria, a denúncia foi recebida em relação a 44 deles e, em seguida, foi decretada a prisão preventiva dos envolvidos.

Os depoimentos de todas as testemunhas e interrogatórios de todos os réus ocorreram entre outubro de 2016 e março de 2017. Nos últimos dias 13 e 17 de abril, o MPCE apresentou as alegações finais relativas ao terceiro e segundo processo sobre o caso, respectivamente. Após a defesa de cada um desses réus também apresentar suas alegações, é que o Colegiado decidirá se eles deverão ir ou não a júri popular.

 

Prefeitura tapa buraco denunciado por leitor do Blog, mas se esquece das tralhas velhas….

A Prefeitura de Fortaleza tapou o buraco que se abriu na avenida Engenheiro Leal Lima Verde, no bairro Seis Bocas.

Foi denunciado por um leitor do Blog e chamava a atenção dos motoristas porque móveis velhos – cadeira e armário, serviam como sinalização de alerta.

Tudo bem que o buraco foi tapado, mas a turma precisa deixar, no canteiro, essas tralhas?

PDT fará encontro regional no Maciço de Baturité

O PDT cearense vai realizar, na próxima sexta-feira, a partir das 9 horas, em Guaramiranga, mais um encontro regional. Dessa vez, com prefeitos, vereadores e lideranças do Maciço de Baturité, informa o presidente estadual da legenda, o deputado federal André Figueiredo.

Será o segundo encontro organizado pela presidência da sigla – o primeiro ocorreu em Sobral (Zona Norte).

O ex-governador Cid Gomes, o presidente da Assembléia Legislativa, Zezinho Albuquerque, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e a prefeita de Guaramiranga, Roberlândia Ferreira, estarão à frente do encontro, que ocupará espaços no Ginásio Zélia de Matos Brito (Centro).

(Foto – Agência Câmara)

Governo prorroga edital de conclusão do Acquario do Ceará

Saiu no Diário Oficial do Estado, do dia 11 de abril, um aviso de revalidação e prorrogação da propostas para execução de obras de conclusão da estrutura em concreto armado, proteção anticorrosiva de estacas armadas e praça das águas do Acquario do Ceará.

O preço desse trabalho está orçado em R$ 38.717.742,58. O prazo iria se vencer nesta quarta-feira e foi prorrogado para 18 de julho próximo.

Na prática, o governo, via Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), faz uma nova licitação para concluir o Acquário. O projeto já consumiu R$ 136 milhões de um orçamento de R$ 271 milhões.

“O governador Camilo Santana (PT) havia dito que não gastaria mais nada nesse projeto? – indagou, nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa, o, deputado Leonardo Araújo (PMDB). O parlamentar, ainda em sua fala, pediu a agilidade na instalação da CPI do Acquario.

Fac-símile do Diário Oficial

Outro lado

O líder do Governo na Assembleia Legislativa, explicou, na sessão plenária desta terça-feira (18), que o Governo do Ceará não está destinando novos recursos para as obras do Acquário Ceará. De acordo com o parlamentar, o Estado não realizou nova licitação, mas prorrogou e revalidou certame datado de agosto de 2015.

Segundo Evandro Leitão, a licitação em questão tem o intuito de concluir as obras de engenharia civil – a chamada superestrutura – e realizar a manutenção do que foi feito até agora. “Isso vai garantir as condições para a concessão do equipamento para a iniciativa privada. A empresa que assumir vai concluir o empreendimento instalando o aquário em si. Ou seja, os tanques, toda tecnologia e a vida marinha”, afirmou.

Evandro disse ainda que o governo não pode abandonar o canteiro de obras e deixar o que foi feito até agora se deteriorar. “Trata-se aqui de preservação do erário. Com esse zelo, estamos confiantes que a concessão desse equipamento será bem-sucedida e teremos uma empresa que poderá assumir as obras e concluir o aquário”.

PR fará primeiro encontro do ano para discutir Eleições 2018

Sob comando do seu presidente estadual, o ex-governador Lúcio Alcântara, o Partido da República promoverá nesta quinta-feira, a partir das 19 horas, no Hotel Luzeiros, o primeiro encontro do ano dos seus diretórios Estadual e de Fortaleza.

O objetivo é começar a discutir as próximas eleições e começar a formação de chapas aos cargos proporcionais. No encontro, a participação dos deputados estaduais e federais e um debate sobre chapa majoritária.

O nome do deputado estadual Capitão Wagner, que preside o partido na Capital, é o preferido do PR para disputar o governo do Ceará. Mas o PR quer também manter a coligação política com legendas da oposição ao Palácio da Abolição como o PMDB, PSDB e Solidariedade, além de outras legendas como o PMB e PSD

Cearense terá redução de 0,33% na conta de luz

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou, nesta terça-feira, 18, em Brasília, o percentual de reajuste da conta de luz que a Enel Distribuição Ceará (ex-Coelce) cobrará dos cearenses neste ano. Para os consumidores residenciais (baixa tensão), haverá redução de 0,33% e para as indústrias (alta tensão), um aumento de 1,44%. Os novos percentuais valerá a partir de sábado, 22,, num reajuste médio é de 0,15%.

A Enel tem mais de 3,4 milhões de unidades consumidoras em todos os 184 municípios do Estado. A média do reajuste das tarifas de baixa tensão, que inclui além dos consumidores residenciais, também os da área rural, será de -0,39%. O que mais impactou para variação negativa do reajuste este ano foi a redução de 1,06% dos encargos setoriais e a retirada de 6,31% em componentes financeiros que foram cobrados nos últimos 12 meses.

No período, os custos de transmissão subiram 3,23% e a compra de energia 0,11%. Em 2016, o aumento médio estipulado pela agência foi de 12,97%, sendo de 13,64% para clientes residenciais e de 11,51% para os consumidores de alta tensão.

Ceará Sporting tem estande montado na XII Bienal

O Ceará Sporting Club está com estande na XII Bienal Internacional do Livro do Ceará, que acontece no Centro de Eventos. Às 19h30min desta terça-feira, os jogadores Ricardinho, meia, e João Marcos, volante, estarão recepcionando a torcida.

Esta é a primeira vez que a Bienal do Livro, que acontecerá até domingo, conta com o estande de um clube de futebol. A ordem é resgatar a história do Vovô e mostrar aos torcedores a importância da cultura futebolística.

Algumas das obras disponíveis:

Livro do Centenário, da Fundação Demócrito Rocha
Assim Se Construiu o Campeão – Volume I (1914 a 1978), de Pedro Mapurunga
Futebol Cearense: A História, de Alberto Damasceno
Futebol e Ditadura: A História de Nando, O Primeiro Jogador Anistiado do Brasil, do Centro Cultura Ceará Sporting Club
Exemplares das Revistas 1914

SERVIÇO

*Centro de Eventos do Ceará – Avenida Washington Soares, 999 – Edson Queiroz). Entrada gratuita.

Comunidade do Caça e Pesca promove exposição fotográfica

264 1

A Comunidade Luiz do Cajueiro, localizada no bairro Caça e Pesca, promove no próximo sábado, a exposição fotográfica “Basquetada”, que mostra uma forma de pesca artesanal na qual se utilizam galão, tarrafa, jereré. Durante e após a pesca, acontece o cozimento coletivo de peixes e frutos do mar, em uma celebração tradicional entre pescadores e familiares. A comunidade Luiz do Cajueiro está localizada na divisa entre o Caça e Pesca e Sabiaguaba, nas margens do Rio Cocó.

As fotos da exposição foram feitas durante uma oficina fotográfica que ocorreu nos meses de janeiro, fevereiro e março deste ano e foi ministrada pelos fotógrafos Henrique Dídimo e Jaqueline Lima, que reside na comunidade. A oficina recebeu o apoio do Edital 2016 do Instituto Bela Vista em parceria com a Secultfor. A exposição conta com 40 fotos (cor e preto e branco) e mostra crianças e jovens participando da “basquetada” e fotografando.

DETALHE – A exposição, que é aberta ao público, acontece durante a tradicional Festa de Ogum, que também ocorre na comunidade na mesma data.

(Foto – Divulgação)

Camilo terá encontro com presidente da Petrobras

O governador Camilo Santana (PT) está cumprindo agenda, nesta terça-feira, no Rio de Janeiro. Tem reunião com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), acertando a data de inauguração da unidade dessa Instituição no Ceará.

Também será recebido, às 16 horas, pelo presidente da Petrobras, Pedro Parente, com quem tratará sobre ativos que a estatal colocou à venda no Ceará.

Deve entrar a cobrança do ressarcimento pela refinaria que acabou na saudade? Eis a dúvida.

DETALHE – O governador vai estar ao vivo no Facebook, à 13 horas, paraum bate-papo com o eleitorado.