Blog do Eliomar

Categorias para Chuvas

Brisa terrestre foi responsável pelas últimas chuvas em Fortaleza, diz Funceme

A brisa terrestre, um sistema indutor que age nos períodos da noite da manhã, movendo-se da terra para o mar foi a responsávl pelqs chuvas registradas, nesta manhã de segunda-feira, nos litorais de Fortaleza e de Sao Gonçalo do Amarante, mais precisamente no Pecém. A informação é da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), que prevê agora céu mais claro ao longo do dia em todas as macrorregiões.

No balanço parcial da Funceme referente ao período entre as 7 horas de domingo (6) e as 7 horas de hoje, há indicação de registros de chuva em, pelo menos, seis municípios. Foram eles: Beberibe (4 mm), Itapiúna (3,2 mm), Maranguape (2,2 mm), Horizonte (1,8 mm), Itaitinga (1,2 mm) e Redenção (1 mm). Os dados são preliminares e podem ser acompanhados por meio do endereço www.funceme.br/calendario ou pelo app ‘Calendário de Chuvas’.

Para esta terça e quarta-feira, não há tendência de novas precipitações, sendo previsão de nebulosidade variável em todo o estado. Mesmo assim, a Funceme informa que realizará nova análise das condições de tempo na tarde desta segunda e indicará, caso seja necessário, atualizações.

(Foto – Arquivo)

Fortalezense é surpreendido com chuva nesta segunda-feira

152 1

O forte calor que castiga Fortaleza nas últimas semanas poderá dar uma trégua nesta segunda-feira (2), quando a cidade amanheceu debaixo de chuva.

Mesmo assim, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) prevê uma temperatura de 32°C para o período da tarde.

A chuva desta manhã deveria chegar somente nesta terça-feira (3), segundo ainda a previsão da Funceme, mas somente na madrugada e início da manhã.

(Foto – Leitor do Blog)

Ceará não registra sequer uma gota de chuva neste sábado

Nenhum dos 184 municípios cearenses registrou sequer uma gota de chuva neste sábado (17), segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Neste fim de semana, o sol deverá castigar Fortaleza com um céu de poucas nuvens e temperatura máxima de 32°C. Na madrugada, a temperatura será de 23°C.

Na segunda-feira (19), de acordo ainda com a Funceme, a máxima deverá cair para 31°C, diante do céu parcialmente nublado.

Fortaleza registra chuva na madrugada desta sexta-feira

Fortaleza amanheceu esta sexta-feira (2) com chuva em vários bairros da cidade. Apesar do período atípico para as chuvas, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) prevê precipitações isoladas no Sertão Central, na Região Jaguaribana, além da faixa litorânea do Estado.

São as chuvas de pós-estação, que este ano já apresentam índices maiores que o ano passado, mas abaixo da média histórica.

De acordo ainda com a Funceme, Fortaleza terá um dia de sol, com máxima de 32°C no período da tarde.

A Funceme alerta que chuvas registradas em junho e julho deste ano também não colaboraram para aporte significativo dos açudes, pois, além de pouco intensas, ficaram mais restritas ao norte do Estado. Dos 155 reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), 76 estão com volume abaixo dos 30%.

(Foto: Arquivo)

Fortaleza é surpreendida por forte chuva com vento na noite desta segunda-feira

Uma chuva atípica para a época do ano surpreendeu o fortalezense na volta para casa, na noite desta segunda-feira (22). Além de forte, a chuva também chegou acompanhada de rajadas de ventos de 29 km/h.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), há possibilidade de chuva nesta terça-feira (23), mas sem previsão de trégua no calor de 32°C.

Na quarta-feira (24), de acordo ainda com a Funceme, a temperatura deve aumentar 1°C na máxima de 33°C.

(Foto: Arquivo)

Funceme abre seleção para bolsistas

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) abriu seleção para Bolsistas de Transferência Tecnológica (BTT) que vão atuar no Programa de Pesquisas em Ciências Ambientais, incluindo Meteorologia e seus Impactos nos Setores de Recursos Hídricos, Agricultura e Energias. A informação é da assessoria de imprensa do órgão, adiantando que são ofertadas 20 vagas.

Podem participar do processo seletivo estudantes, pesquisadores e profissionais com proficiência técnica e/ou científica das áreas de Oceanografia, Agronomia, Geografia, Engenharia, Meteorologia, Ciências Atmosféricas, Ciências Ambientais e afins.

Os aprovados irão participar do projeto intitulado “Preparação aos Extremos Hidrológicos Visando Aumentar a Resiliência”, que é voltado para as seguintes áreas temáticas: Tempo, Clima e Impactos: Passado, Presente e Futuro; Água e Meio Ambiente.

SERVIÇO

*As inscrições, que serão realizadas exclusivamente online por meio do endereço www.funceme.br/editais, ficarão abertas a partir das 8h desta terça (16) até as 17h do dia 23 de julho. A seleção compreenderá de duas etapas: provas e títulos.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza registra chuva neste começo de manhã de quinta-feira

Fortaleza registra chuva com ventos neste começo de manhã de quinta-feira.

Pegou muita gente de surpresa, mas a Funceme havia divulgado a seguinte previsão: nebulosidade variável, com possibilidade de chuva na região Jaguaribana e nos litorais de Fortaleza e do Pecém. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado.

Motoristas devem dirigir com cautela em razão da pista molhada. Não há registro de alagamentos.

Em Quixeramobim, houve chuva de 34 milímetros e em Solonópole, 11 milímetros.

Fortaleza registra chuva neste começo de manhã de segunda-feira

287 1

Fortaleza amanhece chuvosa nesta segunda-feira, o que exige dos motoristas muita cautela no trânsito. Não há registro de maiores problemas na cidade por conta da chuva, que voltou a deixar muitos surpresos com o fenômeno. É que o inverno chegou ao fim em maio, mas as precipitações continuam sendo registradas no Litoral principalmente.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), essas chuvas são provocadas pelo Distúrbio Ondulatório Leste (DOL), um sistema indutor de chuvas que atua no Estado na pós-estação.

Com o DOL, áreas de instabilidade de ventos avançam para o continente vindas do oceano Atlântico. O sistema geralmente acontece entre junho e agosto e atinge principalmente a Costa Leste do Nordeste. A Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que é uma das responsáveis pelas chuvas durante a quadra (fevereiro a maio), tende a se afastar do Ceará neste período.

(Foto – Leitor do Blog)

Profetas da chuva ganham data de comemoração no Ceará

O Dia Estadual dos Profetas da Chuva, a ser comemorado sempre no segundo sábado de janeiro, acaba de ser instituído.

O governador Camilo Santana (PT) sancionou a lei e ainda incluiu a data no Calendário Oficial de Eventos do Estado.

Aliás, neste ano, tanto a Funceme como a grande maioria dos profetas que compareceram a tradicional encontro sobre perspectivas de inverno em Quixadá, acertaram nas previsões.

(Foto – Revista Cagece)

Chuvas de junho são as maiores do período desde 2015

Junho de 2019 surpreendeu os cearenses com a quantidade de chuvas aparentemente atípica para o mês pós-estação. Até esta sexta-feira, 21, choveu 34,8 milímetros no Ceará. O volume representa 92,8% do esperado historicamente para o período e é a maior chuva registrada nos últimos quatro anos, só não superada pela quantidade registrada em 2015 (36,6 mm). Os dados são da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos.

Com o fim da quadra chuvosa, que durou de fevereiro a maio, a tendência é de diminuição da quantidade de precipitações. O sistema indutor de chuvas que estava presente no começo do mês, o Distúrbio Ondulatório de Leste (DOL), já se dissipou, de acordo com a fundação. Não há outro sistema que possa trazer chuvas ao Estado atuando no momento.

Segundo a resenha diária publicada pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), até o dia 20, na quarta-feira, 21 dos açudes monitorados ainda sangravam no Estado, enquanto 41 estão com volume acima de 90% da capacidade total. Na mesma época de 2018, apenas sete reservatórios estavam com o volume total preenchido.

Para esta sexta-feira, a previsão da Funceme é de nebulosidade variável sem expectativa de chuvas em todas as regiões do Estado, assim como nos últimos dois dias. De quinta-feira, 20, até a manhã de hoje, apenas Tauá, na macrorregião do Sertão Central e Inhamuns, registrou chuvas de 7 mm.

(O POVO Online/Foto – Fábio Lima)

VAMOS NÓS – Esta bela foto fala por si só. Destaca a sensibilidade de uma lente das mais premiadas. Vale por uma matéria.

Fortaleza já registra chuva de 92 milímetros nesta sexta-feira

Fortaleza amanhece com chuva de 92 milímetros já acumulada, segundo boletim divulgado, neste começo de manha de sexta-feira, pela Funceme. Ainda há registrou de chuvas em São Gonçalo Do Amarante, 26 mm, Quitéria, 25 mm, e em Branca, 25 milímetros.

Neste dia de mobilização pró-geral geral contra a proposta de reforma da Previdência Social do governo Bolsonaro, os ônibus estão circulando e a cidade prossegue com atividades normais até agora. A chuva é que provoca problemas em vários bairros, com os mesmos alagamentos pontuando e atropelos como o túnel da avenida Borges de Melo sem acesso, pois virou lagoa.

 

Na avenida José Bastos, um semáforo parou e provoca enorme engarrafamento na área.

As centrais sindicais, movimentos sociais e partidos de esquerda marcaram concentração para a Praça da Faculdade de Direito da UFC, a partir das 10 horas. Prometem caminhada com destino ao Campus do Benfica, reforçando a luta contra corte de verbas na educação.

(Vídeo – Paulo MOska e WhatsApp)

Chuva com trovões surpreende Fortaleza nesta noite

470 1

Uma chuva com trovões surpreendeu a noite do fortalezense, nesta quinta-feira (13), no terceiro dia seguido de precipitações atípicas para o período. A chuva aliviou o forte calor que castiga a capital cearense, que hoje apresentou máxima de 33°C.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a chuva deverá voltar a cair durante esta sexta-feira (14), com mínima de 24°C e máxima de 32°C.

O calor deverá castigar forte a cidade, no sábado (15), com máxima de 34°C.

(Foto: Arquivo)

Fortaleza registra chuvas nesta manhã de quinta-feira

179 3

Fortaleza registrou uma madrugada de poucas chuvas que, neste começo de manhã de quinta-feira, se intensificaram, deixando o trânsito a exigir maior cautela por parte dos motoristas. Há alguns alagamentos ainda resistindo e previsão de que mais chuva virá ao longo do período.

A Fuceme prevê, para o Interior, eventos de chuva no Centro-Norte do Estado.

Essas precipitações que ocorrem entre terça e está quarta-feira, de acordo com a Funceme, estão associadas à atuação de um Distúrbio Ondulatório de Leste (DOL), que é um sistema indutor de chuvas que costuma formar-se neste período de Pós-Estação. As áreas de instabilidade geradas avançaram do oceano Atlântico em direção ao continente.

(Foito – Leitor do Blog)

Fortaleza registra chuva desde o começo dessa noite de terça-feira

396 2

Chove em Fortaleza desde as 20 horas dessa terça-feira. Há vários pontos de alagamentos, o que exige cuidados e cautela da parte de quem circula pela cidade. Em avenidas como Rogaciano Leite e Murilo Borges e pontos do Centro da Capital os mesmos alagamentos voltam a se registrar.

O túnel da avenida Borges de Melo está alagado. Motoristas devem ter cautela no trânsito.

Um enorme buraco abriu nas obras de drenagem na Avenida da Abolição, esquina com a rua Tibúrcio Cavalcante, o que acabou pegando de surpresa alguns motoristas.

Eis a Avenida José Bastos, nesta madrugada de terça-feira: com vários pontos de alagamento. A Defesa Civil está em alerta na periferia. Na área do viaduto do Makro, em obras, há registro de alagamento.

No Interior, segundo a Funceme, a previsão é de tempo nublado, com eventos de chuva no centro-norte. No sul, nebulosidade variável.

(Foto e Vídeo – Paulo MOska)

Caucaia registra chuva de 36 milímetros, em um domingo de sol em todo o Ceará

Uma chuva atípica para o restante do Ceará, neste domingo (9), caiu sobre a localidade de Sítio Novos, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

O volume de 36 milímetros não “respingou” em nenhum outro município do Estado, que ainda apresentou chuva em Maracanaú (4 mm), Chaval (4 mm), Granja (2.2 mm) e Camocim (1 mm).

Em Fortaleza, a semana promete ser de forte calor, com 34°C na terça-feira (11), de acordo ainda com dados da Funceme. nesta segunda-feira (10), há possibilidade de chuva.

(Foto: Arquivo)

Balanço da quadra chuvosa cearense sai na quarta-feira

O balanço da quadra chuvosa cearense (fevereiro a maio) será divulgado nesta quarta-feira, às 9 horas, durante coletiva marcada para o auditório da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

No ato, estarão os secretários Francisco Teixeira (Recursos Hídricos) e De Assis Diniz (Desenvolvimento Agrário), o presidente da Funceme, Eduardo Sávio, e o presidente da Cagece, Neuri Freitas.

O período foi considerado bom para pequenos açudes, bom também para a safra, embora com perdas para culturas como o milho, e ruim para o abastecimento da Grande Fortaleza, pois Castanhão (5,5%) e Orós (9,2%) não recuperam nada.

Neuri, da Cagece, confirmará a continuidade da cobrança da taxa de contingência, e anunciará novidades sobre projetos de dessalinizadores.

(Foto – Arquivo)

Junho começa sem chuva no Ceará

Somente cinco dos 184 municípios do Ceará registram chuva neste sábado (1º), segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

O município de Granja, no Noroeste do Estado, a 300 quilômetros de Fortaleza, registrou nas últimas 24 horas, de acordo ainda com a Funceme, uma precipitação de 20.2 milímetros, seguido de São Gonçalo do Amarante (15.6 mm), Camocim (7 mm), Bela Cruz (6 mm) e Beberibe (1.2 mm).

Em Fortaleza, o tempo deverá permanecer com nebulosidade até a tarde deste domingo (2), com mínima de 23°C e máxima de 32°C.

(Foto: Arquivo)

Situação da barragem do rio Cocó será debatida na Assembleia Legislativa

A Assembleia Legislativa, por meio da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania, em conjunto com a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, Mulher, Juventude, Idoso da Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), vai debater, nesta segunda-feira, a partir das 14 horas, em audiência pública, a situação da barragem do rio Cocó e impactos socioambientais das enchentes às famílias residentes nas comunidades do São Cristóvão e do Conjunto Palmeiras, em Fortaleza. A informação é da assessoria de imprensa do Poder Legislativo.

A audiência pública atende a uma solicitação do presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania, Renato Roseno (Psol) e vereadora Larissa Gaspar (sem partido), e ocorrerá no auditório do Complexo de Comissões Técnicas da Casa.

De acordo com Roseno, entre os dias 23 e 24 de fevereiro, houve a maior chuva do ano em Fortaleza, registrando 120,3 milímetros. “Os impactos das famílias residentes nas imediações da barragem do rio Cocó, inaugurada em 2017, foram devastadores, obrigando os moradores a salvar o que fosse possível: de móveis a animais de estimação”, detalha.

Já no dia 10 de março, os moradores do Conjunto Palmeiras II novamente viveram momentos de tensão. As chuvas ocorridas nos dias anteriores fizeram o nível da água da barragem subir e adentrar em casas localizadas em regiões próximas. Uma visita técnica envolvendo vários órgãos foi realizada na região no dia 12 de março.

Convidados

Foram convidados representantes da Prefeitura de Fortaleza, da Companhia dos Recursos Hídricos do Estado do Ceará (COGERH), OAB/CE, Núcleo de Habitação de Moradia (Nuham) da Defensoria Pública Geral do Estado do Ceará (DPG/CE), Defensoria Pública, Defesa Civil do Estado do Ceará, Defesa Civil do Município de Fortaleza, Secretaria das Cidades do Estado do Ceará (Scidades), Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), entre outras entidades.

Fortaleza amanhece chuvosa

341 1

Fortaleza registra chuvas nesta manhã de quinta-feira, o que exige principalmente dos motoristas muita cautela no trânsito. Pista molhada, pouca visibilidade, alguns alagamentos e buracos estão no trajeto de tantos que já seguem para o trabalho.

A Funceme prevê, ao longo deste dia, nebulosidade variável com eventos de chuva no Litoral, no Maciço de Baturité e na Região Jaguaribana. Nas demais regiões, há possibilidade de chuva.

No Interior, há registro de chuvas em oito cidades até agora. Entre elas, Paracuru, com 36 milímetros; Aquiraz, 35 milímetros;  Bela Cruz, 30 milímetros; e São Gonçalo do Amarante, registrando 23 milímetros. Na Capital cearense, a Funceme registrou 26 milímetros até agora.