Blog do Eliomar

Categorias para Cidadania

Vem aí o II Seminário Internacional Mais Infância Ceará

Onélia Leite, a primeira-dama doEstado, à frente do encontro.

Tudo pronto para o II Seminário Internacional Mais Infância Ceará: A Garantia dos Direitos das Crianças na Construção de um Futuro Sustentável, evento alusivo aos 30 anos da Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança. A iniciativa, do governo do Estado, que ocorrerá, a partir das 8 horas de terça e quarta-feira próximas, no Centro de Eventos, tem o objetivo de comunicar e sensibilizar gestores da esfera nacional, estadual e municipal, profissionais e entidades que realizam trabalhos em prol da infância.

O evento reunirá um grupo de excelência, do Brasil e de diversas partes do mundo, que apresentarão as experiências individuais na área dos direitos da criança. Na Conferência Magna, o advogado Pedro Affonso Hartung, professor de Harvard e coordenador do Programa Prioridade Absoluta do Instituto Alana, de São Paulo, vai debater sobre “A Garantia dos Direitos das Crianças na Construção de um Futuro Sustentável”.

“Esse vai ser o segundo seminário internacional para mobilizar os gestores, os nossos profissionais e as entidades com o intuito de priorizar a primeira infância e ainda focar nos mais vulneráveis, só assim teremos uma sociedade menos desigual”, ressalta a primeira-dama do Ceará, Onélia Leite.

Programação

SERVIÇO

*As inscrições estão disponíveis para o público-alvo do evento aqui.

*Horário: A partir de 8 horas

*Centro de Eventos do Ceará (Salão Pecém) – Avenida Washington Soares, 999 – Edson Queiroz.

(Foto – Paulo MOska)

Editorial do O POVO – “Índios do Ceará: dívida histórica”

Com o título “Índios do Ceará: dívida histórica”, eis o Editorial do O POVO desta sexta-feira:

A demarcação de terras, a segurança das lideranças indígenas ameaçadas, o fortalecimento dos postos de saúde e das escolas indígenas, a inclusão em projetos públicos de produção, a preservação da memória cultural, dentre outras pautas, foram reivindicações apresentadas por representantes dos 15 povos indígenas do Ceará à Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira, perante a Comissão de Direitos Humanos. A audiência pública ouviu relatos impressionantes sobre as angústias que pairam sobre esses povos autóctones numa das conjunturas mais difíceis para eles, e no momento em que se ergueu uma verdadeira muralha contra suas pretensões, pelo governo federal, segundo denunciam.

A questão preliminar, em termos de urgência, é a garantia da vida dos líderes indígenas, cada vez mais ameaçados e cercados por um clima hostil. Está sendo reivindicada a criação de um sistema de proteção ao governo estadual. No clima de proliferação de ódio e de armas no País é uma exigência mais do que prudente. Em seguida, a demanda central: obter do governo estadual um gesto de boa vontade no sentido de dar um passo a mais no suporte às ações de viabilização do processo de demarcação das terras indígenas no Estado. É claro que a obrigação principal é do governo federal. Entretanto…

*Leia a íntegra do Editorial do O POVO aqui.

Câmara Municipal fará sessão pelo Dia da Educação

A Câmara Municipal de Fortaleza realizará, às 19 hora desta sexta-feira, uma sessão solene em homenagem ao Dia da Educação. A iniciativa é do vereador Sargento Reginauro (Sem Partido). Segundo o vereador, a data festiva é o 28 de abril, mas nunca é tarde para “incentivar e conscientizar a população sobre a importância da educação, seja escolar, social ou familiar”.

Durante a sessão, haverá homenagens a profissionais do ensino que contribuíram em sua formação enquanto professor. São eles: Antônio Ricardo Catunda de Oliveira, José Maria Bandeira Barbosa, Francisco Cláudio Cunha Gomes, Maria do Socorro Cardoso Bringel Olinda, Francisco Vicente de Paula Júnior, Maria Aldeisa Gadelha e Luís Pacífico de França.

“É mais que necessário homenagear aqueles que fazem a diferença, que tem contribuído para realmente apontar caminhos, para serem uma referência de dignidade, de crescimento, de autoestima e de valorização desse trabalho”, explica Reginauro.

DETALHE – Além de sargento do Corpo de Bombeiros, o parlamentar também é mestre em educação pela Universidade Federal do Ceará (UFC).

(Foto – CMFor)

Governo atrasa repasses para entidades terapêuticas da área dos drogaditos

O governo estadual deve repasses para entidades que atuam no campo terapêutico e de recuperação de drogaditos.

“Desde novembro, não sabemos o que é repasse”, queixa-se o pastor Armando Bispo, da Casa Grão de Trigo, garantindo que essa escasssez de liberações nada tem a ver com algum tipo de atraso na prestação de contas.

(Foto – Arquivo)

Delegados reforçam campanha pró-reestruturação salarial de escrivães e inspetores

O Sindicato dos Policiais Civis do Ceará (Sinpol) conta com o apoio de delegados cearenses na campanha que promove com 0 objetivo de conquistar a reestruturação salarial dos escrivães e inspetores. Vários desses profissionais estão gravando vídeos e apelando pelo benefício. Os vídeos, segundo a assessoria de imprensa do sindicato, estão sendo divulgados nas redes sociais e no portal do Sinpol.

O primeiro delegado a aderir à campanha foi Everardo Lima da Silva, ex-delegado-geral e atual titular da Delegacia Metropolitana do Eusébio (RMF).

Os valores defendidos pelo sindicato foram aprovados em Assembleia Geral da categoria realizada no último dia 1º de maio e já foram encaminhados ao governo ador Camilo Santana (PT).

“Acreditamos que um número considerável de delegados vai apoiar a campanha, pois já temos vários vídeos editados. A maioria quer uma instituição forte por inteiro e isso só vai ocorrer na medida que todos os cargos forem valorizados”, explica a vice-presidente do Sinpol-CE, Ana Paula Cavalcante.

(Foto – Arquivo)

Sesi e Sabão Juá desenvolvem projeto de parceria no Cariri

Empresas interessadas em investir em responsabilidade social podem desenvolver parcerias com o Sesi Ceará para garantir a formatação e execução de seus projetos. Na Região do Cariri, um exemplo disso é o projeto Ser Cidadão, iniciativa da empresa Sabão Juá executada pelo SESI, que acaba de chegar ao décimo mês, já com frutos a comemorar, informa a assessoria de imprensa da entidade.

A partir do desejo da empresa de investir em educação como ferramenta de desenvolvimento humano e cidadão, 45 adolescentes, com idades entre 12 e 14 anos, foram selecionados para participar do projeto. Eles estudam na Escola Municipal Professora Maria de Lourdes Lopes de Sousa, situada na comunidade da Vila 3 Marias, que possui um contexto social, econômico e cultural frágil. A seleção foi feita com base em indicadores como desempenho escolar pouco satisfatório e realidade familiar vulnerável.

Desde agosto, por conta do projeto, os alunos passaram a frequentar a escola também aos sábados. Nesse dia extra, eles têm acesso a conteúdos diferenciados, como informática, empreendedorismo, reforço de matemática, de português e de inglês e acompanhamento psicossocial.

“É notório que o comportamento, as posturas e percepções desses adolescentes estão sendo ressignificados a partir das vivências e aprendizados proporcionados pelo Projeto Ser Cidadão. A empresa está conseguindo atingir seus objetivos”, disse a diretora de educação do Sesi Juazeiro do Norte, Sônia Soares.

SERVIÇO

*Empresas interessadas em formatar projetos de responsabilidade social na área de educação podem entrar em contato com a Central de Relacionamento do Sistema Fiec – (85)4009.6300.

Vereador propõe unidades móveis de vacinação

O vereador Julierme Sena (PROS) apresentou uma proposta que visa a implantação de postos móveis de vacinação em Fortaleza. A ideia, justifica ele, é incluir no calendário de vacinação municipal unidades móveis durante os finais de semana em praças públicas, por exemplo.

O projeto de indicação 132/2019 está na Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa. Se receber parecer favorável, será votado em plenários pelos demais vereadores.

Esse tipo de iniciativa, conforme o vereador, iria colaborar, de forma direta, com o cumprimento das metas de imunização da clientela.

“Queremos aproximar as campanhas de vacinação das pessoas, ampliando e facilitando o acesso. Quanto mais pessoas forem vacinadas, menos pacientes estarão nas filas de hospitais e postos de saúde”, acentua Julierme.

(Foto – CMFor)

Fortaleza ganhará um Hospital da Criança

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) anunciou, nesta manha de quarta-feira, a construção do Hospital da Criança de Fortaleza. Foi durante entrevista ao jornalista Nonato Albuquerque, na Tribuna Band News.

Ele adiantou que vai assinar a ordem de serviço do equipamento na próxima terça-feira (28). O investimento é da ordem de R$ 15 milhões.

Segundo o prefeito, o Hospital da Criança vai permitir o aumento de 30 para 104 o número de leitos infantis na rede municipal. A capacidade instalada de internamento terá um incremento de 383%, saindo de 150 para 725 internações/mês, reestruturando e ampliando a rede de atenção secundária no serviço pediátrico de Fortaleza

Buraqueira

Ele prometeu também que, vai ampliar o número de equipes para atuação nos trabalhos de recuperação de ruas e avenidas de Fortaleza.

“Logo que as chuvas derem uma trégua, nós vamos colocar 18 equipes nas ruas para garantir mais celeridade no trabalho de recuperação das vias que foram muito castigadas pelas chuvas. Normalmente, a gente mobilizaria 12 equipes, mas como estamos tendo uma estação chuvosa acima do normal, com muitos estragos na malha viária, vamos aumentar o número de equipes para antecipar a conclusão desses reparos”, afirmou o prefeito.

Roberto Cláudio também anunciou investimento da ordem de R$ 550 milhões em obras de infraestrutura em áreas como o Conjunto Esperança, Planalto Vitória, Mondubim, Barroso e João Paulo II.

Outro anúncio feito prefeito foi a convocação de aprovados em concurso para servidores na saúde mental, IJF e Guarda Municipal. Além disso, informou a convocação de 140 médicos para o Programa Médico da Família Fortaleza.

(Foto – Aurélio Alves)

Senado deve votar projeto para regulamentar cuidadores profissionais

Nesta semana, os senadores devem votar em plenário o projeto de lei que regulamenta a profissão de cuidador. O PLC 11/2016 é um dos destaques da pauta de votações do Senado Federal e seguirá para sanção da Presidência da República se for aprovado sem alterações.

De autoria do deputado federal Felipe Bornier (Pros-RJ), estipula que será reconhecida em todo o território nacional a profissão de cuidador, com os seguintes tipos: cuidador de pessoa idosa, cuidador infantil, cuidador de pessoa com deficiência e cuidador dNeste pessoa com doença rara.

Ainda de acordo com o projeto, esses profissionais deverão ter o ensino fundamental completo e curso de qualificação na área, além de idade mínima de 18 anos, bons antecedentes criminais e atestados de aptidão física e mental. A atuação do cuidador poderá se dar em residências, comunidades ou instituições.

O projeto estipula ainda que a atividade de cuidador poderá ser temporária ou permanente, individual ou coletiva, visando a autonomia e independência da pessoa atendida, zelando pelo bem-estar, saúde, alimentação, higiene pessoal, educação, cultura, recreação e lazer da pessoa assistida.

(Com Agências/Foto – Ilustrativa)

Câmara Municipal lança “Selo Amigo da Criança e do Adolescente no Combate à Exploração Sexual”

Nesta segunda-feira, às 17 horas, no Centro Cultural Belchior (Praia de Iracema), a Câmara Municipal lançará o  “Selo Amigo da Criança e do Adolescente no Combate à Exploração Sexual”. O objetivo, segundo o presidente da Casa, Angtonio Henrique (PDT), é estabelecer uma parceria entre a sociedade civil e o Poder Público no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes em Fortaleza.

O selo marcará o comprometimento de empresas e entidades no enfrentamento e repúdio a esse tipo de crime incentivando denúncias e inibindo ações ilícitas no interior de estabelecimentos comerciais. “A iniciativa é uma contribuição do Legislativo Municipal para reduzir os altos números de violência e exploração sexual de crianças e adolescentes no contexto nacional”, diz o presidente da Casa.

Cooperação

Na ocasião do lançamento do Selo, também será celebrado um Termo de Cooperação entre a Câmara Municipal de Fortaleza e a Fundação da Criança e da Família Cidadã (FUNCI) para a sensibilização de todos as pessoas que atuam no segmento de bares e restaurantes, hotéis e pousadas, postos de gasolina, táxis entre outros a respeito da temática.

A concessão do selo será apenas para as empresas que cumprirem o compromisso de não permitir nenhum tipo de exploração, seja sexual, seja profissional. As pessoas que aderirem ao Selo, deverão denunciar pelo disque denúncia discando o número 100, sempre que presenciarem ou suspeitarem de exploração sexual de crianças e adolescentes. Após aderir o Selo, também poderão fazer uso da marca em suas peças publicitárias.

Denúncias

Os dados divulgados neste mês pelo Ministério dos Direitos Humanos, apontam que em 2018 o Disque 100 recebeu 76.216 denúncias envolvendo crianças e adolescentes, sendo 17.093 dos registros referentes à violência sexual. Ainda de acordo com Sistema de Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, o Ceará é o 16º Estado a receber esse tipo de denúncia.

As denúncias feitas pelo disque 100 são uma forma de enfrentamento ao problema. Mas, ainda há desconhecimento e receio da população sobre esse tipo de ação.

Rede Aquarela

Em Fortaleza, o programa Rede Aquarela, vinculado à Fundação da Criança e da Família Cidadã (FUNCI), trabalha preventivamente e no acompanhamento de crianças vítimas de violência e exploração sexual. No ano passado, foram realizados 2.159 atendimentos de crianças e adolescentes de 0 a 18 anos e suas famílias. Dependendo do caso, a vítima recebe atendimento psicológico, de saúde e também social.

Além da Rede, os 8 Conselhos Tutelares da cidade atuam no atendimento e acompanhamento das denúncias. Na estatística de 2017, o Conselho Tutelar atendeu 598 casos do gênero e, em 2018, este número aumentou para 982.

Resolução

Aprovada na Câmara Municipal de Fortaleza, a Resolução nº 1659/2019 de autoria do presidente do poder legislativo municipal vereador Antônio Henrique (PDT), dispõe sobre a criação do Selo Amigo da Criança e do Adolescente como forma de certificação oficial das pessoas jurídicas que atuam no repúdio à exploração sexual comercial da Criança e do Adolescente na Capital. A instituição do selo visa fortalecer ainda mais o trabalho de apoio e conscientização sobre a importância de se denunciar a exploração sexual de crianças e adolescentes.

SERVIÇO

*A Câmara Municipal de Fortaleza vai disponibilizar uma lista em seu site e em portais parceiros, onde serão informadas as pessoas jurídicas que aderirem ao Selo, certificando-as como empresas ‘amigas’ das crianças e dos adolescentes.

*Para denunciar qualquer tipo de violação dos direitos de crianças e adolescentes é só ligar para o DISQUE 100, que funciona 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem gratuita, de telefone fixo ou celular.

Dr. Jaziel propõe disciplinas de cidadania, solidariedade e participação política nas escolas

111 1

O deputado federal Dr. Jaziel (PR-CE) protocolou projeto de lei que estabelece as disciplinas de cidadania, solidariedade e participação política nas escolas. Segundo o parlamentar, a ideia é o resgate de valores morais na juventude brasileira.

“O artigo 205 da nossa Constituição Federal fala que a educação visa ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho, assim como a Lei de Diretrizes de Base fala do exercício da cidadania como finalidade da educação. Com esse projeto daremos importantes passos rumo a uma sociedade melhor”, disse Dr Jaziel, nesta sexta-feira (17), durante entrevista ao programa Jornal da Clube, na Rádio Clube, AM 1200, com apresentação dos jornalistas André Capiberibe e Renato Abreu, com participação do jornalista Barros Alves.

“O Brasil precisa ser mudado e é desenvolvendo a consciência patriótica de nossa juventude que avançaremos em direção dessa tão desejada mudança”, completou o deptado.

O programa Jornal da Clube vai ao ar de segunda-feira a sexta-feira, das 18 às 19 horas.

(Foto: Divulgação)

Um brado contra o abuso e a exploração de crianças e adolescentes

Com o título “18 de Maio – Dia de Luta Contra o Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, eis artigo de Wesley Sacramento, diretor da Associação Comunitária dos Bairros Ellery e Monte Castelo. Confira:

No dia 18 de maio de 1973, Araceli Cabrera, de 8 anos, foi sequestrada, violentada e assassinada no Espírito Santo. Os assassinos eram jovens de classe média alta e não foram punidos. A data desse crime foi instituída pela Lei Federal nº 9.970/2000 como Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A desigualdade social é uma das portas para a exploração sexual, pois muitas crianças e adolescentes, em situação de vulnerabilidade, acabam sendo aliciadas por uma rede formada por diversas pessoas. Muitas vezes, por questão de sobrevivência, elas acabam envolvidas. Já os casos de abuso, em grande parte, ocorrem dentro da própria casa e por pessoas próximas à/da família.

É preciso insistir na reflexão, nas campanhas de conscientização e em ações que possam resguardar e proteger o público infantil, pois não temos como construir uma sociedade saudável enquanto crimes bárbaros como esses continuam se registrando e dilacerando tantas vidas.

Os tempos são difíceis, com tantas reduções de políticas públicas e cortes orçamentários em termos federal. Muitas medidas tomadas, de forma equivocada, comprometem a continuidade de ações que merecem atenção.

Enfim, vivemos um momento de muita resistência, sendo necessário fortalecer as ações que já existem em diversas comunidades e que promovem oportunidade para esse público, principalmente, por meio da cultura e da educação. Mobilizar a sociedade em torno dessa luta é papel de todos nós porque, lamentavelmente, os casos ainda são crescentes e devem ser combatidos todos os dias. Só assim poderemos criar condições de vida, com qualidade e dignidade, para nossas crianças e adolescentes.

*Wescley Sacramento

Diretor da Associação Comunitária dos Bairros Ellery e Monte Castelo.

(Imagem – CNM Reprodução)

Encontro vai debater Contaminação da Água por Agrotóxico em Fortaleza

A Comissão de Direito Ambiental da OAB do Ceará, com apoio da Escola Superior da Advocacia, promoverá nesta segunda-feira, a partir das 14 horas, na sede da ESA, o encontro “Nossa Água é Potável”.

O evento, puxado por João Alfredo, ex-deputado federal pelo PSOL e hoje professor universitário na área do Direito Ambiental, debaterá sobre contaminação de água por agrotóxicos em Fortaleza.

Representantes da Cagece, da área da saúde e pesquisador da Fiocruz vão participar do encontro.

Campanha quer incentivar a doação de leite materno

Uma campanha lançada, hoje (17), pelo Ministério da Saúde, busca ampliar em 15% as doações de leite materno no país. Com o slogan “Doe leite materno, alimente a vida”, a campanha envolve anúncios em veículos de imprensa neste mês de maio, para sensibilizar gestantes e lactantes para a importância da doação.

O leite doado é estocado em uma rede de bancos de leite, e é usado principalmente para alimentar crianças que nascem prematuras ou com baixo peso e que não podem ser amamentados pelas próprias mães.

Segundo o Ministério da Saúde, qualquer quantidade de leite pode ajudar esses bebês. Um mililitro, por exemplo, pode ser suficiente para uma refeição, dependendo do peso da criança.

A quantidade de leite coletado por esses bancos, no entanto, supre apenas 55% da demanda real. A campanha busca conscientizar as mães a doarem não apenas em períodos de campanha, mas o ano todo.

“A gente tem uma correlação direta entre aleitamento materno e redução de mortalidade infantil. No caso dos prematuros, isso ainda é mais dramático. Nós temos muitas mães que, pela prematuridade, estão na UTI e há uma ruptura desse vínculo [entre mãe e filho]. Esse bebê tem, como arma principal de prevenção, o leite materno”, disse o ministro da Saúde, Henrique Mandetta.

Segundo ele, o Brasil é uma referência mundial na manipulação de leite materno, com uma série de países que adotam tecnologia brasileira de coleta, pasteurização e entrega do alimento.

A atriz Maria Paula, embaixadora da campanha, resolveu doar leite há dez anos, quando seu filho, Felipe, nasceu. Até hoje mantém vínculo com a menina que recebeu suas doações, e que ela carinhosamente chama de Juju.

“Com isso, a gente salva vidas. O amor é a maior forma de transformar esse país e esse mundo que a gente vive. Quando você doa leite humano, você está doando amor. A Juju é irmã de leite do meu filho. Ela recebeu o leite quando eu estava amamentando meu filho”, disse a atriz.

Segundo o coordenador da Rede Global de Bancos de Leite Humano da Fundação Oswaldo Cruz, João Aprígio de Almeida, além de conscientizar a população é preciso criar uma rede de suporte para as mulheres que queiram doar.

“É pedir demais uma mãe que está amamentando, com um filho pequeno, que ela se desloque [até um ponto de captação de leite]. É preciso criar estruturas sociais de amparo a essa mulher para poder viabilizar essa doação. Precisamos de investimento para fazer com que nosso sistema de coleta domiciliar seja ampliado”, disse João Aprígio.

(Agência Brasil)

Seminário debaterá a “nata” do lixo

Tudo pronto para o VI Seminário Política Nacional de Recursos Sólidos, que acontecerá nos dias 27 e 28 deste mês, no auditório da Câmara dos Dirigentes Lojistas, em Fortaleza.

A programação, que o uso de recursos, a valorização dos materiais e a tomada de consciência sobre todo o ciclo do lixo, oferecerá palestras com especialistas no tema e debates. Haverá abordagem desde a produção de combustíveis, a partir de resíduos, até o uso do lixo como alternativa de emprego.

O seminário é uma realização da Fundação de Cultura e Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão, Instituto Future e Agência Reguladora do Estado do Ceará (Arce).

SERVIÇO

*As inscrições são gratuitas e podem ser feitas em http://institutofuture.com.br/residuos2019

(Foto – Arquivo)

Câmara Municipal lembra o Dia Internacional de Doenças Raras

O vereador Michel Lins (Cidadania 23) ocupou a tribuna da Câmara Municipal para destacar o Dia Internacional de Conscientização sobre a MPS (Mucopolissacaridoses), doença rara e hereditária que, no mundo inteiro, atinge uma em cada 100 mil pessoas. Ele  ressaltou que, para marcar a data, familiares e associações de pacientes com MPS estão promovendo ações, ao longo desta semana, em diversas cidades do País, com objetivo de reforçar a importância do diagnóstico precoce e do tratamento adequado.

“A intenção é mostrar que, apesar de a enfermidade não ter cura, com o acompanhamento adequado, a melhoria da qualidade de vida de pacientes e de suas famílias é extremamente perceptível. Em pessoas com MPS, são frequentes algumas alterações no rosto, enrijecimento das articulações, dificuldades respiratórias e cardíacas, alterações no crescimento, deformações ósseas, aumento do fígado e baço e das mucosas em geral. Deficiência visual, auditiva e atraso no desenvolvimento também podem ocorrer”, disse o vereador.

O pronunciamento de Michel Lins foi acompanhado da galeria da Câmara Municipal pela presidente da Associação Cearense de Doenças Genéticas, Mônica Aderaldo, por Laura Leal e Vanessa Salmito, representantes da Associação Cearense de Distrofias Musculares, e por Valcirene de Lima, com seus filhos Claudiana, Claudiano e Carlos Henrique, que são postadores de MPS.

(Foto CMFor)

Começa a contagem regressiva para a desativação de todos os xadrezes das delegacias de Fortaleza

O 19º Distrito Policial ainda possui xadrez.

O Sindicato dos Policiais Civis do Ceará (Sinpol) entrou em contagem regressiva para a conclusão do processo de desativação de todos os xadrezes das delegacias distritais de Fortaleza. No momento, restam apenas três: 16º DP (Castelão), 19º DP (Conjunto Esperança) e o 27º DP (Bairro João XXIII).

Para a vice-presidente do Sindicato, Ana Paula Cavalcante, o momento é animador: “O processo está avançando. O Governo do Estado e Sinpol estão resolvendo essa pauta e outras também importantes, a partir do diálogo”. Depois de finalizar esse processo em Fortaleza, a meta será avançar para a Região Metropolitana.

Ana Paula destaca ainda que, com o governo, a entidade vem discutindo a elaboração do novo Estatuto da Polícia Civil.

Crisley Cavalcante – Jornalista

(Foto – Divulgação)

Turma da Mônica – Revista com personagem com distrofia de Duchenne será lançada em Fortaleza

91 1

Será lançada neste sábado, às 9 horas, no Parque do Cocó, a revista da Turma da Mônica que traz um novo personagem: Edu, um garoto portador da Distrofia Muscular de Duchenne (DMD), doença genética rara, caracterizada pela deterioração muscular progressiva, que ocorre em um a cada 5 mil meninos em todo o mundo.

Durante o evento, com direito a palestras sobre o tema, haverá shows artísticos e brincadeiras para a criançada e seus acompanhantes, numa promoção da Aliança Distrofia Brasil (ADB), em parceria com a Associação Brasileira de Atrofia Muscular Espinhal (ABRAME), Associação Cearense de Distrofias Musculares (ACDM) e Associação Cearense de Doenças Genéticas (ACDG)

O projeto, nascido de uma parceria entre as empresas Serepta Therapeutics e a Mauricio de Sousa Produções, foi lançado oficialmente no dia 24 de março, no Congresso Paulista de Pediatria. Terá três histórias publicadas ao longo de 2019 e um site com novas histórias do personagem, mostrando a preocupação da Turma da Mônica em retratar causas de cunho social, como, por exemplo, as dificuldades diárias vivenciadas por portadores da DMD e outras doenças raras.

Maio Amarelo anima a Praça do Ferreira

Sob o sol forte da manhã desta quinta-feira (16/5), várias pessoas se reuniram por uma causa na Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza: o mês de conscientização sobre a segurança no trânsito, o Maio Amarelo. Criado em homenagem ao mesmo mês em que a ONU publicou uma resolução de que o período entre 2011 e 2020 seria a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”, o movimento foi celebrado em um evento promovido pelo Ministério Público do Estado (MPCE) em parceria com o Tribunal de Contas do Estado (TCE-CE) e outras oito instituições.

A programação era aberta a quem quisesse parar um pouco a sua rotina e conferir os diferentes estandes que atendiam à população, oferecendo desde massagens até materiais e panfletos. Quando o sol deu uma leve trégua, uma banda formada por policiais militares do programa Prevenção e Arte tocou um repertório repleto de clássicos da música nordestina, abrindo com “Anunciação”, do pernambucano Alceu Valença, e passando por “Ai Que Saudade D’ocê”, de Geraldo Azevedo, chamando atenção e animando quem passava pelo local.

O TCE foi representado pela Comissão de Transportes, pelo Instituto Plácido Castelo, a Ouvidoria e pelo servidor da Gerência de Fiscalização de Convênios, Rubens Cézar Parente. Ele explicou como o compromisso com a segurança viária é inerente ao trabalho do Tribunal perante a sociedade: “a gente já percebeu, por meio de estudos estatísticos, que o trânsito tem um impacto imenso no custo público. Isso afeta a saúde, aumenta a violência e também a falta de respeito com o próximo”. “O Tribunal de Contas é uma instituição focada em observar a boa gestão pública e sabe da importância da boa educação no trânsito”, atesta.

A integração institucional foi um dos pontos fortes do evento, como ressaltou o superintendente do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), Igor Ponte: “a insegurança viária é um problema que deve ser abordado de forma coletiva, e essa união que vemos aqui hoje ajuda muito nesse trabalho, todos juntos para atingir um objetivo”, pontua. Ele cita uma das ações do TCE que colaborou com a redução de acidentes no interior do estado: “fica nosso agradecimento ao Tribunal de Contas pelo trabalho conjunto na fiscalização do transporte escolar nos municípios do Ceará, ação que tem ajudado a evitar acidentes com as crianças a caminho da escola”, recorda.

Além do MPCE e do TCE, também participaram da organização do evento a Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual (BPRE), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Detran-CE, Conselho Estadual de Trânsito (Cetran), Sindicato dos Centros de Formação de Condutores de Veículos do Estado do Ceará (Sindcfcs) e a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (AL-CE).

(Com site do TCE)

Servidor estadual pode ganhar um dia de licença para fazer exames preventivos contra o câncer

Servidor público estadual poderá ganhar um dia de licença, uma vez por ano, para realizar exame preventivo de câncer. Isso será possível se o governador Camilo Santana (PT) sancionar o projeto de indicação de autoria da deputada Aderlânia Noronha (SD). O projeto foi aprovado pela Assembleia Legislativa nesta quinta-feira.

Segundo o projeto, o beneficiário deverá apresentar o comprovante do exame realizado para que seja recolhido pelo órgão ou entidade pública e devidamente arquivado. A ação, segundo a parlamentar, objetiva proporcionar aos servidores a oportunidade de realizarem, sem preocupações quanto a perdas salariais, exames preventivos contra os tipos de câncer de elevada frequência e mortalidade no País.

“Queremos aumentar o diagnóstico precoce dessas patologias. A iniciativa possibilitará que as pessoas agendem, se organizem e façam os exames, sem perder um dia de trabalho”, destaca Aderlânia.

(Foto – Divulgação)