Blog do Eliomar

Categorias para Cinema

Fortaleza é sede da XII Mostra Cinema e Direitos Humanos

Fortaleza será sede da XII Mostra Cinema e Direitos Humanos, que vem circulando pelos Estados em comemoração à Declaração Universal dos Direitos Humanos, que completa 70 anos. A abertura ocorrerá nesta quinta-feira, a partir das 19h30min, no Centro Dragão do Mar, devendo se estender ali até 3 de dezembro.

A Mostra, no entanto, percorrerá outros espaços na Capital cearense como o Centro Cultural Bom Jardim, Vilas Das Artes, CUCAS (Barra, Mondubim e Jangurussu), Lar Torres de Melo e Instituto JCPM. Seguirá itinerante até o dia 13 de dezembro.

Os filmes abordam as diversas temáticas dos Direitos Humanos, como memória e verdade, questões de gênero, população negra, população indígena, população LGBT, imigrantes, direito das pessoas com deficiência, direito da criança, direito dos idosos, direito da mulher, direito à saúde, direito à educação, diversidade religiosa e meio ambiente.

Milton Gonçalves

Com mais de 70 filmes no cinema, o ator e diretor Milton Gonçalves será o homenageado dessa Mostra. Presente nas telas e palcos desde a década de 1950, ele participou da história da televisão, do teatro e do cinema brasileiros. A versatilidade dramática e o talento de MIlton Gonçalves venceram as barreiras que normalmente são impostas aos artistas negros no país.

Ele também é conhecido por sua atuação no cenário político e sua militância pelos Direitos Humanos e contra o racismo Ele está para completar 85 anos de vida.

DETALHE – Para permitir a acessibilidade, todas as sessões contam com closed caption, e em sessões selecionadas
haverá áudio descrição e Libras. Os espaços onde ocorrem as exibições também possuem estrutura acessível para receber os diferentes públicos, além de contar com a programação em Braille para consulta.

SERVIÇO

Cinema do Dragão – Sala 1

Data e horário: às 19h30min deste dia 29 de novembro de 2018

Filmes:

*Nós – 6 minutos – Imigrantes

O filme mostra a trajetória cíclica dos refugiados através dos tempos, uma reedição de
acontecimentos passados.

*Do Outro Lado – 14 minutos – População LGBT

Às vésperas de uma importante decisão, a juíza da Corte Suprema de Taiwan recebe
uma carta inesperada.

Gratuito.

(Foto – Divulgação)

Documentário feito por produtora cearense é selecionado para festival internacional

O documentário cearense “Che, memórias de um ano secreto”, dirigido pela cineasta cubana Margarita Hernandez, radicada em Fortaleza, foi selecionado para o XL Festival Internacional do Cinema Latino-Americano de Havana.

O festival ocorrerá de 6 a 16 de dezembro próximo.

Sinopse

Em dezembro de 1965, a Guerra Fria atinge o seu clímax e o comandante Ernesto Che Guevara desaparece misteriosamente do cenário público mundial. Sob um disfarce, com uma identidade falsa, ele ludibria a vigilância da CIA e se refugia em Praga, na República Checa.

Durante o período, é escoltado por três ex-agentes do Serviço de Inteligência Cubano que agora revelam detalhes inéditos da operação desenvolvida naquele ano.

(Foto – Divulgação)

Morre cineasta Bernardo Bertolucci

Morreu nesta segunda-feira (26), em Roma, aos 77 anos, Bernardo Bertolucci, um dos grandes mestres do cinema italiano. A informaçao é do jornal “Repubblica”. Recentemente, o diretor foi alvo de críticas após admitir ter filmado uma cena não consentida de sexo em “O último tango em Paris”.

No vídeo de 2013, republicado por uma ONG espanhola, Bertolucci conta que a atriz Maria Schneider, na época com 19 anos, não sabia o que aconteceria na cena em que Paul, personagem de Brando, usa manteiga como lubrificante na amante Jeannie. A sequência é uma das mais famosas e polêmicas da história do cinema, e intensificou a censura ao longa ao redor do mundo.

“A sequência da manteiga foi uma ideia que tive com Marlon na manhã anterior à filmagem”, lembrou o diretor. “Fui horrível com Maria, porque não lhe disse o que iria acontecer”. Segundo ele, a intenção era que Schneider reagisse “como uma menina, não como uma atriz”.

(Com Portal G1/Foto – Tiziana Fabi/AFP)

Dia da Consciência Negra será lembrado no Cineteatro São Luiz

Para marcar o Dia da Consciência Negra, nesta terça-feira, o III Festival Audiovisual Luso Afro Brasileiro (Festfilmes) chegará ao Cineteatro São Luiz, com exibição de filmes a partir das 9 horas e seguindo até 21 horas, além de oferecer m seminário sobre programação de cinema em salas públicas, a partir das 10 horas, também com acesso gratuito.

A própria identidade do festival ressalta, segundo a organização, o compromisso com a temática luso afro brasileira e com a produção de cinema da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que levou a cidades do Ceará essa produção, habitualmente distante das grandes salas de cinema e da maioria das opções de exibidores em TV por assinatura ou serviços de “streaming”.

Entre os filmes que serão exibidos nesta terça-feira, 20/11, relacionados diretamente com o Dia da Consciência Negra, está “Disque Quilombola”, que o público pode conferir nas sessões de 9 horas e das 14h30min, horários da Mostra Animada do festival. O filme de David Reeks retrata “crianças do Espírito Santo que conversam de um jeito divertido sobre como é a vida em uma comunidade quilombola e em um morro na cidade de Vitória. Por meio de uma genuína brincadeira infantil, o velho ‘telefone sem fio’ os dois grupos falam de suas raízes e desvelam o quanto a infância tem mais semelhanças do que diferenças”.

A Mostra Animada celebra a parceria entre o Festfilmes e o Cineteatro São Luiz, que já levou mais de 85 mil estudantes ao cinema, ao longo dois anos e três meses, através desse equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará. Todos os filmes são disponibilizados pelo festival sem nenhum custo para o Estado.

Programação

Outro filme de destaque da mostra (também com exibição nas sessões de 9h e de 14h30min) é “Cabeça Papelão”, de Quiá Rodrigues, que adaptação do atualíssimo conto “O Homem da Cabeça de Papelão”, do clássico autor João do Rio, pseudônimo de Paulo Emílio Cristóvão Barreto, célebre escritor e jornalista negro do início do século XX, autor de “A Alma Encantadora das Ruas”.

O Dia da Consciência Negra no Festfilmes no Cineteatro São Luiz também conta com o filme português “O Refugiado”, de Rui Cardoso, presente na MOSTRA CPLP, às 16h, e cuja sinopse assinala: “Para fugir às atrocidades da guerra, um jovem africano dá início a uma atribulada odisseia.” Outro destaque dessa programação temática para o 20/11 é o filme “Tejo Mar”, de Bernard Lessa, também presente na Mostra CPLP, que começa às 16h. A produção trata de “João, um jovem de Guiné-Bissau que está terminando sua temporada de estudos no Rio de Janeiro. É sua última semana na cidade. Um amor torna mais intensa a sua despedida.”

Fechando o dia de exibições, mais um filme relacionado ao Dia da Consciência Negra: o “Exodus – De Onde eu Vim Não Existe Mais”, de Hank Levine, que acompanha as jornadas de seis refugiados – incluindo africanos – numa instigante abordagem sobre um dos temas mais dramáticos e urgentes do mundo contemporâneo: a crise dos refugiados. Cada vez mais pessoas deixam seus lares para fugir de motivos diversos como guerras e epidemias, buscando um porto seguro para recomeçar suas vidas.

SERVIÇO

*Mais Informações – (85) 98652-3336.

(Foto – Divulgação)

Filme “Bate Coração”, da cearense Estação da Luz, estreará no primeiro semestre de 2019

O filme “Bate Coração”, comédia romântica da produtora cearense Estação Luz Filmes, será lançado no primeiro semestre de 2019. A informação é de Gláuber Filho, diretor, que está em São Paulo acertando com a Down Town a distribuição da película.

No elenco, Aramis Trindade, Andé Bankoff e Heloísa Jorge.

No filme, Sandro (André Bankoff) é um homem conquistador e preconceituoso, acostumado a uma vida de luxo. Quando sofre um ataque cardíaco, precisa urgentemente de um coração novo, e recebe o transplante da travesti Isadora (Aramis Trindade), recém-falecida devido a um acidente. Enquanto se recupera e tenta conquistar a médica que realizou a cirurgia, Sandro precisa repensar o seu preconceito.

(Foto – Paulo MOska)

Festfilmes exibe produções em cidade natal de Luiz Severiano Ribeiro

139 1

Cineastas, produtores, diretores e atores prestigiaram neste fim de semana a exibição de filmes brasileiros e portugueses, no auditório da Unilab, em Baturité, na Região Norte do Ceará, a 100 quilômetros de Fortaleza. Baturité é a cidade natal de Luiz Severiano Ribeiro (1886-1974), o Rei do Cinema.

“Baturité possui uma ligação histórica com o cinema do Ceará e do Brasil, por se tratar da cidade natal do Luiz Severiano Ribeiro”, comentou Duarte Dias, cineasta e diretor do Festival do Audiovisual Luso Afro Brasileiro (Festfilmes), além de curador do Cineteatro São Luiz, de Fortaleza, e coordenador de política audiovisual da Secretaria da Cultura do Estado.

O Festfilmes também está fechando uma parceria com o IFCE Baturité, para a criação de um cineclube que contará com parte do acervo do festival para exibição permanente. “Assim como aconteceu no Cariri, em que teremos o Festfilmes de modo permanente através de um programa de televisão, em Baturité teremos essa exibição dos filmes de forma constante, através desse cineclube”, complementa Duarte Dias.

(Foto: Divulgação)

Festfilmes encerra etapa no Cariri e segue esta semana para Redenção

O filme Padre Cícero encerrou nesse sábado (3) a etapa no Cariri do III Festival do Audiovisual Luso Afro Brasileiro – Festfilmes, que na semana apresentou, com entrada franca, 92 produções de 24 estados brasileiros, além de Portugal e Moçambique. Cerca de 1,5 mil pessoas prestigiaram a programação com 22 sessões.

A partir da quinta-feira (8), o Festfilmes seguirá para Redenção, depois para Baturité e Fortaleza.

(Foto: Divulgação)

III FestFilmes homenageará cineasta Halder Gomes

O cineasta Halder Gomes ganhará homenagem nesta terça-feira, às 19 horas, no ato de abertura do III FestFilmes, o festival do audiovisual afro-brasileiro. Será às 19 horas, no auditório do Cariri Garden Shopping, em Juazeiro do Norte, dando direito a exibição do filme Cine Holliúdy.

Halder receberá a Comenda Francis Vale, em reconhecimento à contribuição de suas trajetórias para o cinema cearense e brasileiro. A entrega da comenda será feita por Leny Rose e Bel Vale, respectivamente viúva e filha de Francis Vale, cineasta, compositor e produtor cultural cearense, falecido em dezembro de 2017.

Será apenas a primeira noite do festival que se estenderá até 21 de novembro em Juazeiro do Norte, Redenção, Baturité e Fortaleza, com 92 filmes de todas as regiões do Brasil, além de produções de Portugal e Moçambique. O evento tem ainda seminários, cursos e palestras. Tudo com entrada franca.

Festival Curta Canoa inscreve até 15 de outubro

O Festival Latino-Americano de Cinema de Canoa Quebrada (Aracati – Litoral Leste), mais conhecido como Curta Canoa, está com inscrições abertas até o dia 15 de outubro. O evento ocorrerá  entre os dias 19 e 24 de novembro, na Praia de Canoa Quebrada. Para participar, é necessário ser uma produção de realizadores brasileiros e latino-americanos, concluída a partir de 2017, e que deve ter até 20 minutos. A trama poderá abordar qualquer tema e apresentar-se nos gêneros: documentário, ficção, animação ou experimental.

Os filmes selecionados vão concorrer em nove categorias – melhor filme, melhor direção, melhor roteiro, melhor fotografia, melhor trilha original, melhor direção de arte, melhor ator, melhor atriz e melhor som – e poderão receber premiações em dinheiro (valor a ser fixado pela diretoria, após a avaliação dos resultados das parcerias) ou em serviços.

Nos dias do evento, além das exibições dos filmes selecionados para a Mostra Competitiva, também haverá apresentações de companhias artísticas locais, exibição de longas convidados pela direção do festival, Mostra Latino-Americana, e contará com a presença de diversos nomes das mais variadas áreas do segmento audiovisual.

Inscrições

Os interessados em participar da Mostra Competitiva devem solicitar o regulamento e ficha de inscrição pelo e-mail isacc.social@gmail.com, Facebook do Instituto de Arte e Cultura do Ceará (Isacc Isacc), Facebook do evento (Curta Canoa) ou whatsapp (85) 9 9693 91 90.

SERVIÇO

*Mais Informações – (85) 3252.5401

(Foto – Sandro Freitas)

Uma periférica, travesti e negra que se mune da música para destruir discursos hegemônicos

Com o título “Linn, uma voz a se ecoada”, eis artigo de Renato Abê, jornalista do O POVO. Ele conta a história de uma “periférica, travesti e negra, que se mune da música para destruir discursos hegemônicos com uma clareza absurda. Confira:

Ao longo desses seis meses desde a morte de Marielle Franco, vereadora carioca assassinada brutalmente, já citei a parlamentar outras vezes neste espaço. Talvez pelo absurdo que é estarmos sem respostas até agora. Hoje, porém, não venho falar dela, mas cito Marielle ao pensar sobre como nossas redes sociais são usadas para ecoar discursos cuja repercussão merecia ser minimizada. Prova maior é que, Brasil afora, muita gente não conhecia a vereadora até a sua morte – enquanto políticos com aspirações fascistas sempre estiveram na nossa timeline. A partir disso, falo aqui de uma artista brasileira que deveria ser mais e mais comentada e viralizada: Linn da Quebrada.

Pouco conhecida fora dos nichos, a artista paulista acaba de sair premiadíssima do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. Ela é protagonista e roteirista do documentário Bixa Travesty, dirigido por Claudia Priscilla e Kiko Goifman. O longa foi escolhido pelo júri popular como melhor filme, recebeu premiações técnicas e se consagrou com o Prêmio Saruê, menção honrosa do momento mais importante do evento.

Não é para menos, Linn tem discurso afiadíssimo, uma história de vida cheia de curvas e muito talento para falar com vigor sobre as ditas minorias. Periférica, travesti e negra, ela se mune da música para destruir discursos hegemônicos com uma clareza absurda. A sinceridade é a maior arma para que consiga ser franca sobre suas vivências e, assim, ela torna o deboche uma importante ferramenta.

Aplaudida de pé em Brasília, Linn fez discurso inspirador: “Desde que eu comecei a trabalhar, busquei comunicação e diálogo para me sentir menos sozinha. E não estamos sozinhas. Já que entrei nessa disputa, vou brigar por ela. Estamos numa crise política, mas crises, para mim, sempre foram momentos em que surgiram novas oportunidades. Espero que este encontro gere afeto, mas um afeto com raiva. Toda criação envolve destruição. Estou aqui para matar, roubar e destruir o patriarcado!”.

A artista já tem reencontro marcado com o público cearense. Ela é uma das atrações confirmadas para a VI Bienal Internacional de Dança do Ceara de Par em Par, que é gratuita e ocorre de 19 a 28 de outubro nesta Capital. Que possamos conhecê-la!

*Renato Abê

renatoabe@opovo.com.br

Jornalista do O POVO.

(Foto – Divulgação)

Filme Clô, de Marcelo Serrado, arrecada R$ 2,5 milhões

O filme de terror “A Freira” estrou neste fim de semana com liderança nas bilheterias nacionais. O longa foi visto por 1,5 milhões de espectadores, rendendo R$ 25,6 milhões nas bilheterias. A informação é da consultoria ComScore.

De acordo com essa mesma consultoria, eis o ranking do fim de semana: em segundo, “Jovens titãs em ação!” que registrou público de 261 mil pessoas e rendeu de R$ 3,9 milhões. Na terceira colocação, “Alfa”, que foi assistido por 186 mil espectadores. Rendeu R$ 3,2 milhões.

Já o filme Crô, protagonizado por Marcelo Serrado, apareceu em quarto. Arrecadou R$ 2,3 milhões e foi visto por 143 mil espectadores.

XII Festival União da Ibiapaba vai agitar Ipu

Tudo pronto para o XII Festival União da Ibiapaba (FUI) Vai acontecer de 20 a 25 deste mês de agosto, na cidade de Ipu. O evento reunirá música, audiovisual, música e literatura, dentro do objetivo de democratizar o acesso a arte. Serão seis dias de imersão nas mais variadas linguagens com um foco especial na tradição literária do município, que durante a semana do festival completa 178 anos de existência.

Confira a programação

*Feira do livro e Artesanato:

Dos dias 23 a 25 de agosto, no meio da praça principal, será montada uma grande feira a céu aberto, que irá reunir o melhor da literatura e do artesanato local. O objetivo é unir e proporcionar uma grande troca de saberes, aberta a quem quiser somar ao movimento literário.

*Mostra de cinema:

Animação é a linha que define o jovem trabalho audivisual de Ipu. Com muita vontade, jovens do município vem trabalhando o cinema sob este viés. Por conta disso, o Festival dedica um momento para o cinema. Com o objetivo de trazer capacitação a aprimoramento ao núcleo audivisual da região, a oficina Roteiro de ficção e cinema, com o renomado cineasta Nirton Venâncio, acontece no dia 22, finalizando com a exibição do melhor que vem sendo produzido quando o assunto é cinema na Ibiapaba.

*Saraus musicais:

De 23 a 25, sempre aos finais de tarde, os ipuenses poderão se encantar pela magia sonora dos saraus musicias. Com recitais de textos e poesias, serão feitos por de escritores e músicos da região.

Quinta-Feira – 23 de agosto

Grupo Choro Feliz (Ipu)

Abertura do II FuiFest – Festival de Música Autoral da Ibiapaba

Os Transacionais

Sexta-Feira – 24 de agosto

Igo Negão (Ipu)

Final do II FuiFest – Festival de Música Autoral da Ibiapaba

Renegados

Dona Leda

Sábado – 25 de agosto

Pedro e Benício

Amado Batista

Toca do Vale

Palestras Literárias:

Uso da Leitura Literária Como Ferramenta de Ampliação de

Repertório no ensino fundamental.

Data:20 de Agosto de 2018

Horário:19 às 21 horas

Publico Alvo:200 Professores de ensino Fundamental da região

Local:Auditório da Escola Patronato

Novas Mídias em sala de Aula

Data:21 de Agosto de 2018

Horário:19 às 21 horas

Publico Alvo: 200 Professores do Fundamental avançado e médio.

Local:Auditório da Escola Patronato

A Cultura como fonte de valorização do desenvolvimento humano

Facilitadores:Ana Miranda e Fabiano Piuba Cidade: Ipu/Ceará

Data:24 de Agosto de 2018

Horário:17 às 19 horas

Publico Alvo: Professores, Escritores e Interessados da região

Local:Auditório da Escola Patronato

Mostra de cinema:

Oficina:Roteiro de Ficção em Cinema

Facilitador:Nirton Venâncio

Local:Casa de Cultura

Data:22 de Agosto de 2018

Horário:14:00 às 17:00

Exibição da Produção de Cinema da Ibiapaba

Local:Casa de Cultura

Data:22 de Agosto de 2018

Horário:17h30 às 20h

Debates literários:

Inspiração e Transpiração – Do Ato Criativo ao Livro Cidade

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:23 de Agosto de 2018

Horário:15h às 17h horas

PúblicoAlvo:Escritores locais,professorese interessados pela

literatura da região

Literatura Universal – Dos Papiros as Novas Mídias Cidade

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:24 de Agosto de 2018

Horário:15h às 17h

Público Alvo:Escritores locais, professores e interessados pela

literatura da região

Inspiração e Transpiração – Do Ato Criativo ao Livro Cidade

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:23 de Agosto de 2018

Horário:15 às 17h

Público Alvo: Escritores locais, professores e interessados pela

literatura da região

Literatura Universal – Dos Papiros as Novas Mídias Cidade

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:24 de Agosto de 2018

Horário:15h às 17h

Público Alvo:Escritores locais, professores e interessados pela

literatura da região

Literatura Elementar – Do Alimento das Artes a Transformação

Social

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:25 de Agosto de 2018

Horário:15h às 17h

Público Alvo:Escritores locais, professores e interessados pela

literatura da região

Saraus musicais:

Local:Academia Ipuense de Letras

Data:23, 24 e 25 de agosto de 2018

Horário:17h30 às 19 horas

II Encontro dos Agentes de Leitura da Região

Local:Escolas Selecionadas dos 5 Distritos de Ipu

Data:24 de Agosto

Horário:7h30 às 17h30

público-alvo:Agentes de Leitura.

VII – Feira do Livro e Artesanato Feira do Livro

Local:Praça Iracema

Data:23, 24 e 25 de agosto de 2018

Horário:18h às 21h

SERVIÇO

*Rogério Soares – produtor: 99814-8477.

(Foto – Arquivo)

Grupo de cineastas trata com Camilo Santana sobre o Programa Estadual do Audiovisual

Um grupo de profissionais do audiovisual do Estado, presente no 28º Cine Ceará, foi recebido pelo governador Camilo Santana (PT), e pelo secretário estadual da Cultura, Fabiano Piúba, no Palácio da Abolição.

Em pauta, a apresentação de propostas para o Ceará Filmes – Programa Estadual de Desenvolvimento do Audiovisual e da Arte e Cultura Digital e outras questões ligadas ao desenvolvimento do setor.

Entre os presentes, Wolney Oliveira, diretor do Cine Ceará, Suzana Costa, presidente da Câmara Setorial do Audiovisual, e os cineastas Rosemberg Cariry, Margarita Hernández e Joe Pimentel.

(Foto – Arlindo Barreto)

Caixa Cultural apresenta Mostra de Cinema Peruano

Rosa Chumbe” (2015) de Jonatan Relayze.

A Caixa Cultural Fortaleza fará nesta quinta-feira, 9, sessões extras de dois filmes da Mostra de Cinema Peruano que foi realizada de 31 de julho a 5 de agosto. “Rosa Chumbe’, de Jonatan Relayze, poderá ser visto às 16 horas, e “Bajo la influencia” (Sob a influência), da diretora Karina Cáceres, terá nova exibição às 18 horas.

A mostra integra o 28º Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema, que, a cada edição, realiza uma mostra especial, como homenagem a um país da ibero-américa.

DETALHE – O 28º Cine Ceará acontece até o dia 11 de agosto, numa promoção da UFC, através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cultura. A Prefeitura de Fortaleza, através da Secultfor, também apoia.

SERVIÇO

*Caixa Cultural Fortaleza – Avenida Pessoa Anta, 287, Praia de Iracema.

*Ingressos: Gratuitos (distribuídos com 1h de antecedência, sujeitos à lotação do teatro)

*Mais Informações gerais  Caixa Cultural Fortaleza – (85) 3453-2770.

Anel de diamantes de Marlene Dietrich é leiloado

Um anel de ouro e diamantes de 0,80 quilates, que pertenceu à lenda alemã do cinema Marlene Dietrich, alcançou o preço de 7,8 mil euros (cerca de R$ 3,5 milhões) em um leilão solidário realizado na segunda-feira. A informação é da fundação beneficente alemã United Charity, o maior portal de leilões beneficentes da Europa.

A joia, dos anos 60, que fazia parte de legado da atriz, tinha sido leiloada pela primeira vez nos anos 90 e adquirida então pelo produtor de cinema alemão Bernd Eichinger. “Dei o anel à minha mulher pelo seu aniversário, porque é uma grande admiradora de Marlene Dietrich e se apaixonou imediatamente pela joia”, declarou o comprador da peça.

O United Charity é o maior portal de leilões beneficentes na Europa, com uma série de propostas muito especiais, desde experiências únicas e presentes até encontros com famosos, a fim de apoiar diversos projetos de ajuda a crianças necessitadas.

(Agência Brasil com EFE)

Cine Ceará 2018 terá programação de shows na Praça do Ferreira

Uma novidade nas noites do 28º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema. Nesta quarta-feira, na Praça do Ferreira (Centro), começa a programação “Música na Praça”, que contará com shows de quatro bandas cearenses.

Segundo a organização do festival, as apresentações ocorrerão a partir das 22h30min, logo após as exibições dos filmes no Cineteatro São Luiz.

Nesta quarta, a atração será o DJ Guga de Castro, com o seu mix de ritmos de todo o mundo. Na quinta-feira, o som da SUPERBANDA, que apresentará para o público uma diversidade de sons que vão do Axé ao Rock, do Pagode ao Forró e do Sertanejo ao Funk.

Já na sexta-feira, a banda Os Muringa promete animar o público com o forró pé de serra, enquanto no sábado, o festival encerrará sua 28ª edição com o show da banda Os Transacionais. O repertório é marcado por vários estilos, ritmos e temáticas provenientes das mais diversas regiões do País.

Cine Ceará 2018 – Tonico Pereira convida para a exibição do curta “O Vestido de Myriam”

Será exibido nesta quarta-feira, na Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem, dentro do Cine Ceará 2018, o filme “O Vestido de Myriam”. A exibição ocorrerá a partir das 19h30min, no Cineteatro São Luiz.

O curta-metragem, do jovem cineasta piracicabano Lucas Henrique Rossi, 23 anos de idade, marca sua estreia enquanto roteirista e diretor. Conta a história de um casal de idosos (Myriam e Divaldo, interpretados pelos atores Camilla Amado e Tonico Pereira) que, numa pacata casa interiorana, compartilham a solidão e vivem uma relação de contrastes.

O ator Tonico Pereira, inclusive, mandou para o Blog um vídeo onde convida os apaixonados pelo cinema para conferirem “O Vestido de Myriam”.

SERVIÇO

*Entrada gratuita

 

Heitor é homenageado pela Associação Cearense de Cinema

236 1

Regis Frota, Heitor Férrer e Marcus Fernandes.

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) foi homenageado pela Academia Cearense de Cinema (ACC). O ato ocorreu no fim de semana, durante almoço no Ideal Clube e presidida pelo escritor e cineasta Regis Frota.

A homenagem, segundo Frota, ocorre porque é de Heitor a lei que  criou o Dia do Cinema Cearense, comemorado em 5 de agosto. A data também marca a instalação da associação.

Na ocasião, o acadêmico Marcus Fernandes, secretário da ACC, proferiu a saudação ao homenageado.

(Foto – Divulgação)

Acesso gratuito – 28º Cine Ceará segue até o próximo sábado com 100 produções

Com estreia nacional do filme O Barco, do cearense Petrus Cariry, e homenagens ao humorista Renato Aragão e o professor Henry Campos, reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC) foi aberta na noite desse sábado (4) o 28º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema.

O 28º Cine Ceará segue até o próximo sábado (11), Cineteatro São Luiz, no Centro de Fortaleza, com cerca de 100 produções, entre longas e curtas-metragens, nas salas de cinema e na Praça do Ferreira.

O acesso é gratuito com distribuição de convites a partir das 19h na bilheteria do Cineteatro São Luiz.

(Foto: Alex Gomes / Especial para O POVO)