Blog do Eliomar

Categorias para Copa 2010

África do Sul enfrenta problemas quatro anos após a Copa, diz jornalista

Joanesburgo, maior cidade da África do Sul, viveu por anos a expectativa de melhoras na condição de vida da população, com a realização da primeira Copa do Mundo no Continente Africano, em 2010. Quatro anos depois, no entanto, o país enfrenta problemas, como o endividamento público e estádios ociosos, de acordo com o jornalista sul-africano Niren Tolsi.

Ele conta que as duas arenas construídas para receber partidas do Mundial, o Ellis Park Stadium e o Soccer City, estão subutilizadas. O último recebe atualmente mais atividades musicais e políticas do que partidas de futebol.

Tolsi veio ao Brasil para participar do Encontro dos Atingidos – Quem Perde com os Megaeventos e Megaempreendimentos, em Belo Horizonte.

O jornalista relata que os moradores esperavam que a preparação para a Copa projetasse Joanesburgo internacionalmente e proporcionasse mudanças na infraestrutura urbana, com o alargamento de estradas e a multiplicação de opções de transporte coletivo.

As obras de mobilidade feitas no país à época são úteis para a população. Porém, o Mundial foi marcado também por denúncias de corrupção na construção dos estádios, deslocamentos forçados de famílias, aumento da repressão policial e expulsão de moradores de rua e de vendedores ambulantes das áreas centrais de Joanesburgo, segundo o jornalista.

“A Fifa foi embora com R 25 milhões [R é o símbolo de rand, moeda oficial da África do Sul] de lucro e o país ficou endividado”, lamentou.

O Mundial na África do Sul também não aqueceu o mercado de trabalho, como previsto, por causa da crise financeira que abala a Europa, de onde sairiam muitos dos turistas que o país esperava receber em 2010.

Tolsi vê semelhanças entre os problemas apontados pelos movimentos sociais no Brasil e o que ocorreu, há quatro anos, em seu país. Com a mobilização dos movimentos sociais e populações atingidas pelos grandes eventos, ele espera que “essa lógica mude e que a Fifa tenha que parar de agir em outros países, como faz hoje, trabalhando a favor das corporações, colocando em questão a soberania nacional”.

(Agência Brasil)

Henrique Alves – Estádios caros e falta de mobilidade urbana geram os protestos

122 2

“Enquanto a maior parte da classe política ainda tenta compreender o berro das ruas, um pequeno grupo parece começar a identificar as primeiras pistas sobre o que eles significam.

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN), por exemplo, chegou a uma conclusão óbvia, mas que vários de seus colegas, se perceberam, não admitem de jeito nenhum.

Diz Henrique Alves sobre a ligação entre os protestos e as promessas que surgiram quando o Brasil conquistou o direito de sediar Copa do Mundo e Copa das Confederações:

– A população está vendo que estádios caríssimos ficaram prontos, mas as obras de mobilidade e infraestrutura, de responsabilidade do poder público, não ocorreram ou ainda estão muito lentas. Então é lógico que isso gera uma enorme insatisfação.”

(Coluna Radar – Veja Online)

A "Musa da Copa" é Fantástica!

145 2

Eis aí a modelo Larissa Riquelme, que virou a “Musa da Copa” no Paraguai. A moça fez tanto sucesso que, incusive, esteve no Rio fazendo ensaiao sensual que o programa Fantástico, da Rde Globo, deverã mostrar. Quem é Larissa? Confira:

Nome completo: Larissa Riquelme Frutos
Data de nascimento: 22/02/1984
Parte do corpo que mais gosta: Minha cintura
O que não tolera nos homens: Mentira
Homem mais bonito: Meu pai, Roman Riquelme, e o jogador Kaká
Mulher mais bonita: Minha mãe, Limpia, e a Xuxa
Música para ouvir entre quatro paredes: Qualquer uma bem romântica
Lugar mais estranho onde já fez amor: No Rio Paraguai
Filme: “Eclipse”
Comida: Paella à Marinera, com frutos do mar
Perfume: Ange ou Démon, de Givenchy
Viagem inesquecível: Quando fui à Disney e quando desfilei no carnaval carioca
Não consigo viver sem…: Minha mãe.

Copa 2010 – Espanha é a Campeã

117 1

“A Copa do Mundo é da Espanha. O dia 11 de julho de 2010 eternizou um novo campeão. Um merecido campeão. Depois de 64 jogos, 145 gols e um mês de bola rolando na África do Sul, a Espanha deixou todos para trás e fez história. Pode finalmente se gabar: é a melhor do mundo.

  • APStekelenburg voa para defender cabeçada perigosa de S.Ramos
  • APVilla lamenta jogada perdida, cara a cara com o goleirão holandês
  • APCara a cara com o goleiro, Villa chuta em cima do pé de Heitinga.
  • (Portal UoL)

Base governista manda para o chuveiro CPI do Castelão

110 6

A CPI do Castelão está inviabilizada.  Uma manobra da situação apresentou dois pedidos de CPI nesta terça-feira, antes que os trabalhos do plenário tivessem início: uma para investigar a pirataria, do vice-líder do Governo, Roberto Cláudio (PSB), e outra para investigar o narcotráfico, de autoria de Edson Silva (PSB). Pelo Regimento da Casa, só podem duas CPIs.

Com isso, a CPI de Heitor fica sem ser instalada, mesmo tendo 16 assinaturas favoráveis, porque chegou depois dessas duas CPIs. O estranho é que segundo Heitor, ninguém falava de qualquer investigação nessas áreas.

“Os autores dos pedidos de CPIs desgastam profundamente a imagem do Legislativo para proteger atos suspeitos do Executivo que, para mim, fica muito claro que o governo não resiste a qualquer investigação e é um, governo que pratica corrupção”, desabafou Férrer.

O pedido de CPI do Castelão vem ocupando o noticiário desde a semana passada, no que para Heitor foi uma “rasteira” que compromete a credibilidade do Poder Legislativo.

VAMOS NÓS – Alguém aí tem dúvidas de que, na Assembleia Legislativa e nesse clima de eleições, há algum amador? O mais fraco, dizem alguns, da oposição ou da situação, sabe dar nó em pingo d’água e assobiar e chupar cana ao mesmo tempo.

Musa da Copa tira a roupa mesmo com derrota paraguaia

595 2

“O bom desempenho do Paraguai na Copa do Mundo na África do Sul rendeu bem para a modelo e atriz paraguaia Larissa Riquelme. A seleção não chegou lá, mas nossos vizinhos ganharam como consolação a nudez da bela jovem. Por meio de seu perfil oficial no Twitter, Larissa postou três fotos nesta terça, onde mostra os bastidores do ensaio que ela fez no Estádio do Cerro Porteño, time de coração da modelo. A modelo trajava biquini com as cores da “Albirroja”, como é conhecida a seleção local: branca, vermelha e azul.

Larissa ganhou notoriedade durante a Copa, torcendo efusivamente pelo Paraguai e chamando atenção pela beleza e pelo lugar incomum onde guardava seu celular durante as partidas. Chamada de “a namorada do Mundial”, as diversas aparições durante os jogos do Paraguai no Mundial lhe renderam até um patrocício estampado no seio durante a última partida da equipe no torneio, na derrota para a Espanha por 1 a 0, nas quartas de final.”

(Com Agências)

No desembarque da Seleção, pouco a dizer

“O retorno de alguns membros da seleção brasileira ao Rio de Janeiro após o insucesso na Copa do Mundo da África do Sul, foi marcado por muita confusão e desorganização no desembarque e poucas palavras dos jogadores e integrantes da comissão técnica. Assim como na derrota nacional para a Holanda no Mundial, o goleiro Julio Cesar novamente era o mais emocionado.

Com Juan, Felipe Melo, o lateral Gilberto, o supervisor da seleção Américo Faria, Thiago Silva, Kléberson, Julio Cesar, e o auxiliar técnico Jorginho, o avião do Brasil chegou ao aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro por volta das 2h05 (horário de Brasília), mas os integrantes começaram a desembarcar apenas 50 minutos após o pouso.

Um dos jogadores que parou para falar com a reportagem do UOL Esporte, o zagueiro Thiago Silva ratificou a situação de Julio. “Todos sentiram muito a eliminação, mas o que mais sentiu foi o Julio Cesar”.

Um dos últimos a deixar o aeroporto, Julio Cesar foi cercado pelos jornalistas e bastante aclamado pelos fãs presentes no local, o que o fez ficar com os olhos marejados. O goleiro falou pouco e apenas agradeceu aos torcedores. “Em três anos e meio, acho que esse grupo conseguiu resgatar uma coisa sensacional, que foi o torcedor curtir e torcer pela seleção. Só tenho a agradecer a essa torcida. Sei que o sentimento é de tristeza, porque todos nós queríamos esse hexa”.

Em seguida, Julio entrou em um carro e desabou em lágrimas, chorando copiosamente nos braços de sua mãe, que o aguardava

Outro jogador bastante aguardado no desembarque, o volante Felipe Melo, expulso na derrota por 2 a 1 para os holandeses, saiu do aeroporto sem falar uma palavra até se encontrar com seus familiares.

Os seguranças do local fizeram um cordão de isolamento para que o volante, que foi muito xingado pelos torcedores, se dirigisse ao carro onde sua família o esperava. O veículo saiu cantando pneus assim que o jogador da Juventus entrou.”

(Portal Uol)

Brasil, hora de renovação

90 1

Eis artigo do jornalista e cientista político Erivelto Souza. Intitulado “O fim de um modelo que já rendeu o possível”, ele comenta a desclassificação da Seleção Brasileira da COPA da África do Sul. Confira:

A seleção perdeu. Não é novidade, claro. A bola estava sendo cantada pelos 190 milhões de técnicos que desconfiavam da seleção de armandinhos de Dunga. Há um consolo. Não veremos aquelas cenas de desfiles em carro aberto (dos Bombeiros) com jogadores falantes e nem a famosa visita a Brasília para mais desfiles, com Lula e Dilma acenando para o povo ao lado dos jogadores. Um descanso para os olhos.

Já bastaram as centenas de reportagens sobre os bairros africanos (principalmente o Soweto) e o ufanismo de Galvão Bueno. É o fim da Era Dunga e mais uma virada na página da história. É para o bem do Brasil. A virada sempre enseja uma renovação do modelo que vigia, apesar de alguns resultados favoráveis. O modelo já rendeu o que podia. Por isso, é muito improvável um continuismo. Dificilmente, Jorginho, auxiliar técnido de Dunga, será escolhido para ser o comandante da seleção.

Que o sentimento de renovação possa se espargir e que a ruptura seja a marca deste novo e rico momento. Recomeçar é o sentido maior da vida. Merecemos outra experiência, que mantenha tudo que foi positivo, mas que renove e tenha ousadia de colocar este país em um patamar de desenvolvimento interno mais elevado. Vamos Brasil, é hora de renovação!

Erivelto de Sousa,

Jornalista e cientista político.

Carro quase invade a Câmara dos Deputados após derrota do Brasil

Um carro descontrolado quase invadiu, ensta sexta-feira, a Câmara dos Deputados, em Brasília (DF). O acidente ocorreu logo após a derrota do Brasil para a Holanda. Segundo a polícia, uma motorista descia em direção à Praça dos Três Poderes quando perdeu o controle do veículo e caiu no fosso.

O carro quase atingiu a vidraça da Câmara e a motorista, com alguns ferimentos, foi retirada do carro pelo Corpo de Bombeiros. 

(Com Agências)

Lula fica "atônito" com desclassificação do Brasil, diz chefe de gabinete

198 1

“O chefe de gabinete da Presidência da República, Gilberto Carvalho, disse nesta sexta-feira (2) que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ficou “atônito” com o desequilíbrio emocional da seleção brasileira na derrota para a Holanda. “Como todo brasileiro, ele ficou atônito frente ao desequilíbrio emocional do time. A coisa mais notável foi essa”, afirmou Carvalho. Segundo relato de Carvalho, que assitiu ao jogo no Palácio da Alvorada, Lula não entendeu o que aconteceu com a seleção brasileira. “Ficou sentado lá tentando entender o que tinha acontecido. Ele tinha muita confiança, como todos nós. Não é a primeira vez que perdemos uma copa, a vida continua.”

O presidente Lula também avaliou que muitos jogadores ficaram abaixo do esperado. “A gente vai levar tempo para entender o que houve. Ele [Lula] achou que alguns jogadores ficaram muito abaixo do esperado”. “Ele [Lula] vai para África profundamente triste. E vamos agora organizar a copa [de 2014] e aprender com os erros”, disse o chefe de gabinete. O presidente Lula embarca por volta de 16h desta sexta-feira para a África. Após visitar quatro países (Cabo Verde, Guiné Equatorial, Quênia e Zâmbia), ele desembarca em Pretória, capital da África do Sul, na quinta-feira (8).

Lula participará do lançamento do emblema oficial da Copa do Mundo de 2014, que será sediada no Brasil. No domingo (11), o presidente assiste à final da Copa, no estádio Soccer City, em Johannesburgo. No mesmo dia, ele participa da cerimônia oficial de encerramento do evento.”

(POrtal G1)