Blog do Eliomar

Categorias para Economia

Crea/CE encerra nesta quarta-feira a Semana de Conciliação com seus devedores

Termina, às 17 horas desta quarta-feira, a Semana de Conciliação. O evento é uma promoção do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea), em parceria com a Justiça Federal do Ceará (JFCE), que quer regularizar a situação dos profissionais e empresas que estejam em débito com a entidade.

Na negociação, que acontece na sede do Justiça Federal (antigo prédio do BNB), na Praça Murilo Borges (Centro), há boas condições de pagamento, segundo informa o coordenador da campanha, o advogado Edson Alves da Silva Filho.

”As conciliações realizadas durante esta semana são de grande importância, pois diminuem a demanda do judiciário” acentua Edson Alves.

Reforma da Previdência – Presidente do Ipece define proposta como “tosca e rudimentar’

ataliba

Do presidente do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), Flávio Ataliba, em seu Facebook, sobre a proposta de Reforma da Previdência. Confira:

A Reforma da Previdência apresentada pelo governo é bastante tosca e rudimentar. Em nome do equilíbrio atuarial que se deve perseguir, agravará as distorções econômicas e sociais já existentes.

A tendência no mundo é termos parte do sistema de seguro de renda na velhice na forma de repartição, com um benefício básico, e outra capitalizado, essa ultima diretamente vinculada à formação de poupança para o desenvolvimento do País.

O que está sendo proposto é mais do mesmo, aumentando a disfunção do sistema já existente.

Inflação medida pelo IGP-DI ficou em 6,77% em 12 meses

Em todo o país, o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) – ficou em 0,05% em novembro deste ano, taxa abaixo do 0,13% do mês anterior e do 1,19% de novembro de 2015. O IGP-DI acumula 6,3% no ano e 6,77% em 12 meses.

A queda da inflação entre outubro e novembro foi provocada por redução nas taxas dos três subíndices que compõem o IGP-DI. O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que analisa o atacado, registrou uma deflação (queda de preços) de 0,01% em novembro. Em outubro, o subíndice havia registrado inflação de 0,04%.

A taxa registrada pelo Índice de Preços ao Consumidor, que analisa o varejo, caiu de 0,34% em outubro deste ano para 0,17% em novembro. Já o Índice Nacional de Custo da Construção recuou de 0,21% para 0,16% no período.

(Agência Brasil)

Ferrovia vai doar óculos para deficientes visuais

404 1

ferroviiva

A família do Suricate Seboso posou para esse grupo em comerciais.

Para comemorar o Dia Nacional do Deficiente Visual –  13 de dezembro, a Ferrovia Eyewear fará a doação de 1000 óculos para deficientes visuais. A ação ocorrerá na manhã do próximo dia 14, durante evento no Instituto dos Cegos do Ceará.

Quem quiser participar e receber a doação, basta comparecer à sede do Instituto no dia do evento, que fica localizada na Avenida Bezerra de Menezes, 892.

Na ocasião, haverá uma missa, às 8 horas, como parte do encerramento da semana de comemorações ao Dia do Deficiente Visual, e, em seguida, às 10 horas, a Ferrovia Eyewear iniciará a doação dos óculos: 500 armações e 500 modelos solares.

O Metrofor e seus “maquinistas” de plantão

metrofor

Os secretários André Facó (Infraestrutura do Estado), Samuel Dias (Infraestrutura de Fortaleza) e Águeda Muniz (Urbanismo de Fortaleza) passaram o dia de ontem no Ministério das Cidades, em Brasília.

O mote? Obras emperradas da Linha Leste do Metrofor, um empreendimento que conseguiu superar décadas de gastos e pouca serventia para o fortalezense.

Micro e pequenas empresas poderão exportar mercadorias por meio dos Correios

A partir da próxima semana, as micro e pequenas empresas inscritas no Simples Nacional poderão exportar mercadorias por meio dos Correios ou de transportadoras com documentação simplificada. A Receita Federal publicou hoje (6) no Diário Oficial da União instrução normativa que regulamenta o procedimento de exportação para essas empresas.

A medida beneficia 11 milhões de empresas que faturam até R$ 3,6 milhões por ano e respondem por mais de 50% dos empregos formais no país. Segundo a Receita Federal, a redução da burocracia permitirá ampliar, nos próximos cinco anos, a participação das micro e pequenas empresas de 0,8% para 5% das exportações brasileiras.

Pela instrução normativa, as micro e pequenas empresas poderão usar operadores logísticos – Correios, operadores econômicos autorizados e empresas privadas de entrega rápida – para venderem para o exterior. As mercadorias serão dispensadas da licença de exportação e terão prioridade na verificação física nas alfândegas e preferência na análise de controles físicos, químicos e sanitários.

Segundo a Receita Federal, uma série de portarias será editada nos próximos dias para que os operadores logísticos sejam habilitados a exportar os produtos das micro e pequenas empresas na próxima semana. Pelas novas regras, caberá ao operador logístico cuidar de todo o fluxo de exportação, cabendo à empresa apenas preocupar-se com a produção e o fechamento do negócio.

A instrução normativa torna facultativa a adesão das micro e pequenas empresas à exportação simplificada. Caso não queiram aderir ao procedimento especial, as empresas continuarão no regime tradicional, que exige habilitação como exportador, domicílio fiscal eletrônico e cadastro no Portal Único de Comércio Exterior (Siscomex).

O decreto que instituiu o regime simplificado de exportação para as micro e pequenas empresas havia sido publicado no início de outubro. No entanto, segundo a Receita Federal, a instrução normativa que regulamenta a medida só saiu agora porque passou 15 dias em consulta pública antes de ser formatada pelos técnicos do órgão.

(Agência Brasil)

Depósitos na poupança superaram os saques em novembro

Os depósitos em poupança superaram os saques, em novembro, pela primeira vez este ano. De acordo com dados do Banco Central (BC), divulgados hoje (6), a captação líquida (depósitos maiores que retiradas) chegou a R$ 1,881 bilhão.

A última vez que o BC havia registrado resultado positivo foi em dezembro de 2015 (R$ 4,789 bilhões), no único mês daquele ano com registro de captação líquida. No acumulado de 11 meses deste ano, os saques superam os depósitos em R$ 51,370 bilhões.

Os saques da poupança chegaram a R$ 167,892 bilhões em novembro, e a R$ 1,799 trilhão nos 11 meses deste ano, enquanto os depósitos ficaram em R$ 169,773 bilhões e R$ 1,747 trilhão, respectivamente.

Os rendimentos creditados nas cadernetas totalizaram R$ 4,038 bilhões, no mês passado. O saldo total nas contas ficou em R$ 650,260 bilhões, em novembro.

(Agência Brasil)

Procon divulga pesquisa com itens da Ceia de Natal

peruu
O Procon Fortaleza divulgou, nesta terça-feira, a pesquisa com 62 itens da Ceia de Natal. O levantamento foi realizado entre os dias 1º e 2 de dezembro em dez supermercados nas seis Regionais, além do Centro de Fortaleza. Cinco produtos da mesma marca podem ser encontrados até pelo dobro do preço, acima de 100% de diferença. A dica do Procon é pesquisar e apressar as compras de Natal devido à tendência de aumento de preço com a proximidade das festas de fim de ano.
A maior diferença de preço do mesmo produto foi encontrada no quilo da maçã, com 124,03% de variação entre o estabelecimento mais barato (R$ 7,99) e o mais caro (R$ 17,90). Já a garrafa de vinho da mesma marca pode ser encontrada de R$ 24,99 a R$ 52,90, ou seja, 111,68% de diferença.
*Confira todos os itens pesquisados aqui
O consumidor pode ainda comprar duas garrafas de espumante pelo preço de uma, se optar pelo estabelecimento mais barato. Isso porque, no local mais caro, o Procon encontrou a garrafa de 750 ml custando R$ 67,90, enquanto, no supermercado mais em conta, a mesma bebida sai por R$ 33,66, conferindo uma diferença de 101,72%.
De acordo com a diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, o consumidor deve apressar as compras para economizar. “Os produtos que podem ser armazenados ou congelados já devem ser comprados, pois a tendência é de aumento de preço com a proximidade das festas de fim de ano”, orientou.
Peru, chester e bacalhau 
Tradicional nas ceias natalinas, o peru de um quilo e já pronto para assar, pode sair por até 40,09% de diferença, indo de R$ 19,98 a R$ 27,99. O quilo da ave chester, também já temperada, pode ser encontrada de R$ 28,89 a R$ 15,28, ou seja, 89,07% de diferença.
Já o quilo de bacalhau do Porto varia até 16,07%, indo de R$ 55,99 a R$ 64,99. Quem quiser economizar mais ainda pode optar pelo peixe “saithe” tipo bacalhau, que pode ser encontrado de R$ 28,99 a R$ 43,90, ou seja, uma economia de até 51,43%.
O consumidor pode fazer denúncias na internet, por meio da página Procon Fortaleza; ou ainda pelo site da Prefeitura de Fortaleza: www.fortaleza.ce.gov.br, clicando no link “acesse os nossos serviços” e, depois, em Defesa do Consumidor.
Mais informações pela Central 151, que também recebe denúncias no horário comercial.
 
Dicas
– Verifique as datas de promoções e dias de ofertas;
– Analise os encartes distribuídos como sendo de produtos promocionais e exija os mesmos preços praticados nos caixas. Se houver divergência, o consumidor tem o direito a pagar sempre o menor valor;
– Faça uma lista dos produtos que realmente precisa comprar;
– Pesquise preços e verifique a melhor forma de pagamento e descontos nos pagamento à vista, em dinheiro e no cartão;
– Confira a data de validade dos produtos;
– Alimentos congelados devem ser colocados por último no carrinho para que sua qualidade não seja comprometida.
(Site do Procon Fortaleza)

SindCarnes homenageia jornalista da área de assessoria de imprensa

leoo

O jornalista Léo Capibaribe foi um dos homenageados no tradicional Jantar do Boi, a festa de confraternização do Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Carnes de Fortaleza (SindCarnes).

“Trata-se de um reconhecimento ao nosso trabalho, sempre desenvolvido em favor da informação com qualidade para a população”, disse Léo, ao receber troféu da entidade durante jantar no Ilmar Gourmet, nessa segunda-feira.

(Foto – Divulgação)

Venda de veículos novos subiu 12% na passagem de outubro para novembro, diz Anfavea

As vendas de veículos novos subiram 12% em comparação a outubro, informou há pouco a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). De acordo com o balanço da produção e vendas das montadoras, no comparativo com novembro de 2015, no entanto, houve queda de 8,7%. Em novembro do ano passado, foram vendidas 195,2 mil unidades, enquanto no mesmo período deste ano o total ficou em 178,2 mil.

No acumulado de janeiro a novembro, 1,846 milhão de unidades de veículos novos foram vendidas, uma retração de 21,2% em relação a igual período de 2015. O número chega próximo ao que foi vendido em 2006, quando foram comercializados 1,723 milhão de carros. Em dez anos, o pico de vendas ocorreu em 2012 (3,443 milhões de unidades).

Produção de veículos

A produção em novembro registrou crescimento de 22,4% em relação a outubro. “Este foi o melhor mês de produção desde agosto de 2015”, destacou o presidente da Anfavea, Antonio Megale. “No acumulado chegamos ao nível de 2004, mas vem mostrando crescimento importante no último mês, em dezembro devemos ter produção também acima das 200 mil unidades”, afirmou.

(Agência Brasil)

Arce apresentará experiências de regulação durante workshop em Brasília

foto-helio-winston-advogado

O I Workshop sobre Experiências Exitosas em Regulação acontecerá nesta quarta-feira, no Hotel Nobile Suítes, em Brasília. A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce) terá participação. No evento, o coordenador do setor econômico-tarifário, Mário Monteiro, ministrará palestra sobre “A Evolução das Atividades regulatórias Desempenhadas pelo Ente Regulador Cearense nos Últimos 15 anos”.

Que promove esse workshop é a Associação Brasileira de Agências de Regulação (Abar). O objetivo é divulgar os casos de sucesso e permitir a troca de experiências. Além de Mário Monteiro, estarão presentes os conselheiros Hélio Winston (presidente em exercício da Arce) e Fernando Franco (presidente da Abar Nordeste).

O encontro congregará outras renomadas agências com suas experiências. Na lista, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que explanará sobre “Modelo Quantum de Fiscalização em 3 Níveis”; a Agência Reguladora de Serviços Públicos de Santa Catarina (Aresc), que apresentará o próprio sistema de informação geográfica (SIGARESC); e, ainda, a Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos do Estado do Amazonas -(Arsam), que fará exposição sobre dados técnicos atualizados em mapas digitais, dados esses que permitem diagnosticar a situação do sistema público de abastecimento de água de Manaus, em minutos.

Ao todo, o workshop reunirá 60 servidores e representantes de agências federais, estaduais, municipais. O evento tem a coordenação do economista e especialista em políticas públicas e gestão governamental, Jadir Dias Proença.

Governadores do Ceará, Piauí e Pernambuco farão mobilização pró-Ferrovia Transnordestina

Lula no Cariri Na foto: Trem que trazia o presidente Lula na sua visita à Transnordestina, em Missão Velha, no Cariri Foto: Igor de Melo, em 13/12/2010

 

Os governadores Camilo Santana, Wellington Dias (PI) e Paulo Câmara (PE) oferecerão um café nesta quarta-feira, em Brasília, para deputados e senadores dos seus estados. Segundo Camilo, hora de mobilizar em favor de retomada de trechos da Ferrovia Transnordestina.

O projeto promete interligar esses três Estados e, no âmbito do Ceará, ligar a Rwegião do Cariri, a partir de Missão velha, ao Complexo Industrial e Portuário do Pecém, em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza).

Sérgio Leite, presidente da Transnordestina Logística, foi convidado para expor a situação atual do projeto e, principalmente, como está a questão do aporte financeira.

BC admite haver espaço para redução dos juros

Com a melhora nas projeções para a inflação em 2017 e 2018, o Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central (BC), considera que pode haver mais espaço para redução da taxa básica de juros, a Selic, do que o percebido anteriormente. A avaliação consta da ata da última reunião do Copom, divulgada hoje (6), em Brasília.

Na semana passada, o comitê deu continuidade ao processo de redução da Selic. A taxa foi diminuída em 0,25 ponto percentual, caindo para 13,75% ao ano. Esse foi o segundo corte de 0,25 ponto percentual.

A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia.

A Selic é o principal instrumento usado pelo BC para controlar a inflação. Ao reajustá-la para cima, o BC contém o excesso de demanda que pressiona os preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Quando reduz os juros básicos, o Copom reduz o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.

(Agência Brasil)

 

Black Friday impulsionou vendas em novembro, diz Serasa

O movimento dos consumidores nas lojas do país durante o mês de novembro cresceu 1,2%, na comparação com outubro, de acordo com indicador da empresa de consultoria Serasa Experian. Esta foi a primeira alta mensal do comércio varejista no segundo semestre deste ano.

No final de semana da Black Friday (25 a 27 de novembro) houve crescimento de 11% na movimentação dos consumidores na comparação com a Black Friday do ano passado.

Em relação a novembro de 2015, houve retração de 2,2% nas vendas. No acumulado do ano, até novembro de 2016, o comércio varejista registrou queda de 7% perante o mesmo período do ano passado.

Os economistas da Serasa avaliam que as dificuldades enfrentadas pelos consumidores, como juros altos nos crediários, desemprego em alta e confiança em patamar deprimido, mantiveram a atividade varejista ao longo do mês, em patamar inferior ao observado no ano passado.

Segmentos

As categorias que registraram avanços mensais foram o grupo de móveis, eletroeletrônicos e informática (alta de 0,6%) e o grupo tecidos, vestuário, calçados e acessórios (elevação de 1%). Houve queda no grupo combustíveis e lubrificantes (-0,4%); veículos, motos e peças (-0,8%) e material de construção (-1,6%). Ficaram estáveis supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas.

No acumulado do ano, a maior retração foi no segmento de veículos, motos e peças, com queda de 13,3% frente ao mesmo período do ano passado. A segunda maior queda foi de 12,9%, observada nas lojas de tecidos, vestuário, calçados e acessórios. Apenas combustíveis e lubrificantes tiveram resultado positivo, com alta de 2,2%.

(Agência Brasil)

BB e Correios entram em acordo para manter serviços do Banco Postal

O Banco do Brasil (BB) e os Correios assinaram acordo para continuidade da distribuição de produtos e serviços da instituição financeira na rede de atendimento do Banco Postal pelo prazo de até 36 meses. A informação foi divulgada na noite dessa segunda-feira (5) pelo BB. O Banco Postal é um correspondente na prestação de serviços bancários básicos, resultado de parceria entre os Correios e uma instituição financeira.

O acordo estabelece novo modelo de remuneração mensal baseado em uma parte fixa de R$ 5 milhões e o restante conforme a performance do negócio, por meio de comissionamento variável, de acordo com o volume de serviços prestados. Ao adotar este modelo, estima-se que o BB pague aos Correios aproximadamente R$ 24 milhões no primeiro mês, valor que poderá variar de acordo com a produtividade da rede do Banco Postal. No terceiro trimestre de 2016, a remuneração foi de R$ 332 milhões, o que daria uma média mensal de R$ 110 milhões.

No novo contrato, os clientes terão acesso a produtos e serviços financeiros, tais como abertura de conta corrente completa, Conta Fácil, cartão de crédito, crédito pessoal, consignado, pagamentos de beneficiários da previdência social, recebimento de contas em geral, saques e depósitos.

Atualmente, o BB conta com 6.998 unidades de atendimento, sendo 4.972 agências de varejo e 1.781 postos de atendimento, que se somam aos 6.145 pontos de atendimento do Banco Postal.

O Banco do Brasil assumiu o Banco Postal em janeiro de 2012, no lugar do Bradesco. O contrato com o Banco do Brasil terminaria neste ano. No dia 6 de outubro, o Banco do Brasil e os Correios encerraram negociações e o banco desistiu de ampliar os serviços do Banco Postal. E os Correios anunciaram um processo de seleção pública para escolher uma instituição financeira para prestação de serviços de correspondente bancário, mas não recebeu nenhuma proposta dos bancos.

(Agência Brasil)

Cagece suspende abastecimento d’água em 22 bairros de Fortaleza

A Cagece realiza nesta terça-feira, das 8 às 18 horas, reparo emergencial em um trecho da tubulação de 900mm da rede de abastecimento de água em Fortaleza, localizada no bairro Jardim América. Para isso, será necessário suspender o abastecimento em 22 bairros na área norte da capital.

São eles: Alagadiço, Álvaro Weyne, Amadeu Furtado, Antônio Bezerra, Bairro Ellery, Barra do Ceará, Bela Vista, Carlito Pamplona, Farias Brito, Floresta, Jacarecanga, Jardim Guanabara, Jardim Iracema, Monte Castelo, Padre Andrade, Parque Araxá, Parquelândia, Pirambu, Presidente Kennedy, Quintino Cunha, São Gerardo e Vila Velha.

A Cagece informa ainda que o abastecimento será retomado imediatamente após a conclusão do serviço. Como o sistema funciona por pressão, a água chegará primeiramente nas áreas mais centrais e, posteriormente, nas áreas mais elevadas ou localizadas em ponta de rede. A previsão para equilíbrio total do sistema é até o meio-dia desta quarta-feira (7).

Senai do Ceará vai implantar programa nacional de capacitação profissional de Moçambique

paulo_andre1

Da Coluna Vertical, do O POVO desta terça-feira:

O Senai do Ceará foi escolhido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) para implantar o programa nacional de educação profissional e tecnológica de Moçambique. A escolha contou com o aval da Agência Japonesa de Cooperação (Jica), que financiará o programa desse país africano. O valor envolvido: US$ 4,3 milhões.

Segundo o diretor regional do Senai, Paulo André Holanda, as atividades terão início em fevereiro e as equipes do órgão atuarão em seis áreas: alimento, soldagem, edificações, eletroeletrônica, mecânica e segurança no trabalho.

Dependendo do sucesso do projeto, com duração de quatro anos, o Senai poderá estender ações para outros países desse continente.

Governo de Minas decreta estado de calamidade financeira

pimentelfernando

O governador Fernando Pimentel (PT) enviou nessa segunda (5) para a Assembleia Legislativa uma mensagem em que pede autorização para decretar estado de calamidade financeira. O decreto flexibiliza alguns pontos da Lei de Responsabilidade Fiscal, como a punição a gestores que ultrapassem os limites de gastos com servidores e o atraso no pagamento de dívidas.

Hoje, num encontro no Palácio da Liberdade, Pimentel irá repassar a representantes do Judiciário e do Legislativo as dimensões da crise financeira no Estado, com um pedido de ajustes em seus órgãos. Nesta terça (6), o governo do Estado anuncia como será pago o 13º do funcionalismo. A expectativa é que o benefício também seja parcelado, como já vem ocorrendo com os salários.

Parcelamentos

O decreto de calamidade financeira pode ajudar a justificar o parcelamento e evitar ações judiciais dos servidores. Neste ano, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul decretaram estado de calamidade financeira. A legislação brasileira não especifica esse tipo de calamidade, mas acredita-se que um decreto assim possa flexibilizar alguns itens da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), como cumprir prazos de controle de despesas de pessoal.

(O Tempo)

I Rodada de Disseminação Tecnológica em Fortaleza aborda potencial de crescimento e desafios

foto-eim-161206-evento

Presente e futuro da geração fotovoltaica, gestão financeira otimizada e organizações orientadas a dados. Essas são as abordagens da I Rodada de Disseminação Tecnológica em Fortaleza, eveno que ocorrerá nesta terça-feira (6), das 14 às 17 horas, no auditório da EIM Instalações Industriais.

Durante a I Rodada, o Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação (ITIC) apresentará duas tecnologias.

A primeira é o OMINIS, sistema que utiliza recursos de software open sourceespecíficos para data mining e business inteligence para ajudar a definir, qualificar e quantificar informações cruciais para a tomada de decisão de uma organização, assim como estabelecer um modelo de predição em cenários conjecturais adversos, automatizando todo o processo de coleta, armazenamento e carga de dados.

A outra tecnologia é a Gestão Otimizada da Liquidez Diária (GOLD), voltada para gestão financeira do fluxo de caixa para pequenas, médias e grandes empresas. Objetiva maximizar o saldo proveniente das operações diárias de receitas e despesas através do uso de modelagem matemática considerando taxas de rentabilidade dos produtos (ativos) praticadas no mercado financeiro.

Já a Infitech Automação (DPM Engenharia) abordará a realidade do mercado brasileiro e mundial de geração fotovoltaica, com significativo potencial de crescimento e uma série de oportunidades e desafios. Dará ênfase nas novas tendências tecnológicas e de mercado.

A I Rodada de Disseminação Tecnológica é um evento realizado pelo Instituto de Tecnologia e Inovação Gestino (Instig) em parceria com o ITIC e a Infitech, contando com o apoio da EIM e da Escola Industrial.

SERVIÇO

*As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo telefone (85) 3474 5000.

EIM Instalações Industriais – Avenida Washington Soares, 5700, Cambeba.