Blog do Eliomar

Categorias para Economia

Trabalhadores vão parar em protesto contra venda de ativos da Petrobras

166 1

“Trabalhadores ligados ao Sindicato das Empresas de Distribuição de Combustíveis do Estado do Rio de Janeiro (Sintramico-RJ) decidiram hoje (7), em assembleia, parar as atividades no próximo dia 24 em protesto contra o Plano de Negócios da Petrobras 2015-2019, que prevê a venda de ativos (patrimônio) da empresa, redução de investimentos e venda de até 25% das ações da Petrobras Distribuidora (BR), empresa voltada para a comercialização de derivados de petróleo. A assembleia reuniu empregados que trabalham na logística dos aeroportos do estado. Os trabalhadores decidiram manter a mobilização nos próximos dias.

Na avaliação da presidenta do Sintramico-RJ, Lígia Deslandes, a paralisação destina-se a pressionar a Petrobras a manter as ações da empresa em poder de brasileiros. “A venda de ativos é uma forma dissimulada de privatizar”, disse.

O Sintramico decidiu, durante a assembleia, suspender as negociações entre os funcionários e a empresa, para a realização de acordo coletivo da categoria, que tem data-base em 1º de setembro.”

(Agência Brasil)

SESI do Ceará completa 67 anos de atividades

159 1

O SESI do Ceará, fundado em 7 de julho de 1948 e integrada ao Sistema FIEC, está comemorando 67 anos de atividades. Criado com objetivo de atender as necessidades das empresas, colaboradores e familiares, vem investindo na melhoria das relações de trabalho, na qualidade de vida do trabalhador e na produtividade industrial.

Bom lembrar: o primeiro superintendente do SESI/CE foi o advogado Hélio Ideburque Carneiro Leal, em 1950. Hoje, o cargo é ocupado pelo administrador de empresas César Augusto Ribeiro.

Atualmente, a entidade atua nas áreas de Vida Saudável, Saúde e Educação, por meio de unidades em Fortaleza, Maracanaú, Horizonte, Sobral, e Juazeiro do Norte, além de estar presente em diversas localidades por meio de unidades móveis.

Traduzindo em números suas ações: em 2014, foram 407.352 atendimentos em saúde, 14.927 em Vida Saudável e 102.343 em Educação, totalizando 524.622.

Sindiônibus diz que não pode dar mais do que 8,34% para grevistas

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), em coletiva nesta terça-feira, informou que, por conta do atual panorama socioeconômico do País, não há condição de oferecer um aumento maior que a inflação aos motoristas e cobradores em greve.

A categoria quer 13% de reajuste, enquanto o Sindiônibus oferece 8,34%.

O Sindiônibus informou também que está tranquilo sobre a paralisação, observando que não houve adesão suficiente. O TRT-7ª Região, em liminar, obrigou que 60% da frota de ônibus circulasse. Alguns desses ônibus tiveram os pneus furados nesta manhã de primeiro dia de greve.

A hora dos negócios ambientais

Com o título “Empreendedorismo sustentável”, eis artigo de Joaquim Cartaxo, superintendente estadual do Sebrae. Ele aborda os novos negócios que chegam se adequando a uma realidade de desenvolvimento sustentável. Confira:

No século XX, as empresas surgiram focadas no crescimento econômico, ampliando mercados consumidores e quantidade de empresas; aumentando a produção de resíduos e consumo de matérias-primas sem levar em conta que os recursos naturais e a capacidade de absorção da poluição do planeta são finitos.

Os impactos desse modelo no meio ambiente e sociedade passaram a ser questionados nos anos 1960; a Conferência de Estocolmo (1972) mundializou os debates sobre questões ecológicas; no documento Nosso futuro comum (1987), o desenvolvimento sustentável é concebido com o que “satisfaz as necessidades presentes, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias necessidades”; a Agenda 21, o resultado mais importante da Eco-92, “está voltada para os problemas prementes de hoje e tem o objetivo, ainda, de preparar o mundo para os desafios do próximo século. Reflete um consenso mundial e um compromisso político no nível mais alto no que diz respeito a desenvolvimento e cooperação ambiental.”

Nesse passo, surge o conceito de empreendedorismo sustentável que propaga a viabilidade de ganhos econômicos e melhorias socioambientais, a partir de oportunidades de negócios sociais e ambientais.

Negócios que visam a ganhos lucrativos e colaborar para o desenvolvimento sustentável, mantendo a empresa com os valores da sustentabilidade; ou negócios com o papel de meio para obter lucro, apenas.

São exemplos de negócio social: produção de roupas especiais para cadeirantes ou idosos; microcrédito; comércio justo fruto da parceria entre produtores e consumidores; oferta de alimentos aos mais pobres de forma mais acessível.

Compreendem negócios ambientais: energia solar, móveis construídos com madeira de reflorestamento, casas e pousadas ecológicas; turismo e lazer de natureza e culturais; produção de alimentos orgânicos, restaurantes vegetarianos; reciclagem de resíduos e reuso de água.

Joaquim Cartaxo

opiniao@opovo.com.br
Arquiteto e superintendente do Sebrae/CE.

Greve dos ônibus – Ida ao trabalho foi garantida. E a volta para casa?

pneue

Alguns ônibus já está com pneus secos ou furados.

Eis o flagrante registrado, nesta manhã de terça-feira, por populares em frente à sede do Sintro, que representa os motoristas e cobradores.

A categoria está em greve e garantiu, via liminar do TRT-7ª Região, a circulaçao de 60% da frota, no que viabilizou a ida de muitos trabalhadores para o emprego.

O problema agora é saber como vai ser a volta para casa.

Os motoristas e cobradores fazem passeata em direção aos terminais de ônibus, mas prometem realizar um ato em frente ao Paço Municipal ainda nesta terça-feira. Hora de pedir ao prefeito Roberto Cláudio que faça a mediação com o Sindiônibus.

A categoria reivindica 13% de reajuste salarial, enquanto empresários oferecem 8,8,34%.

Sindipetro e Apeoc fazem corpo a corpo no aeroporto de Fortaleza

193 1

poucoco

Nesta madrugada de terça-feira, membros dos sindicatos dos Petroleiros e Apeoc – estes dos docentes estaduais, fizeram corpo a corpo, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, junto aos parlamentares federais que seguiram para Brasília.

De acordo com Oriá Fernandes, presidente do Sindipetro/CE, hora de pedir apoio contra um projeto de lei do senador tucano José Serra que tira a exclusividade da Petrobras de explora o petróleo do pré-sal. Oriá define o projeto como oportunista.

O ato congregou cerca de 15 militantes das duas entidades e chegou a abordar apenas dois deputados federais: Vitor Valim (PMDB) e Chico Lopes (PCdoB), que prometeram apoio às categorias. Já Antonio Balhmann (Pros), Adail Carneiro (PHS) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB) também embarcaram, mas o movimento havia se encerrado.

Veja o que diz Oriá Fernandes sobre impactos negativos do projeto:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=HXHvX5JMa7g[/youtube]

(Foto – Paulo MOKsa)

Greve de ônibus não afeta rotina da cidade. Até agora.

unnamed (24)

Usuários de ônibus de Fortaleza conseguiram chegar ao trabalho, em sua grande maioria, nesta manhã de terça-feira. É o primeiro dia da greve anunciadas pelos motoristas e cobradores que estão cumprindo determinação, via liminar do Tribunal Regional do Trabalho, de que que deve circular 60% da frota.

Os motoristas e cobradores reivindicam 13% de reajuste salarial e mudança na carga horária de trabalho, enquanto o Sindiônibus oferece 8,34%. Nos terminais de passageiros, o clima é de tranquilidade.

Alguns motoristas ouvidos pelo Blog chegaram a comentar: “A ida ao trabalho está assegurada, mas não sabemos se dará para garantir a volta”. Isso, de acordo com alguns, vai depender das negociações com o empresariado.

(Foto – Paulo MOska)

Receita abre na quarta-feira consulta ao segundo lote de restituição do IR

Cerca de 1,4 milhão de contribuintes que declararam Imposto de Renda neste ano vão receber dinheiro do Fisco. A Receita Federal abre na quarta-feira (8) consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2015. Ao todo, serão desembolsados R$ 2,348 bilhões.

A Receita também pagará R$ 151,9 milhões a 63.505 contribuintes que fizeram a declaração entre 2008 e 2014, mas estavam na malha fina. Considerando os lotes residuais e o pagamento de 2015, o total gasto com as restituições chegará a R$ 2,5 bilhões.

A lista com os nomes estará disponível a partir das 9h desta quarta-feira na página da Receita na internet (www.receita.fazenda.gov.br). A consulta também pode ser feita pelo Receitafone, no número 146.

(Agência Brasil)

Poupança tem maior retirada de recursos da história para o primeiro semestre

Pelo sexto mês seguido, a poupança registrou perda de recursos. Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (6) pelo Banco Central, os correntistas retiraram R$ 38,542 bilhões a mais do que depositaram no primeiro semestre. A caderneta registrou a pior captação líquida (diferença entre depósitos e retiradas) da história para o período.

De janeiro a junho, os brasileiros depositaram R$ 909,632 bilhões na poupança. No entanto, as retiradas somaram R$ 948,174 bilhões. Apenas em junho, os investidores sacaram R$ 6,261 bilhões a mais do que depositaram na poupança, também a pior captação líquida registrada para o mês. No mês passado, os depósitos somaram R$ 162,854 bilhões, mas os saques totalizaram R$ 169,114 bilhões.

Nos últimos meses, vários fatores estão provocando a fuga de recursos da poupança. Em primeiro lugar, a alta da Selic (taxa básica de juros da economia) tornou a poupança menos atraente que outras aplicações. Segundo a Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), a caderneta é mais vantajosa do que os fundos de investimento apenas quando as aplicações são inferiores a seis meses, apesar de a poupança ser isenta de Imposto de Renda e de taxas de administração.

A alta da inflação também contribuiu para a perda de atratividade da poupança. Nos últimos 12 meses, a caderneta rendeu 7,43%, o equivalente à Taxa Referencial mais 6,17% ao ano.

(Agência Brasil)

Comissão da Lei das Licitações debaterá Regime Diferenciado de Contratações

A comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa mudanças na Lei das Licitações (Lei 8.666/93) vai debater, nesta quarta-feira, às 15 horas, o Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC).

Um dos convidados para a audiência, por iniciativa do deputado Nelson Marchezan Junior (PSDB-RS), é o engenheiro e empresário da construção civil Luís Roberto Ponte. Ex-deputado federal, ele foi o autor do projeto que originou a Lei das Licitações. Ponte também foi secretário estadual de Desenvolvimento Social do Rio Grande do Sul no governo Germano Rigotto e ministro-chefe do Gabinete Civil da Presidência da República no governo Sarney.

Marchezan Junior ressalta que “a Lei de Licitações representa instituto jurídico que preserva a idoneidade das contratações com a administração pública” e defende um amplo debate sobre sua modificação, por isso considera de grande importância discutir o tema com Luís Roberto Ponte.

(Agência Câmara)

 

Comissão externa discute isenção de ITR de imóveis às margens do rio São Francisco

A Comissão Externa da Transposição do Rio São Francisco debaterá, nesta terça-feira, o Projeto de Lei 202/15, que isenta do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR) o imóvel rural localizado à margem do rio São Francisco, dos seus afluentes e de suas nascentes, em que a vegetação das áreas de preservação permanente (APP) esteja preservada ou em processo de recomposição.

Foram convidados para o debate o autor do projeto, senador Otto Alencar (PSD-BA), e o prefeito de Aracajú, João Alves Filho.

A audiência será realizada às 14h30min, no plenário 16, da Câmara.

Fraudes no cartão de crédito – Quem paga?

“Comerciantes e credenciadoras de cartões estão nos tribunais para discutir quem deve suportar prejuízos gerados por fraudes no comércio eletrônico. Apesar de constar nos contratos que a conta deve ficar com os lojistas, tribunais estaduais têm entendido que as credenciadoras, que autorizam as vendas, devem também assumir riscos do negócio.

Em decisão recente, o Tribunal de Justiça de São Paulo considerou abusivas cláusulas contratuais e condenou a Redecard (atual Rede) a pagar R$ 53,7 mil a um lojista, referentes a compras não reconhecidas por um titular de cartão.

“A recorrente [Redecard] não nega ter autorizado a venda, de modo que se mostra incabível a posterior recusa de pagamento e a tentativa de classificar a conduta da comerciante como desidiosa”, diz o desembargador Felipe Ferreira.”

(Valor Econômico)

Definido o calendário para pagamento dos recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador

“Resolução publicada no Diário Oficial da União de hoje (6) pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalho (Codefat) apresenta o novo calendário para pagamento de recursos do Fundo de Amparo ao Trabalho (FAT) destinados a seguro-desemprego e abono salarial para o exercício 2015 e 2016.

O FAT tem uma previsão orçamentária de R$ 17,1 bilhões a serem desembolsados para pagamento do abono salarial de 23,4 milhões de trabalhadores em 2016. Outros R$ 34.8 bilhões serão usados para pagamento do seguro-desemprego de 7,9 milhões de trabalhadores. Dessa forma, estima-se que serão pagos cerca de R$ 52 bilhões com esses benefícios. O Conselho já havia aprovado um orçamento de R$ 76,4 bilhões para o FAT, informou por meio de nota o Ministério do Trabalho.

O calendário de pagamento do abono salarial tem início no dia 22 de julho, seguindo até março de 2016. De acordo com a tabela publicada, quem tiver nascido entre os meses de julho e dezembro receberá o benefício ainda nesse ano, enquanto os nascidos entre janeiro e junho receberão no primeiro trimestre do ano que vem.

O benefício é pago a quem recebeu em média até dois salários mínimo mensais no ano anterior com carteira assinada. É necessário que o trabalhador esteja cadastrado no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).”

(Agência Brasil)

Mercado financeiro eleva projeção da inflação para 2015

“Instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) elevaram pela 12ª semana seguida a projeção para a inflação de 2015. Desta vez, a estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu de 9% para 9,04%. Há quatro semanas, a projeção estava em 8,46%. Para 2016, a estimativa caiu de 5,50% para 5,45%. O próprio BC projeta inflação em 9%, este ano, muito acima do teto da meta (6,5%). O BC só espera alcançar o centro da meta (4,5%) em 2016.

Para tentar frear a alta dos preços, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC tem elevado a taxa básica de juros, a Selic. A taxa já foi elevada seis vezes seguidas e o BC tem sinalizado que o ciclo de alta continua. A próxima reunião do comitê está marcada para os dias 28 e 29 deste mês. Atualmente, a Selic está em 13,75% ao ano e as instituições financeiras esperam que a taxa chegue a 14,5% ao final deste ano. No final de 2016, a Selic deve ficar em 12,06% ao ano de acordo com a mediana (desconsidera os extremos nas projeções) das expectativas.

A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reajustá-la para cima, o BC contém o excesso de demanda que pressiona os preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Quando reduz os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.

Embora ajude no controle dos preços, o aumento da taxa Selic prejudica a economia, que atravessa um ano de recessão, com queda na produção e no consumo. A expectativa das instituições financeiras para a retração da economia, este ano, passou de 1,49% para 1,50%.”

(Agência Brasil)

Petista que comanda Sindicato dos Bancários em busca do apoio de Camilo Santana

unnamed (23)

O presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra, filiado ao PT, foi em busca do apoio do governador Camilo Santana (PT), no fim de semana.

É que nesta terça-feira começa a votação para renovação da diretoria da entidade. Bezerra, ligado à CUT, terá como adversário Aílton Lopes, que disputou o Governo pelo PSOL contra Camilo. Ele conta ainda com o respaldo da CSP-Conlutas.

Carlos Bezerra apresentou ao governador documento sobre ataques a bancos no Estado, pedindo apoio.

Foram 43 ataques até gora, incluindo o assalto ao Bradesco de Barreira, nesta madrugada de segunda-feira.

Eurogrupo decide sobre futuro da Grécia nesta terça-feira

“O Eurogrupo anunciou hoje (6) que vai se reunir amanhã (7), às 13 horas (hora local), em Bruxelas para analisar o resultado do referendo de domingo (5) na Grécia, em que venceu o não. O Eurogrupo espera que a Grécia apresente novas propostas aos credores internacionais.

A reunião dos ministros das Finanças da zona do euro, que já não terá a presença do ministro das Finanças, Yannis Varoufakis, que pediu demissão hoje, antecede uma reunião de cúpula extraordinária dos países da moeda única, agendada para as 18h locais.

Nesse domingo, os gregos rejeitaram, por ampla maioria, as propostas dos credores internacionais (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional), abrindo caminho à incerteza sobre a permanência da Grécia na zona do euro. O não às propostas dos credores obteve 61,31% no referendo, segundo números definitivos divulgados pelo Ministério do Interior.

Com a totalidade dos votos contados, o sim foi a escolha de 38,69% dos gregos, enquanto 5,8% foram brancos ou nulos. A abstenção foi 37,5%, em um universo de quase 10 milhões de eleitores. O Eurogrupo espera que a Grécia apresente novas propostas aos credores internacionais, depois do referendo do domingo no país, em que venceu o ‘Não’.”

(Agência Brasil)

Camilo recebe para café da manhã o presidente da Fiec

186 1

O governador Camilo Santana (PT) receberá para um café da manhã , nesta segunda-feira, no Palácio da Abolição, o presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec). O assunto: mobilização sobre o hub da TAM para Fortaleza.

É a luta do governo estadual pela conquista da ponte de conexão de voos internacionais da TAM, numa disputa que Fortaleza, Natal (RN) e Recife 9PE).

Mas nem tudo será hub da TAM nesse café da manhã com o governador. O presidente da Fiec aproveitará e vai apresentar também o plano que a entidade desenvolverá no campo da indústria para alavancar alguns setores Beto Studart pedirá o apoio de Camilo Santana.

SRT convoca Sintro e Sindiônibus para tentar acordo que evite a greve já anunciada

A Superintendência do Trabalho e Emprego está convocando os representantes do Sintro, sindicato dos motoristas e cobradores, e o Sindiônibus para uma reunião, a partir das 8h30min desta segunda-feira.

O objetivo é tentar um acordo entre motoristas e cobradores e os empresários de ônibus, diante da ameaça anunciada de greve no transporte coletivo de Fortaleza, prevista para zero hora de terça-feira.

Nos últimos dias, houve ataques a ônibus e agressões. O Sintro nega a autoria, enquanto o Sindiônibus faz acusações. A situação chegou a um clima de saturação, no que a SRTE decidiu convocar as partes em busca de uma solução.

O Sintro reivindica reajuste salarial de 13% , R$ 130,00 de cesta básica, R$ 13,00 de vale-refeição e mudança na jornada de trabalho, este item o que entrava a negociação com o Sindiônibus, que oferece 8,34% de reajuste, correspondente à inflação do período.

Referendo mostra que democracia não pode ser chantageada, diz Tsipras

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse que o referendo desse domingo (5) mostrou que a democracia não pode ser chantageada e negou que a provável vitória do ‘Não’ signifique uma ruptura com a Europa.

“Quero agradecer a todos, independentemente de como votaram. Os gregos fizeram uma escolha corajosa que vai mudar o debate na Europa”, disse Tsipras em um discurso transmitido pela televisão.

O referendo na Grécia, o primeiro desde 1974, vai definir se a população aceita ou não o programa de ajuste apresentado pelos credores internacionais (Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu) há mais de uma semana.

(Agência Brasil)

Resultado de referendo na Grécia é primeiro passo para saída da zona do euro

Após votar majoritariamente contra as propostas dos credores internacionais no referendo deste domingo (5), a Grécia deu o primeiro para a sua saída da zona do euro, avaliou o vice-ministro da Economia russo, Alexei Likhachev. Ele considerou, no entanto, prematuro afirmar que a Grécia “irá até o fim do caminho”.

Os eleitores gregos rejeitaram, em referendo realizado neste domingo, as propostas dos credores internacionais – Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional. Com mais da metade dos votos contados, o “não” lidera com folga.

(Agência Brasil)