Blog do Eliomar

Categorias para Fortaleza

Fortaleza vence com “gol relâmpago” e volta à liderança na Série C

Com um gol a menos de um minuto de partida, o Fortaleza venceu o Salgueiro/PE, neste sábado (29), no Castelão, e assumiu a liderança do Grupo da Série C do Campeonato Brasileiro. Lúcio Flávio aproveitou a “sobra” da zaga pernambucana e chutou livre de marcação. O Fortaleza poderá confirmar a liderança, caso o CSA não derrote o Botafogo/PB, no estádio Rei Pelé, em Maceió, neste domingo (30).

Mesmo que encerre a rodada na segunda colocação, o Fortaleza deu um importante passo para a segunda fase da competição, ao abrir sete pontos de diferença para a primeira equipe fora do G4, no caso o próprio Salgueiro. O Leão volta a campo na noite do próximo sábado (5), contra o ASA, em Arapiraca.

Médico lamenta situação da saúde pública no País e culpa políticos

Do Facebook do ex-vereador de Fortaleza e médico José Maria Pontes, sobre a situação nos hospitais públicos:

Fui ao Frotinha de Parangaba resolver um problema burocrático e fiquei chocado com o que vi. Trabalhei muitos anos naquela emergência e aprendi a gostar daquele hospital, apesar de todas dificuldades.

Fui à cozinha cumprimentar as cozinheiras, fui ao centro cirúrgico cumprimentar aquelas abnegadas funcionárias da enfermagem e fui à emergência cumprimentar o pessoal do plantão. E, ao entrar, tomei um susto, pois não esperava ver o que vi: mais de 60 pessoas nas macas esperando um leito, macas normais e várias macas baixinhas deixadas pelas ambulâncias que chegam com os pacientes e como não tem onde deixá-los, são obrigados a deixar os pacientes com as macas; ninguém se entendia, não dava para caminhar livremente pela emergência, pois não tinha espaço, era maca colada em maca e eu fiquei pensando: o inferno é aqui.

Conversei com o pessoal da enfermagem e pensei: que pessoal abnegado! Ao passar pelo corredor o encontrei cheio de macas que quase me impedia de caminhar e no corredor interno muita gente sendo hidratada com soro e todas sentadas em cadeiras desconfortáveis.

Quero parabenizar aqueles funcionários, dos médicos ao pessoal da limpeza por ter que tratar aqueles pacientes em um ambiente tão hostil e continuar dando conta do recado, apesar deste ministro da saúde vagabundo dizer que médicos no Brasil fazem de conta que trabalham.

Encontrei uma colega médica que estava desesperada sem saber o que fazer com aquela tragédia e pensei: se esta colega continuar trabalhando nestas condições vai morrer cedo.

Depois de muitos e muitos anos lutando, tentando melhorar a saúde pública, a vejo cada dia pior. Fiquei muito chocado com tudo que vi. Mas não terminou: estava já no carro saindo do hospital quando uma amiga de longos anos me viu, ainda na parte interna do hospital, me deu com a mão, parei o carro e ela se aproximou desesperada e me pediu para arranjar um leito para o seu filho que estava há vários dias naquela emergência, deitado em maca desconfortável, vítima de um acidente e que esperava um leito para que ele pudesse ser operado, no início fiquei sem saber o que dizer, depois resolvi explicar para aquela sofrida mãe as condições da saúde pública no nosso pais.

Quando consegui sair do hospital, vinha sozinho no carro pensando: enquanto dezenas de milhares de brasileiros se encontram naquelas condições de desespero à procura de um leito para puder se tratar, o nosso presidente está gastando bilhões e bilhões de reais para comprar parlamentares para que os mesmos votem no dia 2 de agosto na sua inocência. Este presidente traidor do povo trabalhador brasileiro e representando dos grandes banqueiros e empresários brasileiros.

Tenho nojo destes políticos que resolveram assaltar nosso país, deixando nosso povo na miséria e 14 milhões de desempregados, com a violência rondando nossas casas e os usuários do SUS morrendo por falta de uma saúde pública de qualidade.

Desculpem o desabafo, mas o que meus olhos viram, fiquei na obrigação de falar para todos meus amigos do Facebook e peço encarecidamente que cada pessoa que ler esta postagem por favor compartilhe. Temos que reagir.

“Território do crime” – Não basta somente a Polícia entrar

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (29), pelo jornalista Érico Firmo:

Diante do assassinato do jovem que não cumpriu a determinação criminosa de baixar o vidro da janela do carro ao entrar na Alameda das Palmeiras, no Ancuri, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, voltou a dizer que não há territórios aos quais policiais não cheguem.

“Não existe isso de locais em que a Polícia não vá, não entre, não atue”.

Tudo bem, mas isso é pouco. Muito pouco. Quase nada. A Polícia entrar em qualquer lugar é o mínimo, o elementar. Para além disso, teríamos instituído Estado paralelo, controle absoluto de territórios pelo crime, desmoralização do poder público. Não é desse estágio que estamos falando, felizmente.

Porém, além de a Polícia entrar, é preciso que a população entre, circule livremente e em segurança. O que vemos hoje é o crime estabelecendo regras para determinadas áreas. Quando a Polícia chega lá, a coisa muda. Mas policiais não permanecem lá para sempre. Isso é impossível. Quando se retiram, restitue-se a “lei” paralela dos que estão sempre lá.

O POVO visitou seis desses territórios. Os relatos dos moradores, em regra, dão conta de que são locais tranquilos, desde que as normas determinadas pelo domínio criminoso das áreas. É uma calma permeada pelo medo. Isso também é desmoralizante para o Estado de direito.

Explosão no Otávio Bonfim foi causada por vazamento de gás de cozinha

527 1

Moradores dos bairros Otávio Bonfim, Parque Araxá, Monte Castelo e Farias Brito ouviram na noite dessa sexta-feira (28) uma forte explosão, como se fosse uma queima de transformador de energia ou colisão de veículos. O estrondo, no entanto, foi causado pela explosão de um botijão de gás, diante do acionamento de um interruptor de luz.

O acidente ocorreu em um prédio residencial, na rua Rúbia Sampaio com a avenida Domingos Olímpio, no Otávio Bonfim, após o morador de um dos apartamentos não perceber o vazamento de gás.

Uma criança, uma mulher e quatro homens ficaram feridos. Em uma primeira avaliação do Corpo de Bombeiros, a estrutura do prédio poderá estar comprometida.

(Foto: Leitor do Blog)

Fortaleza sofre com briga entre facções criminosas

337 1

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (29):

Virou piada entre a turma da bandidagem, e até mesmo entre especialistas, a informação da Secretaria da Segurança Pública do Ceará (SSPDS) de que não há bairros em Fortaleza onde a lei é a das facções.

No Morro do São Tiago, Parque Leblon 1 e 2 e no Gueto, na Barra do Ceará; no Coqueirinho e Mangueira, no Curió, e em áreas da Sapiranga e Lagamar, para citar alguns lugares, a ordem é entrar sem capacete se tiver de moto. Também impera a de andar no carro de vidros baixos.

No Ancuri, por exemplo, onde o motorista Guilherme Silva, da Uber, foi assassinado, segue o mesmo código. As quadrilhas se protegem dessa forma dos inimigos.

No fim de 2015, quando O POVO falou da pacificação das facções, a SSPDS também riu. Mas a torcida é para que a polícia ria por último. Sempre.

Falando em lei da bandidagem, oficiais de justiça de Fortaleza decidiram em documento: não cumprirão mais mandados nos conjuntos Tasso Jereissati e Tancredo Neves. Por causa do fim da paz entre facções do pedaço.

Anuário do Ceará – “É o amágama da diversidade cearense, que une elementos, que une as diferenças”, diz Luciana Dummar, durante lançamento

“Este País só vai renascer através da educação. O Anuário é um grande instrumento para que crianças, professores e sociedade fiquem atualizados sobre o nosso Ceará”.

A observação é da presidente do Grupo de Comunicação O POVO, Luciana Dummar, nessa quinta-feira (27), no Viriato Buffet, no Parque Manibura, durante o lançamento do Anuário do Ceará 2017/2018. A publicação é a mais antiga em circulação no Estado, com cerca de 150 anos, mas há 15 anos reformulada pelo grupo de Comunicação O POVO, este ano com 640 páginas em 11 capítulos.

“O Anuário é o amálgama da diversidade cearense, que une elementos, que une as diferenças”, completou Luciana Dummar.

Para o prefeito Roberto Cláudio, o Anuário “apresenta perspectivas, cenários e é útil para pesquisas e análises precisas e isentas”.

Já o governador Camilo Santana o Anuário “já faz parte da vida do povo cearense, com uma riqueza de conteúdo é infindável”.

(Fotos: Paulo MOska)

Lei do Silêncio – Cidadão, órgãos públicos e entidades poderão sugerir alterações até 31 de agosto

Com o propósito de ouvir as entidades representativas dos músicos e artistas, órgãos públicos do meio ambiente, Polícia Militar, Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), entidades da área de turismo e demais representantes da sociedade civil, a Câmara Municipal de Fortaleza instalou nessa quarta-feira (26) a Comissão Especial Vida e Arte que vai analisar possíveis mudanças na chamada Lei do Silêncio, em vigor há 20 anos.

“Nossa intenção é atualizar a lei, assegurando esse direito de ter tranquilidade a todo cidadão de Fortaleza, ao mesmo tempo garantir que profissionais como, músicos, compositores e intérpretes possam ter suas atividades profissionais garantidas”, afirmou o presidente do Legislativo de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), que estabeleceu até o dia 31 de agosto o prazo para que a sociedade possa colaborar com sugestões e opiniões à Lei do Silêncio.

“Estamos com esse compromisso de ouvir todas as partes para possíveis alterações na Lei do Silêncio. Não somos contra a Lei do Silêncio, pelo contrário. Ela é muito importante para a nossa sociedade”, comentou o vereador Dr. Eron, presidente da comissão, que ficou formada ainda pelos vereadores Michel Lins (PPS), Evaldo Costa (PRB), Eliana Gomes (PCdoB), John Monteiro (PDT), Ésio Feitosa (PPL) e Guilherme Sampaio (PT).

Participaram da solenidade de instalação da comissão a promotora de Justiça, Jaqueline Faustino; Tenente Coronel Mota, comandante do Batalhão da Polícia de Meio Ambiente; Davi Maciel, promotor de Direito Ambiental da OAB, Tony Maranhão, presidente da Ordem dos Músicos do Brasil, Secção Ceará; Rodolphe Trindade, presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (Abrasel-CE); José Valdo Mesquita, da Secretaria de Turismo do Ceará; Ítalo da Costa, representando a Associação dos Fiscais do Município de Fortaleza; Vinícius Medeiros, representando as promotorias de Justiça e Defesa da Saúde Pública; Herberson Rozamato, presidente da Associação Cearense dos Músicos; Elaine Pereira Bezerra, da Comissão de Saúde da OAB; Antônio Alves Morais Neto, presidente do Sindicato de Bares, Restaurantes e Barracas de Praia do Estado do Ceará; Nádia Santos Costa, gerente de normalização e valorização da AGEFIS e Daniel Domingos, representando o Sindicato dos Músicos.

(com informações da Agência Fortaleza / Foto: Divulgação)

20 anos de vigência – Salmito instala nesta quarta-feira comissão que debaterá a Lei do Silêncio

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), instalará, às 15 horas desta quarta-feira (26), a Comissão de Apoio Técnico e Legislativo, conhecida como Vida e Arte, que passará a debater a Lei do Silêncio. Neste ano, essa lei completa duas décadas de vigência.

Para Salmito, é preciso debater com clareza, com franqueza, a situação dos músicos na cidade de Fortaleza no que trata as leis sob todos os níveis.

“A nossa cidade tem no grande potencial turístico um dos seus principais potenciais econômicos. Dar as costas a essa realidade nos desfavorece, pois faz parte do nosso dia a dia e nossa história”, ressaltou o presidente do Legislativo de Fortaleza, que, no início de junho, presidiu audiência pública que discutiu com músicos e presidentes de sindicatos e associações da categoria os problemas que os artistas enfrentam com a lei, em vigor há 20 anos. De acordo com os músicos, a lei não mais se adequa à realidade das grandes cidades.

A comissão terá como integrantes os vereadores Eron Moreira (PP), Ésio Feitosa (PPL), Jonh Monteiro (PDT), Eliana Gomes (PCdoB), Michel Lins (PPS), Evaldo Costa (PRB) e Guilherme Sampaio (PT).

(Foto – Divulgação)

Câmara Municipal de Fortaleza discute Lei do Silêncio na terça-feira

A Comissão de Apoio Técnico e Legislativo da Câmara Municipal de Fortaleza discute na terça-feira (25), a partir das 15 horas, a Lei do Silêncio, que neste ano completa duas décadas de vigência.

Para o presidente da Comissão, vereador Eron Moreira (PP), o lei necessita ser rediscutida, após a cidade se transformar em 20 anos.

“A gente vai realizar um debate produtivo, que vai encaminhar pelas grandes mudanças, principalmente respeitando a Lei do Silêncio. Aqui ninguém é contra a Lei do Silêncio. Somos favoráveis aos trabalhadores da noite, que estão tendo seus equipamentos apreendidos”, comentou Eron Moreira.

(Foto: Divulgação)

Fora de casa – Fortaleza “acorda” na Série C e volta a vencer após quatro jogos

Após quatro jogos sem vitória na Série C do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza voltou a mostrar o bom futebol do início da competição e derrotou o Botafogo da Paraíba, na noite dessa sexta-feira (21), em pleno estádio Almeidão, em João Pessoa, por 2 a 0, com gols de Bruno Melo, um em cada etapa da partida.

Com o resultado, o Fortaleza mantém a vice-liderança do Grupo A, com 18 pontos, cinco a mais que os dois primeiros times na boca do G4, Remo e Cuiabá, que jogam na segunda-feira (24), contra o ASA e o Confiança, respectivamente.

O Fortaleza volta a campo no próximo sábado (29), no estádio Presidente Vargas, diante do Salgueiro/PE.

Praça do Ferreira – Cartão postal de Fortaleza segue ocupada por pessoas em situação de rua

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (21):

A Praça do Ferreira, um dos cartões postais do Centro de Fortaleza, virou mesmo um dormitório a céu aberto. O local, que concentra muito da história da Cidade e congrega gente em torno de um comércio bem animado, mesmo em tempos de crise, está tomado por moradores de rua.

Nada contra essa gente que, de certa forma, paga o preço pela injustiça institucionalizada, mas isso faz o cidadão indagar: cadê a Prefeitura, que não resolve o problema?

Ali, há famílias disputando espaços nas galerias e sob a marquise de lojas para esparramar colchões velhos. Claro que há também aqueles tragados pelo crack e um rastro diário de mau cheiro que transforma a praça num mar de ureia.

Aliás, há Secretaria Regional Centro, há Secretaria do Desenvolvimento Social e existem, enfim, vários órgãos municipais operando. Mas essa agenda de abandono, que atinge também a Praça José de Alencar, insiste em continuar fora das prioridades.

DETALHE – A foto é de 2015, mas a situação ainda é a mesma.

Fortaleza tem madrugada de chuva pelo segundo dia seguido

O fortalezense foi surpreendido com a segunda madrugada seguida de chuva, nesta sexta-feira (21), com a temperatura mínima na casa dos 22°C, uma das mais baixas do ano, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Apesar da previsão de chuva também nesta manhã, o calor deverá voltar no período na tarde, na casa dos 31°C. Mesmo assim, este mês a temperatura tem sido abaixo da média do ano, diante do inverno no Hemisfério Sul.

No próximo mês, com o início dos ventos fortes, Fortaleza deverá aliviar o calor, diante de uma máxima em torno de 30°C.

Nesta sexta-feira, de acordo com a Funceme, há possibilidade de chuva em todo o Ceará.

Fortaleza 2040 – Eudoro recebe maior comenda da FCDL

O superintendente do Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), Eudoro Santana, recebeu na noite desta quinta-feira (29), no Theatro José de Alencar, o troféu Clóvis Rolim, a mais alta comenda da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL).

Eudoro se disse bastante emocionado com a homenagem e dividiu o reconhecimento com a própria FCDL e também com a CDL, diante da participação das duas entidades no projeto Fortaleza 2040.

“Um projeto dessa natureza tem que ser profundamente articulado com todas as políticas para que haja um resultado positivo para a cidade”, comentou Eudoro.

(Foto: Paulo MOska)

Procurador da Lava Jato diz em Fortaleza que destino do País não será mudado, enquanto sociedade for passiva

Demonstrando simpatia com todos e respostas na ponta da língua sobre questões polêmicas da Lava Jato, o procurador Deltan Dallagnhol proferiu palestra na Fiec, na noite desta quinta-feira (20), lotando dois auditórios.

Ele criticou a passividade da sociedade e disse que nosso destino não será mudado enquanto não tomarmos decisões voltadas a isso. Nesse sentido, disse que a Lava Jato e apenas um momento dessa mudança necessária.

Antes da palestra, Dallagnhol recebeu os jornalistas e respondeu as perguntas sobre Lula, parcialidade, Temer entre ourtos assuntos.

(Foto: Paulo MOska)

4 jogos sem vitória – Fortaleza despreza equilíbrio na Série C e só empata com Remo em casa

Três pontos separam o grupo de acesso à Série B do próximo ano – o chamado G4 – do grupo do rebaixamento à Série D. Essa proximidade entre o “céu” e o “inferno” na Série C parece não chamar a atenção do Fortaleza, que na noite desse domingo (16) desperdiçou a chance de vitória em casa, ao empatar com o Remo, em 1 a 1, no estádio Presidente Vargas.

Apesar do empate e do quarto jogo sem vitória, o Fortaleza é o vice-líder do Grupo A, mas poderá deixar o G4, na próxima rodada, caso perca para o Botafogo da Paraíba, na sexta-feira (21), em Campina Grande.

O Remo abriu o placar com Luiz Eduardo, aos 10 minutos de partida, enquanto Paulo Sérgio empatou para o Fortaleza, aos 31 minutos do primeiro tempo. Após os dois gols da partida, a torcida teve que assistir a um festival de erros de passes e finalizações dos dois times.

Moroni assume o Paço Municipal a partir desta segunda-feira

168 1

Enquanto o prefeito Roberto Cláudio (PDT) se encontra nos Estados Unidos, como único prefeito do Brasil convidado da Fundação Boomblerg e Universidade de Harvard (com tudo pago) para curso de gestores públicos, o vice-prefeito Moroni Torgan (DEM) despacha no Paço Municipal, a partir desta segunda-feira (16).

Moroni ocupará o cargo de gestor de Fortaleza por toda a semana, com uma pauta de inaugurações, além de tratar do plano de instalação das primeiras cabines de videomonitoramento da Guarda Municipal.

Reforma trabalhista é fichinha diante da realidade trabalhista

Em comentário enviado ao Blog, leitor e servidor público que pediu para não ser identificado relata situação de exploração de trabalhadores no comércio de Fortaleza. Confira:

Em meio ao registro de minhas compras, na manhã deste domingo (16), em um supermercado na Parquelândia, a caixa me pediu “um minutinho” para bater o seu ponto de intervalo para o almoço. A princípio fiquei boquiaberto com a situação de tamanho descaso para com o cliente, pois teria que cancelar as compras já registradas e enfrentar nova fila em outro caixa, ou então aguardar por uma hora, na mesma fila, até o retorno do atendimento.

Surpresa maior não foi o retorno do atendimento em “um minutinho”, mas a sua conclusão pela mesma caixa, que deveria estar se alimentando.

Perguntei se ela iria almoçar após concluir o meu atendimento e a resposta veio em forma de um leve sorriso. Não de satisfação, mas pelo reflexo da minha ingenuidade, diante da realidade imposta a milhões de trabalhadores neste País.

Entendi quão tola é minha indignação pela inclusão de algumas emendas na reforma trabalhista, diante do verdadeiro quadro de exploração de nossos trabalhadores.

Não, a caixa não iria almoçar após o meu atendimento. Nem minutos depois, nem em hora alguma. No máximo, iria engolir uns biscoitos ou uma fruta no horário de menor movimento.

O mais grave é que aquela hora trabalhada de graça depõe contra a própria trabalhadora. A rigor, ela não deveria estar operando o caixa. Qualquer falta de centavo poderá virar inquérito policial por furto (de menor potencial ofensivo, é verdade), diante da manipulação do dinheiro sem vínculo trabalhista, no momento. Uma coisa é a “quebra” de um caixa, quando em meio ao trabalho. Outra é faltar dinheiro, com o funcionário mexendo no caixa fora do expediente.

O mais triste é o conforto da caixa para aquela situação de exploração: a condição dos trabalhadores em mercadinhos da periferia. Muitos, sequer a folga semanal podem gozar. Quem dera o pagamento por um salário mínimo…

Anuário do Ceará – Salmito ocupa primeira posição no ranking de influência

184 1

Da Coluna dominical do Alan Neto, no O POVO deste domingo (16):

Presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), ocupa primeira posição no ranking de influência, de acordo com levantamento feito pelo Anuário do Ceará 2017-2018. Leitor pode, ainda, conferir os resultados da Assembleia Legislativa e bancada cearense no Congresso Nacional. Lançamento do Anuário, dia 27, Viriato Buffet, 20 horas.

DETALHE 1 – Na foto acima (Facebook), Salmito reafirmando sua admiração por Luiz Gonzaga, “o grande responsável pela construção de uma identidade cultural do Nordeste do Brasil, cantando a flora, a fauna e os costumes do nosso povo”.

DETALHE 2 – O presidente do Legislativo de Fortaleza percorreu de carro o Sertão Central do Ceará, o Cariri e parte do sertão pernambucano, para mostrar a cultura cearense e nordestina à família. Para Salmito, o reconhecimento e a valorização da cultura regional começam na família.

Alcione faz show em Fortaleza na próxima semana

228 1

A cantora Alcione estará em Fortaleza, na próxima quinta-feira (20), no Teatro RioMar Fortaleza, para apresentação de seu novo show “Alcione Boleros”.

O espetáculo é uma fusão dos maiores sucessos da artista com alguns dos mais conhecidos boleros que também já estão confirmados em seu próximo álbum.

No repertório interpretado em português e espanhol, integram canções clássicas e inéditas da Marrom.

(Foto: Divulgação)

Cearenses poderão ver eclipse solar mais esperado de 2017

No dia 21 de agosto próximo ocorrerá um eclipse solar. Países como os Estados Unidos poderão testemunhar o eclipse total, enquanto em Fortaleza e outras regiões brasileiras verão o fenômeno parcialmente.

Em entrevista ao O POVO Online, o astrônomo Dermeval Carneiro explicou que “o eclipse solar do dia 21 de agosto (segunda-feira) será o melhor visto no Norte do Brasil e na parte Norte do Nordeste brasileiro”.

O astrônomo ainda aconselhou: “Nunca se deve observar um eclipse a olho nu. Sempre que possível, usar filtros e nunca apontar telescópios ou outros equipamentos para o Sol sem a orientação de um especialista”.

Ainda segundo o astrônomo Dermeval, o eclipse poderá ser agraciado no mundo inteiro, acontecendo de forma total nos Estados Unidos e de forma parcial no Brasil.

“Em Fortaleza, o eclipse será parcial e vai começar por volta das 16h30min. E a Lua deixará de encobrir parte do limbo do Sol por volta das 17h30min”, informou Dermeval ao O POVO Online.

O eclipse solar acontece quando a Lua se interpõe entre a Terra e o Sol, ocultando total ou parcialmente a sua luz em uma estreita faixa terrestre. Quando o fenômeno acontece, o Sol parece desaparecer.

Na astronomia, um eclipse ocorre sempre que corpos celestes estão alinhados de forma que a visão de um deles fica impedida por causa desse alinhamento.

(O POVO Online)