Blog do Eliomar

Categorias para Fortaleza

Nas redes sociais, denúncias de crimes eleitorais e intimidação de policiais

60 1

Policiais em serviço no interior de zonas eleitorais e boatos rompimentos políticos são as mais graves denúncias nas redes sociais, na manhã deste domingo (2). Segundo os internautas, policiais do Ronda do Quarteirão estariam aguardando a chegada do candidato do PR à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, no interior da seção.

Caso a denúncia dos internautas seja verdadeira, os policiais estariam infringindo o artigo 141 da Lei Eleitoral, que diz que “a força armada conservar-se-á cem metros da seção eleitoral e não poderá aproximar-se do lugar da votação, ou dele penetrar, sem ordem do presidente de mesa”.

No Conjunto Palmeiras, internautas relatam intimidação de policiais contra pessoas que carregam bandeiras ou adesivos em suas roupas de eleitores de Roberto Cláudio.

Na Messejana, o crime eleitoral, segundo os internautas, seria o boato que o vereador Salmito Filho e Roberto Cláudio, ambos do PDT, haviam rompido. As assessorias dos dois candidatos lamentaram esse tipo de “baixaria” contra a democracia.

Heitor vota e passará o dia com a família

eleicoes-2016-votacao-fortaleza-psb-heitor

O candidato do PSB à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Férrer, votou por volta das 8 horas, no Colégio Justiniano de Serpa, no Centro, e passará o dia com a família.

Somente por volta das 17 horas, ao fim da votação, é que Heitor irá acompanhar a apuração dos votos com a militância e candidatos à Câmara Municipal de Fortaleza, no comitê de campanha.

Vale o quanto pesa

Da Coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (2):

Domingo de eleição. Escrevo na noite de sexta-feira com as pesquisas e o instinto pessoal apontando para uma disputa que vai para o segundo turno. Portanto, a conversa vai continuar. Noutro plano, é verdade. O papo do segundo turno é diferente. É um plebiscito com perguntas diversas a depender do interlocutor. Sim ou não à gestão de Roberto Cláudio? Sim ou não à sua continuidade?

E se o segundo turno for entre o prefeito e o Capitão, o eleitor vai querer encerrar a gestão de RC a favor do policial que entrou para a política? Um “sim” ao Capitão é um “não” a RC. Um “sim” a RC é um “não” ao Capitão. O que vai preponderar? São perguntas que vão motivar a reflexão dos eleitores. E se for Luizianne Lins (PT), a ex-prefeita, a chegar ao segundo turno com o prefeito?

Pois é. O fato é que segundo turno é eleição praticamente nova. Novas circunstâncias que impõem nova recomposição de forças. Dos candidatos que não passaram pra segunda etapa será exigido um posicionamento. Esses têm responsabilidade sobre milhares de eleitores que optaram pelos que não foram adiante. Responsabilidade decisiva numa eleição que promete ser muito disputada.

Tão disputada que a posição dos candidatos menos votados terá peso decisivo. Caso, por exemplo, João Alfredo (Psol) conseguir só os 2% ou o 1% que as pesquisas até aqui detectaram, creiam, o que ele disser, o que não disser e o que indicar no segundo turno poderá ter efeito significativo para o resultado da disputa. Imaginem então o peso de Heitor Férrer (PSB).

Que façam política. Que tomem suas decisões de acordo com o que o jogo pede. Que não se coloquem no plano boquirroto do “não tenho nada a ver com isso”. Têm sim. E muito. Nessa recomposição, que todos os candidatos que ficaram pra trás façam valer sua força e respeitem o voto que receberam.

No mais, é domingo de democracia. No dia da eleição, Fortaleza vive momentos especiais. A cidade costuma ficar muito tranquila. Há certa leveza a determinar o comportamento das pessoas. A maioria vota pela manhã. Resta o resto do dia ensolarado para o lazer.

Com o dia repleto de responsabilidades profissionais, vou votar somente à tarde. Atravesso a cidade até a velha Parangaba. Mais velha que quase todo o resto da cidade. Ali pertinho da Igreja Matriz. Aliás, Parangaba não é bairro. É distrito. Centro geográfico da Capital. Arronches nos séculos 18-19. Terras dos índios Potiguaras catequizados pelos jesuítas.

Pela noite, estarei na TV O POVO. A partir das 19 horas. A análise dos resultados do Ceará afora. Brasil afora. Com atenção especial para Fortaleza, a loura desposada do sol, Capital da Terra da Luz, batismo que nada tem a ver com a claridade solar, mas sim com a libertação dos escravos, atitude tomada em nossas terras antes que todo o resto do País fizesse. Que os eleitores passeiem até as urnas o espírito da liberdade em mente.

Heitor é o primeiro dos candidatos à Prefeitura a votar neste domingo

Por meio das páginas no Facebook dos candidatos à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Férrer (PSB) é o primeiro dos oito candidatos ao Palácio do Bispo a votar neste domingo (2). Segundo o próprio Heitor, ele votará às 8 horas, no Colégio Justiniano de Serpa, no Centro.

Capitão Wagner (PR) também divulgou que votará às 9 horas, no bairro João XXIII, no Colégio Lima Nogueira.

Ronaldo Martins (PRB) também vota às 9 horas, na Assembleia Legislativa do Ceará, no Bairro Dionísio Torres.

Também às 9 horas, no Colégio Creusa do Carmo Rocha, no Bairro Granja Portugal, vota o candidato Francisco Gonzaga (PSTU).

João Alfredo (Psol) vota às 10 horas na Faculdade Farias Brito, no Bairro Varjota.

No mesmo horário, a candidata do PT, Luizianne Lins, vota na Assembleia Legislativa do Ceará.

Roberto Cláudio (PDT) informou que votará às 10 horas, no Colégio Batista, na Aldeota.

Ibope aponta segundo turno entre Roberto Cláudio e Capitão Wagner

89 1

A pesquisa Ibope/Verdes Mares indica um segundo turno em Fortaleza entre as candidaturas Roberto Cláudio (PDT) e Capitão Wagner (PR), após divulgação de intenções de voto à Prefeitura, na noite deste sábado (1º).

Sem levar em consideração os votos brancos e nulos, Roberto Cláudio aparece com 38% das intenções de voto, seguido por Capitão Wagner, com 30%; Luizianne Lins (PT), com 19%; Heitor Férrer (PSB), 7%; Ronaldo Martins (PRB), 4%; João Alfredo (Psol), 1%; e Francisco Gonzaga (PSTU), que não pontuou.

A pesquisa ouviu 805 eleitores, entre os dias 28 de setembro e 1º de outubro, com margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

Roberto Cláudio encerra campanha no primeiro turno com carreata

eleicoes-2016-fortaleza-pdt-1001-rc-carreata

Por mais de três horas, centenas de veículos percorreram as principais avenidas de Fortaleza, no encerramento das ações neste primeiro turno da candidatura à reeleição do prefeito Roberto Cláudio (PDT).

A carreata teve início nas proximidades do Aeroporto Internacional Pinto Martins e seguiu até a Barra do Ceará, trafegando por bairros nobres e pela periferia da cidade.

Para o prefeito Roberto Cláudio, o carinho recebido nas ruas renova sua forças na campanha e o desejo de fazer cada vez mais por Fortaleza.

Pesquisa traz melhores notícias para RC do que para o Capitão, avalia jornalista

74 2

Em avaliação da pesquisa O POVO/Datafolha, divulgada há pouco, o jornalista Fábio Campos chama a atenção para o crescimento de Roberto Cláudio na espontânea e o aumento de Capitão Wagner no índice de rejeição. Confira:

O POVO/Datafolha é pão quentinho na boca do forno. 1.745 eleitores entrevistados entre a sexta-feira e a manhã deste sábado, véspera da peregrinação pelas urnas. A menor (2%) margem de erro entre todas as pesquisas realizadas até aqui em Fortaleza.

Alguns indicativos são preciosos. Mantendo o ritmo, não há sinais de fenômeno eleitoral. Todas as mudanças em relação à pesquisa de uma semana atrás se dão absolutamente dentro da margem de erro.

Porém, vale o foco em pontos específicos. Entre esta e a última consulta, Roberto Cláudio conseguiu aumentar em dois pontos a diferença para o Capitão na pesquisa estimulada. O que era seis agora são oito pontos separando o primeiro do segundo colocado, situação já ocorrida em pesquisa do dia 8.

Há melhores notícias para RC do que para o Capitão. O prefeito cresceu na espontânea. Wagner estagnou. Desde a primeira pesquisa, a rejeição de RC caiu de 29% para 22%, enquanto a de Wagner aumentou de 13 para 21%. Está nesse ponto o grande drama da ex-prefeita Luizianne Lins, que tem 40% de rejeição.

A disputa vai para o 2º turno. Se a apuração confirmar a pesquisa, os pesos de Luizianne e Heitor Férrer tendem a ser decisivos.

O POVO/DATAFOLHA – RC tem 39%; Wagner 31%; Luizianne 17% em votos válidos

47 1

candidatos-a-prefeito-de-fortaleza

A eleição em Fortaleza chega ao dia da escolha do próximo prefeito com cenário de disputa entre Roberto Cláudio (PDT) e Capitão Wagner (PR) no 2º turno. Na véspera da votação, última rodada da pesquisa O POVO/Datafolha aponta o prefeito com 39% dos votos válidos, contra 31% do deputado estadual. A ex-prefeita Luizianne Lins (PT) surge em seguida, com 17%.

No balanço de votos válidos, que é a forma como a Justiça Eleitoral contabiliza o resultado, são excluídos da conta eleitores que declaram votos brancos e nulos, assim como indecisos. Pesquisa ainda aponta que, apesar de pouco provável, há possibilidade de mudança no cenário: a um dia da eleição, 17% dos eleitores ainda dizem que podem mudar de voto.

Como para vencer no 1º turno um candidato precisaria de 50% dos votos válidos mais um, é clara a tendência de 2º turno em Fortaleza.

No último levantamento, dos dias 22 e 23 de setembro, Roberto Cláudio registrava mesmo índice de 39% dos votos válidos. Já Capitão Wagner oscilou negativamente um ponto, indo de 32% para 31%.

Demais candidatos permaneceram com mesmos índices, ou oscilaram dentro da margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Luizianne Lins manteve índice de 17 pontos percentuais. Heitor Férrer (PDT) também permaneceu com 7%, seguido de Ronaldo Martins (PRB), com 4% e João Alfredo (Psol), com 2%. Francisco Gonzaga (PSTU) e Tin Gomes (PHS) não pontuaram.

Apesar de 89% se declararem decididos, 19% admitiram ainda não saber o número de seus candidatos.

Votos totais

Nos votos totais – incluindo 5% de brancos e nulos e 4% de indecisos –, Roberto Cláudio oscilou dois pontos para cima, indo de 34% para 36%. Já Capitão Wagner segue com 28%. Luizianne oscilou um ponto positivamente, passando de 15% para 16%, seguida de Heitor Férrer com 6%, Ronaldo Martins com 3% e João Alfredo com 1%.

Na pesquisa espontânea, quando o eleitor escolhe um candidato sem ter acesso a uma lista dos candidatos, Roberto Cláudio lidera com 30% das citações. Logo após, surgem Capitão Wagner, com 23%, Luizianne Lins, com 12%, Heitor Férrer, com 5%, Ronaldo Martins, com 2%, e João Alfredo, com 1%. Este tipo de voto é geralmente considerado mais consolidado.

Na rejeição, quando eleitores dizem em quem não votariam de jeito nenhum, Luizianne oscilou dois pontos para cima, indo de 38% para 40% das menções. Tin Gomes manteve índice de 26%, Roberto Cláudio cresceu dois pontos, passando de 20% para 22%. Maior adversário do prefeito, Capitão Wagner cresceu seis pontos no quesito, indo de 15% para 21%.

A pesquisa foi realizada entre a última sexta-feira, 30, e este sábado, 1º, e ouviu 1745 eleitores de todo o Município. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) com número CE-04247/2016.

(O POVO Online)

Salmito destaca a importância da eleição para a transformação da sociedade

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=E_vAJ3xdUtE[/embedyt]

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho, candidato à reeleição de vereador pelo PDT, chama a atenção do eleitorado para que pesquisem a trajetória de vida e a atuação política dos candidatos. Salmito destaca que a política é a principal ferramenta para a transformação de uma realidade para melhor.

Luizianne fala da desigualdade social, em sua última mensagem, antes da votação

53 1

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=R8qa0BZBsqg[/embedyt]

A candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, ressaltou a desigualdade social em sua última mensagem, antes da votação deste domingo (2). A candidata aponta que 70% da população vive com até dois salários mínimos e aponta a necessidade de mais programas sociais.

Heitor lamenta crime eleitoral nas redes sociais

eleicoes-2016-fortaleza-psb-1001-heitor-denuncia

Para Heitor Férrer, o eleitorado conhece bem os nomes dos candidatos a prefeito de Fortaleza, mas uma grande parte não identifica o número de cada partido das candidaturas, o qual deve ser digitado na urna.

Segundo o candidato do PSB, pessoas estão tirando proveito dessa desinformação para tentar confundir o eleitorado, ao apresentar sua foto com a legenda do Partido da República, do Capitão Wagner.

“Cada candidato busque o seu eleitor de maneira honesta. Não está acontecendo isso, nessa propaganda que o comitê do Capitão Wagner está fazendo, colocando Heitor 22, como se eu tivesse o número 22. Portanto, uma fraude que nós lamentamos profundamente, esse comportamento baixo de quem quer ser prefeito de Fortaleza”, disse Heitor.

João Alfredo encerra campanha com movimento no Centro

eleicoes-2016-fortaleza-psol-1001-joao-centro

O candidato do Psol à Prefeitura de Fortaleza, João Alfredo, encerrou sua campanha na manhã deste sábado, no Centro, ao expor parte de seu programa de governo, que sugere a transformação da cidade em um espaço verdadeiramente das pessoas, com mais democracia, participação popular, e respeito aos direitos das minorias.

O candidato lembrou que o programa de governo “A Fortaleza que Resiste” foi construído após debates com especialistas, ativistas e representantes de movimentos sociais.

Heitor fecha campanha com ações no Centro e no Conjunto Ceará

eleicoes-2016-fortaleza-psb-1001-heitor

O candidato à Prefeitura de Fortaleza pelo PSB, Heitor Férrer, encerra suas atividades da campanha eleitoral neste sábado (1º) com uma caminhada no Centro de Fortaleza, pela manhã, e pelas ruas do bairro Conjunto Ceará, à noite.

Acompanhado do vice Dimas Oliveira Costa, da coligação com a Rede Sustentabilidade, Heitor termina a campanha por onde começou: no coração da cidade. No Centro, o ponto de partida será mais uma vez a Praça do Ferreira e, no Conjunto Ceará, o pólo de lazer do bairro.

(Foto: Divulgação)

Juiz determina busca e apreensão de camisas em comitê de Capitão Wagner

172 1

eleicoes-2016-fortaleza-pr-0930-justica

O juiz eleitoral José Krentel determinou a busca e apreensão de camisas com símbolo do “Capitão América”, nesta sexta-feira, 30, que estariam sendo distribuídas pela coligação do candidato a prefeito Capitão Wagner (PR) a membros da Polícia Militar (PM) e em prédios públicos. Os alvos são o comitê do deputado estadual e a 13ª Unidade dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais da Comarca de Fortaleza. Ofícios também foram enviados para o Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE) e o comando da PM para que os órgãos tomem as providências necessárias.

A determinação do juiz atende ao pedido da coligação “Fortaleza só tem a ganhar”, do candidato a reeleição, o prefeito Roberto Cláudio (PDT). Segundo a representação eleitoral, o objetivo da distribuição de camisas personalizadas era que o material fosse usado no dia da eleição, formando uma “onda azul”.

Para o juiz, há fortes indícios de que houve ou esteja havendo distribuição do material considerado proibido por lei. “São vedadas na campanha eleitoral confecção, utilização, distribuição por comitê, candidato, ou com a sua autorização, de camisetas, chaveiros, bonés, canetas, brindes, cestas básicas ou quaisquer outros bens ou materiais que possam proporcionar vantagem ao eleitor”, prevê legislação eleitoral.

Segundo a assessoria de imprensa do Capitão Wagner, não houve distribuição de camisas personalizadas por intermédio do candidato do PR.

(O POVO Online)

Candidatos à Prefeitura de Fortaleza realizam último debate neste primeiro turno

eleicoes-2016-debate-vm-01

Começou há pouco o debate entre seis dos oito candidatos à Prefeitura de Fortaleza, na TV Verdes Mares.

Roberto Cláudio (PDT), Capitão Wagner (PR), Luizianne Lins (PT), Heitor Férrer (PSB), Ronaldo Martins (PRB) e Tin Gomes (PHS) debaterão em quatro blocos com perguntas de candidato para candidato com temas livres e temas determinados. Haverá ainda tempo para as considerações finais.

Os candidatos João Alfredo (Psol) e Francisco Gonzaga (PSTU) não foram convidados para o debate, diante da pouca ou nenhuma representatividade de seus partidos na Câmara Federal.

Capitão Wagner promete ampliar investimentos em microcrédito

eleicoes-2016-fortaleza-pr-0929-capitao

O candidato do PR à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, visitou nesta quinta-feira (29) o Beco da Poeira e a feira livre do Álvaro Weyne. O candidato prometeu aos pequenos comerciantes uma melhor infraestrutura e a ampliação do microcrédito.

“É fundamental ampliarmos os investimentos na capacitação e microcrédito para que a população possa iniciar pequenos negócios, principalmente nos bairros mais pobres da cidade”, afirmou Capitão Wagner.

“As condições de trabalho destes feirantes são péssimas. Em todas as feiras da cidade, comerciantes e clientes pedem infraestrutura adequada para exercerem suas atividades”, completou.

(Foto: Divulgação)

Salmito chama a atenção para o voto consciente e destaca a atuação da Câmara no período eleitoral

foto salmito 150106 cmfor

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT) destacou na manhã desta quinta-feira (29), no plenário da Casa, a postura dos vereadores, dos assessores parlamentares, dos servidores e dos veículos de comunicação da Câmara durante o período eleitoral. Na última sessão antes da votação do próximo domingo (4), Salmito ressaltou o funcionamento normal do plenário, além da ausência de ocorrências de crimes eleitorais.

O presidente da Câmara Municipal destacou ainda o papel do Legislativo no período eleitoral, quando representantes da Justiça Eleitoral e do Ministério Público realizaram um seminários sobre as novas regras destas eleições, como também a apresentação das propostas para a cidade de todos os candidatos à Prefeitura.

Ao ressaltar que a política é a principal ferramenta na transformação da sociedade, Salmito pediu ao eleitorado que procure conhecer as propostas e a conduta dos candidatos à Prefeitura e à Câmara Municipal de Fortaleza. Mas pediu atenção ao eleitor contra propostas que fogem ao papel do vereador e às atribuições de um prefeito.