Blog do Eliomar

Categorias para Fortaleza

Parquelândia – Roberto Cláudio prestigia o Arraiá das Cumadi

166 1

foto arraiá das cumadi 160702

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) prestigiou na noite desse sábado (2), no bairro Parquelândia, o tradicional Arraiá das Cumadis, em sua oitava edição. Além do prefeito, o deputado estadual Lucílvio Girão (PP) e os vereadores Acrísio Sena (PT) e Luciram Girão (PDT) também compareceram à festa que se encerrou nas primeiras horas deste domingo.

Comidas típicas, brincadeiras, muito forró e quadrilhas de bairros de Fortaleza como a “Balão Beijo”, do Jardim Iracema, animaram o Arraiá das Cumadi, festa organizada por mulheres da rua Amadeu Furtado, nesse bairro. A festa recebeu o apoio deste Blog, de Adailton Automóveis e do Bar Besouro Verde.

A atração musical ficou por conta da banda “Asa Noturna” – com Luiz Cordeiro, que apresentou um repertório repleto de canções juninas, além dos clássicos do forró das antigas e de músicas de outros estilos tocadas, é claro, ao som da sanfona. A festança foi aberta com uma novidade: uma coreografia das “Cumadinhas”, que reuniu filhas e netas das cumadi, com direito a dançar ao ritmo de Wesley Safadão.

Dois quarteirões e meio foram tomados pela alegria junina, num clima de paz e com ar suprapartidário.

Destaques

O sucesso deve-se, claro, às “cumadi”: dona Nadir, dona Valda, dona Nádia, dona Eneide, dona Hélia, dona Marcela, dona Carla, dona Rosânia, dona Argentina, dona Amazônia, dona América e dona Argélia

(Fotos – Paulo MOska)

Em clima de campanha, Luizianne garante aplicação de 100% dos precatórios do Fundef em educação

122 6

foto luizianne 160702 pré-campanha

Ao ritmo do Pátria Educadora, do Governo Federal, que seria tocada pelo então ministro Cid Gomes (Educação), a pré-candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza e deputada federal Luizianne Lins disse na tarde deste sábado (2), na sede da ADUFC/Sindicato que, numa próxima gestão dela, 100% dos precatórios do Fundef irão para a educação.

“É um absurdo as escolas estarem com telhados caindo, bibliotecas e laboratórios fechados e esse dinheiro ser usado em outra coisa”, criticou a ex-prefeita de Fortaleza, durante encontro que debateu propostas para a educação municipal. Luizianne criticou ainda o que considera uma “desconstrução de políticas públicas de educação da atual gestão”, ao apontar na sua avaliação uma redução da qualidade da merenda, do fardamento e do transporte dos alunos.

As eleições em Fortaleza e a velha política

83 1

Em artigo no O POVO deste sábado (2), o jornalista Ítalo Coriolano questiona o termo “inauguração” em obras da Prefeitura. Confira:

Ao longo de três anos e meio de gestão, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) já inaugurou 16 novos postos de saúde. Com todo o direito, foi em cada um deles fazer ato de inauguração. Placas foram colocadas para registrar a data de entrega e os responsáveis pelas obras, como deve ser. No mesmo período, inaugurou duas escolas de tempo integral e fez o mesmo rito. Idem com as 11 Areninhas. Ótimo trabalho que merece ser reconhecido.

Entretanto, alguns exageros também podem ser observados nesses últimos meses que antecedem o período eleitoral. Quem for à Praça General Tibúrcio (mais conhecida como Praça dos Leões), por exemplo, também vai encontrar uma placa com o termo “inauguração” e o dia 28 de junho de 2016 inscritos.

Um turista ou um morador que nunca foi ao Centro de Fortaleza poderá pensar que foi RC o responsável pela construção do equipamento, o que não é verdade. O espaço foi oficialmente inaugurado em 1856, e o que o atual governo fez foi apenas uma ação de manutenção, com pintura de muros e conserto de alguns bancos, como já foi feito em outras administrações. Algo corriqueiro. Ao tentar maquiar a realidade, além de ludibriar a população, a Prefeitura comete verdadeiro ataque à memória da Capital.

A situação se repete em outras praças da Cidade, escolas e terminais de ônibus, que foram alvo de algumas reparações e, dentro de um clima de campanha, ganham ares de coisa nova, como se tivessem sido erguidos do zero ou passado por profunda intervenção estrutural.

Agora imaginem se cada prefeito que fizer alguma benfeitoria em equipamentos já existentes na Cidade resolvesse colocar uma placa no local. Em determinado tempo, teríamos um cenário esdrúxulo. Ou então se daqui a alguns anos um futuro gestor precise reformar alguma obra realmente feita por RC e coloque lá uma placa escrito “inauguração”. Seria um desrespeito à figura do hoje prefeito.

O mais absurdo, todavia, pode ser observado na periferia da Cidade, onde ruas que receberam asfaltamento também viraram motivo para eventos de inauguração. Algo que nos remete ao que há de mais arcaico no País, e vindo logo de uma gestão que trouxe tantos avanços em termos urbanísticos, como as ciclovias, o Bicicletar e as faixas de ônibus. Pelo visto, no campo político, há muito ainda o que evoluir.

Tornozeleira – Detento em prisão domiciliar busca sobrevivência nos ônibus de Fortaleza

foto tornozeleira onibus

Próximo de completar 30 anos de idade, o detento Marcos (nome fictício, pois pediu para não ser identificado) decidiu que pretende viver, pelo menos, mais 30 anos. Para isso, segundo Marcos, terá que largar a trajetória de crimes. “Tenho sorte de ainda estar vivo. Já passei por muitas situações de morte, mas estou vivo. Então, sou um cara de sorte. Vou aproveitar essa sorte para ganhar a vida de forma honesta”, comentou o detento, que busca a sobrevivência como vendedor de balas (bombons) nos ônibus de Fortaleza.

Na perna esquerda, Marcos carrega uma tornozeleira que acusa prisão domiciliar. Para evitar o constrangimento ou o medo dos passageiros, o detento anuncia o dispositivo eletrônico e diz que o equipamento é “uma marca dos meus erros”.

Marcos afirma que já buscou emprego em vários locais, mas “ninguém dá chance a um detento”. Ele não culpa os empregadores, pois, “os mais grosseiros”, sempre têm uma história para contar de ex-detentos que voltaram a cometer crimes nos locais que os acolheram.

“Dezenas jogam a chance fora, milhares a aproveitam para se reintegrarem na sociedade. Mas as histórias que prevalecem são as ruins”, lamentou.

Apesar de irremovível e do monitoramento por GPS, a tornozeleira de Marcos nunca lhe causou problemas, diante de uma possível violação da área determinada pela Justiça. O entra-e-sai nos ônibus não lhe dá noção da área restrita.

Tese de doutorado aborda as crianças do Pirambu

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (2):

O que pensam, o que sonham e o que querem as crianças do bairro Pirambu, um dos pontos de Fortaleza colocados à margem de políticas públicas e foco de violência?

Uma tese de doutorado da professora Hilda Coutinho de Oliveira tentou captar esse cenário. Na terça-feira (5), a partir das 19 horas, na Adufc (Benfica), ela vai expor o tema e, principalmente, lançar o livro “O Grupo como Estratégia de Sobrevivência para Crianças da Favela”.

A obra nasceu de pesquisa realizada pela autora durante a elaboração da sua tese de doutorado em Ciências Médicas, na área de Saúde Mental, pela Unicamp (SP). A pesquisadora observou que na favela, onde quase tudo contribui para o aniquilamento, o grupo ressurge como estratégia de sobrevivência psíquica quando as crianças usam os recursos da vincularidade para gerar solidariedade e pertinência.

“Por meio de práticas lúdicas e interativas, as crianças se transformaram em heróis fortes e corajosos que enfrentam as ameaças da negligência, abandono, exclusão, violência e morte”, diz a autora.

O Projeto 4 Varas ajudou na construção do livro.

É hoje o Arraiá das Cumadis!

foto arraiá das cumadis

Barracas com comidas típicas, bebidas, brincadeiras, muito forró e uma quadrilha infantil e outra de jovens animarão a tradicional festa do “Arraiá das Cumadis”, neste sábado (2), a partir das 20 horas, na Rua Amadeu Furtado, entre as ruas Azevedo Bolão e Dom Manoel de Medeiros, no bairro Parquelândia, ao lado do Bar Besouro Verde. Será  oitava edição de uma festa organizada só por mulheres que moram nessa rua.

A atração musical ficará por conta da banda “Asa Noturna”, que apresentará um repertório repleto de canções juninas, além dos clássicos do forró das antigas e de músicas de outros estilos, tocadas, é claro, ao som da sanfona.

Haverá pula-pula de graça e segurança, além de banheiros químicos.

Secultfor disponibiliza R$ 3,8 milhões para projetos, com 20% no apoio de artistas novatos

foto magela lima

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (1º):

Será lançado nesta sexta-feira (1º) o Edital das Artes da Secretaria da Cultura de Fortaleza. Esse canal oficial promete assegurar recursos para projetos em vários setores como fotografia, dança, música, cinema, exposições e teatro.

Segundo Magela Lima, titular da pasta, estarão disponibilizados R$ 3,8 milhões. “Nesta edição, temos uma novidade: garantimos 20% dos recursos para apoiar ações de artistas novatos”, acrescenta o secretário.

As inscrições dos projetos terão início a partir da segunda-feira (4) e se estenderão até 3 de agosto, de forma presencial e na sede da Secultfor. O meio artístico torce para que as liberações não sofram os velhos atrasos.

Benjunino premia composições inéditas de São João

foto benjunino 2016

A composição “Ainda solteiro” foi a vencedora do 7º Festival Benjunino de Músicas Juninas do Shopping Benfica, na final que reuniu na noite dessa quarta-feira (29) as 10 composições inéditas de São João. “Ainda solteiro” tirou o primeiro lugar; “Quando estou com ela” ficou na segunda colocação, enquanto “Quadrilha diferente” foi a terceira colocada. As 10 composições finalistas terão suas músicas gravadas em CD, que será distribuído gratuitamente para os meios de comunicação.

Criado em 2009, o Benjunino já apresentou cerca de 200 composições juninas inéditas. Este ano, o festival homenageou o cantor e humorista Falcão.

Lula cumprirá ‘agenda popular’ em Fortaleza dia 12

175 7

foto luizianne e lula revista

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cumprirá “agenda popular” em Fortaleza, no próximo dia 12, em uma terça-feira. A informação é do presidente do PT municipal, deputado estadual Elmano de Freitas.

Na “agenda popular”, Lula discutirá a pré-candidatura da deputada federal Luizianne Lins à Prefeitura de Fortaleza.

Mas, antes, Lula cumprirá agenda no Cariri, tendo ao lado o deputado federal José Nobre Guimarães (PT). Ali, ele receberá título de doutor honoris causa da Universidade Regional do Cariri (UFCA), no Crato e terá reuniões com pré-candidatos a prefeito em Juazeiro do Norte e Barbalha.

Resta saber se o PT do governador Camilo Santana participará dessa agenda completa. Ou se excluirá Fortaleza.

Publicitário confirma saída da pré-campanha de Wagner

158 3

ricardoo

Em nota enviada ao Blog, o publicitário Ricardo Alcântara confirma saída da pré-campanha do Capitão Wagner à Prefeitura de Fortaleza, mas nega falta de organização. No entanto, sugere que o próximo profissional a conduzir a pré-campanha ganhe condições indispensáveis para o êxito do projeto eleitoral. Confira:

Caro Eliomar. Está correta a informação: decidi me afastar da campanha do deputado Wagner de Sousa na semana passada, mas as motivações foram diferentes das informadas aqui: o candidato tem mantido contatos frequentes com o senador Tasso Jereissati e seu programa e governo vem sendo bem encaminhado.

Quanto a profissionalismo e organização, Wagner tem a seu lado lideranças políticas experientes com quem se aconselhar e não me cabe comentar problemas internos que podem ser sanados se o candidato compreender a necessidade de conduzir com mais impessoalidade sua campanha.

Ele fez duas campanhas proporcionais muito bem sucedidas e poderá vir a fazer uma boa gestão em Fortaleza.

Espero que encontre um profissional qualificado para me substituir e dê a ele aquelas condições que são indispensáveis ao êxito de seu próprio projeto eleitoral. Está esclarecido.

Contexto Geral – Salmito fala da ética na política e do voto responsável neste domingo na TV União

foto salmito contexto geral tv união

O voto e suas consequências e o importante papel do eleitor no combate à corrupção e na boa gestão pública. Este é o tema que será apresentado na noite deste domingo (26), no programa Contexto Geral, na TV União, a partir das 22 horas, por meio da entrevista com o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT).

O parlamentar irá expor a crise política e econômica no Brasil e também dos problemas enfrentados no Legislativo de Fortaleza, que nesta legislatura teve a renúncia de dois vereadores. Este mês, a Câmara Municipal passou a vincular a campanha Voto Responsável, com o objetivo de chamar o eleitorado para o debate, diante da proximidade de mais um processo eleitoral.

A entrevista será reprisada nesta segunda-feira (27), a partir das 13h30min.

Ricardo Alcântara deixa a pré-campanha de Capitão Wagner

190 3

Com mais de 30 anos de experiência em eleições, o publicitário Ricardo Alcântara, historicamente ligado ao ex-governador e atual presidente estadual do PR, Lúcio Alcântara, deixou a coordenação do marketing da pré-campanha de Capitão Wagner, à Prefeitura de Fortaleza.

Segundo o Blog apurou, as principais razões que motivaram a saída do marqueteiro da pré-campanha foram a falta de profissionalismo, a desorganização e a ausência de um sólido programa de governo.

O Blog apurou ainda que Ricardo Alcântara buscava promover uma maior aproximação com o PSDB de Tasso Jereissati, principal partido aliado de Capitão Wagner, com o intuito de colocar mais profissionalismo e experiência dentro da equipe da campanha. Mas o grupo de Wagner não estaria aceitando a maior participação dos tucanos, o que estaria dificultando ainda mais o trabalho de Alcântara.

Em seu site pessoal, Ricardo Alcântara revela que deu início a sua carreira como marqueteiro em 1985. O publicitário fez parte de equipes de campanhas para Prefeito, Senador e Governador em mais de três estados. Somente no Ceará foram sete campanhas.

Capitão Wagner vai de ‘anavan’ em festa apoiada pela Prefeitura

foto capitão wagner 160625 são joão

O pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza pelo PR, Capitão Wagner, participou na noite desse sábado (25) do Arraiá do Jardim América, que recebe o apoio da gestão Roberto Cláudio, por meio da Regional IV. Por ter “ajudado” na realização do evento, o pré-candidato foi, inclusive, homenageado com placa de mérito.

O organizador do arraial, Márcio Martins, foi o autor da homenagem. Ele é filiado ao PR e pré-candidato do partido à Câmara Municipal de Fortaleza.

O festival será encerrado neste domingo (26), na pracinha do Jardim América.

Prefeitura sorteia 4.380 moradias nesta segunda-feira

O prefeito Roberto Cláudio sorteia nesta segunda-feira (27), a partir das 10 horas, no plenário da Câmara Municipal de Fortaleza, 4.380 novas unidades do programa Minha Casa, Minha Vida. Segundo a Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor), serão 1.892 unidades na segunda etapa do Alameda das Palmeiras e 2.488 no Conjunto Cidade Jardim II, no bairro Conjunto José Walter.

O sorteio será acompanhado por representantes dos Ministérios Públicos Estadual e Federal, Defensoria Pública, OAB-CE, Ministério das Cidades, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e entidades do movimento por moradia.

A Prefeitura apela que os candidatos ao sorteio não se dirijam à Câmara Municipal de Fortaleza, pois, além da fiscalização dos órgãos responsáveis, o sorteio terá transmissão ao vivo pela TV Fortaleza, TV Ceará (canal 5), FM Fortaleza e ainda pelo portal da própria Prefeitura.

Cid Gomes prestigia entrega da requalificação da Travessa Crato

95 1

foto rc e salmito e cid e falcão 160626

O ex-governador Cid Gomes participou na manhã deste domingo (26) da entrega das obras de requalificação da Travessa Crato, no Centro de Fortaleza. O prefeito Roberto Cláudio (PDT) inaugurou a padronização das marquises das lojas, os pequenos jardins no entorno das árvores, a nova iluminação com a inclusão de mais 14 postes, além dos novos bancos, lixeiras e pintura nas fachadas dos estabelecimentos comerciais, entre esses o tradicional Raimundo do Queijo.

Além do ex-governador Cid Gomes, Roberto Cláudio também esteve acompanhado do presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), e do humorista Falcão, frequentador do lugar.

Expo Evangélica traz a Fortaleza músicas gospel e encontro com mulheres

387 1

foto expoevangélica

A cantora e escritora Bianca Toledo, autora do livro “A História de Um Milagre”, é uma das atrações da Expo Evangélica Fortaleza 2016, que acontece de 6 a 9 de julho, no Centro de Eventos. Ela estará à frente do encontro com mulheres, quando dará seu testemunho de vida.

Além de Bianca Toledo, outras atrações são Marcela Taís, Damares, Cristina Mel, Leonardo Gonçalves e Mariana Ava, da gravadora Sony Music Gospel, e Davi Sacer, Daniela Araújo, Ton Carfi e o Ministério Aliança do Tabernáculo, da gravadora Som Livre.

Vicente Pinzón – Roberto Cláudio e Camilo inauguram a Praça da Conquista

foto RC e camilo 160625 vpinzón

“Esse é um caminho definitivo para prevenir a violência. Foi assim que grandes cidades puderam reduzir os índices de violência: sempre com o braço forte da lei, da Polícia, mas com o outro braço social, integrador e comunitário das políticas sociais”.

A observação é do prefeito Roberto Cláudio (PDT), na noite desse sábado (25), no bairro Vicente Pinzón, durante a inauguração da Praça da Conquista, que em mais de 100 metros quadrados conta com uma academia ao ar livre, playground, quadra poliesportiva, pista de skate, acessibilidade, mesas com tabuleiros para xadrez e damas, lixeiras de coleta seletiva e iluminação branca.

Ao lado do prefeito Roberto Cláudio, o governador Camilo Santana, que destacou a sintonia entre as duas administrações (Estado e Município). “Quando Prefeitura, Governo do Estado e comunidade se unem, os resultados acontecem. As pessoas querem ter espaço, e não tenho dúvidas que esse é o grande caminho: dialogando com a comunidade, acolhendo a comunidade, ouvindo a comunidade”, disse.

Cinco presos fogem de delegacia no José Walter durante a madrugada

Cinco presos fugiram 8º Distrito Policial, durante a madrugada deste sábado, 25, no bairro José Walter, em Fortaleza. Eles serraram as grades do xadrez onde estavam e conseguiram escapar pulando o muro da unidade. Dois inspetores que davam plantão na delegacia perceberam a movimentação e conseguiram render o restante do grupo, obrigando que 11 presos voltassem à cela. Nenhum dos fugitivos foi recapturado.

A ação ocorreu por volta das 2 horas. No momento da fuga, as duas celas da delegacia, que deveriam abrigar no máximo 10 presos, sendo cinco em cada uma, acumulavam 31 homens. “A ação deles foi muito rápida. Por sorte os colegas conseguiram notar antes que todos fugissem. Os xadrezes estão lotados”, detalhou a inspetora Gilvânia Oliveira.

Desde o momento da fuga até a manhã deste sábado, os 26 presos que continuam na unidade foram colocados todos na mesma cela até que os reparos nas grades fossem realizados. Dos presos que fugiram, quatro respondiam por roubo e um por receptação.

(O POVO Online)

Outras interrogações sobre a eleição

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (25), pelo jornalista Érico Firmo:

A coluna do sábado passado tratou de cinco grandes interrogações diversas sobre a eleição para prefeito de Fortaleza. Sobretudo, relacionadas a personagens e grupos políticos.

A interrogação número dois já começou a ser respondida. Diz respeito à posição de Camilo Santana (PT). “O governador apoia Roberto Cláudio (PDT)”, escrevi há uma semana. “Camilo irá se envolver explicitamente na campanha na Capital? Como tratará a candidatura petista? Que apoio dará a Roberto Cláudio?”, indagava. Na entrevista a Fábio Campos, no programa Jogo Político, ele não poderia ser mais claro. Terá candidato, sim. E tomará sua posição independentemente do partido. Leia mais sobre a entrevista neste link: http://bit.ly/camiloPT

Outras dúvidas, porém, permanecem. Para além de nomes, envolvem aspectos simbólicos e assuntos que estarão presentes na discussão.

  1. O PESO DO DISCURSO POLICIALESCO

O discurso sobre segurança pública tornou-se bastante intenso nas eleições em Fortaleza, sobretudo desde 2000. Naquele ano, Moroni Torgan (DEM) foi uma das surpresas da eleição, com forte apelo devido ao histórico policial. Dois anos depois, o Delegado Cavalcante bateu recorde de votação para deputado estadual. Em 2004, foi indicado candidato a vice de Antonio Cambraia, ambos pelo PSDB. Em alguns momentos, foi tido como mais popular que o próprio cabeça de chapa. No final das contas, terminaram em quarto lugar. Moroni foi o segundo, depois de ter liderado o primeiro turno. Repetiu o desempenho em 2008. No intervalo, em 2006, disputou o Senado e perdeu para Inácio Arruda (PCdoB). Em 2012, Moroni foi quarto.

Capitão Wagner (PR) é o mais recente fenômeno eleitoral a despontar. Bateu recorde de votação para vereador em 2012e para deputado estadual em 2014. Ele tem perfil diferente do de Moroni. Defende interesses corporativos, sim. Mas evita se vincular apenas à área de segurança. E procura não reduzir a criminalidade a problema de falta de policiamento. Tem fala mansa e tranquila, diferente do estilo agitado e de murro na mesa de Moroni. É diferente do perfil clássico da “bancada da bala”.

Mas, ainda assim, é egresso do aparelho de segurança. O perfil tem feito sucesso em eleições legislativas, mas coleciona insucessos nas disputas majoritárias. A rejeição, no fim das contas, até hoje foi maior que a enorme aprovação. Veremos se a tendência irá se manter ou se o estilo Wagner se revelará mais palatável.

  1. O DESTINO DO “VOTO REBELDE”

De uma forma ou de outra, costuma se manifestar algum grau de rebeldia, contestação, ousadia no voto do fortalezense. A busca por algo diferente, fora do previsível, seja à direita ou à esquerda. Maria Luiza Fontenele em 1985 e Luizianne Lins, em 2004, foram exemplos mais emblemáticos. Mas não os únicos. Em 1988, Edson Silva teve votação estrondosa, embalado pelo movimento “Fortaleza sim, Cambeba não”, embora tenha saído derrotado por diferença ínfima. Ao longo da década de 1990, Juraci Magalhães dominou a Capital ajudado pela rejeição ao PSDB, que comandava o Estado. Em 2000, Inácio Arruda perdeu, mas teve enorme votação. Em 2012, Heitor Férrer (PSB) quase deixou Roberto Cláudio fora do segundo turno. E Renato Roseno (Psol) teve votação bastante expressiva.

Esse voto muitas vezes não foi vitorioso. Mas quase sempre se manifesta e interfere no rumo da eleição. Para onde esse eleitor irá? Heitor? Roseno? Conseguirá Wagner atraí-lo? Voltará a Luizianne? Irá se diluir?

  1. FATOR LAVA JATO

A Lava Jato, o impeachment de Dilma Rousseff (PT), a crise nacional serão fatores certamente determinantes. Estimularão discurso de ética, combate à corrupção. Afetarão atores estratégicos. Como mexerão com a disputa em Fortaleza é difícil saber. Que vão mexer, isso é certo.

Luizianne não pode cobrar nada de Camilo

foto-camilo-santana-e-luizianne

Em artigo no O POVO deste sábado (25), o jornalista Carlos Mazza comenta da relação entre Camilo Santana e Luizianne Lins em processos eleitorais. Confira:

O leitor pode encontrar muito o que criticar na atuação política de Camilo Santana, mas uma coisa precisa admitir: o governador nunca foi “quinta coluna” dentro de seu partido. Mesmo não sendo o mais empolgado dos militantes petistas, o pupilo de Cid Gomes manteve respeito pelas decisões do PT cearense mesmo quando isso contrariava desejo de seu “padrinho”.

Em 2012, Camilo foi o pré-candidato à Prefeitura com maior perspectiva de unir a então prefeita Luizianne Lins e o então governador Cid. Preterido pela grande influência da prefeita na executiva municipal da sigla, Camilo não escondeu o pouco entusiasmo em contrariar seu chefe – o petista era secretário de Estado à época – e lançar Elmano de Freitas ao cargo.

Uma vez batido o martelo pela candidatura do colega, no entanto, Camilo silenciou críticas e atuou – ainda que timidamente, verdade – a favor do colega. Lembro-me de, em pelo menos duas situações, ter entrevistado Camilo, então deputado estadual, na Assembleia. Em ambas, recebi rebatidas impacientes ao sugerir pouco empenho seu na campanha do correligionário.

Quando Lula veio a Fortaleza para comício de Elmano, na reta final da campanha e ápice do acirramento, Camilo subiu ao palanque. Outro opositor do rompimento com Cid em 2012, o deputado José Guimarães também engoliu o choro e caiu na campanha. No 2º turno, quando Luizianne e seu candidato foram vaiados por uma multidão “amarela” enquanto votavam, o deputado ao seu lado.

Já em 2014, quando Camilo disputou o governo, a ex-prefeita teve atitude bem oposta. Indisposta em ajudar seu algoz de dois anos antes, Luizianne não deu as caras na campanha ou palanque do correligionário. Na época, deputados que saíram em chapa com ela ou de grande proximidade, incluindo Eudes Xavier e sua própria mãe, Luiza Lins, omitiram nome de Camilo ou apoiaram abertamente o opositor Eunício Oliveira.

Claro que nenhum desses candidatos era a própria petista, mas não pegou bem. Ao se omitir, perdeu a chance de fazer um gesto de grandeza. Ela não está necessariamente errada: seria no mínimo estranho se, em 2014, ela apoiasse abertamente o grupo político dos Ferreira Gomes, que passou os últimos anos tentando “anular” sua gestão de oito anos em Fortaleza.

Ainda assim, agora pré-candidata, Luizianne não tem moral para cobrar nada de Camilo. E sabe disso. Por isso, até agora tem dito que deixará o governador “à vontade”. Dificilmente isso irá mudar.