Blog do Eliomar

Categorias para Fortaleza

Monte Castelo, enfim, ganha poste novo

foto poste 160112 mcastelo antes e depois

Moradores do bairro Monte Castelo não mais terão que conviver com o risco de um poste de ameaçava cair sobre o asfalto, no cruzamento das ruas Mozart Pinto com Antonio Drumond, quando arrastaria também a fiação. Desde a noite dessa terça-feira (12) que a empresa Oi realizou a troca do poste, após manifestação da Regional I.

A base do poste anterior estava com a ferragem à mostra, com risco maior diante das últimas chuvas.

VAMOS NÓS – Grato à Oi pela troca do poste e ao empenho da Prefeitura de Fortaleza na solicitação dos moradores do Monte Castelo.

Procon autua barraca de praia por proibir consumo de ambulantes

174 1

O Procon Fortaleza autuou nesta quarta-feira (13), a barraca Saturno Beach, na Praia do Futuro, por exigir do consumidor vantagem manifestamente excessiva. Consumidores reclamaram que o estabelecimento proibia o consumo de alimentos e produtos de vendedores ambulantes e que, ao permitir a compra de itens fora da barraca, o estabelecimento condicionava uma cobrança de R$ 10 pela utilização da cadeira de sol; e de R$ 5 pelo guarda-volumes.

O Procon constatou as irregularidades e abusos contra o Código de Defesa do Consumidor (CDC). A barraca de praia pode pagar multa de até R$ 10 milhões.

Para a diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, o consumidor não pode sofrer constrangimento ao ponto de ser obrigado a adquirir algo. “É um abuso e uma infração gravíssima exigir do consumidor a exclusividade na compra de produtos ou alimentos. O Código de Defesa do Consumidor garante a livre escolha e a barraca não poderia cobrar de forma diferenciada por um serviço que já é oferecido”, comentou.

A diretora defendeu que o consumidor tem o direito de complementar seu consumo com alimentos e produtos de vendedores ambulantes. O estabelecimento também não pode impor valor mínimo de consumação.

Para denunciar abusos, o consumidor pode enviar fotos, vídeos e áudios pelo aplicativo Procon Fortaleza. Basta baixar no Android: Procon Fortaleza; ou no sistema IOS: http://applink.com.br/procon.fortaleza. Ou ainda registrar uma reclamação pela internet www.fortaleza.ce.gov.br/procon, no link Atendimento Virtual. Mais informações pela Central de Atendimento ao Consumidor, 151.

(Procon/Fortaleza)

Roberto Cláudio inaugura a 14ª escola em tempo integral

640 1

foto RC 160113 escola planalto ayrton sena

O prefeito Roberto Cláudio inaugurou nesta quarta-feira (13), no bairro Planalto Ayrton Senna, na Regional V, a Escola Edgar Linhares Lima. É a 14ª escola de tempo integral entregue pela atual gestão de Fortaleza e a primeira com prédio novo.

Segundo o prefeito, outras três escolas deverão ser entregues até o início do ano letivo, em fevereiro. De acordo ainda com Roberto Cláudio, a Prefeitura deverá chamar também em fevereiro 1,7 mil professores aprovados no último concurso.

O secretário municipal de Educação, Jaime Cavalcante, nunca houve tanta oferta de vagas no ensino público municipal na Educação Infantil e nas escolas em tempo integral.

foto RC 160113 escola planalto ayrton sena 2

Heitor Férrer e o neotassismo fortalezense – A futura aliança do PSB e PSDB no pleito eleitoral de 2016 – Parte 1

175 5

Em artigo enviado ao Blog, o sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa avalia a pré-candidatura de Heitor Férrer à Prefeitura de Fortaleza. Confira:

O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) poderá ser o pré-candidato a prefeito de Fortaleza, do senador Tasso Jereissati (PSDB), no pleito eleitoral de 2016. O Partido Socialista Brasileiro e o Partido da Social Democracia Brasileiro vão criar uma série de alianças pontuais nas principais cidades brasileiras nas eleições municipais: Fortaleza, Recife, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. A coligação partidária socialista–tucana na capital cearense poderá ser a primeira constituída espontaneamente sem interferência das receptivas direções nacionais, mas somente com um acerto regional.

O prefeiturável socialista, o deputado Heitor Férrer, caminha para reestruturar a mais antiga corrente política fortalezense, que no caso é o grupo político do senador Tasso Jereissati, com sete candidaturas ou postulações nos últimos pleitos municipais de nossa capital cearense: Ciro Gomes (1988), Assis Machado (1992), Socorro França (1996), Patricia Saboya (2000 e 2008), Antônio Cambraia (2004) e Marcos Cals (2012). O PSB e o PSDB tem a percepção do potencial do eleitorado tassista fortalezense que pode ser algo em torno de 15% até 22% das intenções de votos.

O senador Tasso Jereissati (PMDB) somente teve êxito como liderança regional no pleito eleitoral de 1988 na capital cearense, com a candidatura do deputado estadual peemedebista Ciro Gomes, quando Tasso estava no seu primeiro mandato de governador (1987-1990). Tasso Jereissati sempre sofreu um processo eleitoral de rejeição do seu grupo político para administrar a cidade de Fortaleza, mas principalmente dos setores organizados da sociedade civil e da classe média, por isso o anti-tassismo foi sempre forte nos pleitos eleitorais passados, como uma espécie de base social informal para ajuda eleger os seguintes prefeitos: Antônio Cambraia (1992), Juracy Magalhães (1996 e 2000) e Luzianne Lins (2004).

O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) deverá ir para a sua terceira candidatura a prefeito de Fortaleza, as duas anteriores foram pelo Partido Democrático Trabalhista: 2004 e 2012. Heitor Férrer no ultimo pleito eleitoral para o comando da maior cidade cearense, já havia criado uma espécie de aliança branca com o senador Tasso Jereissati (PSDB), pois a base social e econômica tassista não apoiou a candidatura tucana, mas se empenharam pela candidatura da coligação PDT-PPS. As boas votações da candidatura de Heitor Férrer nos bairros tradicionais de eleitores tassistas não foram por acaso: Aldeota, Bairro de Fátima, Varjota, Cidade dos Funcionários, Grande Messejana, Grande Antônio Bezerra, Grande Montese e outros.

O presidente estadual do PSB, o deputado federal Danilo Forte, tem compreensão da necessidade dessa aliança estratégica, com o senador Tasso Jereissati (PSDB), no pleito eleitoral de Fortaleza, nesse ano. Danilo Forte procura construir o primeiro núcleo oposicionista cearense baseado numa aproximação política-eleitoral do PSB e do PSDB nível nacional, como também dos posicionamentos oposicionistas dessas agremiações em relação ao condomínio político-administrativo do ex-governador Cid Gomes (PDT) na cidade de Fortaleza e no Governo Estadual. A provável candidatura para prefeito de Fortaleza do deputado estadual Heitor Férrer (PSB) terá o apoio do mais antigo protagonista da política cearense: o senador Tasso Jereissati (PSDB).

Administração do estacionamento do Pinto Martins acredita que catraca deverá operar na normalidade nesta tarde

378 1

Até por volta das 11 horas desta quarta-feira (13), a administração do estacionamento do Aeroporto Internacional Pinto Martins ainda não havia chegado a um acordo com a Regional IV, quanto à regularização do serviço, por meio de alvará. Com documentação ainda para ser regularizada, junto à Prefeitura de Fortaleza, o estacionamento foi interditado nesta manhã, por falta do alvará.

Segundo funcionárias do estacionamento, a situação deverá estar regularizada no início desta tarde, após um possível acordo com a Prefeitura. De acordo ainda com as funcionárias, não há informação de liberação de catraca (entrada gratuita), enquanto a situação ainda não for regularizada.

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) também desconhece qualquer acordo para gerenciar interinamente o estacionamento.

R$ 2 + um quilo de alimento – Ingressos para o Queremos Deus já estão à venda

foto queremos Deus 2016

Já estão à venda os ingressos para o Queremos Deus 2016, que ocorrerá no próximo dia 31, no estádio Presidente Vargas (PV), no bairro Benfica. Com o tema “Jesus, o rosto da misericórdia”, o evento terá pregações, louvor, adoração, oração e momentos de fraternidade.

O ingresso poderá ser adquirido mediante a quantia de R$ 2, além de um quilo de alimento não perecível, nas lojas Bethseth ou no dia do evento.

Dentre as atrações deste ano, o Queremos Deus terá as presenças de Naldo José, Waldonys, padre Antônio Furtado e Comunidade Recado. A pregação será ministrada pelo padre Anderson Marçal da Canção Nova. A missa será presidida pelo Arcebispo Dom José Antônio.

Chuvas deste ano podem ser teste para RC, nos quesitos pavimentação e drenagem

148 1

foto chuva 160109 alagamentos

Da Coluna Política, no O POVO desta terça-feira (12), pelo jornalista Érico Firmo:

Uma das coisas que mais desgastaram a administração Luizianne Lins (PT) – embora estivesse muito longe de ser problema dos mais graves em seus mandatos – eram os buracos nas ruas de Fortaleza. A falta de chuva é um grave problema para governos do Nordeste inteiro. Porém, para quem administra a Capital, o período de poucas precipitações traz até vantagens – exclusivamente do ponto de vista do cuidado do espaço urbano. Nesse particular, Roberto Cláudio (PDT) tem dado certa “sorte”, pois em seus três anos de mandato até aqui, as chuvas foram escassas. Essas primeiras sinalizações de 2016 podem indicar que ele será mais exigido nos quesitos pavimentação e drenagem, que tanto potencial têm para causar desgaste, sobretudo entre a classe média.

Mencionei sorte entre aspas porque, a rigor, pior é a falta de chuvas. Um possível racionamento certamente tem impacto negativo sobre os governos — nos vários níveis. Ainda mais quando administração estadual e a municipal estão aliadas. Todavia, do ponto de vista objetivo da gestão e manutenção das vias, a chuva traz transtornos que precisam receber atenção da Prefeitura. Não é culpa do fenômeno climático, mas de uma cidade que, ao longo de décadas, não foi construída com estrutura para suportar adequadamente qualquer chuva um pouco mais intensa.

A chuva nem precisa ser tanta assim para causar problemas monumentais. As dos últimos dias quase nenhum impacto tiveram para os reservatórios. Mas foram capazes de provocar imagens impressionantes, como as que O POVO Online divulgou no sábado (9).

Ao ser eleito, o prefeito divulgou meta ambiciosa: tapar todos os buracos de Fortaleza no prazo de um ano. Passados três anos, eles não são poucos e tendem a se aprofundar com a possível – e necessária – continuidade das chuvas. A se manterem as chuvas, a tarefa de manutenção do espaço urbano fica mais difícil para o prefeito do que foi nos primeiros três anos. Isso logo no ano em que tentará reeleição.

Novo sistema do IPM evita deslocamentos para autorização de exames simples, diz superintendente

392 1

Em nota enviada ao Blog, o superintendente do IPM Fortaleza, José Barbosa Porto, afirma que os usuários do sistema não precisam mais se deslocar até o instituto para marcar exames. Responde assim a usuários que reclamam de filas, conforme postagem publicada no Blog, no último sábado (9). Confira:

O Instituto de Previdência do Município – IPM Fortaleza implantou, em meados de 2015, um novo sistema de atendimento, visando à melhoria – maior agilidade – na prestação de serviços de assistência médica aos usuários do Programa de Assistência à Saúde – IPM Saúde.

Com o novo sistema, o servidor não precisa mais se deslocar até o IPM Saúde para requerer a autorização de exames simples, assim evitando deslocamentos. O procedimento ficou mais ágil, já que o acesso, agora, é direto no prestador.

O sistema recém-implantado requer, a curto prazo, ações de aperfeiçoamento junto aos prestadores de serviço. O IPM adotou medidas corretivas para o seu pleno funcionamento.

Prefeitura notifica empresa Oi sobre poste no Monte Castelo

foto poste mcastelo 151214

É de propriedade da empresa Oi o poste no cruzamento das ruas Mozart Pinto com Antonio Drumond, no bairro Monte Castelo, que se encontra com a base comprometida e levando risco à população da área.

A constatação é da Regional I, após uma equipe de Serviços Urbanos verificar as precárias condições do poste.

Segundo a Prefeitura, a empresa se comprometeu a trocar o poste nesta terça-feira (12).

(Foto: Cláudio Barata)

Após multada pelo Procon, empresa de estacionamento é investigada pela Prefeitura

83 1

A empresa Master Park, que administra o estacionamento do Aeroporto Internacional Pinto Martins, é alvo de investigação da Prefeitura de Fortaleza, diante da falta de alvará de funcionamento. O processo está na Regional IV, área onde o estacionamento funciona.

No ano passado, a empresa foi multada pelo Procon, em R$ 30 mil, pelo aumento abusivo no preço da hora, de R$ 3 para R$ 9. A empresa recorreu, mas a multa foi mantida.

População tenta evitar queda de poste no Monte Castelo

foto poste mcastelo 160110

Um poste no cruzamento das ruas Mozart Pinto com Antonio Drumond, no bairro Monte Castelo, está tirando o sono dos moradores da área. É que a base do poste está comprometida, inclusive com toda a ferragem exposta, e a envergadura para a pista ameaça a queda dos fios. Para evitar o balanço do poste, moradores se arriscam em colocar pedras na base de ferro.

Para piorar a situação, as poças d’água formadas pelas últimas chuvas levam risco de descarga elétrica nas proximidades do poste.

Moradores afirmam que mantiveram contato com a Coelce, que teria passado a responsabilidade para a Prefeitura. A denúncia foi registrada no Blog, há cerca de um mês, mas não houve retorno dos responsáveis pela manutenção do poste.

(Foto – Cláudio Barata)

“PT e PDT podem ter prioridades diferentes”, diz José Guimarães

173 1

foto guimarães pt-ce

A pressão do ministro das Comunicações e presidente do PDT Ceará, André Figueiredo, que cobrou apoio do PT à reeleição do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), causou desconforto entre petistas.

“O que é prioridade do PDT não necessariamente é do PT, e o que é prioridade do PT não necessariamente é do PDT”, rebateu nesse domingo (10) o deputado federal e líder do Governo na Câmara, José Guimarães (PT).

Em entrevista ao O POVO, na sexta-feira (8), Figueiredo afirmou que a reeleição de Roberto Cláudio é prioridade nacional do PDT e que “eventual racha” em Fortaleza “será levado em consideração para futuras alianças e gerará tensões”. Segundo ele, um desentendimento entre as siglas na Capital terá reflexos no cenário nacional.

Declaradamente oposição a Roberto Cláudio, o PT Fortaleza defende a tese de candidatura própria, tese encabeçada, sobretudo, pela ex-prefeita e deputada federal Luizianne Lins (PT).

O grupo, no entanto, tem perdido força devido à influência de lideranças estaduais que cogitam apoiar o possível ex-adversário RC, dentre elas o próprio governador Camilo Santana (PT).

A cobrança pública de Figueiredo gerou desconforto no PT. “Temos todo respeito partidário ao próprio André Figueiredo, mas ele está apontando o horizonte do partido que ele dirige. Para nós do PT municipal, o PT terá candidatura própria”, pontuou o vereador Ronivaldo Maia.

“O PDT, nessa fala do André, fica cobrando do PT que, nesse momento, a gente tenha de pensar num projeto geral, mas o PDT é um aliado nacional que faz questão de ter postura de independência em relação do PT”, destacou. Para ele, o PDT não é um aliado condicionado a apoiar o PT “em qualquer circunstância”.

O deputado José Guimarães disse que o PT “nem impõe, nem aceita imposição”. Para ele, há uma aliança entre os partidos no âmbito nacional sem interferência nas eleições municipais. “A (direção) nacional interfere, mas não decide”. Guimarães afirmou que não há crise entre os partidos e que os ajustes são “normais” e serão discutidos com os aliados “na hora certa”. “Ninguém vai impor nada”, frisou.

Na semana passada, o presidente do PT Ceará, Francisco de Assis Diniz, sugeriu que a legenda pode aliar-se ao prefeito nas eleições de 2016. O PT não pode deixar de “considerar a importância” que Roberto Cláudio teve na campanha de Camilo em 2014.

O presidente estadual do PT também afirmou que o posicionamento dos irmãos Cid e Ciro Gomes, hoje no PDT, em defesa da presidente Dilma Rousseff (PT) deve ser considerado pelo partido para alianças em 2016. Sobre a postura de oposição do PT municipal ao prefeito Roberto Cláudio, De Assis afirma que será “ponderada”.

(O POVO)

Peemedebista sugere candidatura própria em Fortaleza

Em comentário enviado ao Blog, o integrante do Diretório Estadual do PMDB, Herbert Lobo, defende o nome de Gaudêncio Lucena à Prefeitura de Fortaleza. Confira:

Nos últimos 40 anos, Fortaleza deixou de ser uma capital provinciana para tornar-se uma metrópole regional, seu perfil urbano e demográfico passou por profundas transformações.

Paralelamente, nesse período, a cidade por meio de sucessivas administrações municipais praticamente abandonou por completo a função de planejamento urbano e até mesmo administrativo.

A próxima eleição municipal será uma ótima oportunidade para discutirmos um novo rumo para Fortaleza.

Diante dessa realidade e na condição de fortalezense e peemedebista, fiquei bastante animado ao ler em seu Blog, na última sexta-feira, que o nome do atual vice-prefeito de Fortaleza, Gaudêncio Lucena, está à disposição do partido para disputar a prefeitura municipal.

Com o tamanho que tem, com sua enorme tradição política e por todos os seus feitos administrativo na história recente de Fortaleza, em minha opinião, o PMDB deve oferecer candidatura própria a prefeito.

Além da legitimidade, Gaudêncio tem o perfil, experiência e capacidade de gestão, que tanto têm feito falta a Fortaleza.

Vereador apresenta projeto que regulamenta frete em Fortaleza

foto evaldo lima vereador

O vereador pelo PCdoB, Evaldo Lima, apresentou na Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), o Projeto de Lei de sua autoria, aprovado no final de 2015, que regulamenta o serviço de entrega e coleta de pequenas cargas.

De acordo com o projeto a prestação de serviço de fretes será feita necessariamente por meio de veículos do tipo perua, furgão, picape e utilitário comercial. Serão também estabelecidos os pontos de frente permitidos, a serem definidos pela Prefeitura de Fortaleza, dando prioridade aos locais de intensa atividade comercial.

Segundo ainda o projeto que seguiu para sanção do prefeito Roberto Cláudio, o motorista terá que apresentar aprovação em curso específico oferecido pelo órgão municipal de trânsito, em parceria firmada com a Cooperativa dos Freteiros de Fortaleza.

Heitor volta a circular por feira livre… e não é por causa da pechincha

168 1

foto heitor 160110 antonio bezerra feira

O deputado estadual Heitor Férrer (PSB), pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza, esteve neste domingo (10) na feira livre do bairro Antonio Bezerra, onde distribuiu material informativo do partido, ao lado do deputado federal Danilo Forte (PSB) e de assessores.

Há dois meses, Heitor esteve na feira livre da Messejana.

VAMOS NÓS – Dizem que Heitor está aprendendo com os feirantes para vender seu produto em outubro próximo no gogó.

Brinquedoteka de Férias no North Shopping volta 30 anos no tempo

foto brinquedoteka 160109

Atari, Genius, Aquaplay, Futebol de Pinos, Cai não Cai e Pula Pirata. Essas são algumas das brincadeiras que contagiaram a garotada, há mais de 30 anos, e que agora podem ser vistas no terceiro piso do North Shopping, a partir deste domingo (10) até o dia 10 de fevereiro, das 10 horas às 22 horas, com entrada gratuita.

É a mostra interativa Brinquedoteka de Férias, que também reúne telas com clipes musicais e seriados da época. Segundo os organizadores da mostra, a ideia é proporcionar maior interação entre pais e filhos, transformando a nostalgia em um momento de diversão às crianças e jovens de hoje, que puderam conhecer os brinquedos que fizeram parte da infância dos pais.

Eleição em Fortaleza, um panorama geral

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (9), pelo jornalista Érico Firmo:

O prefeito Roberto Cláudio (PDT), em que pesem pesquisas públicas e internas apontando que sua situação hoje não é das melhores, é candidato muito forte. Se não por outra coisa, porque está no cargo. Os dois prefeitos de Fortaleza que concorreram à reeleição saíram vitoriosos – Juraci Magalhães e Luizianne Lins. Além disso, tem muitas obras a entregar e uma robusta aliança política, ainda que enfraquecida em relação á que o elegeu. Todavia, natural para quem está no cargo, será o candidato mais cobrado, alvo prioritário dos demais. E com polêmicas em sua gestão que serão bastante exploradas.

Capitão Wagner (PR) é o candidato de oposição que mais tem se articulado. Chega com respaldo de fenômeno eleitoral que bateu dois recordes, na última eleição para vereador e, depois, para deputado estadual. Tem muita penetração nas corporações policiais e entre seus familiares, contingentes que têm feito dele esse sucesso eleitoral. Em função da óbvia vinculação ao tema da segurança pública, é considerado candidato de grande potencial nas áreas mais violentes – as periferias. Tem o desafio de atrair outros eleitores, sobretudo de classe média. E, também, de formar uma aliança eleitoral forte.

Heitor Férrer (PSB) já passou perto de chegar ao segundo turno em 2012. Para este ano, já tem marqueteiro contratado e deve apostar numa campanha mais profissionalizada e estruturada. Tem penetração entre a classe média. E sua trajetória está atrelada ao discurso em torno da ética, que deve ser uma das tônicas das eleições no Brasil todo. A dificuldade é entrar na periferia e conseguir aliança que o torne viável. Outra coisa: Heitor se notabilizou como opositor ao governo de Cid Gomes. Com ele fora da administração estadual, o deputado perdeu um pouco da projeção. Um provável mote de sua campanha será o atrelamento ao que representa Roberto Cláudio e seu vínculo com o grupo do ex-governador, que tem muito prestígio, mas também muita rejeição.

O PT ainda é uma grande interrogação sobre a candidatura própria, na hipótese de ir para a disputa, Luizianne Lins é o nome mais provável. Duas vezes prefeita, reeleita no primeiro turno, deputada federal e com inegável carisma, é uma candidata forte. Porém, saiu da administração desgastada. E enfrentará desafio que valerá para o PT no Brasil todo: crise política e econômica, queda da popularidade de Dilma Rousseff e mesmo de Luiz Inácio Lula da Silva – que foram pontas de lança dos petistas por várias eleições. É, seguramente, as mais difíceis eleições para o PT desde a chegada ao poder.

No Psol, Renato Roseno tem a candidatura com menos dinheiro, menos alianças. Seu discurso, ainda mais no atual contexto de descrédito na política, tem potencial para crescer, mas tem na falta de estrutura um enorme obstáculo para ter chance real de vitória.

Vitor Valim, do PMDB, explora com mais ênfase que Wagner o discurso da segurança. O PMDB ainda não demonstrou convicção de que terá candidato. Mantém conversas e pode fechar aliança para apoiar outro partido. Mas, Valim é visto como opção que pode se viabilizar no mesmo campo de Wagner: segurança e periferia.

E há Moroni Torgan (DEM). Ele foi candidato em todas as eleições municipais de 2000 para cá. Esse ano, coloca-se como alternativa. Porém, pelo que se negocia nos bastidores, no Paço Municipal é dado como certo o apoio dele a Roberto Cláudio.