Blog do Eliomar

Categorias para Internacional

Mandela é internado em estado grave devido à infecção pulmonar, mas permanece estável

mandela

O ex-presidente da África do Sul e Prêmio Nobel da Paz, Nelson Mandela, de 94 anos, foi internado neste sábado (8) em estado grave. Mandela teve uma “recorrência da infecção pulmonar”, segundo nota do governo sul-africano. De acordo com as autoridades do país, Mandela “permanece em estado grave, mas estável”. Ele respira sem ajuda de aparelhos.

Mandela recebe cuidados de médicos que tentam reverter o quadro. Em comunicado, o presidente sul-africano, Jacob Zuma, diz acompanhar a situação e torcer para que o ex-presidente melhore. Nos últimos meses, Mandela foi internado várias vezes em decorrência da pneumonia.

“O presidente Jacob Zuma, em nome do governo e da nação, deseja a Madiba [apelido de Mandela] uma rápida recuperação e pede à mídia e ao público para respeitarem a privacidade de Madiba e de sua família”, diz o texto.

O nome do hospital onde Mandela está internado não foi divulgado. Não há previsão de alta médica. Em dezembro de 2012 e janeiro de 2011, Mandela esteve internado também por infecções pulmonares, provavelmente ligadas a sequelas de uma tuberculose que contraiu quando estava preso em Robben Island – onde passou 18 dos seus 27 anos de prisão.

O patrimônio do ex-presidente é alvo de disputa entre suas filhas e seus amigos. Duas filhas de Mandela tentam na Justiça garantir o direito de administrar fundos de investimentos do pai.  A disputa envolve os fundos Harmonieux Investment Holdings e da Magnifique Investment Holdings estimados em cerca de US$ 1,7 milhão. Os fundos em disputa pertencem apenas a uma parte da herança de Mandela.

(Agência Brasil)

Obama e Xi Jinping vão se reunir pela primeira vez

“Pela primeira vez, os presidentes Barack Obama (Estados Unidos) e Xi Jinping (China) se reúnem hoje (7) no Rancho Mirage, na Califórnia (Estados Unidos), para redefinir as relações bilaterais. A ideia é promover uma relação mais próxima e recuperar a cordialidade de outros tempos. Chineses e norte-americanos lideram negociações econômicas e políticas no cenário internacional e, em muitas situações, adotam posições opostas, como no caso da crise na Síria.

O ministro dos Negócios Estrangeiros (o equivalente ao ministro das Relações Exteriores) da China, Zheng Zeguang, disse que o objetivo das reuniões é estabelecer um “novo modelo” de relação, que inclua não somente a “confiança mútua”, mas também “a igualdade, a inclusão, a aprendizagem e os benefícios”.

Atualmente, a China e os Estados Unidos são os principais parceiros comerciais da maior parte dos países. Paralelamente, ambos são também líderes de negociações políticas internacionais, como a questão da crise na Síria, que dura dois anos, em que os dois países têm posições contrárias. Também deve ser discutido o impasse envolvendo as Coreias do Norte e do Sul.”

(Com Agência Brasil)

Dilma visitará Portugal neste fim de semana

A presidenta Dilma Rousseff visitará Portugal neste sábado. Ali, cumprirá agenda com uma série de reuniões políticas e ainda participará da Semana de Portugal, cuja data nacional é comemorada no dia 10 em homenagem a Luís de Camões, considerado um herói, que morreu nesse dia.

No dia 10, termina o Ano do Brasil em Portugal e o Ano de Portugal no Brasil – comemoração com diversos eventos culturais (música, teatro, dança, circo, fotografia e artes plásticas) que ocorrem desde 7 de setembro de 2012 em Lisboa e outras cidades portuguesas, assim como em algumas regiões do Brasil.

Em Portugal, a presidenta deve se reunir com o presidente Anibal Cavaco Silva e ambos farão uma declaração à imprensa. Há, ainda, a previsão de uma reunião com o primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho. Ela participa também do jantar oficial do Prêmio Camões, no Palácio Nacional de Queluz, em Lisboa.

(Com Agência Brasil)

Standard&Poor's reduz perspectiva de nota da economia brasileira

A agência de classificação de risco Standard&Poor’s diminuiu, de neutra para negativa, a perspectiva de nota para a economia brasileira. A avaliação sobre a dívida do país não foi alterada, mas a agência americana indicou que poderá reduzir a nota nos próximos comunicados. Segundo o documento da agência, o baixo crescimento da economia e a redução do esforço fiscal pela equipe econômica podem representar sinais de que o país não conseguirá manter reduzida a dívida pública em relação ao Produto Interno Bruto (PIB).

Em entrevista à Agência Brasil, o secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Marcio Holland, disse que o governo ainda está analisando o documento. Ele, no entanto, ressaltou que o Brasil cresceu mais do que a média mundial de 2007 a 20012, quando estourou a crise financeira internacional. Para o secretário, as perspectivas em relação ao PIB continuam favoráveis.

“As próprias previsões internacionais apontam que o Brasil permanecerá crescendo acima da média mundial. Temos um ambiente de confiança relevante para manter o crescimento sustentado pelos investimentos”, declarou Holland. Ele lembrou que este ano o programa de concessões de infraestrutura começará a entrar em operação com investimentos estimados em R$ 470 bilhões nos próximos anos.

Em relação à política fiscal, o secretário disse que o Brasil apenas pratica uma política anticíclica, em que o governo gasta mais em ano de baixo crescimento. Ele destacou que o superávit primário brasileiro é um dos maiores do mundo e que a dívida líquida do setor público cairá para menos de 35% do PIB, em 2013.

“Standard&Poor’s prometeu observar a economia brasileira pelos próximos dois anos. Esse tempo é suficiente para mostrar que as perspectivas de crescimento sustentado permanecem favoráveis”, disse.

(Agência Brasil)

Lula receberá condecoração no Equador

“O ministro da Defesa, Celso Amorim, e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estão hoje (5), em Quito, no Equador, para agendas distintas. Amorim, que foi ministro das Relações Exteriores do governo Lula, vai se reunir com a ministra da Defesa equatoriana, María Fernanda Espinosa, para discutir os processos de assistência técnica e científica entre os dois governos, considerado um marco da cooperação Sul-Sul e o início do desenvolvimento conjunto da indústria militar.

Amorim e Espinosa também deverão conversar sobre a criação da Escola Sul-Americana de Defesa. O ministro brasileiro também tem marcadas reuniões com o presidente do Equador, Rafael Correa. Segundo o embaixador do Equador no Brasil, Horacio Sevilla, a cooperação bilateral na área de defesa é estreita e foi intensificada nos últimos anos.

O ex-presidente Lula conclui sua viagem pela região, que teve início na Colômbia. Ele também tem reuniões com Correa e receberá uma condecoração. Lula tem reuniões com empresários e professores doutores. Em conversas com líderes internacionais, Correa disse ser favorável ao nome de Lula para a secretaria-geral da União de Nações Sul-Americanas (Unasul).”

(Agência Brasil com Prensa Latina)

XX Cine Ceará com inscrições até 6ª feira

Os interessados em inscrever seus filmes na 23ª edição do Cine Ceará (Festival Ibero-Americano de Cinema) que acontecerá em Fortaleza  de 7 a 14 de setembro, no Centro Dragão do Mar, têm só até a próxima sexta-feira para realizar o procedimento. O regulamento completo do festival e a ficha de inscrição estão disponível no site http://www.cineceara.com. Uma vez selecionados pela Associação Cultural Cine Ceará, concorrem ao Troféu Mucuripe longas-metragens ibero-americanos e curtas-metragens brasileiros. Entre os filmes de longa duração, aquele escolhido como o melhor da competição leva um prêmio de U$10 mil (dez mil dólares).

Os curtas-metragens deverão ter sido realizados por produtores e/ou diretores brasileiros ou radicados no país há mais de três anos e devem ter até 20 minutos de duração. Deverão ainda ser obras concluídas a partir de janeiro de 2012, que não podem ter participado de processos seletivos nas edições anteriores do Cine Ceará. Os longas-metragens deverão ter duração mínima de 70 minutos e terem sido finalizados a partir de 2011 por produtores e/ou diretores de países da América Latina e o Caribe, Portugal e Espanha, em formatos profissionais.

Os prêmios da crítica para melhor curta e longa-metragem serão concedidos pela Abraccine, Associação Brasileira de Críticos de Cinema. Para o melhor longa, de acordo com o júri oficial, será concedido um prêmio especial no valor de US$ 10 mil. Haverá ainda a entrega do troféu Mucuripe de melhor curta da mostra Olhar do Ceará, para o qual haverá um júri de estudantes das universidades de Fortaleza.

SERVIÇO

* Regulamento no site www.cineceara.com

Brasil disputa vaga na Comissão de Direitos Humanos da OEA

“O ex-ministro Paulo Vannuchi, de 63 anos, disputa até quinta-feira (6) uma das três vagas da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), relativas ao período 2014-2017. As eleições ocorrem na 43ª Assembleia Geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), em Antígua, Guatemala. O ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, chefia a delegação brasileira.

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos é formada por sete membros, mas apenas três vagas serão renovadas nas eleições que ocorrem ao longo da semana. O órgão é uma das entidades do sistema interamericano de proteção e promoção dos direitos humanos nas Américas. A sede é em Washington, nos Estados Unidos.

Além de Vannuchi, também concorrem ao posto James Cavallaro (Estados Unidos), Erick Roberts Garcés (Equador), Javier de Balaúnde López de Romaña (Peru). Tentam a reeleição José de Jesús Orozco Henríquez (México) e o atual presidente da comissão, Rodrigo Escobar Gil (Colômbia). A OEA permite reeleição para o cargo apenas uma vez.”

(Agência Brasil)

Brasil assina tratado sobre comércio de armas

“Representantes de 60 países, incluindo a delegação do Brasil, assinaram o Tratado sobre o Comércio de Armas, na sede das Nações Unidas em Nova York, nos Estados Unidos. O Ministério das Relações Exteriores informou que o Brasil participou do processo de negociação do tratado com o objetivo de reduzir a possibilidade de que essas armas sejam desviadas para o mercado ilícito.

A ideia é evitar o incentivo a conflitos internos que estimulam a violência armada. A iniciativa ocorre no momento em que se intensifica, por exemplo, a crise na Síria, que já dura 25 meses e que divide europeus, norte-americanos, russos e chineses. Os europeus se dispõem a vender armas para a oposição ao governo sírio, enquanto russos pretendem abastecer o grupo do presidente da Síria, Bashar Al Assad.

O representante permanente do Brasil na Conferência do Desarmamento, o embaixador Antonio José Vallim Guerreiro, ressaltou que o processo de negociação do tratado levou sete anos. Mas lembrou que o Brasil foi um dos pioneiros em defender uma iniciativa ampla e multilateral.”

(Agência Brasil)

Ano do Brasil em Portugal entra na reta final

“Será encerrado na próxima segunda-feira (10) o Ano do Brasil em Portugal – a mostra de dez meses sobre a produção cultural brasileira, promovida pela Fundação Nacional de Artes (Funarte) com o apoio da Embaixada do Brasil em Lisboa – para atualizar a visão dos portugueses sobre a criação nacional de música, dança, teatro, cinema, fotografia, artes plásticas e literatura. Dez de junho é o Dia Nacional de Portugal e deverá coincidir com cúpula dos governos lusitano e brasileiro em Lisboa. A presença da presidenta Dilma Rousseff é aguardada no encerramento do Ano do Brasil em Portugal, que terá show com a cantora Maria Bethânia.

Na última semana do Ano do Brasil em Portugal, a programação será intensificada com atrações gratuitas ou a preços reduzidos (até 5 euros ou R$ 13,5). No Espaço Brasil, o principal local para a realização de eventos em Lisboa (na LX Factory, Bairro de Alcântara) haverá shows de terça-feira (4) a domingo (9). Entre as atrações estão José Miguel Wisnick, Ná Ozzetti e Ed Motta. Conforme o dia, os shows começam às 21 ou às 22 horas.

Na sexta-feira e no sábado (7 e 8), no mesmo Espaço Brasil (a partir das 9h30min), haverá o Encontro Luso-Brasileiro de Territórios Criativos, para o intercâmbio de conhecimentos e experiências sobre a criatividade como motor do desenvolvimento. No domingo, serão exibidas peças produzidas pelo Polo Joalheiro do Pará, na exposição Cultura e Natureza – O Luxo do Design, Moda e Manualidades da Amazônia.”

(Agência Brasil)

Imprensa estrangeira destaca ascensão social dos negros

A renda da população negra foi a que mais cresceu no Brasil entre 2001 e 2009, cerca de 45%, contra 21% dos brancos, informou o presidente do Ipea e ministro interino da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (SAE/PR), Marcelo Neri, em uma matéria publicada pela Agência France Presse (AFP).

O texto da AFP (Brésil: parce que les femmes noires de Rio le valent bien) destaca o sucesso de uma rede de salões de beleza dedicada exclusivamente a atender clientes negras, fenômeno, de acordo com Neri, da “ascensão de uma nova classe média”. “É a nova classe média produzindo para a nova classe média”, afirmou.

O empreendedorismo na população negra também foi tema em uma reportagem publicada pelo jornal espanhol El País (Alrededor del 30% de la población negra en Brasil es empreendedora). De acordo com o diário, dados do IBGE apontam que, atualmente, 30% dos negros brasileiros são empreendedores, reflexo da elevação de renda e da diminuição da pobreza observada no país nos últimos dez anos, o que levou essa população a trocar o emprego doméstico ou a inatividade pelo empreendedorismo.

De acordo com o presidente do Ipea, vários fatores contribuíram para as mudanças sociais observadas, entre eles o aumento de renda do trabalho assalariado, a melhoria educacional nas camadas mais pobres, assim como, recentemente, as políticas de cotas em universidades públicas. Para o El País, Neri disse acreditar que o negro recuperou o orgulho por sua identidade.

Otimismo

No início do mês, a revista britânica The Economist publicou, em seu site, um artigo (Brazil isn’t growing, so why are Brazilians so happy?) no qual tenta entender por que o brasileiro continua feliz, mesmo com o baixo crescimento do país. O texto cita uma pesquisa do Ipea em que mais de dois terços das famílias afirmaram acreditar que a renda aumentará no próximo ano.

(Ipea)

Dilma visitará Portugal no próximo dia 10

“A presidenta Dilma Rousseff se prepara para ir a Portugal no dia 10. Dilma pretende se reunir com o primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho. Ela participa da Semana de Portugal cuja data nacional é comemorada no dia 10 em homenagem a Luís de Camões, considerado um herói, que morreu neste dia. Dilma visita o país no momento em que o Brasil comemora a eleição do novo diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), embaixador Roberto Carvalho de Azevêdo.

A escolha de Azevêdo, no último dia 7, esbarrou em dificuldades impostas, principalmente, por alguns países europeus. Mas a delegação de Portugal comandou uma campanha em favor do brasileiro, o que o ajudou na eleição. O embaixador do Brasil venceu a disputa com o mexicano Herminio Blanco e toma posse em 1º de setembro.

Além disso, no dia 10 de junho, termina o Ano do Brasil em Portugal e o Ano de Portugal no Brasil – comemoração com diversos eventos culturais (música, teatro, dança, circo, fotografia e artes plásticas) que ocorrem, desde 7 de setembro de 2012, em Lisboa e outras cidades portuguesas, assim como em algumas regiões do Brasil.”

(Agência Brasil)

União Europeia já contabiliza 26,5 milhões de desempregados

“O desemprego continua em alta na Europa. A taxa de desemprego nos 27 países que formam a União Europeia em abril foi 11%, o que representa 0,7 pontos percentuais acima do verificado no mesmo mês do ano passado. No conjunto dos treze países onde circula a moeda euro, o percentual de pessoas afetadas pelo desemprego é maior: 12,2% em abril. O índice é 1 ponto percentual acima do registrado em abril de 2012 e 0,1 ponto percentual acima do registrado em março passado. Os três países da Europa com maior taxa de desemprego estão na zona do euro: Grécia (27%), Espanha (26,8%) e Portugal (17,8%). Em número absolutos, há 26,588 milhões de desempregados na União Europeia, dos quais 19,375 milhões estão em países da zona do euro.

Para efeito de comparação, o número de desempregados equivale à população brasileira da Região Sul ou quase a população da Venezuela. Os dados são do Eurostat, órgão oficial de estatísticas da Comissão Europeia.

Os países da União Europeia menos afetados pelo desemprego são Áustria (4,9%), Alemanha (5,4%) e Luxemburgo (5,6%) – todos com taxa abaixo do medido recentemente nas principais regiões metropolitanas do Brasil (5,8%, segundo IBGE). Além do desemprego, o Eurostat projeta aumento da inflação na zona do euro para maio – taxa de 1,4% contra 1,2% medido em abril. O aumento dos preços foi puxado por produtos alimentícios, bebida e cigarro.

(Agência Brasil, com Lusa)

Dilma se reúne com vice-presidente dos EUA

“A presidenta Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer se reúnem hoje (31) com o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, no Palácio do Planalto. Biden desembarcou nessa quinta-feira à tarde em Brasília, procedente do Rio de Janeiro, onde visitou, nos últimos dois dias, a comunidade Santa Marta, em Botafogo. Na comunidade foi instalada a primeira Unidade da Polícia Pacificadora (UPP), há quatro anos e meio. O vice-presidente vem ao Brasil a menos de cinco meses da primeira visita de Estado de Dilma aos Estados Unidos, em outubro.

Estarão em discussão os programas sociais brasileiros, os projetos de desenvolvimento nas áreas de energia, ciência e tecnologia, assim como a segurança internacional, inclusive o combate ao narcotráfico, e a política externa. Segundo diplomatas, a visita é também a demonstração da relevância, para os norte-americanos, do Brasil no cenário internacional.

Ao lado do secretário de Estado norte-americano, John Kerry, Biden é responsável por várias negociações internacionais. Ele foi várias vezes a Israel para conversar sobre a relação com os palestinos e à Europa, em meio ao agravamento causado pela crise econômica internacional. Nas reuniões com líderes estrangeiros, ele costuma defender medidas comuns de combate ao tráfico de drogas e de aproximação com a África.”

(Agência Brasil)

Brasil despenca no ranking mundial da competitividade

“O Brasil perdeu espaço no cenário competitivo internacional e despencou cinco posições no Índice de Competitividade Mundial 2013, elaborado pelo International Institute for Management Development (IMD), uma das maiores escolas de negócios no mundo. O país passou para a 51ª posição, ante o 46º lugar ocupado no ranking do ano passado. Na liderança da lista estão os Estados Unidos, que recuperaram o posto após perdê-lo no ano passado para Hong Kong, graças a uma melhora do setor financeiro, à abundância de inovação tecnológica e companhias de sucesso. O segundo lugar foi ocupado pela Suiça e o terceiro, por Hong Kong.

“Estávamos esperando o Brasil numa posição bem melhor”, disse o diretor do IMD World Competitiveness Center, Stephane Garelli. Na sua visão, o grande problema do país é “muito consumo e pouca produção” – o que denota as falhas do modelo de crescimento adotado pela presidente Dilma Rousseff. Desde que a petista chegou ao poder, em 2011, o país despencou sete posições no ranking.

De acordo com o professor Carlos Arruda, da Fundação Dom Cabral, que coordena o levantamento no Brasil, um dos únicos pontos em que o país ganhou competitividade foi a atração de investimentos. No entanto, há o desafio de transformar estes recursos em produtos e serviços de maior valor agregado. Isso sem contar os investimentos necessários em infraestrutura, logística, mobilidade urbana, educação e as já tão falada reforma tributária – fatores que minguam a competitividade do país. “O Brasil precisa ter um senso de direção e um bom plano de investimento e perseguí-lo”, adicionou Stephane Garelli, do IMD.

Entre os BRICs, apenas a África do Sul está em pior colocação do que o Brasil, ao perder a 50ª posição do ano passado para ficar em 53º lugar este ano. Apenas a China, que passou do 23º para o 21º lugar, e a Rússia (do 48º para o 42º) subiram nos rankings, enquanto a Índia caiu da 35º para a 40ª posição. As economias emergentes em geral continuam altamente dependentes da recuperação econômica mundial, que parece estar atrasada, de acordo com o IMD.

Na Europa, Suíça, Suécia e Alemanha são consideradas as nações mais competitivas, cujo sucesso se baseia na manufatura orientada para exportação, economias diversificadas, pequenas e médias empresas fortes e disciplina fiscal. “Como no ano passado, o resto da Europa está pesadamente constrangida por programas de austeridade que estão atrasando a recuperação e colocando em causa a oportunidade das medidas propostas”, disse o IMD. A pesquisa avalia as condições de competitividade de 60 países a partir da análise de dados estatísticos nacionais e internacionais e pesquisa de opinião realizada com executivos.”

(Com Veja Online)

ONU lançará Dia Mundial do Meio Ambiente

“Na próxima semana, representantes de diversos escritórios da Organização das Nações Unidas (ONU) estarão na Mongólia para lançar o Dia Mundial do Meio Ambiente, tentando estimular uma mudança de consciência e encorajar iniciativas ambientais em todo o mundo. A data é celebrada pela organização desde 1972, no dia 5 de junho. Na edição deste ano, a ONU vai destacar uma campanha que já havia sido lançada em janeiro para alertar sobre o desperdício e a perda de comida – Pensar. Comer. Conservar.

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) criou um site do Dia Mundial do Meio Ambiente (WED, na sigla em inglês) em português, que será o único traduzido para um idioma que não é oficial da ONU.

Com informações do Pnuma e da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), o site reserva um espaço para que qualquer pessoa registre atividades que serão promovidas para celebrar a data e aponta sugestões para organizações que querem realizar algum evento. Como a página está integrada ao site em outros idiomas e a redes sociais, a expectativa é que essas atividades ganhem visibilidade global e possam atrair mais pessoas.”

(Agência Brasil)

Promotor argentino denuncia: há uma rede de terrorismo do Irã na América Latina

“Um relatório de 500 páginas, acusando o regime iraniano de se infiltrar na América Latina para promover ações terroristas, entre elas o atentado à bomba de 1994, que destruiu a associação judaica Amia, em Buenos Aires, matando 85 pessoas, foi divulgado hoje (29) pelo promotor argentino Alberto Nisman. Em entrevista à imprensa, Nisman disse que enviou os resultados de suas investigações ao Brasil e aos países da região, onde teriam sido instaladas bases clandestinas de espionagem: Paraguai, Uruguai, Chile, Colômbia, Guiana, Trinidad e Tobago e Suriname.

No relatório, o promotor explicou que tem novas provas de que o regime islâmico iraniano patrocinou o atentado à Amia e que a agressão não deveria ser vista como um fato isolado porque aconteceu “enquanto a América Latina estava sendo fortemente e agressivamente infiltrada por pessoas ligadas ao Irã”.
Nisman é o responsável pelas investigações do ataque terrorista à Amia, que aconteceu dois anos após a explosão de um carro bomba na embaixada argentina em Buenos Aires, causando a morte de 29 pessoas.

Não é a primeira vez que a Argentina acusa o Irã de financiar o grupo fundamentalista Hezbollah, pela destruição da Amia. A pedido do governo argentino, a Interpol emitiu alerta vermelha para vários altos funcionários do regime iraniano, incluindo o ministro da Defesa, Ahmed Vahidi. O governo iraniano sempre negou qualquer envolvimento no atentado e se recusou a cooperar com a Justiça argentina até o final do ano passado, quando propôs à presidenta Cristina Kirchner uma saída para o impasse.”

(Agência Brasil)

Medicamento que combate câncer pode levar à cura do Alzheimer

“Quatro equipes de cientistas independentes concluíram que um medicamento usado normalmente no combate ao câncer pode levar à redução da placa amilóide no cérebro e contribuir para a cura do Mal de Alzheimer. Os testes foram feitos em ratos e obtiveram sucesso. A pesquisa foi publicada na revista norte-americana Science. Porém, cientistas advertem que é necessário ter cautela sobre os efeitos do tratamento.

O estudo concluiu que ratos tratados com bexaroteno demonstravam mais rapidez e inteligência e que a placa no cérebro, que causava o Mal de Alzheimer, começava a desaparecer em horas. “Queríamos repetir o estudo para verificar o que pode ser analisado e conseguimos fazê-lo”, disse o professor de neurologia da Universidade da Flórida, David Borchelt. “Mas é preciso ter certa cautela sobre o futuro no que se refere aos pacientes”, alertou.

Os cientistas observaram que o medicamento funcionava incrementando os níveis da proteína apolipoproteína E (ApoE), que ajuda a eliminar a acumulação da placa amilóide no cérebro, uma característica considerada chave do Alzheimer. O principal autor do estudo, Gary Landreth, professor no Departamento de Neurociências da Case Western Reserve University School of Medicine, não escondeu a surpresa. “Ficamos surpresos e assombrados. Isso jamais havia sido visto antes”, ressaltou.”

(Agência Brasil, com Telesur)