Blog do Eliomar

Categorias para Internacional

Pesquisa da UFC é destaque em revista internacional

“A Universidade Federal do Ceará, por meio do professor do Departamento de Zootecnia do Centro de Ciências Agrárias (CCA), Breno Magalhães Freitas, foi representada em uma equipe internacional de 50 pesquisadores que acaba de publicar um trabalho na conceituada revista Science. O estudo, conduzido em 19 países e envolvendo 41 sistemas agrícolas e 600 áreas de cultivo espalhadas pelo mundo, procurou investigar o papel dos polinizadores silvestres e da abelha melífera (Apis mellifera) na polinização de diversas culturas exploradas globalmente. O estudo tem efeitos para a produção agrícola.

De acordo com o professor Breno, até a conclusão das pesquisas, achava-se que, se os polinizadores silvestres (como besouros, borboletas, mariposas, dentre outros) fossem importantes e, por alguma razão, não estivessem presentes nas áreas agrícolas, bastaria colocar colônias da Apis mellifera para resolver a questão da polinização na área. Mas não foi isso que o estudo concluiu.

Com isso, os pesquisadores concluem que “novas práticas que integrem o manejo da abelha melífera e uma diversidade de polinizadores silvestres podem contribuir para aumentar a produtividade agrícola mundial. Isso é importante também porque, produzindo mais na mesma área, a necessidade de desmatar novas áreas para aumentar a produção agrícola fica menor”. Do Brasil, além de Breno, apenas duas outras pesquisadoras participaram do estudo: Blandina Viana e a doutoranda Juliana Hipólito, da Universidade Federal da Bahia.”

SERVIÇO

* Artigo deve ser acessado on-line (is.gd/IE9dVX).

(Com Site da UFC)

Habemus Papam? Conclave que escolherá sucessor de Bento XVI começa 3ª feira

45 2

“O conclave – reunião de cardeais, a portas fechadas, que escolherá o sucessor do papa Bento XVI – começa terça-feira (12), informou hoje (8) o Vaticano. Cento e quinze cardeais do mundo inteiro têm direito de participar da eleição do pontífice. Bento XVI, agora papa emérito e residindo em Castel Gandolfo, renunciou ao pontificado no dia 28 de fevereiro, alegando razões de saúde.

Durante o conclave, que só termina com a escolha do pontífice, os cardeais permanecem incomunicáveis com o mundo exterior.

(Agência Brasil com BBC Brasil)

Visitação ao corpo de Chávez se estenderá por mais uma semana

“Faltando menos de 24 horas para que terminasse o tempo previsto para a visitação ao corpo do ex-presidente Hugo Chávez, o governo venezuelano anunciou que o velório continuará aberto ao público por mais sete dias e que, depois, ele será embalsamado e depositado em uma urna de cristal.

O anúncio, feito pelo presidente em exercício, Nicolás Maduro, atende ao clamor popular, já que em dois dias de visitação milhares de pessoas não conseguiram se aproximar da capela da Academia Militar. Ao anunciar a mudança, Maduro disse que o corpo será embalsamado para que “fique aberto eternamente”.

Para chegar perto do caixão de Chávez na capela, uma pessoa demorava, em média, dez horas nessa quinta-feira (7), o segundo dia de visitação. Caravanas de várias regiões do país chegaram a Caracas. A fila formava quatro corredores que davam voltas de mais de seis quilômetros, de acordo com policiais que garantiam a segurança no local.”

(Agência Brasil)

Maduro será juramentado presidente encarregado nesta 6ª feira e convocará eleições

A Assembleia Nacional venezuelana anunciou na noite dessa quinta-feira (7), que o presidente interino, Nicolás Maduro, será juramentado como presidente encarregado nesta sexta-feira (8). A cerimônia está prevista para as 19h (20h30, no horário de Brasília).

O presidente da Assembleia Nacional, Diosdado Cabello, explicou que as medidas necessárias estão sendo tomadas para cumprir o conteúdo constitucional.

“A Constituição indica que se deve juramentar ao vice-presidente Nicolás Maduro como presidente encarregado e, depois, ele pode convocar novas eleições presidenciais”, detalhou Cabello.

Algumas interpretações da Constituição definiam que a função interina caberia ao presidente da Assembleia e não ao vice-presidente, no caso de falta absoluta do presidente eleito. As eleições presidenciais devem ser anunciadas para 30 dias, após a convocação de Maduro.

Cabello argumentou que a decisão foi tomada em conjunto com sua equipe de trabalho para dar continuidade ao mandato e ao desejo do chefe de Estado, Hugo Chávez. “Não pensávamos que teríamos uma falta absoluta, mas temos que fazer cumprir a lei”, disse o presidente da Assembleia.

(Agência Brasil)

Dilma viaja para velório de Chávez. Petista José Guimarães está na comtiiva

A presidenta Dilma Rousseff embarcou para Caracas, na Venezuela, onde acompanhará o velório do presidente Hugo Chávez, que morreu anteontem (5) vítima de complicações de um câncer na região pélvica. No mesmo avião, que decolou às 11h05min da Base Aérea de Brasília, também estão o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o governador da Bahia, Jaques Wagner. Eles devem chegar à capital venezuelana por volta das 16 horas (horário de Brasília).

Outra aeronave segue em direção ao país vizinho levando o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, o porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann, o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), o presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, e os deputados José Guimarães (PT-CE), Josias Gomes (PT-BA), Valmir Assunção (PT-BA), Perpétuo Almeida (PT-SP) e Iriny Lopes (PT-ES).

(Agência Brasil)

Venezuela antes e depois de Chávez

227 1

Com o título “Venezuela – a.C/d.C”, eis artigo do jornalista Plínio Bortolotti, que está no O POVO desta quinta-feira. Aborda o fenômeno Hugo Chávez e o futuro do chavismo. Confira:

Endeusar ou demonizar Hugo Chávez – os de sempre farão isso – pouco explicará a respeito de sua personalidade e sobre as profundas mudanças que sua política provocou na Venezuela. Chávez mudou a cara do país, que ficou mais parecida com a sua própria face, um índio oriundo das classes pobres, para as quais a elite branca sempre virou as costas.

Se aqueles que o criticam de fora do país não perceberam isso, o perspicaz Henrique Capriles, o principal opositor do chavismo, “captou a mensagem” que vinha dos de baixo: Chávez melhorou-lhes a vida, propiciou-lhes mais renda, mais saúde e mais educação. Capriles, na sua campanha presidencial contra Chávez, comprometeu-se a manter essa política – e, apesar da derrota – certamente, não teria a quantidade de votos obtidos se tivesse agido de modo diferente.

Haverá poucos opositores que terão coragem de combater essas conquistas sociais – pelo menos abertamente, sem correr o risco de anularem-se politicamente. O chavismo deverá ser mais persistente que o homem que o criou, como é o caso do peronismo na Argentina.

Sem dúvida, há muito o que criticar em Chávez, como a desorganização econômica do país, o personalismo exacerbado, a sua proximidade com ditadores dos mais diversos matizes, os métodos utilizados para fazer algumas mudanças – operando, por vezes, no limite da democracia. A sua retórica exacerbada também incomodava adversários e inimigos, mas, a par disso, era pragmático: “el diablo”, os Estados Unidos, era um dos maiores compradores do petróleo venezuelano.

Os seus acertos e erros serão explorados pelos admiradores e detratores. De qualquer modo, condenando-se ou louvando-se Hugo Chávez, há um ponto que todos devem concordar: a história republicana da Venezuela terá de ser dividida entre antes e depois de Chávez – ou seja, a.C./d.C.

Plínio Bortolotti
plinio@opovo.com.br 
Diretor Institucional do Grupo de Comunicação O POVO.

Presidentes da Bolívia e do Uruguai já estão em Caracas para o funeral de Chávez

“Os presidentes Evo Morales (Bolívia), José Pepe Mujica (Uruguai) e Cristina Kirchner (Argentina) chegaram hoje (6) a Caracas, capital venezuelana, para o velório e enterro do presidente da Venezuela, Hugo Chávez. A presidenta Dilma Rousseff e o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, devem viajar amanhã (7) à tarde para a Venezuela. O enterro de Chávez está marcado para sexta-feira (8) às 10 horas. Os presidentes Sebastián Piñera (Chile) e Rafael Correa (Equador) também devem viajar para Caracas para prestar as últimas homenagens a Chávez.

Sete países decretaram luto oficial pela morte do presidente da Venezuela. Além do Brasil, estão em luto a Argentina, Cuba, o Uruguai, o Equador, a Bolívia e o Irã. No caso do Brasil, o luto é de três dias a partir de hoje. Os governos da Nicarágua, da Colômbia, do México, da Irlanda, da Guatemala, de Portugal e da Espanha fizeram pronunciamentos oficiais.

Chávez morreu às 16h47min (horário de Caracas) de ontem, aos 58 anos, na capital Venezuela, vítima de complicações de um câncer na região pélvica.”

(Agência Brasil)

Imprensa francesa repercute acidente em Acaraú

Veículos de comunicação da França estão dando ampla repercussão ao caso dos franceses que foram eletrocutados dia 12 de fevereiro em Acaraú (Litoral Norte). O canal de televisão France 3 e o portal Corse ViaStella têm feito reportagens sobre o acidente que provocou a morte de Jean Dominique Martini e sequelas graves em Jean Claude Defranchi. A imprensa francesa dá destaque principalmente à falta de assistência da Coelce aos acidentados e seus familiares e à inércia da embaixada da França no Brasil.

Em uma das matérias do canal France 3, a família de Jean Claude afirma que os franceses foram socorridos por populares e por amigos no Ceará. A reportagem do canal France 3 inclusive tentou entrar em contato com o Ministério das Relações Exteriores da França, mas não obteve resposta.

* Confira o link para as matérias na imprensa francesa: http://corse.france3.fr/2013/02/22/difficile-rapatriement-pour-deux-corses-electrocutes-au-bresil-204639.html

Cardeais em nova reunião para preparar conclave

“O Colégio de Cardeais retoma hoje (6) as reuniões preliminares ao conclave (assembleia que elegerá o papa). Do total de 115 cardeais com direito a voto, 110 já estão em Roma, na Itália. Ainda são esperados cinco. Os cinco cardeais brasileiros que votarão estão no Vaticano desde a semana passada. Ainda não está definida a data para o início do conclave, mas a expectativa é que a definição ocorra até a Páscoa – no fim do mês.

Até ontem (5) à noite havia 148 cardeais presentes, mas nem todos têm direito a voto no conclave. Só votarão os cardeais com menos de 80 anos. O porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse que as reuniões preliminares não têm prazo definido para serem concluídas. Segundo ele, as decisões serão tomadas “sem apressar as coisas”. O padre disse ainda que hoje, às 17h (13h de Brasília), na Basílica de São Pedro, os cardeais se reunirão no Altar da Cátedra para a Adoração e as Vésperas – orações que serão conduzidas pelo cardeal decano Angelo Sodano.”

(Agência Brasil)

Bancada federal do PT divulga nota de pesar exaltando Chávez como um "gigante"

A bancada federal do PT divulgou nota de pesar pela morte do presidente da Venezuela, Hugo Chávez. Desta Chávez como um líder que se dedicou “à luta pela liberdade e pelo bem-estar do seu povo”. Confira:a

A bancada do Partido dos Trabalhadores recebeu com imenso pesar a notícia da morte do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, e transmite suas condolências ao governo e ao povo daquele país pela perda deste incansável lutador pela libertação da América Latina.

Os deputados e deputadas do PT manifestam sua convicção de que o legado libertário de Chávez é inesgotável e continuará fertilizando a terra sagrada de nossa América e iluminando os caminhos de seus povos e de suas lutas pela democracia, pelo crescimento econômico com distribuição de renda e pela continua afirmação da dignidade dos povos e das nações de nosso continente. Foi um gigante na construção de sonhos e grandes realizações.

Hugo Chávez, os que vão nascer o saúdam. Outras mãos, outras mentes assumirão suas nobres causas às quais dedicou sua vida fértil, rica e voltada à luta pela liberdade e pelo bem-estar do nobre povo de sua querida Venezuela. Agora, ocupará, ao lado de Simon Bolívar, um lugar de honra nos corações e mentes dos povos de nossa América.

Brasília, 5 de março de 2013.

* Deputado José Guimarães (PT-CE)
Líder da Bancada do PT na Câmara.

Venezuela – Maduro assume governo interinamente e Venezuela terá novas eleições

“O vice-presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, assume o governo interinamente e em 30 dias serão realizadas eleições presidenciais. A decisão foi anunciada na madrugada de hoje (6) pelo ministro das Relações Exteriores, Elías Jaua. Maduro, segundo pesquisas de intenção de voto, aparece na liderança, seguido pelo governador de Miranda, Henrique Capriles, que foi derrotado nas eleições de outubro pelo presidente Hugo Chávez. Não há detalhes sobre a data exata das eleições na Venezuela.

O ministro das Relações Exteriores, Elias Jaua, anunciou que a Venezuela terá uma semana de luto. Por sete dias, estão suspensas as atividades escolares nas instituições públicas e privadas. O enterro de Chávez ocorrerá sexta-feira (8), a partir das 10h. A previsão é que o corpo seja enterrado na Academia Militar.

A presidenta Dilma Rousseff deverá comparecer ao enterro. Os presidentes da Argentina, Cristina Kirchner, e do Uruguai, José Pepe Mujica, confirmaram que estarão presentes nas últimas homenagens ao líder venezuelano. Chávez morreu ontem (5) à tarde depois de lutar por cerca de 20 meses contra um câncer na região pélvica.”

(Agência Brasil)

Funerais de Chávez ocorrerão na sexta-feira

85 2

CHVEZZCARECA

“O funeral do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que morreu nessa terça-feira (5) vítima de complicações de um câncer, ocorrerá na sexta-feira (8), segundo a agência estatal de informações Agência Venezuelana de Notícias. A cerimônia está marcada para 10h (hora local; 12h30 no horário de Brasília) na Academia Militar da Venezuela, em Caracas. Antes da cerimônia fúnebre oficial, para a qual são esperados chefes de Estado da América Latina, a população venezuelana poderá prestar as últimas homenagens a Chávez. O governo da Venezuela ainda não informou em que local o corpo preidente será enterrado.

Vários presidente latino-americanos já manifestaram, por meio de redes sociais, que irão ao velório de Chávez. A presidenta Dilma Rousseff cancelou uma viagem que faria à Argentina na próxima quinta-feira (7) e deverá comparecer ao funeral do líder venezuelano.

Chávez morreu ontem (5) em Caracas, aos 58 anos, vítima de complicações de um câncer na região pélvica. Em dezembro do ano passado, ele foi submetido a uma cirurgia em Havana, capital cubana. Suas últimas imagens, em fotos ao lado das filhas no hospital, foram divulgadas há duas semanas.

O anúncio da morte de Chávez foi feito pelo vice-presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão.”

(Agência Brasil)

* Leia Especial sobre Hugo Chávez no O POVO aqui.

Venezuela terá novas eleições em 30 dias

43 1

“O ministro dos Negócios Estrangeiros da Venezuela, Elías Jaua, anunciou hoje (6) que, em função da morte de Hugo Chávez na terça-feira (5), o vice-presidente, Nicolas Maduro, assumirá o cargo de presidente interino e que dentro de 30 dias haverá eleições presidenciais. “Foi o mandato que o comandante-presidente Hugo Chávez nos deu”, disse Jaua ao canal de televisão Telesur.

Jaua não especificou se a eleição seria realizada dentro de 30 dias ou se a data seria escolhida neste prazo. O governo da Venezuela e a oposição apresentaram, nos últimos meses, interpretações divergentes da Constituição no caso da morte de Chávez, que foi reeleito presidente em outubro.

O líder da oposição Henrique Capriles, que perdeu as eleições para Chávez, pediu ao governo para “agir estritamente no âmbito do seu dever constitucional”. A oposição defende que a Constituição indica que o presidente da Assembleia Nacional, Diosdado Cabello, deve assumir a liderança do país no caso de morte do presidente.

Mas antes de ir para Cuba para uma nova operação de câncer em dezembro, Chávez disse que Maduro devia assumir o poder caso ele ficasse incapacitado.”

(Agência Brasil)

Lula: morte de Chávez não deve interferir nas melhorias sociais da Venezuela

53 1

A morte do presidente venezuelano, Hugo Chávez, não deverá interferir na trajetória de melhorias sociais na Venezuela, disse o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em nota oficial, o ex-presidente disse esperar que o legado de dedicação às camadas mais pobres da população continue a ser seguido no país.

Enfatizando a tristeza com a morte do chefe de Estado venezuelano, Lula expressou solidariedade com o povo venezuelano e disse ter orgulho de ter trabalhado com Chávez pela integração dos povos latino-americanos e por um mundo mais justo.

Confira a íntegra da nota do ex-presidente Lula:

“Foi com muita tristeza que recebi a notícia do falecimento do presidente Hugo Chávez. Tenho orgulho de ter convivido e trabalhado com ele pela integração da América Latina e por um mundo mais justo. Eu me solidarizo com o povo venezuelano, com os familiares e correligionários de Chávez, neste dia tão triste, mas tenho a confiança de que seu exemplo de amor à pátria e sua dedicação à causa dos menos favorecidos continuarão iluminando o futuro da Venezuela.”

(Agência Brasil)

Morre Hugo Chávez

452 2

hugo chávez

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, morreu vítima de câncer na região pélvica. O vice-presidente Nicolás Maduro anunciou, nesta terça-feira à noite, a morte do líder venezuelano.

Em outubro de 2012, Chávez havia sido reeleito presidente da Venezuela, com 54% dos votos. Como faleceu antes de assumir o governo, o país deverá passar por novas eleições. O ex-governante já deixou o seu recado sobre o futuro do país. “Vocês todos têm de eleger Nicolás Maduro como presidente. Peço isso de coração”, afirmou, durante seu pronunciamento na TV.

Foram mais de três décadas de vida política na Venezuela, que começou quando ele se formou em ciências e artes militares na Academia Militar da Venezuela, aos 21 anos.

Natural de Sabaneta, oeste da Venezuela, Chávez nasceu a 28 de julho de 1954. Ele era o segundo de seis filhos dos professores Hugo de los Reyes Chávez e Elena Frías de Chávez. Sua infância e adolescência, vividas em Sabaneta e Barinas, também no oeste do país, foram marcadas pelo gosto por esportes e artes – o presidente chegou a escrever alguns contos e obras de teatro.

* Com Agências, leia também no Portal Uol aqui

Escritora cearense terá obra divulgada na Feira do Livro Infantil de Bolonha

socorroacioly

Socorro Accioli está nessa lista.

A Revista Machado de Assis – Literatura Brasileira em Tradução, da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), divulgou os nomes dos 20 selecionados para o número 3 da publicação, dedicado à literatura brasileira para crianças e jovens. O objetivo é divulgar internacionalmente a literatura desse segmento a um ano da homenagem ao Brasil na Feira do Livro para Crianças de Bolonha, em 2014. O evento de Bolonha, cuja edição deste ano acontece entre 25 e 28 de março, é o mais importante do mundo para a negociação de obras literárias infantis e juvenis. A publicação é coeditada pelo Itaú Cultural e tem como parceiros a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e o Itamaraty.

Foram recebidas 183 inscrições de trechos de obras brasileiras para crianças e jovens traduzidos para o inglês ou para o espanhol. Trata-se de um acréscimo de 80% nas inscrições em relação ao primeiro número, lançado em outubro do ano passado na Feira do Livro de Frankfurt. O segundo número, que entrou no ar em fevereiro – com trechos em alemão, além do inglês e do espanhol, e versão em PDF – havia recebido 147 inscrições (no primeiro número, foram 103 inscritos). No conjunto de 20 textos, há quatro em espanhol. Do total das inscrições, 85% foram realizadas na língua inglesa. O terceiro número da revista será lançado no site da publicação [www.machadodeassismagazine.bn.br], também disponível em PDF, no dia 24 de março, véspera do início da Feira do Livro para Crianças de Bolonha.

A seguir, os autores selecionados (estão sendo divulgados apenas os ilustradores que enviaram liberação de direito autoral à FBN):

1- Ana Maria Machado: Jabuti Sabido e Macaco Metido. Tradução para o inglês de Ana Maria Machado.

2- Carolina Moreyra, ilustrações de Odilon Moraes: O guarda-chuva do vovô. Tradução para o inglês de Carolina Moreyra.

3- Cecília Meireles: poemas de Ou isto ou aquilo. Tradução para o inglês de Telma Franco e Sarah Rebecca Kersley.

4- Celso Sisto: A compoteira. Tradução para o inglês de Fal Azevedo.

5- Gláucia Souza, ilustrações de Cristina Biazetto: Tecelina. Tradução para o espanhol de Leila Mathias Costa.

6- Ivan Jaf: As outras pessoas. Tradução para o inglês de Gilsandro Vieira Sales.

7- Jorge Miguel Marinho, ilustrações e projeto gráfico da Casa Rex: Lis no peito – Um livro que pede perdão. Tradução para o inglês de Robert Brian Taylor.

8- Luis Dill, ilustrações de Rogério Coelho: O estalo. Tradução para o espanhol de Girassol Sant´Anna.

9- Luiz Antonio Aguiar: Sonhos em amarelo – O garoto que não conheceu Van Gogh. Tradução para o inglês de Anthony James Waug.

10- Marcos Bagno: Memórias de Eugenia. Tradução para o espanhol de Girassol Sant´Anna.

11- Nelson Cruz, ilustrações do autor: No longe dos Gerais. Tradução para o inglês de Flora Thomson-Deveaux.

12- Nilma Lacerda: Sortes de Villamor. Tradução para o inglês de Tonia Leigh Wind.

13- Paulo Venturelli: Visita à Baleia. Tradução para o espanhol de Girassol Sant´Anna.

14- Reginaldo Prandi, com ilustrações de Rafael Pedro: Xangô, O trovão. Tradução para o inglês de Laurie Anne Carpenter.

15- Ricardo Azevedo: Uma velhinha de óculos, chinelos e vestido azul de bolinhas brancas. Tradução para o inglês de Laurie Anne Carpenter.

16- Roger Mello, ilustrações de Graça Lima e Mariana Massarani: Vizinho, vizinha. Tradução para o inglês de Laurie Anne Carpenter.

17- Rogério Andrade Barbosa: Histórias Africanas Para Contar e Recontar. Tradução para o inglês de Gilsandro Vieira Sales.

18- Silvana Tavano, ilustrações de Daniel Kondo: Psssssssssssssiu!, Tradução para o inglês de Jay Augusto Silva.

19- Socorro Accioli: O peixinho de Pedra. Tradução para o inglês de Silvia Dussel Schiros.

20- Stella Maris Rezende, ilustrações de Laurent Cardon: A mocinha do mercado central. Tradução para o inglês de Mark David Ridd. 

SERVIÇO

* Os autores, tradutores e ilustradores selecionados têm até esta quarta-feira (6) para enviar informações extras à FBN, solicitadas diretamente aos responsáveis pelas inscrições. Também devem ser enviadas duas ilustrações por texto e a capa da obra em JPG, com pelo menos 1MB por arquivo. As licenças de direito autoral para a publicação dos trechos e das ilustrações na Revista precisam ser remetidas assinadas por Correio ao Centro Internacional do Livro, setor da FBN responsável pelo projeto, sob o risco de desclassificação (Centro Internacional do Livro (CIL) – Revista Machado de Assis/ Fundação Biblioteca Nacional/ Palácio Capanema, sala 1110/ Rua da Imprensa 16/ CEP:20030-120/ Rio de Janeiro-RJ).

(Foto – Paulo MOska)