Blog do Eliomar

Categorias para Internacional

Dilma vai à Ìndia participar de reunião do Brics

134 3

“Nos próximos dias, a presidenta Dilma Rousseff viaja para Nova Déli, na Índia. Ela participa, no dia 29, da 4ª reunião do bloco que reúne o Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul – Brics.  As discussões serão dominadas pelos debates econômicos e financeiros, além de políticas de segurança e paz, assim como o esforço conjunto para o desenvolvimento sustentável, um dos pilares para a redução da pobreza.

Além de Dilma, participarão dos debates os presidentes Dmitri Medvedev (Rússia), Hu Jintao (China) e Jacob Zuma (África do Sul), e o primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh. As conversas ocorrem em um momento de incertezas devido à crise econômia internacional que ainda causa impactos na Europa e nos Estados Unidos.

Nas reuniões, os líderes políticos querem consolidar a decisão de transformar o Brics em referência no cenário econômico e político internacional. A ideia é ampliar as relações comerciais internas e externas, incentivando a expansão dos mercados exportadores e importadores. Uma comitiva de cerca de 60 empresários acompanha a presidenta e os ministros.

As autoridades brasileiras, com o apoio dos empresários, querem mostrar que o mercado exportador do Brasil não se resume aos produtos agrícolas. Na comitiva presidencial, há empresários de diversos setores, incluindo o de tecnologia de ponta, que participarão do Fórum Empresarial, com a presença de representantes de todos os países que integram o bloco.”      

(Agência Brasil)

Brasileiras são libertadas no Egito

“As turistas brasileiras Sara Lima Silvério e Zélia Magalhães de Mello, sequestradas ontem (18) à tarde no Egito, foram libertadas depois de quase seis horas em poder de um grupo de nômades no deserto do país. De acordo com a família de Sara, ambas passam bem. As turistas foram retiradas do ônibus no qual estavam, próximo ao Monte Sinai.

As negociações para a libertação das brasileiras foram conduzidas pelo Ministério do Interior do Egito e acompanhadas por diplomatas brasileiros, segundo informações do Ministério das Relações Exteriores. Não há dados se os sequestradores receberam recompensa pela libertação.

De acordo com as informações de turistas que estavam com as brasileiras, elas foram sequestradas quando voltavam de uma visita ao Mosteiro (ortodoxo) de Santa Catarina, localizado na região do Monte Sinai. O ônibus de turismo no qual viajavam foi atacado por homens armados. As duas brasileiras e o guia turístico foram retirados e levados pelos sequestradores.

O Itamaraty informou que o ônibus transportava aproximadamente 45 brasileiros, ligados a uma igreja evangélica. Após o incidente, o veículo foi escoltado por forças de segurança do Egito até uma área segura.

As autoridades egípcias  informaram que os sequestradores, que pertencem a um grupo étnico nômade, pretendiam negociar a libertação das vítimas exigindo a libertação de prisioneiros pelo governo. Porém, essa informação não foi confirmada.”

(Agência Brasil)

Acidente de ônibus na Suiça mata 28 pessoas

Pelo menos 28 pessoas morreram – entre elas 22 crianças – no acidente de um ônibus belga em um túnel de Sierre, no sul da Suíça, informaram as autoridades do cantão de Valais, nesta quarta-feira (14), em entrevista coletiva.

Segundo o R7.com, por meio da agência Efe, outras 24 crianças, todos elas em torno dos 12 anos de idade, ficaram feridas quando o ônibus no qual viajavam colidiu contra uma das paredes do túnel por razões até agora desconhecidas. O veículo, que transportava 52 pessoas, ficou preso na parede junto a uma das saídas de emergência do túnel. As primeiras fotografias do acidente distribuídas pelas autoridades suíças permitem ver que o ônibus ficou praticamente destruído.

Os viajantes eram crianças de duas salas de aula das localidades de Lommel e Heverlee (no norte da Bélgica), que retornavam para casa após passar férias esquiando em Val d’Anniviers, nos Alpes suíços.

O presidente da comuna de Sierre, François Genoud, declarou à Agência Efe que se trata de “um drama possivelmente sem precedentes na Suíça, uma catástrofe terrível” que ocorreu quando o ônibus percorrera “apenas uma dúzia de quilômetros”.

Grécia fecha acordo com credores

“O governo da Grécia anunciou, na madrugada desta sexta-feira (9), que o plano de reestruturação da dívida soberana grega ganhou a adesão de 95,7% de seus credores, informou nesta sexta-feira a Autoridade de Gestão da Dívida Pública (PDMA).

Os detentores privados de 152 bilhões de euros em dívida grega (85,8%) – dos 177 bilhões do total – aceitaram o perdão de forma voluntária. A eles se somam os possuidores do resto da dívida inscritos em leis diferentes da grega, que enviaram seu consentimento para proceder à reestruturação de seus títulos.

Segundo os cálculos da PDMA, a soma destes dois tipos de bônus chegaria a 197 bilhões de euros, ou seja, 95,7% dos 206 bilhões em dívida a reestruturar.

A Grécia precisava da participação de pelo menos dois terços de seus credores para realizar a troca dos bônus atuais por outros depreciados, na maior reestruturação de dívida soberana de sua história.”

* Do Portal Uol, leia aqui.

Coca-Cola e Pepsi-Cola terão que informar no rótulo sobre riscos à saúde

122 2

“Os responsáveis pela fabricação da Coca-Cola e da Pepsi terão de alterar a composição do corante caramelo dos seus refrigerantes. A decisão foi baseada na legislação da Califórnia, nos Estados Unidos, que obriga as empresas a incluir nos rótulos das bebidas com certas doses de substâncias cancerígenas essa informação.

A Coca-Cola e a Pepsi controlam cerca de 90% do mercado norte-americano de refrigerantes. As alterações na composição da Coca-Cola e da Pepsi, que começaram a ser feitas na Califórnia, vão ser ampliadas para todo o país. Mas a expectativa, segundo analistas, é que se estenda para os outros países.

Representando a empresa Coca-Cola nas negociações com a Justiça da Califórnia, Diana Garza-Ciarlante disse que a companhia determinou aos fornecedores de corante caramelo que modifiquem o processo de fabricação do produto.

O objetivo da medida, segundo a Coca-Cola, é reduzir a substância denominada química 4-metilimizadol – apontada como uma ameaça à saúde. De acordo com Garza-Ciarlante, a empresa tomou a iniciativa, apesar de acreditar que não há  risco para a saúde pública que justifique a alteração na composição da Coca-Cola.

A associação norte-americana que representa a indústria das bebidas informou que a Califórnia adicionou o corante à lista de substâncias cancerígenas sem provas que associem o seu consumo ao aparecimento da doença.”

(Agência Brasil com Agência Lusa)

Anonymous derruba site do Vaticano

Papa Bento XVI

“O ramo italiano do grupo de hackers Anonymous derrubou o site do Vaticano nesta quarta-feira, dizendo que isso era um ataque contra os escândalos e a doutrina conservadora da Igreja Católica Romana. O site do Vaticano (www.vatican.va) ficou inacessível. Um porta-voz afirmou que não podia confirmar que o problema tinha sido provocado pelo grupo de hackers, mas disse que técnicos trabalhavam para colocá-lo no ar de novo.

Uma declaração no site italiano do grupo de cyber-ativistas acusou a Igreja de ser responsável por uma longa lista de delitos ao longo da história, incluindo a venda de indulgências no século 16 e a queima de hereges durante a Inquisição.

“Hoje, o Anonymous decidiu colocar o seu site sob cerco em resposta à sua doutrina, liturgia e às regras absurdas e anacrônicas que sua organização lucrativa dissemina ao redor do mundo”, disse o site. O texto também acusou o Vaticano de ser “retrógrado” em sua interferência “diária” nos assuntos internos da Itália.

Ao lado do grupo LulzSec, o Anonymous tem sido responsabilidade por uma série de ações de hackers contra empresas e instituições, incluindo a CIA.”

(Reuters/Foto – Tony Gentile)

Mitt Romney leva vantagem na disputa para sair candidato republicano nos EUA

“O pré-candidato Republicano Mitt Romney foi o principal vencedor ontem (6) da megarrodada de votações chamada de Super Terça, nos Estados Unidos. Romney abriu vantagem sobre seus adversários de partido na corrida pela conquista da candidatura, procurando mostrar que tem fôlego para derrotar nas urnas o presidente democrata norte-americano, Barack Obama.

A megarrodada de votações internas mobilizou mais de dez estados e Ohio foi o que mais chamou a atenção da imprensa americana. Isso devido a uma espécie de superstição: como o estado tradicionalmente não se alinha com ninguém – é um dos chamados estados-pêndulo – uma vitória em Ohio é bom presságio para uma candidatura.

O desempenho de Romney e de seu principal rival, o ex-senador evangélico Rick Santorum, rendeu horas e horas de comentários e análises na mídia americana sobre o páreo acirrado entre os dois. Romney conseguiu ampliar a diferença para Santorum. Ao fim, ele conseguiu bater Santorum, que não conseguiu se qualificar para ter o nome escrito nas cédulas de alguns distritos, por um fio: 38% a 37%.

Romney ganhou as primárias em Massachusets – estado que governou – Virginia, Vermont, Ohio e Idaho. Santorum foi vitorioso nos estados mais conservadores – Oklahoma, Tennessee e Dakota do Norte.

O terceiro colocado no páreo foi Newt Gingrich, que venceu na Geórgia, sua base eleitoral. Ron Paul, um republicano considerado menos conservador do que os demais e que tem ficado entre os últimos na disputa, conseguiu ser bem votado em alguns estados, mas não obteve o primeiro lugar em nenhum.

Os eleitores republicanos escolheram os delegados que votarão na convenção do partido, em agosto. Segundo as últimas contagens, que variam de acordo com a fonte, Romney tem agora a promessa de que 386 votarão por sua candidatura, enquanto Santorum tem cerca de 156. Para vencer a indicação à Presidência, um candidato precisa de 1.144.”

(Co Agência Brasil)

Dilma retorna nesta 3º feira da Alemanha

“A presidenta Dilma Rousseff retorna hoje (6) da viagem de três dias a Hannover, na Alemanha. Antes, ela terá mais um encontro com a chanceler Angela Merkel, irá vistoriar o pavilhão do Brasil na Feira Internacional de Tecnologia de Informação, Telecomunicações, Software e Serviços (CeBIT) e manterá reunião com o presidente do Brazil Board da Federação Alemã, Stefan Zoller.

A previsão é que Dilma chegue por volta das 23 horas a Brasília. Ontem (5), na primeira etapa da visita, Dilma e Merkel divergiram sobre as decisões tomadas para controlar os efeitos da crise econômica internacional. Para a presidenta, a concessão de empréstimos do Banco Central Europeu (BCE) a juros baixos para os países da região é uma medida protecionista e que não pode ocorrer.

Na semana passada, o BCE anunciou a liberação adicional de 530 bilhões de euros para os bancos europeus a juros de 1% ao ano. Em dezembro, 489 bilhões de euros já haviam sido oferecidos aos bancos. A chanceler reagiu, informando que os países desenvolvidos tentam buscar solução para as maiores dificuldades.
  
As discussões ocorrem no momento em que o governo da Alemanha tenta aprovar a proposta de contenção de gastos definida na última reunião da União Europeia, na semana passada, e também enfrenta uma fase delicada na política interna. Há pouco mais de duas semanas, o então presidente da Alemanha Christian Wulff renunciou ao cargo, após ser denunciado pelo Ministério Público por corrupção. Quem deve sucedê-lo é Joachin Gauck, candidato da coligação governista.

Na Alemanha, além das reuniões políticas, Dilma participa de vários eventos relacionados à CeBIT, cujo tema central este ano é o Brasil. São mais de 4.200 expositores de 70 países.

A expectativa é que cerca de 350 mil pessoas visitem a feira e que ela abra oportunidades de negócios para empresas produtoras de tecnologias de informação e comunicação. O Brasil é o sexto maior mercado consumidor dessas tecnologias no mundo. A Alemanha é o quarto principal parceiro comercial do Brasil. O volume de comércio entre os dois países superou US$ 24 bilhões em 2011, o que corresponde a um aumento de 17,6% em relação ao ano anterior.”

(Agência Brasil)

Doença ajuda Chávez a subir nas pesquisas

163 1

“A descoberta da reincidência do câncer serviu para garantir o favoritismo do presidente venezuelano, Hugo Chávez, nas eleições do dia 7 de outubro. Apesar das especulações sobre sua real capacidade de enfrentar uma campanha e de governar o país durante mais um mandato de seis anos, uma pesquisa da empresa Hinterlaces mostra que Chávez conta com a preferência de 52% dos eleitores.

A sondagem foi concluída no dia 1 de março, após a operação para retirada de um segundo tumor maligno na região da pélvis, em Cuba. Antes do anúncio da lesão, o presidente contava com 49% das intenções de voto.

— Melhorou a avaliação positiva do presidente, se reduziu o juízo crítico e aumentou a posição de apoio. Aumentaram os laços afetivos, e o chavismo se radicalizou — disse Oscar Schemel, presidente da Hinterlaces.

De acordo com a pesquisa, 71% dos venezuelanos acreditam que o presidente conseguirá se curar do câncer e disputar as eleições. Além disso, mais da metade afirma que não há um nome capaz de substituir Chávez na campanha.

O candidato único da oposição, o governador de Miranda, Henrique Capriles, obteve 34% das intenções de voto. O resultado representa uma queda de três pontos percentuais em relação à última pesquisa.”

(Reuters)

Primeiro-ministro de Israel se queixa do Irã

“O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta segunda-feira diante do principal grupo de pressão judeu nos Estados Unidos que “nunca” porá em risco a segurança israelense. Horas antes, o presidente americano, Barack Obama, dissera que Israel deve ser “dono de seu destino” com relação ao Irã.

“Como primeiro-ministro, nunca porei em risco a segurança do Estado de Israel”, disse Netanyahu, durante um discurso de quase meia hora, ao ser recebido com uma prolongada ovação na gala anual do Comitê de Ação Pública Americano Israelense (Aipac).

O primeiro-ministro israelense se queixou que “incrivelmente” muitos na comunidade internacional não reconhecem que o Irã está tentando produzir armas nucleares, além de construir instalações para enriquecimento de urânio. Além disso, assinalou que o presidente Obama, com quem se reuniu no Salão Oval da Casa Branca, reiterou seu compromisso de impedir que o Irã obtenha essas armas.

Netanyahu acrescentou que o Irã é responsável pela morte de centenas ou até milhares de americanos, e advertiu que, se o Irã age assim sem armas nucleares, seria ainda pior se as obtivesse.”

(Portal Terra com EFE)

Dilma conversa com primeira-ministra alemã sobre crise econômica internacional

“A presidenta Dilma Rousseff se reúne hoje (5) com a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, em Hannover. O principal tema da conversa é a crise econômica internacional. Na semana passada, Dilma condenou a ação dos europeus na tentativa de conter os efeitos da crise. Merkel disse que vai tentar mostrar à presidenta que os europeus se esforçam para impedir o agravamento da crise. As duas têm reunião privada e jantam juntas.

Na conversa com Merkel, que é a principal líder das negociações na União Europeia (UE) em busca de soluções para evitar o agravamento da crise, Dilma deve mencionar os impactos do problema no Brasil e no mundo. Ambas também examinarão o aprofundamento do acordo de parceria estratégica definido em 2002.

A presidenta e a chanceler também devem conversar sobre educação, ciência, tecnologia e inovação, além de desenvolvimento sustentável, energia e infraestrutura, assuntos centrais na cooperação bilateral. Nas reuniões, Dilma deve ressaltar as expectativas em torno da Conferência Rio+20, em junho no Rio de Janeiro, a atuação do G20 (que reúne os países mais ricos do mundo) e a reforma das instituições políticas e econômicas de governança global.

Paralelamente, a Alemanha vive um momento delicado em sua política interna. No último dia 17, o então presidente da Alemanha Christian Wulff – que tem funções administrativas – renunciou ao cargo, após ser denunciado pelo Ministério Público por corrupção. O nome de consenso para sucedê-lo é Joachin Gauck, candidato da coligação de maioria governista.

Dilma chegou ontem (4) à Alemanha, onde fica até amanhã (6). A presidenta participa da inauguração da Feira Internacional de Tecnologia de Informação, Telecomunicações, Software e Serviços (Cebit). Ela está acompanhada por ministros e uma delegação de empresários, em um total de 200 pessoas.

A presidenta também participa da Cebit, cujo tema neste ano é o Brasil. São mais de 4.200 expositores de 70 países. A estimativa é que cerca de 350 mil pessoas visitem a feira, que deve abrir oportunidades de negócios para empresas produtoras de tecnologias de informação e comunicação. O Brasil é o sexto maior mercado consumidor dessas tecnologias no mundo.”

(Agência Brasil)

Putin é reeleito com 96% dos votos apurados na Rússia

69 1

“O atual primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, será o novo presidente do país pelos próximos seis anos. Com a apuração de 96% das urnas nas eleições deste domingo, ele obteve 64,18% — cerca de 40 milhões — dos votos totais.

“Vencemos em uma luta aberta e limpa”, afirmou Putin na praça moscovita do Manezh, perto do Kremlin, ao comemorar sua vitória com mais de 100 mil de seus partidários ainda com 30% das urnas apuradas.

A oposição questiona a legitimidade do pleito e promete uma manifestação para esta segunda-feira. “Reuniremos mais de 100 mil pessoas. Temos um novo argumento: a vitória duvidosa de Putin nas eleições presidenciais”, afirmou o líder do partido liberal Yabloko, Serguei Mitrojin.

O líder do Partido Comunista da Rússia, Gennady Ziuganov, foi o segundo candidato mais votado com 17,14%, segundo os dados da CEC.

O terceiro lugar ficou com o multimilionário Mikhail Prokhorov (7,50%), considerada uma das grandes surpresas da campanha presidencial russa ao se tratar de um candidato sem experiência política.”

(Folha.com)

Missão do Benin visita Fortaleza

Uma comitiva técnica da cidade de Porto Novo, Capital do Benin, país africano, visita Fortaleza a partir da próxima segunda-feira. A missão ocorrerá durante toda a próxima semana com atividades teóricas e práticas, tendo o coordenador de Projetos Especiais da Prefeitura, Geraldo Acioy, como cicerone.

A equipe, composta por cinco profissionais da área de patrimônio, vem para atividades da Missão de Imersão em Restauração, que faz parte do projeto “Centro de Formação em Artes e Ofícios do Patrimônio de Porto Novo/Benin”. O grupo terá programação com importantes instituições que têm trabalhos na área de patrimônio histórico e cultural, com atividades práticas e teóricas.

ROTEIRO DE VISITA

Na segunda-feira, a instituição visitada será a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), com destaque para a apresentação do grupo artístico Tambor de Crioula. As atividades seguem na terça-feira em conjunto com a Escola de Artes e Ofícios Thomás Pompeu Sobrinho, da Secretaria da Cultura do Estado. Já na quarta-feira, além da programação com a Unifor e com o IPHAN para apresentação de projetos de restaurações históricos e culturais.

Os integrantes da missão estarão disponíveis para atendimento à imprensa no Passeio Público das 13 às 14 horas. A quinta -feira será o dia de conhecer os projetos desenvolvidos pela UFC e, finalizando a programação, na sexta–feira, a comitiva conhecerá prédios históricos no Centro da cidade.

ONU repassa 6 milhões de euros para Haiti ajudar vítimas do terremoto

“A Organização das Nações Unidas (ONU), por intermédio do Fundo Central de Resposta às Emergências das Nações Unidas (cuja sigla em inglês é Cerf), anunciou a liberação de 6 milhões de euros para ajudar as vítimas do terremoto de 12 de janeiro de 2010 no Haiti. Dois anos após os tremores de terra no país, os haitianos ainda sofrem com a falta de moradia, de infraestrutura básica, educação e saúde.

A estimativa é que 490.545 pessoas vivam de forma improvisada no Haiti. A proposta das Nações Unidas e do governo do presidente haitiano, Michel Martelly, é intensificar o processo de transferência dessas pessoas para locais seguros e com garantia de assistência médica.

Os responsáveis pela área de Assuntos Humanitários das Nações Unidas informaram que o dinheiro vai ser usado principalmente no socorro de quem está em abrigos provisórios em Porto Príncipe, a capital, e algumas cidades do interior do Haiti.

Há ainda planos para investimentos em saneamento de acampamentos, na ampliação do acesso à água potável e em programas de combate à desnutrição de crianças e mulheres grávidas, além de projetos de proteção e assistência às mulheres vítimas de violação e agressão sexual. Também devem ser  ampliados os programas de combate à cólera.

O terremoto de 12 de janeiro de 2010 gerou destruição e mortes no Haiti. Cerca de 220 mil pessoas morreram no país, muitas perderam suas casas e vários prédios foram destruídos. O processo de reconstrução da região é o principal desafio do governo Martelly.”

(Agência Brasil com Agência Lusa, de Portugal)

Egito – Eleições presidenciais estão marcadas para maio e junho deste ano

“A Junta Militar que governa o Egito desde o ano passado marcou para os próximos dias 23 e 24 de maio as eleições presidenciais. Os militares anunciaram a decisão sob forte pressão interna e protetos. As eleições ocorrerão em dois turnos, sendo que o segundo está marcado para 16 e 17 de junho. Na semana que vem, no dia 8, começam as inscrições para os pré-candidatos nessas eleições.

Os pleitos de maio e junho serão os primeiros desde que o ex-presidente Hosni Mubarak deixou o poder, em 11 de fevereiro de 2011. Mubarak renunciou em meio à pressão interna e externa, sob a acusações de irregularidades e violações. Ele e seus colaboradores serão julgados pela Justiça do Egito.

O presidente da Comissão Suprema de Eleições Presidenciais (Csep), Farouk Sultan, disse que o resultado das eleições presidenciais deve ser divulgado em 21 de junho. Segundo ele, a campanha eleitoral vai durar três semanas. Também está autorizada a participação dos egípcios que vivem no exterior, que poderão votar nas embaixadas e consulados por uma semana – de 11 a 17 de maio.

O chefe da Junta Militar que exerce o papel de presidente interino do Egito, marechal Mohamed Hussein Tantawi, disse que mantém sua promessa de transmitir o poder ao sucessor de forma democrática. Recentemente houve eleições para o Parlamento do Egito – formado pela Assembleia do Povo (Câmara Baixa) e pelo Conselho Shoura. Os parlamentares são responsáveis pela elaboração da primeira Constituição do país.”

(Telesur)