Blog do Eliomar

Categorias para Internacional

EUA aplicam sanções à Coreia do Norte por ataque cibernético à Sony

Os Estados Unidos reforçaram nessa sexta-feira (2) as sanções à Coreia do Norte, em retaliação pelo ataque informático “desestabilizador e destruidor”, alegadamente perpetrado por Pyongyang à companhia cinematográfica Sony Pictures.

As novas medidas respondem às “muitas provocações [de Pyongyang] e particularmente ao recente ataque cibernético contra a Sony Pictures e às ameaças visando as salas de cinema e os espectadores”, indicou o departamento do Tesouro norte-americano em comunicado.

“Trata-se da primeira parte da nossa resposta”, reforçou a Casa Branca, também por meio de nota.

Alvo de grande ataque informático, a Sony Pictures cancelou, numa primeira fase, a exibição do filme The Interview, sobre uma tentativa de assassínio da CIA (agência de serviços secretos externos norte-americanos) do líder norte-coreano, Kim Jong-Un.

O filme acabou por ser distribuído através de serviços de vídeo online em uma rede de salas mais restrita nos Estados Unidos.

(Agência Brasil)

Batalha contra ebola está longe de acabar, segundo a ONU

O chefe da Missão das Nações Unidas para o Combate ao Ebola (Unmeer), Anthon Banbury, disse nesta sexta-feira (2) que a África Ocidental não está prestes a livrar-se do ebola, e destacou que a comunidade internacional deve prosseguir seus esforços para combatê-lo.

Banbury, que assumiu o cargo quando a Unmeer foi criada, em setembro último, deixará Accra, a capital de Gana, onde fica a sede da organização, neste sábado (3), sendo substituído pelo mauritano Ismail Ould Cheikh Ahmed.

A epidemia de febre hemorrágica ebola, na África Ocidental, já matou 7.890 pessoas, num total de 20.171 casos registados nos três países mais afetados, segundo o balanço mais recente da Organização Mundial da Saúde, divulgado no dia 28 de dezembro.

(Agência Brasil)

Caso AirAsia – Sobe para 15 número de corpos retirados do mar

“As autoridades indonésias elevaram hoje (2) para 16 o número de corpos retirados do mar durante as operações de busca pelo avião da AirAsia, que desapareceu no domingo (28), com 162 pessoas a bordo, no Mar de Java.

Segundo a Agência Nacional de Busca e Resgate da Indonésia, os serviços de emergência transportaram oito corpos para Surabaia, na Ilha de Java, onde foi montado o centro de operações, que concentra a maioria dos parentes das vítimas, enquanto outros dois estão na Ilha de Bornéu e seis em barcos.

Ao menos 30 barcos e 17 aviões dos Estados Unidos, da Austrália, de Cingapura, da Malásia e da China participam nas buscas pelas caixas-pretas do avião da AirAsia, sob condições meteorológicas relativamente boas, com ondas entre 2,5 metros e 3 metros.”

(Agência Lusa)

Ao menos 12 chefes de Estado e de Governo participam da posse de Dilma

foto dilma posse 01 150101

Representantes de pelo menos 136 Estados e 14 organizações internacionais prestigiam nesta quinta-feira (1º) a posse da presidenta Dilma Rousseff. Além de ministros, enviados especiais, embaixadores de vários países, pelo menos 12 chefes de Estado ou de Governo estão em Brasília representando seus países e outras 14 nações estão com seus vice-chefes.

Os chefes de Estado ou de Governo presentes são os presidentes do Uruguai, José Mujica; do Chile, Michelle Bachelet; da Venezuela, Nicolás Maduro; do Paraguai, Horacio Cartes; da Guiné-Bissau, José Mario Vaz; da Costa Rica, Luis Guilkermo Rivera; de Gana, John Dramani Mahana; da Bolívia, Evo Morales; da Guiné Equatorial, Vicente Tomi; os primeiros-ministros da Suécia, Stefan Löfven, e de Curaçao, Ivar Asjes e o Chefe de Governo do Marrocos, Abdelilah Benkirane. Além de Mujica, o presidente eleito do Uruguai, Tabaré Vasquez, também representará a República Oriental do Uruguai na cerimônia.

Entre os vice-chefes de Estado e de Governo estão os vice-presidentes dos Estados Unidos, Joe Biden; da China, Li Yuanchao; do Conselho da Assembleia Federal da Rússia, Alexander Torshin; da Argentina, Amado Boudou; dos Conselhos de Estado e de Ministros de Cuba, José Ramon Ventura; de Angola, Manuel Domingos Vicente; da Colômbia, Germán Vargas Lheras e o vice-primeiro ministro de Portugal, Paulo Portas.

(Agência Brasil)

O Homem do Ano – Papa Francisco

brazil_pope_world_you_fran9

Eis o “Homem do Ano de 2014” para este Blog: o Papa Francisco.

Com simplicidade, ele conseguiu trazer de volta à Igreja Católica muitos que se afastaram. Com discurso fácil, cativou muito além do altares e até fez brotar de novo a relação política entre Cuba e os EUA.

Enfrenta e combate hoje, sem rodeios, muitos pecados cometidos por seu rebanho como a pedofilia e o preconceito contra divorciados e homossexuais.

Enfim, apregoa uma Igreja para todos.

(Foto – Luca Zenaro/AP)

Caso AirAsia – Destroços detectados são da aeronave desaparecida

“Os destroços detectados hoje (30) no Mar de Java durante buscas aéreas pertencem ao avião da AirAsia, que desapareceu no domingo (28), com 162 pessoas a bordo, disse o diretor-geral da Aviação Civil da Indonésia, Djoko Murjatmodjo. “De momento, podemos confirmar que se trata do avião da AirAsia”, afirmou.

Um corpo foi encontrado flutuando no Mar de Java durante as buscas pelo avião da AirAsia, informou o chefe da Agência Nacional de Busca e Resgate da Indonésia, Bambang Soelistyo. “Avistamos um objeto flutuando que acreditamos ser o corpo de um dos passageiros” do avião, disse Bambang Soelistyo.

“Com base na observação feita pelo pessoal de busca e resgate, foram encontrados ítens significativos como uma porta de passageiros e uma de carga. Estão no mar, a 160 quilômetros a Sudoeste de Pangkalan Bun”, no centro de Kalimantan, na Ilha de Bornéu, explicou Murjatmodjo.

Pouco antes, um porta-voz da Força Aérea da Indonésia revelou que tinham sido localizados vários objetos, alguns dos quais de grande dimensão, de cor branca, no Mar de Java, durante as buscas aéreas, e que alguns dos itens avistados assemelhavam-se a uma porta de avião e a uma rampa de emergência. Os destroços foram localizados a cerca de 10 quilômetros da última posição do avião capturado pelo radar.

O Airbus 320-200 da AirAsia desapareceu no domingo, depois de ter decolado da cidade indonésia de Surabaia, com destino a Cingapura. A bordo seguiam 162 pessoas, das quais 155 passageiros e sete membros da tripulação.”

(Agência Lusa)

Caso AirAsia – Aeronave australiana avista objeto no mar

“Um avião de reconhecimento australiano avistou hoje (29) um objeto no mar quando procurava pistas do Airbus 320-200 da AirAsia, desaparecido desde ontem (28), com 162 pessoas a bordo. As autoridades indonésias indicaram que o objeto avistado pelo aparelho Orion P se encontra a cerca de 1.127 quilômetros da última posição do airbus. Até que um barco alcance o objeto e o identifique não será possível saber se são destroços do avião da AirAsia ou se é lixo.

Indonésia, Cingapura, Malásia, Austrália e Coreia do Sul participam das operações de busca, com 12 barcos, cinco aviões e três helicópteros. Dezenas de pescadores da região também cooperam. Vários países, como Estados Unidos e China, ofereceram ajuda.

O avião da companhia malaia AirAsia, com o número de voo QZ8501, desapareceu dos radares depois de ter decolado da cidade indonésia de Surabaia com destino a Cingapura. A bordo estavam 162 pessoas, das quais 155 passageiros e sete membros da tripulação.

Segundo informações divulgadas hoje pelo diretor da Agência Nacional de Busca e Resgate da Indonésia, Bambang Soelistyo, com base nos dados de que dispõem os especialistas, a hipótese apontada como a mais provável é a de que o avião esteja no fundo do mar.”

(Agência Lusa)

Suspensas buscas a avião que desapareceu na Indonésia com 162 a bordo

Por causa do mau tempo e do início da noite, o governo indonésio suspendeu as buscas ao avião da AirAsia que desapareceu neste domingo (28) – sábado, no Brasil -, com 162 pessoas a bordo, entre a Indonésia e Cingapura. Os trabalhos serão retomados na manhã desta segunda-feira (29).

“Interrompemos as buscas quando começou a anoitecer (horário local). A meteorologia também não estava favorável. As buscas serão retomadas amanhã [segunda-feira] cedo, se o tempo permitir”, declarou um porta-voz do Ministério dos Transportes da Indonésia.

O avião, um Airbus 320-200, desapareceu dos radares quando decolou do Aeroporto Internacional de Juanda, na cidade indonésia de Surabaia às 05h35 (19h35 horário de Brasília) e deveria pousar em Cingapura às 08h30 (22h30 horário de Brasília).

A aeronave transportava 155 passageiros (138 adultos, 16 crianças e um bebê) e sete membros da tripulação, incluindo dois pilotos. Entre os passageiros, 149 são indonésios, três sul coreanos, um de Cingapura, um da Malásia e um inglês. Da tripulação, são seis indonésios e um francês.

O contato foi perdido com o Controle de Tráfego Aéreo da Indonésia às 07h24 deste domingo (21h24 de sábado horário de Brasília), de acordo com a AirAsia.

Com sede na Malásia, a companhia informou que o piloto do voo QZ8501 pediu para desviar o plano de voo por causa do mau tempo. Acrescentou que estava em curso uma operação de busca e resgate, coordenada pela Indonésia e com participação de Cingapura.

(Agência Brasil)

Vítimas de violência doméstica, brasileiras ganham o direito de voltar ao país

Duas brasileiras que sofriam violência doméstica por parte dos maridos estrangeiros conseguiram na Justiça o direito de voltar ao país trazendo as filhas. Legalmente é necessária uma autorização dos pais dos menores, mas nesses casos, o documento foi dispensado. De acordo com a Defensoria Pública da União (DPU), os casos não são isolados. Histórias como essas “estão se tornando cada vez mais comuns” e refletem a necessidade de uma maior divulgação sobre como mulheres em situação de violência podem conseguir ajuda.

Nos dois casos, as mulheres tiveram os nomes omitidos para garantir a segurança. Uma delas é mãe de uma menina de 3 anos, com quem vive num abrigo em Londres, sem renda e separada do ex-marido italiano. A outra é mãe de duas meninas, de 6 e 15 anos, e vive em Atenas com o pai das crianças, de nacionalidade egípcia.

As duas foram assistidas pela Defensoria Pública da União no Distrito Federal, que conseguiu decisões liminares favoráveis na Justiça Federal para que as mães embarcassem para o Brasil sem a necessidade de autorização prévia dos ex-maridos.

(Agência Brasil)

Após críticas a Obama, Coreia do Norte registra nova interrupção da internet

A Coreia do Norte registrou nesse sábado (27) uma nova interrupção das conexões de internet, anunciou a agência estatal Nova China. O incidente ocorreu horas depois de Pyongyang ter acusado Washington de estar na origem do apagão online registrado dias atrás.

De acordo com a agência estatal chinesa, a interrupção, a terceira em uma semana, durou pelo menos duas horas. “Às 19h30, hora local de Pyongyang, a internet e a rede móvel 3G da Coreia do Norte ficaram paralisadas. A situação só regressou à normalidade às 21h30”, informou a agência Nova China.

Os jornalistas da agência chinesa na Coreia do Norte relataram que a internet esteve “muito instável” durante todo o dia.

A empresa norte-americana Dyn Research, especializada em segurança informática, confirmou a informação na rede social Twitter, afirmando que a Coreia do Norte tinha sofrido “uma interrupção da internet em todo o país”.

A interrupção ocorreu horas depois de a Coreia do Norte ter qualificado o presidente norte-americano Barack Obama, de “macaco”, por ter encorajado os cinemas a exibirem o filme Uma Entrevista de Loucos, cuja estreia quase chegou a ser cancelada.

(Agência Brasil)

Presidente da Argentina é hospitalizada com fratura no tornozelo

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, foi hospitalizada em Buenos Aires depois de ter sofrido uma fratura no tornozelo esquerdo, anunciou o governo. O anúncio foi feito pela unidade médica presidencial, que indicou que o tratamento requer “imobilização” e “acompanhamento”.

A líder argentina machucou o tornozelo quando estava em sua casa, em Río Gallegos, e antecipou o regresso a Buenos Aires para fazer exames médicos.

Cristina Kirchner vai deixar a presidência do país depois das eleições de outubro de 2015. Durante o mandato, ela se afastou quatro vezes das funções por problemas de saúde.

(Agência Brasil)

Dólar comercial volta a ser cotado acima de R$ 2,70

“A recuperação da economia norte-americana fez o dólar voltar a superar a barreira de R$ 2,70 pela primeira vez em seis dias. O dólar comercial encerrou esta terça-feira (23) vendido a R$ 2,709, com alta de R$ 0,044. A última vez em que o dólar havia fechado acima de R$ 2,70 foi no dia 17. No dia 16, a divisa tinha encerrado em R$ 2,7355, no maior valor desde março de 2005.

O dólar chegou a iniciar o dia em queda. Na mínima do dia, por volta das 11h, a cotação chegou a atingir R$ 2,655. Nos minutos seguintes, porém, a moeda norte-americana disparou, após a divulgação do crescimento da economia dos Estados Unidos no terceiro trimestre.

A cotação da moeda norte-americana subiu em todo o mundo, beneficiada pela recuperação da economia norte-americana, que cresceu a uma taxa anualizada de 5% de julho a setembro. O crescimento está acima dos 3,9% estimados inicialmente e representa a maior subida trimestral da economia dos Estados Unidos em 11 anos.”

(Agência Lusa)

Melissa Gurgel disputará Miss Universo 2014 com torcida cearense na plateia

foto miss ceará melissa gurgel

A cearense Melissa Gurgel, que é Miss Brasil, contará com torcida local,  nesta quinta-feira, por ocasião do Concurso Miss Universo. O certame ocorrerá em Miami, nos Estados Unidos.

Darlan Leite, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, regional do Ceará, e o secretário estadual do Turismo, Bismarck Maia, puxarão a caravana.

Obama considera ataque virtual à Sony “vandalismo” e não ato de guerra

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou neste domingo (21) que o ataque virtual contra a Sony Pictures foi “cibervandalismo” e não um ato de guerra.

“Não creio que tenha sido um ato de guerra. Penso que foi um ato de cibervandalismo com custos elevados. Levamos o assunto muito a sério”, declarou o presidente, em entrevista à emissora CNN, que divulgou antecipadamente trechos da conversa.

No fim de novembro, o grupo Sony Pictures foi alvo de um ataque reivindicado pelo grupo de hackers Guardiães da Paz (GOP). Durante o ataque, diversas informações foram roubadas. Ameaças de ataques terroristas também foram feitas, caso o filme Uma Entrevista de Loucos, comédia satírica sobre um complô fictício da CIA para assassinar o líder norte-coreano Kim Jong-un, fosse exibido.

O ataque forçou a Sony Pictures a anular a estreia do longa. Washington acusa a Coreia do Norte de ser responsável pelo ataque. O governo norte-coreano desmentiu qualquer ligação ao ocorrido e propôs um inquérito conjunto entre os dois países para investigar o ataque virtual. Washington rejeitou a proposta.

(Agência Brasil)

Novo balanço da OMS indica 7.373 mortos por ebola na África Ocidental

O número de mortos devido à epidemia de ebola na África Ocidental aumentou para 7.373, num total de 19.031 casos registrados nos três países mais atingidos. É o que indica um balanço divulgado nesse sábado (20) pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Desde 17 de dezembro, data da divulgação do balanço anterior da OMS, o número de mortos aumentou em 458 e o de casos de doença, em 428.

No país mais afetado, Serra Leoa, 8.759 casos foram registrados. No balanço anterior, haviam sido indicados 8.356. O número de mortos sobe para 2.477, contra os 2.085 contabilizados anteriormente.

Na Libéria, que foi durante algum tempo o país com mais casos de doença, houve um abrandamento na propagação do vírus. Em 14 de dezembro, o país registrava 7.819 casos contra 7.797 do registro anterior. O número de mortos chegou a 3.346. No antigo balanço eram 3.290.

Na Guiné-Conacri, onde a epidemia começou há quase um ano, os dados registrados até 16 de dezembro indicam que já se verificaram 1.550 mortos (1.525 antes) e 2.453 casos (2.416 antes).

Segundo a OMS, até 14 de dezembro, 649 membros de equipes médicas foram contaminados pelo vírus, 365 dos quais foram casos mortais.

(Agência Brasil)

Cuba não renunciará a socialismo apesar de aproximação com EUA, diz Raúl Castro

Apesar da retomada das relações diplomáticas com os Estados Unidos, Cuba não renunciará ao socialismo, disse nesse sábado (20) o presidente Raúl Castro. Em discurso na Assembleia Nacional cubana, ele disse que o país não está disposto a mudar o sistema político.

“Da mesma forma que nunca propusemos aos Estados Unidos para que mudem seu sistema político, exigimos respeito em relação ao nosso”, discursou Castro. Ele, no entanto, disse que o país está disposto a discutir, com “igualdade e reciprocidade”, todos os assuntos com o governo norte-americano.

O presidente cubano pediu o apoio da comunidade internacional e da sociedade norte-americana para encerrar o embargo econômico que perdura há mais de 50 anos. Segundo ele, a decisão de restabelecer relações diplomáticas com os Estados Unidos foi um passo importante, mas que a luta para acabar com o bloqueio, apesar de essencial, será longa e difícil.

Raúl Castro anunciou que o novo congresso do Partido Comunista de Cuba (PCC), única formação política do país, será em abril de 2016. Segundo ele, antes do encontro, haverá um amplo e democrático debate com os militantes comunistas e com o povo cubano sobre a situação do plano de atualização econômica do país.

O último congresso do PCC foi em abril de 2011, quando Raúl Castro foi escolhido primeiro-secretário da organização, em substituição ao seu irmão Fidel, fora do poder desde 2006. Na ocasião, o partido aprovou o plano para a atualização do modelo econômico do país.

(Agência Brasil)

Coreia do Norte propõe aos EUA investigação conjunta sobre ataque virtual

A Coreia do Norte propôs neste sábado (20) aos Estados Unidos um inquérito conjunto sobre o ataque virtual em massa contra o grupo Sony Pictures no final de novembro. O governo de Pyongyang assegurou não ter nenhuma responsabilidade em relação ao incidente.

“Levando em conta que os Estados Unidos espalham alegações sem fundamento e nos difamam, nós propomos um inquérito conjunto”, destacou o ministério dos Negócios Estrangeiros norte-coreano. “Sem ir até a tortura como fez a CIA norte-americana, nós temos meios para provar que não temos nada a ver com este incidente”, adiantou o ministério, citado pela agência oficial norte-coreana KCNA.

A Coreia do Sul também acusou hoje a Coreia do Norte de ser a responsável pelos ataques contra o grupo Sony Pictures, semelhantes a ataques sofridos por bancos e agências de notícias sul-coreanas no ano passado, que foram atribuídos a Pyongyang.

Seul indicou estar pronta a partilhar com Washington as informações ligadas ao ataque virtual contra a Sony e a reforçar a cooperação internacional para enfrentar novas ameaças na área de informática.

O Japão enviou mensagem semelhante. Um porta-voz do primeiro-ministro Shinzo Abe declarou que o governo japonês tem se comunicado estreitamente com os Estados Unidos e defende a posição norte-americana sobre a questão, sem se referir diretamente aos ataques virtuais.

O grupo Sony Pictures foi alvo no final de novembro de um ataque virtual reivindicado pelo grupo de piratas Guardians of Peace (GOP), durante o qual diversas informações foram roubadas e algumas divulgadas.

(Agência Brasil)