Blog do Eliomar

Categorias para Internacional

Justiça norte-americana investiga suborno na Petrobras

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos, equivalente ao Ministério da Justiça, vai investigar se funcionários da Petrobras violaram o Ato de Práticas Corruptas Estrangeiras por suborno para conseguirem ou manterem negócios nos EUA. A estatal também é alvo da Securities and Exchange Comission, que corresponde à Comissão de Valores Mobiliários do Brasil.

A iniciativa foi minimizada pelo integrante da CPI Mista da Petrobras, e líder do PT, senador Humberto Costa (PE). Já o líder do PSDB, senador Aloysio Nunes Ferreira (SP), avaliou que o inquérito norte-americano desmoraliza ainda mais a estatal brasileira.

(Agência Senado)

Obama defende internet como serviço público e de acesso neutro

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defendeu que a internet seja um serviço público e rejeitou a criação de canais prioritários e mais rápidos, em mensagem enviada nessa segunda-feira à Comissão Federal de Comunicações.

Obama quer um sistema regulador do fornecimento de internet em nome da “neutralidade da rede” e para evitar que existam sistemas diferentes de acesso, um mais rápido do que outro, conforme o pagamento de cada utilizador.

O presidente norte-americano defende que a Comissão Federal de Comunicações implemente regras fortes para proteger a neutralidade da rede. “Não podemos permitir que os fornecedores de serviços de internet limitem os melhores acessos ou escolham vencedores e perdedores no mercado online, mediante qualquer pagamento por maior rapidez”, disse Obama.

Para ele, as novas regras reguladoras de acesso neutro à internet devem abranger a utilização de telefonia móvel.

A declaração de Barack Obama foi bem recebida pelos representantes das maiores empresas de tecnologia, por ser “a melhor estratégia legal, caso se concretize a tão desejada regulação de internet livre”.

Para a Associação de Telecomunicações dos Estados Unidos, a proposta de Obama representa “uma mudança que irá redefinir a internet” e poderá levar outros países a fazer o mesmo.

(Agência Brasil)

Ministro venezuelano tenta explicar acordo com MST sem avisar ao Itamaraty

82 1

Cinco dias após o Ministério das Relações Exteriores cobrar do governo venezuelano explicações sobre a vinda ao Brasil, sem aviso prévio, do ministro venezuelano de Comunidades e Movimentos Sociais, Elias Jaua, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) divulgou nota esclarecendo o teor do termo de cooperação para capacitação de camponeses assinado com o ministro – que também ocupa o cargo de vice-presidente de Desenvolvimento do Socialismo Territorial.

O acordo foi um dos compromissos políticos que Jauá cumpriu durante estadia no país, sem que o governo brasileiro tivesse sido comunicado. Como, em termos diplomáticos, a falta de aviso prévio pode ser interpretada como ingerência em assuntos internos e contrário às boas relações entre dois países, o Itamaraty ainda aguarda os esclarecimentos do governo venezuelano. Já parlamentares da oposição revelam exigirão informações do chanceler brasileiro Luiz Alberto Figueiredo, na próxima audiência pública da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, agendada para quarta-feira (19).

“Temos uma situação sui generis, para dizer o mínimo: alto representante de um governo estrangeiro vem ao Brasil firmar acordos com um ente sem personalidade jurídica, tendo por objetivo construir uma sociedade socialista”, argumentou o deputado e senador eleito Ronaldo Caiado (DEM-GO), que solicitou a audiência pública.

(Agência Brasil)

Precisamos de pontes, não de muros, diz papa Francisco

papa francisco

Na tradicional oração do Angelus, na praça de São Pedro, no Vaticano, o papa Francisco disse neste domingo (9) que a humanidade “precisa de pontes, não de muros”, em referência aos 25 anos da queda do Muro de Berlim. Francisco rezou para que se desenvolva uma cultura de reencontro, “suscetível de fazer cair todos os muros que dividem o mundo e para que jamais inocentes sejam perseguidos e às vezes mortos pelas suas crenças e sua religião”.

Em sua oração, o papa lembrou do papa santo João Paulo II e sua participação no processo que culminou na derrubada do muro que divida a Berlim Ocidental da Oriental. “Foi há 25 anos que caiu o Muro de Berlim, que durante tanto tempo dividiu uma cidade ao meio e simbolizou a divisão ideológica da Europa e do mundo inteiro”, disse o papa.

“Essa queda chegou de forma inesperada, mas foi possível graças ao compromisso de um longo e difícil compromisso de tantas pessoas, que lutaram e rezaram, e para muitas até o sacrifício das suas vidas. Entre eles, o papa santo João Paulo II, que teve um papel importante”, acrescentou.

(Agência Brasil)

O homem que derrubou Nixon e viajou de férias para o Brasil

93 1

Ben_Bradlee_1

Com o título “Derrubou Nixon e viajou de férias para o Brasil”, eis artigo do jornalista Luís-Sérgio Santos. Ele faz um resgate histórico e homenagem ao jornalista Benjamin Bradlee, ícone do jornalismo ao derrubar um presidente americano via Caso Watergate. Confira:

Morreu na terça-feira, 21 de outubro, aos 93 anos, Benjamin C. Bradlee, que trabalhou durante 26 anos no The Washington Post com apoio e suporte de Katharine Meyer Graham, a legendária publisher do jornal que referendou Bradlee nos anos marcantes do caso Watergate.

Bradlee virou um ícone do jornalismo. Seu livro de memórias, A Good Life: Newspapering and Other Adventures traz um delicioso capítulo sobre Watergate com toda a irreverência e criticismo do autor. É um relato ágil e cheio de detalhes, nomes e fontes que se espraiam da página 324 à página 385. Ali, Bradlee comemora o prêmio Pulitzer que o Post ganhou porWatergate e homenageia também o esforço coletivo da equipe do jornal em relação à cobertura. Cita dos editorialistas ao chargista Herbert A. Block—que assinava Herblock—e também os muitos editores do jornal. O capítulo 5, “Depois de Watergate”, vai da página 385 à 409. É quando ele relata uma viagem diferente.

Bradlee queria viajar para um lugar bem distante de Watergate e aí caiu como uma luva o convite para dar uma palestra no Brasil, em Brasília, sobre liderdade de imprensa. O cachê eram as passagens aéreas, via Varig, mais hospedagem para o casal Bradlee. Guindado à condição de estrela, ele, o Post e a dupla Woodstein—fusão de Bob Woodward and Carl Bernstein—Bradlee queria ir para longe, a aí surgiu a ideia de emendar a viagem a Brasília com uma aventura na floresta amazônica a partir de Manaus, o que de fato aconteceu. O pernoite na selva, em um “hotel” citado entre aspas, o casal Bradlee teve que tomar um porre para enfrentar os mosquitos e se entregar aos braços de Morfeu.

Nesta primeira viagem ao Brasil a turnê iniciou-se por Salvador, “a única cidade do mundo onde negros e brancos convivem com enorme harmonia”. A cidade seduziu os Bradlee. Depois foram ao Rio de Janeiro, depois Brasília—onde falou para uma platéia totalmente masculina, observa, onde estava, cita, o então futuro presidente José Sarney. Anos mais tarde Bradlee voltaria ao Brasil quando Sarney era presidente, lembra.

O caso Watergate começa com uma investigação banal. O que fazia uma cheque doado ao comitê de arrecadação para a campanha de reeleição do republicano Nixon nas mãos de um dos arrombadores do comitê Democrata?

A partir dai a ação do Post passou a ser totalmente investigativa com a ajuda de esparsas fontes sendo a mais relevante delas o famoso Garganta Profunda. É dele a frase antológica, “Just… follow the money”.

Bradlee foi pressionado o tempo todo mas não cedeu, embora em um certo momento tenha sentido que o chão fugiu aos seus pés. Ele contratou um risco enorme ao dar apoio intransigente aos dois jovens repórteres mesmo contra a opinião oposta de veteranos colegas do Post. Pressões internas e externas.

A manchete “Nixon Resigns”, de 9 de agosto de 1974, foi um prêmio à sua obstinação.

* Luís-Sérgio Santos,

Jornalista.

Show de Julio Iglesias – Produtora divulga valores e pontos de venda de ingressos

iglesias1

A produtora Social Music anuncia: começou a venda dos ingressos para a primeira e, talvez, única apresentação do cantor espanhol Julio Iglesias em Fortaleza, marcada para o dia 29 de novembro, no Iate Club. As opções de compra para o público variam entre mesas (três setores) e Lounge Premium. Os valores iniciam em R$ 250,00 (mesa setor 03 – individual) a seguem até R$ 450,00 (mesa setor 1 – individual), de acordo com o 1° lote de venda.

Disponíveis a partir desta quarta-feira (05), os pontos de vendas são de duas formas. Para quem desejar ingressos para os setores de mesa, os locais de compra são Iate Club e loja do Siriguella, devido escolha da localização exata dentro do mapa do evento. Já para quem desejar comprar ingressos para o Lounge Premium, é possível adquirir online, através do site www.blueticket.com.

Valores dos ingressos:

Mesas Setor 1 – R$ 4.500,00* – para 10 lugares

Com 01 garrafa de whisky Chivas 12 anos, 01 garrafa de vodka Wiborowa, open bar de cerveja, água, refrigerante e 02 tábuas de frios.

Mesas Setor 2 – R$ 2.800,00* – para 08 lugares

Com 01 garrafa de whisky Chivas 12 anos, 01 garrafa de vodka Wiborowa, open de cerveja, água, refrigerante e 02 tábuas de frios.

Possível acrescentar 02 cadeiras pagando proporcionalmente ao valor unitário.

Mesas Setor 3 – R$ 1.500,00* – Mesas de 06 lugares

Com 01 garrafa de whisky Chivas 12 anos, 01 garrafa de vodka Wiborowa, open de cerveja, água, refrigerante e 01 tábua de frios.

Lounge – R$ 300,00* – individual – Open Bar

Com whisky Chivas 12 anos, vodka Wiborowa, cerveja, água e refrigerante.

*Todos os preços são referentes ao 1° lote – sujeitos a alterações sem aviso prévio.

Forma de pagamento: á vista ou cartão (Visa e Master) – Parcelado em 2x s/juros.

* Mais Informações: (85) 3264-8091.

PGR vai recorrer de decisão da Justiça italiana de não extraditar Pizzolato

A Procuradoria-Geral da República (PGR) informou: prepara recurso contra decisão da Justiça italiana que negou pedido do governo brasileiro para extraditar o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, condenado na Ação Penal 470, o processo do mensalão. A sentença foi publicada nessa terça-feira.  Com a oficialização da decisão, o Brasil tem 15 dias para recorrer à Corte de Cassação em Roma.

De acordo com a decisão italiana, o pedido de extradição foi rejeitado com base nas condições dos presídios brasileiros.  Os juízes relaram duas mortes ocorridas neste ano no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal, onde Pizzolato cumpriria pena se fosse extraditado.

Pizzolato foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a 12 anos e sete meses de prisão por lavagem de dinheiro e peculato no processo do mensalão. Ele fugiu para a Itália em setembro do ano passado, antes do fim do julgamento no STF. Ele foi preso em fevereiro em Maranello (Itália).

(Agência Brasil)

Republicanos conquistam maioria no Senado

“Os republicanos conquistaram a maioria no Senado dos Estados Unidos, nas eleições dessa terça-feira (4), de acordo com projeções feitas pelas televisões norte-americanas. Eles passam a deter pelo menos 51 dos 100 assentos do Senado, continuando a manter o controle da Câmara dos Representantes e selando o domínio sobre o Congresso norte-americano. Conseguiram os seis assentos do Senado que precisavam para tirar a maioria dos democratas.

Os estados da Carolina do Norte, de Arkansas, Dakota do Sul, Montana, da Virgínia Ocidental e do Colorado foram os que mudaram das mãos democratas para as republicanas e abriram a porta aos conservadores para o controle total do Congresso nos últimos dois anos de mandato do presidente Barack Obama.

Essas eleições, destinadas a renovar os 435 assentos da Câmara dos Representantes e um terço do Senado, pautaram-se pelo descontentamento em relação a Obama, que convidou os líderes das duas câmaras para um encontro na Casa Branca na sexta-feira. Do total de lugares em jogo, apenas uma dezena de estados (Iowa, Colorado, Kansas, Carolina do Norte, Georgia, Louisiana, Alasca, Arkansas, Kentucky e New Hampshire) era considerada chave para decidir o controle da Câmara Alta.

Esta é a primeira vez, desde 2006, que os republicanos controlam as duas câmaras do Congresso, o que faz prever um difícil fim de mandato para Obama.”

(Agência Brasil)

Norte-americanos elegem um novo Congresso

“As eleições de hoje (4) nos Estados Unidos vão definir as linhas da política norte-americana para os próximos dois anos, ao eleger uma nova composição para a Câmara dos Representantes e um terço do Senado. Em jogo nas midterms elections – assim designadas porque são feitas no meio do mandato presidencial -, está a renovação de todos os 435 membros da Câmara dos Representantes (Câmara Baixa do Congresso norte-americano) e a eleição de 36 (33 para um mandato regular de seis anos) dos 100 lugares no Senado (Câmara Alta).

É a luta pelo controle do Senado que está gerando o maior interesse nestas eleições. Os democratas, a força política do presidente Barack Obama, têm a maioria na Câmara Alta do Congresso, mas a história e o atual clima político indicam que os republicanos têm boas chances de assumir o controle. Ex-presidentes norte-americanos, como George W. Bush em 2006, Bill Clinton em 1994 e Ronald Reagan em 1986, também passaram pelo mesmo dilema de Obama.

Atualmente, os democratas detêm a maioria por cinco lugares (53 senadores e dois independentes que se alinham com os democratas em termos de votações), enquanto os republicanos contam com 45 lugares. O Partido Republicano precisa aumentar a sua presença em seis lugares para conquistar a maioria.”

(Agência Brasil)

Americanos vão às urnas nesta terça-feira para renovar o Congresso

70 1

“Milhões de eleitores dos 50 estados, do Distrito de Columbia (o Distrito Federal) e de territórios norte-americanos deverão comparecer às urnas amanhã (4) para as eleições legislativas nacionais. Diferentemente do Brasil, nos Estados Unidos, as eleições para o Congresso Nacional ocorrem a cada dois anos. Isso porque os deputados federais, chamados de representatives (ou representantes, em português) nos Estados Unidos, têm mandato de dois anos. Já os senadores têm mandato de seis anos. A cada dois anos, um terço do Senado americano é renovado.

Nesta terça-feira, serão eleitos 435 deputados representando os 50 estados, além de delegados do Distrito de Columbia e dos territórios (que não têm direito a voto). Já no Senado, serão renovadas 33 das 100 cadeiras (cada estado tem dois senadores na Casa).

O partido democrata controla 53 das 100 cadeiras na atual legislatura, enquanto o partido republicano tem apenas 45. Dois senadores são independentes, ou seja, não são filiados a nenhum partido. Mas, dos 33 senadores que encerrarão o mandato em 2015, 20 são democratas e apenas 13 são republicanos.”

(Agência Brasil)

CDL Fortaleza lançará Missão China 2015

freitas cordeiro

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza lançará nesta terça-feira, a partir das 8 horas, em sua sede e em clima de café da manhã, a Missão China 2015. Nesta edição, embalada pelo sucesso da primeira edição registrada em abril deste ano, a entidade pretende oportunizar novas estratégias comerciais e viabilizar possibilidades que vão além do espaço físico de um ponto comercial. A viagem está prevista para o mês de abril de 2015.

O presidente da CDL Fortaleza, Freitas Cordeiro, afirma que essa nova missão será um momento importante de aprendizado sobre novas tendências e soluções inteligentes para o mercado.

Presidente da Argentina é hospitalizada

“A presidenta da Argentina, Cristina Kirchner, foi hospitalizada na noite de domingo (2) em uma clínica de Buenos Aires por “um estado febril infeccioso”, anunciou a Presidência em comunicado. Cristina, 61 anos, “apresenta um estado febril infeccioso, razão pela qual se decidiu pela internação na Clínica Otamendi, de Buenos Aires, para procurar um tratamento”, informa a nota assinada pelos médicos Marcelo Ballesteros e Ricardo Solla.

A presidenta argentina retomou à atividade no dia 21 de outubro, depois de um período de descanso de 48 horas devido a uma faringite.

Em julho, Cristina também fez uma pausa de dois dias por causa de dores na garganta e de uma laringite. Essa pausa acabou por se prolongar por mais de uma semana e a levou a alterar sua agenda e adiar uma viagem ao Paraguai. Há pouco mais de um ano, a chefe de Estado da Argentina foi operada de um hematoma cerebral e ficou sem trabalhar durante seis semanas, mas os resultados dos exames pós-operatórios foram positivos.”

(Agência Brasil)

ONU lança Dia pelo Fim da Impunidade de Crimes contra Jornalistas

A Organização das Nações Unidas (ONU) comemorou nesse domingo (2) o primeiro Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas. Mensagens do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e da diretora-geral da organização para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), Irina Bokova, foram divulgadas por ocasião da data, além da promoção, nos próximos dias, de um painel de alto nível com seminários, conferências e debates, em diversos países.

Segundo a Unesco, a data foi instituída em dezembro de 2013 e marca o assassinato de dois jornalistas, Gislaine Dupont e Claude Verlon, no Mali, em 2 de novembro do ano passado. Com o objetivo de criar um ambiente seguro para o trabalho dos profissionais dos meios de comunicação em todo o mundo, a ONU tem desenvolvido, nos últimos anos, um plano de ação, com o apoio da comunidade internacional e da sociedade civil.

As Nações Unidas chamam atenção para o número de jornalistas mortos nos últimos 10 anos, que passa dos 700, e para o alto percentual, 90%, de impunidade dos casos de violência envolvendo profissionais da mídia. Em sua mensagem, Ban Ki-monn alerta que 17 jornalistas iraquianos foram executados somente no ano passado.

(Agência Brasil)

Estados Unidos: o que está em jogo nas eleições de terça-feira

As eleições da próxima terça-feira (4) nos Estados Unidos vão definir as linhas da política norte-americana para os próximos dois anos, ao eleger nova composição para a Câmara dos Representantes e um terço do Senado.

Em jogo nas chamadas midterms elections – realizadas no meio do mandato presidencial -, está a renovação de todos os 435 membros da Câmara dos Representantes (Câmara Baixa do Congresso norte-americano) e a eleição de 33 dos 100 lugares no Senado (Câmara Alta).

No mesmo dia, 36 dos 50 estados norte-americanos elegem os seus governadores e diversos cargos locais e estaduais são atribuídos.

O que causa o maior interesse nas eleições de 4 de novembro é a disputa pelo controle do Senado. Os democratas, a força política do presidente Barack Obama, têm neste momento a maioria na Câmara Alta do Congresso, mas a história e o atual clima político indicam que os republicanos têm boas possibilidades de assumir o controle.

Atualmente, os democratas detêm a maioria por cinco lugares (53 senadores e dois independentes que se alinham durante as votações), enquanto os republicanos contam com 45 lugares. Com isso, o Partido Republicano só precisa aumentar a presença em seis lugares para conquistar a maioria.

Os republicanos já detêm o controle da Câmara dos Representantes e é pouco provável que a percam, de acordo com pesquisas recentes e os índices de aprovação do governo Obama.

A poucos dias da eleição, são várias as pesquisas que dão a vitória aos republicanos. O jornal The Washington Post informou que existem 93% de probabilidade de os republicanos passarem a controlar o Senado. A nova composição do Congresso norte-americano assumirá funções a partir de janeiro.

(Agência Brasil)

Ucrânia – Regiões separatistas farão eleição neste domingo

“Os separatistas pró-russos do Leste da Ucrânia farão eleições no próximo domingo (2). Uma votação considerada ilegal por Kiev, pela União Europeia (UE) e Organização das Nações Unidas (ONU) e reconhecida apenas pela Rússia. As eleições, para escolher os líderes e os parlamentos regionais, ocorrem uma semana depois das votações legislativas nacionais vencidas pelos partidos pró-europeus.

O acordo de cessar-fogo assinado em setembro na Bielorrússia previa a convocação de eleições locais nas regiões separatistas de Donetsk e Lugansk para 7 de dezembro, mas, no final de setembro, os dirigentes das duas Repúblicas autoproclamadas não aceitaram quaisquer eleições organizadas por Kiev no território que controlam.

Recusando o estatuto especial que foi concedido por Kiev e reafirmando a independência que proclamaram unilateralmente em abril, os líderes de Donetsk e Lugansk anunciaram a intenção de organizar eleições locais no dia 2 de novembro.

O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, advertiu na terça-feira (28) que as eleições dos separatistas são ilegais ante a Constituição ucraniana e põem em risco o processo de paz, contrariando o espírito e o acordo assinado em Minsk no dia 5 de setembro. A Rússia, no entanto, anunciou que vai reconhecer os resultados das eleições de Donetsk e Lugansk, que considera legítimas.”

(Agência Lusa)

Cine Ceará 2014 – Cineasta argentino será homenageado

daniele

O cineasta argentino Daniel Burman será o grande homenageado durante o 24º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema, que ocorrerá de 15 a 22 de novembro, no Theatro José de Alencar. O tema do festival é “O novo cinema argentino”. Produtor, roteirista e diretor, Daniel Burman é um dos nomes mais reconhecidos do novo cinema argentino e receberá o Troféu Eusélio Oliveira.

Como diretor, ele ficou conhecido por “O Abraço Partido” (2004), “As Leis de Família” (2006), “Ninho Vazio” (2008) e “Dois Irmãos” (2010). Foi produtor do recente “Tese Sobre um Homicídio” (2013), estrelado por Ricardo Darín, e coprodutor de “Diários de Motocicleta” (2004), dirigido por Walter Salles.

Salão Internacional do Automóvel – Volkswagen sorteará ingressos para o Rock in Rio 2015

katy

Kate Perry – Uma das atrações do evento.

A Volkswagen vai sortear ingressos para o Rock in Rio 2015. Isso, durante o 28º Salão Internacional do Automóvel que ocorrerá entre 30 deste mê e 9 de novembro, no Pavilhão de Exposições Anhembi, em São Paulo. A montadora multinacional  é patrocinadora oficial do evento.

O sorteio dos ingressos ocorrerá durante as apresentações de um musical que mostrará de maneira leve e divertida os atributos dos carros da marca, mesclados com canções que marcaram a história do Rock in Rio. Serão seis apresentações diárias, com duração de aproximadamente 30 minutos, num espaço exclusivo no estande da marca, a Arena “Eu vou de Volkswagen”. Os ingressos serão válidos para o festival que será realizado no Rio de Janeiro, em setembro de 2015, e o melhor: o ganhador poderá escolher em qual dia irá ao festival.

Em 2015, o Rock in Rio completa 30 anos e realizará apresentações no Rio de Janeiro entre 18 e 20 e de 24 a 27 de setembro. A Volkswagen patrocinará, pelo terceiro ano consecutivo, o festival, que já tem confirmados nomes como o da cantora pop Katy Perry, que foi um dos destaques no Rock in Rio 2011, e de John Legend, cantor americano de R&B.

Presidentes de Países da América Latina saúdam vitória de Dilma

“Líderes políticos da América Latina saudaram, hoje (27), a conquista de um segundo mandato pela presidenta Dilma Rousseff. Por meio das redes sociais, mandatários da América do Sul e da América Central felicitaram a candidata petista.

“Grande vitória de inclusão social e da integração regional”, escreveu a presidenta da Argentina, Cristina Kirchner, em sua conta no Twitter. Já o presidente do Equador, Rafael Correa, destacou: “Maravilhoso triunfo de Dilma no Brasil. Nosso gigante segue com o Partido dos Trabalhadores. Parabéns, Dilma, Lula, Brasil”.

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ressaltou: “Vitória de Dilma no Brasil! Vitória do povo. Vitória de Lula e seu legado. Vitória dos povos da América Latina e do Caribe”. Já o líder de El Salvador, Salvador Sánchez, escreveu: “Dia de festa no Brasil e na América Latina. Nossos povos decidiram seguir construindo seu bem-estar e felicidade”.

O mandatário uruguaio, Tabaré Vásquez, que também disputa eleições em seu país, destacou: “Chegam boas notícias do Brasil, companheiros! Vitória de Dilma”. O governador da província argentina de Entre Rios, Sergio Urribari, escreveu: “Muita alegria pelo triunfo de Dilma. Parabéns a ela, a Lula, ao PT e a todo o Brasil por seguir avançando”.

A embaixadora argentina na Organização dos Estados Americanos, Nilda Garré, considerou a vitória de Dilma “uma notícia muito boa para a continuidade do esforço popular latino-americano”.

(Agência Brasil)

Obama parabeniza Dilma e sinaliza para aumento da colaboração bilateral

“O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deu hoje (27) os parabéns à presidenta Dilma Rousseff pela reeleição ao cargo e disse que, nos próximos dias, dará passos para aumentar a colaboração bilateral. Em comunicado, o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, indicou que o Brasil é “um parceiro importante” para os Estados Unidos e adiantou que Obama vai telefonar para Dilma “nos próximos dias para felicitá-la pessoalmente” e conversar sobre o aumento da colaboração entre os dois países.

As relações entre os Estados Unidos e o Brasil foram afetadas com revelações do consultor de informática Edward Snowden, que prestava serviços para a Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA), sobre escutas às comunicações pessoais de Dilma Rousseff, ministros e empresas brasileiras.

Dilma Rousseff venceu ontem (26) o segundo turno da eleição presidencial, com 51,8% dos votos válidos, na mais acirrada disputa no Brasil desde 1989, quando foi realizada a primeira eleição para presidente após o fim do regime militar.”

(Agência Brasil)