Blog do Eliomar

Categorias para Literatura/Filmes

Dia Nacional da Romênia será comemorado em Fortaleza

O Dia Nacional da Romênia será comemorado, no Ceará, com o lançamento de livros dos poetas romenos Mihai Eminescu, Lucian Blaga e Marin Sorescu (traduzidos pelo escritor cearense Luciano Maia). A apresentação será feita pelo escritor e desembargador Durval Aires Filho.

O evento terá a presença da embaixadora da Romênia no Brasil, Diana Radu, e faz parte das comemorações dos 120 anos da Academia Cearense de Letras. A partir das 19h30min desta quinta-feira, no Ideal Clube.

Biólogo mostra em livro fotos da fauna e flora entre Fortaleza e Ubatuba (SP)

Será lançado nesta terça-feira (18), a partir das 19h30, no Auditório da Reitoria da Universidade Estadual do Ceará (Uece), no Campus do Itaperi,  o livro “Um Caderno e uma moto: narrativas de uma viagem”, de Caio Mattos Brito. Nele, o autor de 22 anos, narra a aventura vivida durante viagem de 11 mil quilômetros percorridos em 175 horas no trajeto de ida e volta de Fortaleza, no Ceará, a Ubatuba, em São Paulo.

Em agosto de 2012, a escolha do meio de transporte de Caio, para a viagem, não foi nada convencional: uma motocicleta. Não uma motocicleta de alta cilindrada, mais adequada para longos percursos, mas uma moto 125 cilindradas, daquelas que não ultrapassa os 100 km/h quando carregada de bagagem.

Recém-formado em Biologia e apaixonado por ornitologia – o estudo dos pássaros –, a viagem de ida até a cidade paulista tinha para Caio um objetivo profissional: fazer um estágio no Aquário de Ubatuba. Já a de volta, ele aproveitou para conhecer o Brasil, sua fauna (principalmente as aves) e sua flora e fazer o registro fotográfico.  Durante 13 dias, Caio percorreu os estados de Paraná São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Bahia, até chegar a Fortaleza no dia 15 de outubro de 2012. “Uma experiência transformadora”, segundo ele.

(Uece)

Livro do Centenário Alvinegro será lançado na próxima semana

foto livro ceará 141106

“Ceará 100 Anos de Paixão”, editado pela Fundação Demócrito Rocha, será lançado próxima quarta-feira (12), a partir das 19h30min, no Salão Nobre do Ideal Clube, no bairro Meireles.

Os ingressos do jantar de lançamento estão à venda nas lojas oficiais Sou Mais Ceará.  Os textos do livro são dos jornalistas Ciro Câmara e Rafael Luís Azevedo, com edição dos jornalistas Juliana Matos Brito e Felipe Araújo.

O que Dilma tem do escritor Lira Neto

dillllma

Um detalhe que quase passou despercebido.

Numa situação na qual sabia que seria fotografada, a presidente Dilma Rousseff voltou de seu descanso na Bahia com o terceiro tomo da biografia de Getúlio Vargas na mão esquerda. O autor, bom lembrar, é o cearense Lira Neto, ex-ombudsman do O POVO.

Ela, que escolheu o trabalhismo para militar após sua incursão pela luta armada e três anos de prisão sob a ditadura militar, deve ter mandado, naquele gesto, uma série de recados sofisticados.

(Brasil 247)

Zuenir Ventura, novo imortal, e uma forte emoção

nirrr

“Na festa em comemoração à sua eleição para a Academia Brasileira de Letras, ontem à noite, no apartamento do empresário e ex-deputado Mauro Campos, Zuenir Ventura foi traído pela forte emoção.

O novo imortal desmaiou e ficou estendido no chão por alguns minutos. Foi acometido de uma violenta queda de pressão. Por sorte, entre os convidados estava o neurologista Paulo Niemeyer que o assistiu e levou-o a um hospital carioca.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Livro de Estrigas será lançado no próximo sábado

foto livro 141023

O Mini Museu Firmeza foi o local escolhido pelo artista Nilo Firmeza, o “Estrigas”, para o lançamento do livro e documentário “NicEstrigas – Arte e Afeto”. Morto no último dia 2, aos 95 anos, Estrigas terá respeitado o seu desejo. No próximo sábado, às 10 horas, a publicação, organizada pelo amigo, artista plástico e poeta Bené Fonteles, será lançada sob a sombra das mangueiras do Sítio no Mondubim, que no último dia 9 recebeu as cinzas do artista. O evento é aberto ao público.

O projeto foi iniciado em 2012, como uma homenagem ao casal que teve papel definitivo nas artes plásticas cearenses. Mesmo após o falecimento de Nice, em abril de 2013, a produção da exposição, do livro e documentário teve continuidade com a colaboração direta de Estrigas.

Em 180 páginas, NicEstrigas – Arte e Afeto tem mais detalhes da cronologia dos dois artistas, que dedicaram quase 60 anos de vida juntos a receber as pessoas no sítio no Mondubim, onde moravam e fundaram em 1969 o Mini Museu Firmeza. Ali, eles apresentavam aos visitantes o desenvolvimento do processo das artes visuais no Ceará, da pré-história ao contemporâneo.

Arquiteto Marcos Maia lança primeiro livro de poesias

marcsmaia

O arquiteto, músico, escritor e produtor cultural cearense Marcos Maia lançará seu primeiro livro de poesias nesta quinta-eira, a partir das 19 horas, no Espaço O POVO de Cultural e Arte. O título é “Estradas” e traz um conjunto de 49 poemas escritos entre os anos de 1990 e 2003. O livro tem prefácio do escritor e músico potiguar Reynaldo Bessa (Prêmio Jabuti em 2009 na categoria poesia com o livro “Outros Barulhos”) e ilustrações do arquiteto e músico cearense Alexandre Vital.

A obra foi viabilizada de forma independente e contou com a ajuda de alguns parceiros: a cervejaria-escola Sinnatrah, a produtora cinematográfica Kinema e a produtora cultural Coletivo Supernova, esta última responsável pela operacionalização de todas as fases (impressão, divulgação e distribuição). Em 2012, o autor lançou seu primeiro livro de contos, intitulado “Do escuro e depois”.

“Estradas” foi lançado em São Paulo, na Tenda Cultural Ortega y Gasset, na USP, em maio de 2014, com sessão de autógrafos, apresentação de um vídeo doc e pocket show.

Lira Neto, com “Getúlio II”, ganha Prêmio Jabuti

liraneto

O livro “Getúlio – Do governo provisório à ditadura do Estado Novo (1930-1945)”, de autoria do jornalista e escritor cearense Lira Neto, venceu a 56ª edição do Prêmio Jabuti, na categoria biografia. O Jabuti é considerado o mais importante prêmio literário do Brasil.

Em segundo lugar ficou o livro “Wilson Baptista: o samba foi sua glória”, de Rodrigo Alzuguir, e a terceira colocação ficou para Mary Del Priore, com “O castelo de papel”, que conta a história da Princesa Isabel e seu marido, o Conde D’Eu.

Apesar de vencedores de algumas categorias já terem sido anunciados, a cerimônia de entrega acontecerá do Prêmio acontecerá apenas em 18 de novembro, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

(O POVO Online)

Prêmio Nobel de Literatura sai para escritor francês

“O Prêmio Nobel de Literatura foi concedido ao escritor francês Patrick Modiano, anunciou hoje (9) o júri. “Por meio da arte da memória, ele evocou os mais inapreensíveis destinos da humanidade”, afirmou o secretário permanente do Comitê do Nobel, Peter Englund, ao anunciar o nome de Patrick Modiano.

Modiano, de 69 anos, recebeu algumas das mais importantes premiações francesas como o Prêmio Goncourt, em 1978, o Grande Prêmio de Romance da Academia Francesa, em 1972, e o Grande Prêmio Nacional das Letras de França, em 1996.

Patrick Modiano, o décimo quinto autor francês agraciado com o Nobel da Literatura, é considerado um mestre da literatura francesa contemporânea. Ele é autor de mais de 30 títulos, muito marcados pela experiência da Segunda Guerra Mundial e pelas sequelas da ocupação nazista. O prêmio será entregue em uma cerimônia em Estocolmo, em 10 de dezembro, dia do aniversário do industrial Alfred Nobel, que instituiu a premiação.”

(Agência Lusa)

Professor Vianney Mesquita e mais um rebento literário

vianney

O professor Vianney Mesquita lançará nesta quina-feira, às 19 horas, nos jardins da Reitoria da Universidade Federal do Ceará, o livro Nuntia morata – Ensaios e Recensões.

Com ensaios de literatura e comunicação. Na apresentação da obra e do autor o acadêmico Dimas Macedo.

DETALHE – Vianney foi nosso professor no Curso de Comunicação Social da UFC. Loas ao mestre.

 

Quer saber o que é Nuntia Morata?

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=wQCeXabeZ_Q[/youtube]

O professor e jornalista Vianney Mesquita lançará nesta quinta-feira, às 19 horas, nos jardins da Reitoria da UFC, o livro “Nuntia Morata – Ensaios e Recensões”. É o seu décimo sexto livro que será apresentado pelo acadêmico Dimas Macedo.

Em conversa com a reportagem do Blog, Vianney Mesquita deu detalhes sobre a obra.

Secult lamenta morte de Artur Eduardo Benevides

Em nota enviada ao Blog, a Secretaria da Cultura do Governo do Estado do Ceará lamenta a perda do poeta Artur Eduardo Benevides. Confira:

A literatura brasileira está de luto, com a despedida do príncipe dos poetas cearenses. A perda de Artur Eduardo Benevides, anunciada neste domingo, entristece todo o povo cearense, pela importância da obra tecida pelo autor de “Inventário da tarde”, “Noturnos de Mucuripe e Poemas de Êxtase e Abismo”, “Canção da Rosa dos Ventos”, entre tantos livros que se tornaram referenciais para a poesia cearense, também reconhecidos por muitos no âmbito nacional, publicados no decorrer de uma vida longa e prolífica.

Membro da Academia Cearense de Letras desde a década de 50, Artur Eduardo Benevides sempre foi identificado com a instituição, pela intensidade com que a manteve em destaque, ao longo de tanto tempo, chamando atenção para a importância da literatura e para a valorização dos autores cearenses.

Tão relevantes quanto os inúmeros prêmios literários que conquistou foram sua atuação como professor e o trabalho que sempre desenvolveu em prol da literatura cearense, na promoção de concursos, na revelação de novos autores e na publicação de ensaios sobre vários integrantes de nossa cena literária, muitas vezes de menos visibilidade do que faria por merecer a qualidade da obra de nossos escritores.

A Secretaria de Cultura do Governo do Estado do Ceará presta homenagem a Artur Eduardo Benevides, manifesta condolências e se solidariza com os familiares, amigos e leitores, em especial com os integrantes da Academia Cearense de Letras, tão identificada com o grande e já saudoso poeta. Que possamos, conjuntamente, trabalhar para que sua obra se mantenha em destaque e seja cada vez mais conhecida, estudada e apreciada, por novas gerações de leitores.

Paulo Mamede

secretário de Cultura do Governo do Estado do Ceará

Morre o “príncipe dos poetas cearenses” Artur Eduardo Benevides

foto artur eduardo benevides

O poeta Artur Eduardo Benevides morreu neste domingo (21), aos 91 anos, de falência múltipla dos órgãos. Ele estava internado em um hospital particular de Fortaleza desde agosto com problemas de pneumonia. O corpo está sendo velado desde as 18 horas, no salão nobre da Academia Cearense de Letras, no Centro. A família ainda não informou o local e o horário do sepultamento, nesta segunda-feira (22).

Artur Eduardo Benevides nasceu em Pacatuba no dia 25 de julho de 1923. Bacharel em Direito e em Letras, exerceu por muitos anos a função de procurador da Legião Brasileira de Assistência e foi professor e diretor da antiga Faculdade Católica de Filosofia (de onde sairia a UECE), da Faculdade de Letras e do Centro de Humanidades da Universidade Federal do Ceará.

(O POVO Online)

Livro traz artigos e crônicas da filosofia do Direito

lirooror

Ensaios sobre Sociologia, Política e Filosofia do Direito, além da trajetória de artistas, cientistas e pensadores da linguagem e da sociedade. Estes são os temas abordados no livro “Direito e Literatura”, de autoria do poeta, jurista, crítico literário e historiador Dimas Macedo, que será lançado nesta quarta-feira (17), às 19 horas, no Náutico Atlético Cearense.

O livro conta de 77 artigos publicados no portal direitoce e na revista Gente de Ação, órgãos com os quais o autor colabora de forma regular. Dimas Macedo também é mestre em Direito, professor da UFC, membro da Academia Cearense e Letras e da Academia de Ciências Sociais do Ceará.

Marina turbina até o mercado literário

marii

“Por motivos óbvios, a biografia de Marina Silva – Marina Silva, a Vida Por Uma Causa -, escrito pela jornalista Marília de Camargo César, está ganhando uma nova fornada da editora Mundo Cristão.

Lançada em 2010, já vendeu 28 000 exemplares. A expectativa da editora espera chegar aos 40 000 cópias até o final do ano. É uma biografia autorizada, na qual Marina indicou até o autor do prefácio, o cineasta Fernando Meirelles.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Lira Neto e o seu “Getúlio III”

lirraa

O jornalista lira Neto lançou, nessa noite de quinta-feira, na Livraria Cultura, a última parte da trilogia (1934-45) sobre Getúlio Vargas. Ele reconstitui acontecimentos políticos e pessoais dos últimos anos de vida do ex-presidente brasileiro.

Houve sessão de autógrafos e bate-papo de Lira com o jornalista Jocélio Leal, do O POVO.

VAMOS NÓS – Lira Neto hoje é uma referência nacional em sua área, que dá orgulho ao povo do Ceará. Pessoa de nossa estima.

(Foto – Ana Aranha)