Blog do Eliomar

Categorias para Música

Sobral é sede do XXX Festival Internacional de Orquestras de Jovens

A cidade de Sobral (Zona Norte) é sede, a partir desta quarta-feira, da 30ª edição do Festival Internacional de Orquestras de Jovens Eurochestries. O evento, que se estende até o dia 30 próximo, ocupará vários espaços e distritos da cidade, como parte integrante da programação comemorativa do Centenário do Eclipse de Sobral. O acesso é gratuito, informa a assessoria de imprensa da Prefeitura.

O festival será aberto a partir das 19 horas, no anfiteatro da Margem Esquerda (antiga Concha Acústica) e tem seu ápice no dia 29, na Praça do Patrocínio, durante a reinauguração do Museu do Eclipse. O encerramento, dia 30, às 19 horas, ocorrerá no Boulevard do Arco.

Nesta edição, o festival reúne, neste ano, jovens da Estônia, Espanha, Canadá, México e Brasil para um show de música erudita.

Confira a programação

Dia 22 (quarta-feira)
19h – Concerto de abertura no anfiteatro da Margem Esquerda (antiga concha acústica)

Dia 23 (quinta-feira)
16h – Trio solista de sopro viento “Àlvarez Beigbeder” (Espanha) e Duo (México/Canadá), no distrito de Aracatiaçu
19h – Orquestra de cordas friccionadas da FUNFFEC (RN), na Igreja São José, bairro Sumaré

Dia 24 (sexta-feira)
19h – Quinteto de Metais da UFC Fortaleza, no distrito de Bonfim
19h – Quinteto LEGE de cordas friccionadas (Estônia), na Estação Juventude do bairro Sinhá Sabóia

Dia 25 (sábado)
19h – Trio solista de sopro viento “Àlvarez Beigbeder” (Espanha) e Quinteto de Metais da UFC Fortaleza, no VLT
20h – Orquestra de cordas friccionadas da FUNFFEC (RN), na Igreja São Pedro, bairro Dom Expedito

Dia 26 (domingo)
16h – Quinteto LEGE de cordas friccionadas (Estônia) e Duo (México/Canadá), na Igreja São Francisco

Dia 27 (segunda-feira)
15h – Duo (México/Canadá), no Abrigo São Francisco;
20h – Orquestra Sinfônica da UFC Sobral (OSUFC), no distrito de Jordão

Dia 29 (quarta-feira)
19h – Reinauguração do Museu do Eclipse, na Praça do Patrocínio

Dia 30 (quinta-feira)
19h – Concerto de Encerramento no Boulevard do Arco.

Chico Buarque é o grande vencedor do Prêmio Camões 2019

126 1

O cantor e compositor Chico Buarque foi o grande vencedor do Prêmio Camões 2019. O anúncio ocorreu nesta terça-feira. Criado em 1988, Camões é considerado o principal prêmio da literatura em língua portuguesa. Chico é o 13º brasileiro a levar a honraria, que premia escritores pelo conjunto da obra com 100.000 euros, informa a Veja Online.

Chico Buarque foi escolhido por uma equipe de seis jurados indicados pela Biblioteca Nacional do Brasil, pelo Ministério da Cultura de Portugal e pela comunidade africana. São eles os portugueses Clara Rowland e Manuel Frias Martins, os brasileiros Antonio Cicero Correia Lima e Antônio Carlos Hohlfeldt, a angolana Ana Paula Tavares e o moçambicano Nataniel Ngomane.

Chico Buarque já venceu o Jabuti, principal prêmio literário brasileiro, três vezes: em 2010, por Leite Derramado; em 2006, por Budapeste; e em 1992, por Estorvo. Também já escreveu peças de teatro, como Roda Viva, Gota d’Água, Calabar e Ópera do Malandro.

(Foto – Divulgação)

Geraldo Azevedo fará dois shows em Fortaleza

Geraldo Azevedo, o trovador moderno, fará show, em dose dupla, em Fortaleza.

Será nos dias 1º e 2 de junho próximo, no Teatro Via Sul. O repertório escolhido para as apresentações é apenas uma das possíveis sínteses de uma obra sólida, elaborada em diversas fases de sua vida. Adequadamente batizado de “Solo Contigo”, o projeto reapresenta alguns dos momentos mais significativos do artista em clima de voz e violão, adianta a assessoria de imprensa do espetáculo.

Repertório

A apresentação começa com uma releitura de “Príncipe Brilhante”, do álbum “For All Para Todos”, de 1982. Na sequência, o cancioneiro azevediano vai desfilando clássicos lançados em álbuns que definiram seu perfil artístico e seu sucesso – ali estão “Inclinações Musicais”, “Canta Coração”, “Dia Branco” e “Moça Bonita”, do LP de 1981 “Inclinações Musicais”; “O Princípio do Prazer”, “Chorando e Cantando” e “Dona da Minha Cabeça”, de seu primeiro trabalho independente, produzido com recursos próprios, “De Outra Maneira”, lançado em 1986. Brilham ainda neste setlist, dentre outras canções essenciais de sua obra, a belíssima parceria com Alceu Valença, “Caravana”, lançada na trilha sonora da novela “Gabriela”, em 1975, além de “O Charme das Canções”, gravada em 1984 no LP “Tempo Tempero”, feita com Capinan; “Letras Negras”, do disco “Berekekê” (1991), outra parceria com Fausto Nilo; “Bicho de 7 Cabeças II” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Renato Rocha) e, claro, “Táxi Lunar” (Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Alceu Valença), ambas do antológico álbum de 1979, “Bicho de Sete Cabeças”.

Neste mar de canções não poderiam faltar inéditas: o ator e compositor Mário Lago teve sua poesia “O Amor Antigramático” musicada por Geraldo. “A Saudade Me Traz”, de autoria do companheiro de trabalho Sergio Peres, também foi selecionada para o espetáculo. Completam ainda o time de novidades “Pensar em Você”, de Chico César; “Veja (Margarida)”, de Vital Farias; e “Estácio, Eu e Você”, faixa que abre “Pérola Negra”, o clássico álbum de 1973, numa emocionada homenagem que Geraldo Azevedo presta à Luiz Melodia.

SERVIÇO

Sábado às 21 horas e domingo às 20 horas

*Vendas -Bilheteria do Teatro Via Sul (Avenida Washington Soares, 4335 – (85) 3099.1290)

Online: www.ingressorapido.com.br

Mezanino: meia R$ 55,00 e inteira R$ 110,00

Plateia alta: meia R$ 60,00 e inteira R$ 120,00

Plateia Baixa: meia R$ 70,00 e inteira R$ 140,00

(Foto – Divulgação)

Presidente da CDL Fortaleza finaliza livro sobre Gonzagão

94 1

Nem só de comércio vive Assis Cavalcante.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza finalizou o livro “Gonzagão no Céu”, que reúne 31 contos abordando temáticas da cultura popular.

Tudo inspirado no “Rei do Baião”, de quem ele é ardoroso fã.

A data de lançamento da publicação ainda não está definida, mas, com certeza, será momento para relembrar Gonzagão. Com direito a sanfona, xote e baião.

(Foto – Paulo MOska)