Blog do Eliomar

Categorias para Policia

Soldado – Assaltante deixa cair identidade na fuga e surpreende a Polícia

Um assaltante foi preso neste sábado (5), no bairro Bulandeira, em Barbalha, no Cariri, a 504 quilômetros de Fortaleza, após deixar cair a identidade durante a fuga. Para surpresa da Polícia, o suspeito é soldado da corporação.

Ao ser reconhecido pela vítima, o militar foi conduzido à delegacia. Diante da notícia pela cidade, outras vítimas reconheceram o policial em outras práticas de assalto.

Ao ser autuado em flagrante, o soldado disse ser usuário de drogas. A Polícia não informou se o militar usava a arma da corporação nos assaltos.

(Foto: Arquivo)

Fortaleza – Série de assaltos acaba em tiroteio, colisão de veícuilo e prisões

Uma série de assaltos foi realizada, entre a noite de quinta-feira e a madrugada desta sexta-feira, em Fortaleza.

Segundo as primeiras informações, um grupo, usando um veículo da marca Prisma, de cor branca, iniciou as abordagens criminosas no Centro, em pontos comerciais na área do Mercado dos Pinhões. De lá, o grupo seguiu assaltando clientes e funcionários numa pizaria na avenida Jovita Feitosa.

Foram acionadas várias viaturas policiais que conseguiram interceptar o grupo, que fazia novas vítimas no bairro Maraponga. O grupo ainda tentou fugir.

Houve troca de tiros e o motorista do veículo do grupo foi atingido. O carro acabou colidindo com um poste. Um dos apontados como criminoso foi baleado e outro preso. Outros dois conseguiram fugir.

Segundo um policial que pediu para não ser identificado, cerca de 20 pessoas foram vítimas de assaltos ao longo dessa série de crimes, tendo dinheiro e celulares levados, mas que devem ser restituídos com a prisão do grupo.

O 34º Distrito Policial vai investigar o caso.

(Foto – WhasApp)

Camilo inaugura obras de revitalização do Corredor Religioso de Canindé

O governador Camilo Santana (PT) entregou, nessa noite de quinta-feira (3), em Canindé, as obras de revitalização do Corredor Religioso do município. O governador também foi homenageado pelos investimentos no turismo religioso, recebendo a comenda Artesão da Paz.

Com investimentos de R$ 2,6 milhões, o projeto de restauração do Corredor Religioso de Canindé contou com requalificação da Via Processional, que liga a Avenida Francisco Campos à Igreja Cristo Redentor, da abertura da “Via Iluminada”, interligando o Convento Franciscano a Praça da Basílica e da reforma da Praça Matriz, além de serviços de repavimentação do entorno, acessibilidade, sinalização, paisagismo, iluminação e construção de estacionamento.

(Fotos – Divulgação)

PMs denunciados por envolvimento na morte do ex-mascote do Ferroviário são absolvidos

Três policiais militares que haviam sido denunciados à Controladoria Geral de Disciplina (CGD) foram absolvidos da suspeita de envolvimento na morte de Ronierbson Gomes e Silva, conhecido como antigo intérprete do mascote Tutuba, do Ferroviário. As testemunhas apontadas por familiares da vítimas deram depoimento negando terem visto as supostas agressões dos PMs. Outra das pessoas ouvidas, uma servidora do Instituto Doutor José Frota (IJF), negou que tivesse presenciado Roni Tutuba, como era conhecido, afirmar ter sofrido espancamento por parte dos policiais. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado na segunda-feira, 30, por falta de provas.

Os três policiais investigados foram responsáveis por atender Roni Tutuba após um acidente de trânsito. A vítima teria tentado invadir um estabelecimento comercial e, em seguida, a viatura da PM acionada para a ocorrência deixou Ronierbson em casa. A família, conforme documento publicado no Diário Oficial do Estado, afirmou que recebeu informações de que, antes de ser deixado na residência, o intérprete do mascote do Ferroviário teria sido espancado pelos agentes de segurança.

Os parentes apontaram testemunhas que teriam visto o crime, além de uma servidora que atendeu Ronierbson no IJF e teria afirmado que, na sala de reanimação, ele comentou ter sido agredido pelos PMs. Nos respectivos depoimentos, porém, todas as testemunhas negaram qualquer comentário sobre a atuação dos policiais.

O depoimento dos três policiais afirma que Tutuba estaria na calçada do estabelecimento e teria uma mancha de sangue na roupa. Ele teria pedido aos PMs para ir para casa e, ao entrar em contato com a própria esposa, ela afirmou que não poderia buscá-lo. Em contato com a Coordenadoria Integrada de Operações (Ciops), os agentes pediram autorização para deixar a vítima do acidente em casa e receberam a orientação positiva.

O depoimento dos familiares é de que, além de terem recebido informes sobre a agressão, perceberam manchas roxas em Roni Tutuba. Segundo eles, Ronierbson teria confirmado que foi vítima de agressões. Por serem de parentes da vítima, porém, as acusações foram desconsideradas pela Controladoria Geral de Disciplina.

O proprietário e os funcionários da pizzaria onde teria ocorrido o crime afirmaram que Roni Tutuba estava “transtornado” e que queria entrar no estabelecimento, afirmando que pessoas queriam matá-lo. Disseram ainda que não presenciaram agressões contra. A CGD entendeu que o erro dos policiais teria sido infringir deveres militares e levar o acidentado e acusado de conduta criminosa diretamente para a residência. Tal infração ocasionou na penalidade de dois dias de permanência para os soldados envolvidos, e de quatro dias para o sargento.

Nos laudos médico e cadavérico constam que não foram encontradas lesões traumáticas visíveis que pudessem ser atribuídas às causa da morte. Além disso, o quadro clínico durante o internamento chegou à conclusão que Roni Tutuba apresentava diagnóstico de rabdomiólise (síndrome de destruição do músculo esquelético com vazamento do conteúdo muscula) e insuficiência renal aguda, além de acidose grave — que resultou na morte. Os sinais indicam insuficiência renal, cardiocirculatória, pulmonar e doença hepática.

O Caso

Ronierbison Gomes e Silva, à época intérprete do Tutuba, morreu na madrugada do dia 6 de novembro, no Instituto Doutor José Frota (IJF). Inicialmente, foi afirmado que ele faleceu em decorrência de acidente de trânsito que sofrera. Mas, posteriormente, a família denunciou que o mascote do Ferroviário foi vítima de espancamento. Parentes afirmaram que testemunhas relavam agressões, que teriam sido iniciadas em uma pizzaria, e, posteriormente, continuadas por policiais que atenderam a ocorrência. A Controladoria Geral de Disciplina entrou no caso e, em dezembro do ano passado, foi divulgada nota informando que o laudo cadavérico do caso foi entregue à autoridade policial e que a investigação seguia em andamento.

(O POVO Online/Foto – Reprodução do Facebook)

Fortaleza terá novas unidades do Raio

Já em estudos, no âmbito da segurança pública do Estado, um projeto para ampliar mais ainda a presença do Batalhão do Raio na capital cearense. A orientação é do governo estadual que quer reforço do policiamento mais ostensivo.

Consequência de facções que predominam na Cidade, informam fontes da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado.

Hoje, existem unidades em 42 municípios espalhados nas principais regiões do Ceará, sendo 11 na Região Metropolitana de Fortaleza e 31 no Interior.

(Foto – Divulgação)

PF e MPF investigam vazamento de informações sobre Selic

132 1

Uma operação deflagrada nesta quinta-feira (3) pela Polícia Federal (PF) e pelo Ministério Público Federal (MPF), baseada em colaboração do ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci com a Justiça, investiga vazamentos dos resultados das reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom) para beneficiar um fundo de investimento administrado pelo banco BTG Pactual. O Copom é o órgão do Banco Central que determina a taxa básica de juros (Selic) da economia. A operação recebeu o nome de Estrela Cadente.

Segundo a investigação, os vazamentos ocorreram entre 2010 e 2012. O fundo de investimento do BTG Pactual recebia informações sigilosas sobre alterações na taxa de juros Selic e, com isso, conseguia obter lucros extraordinários, na casa de dezenas de milhões de reais. A PF e o Ministério Público investigam os crimes de prática de corrupção passiva, corrupção ativa, informação privilegiada, lavagem de dinheiro e ocultação de ativos.

Um mandado de busca e apreensão na sede do banco, em São Paulo, está sendo cumprido hoje. Segundo a PF, o objetivo é buscar novas evidências sobre a investigação, que corre sob segredo de Justiça.

Em nota, o BTG Pontual diz que o fundo do banco, chamado Fundo Bintang FIM, tinha um único cotista pessoa física, “profissional do mercado financeiro que também era o gestor credenciado junto à CVM [Comissão de Valores Mobiliários], que nunca foi funcionário do BTG Pactual ou teve qualquer vínculo profissional com o banco ou qualquer de seus sócios”. O banco “exerceu apenas o papel de administrador do referido fundo, não tenho qualquer poder de gestão ou participação no mesmo”, acrescenta o texo divulgado pela instituição.

(Agência Brasil)

MPCE e Polícia Civil apuram denúncias de “rachadinha” na Câmara Municipal de Crateús

A 4ª Promotoria de Justiça da Comarca de Crateús e a Polícia Civil cumpriram, nesta manhã de quinta-feira, mandados de busca e apreensão na Câmara Municipal desse município, na sede da Secretaria Municipal de Educação e na residência de um vereador. A informação é da assessoria de imprensa do Ministério Público do Estado.

As investigações tiveram início a partir de relatos de pessoas a quem eram oferecidos empregos em troca da entrega de parte dos vencimentos a um vereador, prática conhecida como “rachadinha”.

O caso tramita em segredo de justiça, razão pela qual o titular da 4ª Promotoria de Justiça de Crateús não pode se pronunciar publicamente, sob pena de infringir a lei, bem como causar prejuízo ao andamento de novas investigações.

O caso poderá se desenvolver em novas investigações no âmbito de outras secretarias daquele município. Para tanto, em breve serão pedidas novas ações cautelares.

(Foto – Arquivo)

Caso Gisele – Família diz que policial acusado da morte ainda não compareceu à Justiça

A família da universitária Gisele Távora de Araújo, morta em abordagem policial em junho de 2018, no bairro Cidade dos Funcionários, está revoltada.

A queixa é de que o policial que teria atirado nela por engano nunca foi encontrado.

Familiares de Gisele dizem que a notificação para o policial comparecer à Justiça está com o endereço, até hoje, do quartel da Polícia Militar.

Já o policial encontra-se de licença desde o episódio.

*Mais sobre o caso aqui.

(Foto – Arquivo Pessoal)

Caso Marielle – MP e Policia Civil cumprem cinco mandados de prisão

182 1

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro cumprem, na manhã desta quinta-feira 3, cinco mandados de prisão em um desdobramento das investigações dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, ocorridos em março do ano passado. Um dos alvos da operação é o policial reformado Ronnie Lessa, acusado de participar dos homicídios.

Os outros mandados miram a mulher de Ronnie, Elaine Lessa, o cunhado dele, Bruno Figueiredo, Márcio Montavano e Josinaldo Freitas. Eles são acusados de obstrução de Justiça, porte de arma e associação criminosa.

Segundo a Polícia Civil, o grupo teria ocultado armas usadas pelo grupo de Ronnie, entre elas a submetralhadora HK MP5, que teria sido usada para matar Marielle e Anderson.

(Foto – Arquivo Pessoal)

Sergio Moro cumprimenta Capitão Wagner por aprovação da MP que permite venda dos bens do tráfico

“Estou muito feliz por ter sido o relator desta Medida Provisória. Acreditamos que a MP vai gerar um ganho muito grande para sociedade, para o sistema penitenciário e para atividades preventivas”, disse o deputado federal Capitão Wagner (Pros). Ele foi relator da MP que agiliza o repasse par Estados e o Distrito Federal de recursos decorrentes da venda de bens apreendidos e oriundos do tráfico de drogas.

A MP foi aprovada pela Câmara dos Deputados nessa terça-feira.

Segundo o texto, o repasse aos outros entes federados não dependerá mais de convênio e poderá ser de forma direta. A percentagem continua a mesma: de 20% a 40% dos recursos provenientes da venda dos bens apreendidos.

Como não houve destaques, a matéria será enviada ao Senado.

A aprovação dessa matéria rendeu, inclusive, elogios da parte do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, em suas redes sociais.

(Foto – Pros)

Operação Contra-Ataque – Segunda fase busca integrantes de facção criminosa

Mandados de prisão e busca e apreensão estão sendo cumpridos, nesta manhã de quarta-feira, 2, em uma operação da Polícia Civil. Algumas prisões já foram efetuadas em Fortaleza, na Região Metropolitana e em várias cidades do interior do Estado. Um balanço parcial ainda não foi divulgado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

A ação é a segunda fase da Operação Contra-Ataque, que busca integrantes da facção criminosa responsável por ataques no Ceará.

A operação é realizada pelas forças de segurança do Ceará – Polícias Civil e Militar, Corpo de de Bombeiros e Perícia Forense (Pefoce) – em conjunto com Guarda Municipal, Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) -, além do Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Federal (PF).

(Foto – WhasApp)

PF deflagra nova fase da Lava Jato no Rio; o alvo é um esquema de extorsão dentro da Receita Federal

168 1

A Polícia Federal realiza, nesta manhã de quarta-feira, operação da Lava Jato no Rio de Janeiro. O alvo dessa vez são 12 pessoas. A operação deflagrada mira um esquema de extorsão dentro da Receita Federal. A informação é da TV Globo.

Na ação, 32 equipes da PF e da própria Receita Federal (PF). Um dos procurados é o auditor Marco Aurelio Canal, supervisor de programação da Receita na Lava Jato do Rio.

Segundo as investigações, esses funcionários da Receita extorquiam de empresários alvos da Lava Jato em troca de redução ou cancelamento de multas.

A operação desta quarta é baseada em uma nova delação de Lélis Teixeira, ex-presidente da Fetranspor, a federação das empresas de transporte do Rio.

Caso Queiroz – Gilmar Mendes atende a pedido de Flávio Bolsonaro e manda suspender investigações

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, pediu e o ministro do STF, Gilmar Mendes, mandou suspender das investigações sobre o parlamentar no Rio de Janeiro. A informação é da TV Globo.

Flávio Bolsonaro, em uma reclamação apresentadas ao STF em setembro, disse que, mesmo diante de decisão do presidente do tribunal, Dias Toffoli, as investigações sobre ele prosseguiram.

A reclamação é um tipo de ação que contesta o cumprimento de decisões do Supremo.

Segundo a decisão de Gilmar, Flávio Bolsonaro pediu ao próprio MP e ao TJ a suspensão dos casos para cumprimento da decisão de Toffoli até julgamento definitivo pelo Supremo.

(Foto – Agência Brasil)

Operação da PF tem como alvo auditores agropecuários federais

A 4ª fase da Operação Carne Fraca, chamada de Romanos, tem como alvos auditores fiscais agropecuários federais em vários estados. De acordo com a Polícia Federal (PF), eles teriam sido favorecidos com vantagens indevidas.

A operação apura crimes de corrupção passiva em benefício de grupo empresarial do ramo alimentício, que passou a atuar em colaboração espontânea com as autoridades públicas na investigação. O grupo empresarial indicou ao menos o envolvimento de 60 auditores fiscais.

“Há indicativos de que foram destinados R$ 19 milhões para os pagamentos indevidos. Os valores eram pagos em espécie, por meio do custeio de planos de saúde e até mesmo por contratos fictícios firmados com pessoas jurídicas que representavam o interesse dos fiscais”.

Cerca de 280 policiais federais cumprem desde as primeiras horas da manhã 68 mandados de busca e apreensão em nove estados:: Paraná, São Paulo, Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso, Pará, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara Federal de Ponta Grossa, no Paraná.

De acordo PF, o nome da operação, Romanos, faz referência a diversas passagens bíblicas do Livro de Romanos que tratam de confissão e Justiça.

(Agência Brasil)

Em ato da área da saúde, Camilo reafirma luta contra patrocinadores de ataques criminosos

O governador Camilo Santana (PT) sancionou, nesta manhã de segunda-feira, em ato no Palácio da Abolição, as leis que integram a Plataforma de Modernização da Saúde. Com ele, estava o secretário estadual da Saúde, Dr, Cabeto, num ato concorrido e que teve a presença de prefeitos e servidores da área da saúde do Estado

Camilo destacou a importância dessa plataforma que chega como forma de garantir saúde na ponta. Ou seja, descentralizar ações da saúde e oferecer, por exemplo, UTI em cidades importantes que não contam com esse tipo de serviço. Citou Crateús.

Camilo aproveitou o ato para reforçar o discurso de combate a facção criminosa que, desde o último dia 20, promove ataques em prédios públicos e setores privados.

Ele garantiu que não vai abrir mão de nenhum tipo de “regalia” para os presos e asseguram que a ordem é prender todos os envolvidos nesses atos criminosos.

Caminhão sofre ataque criminoso no Passaré: prejuízo pode chegar a R$ 15 mil

Um caminhão que estava estacionado no bairro Passaré foi incendiado na madrugada desta segunda-feira, 30, em mais um ataque da onda de ações criminosas que chega ao 11º dia no Ceará. O veículo estava estacionado em frente à casa do dono quando suspeitos não identificados quebraram o vidro com um coquetel molotov. O fogo atingiu toda a cabine do motorista, que teve perda total.

Mário Jorge de Souza Gomes, administrador e dono do caminhão, estima um prejuízo de mais de R$ 15 mil. Ele tinha adquirido o veículo há dois meses e, até ontem, realizava manutenções nas peças para começar a trabalhar transportando calcário para empresas siderúrgicas do Pecém, em São Gonçalo do Amarante.

Caminhão e carga de prejuízos.

Com receio de o carro ser alvo dos ataques, Mário estava dormindo na sala de casa com o intuito de observá-lo durante a noite. No entanto, ele relata, a ação criminosa foi rápida e ele não viu os possíveis autores do incêndio.

“Quem apagou o fogo foram os vizinhos. Depois que estava tudo apagado chegou a Polícia, os bombeiros, mas até agora não tem pista, nem suspeito, nem nada”, lamentou.

Além de danificar o veículo, o incêndio queimou a fiação da rua. Moradores nesta manhã estão sem sinal de telefonia e sem internet em suas casas.

(O POVO Online, com repórter Rose Serafim/Rádio O POVO CBN)

Sem força para enfrentamento, criminosos apelam para ataques a trabalhadores

Sufocados pela força e inteligência policial, criminosos apelam para ataques contra trabalhadores, que nada podem interferir no sistema penitenciário, tampouco influenciar nas decisões da segurança pública.

Foi o que ocorreu na manhã deste domingo (29), no bairro Jangurussu, quando criminosos atearam fogo em um velho caminhão, que era utilizado pelo seu proprietário para fretes e mudanças.

De acordo com o relato do proprietário do caminhão à Polícia, não há recursos para a recuperação do veículo.

O ataque foi o último registrado pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que hoje apresentou mais um balanço das ações criminosas no Estado.

Segundo os dados dos últimos 10 dias, já são 143 pessoas detidas, sendo 110 adultos e 33 adolescentes, com 108 ocorrências consumadas.

(Foto: Arquivo)

População prende suspeito de estupro de criança em Hidrolândia

O suspeito de estupro contra uma criança de 6 anos de idade, no município de Hidrolândia, no Noroeste do Ceará, a 251 quilômetros de Fortaleza, foi preso pela população, na manhã deste sábado (28), no distrito de Major Simplício, em Nova Russas, que faz limite com Hidrolândia ao norte.

Segundo a Polícia, que evitou o linchamento do suspeito, ele foi reconhecido por populares quando passava pela localidade montado em um jumento.

O crime ocorreu na quarta-feira (25), quando a mãe da criança deixou a vítima na companhia do suspeito, que há cerca de 10 meses morava com elas.

O suspeito foi encaminhado à delegacia de Nova Russas, para procedimento do flagrante, ainda em vigência.

(Foto: Leitor do Blog)

94 ocorrências/125 detidos – SSPDS faz balanço dos ataques criminosos no Estado

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apresentou no início da noite dessa sexta-feira (27) um balanço dos ataques criminosos no Ceará, que completou uma semana.

Segundo dados da secretaria, foram registradas 94 ocorrências consumadas, com 125 detidos, sendo 93 são maiores de idade e 32 são adolescentes, além do cumprimento de 48 mandados de busca e apreensão.

Desde o início da noite de ontem, a Polícia Militar intensificou a presença nas ruas, como parte da Operação Contra-Ataque, que conta com a participação de policiais militares do Policiamento Ostensivo Geral (POG), do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio), do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque), Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE), Batalhão de Policiamento Ambiental (BPMA), Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) e Regimento de Polícia Montada (RPMont).

(Foto: Arquivo)

Camilo volta a definir como “terrorismo” ataques criminosos que se registram no Ceará

301 4

O governador Camilo Santana (PT) classificou, em sua página no Facebook, nesta sexta-feira, como “terrorismo”, os ataques criminosos que se registram no Ceará desde a última sexta-feira.

“Esses atos não são vandalismo, são terrorismo”, disse Camilo, reforçando que seu governo não vai abrir mão para qualquer regalia exigido por facção e que a punição precisa ser rigorosa.

“Não podemos admitir que bandidos que toquem fogo em ônibus, prédios públicos ou privados, provoquem explosões e espalhem pânico na população, sejam presos e logo estejam de volta às ruas. A punição precisa ser rigorosa.

Camilo conversou, nessa quinta-feira, por telefone, com o presidente Jair Bolsonaro e se posiciona a favor de rigor na lei contra esses grupos criminosos, que devem ser tratados como terroristas.

“Não se trata de uma questão partidária, até por que não consta que há defesa para atos criminosos, mas trata-se de uma questão de segurança pública e de proteção e respeito à nossa população”, acentuou o governador.

(Foto – Reprodução de Youtube)