Blog do Eliomar

Categorias para Política

Aécio: Senado precisa do Tasso

382 8

foto tasso e aécio

O presidente nacional do PSDB e pré-candidato tucano à Presidência da República, senador Aécio neves, foi o entrevistado do programa Evandro Nogueira, na Verdinha 810, na manhã deste sábado (19). Por meia hora, Aécio falou de pesquisas eleitorais, inflação, Petrobras é do cenário político no Ceará, quando mais uma vez disse que torce pela candidatura Tasso Jereissati ao Senado.

“O Senado precisa do Tasso, uma das melhores figuras públicas que conheci na vida política. É profundo conhecedor das questões de interesse do povo brasileiro e defensor intransigente do Ceará”, comentou.

O pré-candidato tucano criticou o que chama de “contradição de discurso” no caso da Petrobras. Segundo Aécio Neves, enquanto a presidente da Petrobras, Graça Foster, admite que o negócio de Pasadena foi ruim para o Brasil, o ex-presidente da empresa, Sérgio Gabrielli, aponta a transação  como positiva para o país. “A CPI é fundamental para esclarecer quem tem razão”, avaliou.

Aécio Neves disse que as pesquisas eleitorais são irrelevantes no momento, diante de uma superexposição da presidente na mídia. “Não será surpresa se a candidata à reeleição sequer for para o segundo turno”, aposta o tucano, ao lamentar o retorno da inflação e sugerir um choque de gestão, que atualmente conta com 39 ministérios.

Na terça-feira (22), Aécio Neves estará à frente do encontro da Executiva Nacional do PSDB com os diretórios estaduais.

Transparência é…

171 1

charge eliomar cid descanso

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (19):

A Secretaria de Comunicação Social da Presidência divulgou nota informando sobre consulta da presidente Dilma Rousseff para exames. A presidente enfrentou câncer. Aqui, o Governo do Estado omite dados sobre viagem de Cid Gomes para “descanso em clínica”.

Vamos nós – Nesse confuso lide da assessoria de imprensa do Governo faltou o “onde”.

Simon expressa confiança em decisão do STF favorável a CPI exclusiva da Petrobras

221 1

O senador Pedro Simon (PMDB-RS) disse estar confiante numa decisão do Supremo Tribunal Federal favorável ao pedido da oposição para que a CPI da Petrobras apure somente denúncias contra a estatal. O entendimento atual da Mesa do Senado é de que, com dois requerimentos de CPI, prevalece o mais amplo, do governo.

Simon disse que a decisão do Supremo deve sair nos próximos dias. Por isso, considerou positivo o Senado ter adiado, na terça-feira, a votação sobre parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) pela criação da CPI mais ampla, para investigar também os metrôs de São Paulo e do Distrito Federal e o Porto de Suape, em Pernambuco.

De acordo com Pedro Simon, é melhor que o assunto seja discutido pelos senadores depois da decisão do STF, que, em sua opinião, repetirá posição anterior em que a CPI foi considerada um direito da minoria.

Simon ressaltou que, depois da instalação da comissão, a maioria poderá fazer valer seu poder nas decisões e nos rumos dos trabalhos.

– Hoje, a Petrobras vale 50% do que valia há dois anos. Não vão dizer que é a oposição, que é a imprensa que levou a essa conclusão. Na minha opinião, esse é um assunto de tal gravidade que a comissão tinha que se transformar num tribunal, onde senador vai votar de acordo com sua consciência. Votar partidariamente, votar contra, num assunto contra a Petrobras, eu não acredito.

(Agência Senado)

Naquela ceia tá faltando ele…

guimarães deputado federal

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT) informa que cumprirá, nestes dias santos, uma missão afetiva, dando pausa ao trabalho pró-Senado: visitará seus pais no distrito de Encantado, em Quixeramobim.

Guimarães, ao contrário de anos anteriores, não se encontrará com seu irmão, José Genoíno, condenado no processo do Mensalão e em prisão domiciliar em Brasília.

Ocupação na rede hoteleira em Fortaleza é recorde na Semana Santa

224 1

foto salmito turismo

Fortaleza bateu recorde na ocupação hoteleira durante a Semana Santa, segundo dados da Secretaria de Turismo de Fortaleza (Setfor) e da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Ceará (ABIH-CE). A ocupação chegou a 95%, um aumento de 28,3% em número de vagas em relação à media do período, de 74%.

Para o secretário de Turismo, Salmito Filho, Fortaleza não conta apenas com o sol e o mar como atrativos. Ele destaca a política de investimentos mantida pelo prefeito Roberto Cláudio no turismo de eventos, tendo como um dos exemplos a realização da segunda etapa do Circuito Ironman, em novembro próximo. “Muitos atletas aproveitam feriados prolongados para sentir as condições climáticas e conhecer o percurso da prova. Esses atletas têm por costume viajar com suas famílias aos locais de competição”, pontua, acrescentando que o turismo de eventos produz o dobro de riqueza em relação ao turismo de entretenimento.

O secretário também enfatiza a construção do Centro de Eventos, por parte do Governo do Estado, e a requalificação da avenida Monsenhor Tabosa e da Praia do Futuro, obras da Prefeitura, como atrações. “Uma pesquisa mostrou que Fortaleza se destaca no turismo nacional porque sempre apresenta uma novidade. A nova Monsenhor Tabosa e a Praia do Futuro têm sido muito elogiadas pelos turistas. Outro ponto positivo é a receptividade do fortalezense, um diferencial citado por muitos turistas”.

O presidente da ABIH-CE, Darlan Leite, disse que o setor sente de forma positiva os investimentos feitos pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de Fortaleza e que os hotéis também acompanham em investimentos o crescimento da nova demanda. “Antes, tínhamos alta e baixa estação. Hoje, podemos dizer que Fortaleza vive intensamente o turismo o ano inteiro”.

(Prefeitura de Fortaleza)

PSDB nacional pressiona por candidatura de Tasso ao Senado

165 1

foto tasso aécio

Cada folha a menos no calendário eleitoral de 2014 é um dia a mais de pressão do PSDB sobre o ex-senador Tasso Jereissati (PSDB), cuja candidatura tem sido cobrada com insistência pelo pré-candidato tucano à Presidência da República, Aécio Neves.

Na última terça-feira, Tasso se reuniu com a cúpula da sigla em Brasília, para mais uma rodada de avaliações sobre a conjuntura política nacional. Outro encontro teria ocorrido ontem – não confirmado pela assessoria do cearense. Apesar de, publicamente, Aécio se declarar otimista sobre a situação do PSDB no Ceará, a relutância de Tasso e a indefinição sobre nomes de peso e alianças partidárias têm sido motivo de preocupação no tucanato.

“Nos outros estados, as composições já estão bem mais avançadas que a nossa. Existe uma importância no Ceará, nós temos cinco milhões de voto. É expressivo”, alertou o deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE), que, nesta semana, nos corredores do Congresso, aproveitou para questionar Aécio sobre as negociações com o ex-senador cearense. “Ele falou: ‘Pode deixar que a gente vai definir isso’”, relatou Matos.

Até ontem, no entanto, não havia informações sobre um suposto avanço. Por meio de sua assessoria, Aécio mandou dizer ao O POVO que está “extremamente otimista em relação à candidatura de Tasso ao Senado, para garantir um palanque sólido” à sua empreitada presidencial. Uma nova reunião da cúpula tucana está marcada para a terça-feira (22).

Consequências

O impasse impacta tanto na campanha de Aécio no Ceará – onde sua popularidade já não é alta – quanto no desenho do cenário eleitoral local. Não há previsão de que o pré-candidato visite o Estado enquanto não houver uma estruturação de alianças mais ou menos definida – o que só deverá ocorrer quando Tasso se posicionar, já que partidos como PR e PPS assistem aos passos do tucano para saber se lançam ou não candidatos na chapa de oposição.

Lideranças do PSDB afirmam, ainda, que sem o ex-governador no páreo para o Senado a vaga “seria entregue quase de graça” ao pré-candidato da chapa governista ao cargo – possivelmente, ao hoje deputado federal José Guimarães (PT) ou ao já senador Inácio Arruda (PCdoB). No PMDB, caso não haja acordo com o governador Cid Gomes (Pros), o senador e pré-candidato ao Governo Eunício Oliveira torce para que Tasso entre na disputa, o que colocaria mais lenha na campanha e tornaria sua candidatura mais competitiva.

(O POVO)

Direitos humanos: Via-Sacra Financeira

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (18):

Entidades que atuam na área dos direitos humanos do Ceará estão insatisfeitas com o Governo do Estado. Isso, porque ainda não foram nomeados os novos integrantes de duas importantes instâncias que tratam do assunto: Comitê Cearense de Combate e Prevenção à Tortura e a Comissão Especial de Anistia Wanda Sidou.

Ambas estão com seus trabalhos parados há mais de seis meses, aguardando a publicação de portaria com a nomeação de seus membros. No caso dos anistiados, de acordo com Mário Albuquerque, liderança na área dos que militam nesse segmento, há um agravante: o Governo não efetuou nenhum pagamento de indenização a ex-preso político. Nada em 2013, nada em 2014.

Delúbio Soares e João Paulo Cunha são liberados no saidão de Páscoa

Dois condenados da Ação Penal 470, o processo do mensalão, deixaram nessa quinta-feira (17) o Centro de Progressão Penitenciária (CPP) para o saidão da Semana Santa. Os beneficiados foram Delúbio Soares e João Paulo Cunha. Eles devem retornar à penitenciária às 10h de terça-feira (22). A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação social da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (DF).

A Vara de Execuções Penais (VEP) do DF estabeleceu em portaria publicada em março as regras para o saidão de Páscoa deste ano. Segundo o texto, a saída especial é concedida aos internos que tenham obtido progressão ao regime semiaberto até 17 de março.

Os presos beneficiados não podem deixar o Distrito Federal e devem voltar para casa até as 18h durante o saídão. Eles também não podem ingerir bebidas alcóolicas. Os presos que estejam sob investigação ou respondendo a inquérito disciplinar não podem usufruir do benefício.

(Agência Brasil)

Senadora diz que oposição faz campanha eleitoral antecipada

122 3

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) disse que o seu partido fez uma análise do quadro político atual e constatou que a oposição se afastou do debate programático e entrou numa verdadeira campanha eleitoral antecipada.

O mote dessa campanha, disse a senadora, é o que chamou de fogo cruzado contra a Petrobras, fazendo uma abordagem distorcida dos fatos, como a que envolveu a compra da refinaria norte-americana de Pasadena.

Segundo Vanessa Grazziotin, essa e outras denúncias contra a estatal provocam o desmonte da imagem positiva da maior empresa brasileira. Para ela, a oposição não torce contra o governo, mas contra o Brasil.

– Esses ataques têm, portanto, no nosso entendimento, um nítido objetivo de imobilizar o governo, de desacreditá-lo e, além disso, atingir principalmente a liderança e a reputação da presidente Dilma Rousseff – afirmou.

Para a senadora, o Brasil se encontra diante de uma “encruzilhada política”: ou prossegue com a realização de reformas estruturais no caminho progressista, iniciado pela vitória de Luiz Inácio Lula da Silva, em 2002, e confirmado pela vitória de Dilma, em 2010, ou “engata uma marcha-ré aos tristes anos de 1990, com o retorno das forças conservadoras”.

(Agência Senado)

PEC Nordeste será apresentada no Pacto de Cooperação da Agropecuária

A Federação da Agricultura e Pecuária do Ceará (FAEC) vai apresentar, às 7h30min, da próxima terça-feira, durante reunião do Pacto de Cooperação da Agropecuária Cearense (Agropacto), os detalhes e a programação oficial da décima oitava edição do Seminário Nordestino de Pecuária (PEC Nordeste 2014), com programação tendo início a partir de 6 de maio. A reunião ocorrerá no auditório da Superintendência Estadual do Banco do Brasil, na avenida Santos Dumont, 2088 – Aldeota.

A apresentação será feita pelo coordenador-geral do evento e vice-presidente da FAEC, Paulo Helder Alencar e o tema desta edição é “Pecuária: Segurança Alimentar Animal”. Hora de debater as formas de convivência com o semiárido nordestino. Na ocasião, haverá também a exposição do rebanho leiteiro de bovinos e caprinos – a PEC Leite, que vai apresentar as potencialidades da pecuária leiteira no Ceará.

Eleições 2014 – Mauro Filho trabalha à mineira

152 1

mauro-filho

O deputado estadual Mauro Filho, segundo amigos próximos, já teria um “Plano B”, caso não saia candidato do Pros ao Governo do Estado: reeleito, trabalhará para presidir a Assembleia Legislativa.

Mauro Filho, no entanto, evita falar no assunto. Ele prefere trabalhar à mineira para se cacifar como postulante ao Palácio da Abolição, contando com o incentivo principalmente do seu líder maior, o ex-ministro Ciro Gomes (Pros).

A Copa e a carta do jornalista dinamarquês

137 1

Com o título “A Copa e os “gringos”, eis artigo do jornalista Plínio Bortolotti, que está no O POVO desta quinta-feira. Ele analisa carta do jornalista dinamarquês Mikkel Jensen, que lamenta ter virado “pesadelo” seu sonho de vir assistir à Copa em Fortaleza. Confira:

“A carta é vazada em tom um tanto colonialista, do europeu do norte que fantasia um país exótico, onde pensa encontrar o bom selvagem. Porém, ao chegar ao país “maravilhoso”, onde quer ver o maior campeonato do mundo de futebol, ele se decepciona, pois “descobre” que várias perversidades estão sendo cometidas “por causas de pessoas como eu (ele)”.

“A Copa – Uma grande ilusão preparada para os gringos” é o texto que Mikkel Jensen, “jornalista independente da Dinamarca”, publicou no Facebook, lamentando que seu sonho tenha se transformado em “pesadelo”. O artigo obteve repercussão nas mídias sociais, sendo destaque em portais de notícias da Internet. Jensen, é fato, aborda alguns problemas reais relacionados à Copa.

Porém, no trecho mais forte, sobre Fortaleza, ele diz ter conhecimento que muitas crianças de rua estão “desaparecidas” e que “muitas vezes são mortas quando estão dormindo em área com muito turista”, relacionando isso diretamente a uma política “para deixar a cidade limpa para os gringos e a imprensa internacional”. Jensen usa ponto de interrogação na frase, porém, a pergunta é meramente retórica, isto é, feita para soar como afirmação.

Quando um jornalista revela episódio de tamanha gravidade, supõe-se que investigou o assunto e tem como fazer prova. Porém, duvido que Jensen possa fazê-la.

Liguei para algumas entidades de proteção à criança: todas elas fizeram críticas veementes à omissão dos governos em garantir os direitos mais básicos desse segmento. E que, devido ao descaso, adolescentes ficam submetidos a situações degradantes, e vulneráveis ao apelo das drogas e do crime, morrendo assassinados em conflitos que poderiam ser evitados. Porém, nenhuma das entidades relacionou as mortes a uma suposta “limpeza” devido à Copa.

PS. Deixo claro que nada tenho contra críticas de quem quer que seja: de brasileiro, de estrangeiro ou de marciano; xenofobia não é comigo. Trata-se de exigir um mínimo de precisão de quem se qualifica como jornalista.

Plínio Bortolotti

plinio@opovo.com.br
Jornalista do O POVO

Vem aí a Semana dos Povos Indígenas do Ceará

tremembe

Tremembés participam do encontro.

Com uma exposição de arte indígena e um ritual interétnico, o Movimento Saúde Mental Comunitária e parceiros iniciam a Semana dos Povos Indígenas na próxima terça-feira, às 16 horas, na Palhoça do Movimento (Rua Dr. Fernando Augusto, 985, Bom Jardim). No ritual, danças sagradas toré e torém. A programação, no Bom Jardim (Fortaleza) e nas aldeias Pitaguary (Maracanaú e Pacatuba), vai se estender até o dia 25. Serão partilhados conhecimentos, arte indígena, filmes, cantos e danças. E ainda rodas de conversa com lideranças Pitaguary, Tremembé, Anacé, Jenipapo Kanindé, Tapeba e Pataxó, do Brasil, e Lakota Sioux dos Estados Unidos.

O líder Lakota Sioux, Adam Little Elk, e seu filho, Woopila Badhand, vêm ao Ceará nesse período a convite do padre Rino Bonvini, presidente do Movimento Saúde Mental Comunitária. Rino é adotado como “irmão índio” por aquela tribo norte-americana.
Também será realizado um concurso de criação artística voltado para crianças da escola indígena Pitaguary, com a escolha de um texto em prosa, uma poesia e uma composição musical.

Nos dias seguintes, a programação contempla dança dos povos, pronunciamentos de apoiadores da causa indígena, caciques, pajés e lideranças. Entre os convidados estão os caciques João Venâncio Tremembé, Irê Jenipapo Kanindé, Antônio Anacé e Daniel Pitaguary. E ainda Carlinhos Pitaguary, Ubiraci Pataxó, cantores Pingo de Fortaleza e Calé Alencar e João Alfredo, presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da Câmara Municipal.

Também participam Paulo Barbosa, coordenador regional da FUNAI, Caio Feitosa, co-gestor do Centro de Defesa da Vida Herbert de Souza, Ir. Odila Bruno, integrante do Conselho Indigenista Missionário (CIMI) e Maria Amélia, coordenadora da Associação Missão Tremembé. Alguns filmes sobre a cultura indígena serão exibidos durante a semana, entre eles “A Educação de Pequena Árvore”, “O Guardião dos Sonhos” e um documentário sobre o Povo Tremembé. 

Senador diz que querem “satanizar” Petrobras e condena “exploração política”

164 2

O senador Anibal Diniz (PT-AC) cobrou nessa quarta-feira (16) a investigação de denúncias de irregularidades na Petrobras, mas condenou a exploração política do que chamou de “atos de corrupção, desvios de conduta e atitudes ilícitas” de poucos funcionários da empresa.

– Que essas pessoas paguem por seus atos, mas não coloquemos em dúvida a honradez e o brio dos brasileiros de valor que fazem da Petrobras uma das maiores empresas do mundo – declarou.

Anibal cumprimentou a presidente da Petrobras, Graça Foster, por sua participação em audiência pública realizada na terça-feira (15) na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Na avaliação do senador, o depoimento de Foster deixou claro que a compra da refinaria de Pasadena, no Texas, (EUA) foi um negócio que fazia sentido em 2006 dentro dos planos estratégicos da Petrobras e teve aprovação unânime do Conselho de Administração da estatal.

Ao criticar a tentativa de “satanizar” a Petrobras, o senador apresentou dados sobre a boa posição da empresa brasileira diante das petrolíferas concorrentes. Em sua opinião, o povo verá o valor e a importância da Petrobras acima de “enfoques míopes” ou “debates puramente eleitorais”.

(Agência Senado)

Unimed Ceará manda nota para Blog em resposta a uma condenação judicial

A Unimed Ceará mandou nota para o Blog acerca da notícia “Unimed Ceará é condenada por negar fisioterapia motora a aposentada”, publicada neste espaço e que veio do site do TJ do Ceará. Confira:

A Unimed Ceará informa que a Sra. Erotildes Francelino Morais intentou uma ação judicial contra a operadora, da qual é cliente, para obter o tratamento de fisioterapia e fonoterapia, ambos em domicílio.

Tais procedimentos foram negados devido à exclusão destes itens no rol de Procedimentos da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Conforme a Resolução Normativa 338 da ANS, que está em vigor desde 1º de janeiro de 2014, nenhuma operadora de plano de saúde é obrigada a oferecer tratamento domiciliar.

A Unimed Ceará agradece a oportunidade e segue à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Sem mais,

* Unimed Ceará.

Avenida Monsenhor Tabosa não tem problemas com chuvas

331 6

foto mtabosa chuva drenagem

As últimas chuvas que caíram em Fortaleza, incluindo a manhã desta quinta-feira (17), não prejudicaram o tráfego de veículos, tampouco a circulação pelos calçadões da avenida Monsenhor Tabosa, na Praia de Iracema. A cena dos alagamentos e transtornos, segundo os comerciantes do maior shopping a céu aberto da América Latina, ficaram para antes das obras de requalificação.

“Houve dia em que vim para a Monsenhor Tabosa com um sentimento de caos, diante da chuva que ocorria desde a noite anterior. Mas o trabalho feito aqui foi muito bem feito e a gente sequer ver poças d’águas”, comentou o presidente da Associação dos Lojistas da Avenida Monsenhor Tabosa (Almont), Antonio Gonçalves.

Segundo o secretário de Turismo de Fortaleza (Setfor), Salmito Filho, responsável pelas obras da Monsenhor Tabosa, o prefeito Roberto Cláudio por diversas vezes acompanhou o andamento das obras. “O prefeito deixava o seu gabinete e vinha para a Monsenhor Tabosa. Muitas vezes, ele me ligava à noite para questionar um ou outro procedimento da obra. A Setfor também cobrou bastante e a construtora (CHC) correspondeu”, comentou Salmito.

(Fotos: Camilo Vidal)