Blog do Eliomar

Categorias para Política

Aécio – Prévias não dependem do presidente do PSDB

“O presidente nacional do PSDB e possível candidato da legenda à Presidência da República em 2014, o senador Aécio Neves procurou ontem isentar-se de responsabilidade sobre a convocação de prévias para definição do nome tucano ao Planalto. “Sempre defendi (prévias). Basta solicitação à Executiva, não ao presidente do partido. É a Executiva que vai definir como isso vai acontecer, os instrumentos para que isso possa acontecer”, disse.

Questionado sobre sua disposição de afastar-se da presidência do PSDB em caso de prévias –Serra cobrou “igualdade de condições” na disputa–, Aécio disse não ter escutado a proposta de ninguém do partido.

Embora descarte as prévias em conversas privadas, o senador reconhece em público a possibilidade da disputa para não contrariar Serra, que mantém negociações com o PPS como plano B para a eleição presidencial do próximo ano. Enquanto isso, Aécio continua em ritmo de campanha. Ontem, na posse da presidência mineira do Instituto Teotônio Vilela, entidade acadêmica do PSDB, voltou a criticar o governo federal. O ato em Belo Horizonte empossou o ex-ministro Pimenta da Veiga na presidência do instituto tucano em Minas Gerais.”

(Folhapress)

 

Prefeito RC assinará ordem de serviço da UPA do Cristo Redentor

prefeito-roberto-claudio

O prefeito Roberto Cláudio (PSB) vai assinar, nesta terça-feira, a ordem de serviço para a construção da primeira Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da gestão municipal de Fortaleza. O local escolhido: o Grande Pirambu. A solenidade ocorrerá às 17 horas, na Avenida Presidente Castelo Branco (bairro Cristo Redentor), local onde ficará a unidade, na Regional I.

Segundo a assessoria de imprensa do Paço Municipal, o investimentos para a construção da UPA é de cerca de R$ 4 milhões, entre recursos do tesouro municipal e Ministério da Saúde. Ao todo, serão construídas pela Prefeitura seis unidades. No primeiro momento serão contempladas as áreas das regionais I, IV e VI. Até o final do ano, serão iniciadas as outras três UPA´s nas regionais I, V e VI.

Cristovam Buarque e a presidência 2014

cristovam-buarque8a
“Boa parte do PDT já perdeu a vergonha de fazer oposição aberta ao governo Dilma Rousseff, embora continue integrando a base aliada (Leia mais em: PDT quer cabeça de Mantega). Na reunião da Executiva Nacional do partido, na sexta-feira, os mais radicais voltaram à carga. Figuras como Reguffe, Miro Teixeira, Vieira da Cunha e até Carlos Lupi reiteraram a defesa pela candidatura própria ao Palácio do Planalto em 2014, com a maioria defendo Cristovam Buarque na cabeça de chapa.

Lupi, por exemplo, saiu-se com essa para reforçar as palavras dos colegas:

– Time que não joga não tem torcida.

Até aí, beleza. Mas nove entre dez pedetistas acreditam que Lupi não vai largar o osso tão cedo e, na prática, barganhará até o último minuto o apoio do PDT aos candidatos à presidência. Nesse cenário, pelo menos por ora, a tendência é que o PDT continue fechado com Dilma.”

(Coluna Radar –  Veja Online)

Pivô da queda de Patriota, Róger Pinto fala aos senadores nesta terça-feira

Motivo da queda do ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, o senador boliviano Róger Pinto Molina fala aos parlamentares brasileiros nesta terça-feira (27). A fuga para o Brasil do opositor do governo de Evo Morales dominou os debates no Plenário nessa segunda-feira (26). Róger Pinto teve apoio da Embaixada em La Paz. Vários senadores se manifestaram sobre o assunto, elogiando o diplomata brasileiro Eduardo Saboia, que afirmou ter ajudado o boliviano por razões humanitárias.

Réu em vários processos, Pinto acusa o governo de Evo de perseguição política. O senador estava refugiado na Embaixada do Brasil havia mais de 400 dias. A fuga do opositor para o Brasil motivou protestos do governo da Bolívia e desconforto ao Itamaraty. No início da noite, o Palácio do Planalto anunciou a demissão do ministro Patriota, que foi substituído por Luiz Fernando Figueiredo, que servia como embaixador do Brasil junto às Nações Unidas.

Presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), Ricardo Ferraço (PMDB-ES), anunciou pela manhã o convite a Róger Pinto. O presidente do Senado, Renan Calheiros, apoiou a participação de Ferraço no episódio. Os senadores Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), Alvaro Dias (PSDB-PR), Ana Amélia (PP-RS), José Agripino (DEM-RN) e Ruben Figueiró (PSDB-MS) apoiaram a iniciativa do diplomata Eduardo Saboia.

(Agência Senado)

Patriota se despede de equipe antes de deixar o Itamaraty

Antes de deixar o Ministério das Relações Exteriores, nessa segunda-feira (26), por volta das 20h30, o ex-chanceler Antonio Patriota reuniu a equipe de diplomatas e funcionários do seu gabinete para se despedir. Na rápida reunião, ele agradeceu a colaboração de todos, nos dois anos e oito meses que ficou no cargo, e falou da importância institucional do Itamaraty no papel de preservar a democracia.

Diplomatas que participaram do encontro declararam à Agência Brasil que Patriota estava sereno e tranquilo. Na conversa com os assessores, ele elogiou a escolha do sucessor, o embaixador Luiz Alberto Figueiredo Machado. O ex-ministro lembrou que os dois trabalharam juntos na Organização das Nações Unidas (ONU), na década de 1990.

A saída de Patriota do cargo de chanceler foi provocada pela crise instaurada com a fuga do senador boliviano Roger Pinto Molina da Embaixada do Brasil em La Paz, onde ficou abrigado por cerca de 15 meses.

Após dois anos e oito meses como ministro das Relações Exteriores, Patriota, de 59 anos, deixa o cargo para ser o novo representante do Brasil na ONU. Com 34 anos de carreira, antes de ser nomeado chanceler foi secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores. Filho de chanceler, Patriota construiu uma carreira baseada na disciplina, na articulação e em negociações multilaterais.

Na ONU, como representante do Brasil, ele deverá participar de discussões emblemáticas, como a busca por consenso em situações de crise. Atualmente a comunidade internacional está em alerta devido ao agravamento da situação na Síria, em decorrência da suspeita de uso de armas químicas contra civis, e do Egito deflagrada pelas manifestações violentas e confrontos constantes.

(Agência Brasil)

Farra das Vassouras – PSC cobra explicações de presidente da Câmara

210 1

“O presidente da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, vereador Antônio de Lunga, terá de prestar esclarecimentos sobre a chamada “Farra das Vassouras” à direção estadual do Partido Social Cristão (PSC), ao qual é filiado. De março a junho deste ano, o Poder Legislativo do Município, distante 493 km de Fortaleza, comprou 4,2 mil vassouras, 2,5 mil quilos de sabão, 33 mil unidades de palha de aço e 312 unidades de óleo de peroba, entre outras aquisições em grandes quantidades.

Na última quinta-feira, 22, a Polícia Civil instaurou inquérito para investigar compra excessiva dos produtos, a partir de denúncia do vereador Danty Benedito (PMN) de que as aquisições teriam objetivo de favorecer empresários. No último sábado, 24, a Policia cumpriu sete mandatos de busca e apreensão na Câmara e outros locais, realizando apreensão de computadores e documentos com informações sobre as compras. No local, foram encontrados inclusive produtos com prazo de validade vencido.

Presidente do PSC no Ceará, o vereador de Fortaleza Wellington Sabóia encaminhou ofício na tarde de ontem para que Lunga preste os esclarecimentos. O presidente do Legislativo juazeirense tem cinco dias, a partir da notificação, para comparecer à sede da sigla. “O partido sempre trabalhou com transparência e esse assunto tomou proporção nacional, então queremos conversa com o vereador e, após isso, tomar as medidas cabíveis”, disse Sabóia. “Se for preciso iremos abrir comissão e decidir qual será o futuro do vereador dentro do partido”, acrescentou. O presidente do PSC disse esperar que o ocorrido seja rigorosamente apurado pelas autoridades.

Ministério Público

A promotora Alessandra Magda informou que o material apreendido sábado será averiguado. A Câmara tem 10 dias para entregar documentos e notas restantes ao Ministério Público. Só após a verificação dos documentos os envolvidos serão chamados para prestar esclarecimentos.”

(O POVO)

Médicos cubanos são vaiados por colegas cearenses

400 15

“Os 96 médicos, sendo 79 cubanos, que desembarcaram no Ceará para fazer o curso de formação de três semanas foram hostilizados e xingados na saída da Escola de Saúde Pública, logo após a solenidade de Acolhimento, na noite desta segunda, 26.

Um grupo de cerca de 50 médicos esperavam os estrangeiros vaiando, gritando e xingando os profissionais de escravos do lado de fora do prédio. Ao ouvirem os gritos, os médicos cubanos passaram 40 minutos pensando em uma alternativa de sair da Escola Pública sem passar pela barreira de manifestantes, mas não houve outra solução. Cerca de cinco5 carros da PM estavam ao lado de fora.

Segundo o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, José Maria Pontes, os manifestantes não são contra a vinda dos médicos, mas contra o fato de esses profissionais não fazerem revalida.”

* No O POVO Online, com vídeo mostrando as vaias aqui.

TCU vai analisar acordo que viabiliza a importação de médicos

“O Tribunal de Contas da União (TCU) vai analisar a documentação que embasou o acordo entre o Brasil e Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) que vai trazer 4 mil médicos cubanos para atuar nas regiões carentes do país. “É uma questão singular, inusual esse formato de contratação”, avaliou o presidente do TCU, Augusto Nardes, logo depois de reunião com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, sobre o tema. Em diligência, o TCU pediu que o Ministério da Saúde entregue até sexta-feira (30) a documentação para análise da legalidade, da efetividade e das questões econômicas do acordo. Nardes assemelhou a contratação dos médicos cubanos a uma terceirização.

“Nós temos uma preocupação com a questão trabalhista”, disse Nardes, acrescentando que o tribunal ainda vai analisar a documentação, que deve ser entregue pelo Ministério da Saúde, pois a conversa com Padilha ainda deixou dúvidas sobre o acordo. “Ainda não temos as informações adequadas”, disse. Dependendo do resultado das análises, o TCU pode abrir um processo de investigação da contratação dos médicos cubanos.

Diferentemente do acordo com os médicos que se inscreveram individualmente no Mais Médicos, que receberão a bolsa de R$ 10 mil diretamente do governo brasileiro, o acordo com Cuba é feito com a intermediação da Opas. No caso, o governo brasileiro repassa R$ 10 mil por médico para a entidade internacional, esta faz o repasse para o governo cubano, que faz o pagamento ao profissional.”

(Agência Brasil)

Presidente do PV/CE é a favor dos viadutos. Para ele, caso virou política

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=JHFNyH6DAlQ&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O presidente estadual do Partido Verdes, Marcelo Silva, disse, nesta segunda-feira, ser a favor da construção dos viadutos no encontro da avenida Antônio Sales com Engenheiro Santana Júnior. Ele reconhece que o assunto gerou polêmica, mas avaliou que há certa questão política permeando toda a situação.

Marcelo Silva falou também sobre as perspectivas do PV para as eleições de 2014.

Patriota é demitido da pasta das Relações Exteriores

253 1

Antonio Patriota não é mais o ministro das Relações Exteriores. A saída dele do cargo foi confirmada nesta segunda-feira, 26, pelo porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann. Quem assumirá o comando do Itamaraty será o embaixador Luiz Alberto Figueiredo Machado, que até agora era o representante permanente do Brasil junto à Organização das Nações Unidas (ONU), informa o Palácio do Planalto. Patriota, por sua vez, irá para a representação junto à ONU. Segundo Traumann, a presidente Dilma Rousseff agradeceu o empenho do ministro Patriota e o indicou para o cargo na ONU.

Patriota deixa o cargo após o episódio envolvendo a chegada ao Brasil do senador boliviano Roger Pinto Molina, que estava na missão diplomática do Brasil em La Paz desde maio de 2012. Pinto Molina chegou ao Brasil no último sábado, 24, após uma viagem de 22 horas em veículo diplomático brasileiro. O caso gerou impasse entre Brasil e Bolívia. Pinto Molina é opositor do presidente Evo Morales.

(Com Agência Estado)

ZPE do Ceará vai ser inaugurada na 6ª feira

330 1

O governador Cid Gomes (PSB) vai inaugurar, às 9h30min da próxima sexta-feira, a primeira Zona de Processamento de Exportação (ZPE) do Brasil em operação. A ZPE do Ceará está localizada no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), entre São Gonçalo do Amarante e Caucaia. O evento de inauguração da ZPE terá a presença de autoridades da Secretaria da Receita Federal e de lideranças do setor produtivo e empresarial do Estado.

A ZPE do Ceará foi criada em 16 de junho de 2010, pelo decreto federal Nº 14.794. “A aprovação da ZPE Ceará sem ressalvas destaca o trabalho que fizemos para garantir que seja instalado aqui um equipamento sustentável que mundialmente é sinônimo de desenvolvimento. A ZPE garantirá a criação de milhares de empregos para os cearenses e colocará o Estado na principal rota de investimentos de todo o mundo”, disse o governador Cid Gomes, quando da aprovação do projeto pelo Conselho Nacional de ZPEs (CZPE).

Segundo César Ribeiro, presidente da Companhia Administradora da Zona de Processamento de Exportação do Ceará. (ZPE CEARÁ), apesar de ser a segunda alfandegada pela Receita Federal no País, a ZPE do Ceará é a primeira com empresas já instaladas e em processo de instalação. “Já estamos em operação des

Prefeito está reunido com cúpula da UFC

rcufc

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB), acompanhado de secretários, reúne-se, neste momento, com reitor da UFC, Jesualdo Farias, e com diretores da instituição. Discute ações em conjunto. RC fala dos investimentos em saúde, educação, infraestrutura e mobilidade urbana.

“O ano de 2013 é o ano da atenção primaria, quando estamos reformando 60 dos 92 postos de saúde e a construção de 25 novas unidades”, afirmou o prefeito logo no início de sua exposição.

(Foto – Cláudio Barata)

Cid agora tem página no Facebook

O governador Cid Gomes(PSB) etá divulgando, por meio de sua assessoria de imprensa, nesta segunda-feira,a criação de uma página na rede social Facebook . Ele promete administrar a página. Criada recentemente, só agora apareceu com a primeira mensagem, que diz:
“Eu tinha uma conta no Facebook que foi desativada. Tentei reativar, mas foi em vão… Estou iniciando hoje uma fanpage. Sejam bem-vindos!!! Este será mais um espaço de cidadania”.

FHC diz que imensa maioria do PSDB quer Aécio

201 2

SAO PAULO/SP 05/09/2006 - 16:00 H - FHC / ENTREVISTA - VARIEDADES JT - Entrevista com ex Presidente da Republica, Fernando Henrique Cardoso em seu escritorio no Instituto.

Um dos principais entusiastas da candidatura do senador Aécio Neves (PSDB-MG) à Presidência da República, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso põe água na fervura do ex-governador José Serra, que passou a travar uma queda de braço para ser mais uma vez o candidato do partido no ano que vem, depois de derrotado em 2002 e 2010. Para FHC, em entrevista ao jornal Valor Econômico, Serra não vai sair do PSDB, como ameaça, e provavelmente não será necessária a realização de prévia entre ele e Aécio. Confira a entrevista:

Valor: Qual tem sido o seu papel na disputa entre Aécio e Serra?

Fernando Henrique Cardoso: Não precisa chegar ao ponto de ser um bombeiro. Acho que temos que dar um pouco de tempo ao tempo. Há dois passos decisivos do Serra. Um é agora: resolver se ele fica no PSDB ou não. Meu palpite: ele fica.

Valor: Por que um palpite?

FHC: Não, somente porque ele não me disse. Eu sou prudente. Mas o Serra é um ser racional. Não tem muito sentido você sair de um partido onde sempre esteve, onde construiu sua história e contribuiu para a história do partido, e ir para uma coisa que você não sabe como é, com um ponto de partida frágil.

Valor: Seria uma candidatura frágil, se for para outro partido?

FHC: É frágil. Qual é a dificuldade? A dificuldade [para Serra] é que o PSDB em sua imensa maioria está com Aécio. Quer o Aécio. Então, acho que a pessoa tem que ser realista, até que ponto tem sentido se apresentar como candidato ou não. Mas isso só o tempo vai mostrar, se é possível ou não.

Valor: Ele pode atrapalhar?

FHC: Ahn… agora não. Porque está muito longe, o povo não está nem aí para esta questão de eleição. Agora, tem um momento, o PSDB vai ter que… Qual foi o nosso problema nas outras candidaturas? É você ter indecisão por muito tempo. Não dá para repetir isso. A vantagem que temos agora é que houve uma tendência consolidada no PSDB pela candidatura Aécio.

Valor: O sr. vê uma diferença grande no processo de escolha desta vez em relação às outras eleições?

FHC: Ah, sem dúvida. Nos outros anos, houve muito mais indecisão. O partido estava mais dividido. Agora não. O que tem é uma aspiração legítima do Serra, mas não é que o partido se dividiu entre um e outro. Neste momento, nos diretórios, que eu saiba, não existe nenhuma cisão dentro do PSDB. O PSDB está ao redor da candidatura do Aécio.

Valor: Há clima para prévias?

FHC: Eu acho difícil. Mas, claro, se o Serra insistir em ser candidato ele tem o direito. Agora o partido também tem a obrigação de dizer: “Vamos resolver isso logo, não pode esperar”. Para não cair nos erros do passado.

Valor: Até quando o sr. acha que o partido pode esperar?

FHC: Primeiro temos que deixar passar o que vai acontecer agora no fim do mês. Não adianta especular antes da hora. Meu palpite é que Serra fica. Se não ficar, muda tudo. Por que é ele e outros. Mas não há tendência nenhuma de as pessoas saírem. Não há. Ninguém. Nenhuma força importante. Até porque as dificuldades do governo [federal] são enormes. Nunca houve conjuntura tão favorável a uma alternativa. Nosso dever é construir essa alternativa, com seriedade, o quanto antes e juntando gente.

Valor: O Aécio, em terceiro lugar nas pesquisas, ainda não decolou. Isso não preocupa?

FHC: Não é hora de decolar. O povo só vai se abrir para isso no segundo semestre do ano que vem. É hora de se organizar, de organizar o discurso, ter presença articulada com outros setores.

Valor: Mas a classe política já se prepara e se articula com os demais nomes do cenário, como Marina Silva e Eduardo Campos.

FHC: A Marina, indiscutivelmente, se beneficia, neste momento, dessa onda dos protestos. Agora, no ponto de partida, o Aécio tem [o apoio de] Minas, uma estrutura grande do PSDB e candidatos organizados em praticamente todos os Estados. E o Eduardo tem menos. De fato, vamos ver como é que a porca torce o rabo, quando estivermos na campanha. Quem tem mais organização na oposição é o Aécio. A Marina não tem nem partido. E o Eduardo tem, mas é um partido mais fraco que o PSDB. No ponto de partida, Aécio tem vantagem, independentemente das variações de [pesquisa de] opinião. A opinião está muito longe da eleição. O Serra saiu sempre muito na frente, e não ganhou. Isso é muito relativo.

Valor: Mas o Serra não se espelha na trajetória do ex-presidente Lula, que concorreu quatro vezes até finalmente vencer?

FHC: Sim, mas o partido queria que o Lula fosse. Não é a mesma situação. E o PT não tinha alternativa. São situações diferentes. A candidatura não depende de você. Depende de os outros quererem.

Valor: O Serra pode atrapalhar e jogar contra o Aécio em São Paulo, durante a campanha, numa revanche ao que teria acontecido em Minas, em 2010?

FHC: Primeiro, o Aécio nega isso. Serra ganhou em BH. Segundo, o Serra não pode fazer isso porque seria trair o partido. Acho que isso ele não faz.

Valor: O sr. se sente o patrono da candidatura Aécio?

FHC: Não, a candidatura foi lançada não foi nem por mim, foi pelo [deputado federal] Sérgio Guerra, pelo [ex-presidente do PSDB] Tasso [Jereissati] e eu apoiei Porque o partido está nesta direção e porque eu acho que o momento é de você renovar.

Valor: O sr. é a favor do programa de importação de médicos?

FHC: Não tenho muita clareza. O estranho é o Brasil pagar e o governo de Cuba escolher quem vem. Agora, que obviamente sejam médicos, que haja alguma aferição destes diplomas. Há diplomas e diplomas. Mas não acho que seja errado. Não sou contrário desde que haja uma coisa com clareza, que tenha diploma que realmente tenha valor. Agora, o resto, se for necessário… Sempre fui muito favorável a que houvesse migração, liberdade de movimento de pessoas, o Brasil precisa de gente com competência. Agora, tem que ter algum critério para saber se tem competência mesmo.

Valor: O que o sr. achou do relato de que a presidente Dilma teria saído de motocicleta por Brasília para escapar da rotina, sem ser notada?

FHC: Eu não vi isso. E nem acredito. A quem se atribui ter feito isso foi o [ex-presidente e general João Batista] Figueiredo (1918-1999). Não acho que ela faça isso, não.

Valor: E o sr. já fez ou teve vontade de fazer algo semelhante quando era presidente?

FHC: Esse não é o meu estilo.

Comissionado da Secretaria da Saúde diz que médicos cubanos são disciplinados

294 4

Em seu Blog o secretário estadual da Saúde, Arruda Bastos, divulga artigo intitulado “Bem-vindos, colegas cubanos”. Quem assina é Manuel Dias da Fonsêca Neto, mestre em Gestão de Sistemas Locais de Saúde e também é Coordenador de Proteção e Promoção à Saúde da pasta. Confira:

Estive em Cuba em 1986, junto com uma centena de brasileiros, para participarmos do I Seminário Internacional em Atención Primaria de La Salud, promovido pela Organização Panamericana de Saúde(OPS), Organização Mundial da Saúde(OMS) e Ministério de Saúde Pública de Cuba. Há quase 30 anos o Programa de Saúde da Família de Cuba era o destaque deste Seminário Internacional, exemplo de estratégia de incorporação de baixa densidade tecnológica, centrada na pessoa humana, na família e no vinculo permanente de uma equipe com a população de um território, com resultados significativos na melhoria de indicadores de saúde.

Qual era o segredo desta estratégia? Os médicos cubanos aprendiam o que os nossos mestres Dr. Paulo Marcelo, Dr. Elias Salomão, Dr. Oto, Dr. Pessoa, Dr Haroldo Juaçaba nos ensinavam: ouvir o paciente e sua história familiar, examiná-lo, palpá-lo, auscultá-lo, observando sinais e sintomas, fazer, enfim, uma anamnese e exame clínico detalhado e sistemático. Respeitando o ser humano que nos procura em sofrimento, a sua individualidade, com ética e humanismo. Os médicos cubanos são excelentes médicos de família e vêm aperfeiçoando o seu conhecimento há 30 anos.

Os brasileiros estarão em muito boas mãos aos seus cuidados. Fico muito triste ao presenciar expressões de xenofobia e até etnofobia, arrogância, preconceito e agressividade de presidentes de alguns CRMs, do CFM e AMB contra médicos estrangeiros, especificamente cubanos. Xenofóbico é quem demonstra temor, aversão ou ódio aos estrangeiros. Será que esta não é uma forma camuflada de expressar aversão ou ódio aos pobres do Brasil?

Por que tememos os médicos cubanos? Porque são disciplinados e cumprirão a carga horária contratada? Porque são excelentes médicos de família e cuidarão com carinho, respeito e sabedoria do nosso povo. Porque se fixarão num só emprego e dedicarão todo o seu tempo às famílias sob sua responsabilidade? Espero que nossos colegas médicos cubanos e demais estrangeiros não sejam hostilizados por senhores da “casa grande e senzala” da modernidade e sejam acolhidos com simpatia e respeito, como fui por eles, quando estive em Cuba há 30 anos.

* Manoel Dias da Fonsêca Neto,

Médico, Especialista em Saúde Pública
Mestre em Gestão de Sistemas Locais de Saúde.

Prefeito Roberto Cláudio terá audiência com reitor da UFC

roberto-claudio1-300x225

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, será recebido nesta segunda-feira, às 15 horas, pelo reitor da UFC, Jesualdo Farias. na agenda, discussões sobre ações conjuntas entre a atual gestão municipal e a UFC, em áreas como educação, saúde, infraestrutura, mobilidade urbana, habitação, juventude, entre outras.

Segundo a assessoria de imprensa da UFC, a iniciativa faz parte do processo de aproximação entre o poder público e academia, com o objetivo de ampliar a participação da Universidade nas discussões e soluções para os desafios da cidade.

Manifestantes vão à Câmara Municipal pedir cassação de Leonelzinho Alencar

leonelzinhoalencar

Está marcado para esta terça-feira, 27, às 9h30min, protesto que pede cassação do vereador Leonelzinho Alencar (PTdoB). Em evento organizado no Facebook, manifestantes planejam ocupar o plenário da Câmara Municipal para pedir que a Casa analise com celeridade a cassação do parlamentar, envolvido em série de denúncias de improbidade nos últimos anos.

Na última semana, a comissão de Ética na Política da Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB-CE) protocolou na Câmara pedido de cassação de Leonelzinho. A ação enumera uma série de investigações e processos contra o parlamentar que correm na Justiça. O pedido da OAB deve entrar em pauta na sessão dessa terça – na presença dos manifestantes.

“Essa é a hora de mostrarmos que não aceitamos corrupção e desrespeito com o povo”, diz a descrição do evento. Até agora, cerca de 300 pessoas já confirmaram presença no protesto.

(Colaborou Carlos Mazza)

Acrísio Sena teme mudança na concepção de gestão do Hospital da Mulher

diariooo

O vereador Acrísio Sena (PT), baseado em registro do Diário Oficial do Município, teme pela mudança de concepção do Hospital da Mulher, obra deixada pela administração petista de Luizianne Lins.

No registro, o diretor-executivo da unidade, Francisco Rogério Rodrigues de Menezes, viaja para Curitiba. Ali, para conhecer o sistema de gestão do Hospital do Idoso Zilda Arns “para definir modelo aplicável ao Hospital da Mulher de Fortaleza”.

Acrísio afirma que o Hospital da Mulher nasceu para apoiar e dar tratamento às mulheres.

Agrônomo diz que desmatamento em trecho do Cocó não provocará degradação

264 9

Eis artigo intitulado “A verdade sobre o desmatamento do Parque do Cocó”, publicado no O POVO desta segunda-feira. Quem assina é Murilo Ferreira, engenheiro agrônomo, que questiona os arroubos dos ambientalistas em torno da derrubada de 94 árvores em trecho do Cocó por onde passarão dois viadutos na avenida Antonio Sales no encontro da Engenheiro Santana Júnior. Confira: 

O poder municipal, no afã de atender às necessidades da população no que diz respeito às vias de transporte para deslocamento com maior rapidez, principalmente os coletivos que transportam grande número de pessoas, iniciou as obras dos viadutos na área do Parque do Cocó.

O plano está traçado e a população espera os benefícios. Têm inicio as obras, as primeiras árvores são cortadas e começam os primeiros confrontos de ordem social. De um lado, uma população que não sai de casa, não xinga, não bloqueia, não prejudica o ir e vir das pessoas pois é um direito constitucional) e que torce para que a obra seja executada. Do outro lado, outra classe de pessoas (suponho ambientalistas) que não admitem, que sofrem com a derrubada das árvores, que fazem piquete, num claro desconhecimento do que seja de causa “científica” do problema. E aí população se pergunta: é por causa do corte das plantas ou é por questão política? Se for por questão política até se admite, pois em política todo mundo procura suas melhoras; mas se for por questão ambiental ,aí é ignorar os fatos.

Pelo que se sabe, a área desmatada ocupa uma área de 8 metros de largura por 280 metros de comprimento, ou seja, menos de 1/3 um terço de uma hectare, que são 10.000 m². Ou seja, 94 árvores, do ponto de vista ocupacional, é irrisório e do ponto vista ambiental, pior ainda. Não tem significância nenhuma no que diz respeito à absorção de carbono e produção de oxigênio, pois todas plantas já são adultas, com mais de 20 anos de plantio.

Em florestas velhas, na relação resgate de carbono e eliminação de oxigênio para atmosfera, há um equilíbrio entre anabolismo e catabolismo, tornando nulo o balanço metabólico, que, por conseguinte, não altera em nada o meio ambiente.

Cada hectare de floresta em desenvolvimento é capaz de absorver de 150 a 200t de CO2 , então 3.000m² onde estão as 94 plantas absorvem somente 45t. O projeto da construção do viaduto prevê o plantio de 600 árvores. Considerando o espaço entre elas de 8m x 8m, ocuparia uma área de 3,8 hectares, que, em termos de absorção de carbono, representaria 570t, bem maior do que 45t que se vai desmatar. Este desmatamento provocará a degradação da qualidade ambiental? Prejudicará a saúde e o bem-estar da população? Afetará as condições estéticas ou sanitárias do meio ambiente? Está claro que não, pois contra fatos não há argumento.

* Murilo Ferreira,

Engenheiro agrônomo.

Ministro Leônidas Cristino faz defesa de Cid Gomes em seu Facebook

leocidd

Em seu Facebook, o secretário nacional dos Portos, ministro Leônidas Cristino, publicou texto, onde faz a defesa do seu amigo e gestor Cid Gomes, alvo de vários questionamentos – dos gastos com buffet, a compra de helicópteros. Confira:

“Os valores que definem a trajetória do governador Cid ele os traz do berço. Por onde passou na vida pública, deixou a marca da sua competência. Empreendedor arrojado, com larga visão e sempre aberto ao diálogo, dedica-se com exclusividade às suas funções; nada o faz desviar o foco.

Fui seu sucessor na Prefeitura de Sobral e sei como ele cuidou da nossa gente e preparou a cidade para o futuro. Hoje, governando o Ceará, ele emprega todas as suas energias ao desenvolvimento do Estado e à melhoria das condições de vida do seu povo. Não é por acaso que registramos um volume de investimentos comparável aos dos estados mais ricos do País.

Essa posição, nunca antes conquistada, só foi alcançada graças à austeridade, ao zelo e ao respeito ao dinheiro público. Isso tem um preço alto: desagrada, fere interesses, contraria grupos, provoca reações, suscita fofocas e gera picuinhas.

Mas nós cearenses, independentes desses sentimentos menores, testemunhamos e aprovamos as suas realizações e temos a convicção de que a história reconhecerá o Governador Cid como um dos melhores governadores do Ceará.”

* Leônidas Cristino.