Blog do Eliomar

Categorias para Política

Críticas de Caetano Veloso a Lula e um artigo de apoio

A jornalista Dora Kramer escreve artigo no Jornal do Brasil, nesta sexta-feira, intitulado “Origem e destinos”. Ela analisa as críticas feitas ao presidente Lula pelo compositor Caetano Veloso. Confira:

Do que fala Caetano Veloso – que, aliás, será apontado como preconceituoso por isso – quando diz que Marina Silva não é “analfabeta” como o Lula? Fala sobre o esforço da senadora em se aprimorar e aproveitar as oportunidades dadas pela vida. Fala da recusa da senadora em fazer da adversidade de origem um proveitoso destino.

Fala de uma mulher nascida nos seringais da Amazônia, alfabetizada aos 14 anos de idade e que tem hoje na expressão do idioma de seu país um de seus melhores atributos. Marina não precisa da grosseria para se identificar com seu povo. Ao contrário: oferece-se a ele como prova de que o aperfeiçoamento – de palavras, pensamentos e comportamentos – vale a pena.

Marina não nivela o Brasil por baixo, mostra o valor do esforço e não celebra a indulgência.”

Tasso será entrevistado no Programa Barra Pesada

tassoj

O senador tucano Tasso Jereissati dará entrevista, nesta sexta-feira, no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro. Ele vai expor ao jornalista Nonato Albuqeuerque seus projetos no âmbito do Senado e que dizem respetio ao setor Segurança, como também dará detalhes acerca da agenda proposta para a subcomissão de Seguramça Pública da Casa. Tasso, que foi autor da proposta que criou essa subcomissão, coupa atualmente a presidência desse organismo.

Na próxima quinta-feira, essa subcomissão terá primeira reunião, quando discutirá um projeto de sua autoria que eztabelce a criação do Sistema Nacional de Segurança Pública.  

DETALHE – A partir das 19 horas, no Sesc Iparana, em Caucaia, o tucano estará dando palestra no Encontro Cearense de Estudantes de Administração, ocasião em que abordará o tema Gestão de Recursos Economicos e Financeiros, as Relações entrer Poderes e Implicações para uma Cidade Democrática e Sustentável”.

Cid diz não se surpreender com crises na Segurança e reafirma apoio a Roberto Monteiro

ciudgo

O governador Cid Gomes (PSB) afirmou, nesta sexta-feira, durante entrevista ao Bom Dia Ceará, da TV Vredes Mares, que o secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado, Roberto Monteiro, tem seu “total apoi” nas dedcisão que vem adotando no que diz respeito a denúncias envolvendo membros da pasta. Nessa quinta-feira, Monteiro afastou dois delegados e um inspetor acusados de envolvimento em tortura de presos.

Cid Gomes também disse não ter se surpreendido com tantos casos envolvendo um setor que, como observou, é complexo pois envolve cerca de 15 mil pessoas da Polícia Militar, quatro mil da Polícai Civil, além de Corpo e Bombeiros e Pefoce.

 “Não me causa nenhuma surpresa a gente ver crise nessa área. O que me preocupa é se tudo tiver tranquilo ou aparentemente tranquilo”, reiterou o governador.

Ele assegurou total apoio e confiança no trabalho do secretário Roberto Monteiro que vem, conforme disse, fazendo esforço, por determinação do Governo, para expurgar “tumores”. Disse ainda Cid Gomes: “No dia em que qualquer secretário não tiver minha confiança, ele não não será mais secretário”.

Durante a entrevista, Cid Gomes falou também sobre a importância do Fórum de Governadores do Nordeste, que ocorre nesta sexta-feira, no Centro Dragão do Mar.   O encontro discutirá questões como a partilha doPré-Sal e interesses da região.

* Leia mais sobre a crise no O POVO aqui.

Efeito Ciro – Grupo político de Marta Suplicy ameaçado de racha

ciro

“O grupo político ligado à ex-prefeita Marta Suplicy, hegemônico no PT paulista há pelo menos seis anos, está próximo da dissolução por conta da disputa envolvendo a candidatura da sigla ao governo do Estado e dos planos da ex-prefeita de concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados em 2010.

Parte dos principais “martistas”, como são chamados internamente os apoiadores da ex-prefeita, se empenhou em pavimentar o caminho para que Ciro Gomes (PSB-CE) tenha o apoio do PT na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

Marta, no entanto, trabalha por uma candidatura própria da sigla, de preferência a do deputado federal e ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci, que seria uma espécie de herdeiro natural, na visão da ex-prefeita, do comando de seu grupo. No mês passado, Marta afirmou que Ciro “não tem nada a ver com São Paulo”.

Líder do PT na Câmara dos Deputados, Cândido Vaccarezza (SP), por exemplo, alega que Ciro poderia ajudar Dilma Rousseff (pré-candidata do PT ao Planalto) e concorrer com chances de vitória no Estado. “É nessa medida, a de um palanque forte para a Dilma e de um nome forte junto ao eleitor, que a candidatura de Ciro Gomes ganha força”, diz Vaccarezza -que sempre foi identificado como um “martista”.

A posição de Vaccarezza é compartilhada internamente pelos também deputados federais José Mentor, Devanir Ribeiro e Jilmar Tatto, expoentes da gestão de Marta na Prefeitura de São Paulo (2001-2004).

Ao lado da ex-prefeita na defesa de Palocci como pré-candidato permaneceram Rui Falcão, líder do partido na Assembleia paulista, Antonio Donato, vereador na capital, e Carlos Zaratini, deputado federal, os três ex-secretários de Marta.

“Entendo que o PT deva apresentar uma candidatura própria aos aliados, e acho que o Palocci é nosso melhor nome, mas reconheço que hoje há um importante movimento pró-Ciro”, afirmou Donato.

Vaga aberta
Palocci se reuniu recentemente com seus correligionário em São Paulo e disse que não pretende se colocar como pré-candidato antes que Ciro decida qual eleição irá disputar -o Palácio do Planalto ou o Palácio dos Bandeirantes.

Na prática, isso significa que o PT ficará sem ter um nome para trabalhar eleitoralmente até o início do ano que vem, quando o deputado do PSB deverá tomar sua decisão.

A despeito da recusa de Palocci, seus correligionários vão inscrevê-lo como pré-candidato no diretório estadual.

Na avaliação dos que tentam convencer o deputado petista a entrar na disputa, uma eventual candidatura Ciro ao governo paulista poderá criar um novo polo de oposição ao PSDB no Estado, vaga hoje automaticamente ocupada pelo PT.

A outra opção anti-Ciro aventada no PT seria convencer Marta a concorrer novamente ao governo, mas a ex-prefeita já avisou o seu entorno que pretende se candidatar novamente a deputada federal.”

(Folha)

CIRO NO CEARÁ

O deputado federal Ciro Gomes dará palestra às 16 horas desta sexta-feira, durante o Seminário Nacional de Gestão de Portos, que ocorre no Marina Park. Vai falar sobre “Economia e Logística Portuária”.

Após acordo pró-Dilma, PMDB consegue liberar verbas

“No mesmo mês em que, num jantar em Brasília, fechou aliança para apoiar a candidatura presidencial da chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o PMDB foi o partido mais contemplado em relação às liberações de emendas feitas pelo Planalto.

Segundo dados do Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal), o PMDB teve em outubro R$ 35,8 milhões em emendas parlamentares empenhadas — quase três vezes o obtido pelo PT, que conseguiu empenhar R$ 13,6 milhões, e pelo PSB, que empenhou R$ 13,3 milhões.

O empenho é o compromisso assumido pelo governo de que haverá o pagamento dos recursos destinados a obras e projetos em seus estados.

Pelo levantamento da assessoria da liderança do DEM, em outubro o empenho das emendas atingiu o maior valor no ano: R$ 252,4 milhões.

Considerado baixo pelos parlamentares, diante de R$ 6 bilhões previstos no Orçamento, é maior do que os empenhos de setembro, R$ 97,8 milhões, e agosto, R$ 22,1 milhões. Em 2009, o total de empenho soma R$ 811,1 milhões.

Analisando proporcionalmente as bancadas partidárias, o PMDB mostra desempenho acima da média dos demais aliados, mesmo considerando que é a maior bancada.

Em outubro, o PR teve empenho de emendas individuais de R$ 4,5 milhões, o PCdoB, de R$ 4,2 milhões, o PDT, de R$ 4,0 milhões e o PP, de apenas R$ 2,4 milhões.

Os parlamentares de oposição conseguiram bons volumes de desempenho em outubro: o PSDB, R$ 9,5 milhões e o DEM, R$ 2,4 milhões. A oposição vê risco de a força do PMDB começar a incomodar outros partidos da base de Lula.

— O PMDB se impôs como peça fundamental na base do presidente Lula. Com o apoio do PMDB organizado, não existe mais CPI. Essas liberações mostram a consolidação do PMDB como principal força de sustentação do governo e da candidatura de Dilma — afirmou o presidente do DEM, Rodrigo Maia (RJ).

— O PMDB exerce cada vez mais poder. Isso provocará desequilíbrio e reação de outros partidos da base.

Para o líder do PT na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (SP), as liberações que favorecem o PMDB não seguem critérios políticos, mas técnicos. Ele explica que o critério utilizado pelo ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, é de empenhar emendas que estejam associadas com programas que estão em execução pelos ministérios:

— O PT não tem nada que reclamar.”

(O Globo)

Ceará participa do congresso nacional do PCdoB em São Paulo com 65 filiados

patinhass

Um grupo formado por 65 cearenses (65 é o número da legenda) participa em São Paulo do 12º Congresso Nacional do PCdoB. No total, cerca de 1.500 militantes devem passar pelo Anhembi, até domingo, quando termina a plenária final.

 A delegação cearense é comandado pelo presidente regional Carlos Augusto Diógenes, o Patrinhas, e o senador Inácio Arruda. O deputado estadual Lula Morais e o secretário estadual da Saúde, João Ananias, conferem o encontro que vai reeleger Renato Rabelo presidente.

Um dos principais momentos será o ato político, nesta sexta-feira, que contará com a presença do presidente Lula, além de ministros, parlamentares e figuras destacadas da política nacional. Além de sua programação tradicional, o Congresso terá show de Jorge Mautner, lançamento de livros e atividades culturais.

SERVIÇO

* Internautas poderão acompanhar suas atividades através do portal Vermelho (www.vermelho.org.br).

Ministro Alexandre Padilha é presença no Fórum de Governadores em Fortaleza

“O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, é um dos convidados do Fórum dos Governadores do Nordeste, que será aberto hoje, às 9 horas, no Centro Dragão do Mar. O encontro contará com a presença também de representantes do BID e Banco Mundial. Na pauta, segundo o governador Cid Gomes, a questão da partilha dos recursos do pré-sal e financiamentos externos para o Nordeste. Bom lembrar: Padilha virou, em Brasília, o santo do altar de todos os pedidos de verbas contingenciadas ou não liberadas por parte a União. ”

(Coluna Verticla, do O POVO)

Crítica Radical faz ato em Fortaleza em solidariedade a Cesare Battisti

O Movimento Crítical Radical vai realizar às 16 horas desta sexta-feira, na Praça do Ferreira, em Fortaleza, um ato em solidariedade ao preso político italiano Cesara Batisti. Segundo a ex-vereadora Rosa da Fonseca, que integra o movimento, o objetivo é sensibilizar a população e magistrados do Supremo Tribunal Federal que, dia 12 próximo, julgará pedido de extradição de Battisti.

“Nós somos contra a extradição de Battisti”, reitera Rosa da Fonseca, adiantando que a ex-prefeita de Fortaleza, Maria Luiza Fontenele, está em Brasília e já visitou o italiano, que faz greve de fome. Maria Luiza atruou como tstemunha de defesa de Battisti.

Rosa da Fonseca adiantou que uma caravana do Movimento Crítica Radical deve se deslocar para Brasília  fazer pressão.

Lula diz em Londres que Brasil vive uma “revolução silenciosa”

lularinhha

“O Brasil vive uma “revolução silenciosa” com a recuperação da autoestima da sociedade e está preparado para se tornar uma grande nação no século 21, afirmou nesta quinta-feira, em Londres, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A declaração foi feita durante um discurso a empresários e investidores no seminário “Investindo no Brasil”, organizado em parceria pelos jornais Financial Times, da Grã-Bretanha, e Valor Econômico, do Brasil.

“Estamos vivendo um momento quase mágico”, disse o presidente, após afirmar que o Brasil “cansou de ser o país do futuro” e não quer perder “nenhuma oportunidade” no século 21. “O século 21 é o século do Brasil”, afirmou Lula.

O presidente defendeu que os programas sociais do governo e os avanços econômicos do país estão promovendo no país um “milagre da transformação”, que ainda não estaria sendo medido pelos especialistas e pelos institutos de pesquisa.

Lula citou o caso de uma mulher que conheceu recentemente que tomou R$ 50 emprestados para fazer pastéis e vendê-los em uma obra do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) no ano passado e que hoje estaria servindo 400 refeições por dia na obra e já teria conseguido comprar um carro e uma moto.

“Ela me contou com orgulho que já tinha pago R$ 5 mil de imposto de renda”, disse o presidente. “É fantástico que uma pessoa que há um ano e meio não tinha nem R$ 50 já tem um carro, uma motocicleta, um restaurante e já está pagando imposto.”

(BBC)

Relator acolhe denuncia de lavagem de dinheiro contra tucano mineiro

“O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa acolheu também a denúncia de lavagem de dinheiro contra o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG). Ele é acusado de envolvimento em um suposto esquema de caixa dois durante sua campanha para reeleição ao governo de Minas Gerais, em 1998, que ficou conhecido como “mensalão mineiro”. Um pedido de vista, contudo, adiou a continuação do julgamento. 

Nesta quarta, o ministro Barbosa, que é relator da ação, já tinha aceitado denúncia referente ao crime de peculato (desvio de dinheiro público). “Considero haver indícios suficientes da prática do crime de lavagem de dinheiro e por isso recebo denúncia contra o acusado também contra o crime de lavagem de dinheiro.”

O ministro José Antonio Dias Toffoli, recém-empossado no STF, foi quem solicitou mais tempo para analisar o caso. Ele justificou sua decisão dizendo que precisava “aclarar” uma questão relativa a um dos documentos citados no parecer do relator. O documento foi alvo de um esclarecimento do advogado de Azeredo, logo após a leitura do voto de Joaquim Barbosa.

Os outros ministros ainda devem de manifestar sobre a denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da República, para saber se ela será ou não aceita. Em caso positivo, o Supremo abrirá uma ação penal contra o senador, que se tornaria réu. Se a denúncia for rejeitada, o inquérito será arquivado.

O advogado José Gerardo Rossi havia questionado a inclusão no relatório de um recibo de R$ 4,5 milhões para “compromissos diversos”, que teria sido assinado por seu cliente. Argumentou que a denúncia “não se utiliza desse princípio para fazer qualquer vinculação” de Azeredo com o caso. Disse ainda que o recibo é falso e que o senador solicitou abertura de inquérito na polícia de Minas Gerais para apurar a falsificação.

O relator contestou o posicionamento do advogado, dizendo que o recibo “consta dos autos e é mencionado na denúncia”. “Não faço juízo de valor, limito-me a mencionar o que consta dos autos. Estamos na fase de acolhimento de denúncia. Não significa que eu considere esses documento como autêntico”.

(Folha Online)

Noel 4×4 – Deputado protesta contra jipes comprados por R$ 4,5 milhões

pmtroller

O deputado estadual Adahil Barreto (PR) protestou, nesta quinta-feira, na Assembleia Legislativa, contra a compra de 40 jipes Tröller pelo Governo do Estado. Esses jipes, segundo a administração estadual, vão ser entregues à Polícia Militar para apoiar no trabalho de fiscalização das praias.

O que o parlamentar reclamou foi do preço. Cada um custando R$ 90 mil quando, na sua avaliação, o Governo Cid Gomes adota mais uma megalomania quando poderia adquirir buggys fabricados em Fortaleza e que custam, cada um, R$ 27 mil. A compra dos jipes ficou em R$ 4,5 milhões.

“Por que esses jipes caros, quando o buggy é ágil, tem amnutenção barata e muito a ver com nossas praias? O Governo Cid Gomes já comprou Hilyx, Corola, patinete ao preço de carro popular e agora investe em jipe caro. Isso é brincar com a cara e o dinheiro do contribuinte”, disse, em tom de revolta o parlamentar.

A licitação foi concluída em julho último e, segundo o secretário-executivo da Segurança Pública e Defesa Social do Estado, coronel Joel Brasil, os jipes serão entregues à Companhia de Policiamento Turístico (PMTur) e outra parte ficará com o Corpo de Bombeiros. A expectativa é de que os jipes comecem a oprar em dezembro, mês da alta estação turística.

* Leia mais no O POVO aqui.

VAMOS NÓS – A fábrica da Tröller, que fica em Horizonte (Região Metropolitana de Fortaleza),  com certeza não tem do que reclamar. Essa verba deu pra fazer o seu Natal antecipado. Depois de tempos de crise.

Ministro ainda não sabe o que fazer com reajustes abusivos na conta de luz

“O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, foi cauteloso hoje (5) ao falar sobre a possibilidade de devolução aos consumidores dos valores cobrados indevidamente nas tarifas energéticas dos últimos sete anos. De acordo com ele, o passado terá que ser estudado e o ministério não sabe ainda se haverá solução para o problema.

Lobão também procurou minimizar os valores que podem ser devolvidos à população, depois de sete anos de cobranças a mais nas contas de energia.

“Ao longo desses anos, hoje há um acúmulo de R$ 7 bilhões. Imagine examinar um mês de tarifa dessa diferença – se é que há – dividida por 63 milhões. Se houver repercussão na tarifa, será mínima, quase imperceptível”, afirmou o ministro, ao chegar para reunião com o presidente da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Nelson Hübner, e representantes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Tarifas de Energia Elétrica, da Câmara dos Deputados.

Segundo Edison Lobão, os representantes da Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee) não têm demonstrado resistência à correção das distorções.”

(Agência Brasil)

VAMOS NÓS – Dá pra dormir com um barulho desses? E de luz acesa?

Líder do PT na Câmara diz não saber nada de Mensalão

REFORMA/TRIBUTÁRIA

“O líder do governo na Câmara, deputado Henrique Fontana (PT-SP), afirmou nesta quinta-feira (5) que não tomou conhecimento sobre o repasse de valores para parlamentares em troca de votos antes de o escândalo do mensalão vir à tona. Ele disse que foi pela mídia que ouviu falar pela primeira vez sobre o mensalão. Fontana prestou depoimento nesta manhã à juíza Pollyana Kelly Martins Alves, da 12ª Vara Federal do Distrito Federal, na condição de testemunha de defesa do ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, réu na ação penal do mensalão que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF).

O mensalão foi classificado pelo Ministério Público Federal (MPF) como um esquema no qual parlamentares supostamente recebiam dinheiro em troca de apoio a projetos do governo no Congresso. O MPF foi o órgão responsável por denunciar o esquema – a denúncia foi aceita em agosto de 2007 pelo Supremo, que abriu uma ação penal para julgar o caso. Nas duas vezes em que foi questionado no depoimento se temou conhecimento do esquema, Henrique Fontana, que na época dos fatos era vice-líder do PT na Câmara, foi enfático: “Nenhum [conhecimento]”, garantiu.

Sobre os empréstimos tomados pelo PT junto ao Banco Rural e ao BMG, Fontana disse ter tomado conhecimento só “quando o assunto veio à mídia brasileira”. O deputado destacou que não conhecia a estrutura partidária do PT antes de o esquema do mensalão vir à tona, segundo ele, porque não exercia funções de gestão administrativa dentro do partido.

DELÚBIO
O parlamentar afirmou que conhece o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares somente devido à convivência partidária. “É uma pessoa que nunca tive uma convivência estreita”, observou. Fontana disse também que “nunca soube de nada que o desabone”.

O atual líder do governo afirmou ainda que não sabia quem era o empresário Marcos Valério, apontado como o operador do mensalão, antes de a imprensa divulgar o escândalo. “Só o conheci quando o assunto surgiu e ele foi à CPI [dos Correios prestar depoimento].”

(Folha Online)

Palco desaba com governador Requião

O governador Robrto Requião (PR), aquele que andou falando mal do movimento gay e dizendo que câncer de mama em homem poderia ser efeito de paradas gays, tomou susto nesta manhã de quinta-feira em Paiçandu, interior paranaense. O palco desabou com ele em cima. Requião saiu com luxações no pé esquerdo e a sua agenda foi cancelada.

* Terá sido praga do Movimento GLBTT?

PT do Ceará promove debate com candidatos à presidência nacional do partido

O Partido dos Trabalhadores no Ceará promoverá neste sábado, a partir das 18 horas, em sua sede em Fortaleza, um debate com os seis candidatos que concorrem à presidência do PT Nacional.

Participarão do debate os candidatos Marcos Sokol, Iriny Lopes, José Eduardo Cardoso, Geraldo Magela, José Eduardo Dutra e Serge Goulart.

O encontro contará com a participação dos filiados, parlamentares, secretários estaduais e municipais, prefeitos e vices-prefeitos do partido.

SERVIÇO

* Sede do PT – Avenida da Universidade, 2189, Benfica.

Defensor Geral da União cumpre agenda em Fortaleza

romulo

O defensor-público geral da União, José Rômulo Plácido Sales, desembarca nesta noite de quinta-feira em Fortalza. Aqui, ele cumprirá nesta sexta-feira, a partir das 9 horas, na sede da DPU (Rua Costa Barros, 1227) agenda com o pessoal do órgão.

O objetivo é conhecer as demandas do órgão no Estadoem sua primeira visita, pois tomou posse em agosto último, informa o defensor públcio federal Carlos Eduardo Paes, chefe em exercício do órgão no Estado.

José Rômulo também conferirá, nessa mesma reunião, uma homenagem ao deputado federal Mauro Benevides (PMDB). O parlamentar foi o relator do projeto de lei de reestruturação da Defensoria Púiblica no País. A lei complementar nº 132, já sancionada pelo presidente Lula no dai 7 de outubro, padroniza o trabalho do defensor público, amplia funções da DPU, fortalece a atuação dos defensores.

Sarney admite erro no caso Expedito Júnior

sarneyy

“O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), afirmou nesta quinta-feira que a Casa errou ao tentar protelar a cassação de mandato do senador Expedito Junior (PSDB-RO) e disse ter pedido para que o caso fosse analisado com pressa na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). “Eu acho que o Senado se submeteu a uma exposição sem necessidade. Falei ontem à noite com Demóstenes e pedi que ele pudesse apressar a decisão para evitar um maior desgaste para nossa Casa”, disse.

A demora no processo de retirada do mandato de Expedito se deu porque, apesar de o Supremo Tribunal Federal (STF) ter determinado sua cassação imediata ao Senado, a Casa preferiu remeter o parecer do Supremo à Mesa Diretora e o colegiado acabou preferindo remeter a questão à apreciação da CCJ.O presidente da comissão, senador Demóstenes Torres (DEM-GO), já explicou que qualquer que seja a avaliação da CCJ, prevalecerá a determinação do Supremo e Expedito perderá seu mandato.

Demóstenes, no entanto, explicou que, como a CCJ foi provocada a se manifestar, terá que ser apresentado um relatório na semana que vem.Desta forma, o pedido de pressa feito por Sarney deve ser inócuo, já que Demóstenes, que assumiu a relatoria do caso de Expedito, irá apresentar seu parecer somente na quarta-feira da semana que vem.

Mesmo assim, o presidente Sarney afirma que, diante do desgaste do Senado, ele pediu para que Demóstenes tentasse dar uma resposta ao questionamento feito pela Mesa ainda nesta semana.Enquanto isso, o segundo colocado nas eleições de Rondônia, Acir Gurgacz (PDT) segue reivindicando sua cadeira na Casa.”

(Com Agências)

Estatais patrocinam prêmio que Lula recebe em Londres

“A lista de empresas que patrocinaram ou apoiaram o prêmio que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebe hoje em Londres inclui três estatais (Petrobras, BB e BNDES), três empresas privadas brasileiras (Bradesco, Itaú e TAM) e várias companhias estrangeiras com interesses comerciais no país.

Lula recebe hoje o prestigiado prêmio Chatham House 2009, em Londres, por ser o “motor-chave da estabilidade e da integração na América Latina”. Oferecido pelo Royal Institute for International Affairs, o prêmio teve outros dois finalistas: o chanceler da Arábia Saudita, o príncipe Saud Al Faisal, e a presidente da Libéria, Ellen Johnson-Sirleaf. Lula ganhou em votação aberta realizada na instituição.

O site da Chatham House lista os patrocinadores. Além das estatais e das empresas privadas nacionais, aparecem a Royal Dutch Shell (patrocinadora principal), Anglo American, BG Group, Bloomberg, British American Tobacco, Chevron Ltda, Chivas Brothers, Eni S.p.A, GlaxoSmithKline, HSBC, Rolls-Royce, Santander e Telefonica. O site não informa o valor das cotas de patrocínio.

Procurada pela Folha, a assessoria do BNDES informou que nunca patrocinou o prêmio, mas que comprou uma mesa de oito a dez lugares para diretores que estão no Reino Unido acompanharem a homenagem. Não informou o preço.

O Banco do Brasil também informou que nunca patrocinou a Chatham House, mas que comprou uma mesa para dez diretores da instituição no valor de 16 mil libras (R$ 44 mil). A assessoria do banco estatal disse que não eram vendidos convites individualmente, só o pacote de dez lugares. O BB disse que fará uma reclamação ao Royal Institute for International Affairs por constar no site como patrocinador.

A Petrobras afirma que “participa do Prêmio Chatham House 2009 através de uma cota no evento”, mas não informou o valor despendido.”

(Folha Online)

Prefeito de Granja escapa mais uma vez da cassação

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral julgou, nessa noite de quarta-feira, o último processo contra a diplomação do prefeito de Granja, Esmerino Arruda (PSDB). Por 4 a 2, Esmerino ficou livre de questionamento.

Durante a sesão, houve embate oral entre o advogado de Esmerino Arruda, Reno Ximenes, e o procurador regional eleitoral Alessander Sales. Reno Ximenes, no debate, chegou a interromper o julgamento, alegando, numa questão de ordem, a amizade desde os bancos de faculdade entre o procurador e o principal interessado na cassação do prefeito de Granja, no caso Romeu Aldigueri, candidato derrotado.

Após esfriar o clima, veio a decisão favorável a Esmerino Arruda, acusado de abuso do poder econômico durante a campanha. Se para o bem de Granja ou não, só tempo dirá.

Atualização (16h51min) – EM CONTATO com este Blog, o procurador regional eleitoral Alessander Sales afirma que não existiu discussão com o advogado Reno Ximenes e que nunca se falou, em nenhum momento, sobre questão de amizade com Romeu Aldigueri.

PSol do Ceará pode apostar em uma mulher para o Governo

joalafre

O vereador João Alfredo (PSOL) reafirmou, nesta madrugada de quinta-feira, que o PSol terá candidato a governador em 2010. Ele afastou logo seru nome e o do atual presidente regional da legenda e incluiu uma novidade: a engenheira de pesca Soraya Tupinambá. Explicou que em 2010, o partido apostará em novas lideranças. 

João Alfredo deu essa declaração antes de embarcar para Brasília. De lá, segue para o município de Luziânia (GO) onde participará do Seminário Nacional de Avaliação e Continuidade da Luta no Combate a Violência Doméstica. O seminário prossegue até sexta-feira, na Chácara Vicente Canhas (CIMI).

João Alfredo foi convidado para participar do evento pelo Movimento das Mulheres Camponesas do Brasil (MMC). O vereador, na época em que era Deputado Federal,  contribuiu com  o movimento através da emenda parlamentar apoiando a realização de eventos ligados ao combate à violência doméstica.