Blog do Eliomar

Categorias para Política

Ministro Pedro Brito falará sobre Momento Econômico em Itapipoca

brito

O secretário especial dos Portos, ministro Pedro Brito, cumprirá agenda no Ceará na próxima segunda-feira. Atendendo a um convite da Editora Assaré, responsável pela publicação da revista NordesteVinteUm, ele dará palestra na Câmara Municipal de Itapipoca.

Pedro Brito falará ali, a partir das 10 horas, sobre o tema “Momento Econômico Nacional”, dando maiores detalhes sobre as ações que sua pasta empreende no que diz respeito à expansão do sistema portuário nacional.

DETALHE – O ministro Pedro Brito também é pré-candidato a deputado federal pelo PSB em 2010.

Pagamento de plano de saúde para empregado doméstico poderá ser deduzido do IR

“A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) examinará na terça-feira (27), a partir das 10 horas, uma pauta com 17 projetos, entre eles um que autoriza o patrão que pagar plano de saúde para seu empregado doméstico a deduzir este gasto da base de cálculo do seu Imposto de Renda. Trata-se de um projeto (PLS 194/09) do senador César Borges (PR-BA) e que já foi aprovado pela Comissão de Assuntos Sociais. A matéria tem voto favorável da relatora na CAE, senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN).

César Borges lembra que a classe dos empregados domésticos não conta com todos os direitos básicos concedidos aos outros trabalhadores, como FGTS obrigatório ou seguro-desemprego. A possibilidade da dedução do plano de saúde na declaração de renda anual do patrão poderá incentivá-lo a fazer tal pagamento. De acordo com o projeto, só poderá fazer a dedução empregador que assinar a carteira de trabalho do funcionário. Além disso, ele terá de anotar na carteira o pagamento do plano de saúde.

O projeto estabelece que só poderá haver dedução deste gasto com um empregado. O senador César Borges acredita que, além de beneficiar os domésticos, a medida ajudará a desafogar os hospitais públicos. A relatora, Rosalba Ciarlini, lembra que 6 milhões de pessoas fazem trabalho doméstico no Brasil, mas só 1,5 milhão têm carteira assinada. No país, cerca de 30 milhões de pessoas já pagam plano privado de saúde.”

(Agência Senado)

Governo compra mais 150 Hilux

“Mais 150 veículos Toyota Hilux foram comprados pelo Governo do Estado para a Segurança Pública. As viaturas serão destinadas exclusivamente ao Interior e são de um modelo diferente do Ronda do Quarteirão. De acordo com o Diário Oficial, o valor é de R$ 83.211,53 por cada unidade. O valor total do investimento é de R$ 12,4 milhões.

A primeira entrega de viaturas foi feita há 15 dias. O 1º Batalhão de Polícia Militar, sediado em Russas, recebeu 49 unidades. O secretário-executivo da Segurança Pública, coronel Joel Brasil, explica que serão repassados, ao todo, 126 veículos à Polícia Militar e 24 à Polícia Civil.

Brasil explicou ainda que a Secretaria da Segurança Pública (SSPDS) está providenciando o emplacamento e a instalação dos acessórios, como rádio de comunicação e rastreador GPS. O coronel assegura que, até o fim do ano, todas as unidades serão entregues.

O modelo de Hilux adotado no Ronda do Quarteirão é o SW4, sem caçamba. Já o modelo recém-adquirido é o SRV, com caçamba. Joel Brasil alega que este formato é mais apropriado para o Interior.

A PM possui batalhões em Russas, Juazeiro do Norte, Sobral, Canindé e Crateús. Brasil afirma que, em razão da distância entre os cinco quartéis e as companhias espalhadas pelos outros municípios, há a necessidade da caçamba. O motivo apontado é a necessidade frequente de transportar materiais em longos percursos.

A 5ª Seção do Estado Maior Geral (EMG) da PM informa que as viaturas restantes estão no Quartel do Comando Geral. Uma parte continua na concessionária da Toyota por falta de espaço no quartel. O Comando Geral explicou ainda que está fazendo um levantamento sobre a demanda de veículos nos batalhões do Interior antes de fazer uma nova entrega.

Xadrez
As novas viaturas não têm um xadrez específico, ao contrário do modelo do Ronda do Quarteirão. Joel Brasil, no entanto, diz que cada unidade tem uma grade de separação entre as duas cabines. Segundo ele, os presos devem ser transportados no banco traseiro. As portas do compartimento, conforme ainda o coronel, podem ser abertas somente pelo compartimento do motorista. “As portas são travadas. Só abrem pela frente“, reitera Brasil.

As viaturas destinadas à Polícia Civil, conforme ainda a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), serão entregues nas novas delegacias que o Governo do Estado está construindo. Cada unidade deve receber dois veículos. ”

(Jornal O POVO)

VAMOS NÓS – Daria para informar quantoas dessas já estão fora de circulação ou quantas estão em manutenção? Daria para informar como está esse gasto?

Separados no berço?

sherekheraclito

Essa maldadezinha aí em cima é uma sugestão do nosso leitor J.Gomes. Ele jura que Sherek e o senador HeráclitoFortes (DEM-PI) sãobem parecidos. Aliás, pela conjuntura política atual, Heraclito estaria vivendo em clima de pântano como o nosso personagem de animação.

Programa Estadual de Agrotóxicos será tema de audiência pública na Assembleia

A Assembleia Legislativa vai debater, durante audiência pública marcada para as 9 horas da próxima terça-feira, o Programa Estadual de Agrotóxicos e a Legislação Brasileira Pertinente à Política de Agrotóxicos. A audiência, uma solicitação das comissões de Seguridade Social e Saúde; de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Semiárido; de Agropecuária, Recursos Hídricos e Minerais, ocorrerá no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCe) de Limoeiro do Norte.

O debate atende ao requerimento do deputado Lula Morais (PCdoB). Segundo o parlamentar, no Brasil, um dos cinco maiores consumidores de agrotóxicos do mundo, encontram-se licenciados oito mil formulações de pesticidas. “O Programa Estadual de Agrotóxicos necessita de um debate mais apurado por não se constituir um enfoque simplista e poder alterar a saúde dos consumidores”, enfatiza Lula Morais.

Entre os convidados para o debate estão o prefeito de Limoeiro do Norte, João Dilmar da Silva; o presidente da Câmara Municipal de Limoeiro do Norte, Carlos Marcos de Sousa Nunes (PRB); e o presidente da Comissão do Meio Ambiente da OAB-Ceará.

(Site da AL-CE)

Serra – o queridinho dos parlamentares do DEM e do PPS

serra

“A maioria dos deputados dos dois principais partidos aliados do PSDB quer José Serra como candidato à Presidência da República. A conclusão é de uma pesquisa inédita realizada entre terça e quinta-feira passadas pela consultoria Arko Advice com 61 deputados (49 dos 56 deputados do DEM e doze dos treze parlamentares do PPS). Dos ouvidos, 57% acham que o candidato tem de ser Serra. Os que preferem Aécio Neves somam 32%. Serra é o preferido inclusive quando se olha somente o DEM (55%), apesar da forte campanha do presidente do partido, Rodrigo Maia, em favor de Aécio. ”

(Veja – Coluna Radar)

Caso Battisti – Julgamento será retomado no dia 4 de novembro

“O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, disse, nessa sexta-feira, em São Paulo, que o julgamento no STF do pedido de extradição do italiano Cesare Battisti, que deveria ser retomado no próximo dia 28, foi marcado por solicitação da defesa para o dia 4 de novembro.

“A ideia era termos a sequência do julgamento no próximo dia 28, mas recebi uma comunicação do advogado Luís Roberto Barroso [advogado de Battisti], dizendo que assumira com o governo da Polônia um compromisso para quatro palestras e que estaria fora nesse período. Temos um processo envolvendo um cidadão que está preso mas, se a própria defesa pede o adiamento, esse pleito deve ser atendido”, disse.

Battisti foi condenado à prisão perpétua em 1993, pela suposta autoria de quatro assassinatos entre 1977 e 1979, na Itália. Na época dos fatos, ele integrava a organização de esquerda Proletários Armados pelo Comunismo. Battisti está preso preventivamente no Brasil desde março de 2007.

Ele está na Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal. Em maio do mesmo ano, o governo italiano pediu a extradição, mas posteriormente, em 13 de janeiro deste ano, o ministro da Justiça, Tarso Genro, concedeu status de refugiado político ao italiano, sob a alegação de que Battisti não teve direito a ampla defesa no seu país de origem e de que um eventual retorno colocaria em risco a integridade física do escritor. A decisão de Tarso, que contrariou o entendimento do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), foi duramente criticada por autoridades italianas que definem Battisti como “terrorista”.

O placar momentâneo é de três votos pelo arquivamento do processo de extradição – dos ministros Eros Grau, Joaquim Barbosa e Cármen Lúcia – com consequente expedição de alvará de soltura para Battisti, e quatro pelo deferimento do pedido do governo italiano – do ministro Cezar Peluso, relator do processo, e dos ministros Ricardo Lewandowski, Ayres Britto e Ellen Gracie. Faltam votar apenas Marco Aurélio Mello e o presidente do STF, Gilmar Mendes.”

(Agência Brasil)

NO CEARÁ, o Movimento Crítica Radical liderado pela ex-prefeita de Fortaleza, Maria Luiza Fontenele – ela foi testemunha de defesa de Battisti, e a ex-vereadora Rosa da Fnseca, promete retomar o debate e a pressão política. Elas querem evitar a extradição daquele que consideram preso político.

Lúcio Alcântara cobra paternidade de mais um projeto de Cid Gomes

O ex-governador Lúcio Alcântara (PR) continua vigilante quanto às ações do Governo Cid Gomes. Em seu Blog, ele cobra a paternidade de outro projeto alardeado pela atual gestão: o Cidades do Cariri. Confira:

O Senado Federal autorizou o Governo do Ceará a contratar empréstimo com o Banco Mundial no valor de U$ 46 milhões, que se destina ao fortalecimento da estrutura urbana de cidades do Cariri.

O projeto foi gestado durante meu governo, no âmbito da Secretaria de Desenvolvimento Local e Regional (SDLR), e deixado em avançado estado de negociação com o Banco.

O atual Governo promoveu alterações que excluíram da proposta cidades do Vale do Jaguaribe.

Na essência, o projeto é o mesmo desenvolvido por nós.

Collor agora é imortal em Alagoas

“Senador por Alagoas, o ex-presidente da República Fernando Collor de Melo (PTB) tomou posse na noite desta sexta-feira (23) como o novo imortal da Academia Alagoana de Letras (AAL). Mesmo sem ter publicado nenhum livro, o ex-presidente foi eleito no último dia 2 de setembro, com 22 votos a favor e oito contra.
 
Contendo o choro em três momentos do discurso, Collor ressaltou que assume a vaga na Academia “honrado”, já que AAL abrigou durante anos o seu pai

Em uma cerimônia concorrida, Collor aproveitou para anunciar que o primeiro livro publicado de sua autoria trará a versão dele sobre o impeachment de 1992. “Todos me perguntam sobre o livro. Ele trará revelações, está pronto e será lançado num momento oportuno”, assegurou o senador, sem dar pistas sobre a data de lançamento.

Para concorrer à vaga na Academia, Collor apresentou sete obras, todas impressas por gráficas oficiais e que nunca foram vendidas em livrarias. A última delas foi uma publicação da gráfica do Senado intitulada “Relato para a História”, que traz na íntegra o discurso que fez no Senado em 2007 apresentando fatos sobre sua saída da Presidência.

Contendo o choro em três momentos do discurso, Collor ressaltou que assume a vaga na Academia “honrado”, já que AAL abrigou durante anos o seu pai, Arnon de Melo. “Aqui sinto-me bem, em casa, e porque não dizer, em família. Essa é uma homenagem a alguém que ao longo de sua vida sempre contribuiu com as discussões de políticas sociais”, disse o senador.

Na saída, indagado pelo UOL Notícias sobre a sugestão do colega imortal da AAL, Lêdo Ivo, para que tente uma vaga na Academia Brasileira de Letras (ABL), Collor sorriu. “Devagar com o andor”, disse. Lêdo Ivo é também imortal da ABL.”

(Folha Online)

TCU nunca extrapola suas funções, garante Ubiratan Aguiar

“Sem querer polemizar às críticas que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e integrantes do governo têm feito à atuação dos órgãos de fiscalização, o presidente do TCU (Tribunal de Contas da União), Ubiratan Aguiar, afirmou, por meio de assessores, que o tribunal “nunca extrapola” suas funções.

Aguiar afirmou que o tribunal não vai rebater as acusações de que é responsável por prejuízos ao crescimento ao país porque os motivos que levam a recomendação de paralisar obras do governo estão claros no relatório de fiscalização.

“O que o TCU tinha para falar sobre essa questão está no relatório de fiscalização de obras. É normal o jurisdicionado reclamar do controle. Agora, o TCU na medida do possível sempre dá o direito à ampla defesa e na medida do possível aceita as explicações apresentadas”, disse.”

* Da Folha Online, Leia mais.

Ciro entre os 10 mais influentes do Congresso

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) divulgou, nesta sexta-feira, o resultado final do tradicional levantamento sobre os políticos mais influentes do Congresso Nacional. O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB) ficou em primeiro lugar, com 51 votos. A opinião é dos próprios deputados e senadores.

Da lista dos “100 Cabeças do Congresso” do instituto, 75 votaram na segunda fase da pesquisa que apontou os 10 mais influentes. No rastro de Temer, aparecem, na ordem, Henrique Fontana (PT), Cândido Vacarezza (PT), Ronaldo Caiado (DEM), Henrique Alves (PMDB), José Sarney (PMDB), Romero Jucá (PMDB), Aloizio Mercadante (PT), e Arthur Virgílio (PSDB).

O Ceará teve um parlamentar entre os 10 mais influentes: o deputado federal Ciro Gomes, que apareceu em nono lugar. Por sinal, Ciro é o presidenciável do PSB e também consta da lista dos mais faltosos.

Lula volta a criticar TCU e defende mudanças em órgãos de fiscalização

“Ao trocar o comando da AGU (Advocacia Geral da União) nesta sexta-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a criticar o TCU (Tribunal de Contas da União) pela paralisação de obras do governo, defendendo mudanças nos órgãos de fiscalização e punição para quem paralisar obras sem justificativas.

O presidente também aproveitou para rebater indiretamente às críticas sobre suas viagens feitas pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Gilmar Mendes –que estava na plateia– e disse ainda que não existem marajás no serviço público.

Lula defendeu uma discussão em torno de mudanças nos órgãos de fiscalização e disse que prepara um relatório para mostrar “absurdos” dos órgãos de fiscalização.

“Eu estou preparando um relatório das coisas consideradas absurdas para que vocês tenham noção do que nós estamos fazendo. As coisas mais absurdas, obras paralisadas durante dez meses, cinco meses, um ano e depois essas obras são autorizadas sem que as pessoas que as paralisaram tenham qualquer indício de punição. Quem faz está subordinado a todas as leis e quem dá ordem para parar não está a nenhuma”, disse.”

(Folha Online)

Ameaçado de perder mandato, Roberto Cláudio manda nota para o Blog

robetocl

O deputado estadual Roberto Cláudio mandou nota para este Blog, nesta sexta-feira, acerca da decisão da cúpula do PHS do Ceará de requerer, junto ao TRE, seu mandato de volta, conforme confirmou em post o vice-prefeito de Fortaleza, Tin Gomes. Cláudio, em setembro último, trocou o PHS pelo PSB. Confira:

“Lamento a decisão, mas recebo essa deliberação do PHS de maneir amuito tranquila, porque os motibvos me levaram a deixar a legenda são previstos na legislação eleitoral. Em outras palavras, há fundamentação legal.

A miha decisão de deixar o PHS foi bastante amadurecida e se deveu a importantes diferenças de ordem ideológica e programática”.

Roberto Cláudio,

Deputado estadual.

Heráclito Fortes dá entrevista no Piauí e chama Suplicy de “corno”

neila

“O diretório regional do PT no Piauí divulgou nota de repúdio contra declarações do senador Heráclito Fortes (DEM-PI), que teria se referido a Suplicy com “impropérios” como “corno” e “idiota”. No último dia 16, Heráclito teria ofendido o colega de Senado no programa “Agora”, da TV Meio Norte, da capital Teresina.

“O PT do Piauí entende que é lamentável a postura do senador Heráclito Fortes, que faltou com o devido respeito a seu colega de parlamento, injuriou um dos políticos mais influentes da nação e envergonhou o povo piauiense com um comportamento tão mesquinho e deplorável”, diz trecho da nota, assinada pelo presidente do PT piauiense, o deputado estadual Fábio Novo.

No programa, Heráclito reclamou do fato de Suplicy ter garantido existir um voo de ida e volta de Petrolina (PE) para o Aeroporto Internacional São Raimundo Nonato, no sudoeste do Piauí, no que seria uma referência elogiosa ao governo do petista Wellington Dias. O trecho de fato não existe.

Para Heráclito, tal afirmação e o fato de Suplicy ter se submetido a uma brincadeira do humorístico Pânico na TV, na qual usou uma sunga vermelha em pleno Senado, mostram que ele teria se “idiotizado po completo”. Quando o programa da TV piauiense abriu a entrevista para a participação dos telespectadores, Heráclito teria se irritado com uma mulher que queria saber se as críticas contra o senador petista não seriam inveja.”

(Congresso em Foco)

Para Lula, imprensa não deve fiscalizar e sim informar

“A oposição e a Associação Nacional de Jornais (ANJ) criticaram ontem as declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o papel da imprensa. Em entrevista à “Folha de S.Paulo”, Lula afirmou que o papel da imprensa não é o de fiscalizar, e sim de informar.

— Não acho que o papel da imprensa é fiscalizar. É informar. Para ser fiscal, tem o Tribunal de Contas da União, a Corregedoria Geral da República, tem um monte de coisas. A imprensa tem de ser o grande órgão informador da opinião pública. Essa informação pode ser de elogios, de denúncias sobre o governo, de outros assuntos. A única coisa que peço a Deus é que a imprensa informe, da maneira mais isenta possível, e as posições políticas sejam colocadas nos editoriais — disse Lula, na entrevista.

Para o líder do PSDB na Câmara, José Aníbal (SP), Lula não quer ser criticado.

— É uma coisa lamentável. Não há mais o que se possa imaginar de licenciosidade, de transgressão (do presidente). Ele vê a imprensa como uma assessoria do governo, uma página em branco completada com o que ele acha que deve ser discutido? Nem a ditadura teve esse pressuposto, tanto que havia censura. O presidente quer institucionalizar a censura. Ele não quer a crítica, e transformou o Estado numa “cosa nostra” — atacou o tucano.

Também para o DEM, o presidente Lula não reage bem a críticas e confunde o papel da imprensa. O presidente do DEM, deputado Rodrigo Maia (RJ), disse ainda considerar grave o fato de Lula apoiar governos na América Latina que têm perseguido a imprensa, numa referência ao venezuelano Hugo Chávez.

— Depois do mensalão, o presidente perdeu todos os limites. Ele continua dando apoio a todos os países que restringiram a liberdade de imprensa. É grave — disse Rodrigo Maia.

— A democracia de Lula é a da boca fechada — acrescentou o líder do DEM no Senado, José Agripino Maia (RN).

O deputado federal Miro Teixeira (PDT-RJ), da base aliada, fez ponderações. Autor da ação junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) que resultou no fim da Lei de Imprensa, o deputado disse acreditar que o presidente teve um problema na linguagem utilizada, ressaltando que, ao mesmo tempo em que diz que a imprensa não deve fiscalizar, afirma que a imprensa pode denunciar.

— Normalmente, o político gosta de propaganda e não de notícia. O presidente admite que a imprensa deve denunciar e, consequentemente, digo eu, fiscalizar. Portanto, há uma contradição na declaração dele, que atribuo à linguagem corrente que ele usou. É indiscutível que o Estado possui órgãos de fiscalização. A imprensa constitui um órgão de fiscalização, não estatal, pelo lado do cidadão — disse o deputado.

Miro Teixeira lembrou ainda que várias denúncias veiculadas pela imprensa se transformam em processos judiciais formais:

— A maioria dos casos rumorosos convertidos em processos judiciais surgiu pela fiscalização da imprensa. No dizer de Rui Barbosa, a imprensa é o olhar do cidadão — disse ele.”

(O Globo)

Senado fará sessão em homenagem ao centenário do Dnocs

inacioarruda

O Senado realizará, na próxima quarta-feira, sessão solene para comemorar os 100 anos de criação do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS. A iniciativa é do senador Inácio Arruda (PCdoB), apoiado por outros senadores.

Foram convidados para o ato lideranças políticas, empresariais e de instituições públicas. O ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira, e o diretor-geral do DNOCS, Elias Fernandes Neto, já confirmaram participação.

A programação conta com uma exposição sobre a trajetória da autarquia e o lançamento do selo comemorativo do centenário pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos.

O DNOCS é a mais antiga instituição federal com atuação no Nordeste. Criado sob o nome de Inspetoria de Obras Contra as Secas (IOCS), em 1909, foi o primeiro órgão a estudar a problemática do semi-árido nordestino.

TV Cidade entrevista José Serra

A jornalista Patrícia Calderón, da TV Cidade de Fortaleza, prepara uma série especial sobre violência. Ela esteve, nesta semana, entrevistando em São Paulo o governador José Serra (PSDB), que é presidenciável pelo PSDB. Quis saber dele o que vem fazendo para diminuir a criminalidade. Serra deu entrevista de 40 minutos para a repórter.

O material está em fase de edição e deve ir ao ar na próxima semana. Patrícia já programou entrevista com Ciro Gomes, presidenciável do PSB.

* Do Blog TV Cidade

Aécio mantém viagens, mas desiste de licença

“O governador de Minas Gerais e pré-candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, não vai mais se licenciar do cargo para viajar em busca de apoios pelos estados.

Em entrevista ontem no Palácio da Liberdade — durante lançamento de campanha para valorização da pessoa idosa, que teve a participação do cantor Zezé di Camargo e do jogador do Corinthians Ronaldo —, disse que não cogita mais a ideia, mas deve cumprir agenda conjunta de viagens ao lado do governador de São Paulo, José Serra, que disputa com ele a vaga de candidato em 2010.

O objetivo é dar uma demonstração de unidade entre os dois presidenciáveis, depois que o mineiro pressionou a cúpula tucana para escolher logo quem concorrerá com a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), e expôs suas divergências com Serra.

A proposta partiu do grupo de Aécio, que considera positivo o desempenho do mineiro em encontros regionais com Serra.”

(O Globo)

PEC de isenção de tributos para obras musicais ganha lobby das paradas

fagnerr3

Fagner entre José Airton (PT) e José Arnon (PTB).

A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 98/2007, que institui imunidade tributária sobre os fonogramas e videofonogramas musicais produzidos no Brasil, começou a tramitar na Câmara dos Deputados nesta semana e conta com lobby da pesada formado por artistas de peso como Marina Lina e Fagner.

Essa PEC assegura ainda o benefício para obras musicais ou líteromusicais de autores brasileiros ou obras em geral interpretadas por artistas brasileiros, bem como os suportes materiais ou arquivos digitais que os contenham. Nesta semana, o cantor Fagner fez corpo a corpo e acabou posando ao lado de parlamentares que se diziam seu fã. Fagner está otimita quanto a  aprovação da matéria.

Vice-prefeito confirma: o PHS quer mandato de Roberto Cláudio de volta

tin

O PHS vai mesmo reivindicar na Justiça o mandato do deputado estadual Roberto Cláudio que trocou o partido pelo PSB do governador Cid Gomes de quem é o vice-líder na Assembleia. Confirmou, nesta madrugada de sexta-feira, o vice-prefeito de Fortaleza, Tin Gomes, antes de seguir para encontro partidário no Recife.

O vice-prefeito disse que “é muito chato fazer isso”, afirmando que “ninguém aqui queria” que o parlamentar perdesse o mandato, ms que a decisão é da maioria. O presidente do PHS no Estado, deputado Francisco Caminha, reconheceu que, se dependesse de sua vontade, a vaga de Roberto Cláudio na. O pedido de decretação de perda de mandato deve ser protocolado nesta sexta-feira, no Tribunal Regional Eleitoral. Quem poderá assumir a vaga é o 1º suplente e ex-prefeito de Cascavel, Paulo César Sarquis.