Blog do Eliomar

Categorias para Política

Na Espanha, novo primeiro-ministro jura com mão sobre a Constituição e não sobre a Bíblia. Aprova?

493 2

Com o título “Um exemplo a ser seguido”, eis artigo de Plínio Bortolotti, jornalista do O POVO, que pode ser acessado também no jornal O POVO e no seu Blog no O POVO Online. Ele comenta o caso do novo primeiro-ministro espanhol que jurou com a mão posta sobre a Constituição e não sobre a Bíblia. Confira:

O novo primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) rompeu com uma tradição mantida desde a redemocratização do país (1975), ao fazer seu juramento como chefe do Executivo. Ele dispensou a Bíblia e o crucifixo e jurou com a mão posta sobre a Constituição espanhola: “Prometo por minha consciência e honra cumprir fielmente as obrigações do cargo de presidente do governo com lealdade ao rei e guardar a Constituição como norma fundamental do Estado”. Embora não seja obrigatório, nenhum outro primeiro-ministro dispensara os símbolos religiosos na cerimônia de posse.

Sendo a Espanha um dos dez países mais católicos do mundo, talvez seja esta mais uma vantagem do parlamentarismo: a possibilidade de reduzir a influência da religião na ocupação de cargos políticos. Será que os espanhóis elegeriam um presidente incréu, mesmo que fosse o mais preparado para governar?

Declarando-se ateu, em um país em que a nota na disciplina de Religião conta para a média final, Sánchez é contra o ensino religioso nas escolas, afirmando haver incompatibilidade da disciplina com um país laico. Mas, por aqui, o caso passou meio despercebido. Nem mesmo os fanáticos religiosos condenaram o gesto de Sánchez.

A Constituição brasileira invoca o Criador em seu preâmbulo, onde consta ter sido a Carta promulgada “sob a proteção de Deus”. No Brasil, 92% da população acredita em alguma divindade (IBGE 2010), com um percentual de 8% de “sem religião”. Parece pouco, mas somam mais de 15 milhões de brasileiros. Se esse grupo fosse considerado uma religião, seria a terceira maior do País, atrás de católicos e evangélicos.

No Brasil são comuns feriados católicos e a presença de símbolos religiosos – cristãos, nunca de outras confissões – distribuídos em prédios públicos, incluindo recintos que representam os três poderes da República: Executivo, Legislativo e Judiciário.

Sendo um País laico, o melhor seria evitar a imposição de símbolos religiosos nas repartições do Estado, pois a República representa a todos os brasileiros e não apenas os crentes.

*Plínio Bortolotti

plinio.pab@gmail.com

Jornalista do O POVO.

Zoológico de Fortaleza tem como vizinho um esgoto a céu aberto

420 1

Quem vai resolver essa porcaria que se verifica no cruzamento da rua Menor Jerônimo com a Avenida da Saúde, no bairro Passaré? Esta água fétida resiste há semanas, prejudicando moradores e expondo a falta de zero, por parte dos órgãos públicos, no quesito saúde.

Moradores da área como Lúcio Batalha, dizem que já reclamaram para a Cagece, que informou não ser da sua competência o problema. A Agefis, a agência de fiscalização da Prefeitura de Fortaleza, também foi comunicado sobre o caso e nada de solução até agora.

Vale o detalhe: a fedentina fica a alguns metros do Zoológico Sargento Prata que, após reformado, virou uma das atrações da cidade.

Pré-Sal – ANP diz que leilão garante arrecadação extra de R$ 40 bi nos próximos anos

O diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, afirmou hoje (7) que o ágio obtido na 4ª Rodada de Partilha do Pré-Sal permitirá uma arrecadação R$ 40 bilhões maior que a prevista para os próximos anos. O leilão contratou três das quatro áreas ofertadas com um ágio de 202,3%. No caso do leilão de partilha, o ágio se dá sobre a oferta mínima de excedente em óleo à União. De acordo com Décio, a arrecadação adicional se dará ao longo dos anos em que os contratos vigorarem.

O diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, anuncia consulta pública para debater periodicidade do repasse dos reajustes de preço dos combustíveis. “Foi mais um leilão extremamente exitoso, em que a gente conseguiu atrair competitividade, fazendo com que a arrecadação aumente. Nossa estimativa é de que as receitas esperadas pela União, estados e municípios cresçam em R$ 40 bilhões. É muito mais do que o bônus de assinatura apresentado hoje. Isso é fruto do ágio que tivemos nas ofertas, mostrando o potencial que o pré-sal tem”.

Décio destacou que, pela primeira vez, a Petrobras teve que exercer seu direito de preferência para se manter nos blocos que a interessavam, o que, avaliou, é mais uma prova da competição gerada pela atratividade dos blocos.

Segundo a ANP, com o excedente em óleo de 75% no bloco de Uirapuru, o Estado Brasileiro deve arrecadar 90% da receita líquida do projeto. “É algo que não se vê nem no Oriente Médio. Isso significa que extraídos os investimentos e os custos das companhias, da receita líquida dos projetos, 90% ficará com a sociedade brasileira”. Além do ágio de 202%, o leilão rendeu R$ 3,15 bilhões em bônus de assinatura e contratou investimentos previstos que somam R$ 738 bilhões.

(Agência Brasil)

Ex-comandante da PM do Rio diz que intervenção na segurança carioca é um fracasso

736 1

O ex-comandante da Polícia Militar do Rio de Janeiro, coronel Ibis Pereira, afirmou, nesta quinta-feira, para a reportagem do Blog que a intervenção na segurança pública no Rio virou um fracasso.

Para ele, a medida não passou de puro marketing político, pois a questão da segurança é bem mais complexa e exige um debate amplo envolvendo todos os segmentos que atuam nessa área.

Ibis Pereira é advogado, filósofo e doutorando em História Política e deu palestra no Seminário Internacional sobre Segurança Pública que a Assembleia Legislativa promove até esta sexta-feira, no auditório do seu prédio-anexo.

Número de homicídios registra queda em maio no Ceará

André Costa é o titular da SSPDS.

O número de homicídios registrados no Ceará caiu pela segunda vez consecutiva. Foram 121 crimes letais em maio deste ano, em Fortaleza, em relação a 190 em maio de 2017. O número representa queda de 36,3%. As informações foram divulgadas, nesta manhã de quinta-feira, pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Na Região Metropolitana e no Interior Sul também houve queda, de 23,8% e 34,5%, respectivamente. A única região onde houve aumento de homicídios foi no Interior Norte (40,3%). Ao todo, o Estado registrou 372 homicídios em maio último, em relação a 471 em maio de 2017 – queda de 21%.

A SSPDS atribui a ocupação policial em 10 áras de Fortaleza, que concentravam o maior número de homicídios, como motivação para a queda nos números.

No acumulado de janeiro a maio, por outro lado, o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) aumentou 9,4%. Foram 1.996 homicídios nos primeiros cinco meses do ano, 171 crimes a mais que no mesmo período do ano passado.

Casos de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP), que inclui roubos de documentos e outros artigos, foram reduzidos em todas as regiõesdo Ceará. Foram 5.083 casos em maio último, segundo a SSPDS. No mesmo mês de 2017, o número chegou a 6.402 (queda de 20,6%). Os roubos a cargas, casas e veículos também caíram nas regiões (22,8%). Também houve registro de queda de furtos em maio último em relação a maio de 2017 (19,2%).

(O POVO Online – Repórter Igor Cavalcante)

Uma reflexão sobre uma candidatura de Lula, que completa dois meses de prisão

Com o título “Inelegível, preso e candidato?”, eis artigo de Rodrigo Martiniano Ayres Lins, professor da UniFanor/Wyden e especialista em Direito Eleitoral. Ele aborda o caminho a ser percorrido pelo PT no seu objetivo de sedimentar uma candidatura presidencial de Lula. Confira:

A presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Gleisi Hoffman, tem defendido a candidatura de Lula. Mas como, se ele está inelegível e preso? A resposta inicial nos parece simples: a Lei das Eleições autoriza ao candidato cujo registro estiver sob discussão efetuar todos os atos de campanha durante o tempo em que estiver sob essa condição, ou seja, até o julgamento em definitivo pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A Lei da “Ficha Limpa” ainda permite a suspensão liminar da inelegibilidade, caso seja plausível a reforma da condenação criminal pelo Tribunal competente, o que viabilizaria o próprio deferimento do registro de candidatura de Lula. Segundo vários criminalistas, ideologicamente vinculados à esquerda ou não, essa chance é real.

O elemento mais desafiador neste caso é o fato de Lula estar preso. Sendo o direito ao exercício da cidadania fundamental, além de presumida a “não culpabilidade”, seria possível lhe ser deferida uma liberdade provisória, ainda que condicionada, para praticar atos de campanha? Somem-se a esses argumentos o fato de Lula ter hígidos os seus Direitos Políticos, uma vez que a sua suspensão só pode ocorrer com o efetivo trânsito em julgado de condenação criminal, à luz do que determina o Art. 15, III, da Constituição Federal de 1988.

A resposta, parece-nos, pode ser afirmativa.

Se o registro de Lula vier a ser indeferido, compete ao partido substituí-lo por outro candidato ou simplesmente desistir da disputa. Mas ao PT ainda resta uma alternativa mais arrojada: lançar candidato diverso à Presidência, a ser substituído por Lula no dia 17.09, data esta prevista no calendário oficial das eleições. Nessa hipótese, o TSE não teria tempo suficiente para analisar o pedido de registro de candidatura do ex-presidente antes da carga da urna eletrônica e, quiçá, da própria eleição, salvo se vier a fazê-lo de forma liminar, o que contrariaria toda a jurisprudência construída até então.

Em sendo Lula eleito, haveria tempo hábil e meios de impedir sua diplomação e posse no cargo de Presidente da República? Como ficaria o cenário político brasileiro? A essas perguntas não ouso proferir resposta.

*Rodrigo Martiniano Ayres Lins

r.martiniano@gmail.com

Professor da UniFanor/Wyden e especialista em Direito Eleitoral.

BNB lança linha de crédito para aquisição de peças e manutenção de máquinas agrícolas

Produtores rurais de todo o Nordeste e do Norte dos estados do Espírito Santo e de Minas Gerais podem agora financiar aquisição de peças e manutenção de máquinas e veículos agrícolas com taxas de juros subsidiadas. A informação é da assessoria de imprensa do banco, adiantando que as contratações contarão com recursos do principal funding do BNB, o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), o que permite negociação com taxas de juros subsidiadas. Os encargos podem variar de 5,65% a 7,65%, com carência de um ano e prazos de até dois anos para pagamento.

O BNB também está lançando nova plataforma de atendimento digital voltada para o setor, que incentiva a incorporação de tecnologias e inovações na área rural. Com foco em ganhos de produtividade, desburocratização de processos e eficiência de custos, o BNB Agro Inovação poderá financiar modelos de agricultura de precisão, serviços de tecnologia da informação e comunicação, máquinas autônomas e até veículos aéreos não tripulados.

Projeto garante que servidor demitido administrativamente pode concorrer nos pleitos eleitorais

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara aprovou o projeto de lei nº 81/2015), do deputado federal Cabo Sabino (Avante), que garante aos servidores públicos demitidos administrativamente o direito de concorrerem aos pleitos eleitorais. “Vocês estão diante de um caso. Quando cheguei nesta casa [Câmara Federal], eu tinha sido demitido, depois de 21 anos de Polícia Militar, pelo fato de ter participado de uma reunião a convite de uma outra associação”, relatou o deputado na CCJ, durante a votação da matéria. Reeeriu-se à greve da PM no período do governo Cid Gomes.

Cabo Sabino acrescentou ainda, que só está no mandato hoje, em função de que, três dias antes do pleito, conseguiu uma liminar de integração. “A lei da ficha limpa, além de tudo, ela tem em sua essência, que não pode participar de um pleito eleitoral aqueles que metem a mão em dinheiro público, que se envolvem em corrupção, mas o servidor público, pelo fato de ele ter sido demito administrativamente, isso uma injustiça”, defendeu.

“Agora, só poderá ser considero inelegível, se for por crime de improbidade administrativa e outros crimes que ferem ao erário público”, adiantou o parlamentar.

A matéria segue agora, para o plenário da Casa.

(Com Agência Câmara)

Em Pernambuco, o PSB quer apoiar Lula

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, deu quase tudo o que a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, pediu. Ele se comprometeu, durante reunião em Brasília, em levar o PSB pernambucano para o palanque virtual de Lula.

Gleisi queria mais. Ela pleiteia uma coligação nacional com o PSB, algo que Câmara não tem como prometer. Ele disse à petista, porém, que ajudará o PT a conquistar outros diretórios do PSB em estados do Norte e Nordeste.

Paulo Câmara, por sua vez, fez apenas uma exigência: a retirada do nome de Marília Arraes da disputa pelo governo de Pernambuco, deixando o caminho mais livre para a reeleição de Câmara. Gleisi topou – tudo isso, com o aval de quem manda: Lula, obviamente.

VAMOS NÓS – O PSB do Ceará, segundo o presidente regional Odorico Monteiro, quer apoiar Lula e trabalha por uma costura nacional nesse sentido.

PDT de Ciro quer jogar a reeleição de Eunício no colo de Camilo

585 1

Da Coluna Política, no O POVO desta quinta-feira, assinada pelo jornalista Henrique Araújo, eis o tópico “Fora, MDB”:

Falando no MDB de Michel Temer, o pré-candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) tornou a desancar o partido, a quem chamou de “quadrilheiros”. Foi durante sabatina promovida ontem pelo jornal Correio Braziliense. “Ladrão do PMDB vai me fazer oposição”, disse o pedetista. E Eunício?, quiseram saber. Ciro desconversou e pediu a próxima pergunta.

Noves fora a declaração de Cid Gomes a Eliomar de Lima segundo a qual o PDT vai com um candidato ao Senado, fato é que a estratégia do grupo está clara: jogar o presidente do Senado no colo do governador Camilo Santana (PT). Quem pariu Mateus que o embale.

Ciro também ligou a artilharia contra o candidato do PSL Jair Bolsonaro, que lidera todas as pesquisas feitas por enquanto. O ex-ministro chamou o ex-capitão do Exército de “boçal” e “tresloucado”.

(Foto – Divulgação)

Dono da CSN é cotado para vice de Ciro Gomes

928 5

O empresário Benjamin Steinbruch enviou uma carta à Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) na noite de quarta-feira (6) comunicando seu afastamento temporário da função de vice-presidente da entidade. Com o ato, cumpriu a regra legal que exige a desincompatibilização de funções para disputar a eleição. A informação é da Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quinta-feira.

O dono da CSN é cotado para ser candidato a vice na chapa de Ciro Gomes (PDT) ao Planalto. O pedetista já disse que o empresário, filiado ao PP, “responde perfeitamente” ao perfil que busca para ingressar na disputa.

Na carta, Steinbruch fez questão de enviar uma indireta que não passou despercebida pela cúpula da Fiesp. Ele ressalta duas vezes no texto que está se afastando do posto de “primeiro vice-presidente eleito”.

O presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), é amigo pessoal de Ciro Gomes e de Steinbruch. Ele é o grande entusiasta de um acordo com o pedetista.

(Foto Greg Salibian, da Folhapresss)

“Lula não considera a possibilidade de fazer qualquer acordo com Ciro”, diz Frei Beto

352 1

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) descarta qualquer acordo com Ciro Gomes (PDT), pré-candidato à Presidência da República. A informação é do escritor frei Betto, que fez uma visita espiritual ao petista na última segunda-feira, 4, na carceragem da Polícia Federal em Curitiba. De acordo com o religioso, Lula falou isso “descontraidamente, sem rancor”.

“Foi uma conversa de uma hora e 15 minutos, em tom amigável. Ele (Lula) reiterou que é candidato e tem sozinho, nas pesquisas, mais do que a soma dos votos de todos os demais concorrentes, e que não considera a possibilidade de qualquer acordo com Ciro Gomes”, afirmou Betto ao O POVO.

Segundo ele, o ex-presidente não deixou claro se isso também se estendia a um eventual segundo turno. O escritor contou ainda que o petista “disse isso descontraidamente, sem rancor; ao contrário, ele estava muito bem humorado nesta segunda”.

Pedetistas cearenses minimizaram a afirmação de Betto. Foi o caso do deputado federal André Figueiredo, presidente estadual da legenda.

“Sabemos que o PT vai lançar a candidatura do Lula, já não é surpresa. Mas nós temos certeza que o PT estará conosco no segundo turno”, afirmou. A “certeza” vem das constantes reuniões entre os partidos de esquerda, que decidiram ficar juntos no segundo turno para conseguir a vitória das eleições.

Figueiredo descarta qualquer embate entre Lula e Ciro, que poderia ter motivado a fala. “O Ciro sempre teve excelente relacionamento com o Lula”, disse. O deputado federal Leônidas Cristino reiterou a esperança de união no 2° turno.

Ciro foi o único candidato da esquerda que não participou dos atos de apoio a Lula em maio, quando ele foi preso. Questionado, o pedetista chegou a afirmar que não é e nunca será “puxadinho do PT”. Embora já tenha criticado o processo contra Lula, Ciro também costuma fazer críticas aos governos petistas em suas palestras.

O deputado federal Carlos Zarattini (PT-SP), vice-líder do partido na Câmara, atribuiu a declaração de Lula às atitudes de Ciro. “Ele é que permanentemente nos ataca, isso atrapalha muito uma aliança. A gente queria a unidade da esquerda, mas ele utiliza muito o ataque”.

Apesar disso, o parlamentar não descarta totalmente um acordo. Para ele, o diálogo deve permanecer aberto, não só no segundo mas também no primeiro turno. “Existem mil hipóteses, mas a candidatura do Lula é certa”, afirmou.

No Ceará

Petistas cearenses evitaram comentar o assunto. Foi o caso do presidente municipal da sigla, Acrísio Sena, da deputada federal Luzianne Lins e do senador José Pimentel. Ciro Gomes também preferiu não falar sobre o assunto.

(O POVO – Repórter Letícia Alves)

Governo mantém projeção do salário mínimo em R$ 1.002

O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Esteves Colnago, afirmou, nessa quarta-feira, que o Governo mantém a projeção para o salário mínimo em 2019 no valor de R$ 1.002, diferentemente da estimativa de redução apontada em nota técnica da Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso. Segundo a nota, que subsidia os trabalhos da CMO, houve redução na projeção de inflação para o ano, de 3,8% para 3,5%, o que rebaixaria o mínimo do ano que vem para R$ 998.

“A grade de parâmetros oficial é aquela que foi feita em 15 de março. Nós iremos rever mais na frente ou mais no fim do ano. Nossas projeções podem mudar ao longo do ano, mas o Governo não está revendo nada”, afirmou.

Por lei, o reajuste do salário mínimo é feito com base na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) acumulada em 12 meses, acrescida da variação real do PIB. Assim, o salário mínimo de 2019 deve ser corrigido pelo INPC de 2018 e terá aumento real equivalente à taxa de crescimento do PIB em 2017, que foi de 1%.

(Com Agências)

Salmito confirma concurso público para este ano

Da Coluna Eliomar de Lima, no O POVO desta quinta-feira (7):

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), reunido com a Mesa Diretora, decidiu: ainda neste ano, vai lançar o edital do tão aguardado concurso público da Casa.

Nesta quinta-feira, um projeto de lei será votado no plenário da Casa para a ampliação de 30 para 34 vagas desse certame, sendo duas vagas para médicos e duas vagas para engenheiros, extintas com as últimas aposentadorias. Há carência de servidores de carreira, de acordo com levantamento realizado pelo Departamento de Recursos Humanos.

Após a aprovação da matéria, com 30 ou 34 vagas, terá início o procedimento legal para a elaboração do edital, adianta o dirigente do legislativo municipal. As nomeações ficarão para a próxima gestão.

Caminhoneiros ameaçam radicalizar, se tabela do frete mínimo for alterada

Enquanto setores se movimentam para mudar a tabela do frete mínimo, os caminhoneiros acompanham o andamento das negociações em Brasília. Nas redes sociais, os profissionais autônomos temem que o lobby dos grandes grupos consiga derrubar a tabela recém-instituída pelo Governo como contrapartida ao fim da greve.

“Se essa tabela cair, vai ter uma greve pior que a última. E aí não vai ter negociação, pois eles vão querer provar para o mundo que são fortes, vai ser uma grande revolta”, diz Ivar Luiz Schmidt, representante do Comando Nacional do Transporte (CNT). “Tá todo mundo só esperando que a tabela seja derrubada para parar tudo de novo”, afirma. “E, pelo que estou vendo no WhatsApp, pode ter certeza de que isso vai acontecer”, destaca.

A tabela de preço mínimo do transporte rodoviário – definida às pressas pelo Governo para interromper a greve na semana passada – é considerada a maior vitória dos caminhoneiros nos últimos tempos. Mas, diante da reação do empresariado (principalmente representantes do agronegócio), eles começam a temer que essa seja revogada.

“Não vejo coisa muito boa pela frente, mas vamos lutar para encontrar um meio-termo para ambas as partes”, afirma José Fonseca Lopes, presidente da Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam).

Uma tabela de preço mínimo vinha sendo negociada no Congresso antes da greve e da medida provisória ser emitida. Schmidt acrescenta que desde 2016 essa proposta vem sendo negociada, sem sucesso – com as condições precárias de trabalho dos motoristas de caminhão no Brasil sendo ignoradas.

(Agência Estado/Foto – Zanone Fraissat, da Folhapress)

Na guerra entre facções, um jovem é assassinado dentro de centro educacional em Fortaleza

Um jovem foi morto e pelo menos nove ficaram feridos durante um conflito entre duas facções criminosas no Centro Educacional Cardeal Aloísio Lorscheider (Cecal), que começou por volta do meio dia desta quarta-feira, 6.

A vítima que morreu chegou a ser encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro José Walter, no entanto ele não resistiu. Dois infratores foram gravemente feridos. Pelo menos outros cinco apresentaram lesões leves ou passaram mal por causa da fumaça. Alguns colchões foram queimados na ação. Dois agentes socioeducativos também se feriram e foram encaminhados para unidade de saúde.

Familiares dos internos relataram que há duas facções rivais dentro do Cecal e que os dormitórios ficam de frente um para o outro. A reivindicação dos internos é de que separem os jovens por facção em alas. Depois de controlada a rebelião, 14 infratores suspeitos da morte de um dos internos e lesão corporal de outros foram encaminhados ao 8º Distrito Policial (DP), no bairro José Walter. Ainda foram levados cossocos (arma artesanal) utilizadas no conflito.

Por meio de nota, a Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas) informou que os dois grupos entraram em confronto e confirmou a morte de um adolescente. Conforme o órgão, a situação foi controlada pela equipe da unidade com apoio do Grupo de Intervenção Tática da Polícia Militar.

“Ações para responsabilização administrativa e criminal para os envolvidos estão sendo realizadas, bem como a articulação junto ao sistema de Justiça, uma vez que o Cecal atende jovens adultos, de 18 a 21 anos”, informou. Ainda na nota, a Seas informou que lamenta o ocorrido e trabalha com apoio à família do adolescente morto na ação.

O POVO Online esteve no local e presenciou familiares recebendo atendimento psicológico. Mães e namoradas de internos que souberam da rebelião por meio da imprensa ou redes sociais foram até o Cecal em busca de notícias sobre o estado dos familiares, que destacaram a presença das facções. Quando saíam para o 8º DP, os jovens faziam menção às respectivas facções criminosas. As vans foram escoltadas pelo Grupo de Intervenção Tática da Polícia Militar.

(O POVO Online – Repoóter Jessika Sisnando/Foto – Mateus Dantas)

Pré-candidatura de Lula será lançada em Minas nesta sexta-feira

1185 1

O Partido dos Trabalhadores vai lançar, nesta sexta-feira, em Contagem (MG), a pré-candidatura de Lula a presidente da República. O convite é feito, nas redes sociais, pelas principais lideranças petistas no País.

No grupo, o líder da minoria na Câmara, o cearense José Nobre Guimarães, que considera fundamental a presença de Lula na disputa presidencial.

Só Lula Livre, segundo Guimarães, dará condições ao Brasil de sair da crise.

Jaques Wagner e Wellington Dias, simpáticos a Ciro, visitarão Lula na prisão

O  ex-governador baiano Jaques Wagner e o governador do Paiuí, Wellington Dias (PT), vão visitar Lula na prisão nesta quinta (7).

Segundo a Coluna Radar, da Veja Online, a dupla que prepare os ouvidos e a paciência, pois vai ouvir um bocado. Não por acaso.

Como se sabe, Dias e Wagner já se declararam simpáticos à possibilidade do PT apoiar o presidenciável Ciro Gomes (PDT). Tudo que Lula não quer ouvir falar.

Nesta quinta-feira, por sinal, o, ex-presidente vai completar dois meses de prisão em Curitiba (PR).

Projeto de prevenção às drogas deve beneficiar 50 municípios do Ceará

Will Almeida, prefeito Naumi Amorim (Caucaia), Onélia e Erika Amorim (Caucaia).

Com a presença da primeira dama do Estado, Onélia Leite, e de prefeitos e representantes de 50 municípios cearenses, a Secretaria de Política sobre Drogas do Estado promoveu, nesta quarta-feira, em sua sede, o ato de assinatura dos termos de cooperação para a execução do Projeto Prevenção em Família.

A iniciativa promete levar orientação especializada às famílias atendidas pelo Programa Mais Infância Ceará sobre desenvolvimento infanto juvenil e fortalecimento de vínculos, com ênfase na prevenção ao uso problemático de álcool e outras drogas, informa o titular da SPD, Will Almeida.

Objetiva também reforçar as habilidades de vida e difundir hábitos saudáveis.

(Foto – Divulgação)