Blog do Eliomar

Categorias para Publicidade e Propaganda

Governo vai deflagrar nova campanha pró-reforma da Previdência

403 1

O governo federal prepara uma nova leva de vídeos de 30 segundos para serem veiculados a partir de 5 de fevereiro, junto com a retomada dos trabalhos legislativos, para convencer o Congresso. A informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

As três novas peças serão exibidas tanto na internet quanto na televisão e terão o seguinte mote: — Salvar a Previdência para combater os privilégios: O Brasil precisa da reforma da Previdência. Porque você precisa

Lei prevê multas para empresas que divulgarem publicidade misógina

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, sancionou lei que prevê multas para empresas que divulgarem campanhas publicitárias consideradas de caráter misógino, sexista ou que estimulem a violência contra a mulher. Além da multa, a propaganda também pode ser retirada do ar.

Segundo a Lei 7.835, publicada hoje (10) no Diário Oficial do Estado, será punida toda empresa com sede no estado do Rio de Janeiro que contrate veiculação de publicidade que exponha, divulgue ou estimule a violência sexual ou estupro; exponha, divulgue ou estimule violência física contra as mulheres; ou fomente a misoginia e o sexismo.

O texto prevê valores específicos para cada tipo de mídia utilizado pela empresa para divulgar o conteúdo. A publicação de propaganda misógina em meios impressos, como jornais e cartazes, renderá multa de R$ 32 mil; em rádios, a multa será de aproximadamente R$ 160 mil; na televisão, a punição será de R$ 320 mil; e nas redes sociais, de R$ 640 mil.

Caso a campanha inclua mais de um tipo de mídia, os valores podem ser somados. De acordo com a lei, todo valor será revertido para o Fundo Especial dos Direitos da Mulher.

(Agência Brasil)

No aeroporto de Fortaleza, a Uber já faz sua propaganda

No Aeroporto Internacional Pinto Martins, o clima de animosidade entre táxis especiais do terminal e a turma da Uber, parece, chegou ao fim. O aplicativo já está fazendo até propaganda dos seus serviços no local.

Teria sido já efeito da chegada da Fraport,a  futura gestora desse terminal aeroportuário?

(Foto – Paulo MOska)

AGU recorre de liminar que proibiu propaganda de reforma da Previdência

A Advocacia-Geral da União (AGU) apresentou nessa sexta-feira (1º) à presidência do Tribunal Regional Federal (TRF1) um pedido de suspensão da liminar que foi concedida pela Justiça Federal do Distrito Federal, determinando a interrupção da veiculação de campanha publicitária do governo federal sobre a reforma da Previdência. No pedido, a AGU diz que é dever da União “demonstrar à população a necessidade de mudança do sistema previdenciário diante da possibilidade concreta de ausência de recursos para fazer frente ao pagamento de aposentadorias”.

O órgão defende que a campanha publicitária nada mais fez do que levar ao conhecimento da população discussão que diz respeito a praticamente todos os brasileiros, garantindo que os cidadãos “não fiquem alheios ao teor das mudanças propostas nos regimes de Previdência existentes no país, em debate no Congresso Nacional, formando seu próprio convencimento”. A AGU também pondera que cabe à sociedade e aos seus representantes democraticamente eleitos para o Legislativo, e não ao Judiciário, discutirem a realização da reforma.

A suspensão da exibição das peças publicitárias foi solicitada a partir de uma ação protocolada pela Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip). Na decisão, a juíza Rosimayre Gonçalves de Carvalho, da 14ª Vara Federal, entendeu que o conteúdo das peças publicitárias veicula desinformações.

“A notícia leva a população brasileira a acreditar que o verdadeiro motivo do déficit previdenciário é decorrência exclusiva do regime jurídico do funcionalismo público, sem observar quaisquer peculiaridades relativas aos serviços públicos e até mesmo às reformas realizadas anteriormente. Essa diretriz, conduz a população ao engano de acreditar que apenas os servidores públicos serão atingidos pela mudança”, disse a juíza.

(Agência Brasil)

Justiça manda suspender campanha publicitária sobre reforma da Previdência

A Justiça Federal em Brasília decidiu nessa quinta-feira (30) determinar a suspensão da campanha publicitária sobre a reforma da Previdência Social. A decisão foi proferida pela juíza Rosimayre Gonçalves de Carvalho, da 14ª Vara Federal, a partir de uma ação protocolada pela Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip). Na decisão, a juíza entendeu que o conteúdo das peças publicitárias veicula desinformações.

“A notícia leva a população brasileira a acreditar que o verdadeiro motivo do déficit previdenciário é decorrência exclusiva do regime jurídico do funcionalismo público, sem observar quaisquer peculiaridades relativas aos serviços públicos e até mesmo às reformas realizadas anteriormente. Essa diretriz, conduz a população ao engano de acreditar que apenas os servidores públicos serão atingidos pela mudança”, disse a juíza.

Após a decisão, a Advocacia-Geral da União (AGU) informou que vai recorrer da decisão.

(Agência Brasil)

Entidades de servidores vão à Justiça contra a propaganda da Reforma da Previdência

Entidades que representam servidores públicos, como o Sinafresp e a Anfip, foram à Justiça tentar derrubar a publicidade do governo sobre a reforma da Previdência. A informação é da Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta terça-feira.
A justificativa é de que a propaganda oficial “coloca na conta dos servidores o rombo” da área.

Após o acesso, Ceará quer garantir patrocinadores

56 2

Com o acesso garantido à Série A do Brasileirão do próximo ano, o Ceará agora espera assegurar patrocínios para um ano repleto de competições. Logo após a vitória do Vozão sobre o ABC, nesse sábado (25), no Castelão, por 1 a 0, o deputado federal e advogado Danilo Forte (PSB) disse que esta semana estará ao lado do presidente alvinegro Robinson de Castro, em Brasília, na luta para seguir na parceria com a Caixa Econômica Federal e até mesmo novos patrocinadores.

No início do ano, o parlamentar atuou na aproximação do Ceará Sporting com a Caixa. O encontro acabou rendendo um contrato de patrocínio para este ano. Em reconhecimento, o clube cearense rendeu homenagem ao deputado federal.

(Foto: Divulgação)

Petrobras lançará nova campanha publicitária

A Petrobras lançará, no próximo sábado (11), sua nova campanha publicitária. Segundo a Coluna Radar, da Veja Online, feito pela agência DPZ. O anúncio exibirá o slogan “A vida em movimento”.

Em vez de exibir plataformas monumentais e cenas de mar aberto, a nova campanha se concentra na força de trabalho da empresa.

A ideia é mostrar que a Petrobras está em pleno funcionamento após o furacão da Lava-Jato.

Propeg avança no Nordeste

A Propeg abriu novo escritório no Nordeste, dessa vez em Recife. De lá, atenderá o governo de Pernambuco e a prefeitura da capital. A operação fica por conta do publicitário Victor Carvalho, informa a Coluna Radar, da Veja Online.

Dona das contas da Petrobras, da prefeitura do Rio e do governo de São Paulo, a agência de Fernando Barros já estava instalado em Salvador e em Fortaleza, além de São Paulo, Brasília e Rio.

Comissão de Cultura suspende norma da Ancine que tributa propaganda na internet

A Comissão de Cultura aprovou o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 681/17, do deputado JHC (PSB-AL), que susta uma instrução normativa da Agência Nacional do Cinema (Ancine) que determinou a tributação da publicidade audiovisual na internet. O projeto recebeu parecer favorável do relator, deputado Thiago Peixoto (PSD-GO).

A Constituição permite ao Congresso Nacional sustar os atos normativos do governo que os congressistas entendem fugir da competência regulamentar ou dos limites de delegação legislativa do Poder Executivo.

A Instrução Normativa 134, de maio deste ano, estabeleceu que a veiculação de propagandas audiovisuais na internet está sujeita ao pagamento da Contribuição para o Desenvolvimento da Indústria Cinematográfica Nacional (Condecine), um tipo Cide que incide, entre outras operações, na veiculação, licenciamento e distribuição de obras cinematográficas e videofonográficas com fins comerciais, e nas obras publicitárias estrangeiras. Os recursos arrecadados alimentam o Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), que financia o cinema nacional.

O deputado JHC alega que Lei que criou a Ancine e a Condecine não prevê, entre os fatos geradores da contribuição, a tributação de peças publicitárias veiculadas na internet. Além disso, a Constituição determina esse tipo de cobrança só pode entrar em vigor no ano seguinte ao da sua instituição. É o chamado “princípio da anterioridade tributária”.

O relator do PDC 681/17 concordou com os argumentos de JHC de que o normativo da agência extrapolou do seu poder regulamentar. “Em nenhum momento houve delegação legislativa para aumentar o fato gerador da Condecine”, disse Thiago Peixoto. “O princípio da legalidade impõe à administração pública o dever de fazer só o que a lei autoriza”.

A instrução normativa da Ancine também foi questionada por agentes da cadeia produtiva do audiovisual, que chegaram a pleitear o adiamento da entrada em vigência da norma até que o assunto fosse melhor discutido. A agência reguladora concordou em adiar por 60 dias, o que fez com que a instrução entrasse em vigor em julho passado.

O PDC será analisado agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. A última etapa será a votação no Plenário da Câmara. Se aprovado na Casa, o texto será enviado para o Senado.

(Agência Câmara Notícias)

Prefeitura vai inaugurar creche com o nome de Augusto Pontes

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), confirmou, nesta quinta-feira, durante a convenção estadual do seu partido, que vai inaugurar mais um Centro de Educação Infantil.

Desta vez no bairro do Dendê, batizada com o nome do ex-secretário estadual da Cultura, Augusto Pontes, pessoa que era do círculo de amigos do presidenciável Ciro Gomes e de vários outros intelectuais da cidade.

O ato ocorrerá a partir das 9 horas desta sexta-feira.

*Augusto Pontes, jornalista, publicitário, compositor e intelectual de frases marcantes. Ele nos deixou em maio de 2009.

“A união só se faz à força” ( referindo-se ao movimento “Pessoal do Ceará”)

“Vida, vento, vela, leva-me daqui” foi adaptada por Belchior para a música Mucuripe, era uma frase sempre repetida por Augusto Pontes.

“Eu sou apenas um rapaz latino americano”, também adaptada por Belchior para a famosa música, “Apenas um rapaz latino americano” , surgira de uma carta, de Augusto, em que dizia também que não tinha dinheiro no bolso nem “patentes” importantes. 

“O comunismo acabou antes de chegar aos pobres”

“Estou do seu lado, mas não me olhe de banda”

“Quando a mesa cresce, a cultura desaparece.” (sempre que via um penetra sentar à mesa)

(Foto – Cláudia Alvarez)

Publicitário Weyne Vasconcelos lança livro e exposição O Mundo Que Eu Vejo”

Belchior em desenho do autor.

O publicitário e artista Weyne Vasconcelos, lançará, às 19h30min desta quinta-feira, no Iate Clube, o livro e a exposição “O Mundo Que Eu Vejo”, contendo pinturas, desenhos, retratos e caricaturas, em vários estilos e formas produzidos por ele ao longo dos últimos 40 anos. A publicação é uma seleção com 120 páginas coloridas.

“Tento passar alegria e harmonia no meu trabalho, através das cores e formas. Procuro enxergar as coisas boas por trás de tudo, mesmo de uma cena triste”, diz o autor. Weyne começou sua carreira publicitária em 1976, na Publicinorte. Cursou Engenharia Civil entre 1981 e 1984, na Unifor e também atuou em grandes agências nos estados de Pernambuco, Minas Gerais e São Paulo, dentre as quais a house agency do Grupo Abril.

Atualmente, responde pela Wcom Publicidade, agência com 17 anos de atuação no mercado cearense.

Exposição reúne cartazes criados para espetáculos culturais de Fortaleza

O publicitário e artista visual Tim Oliveira abrirá nesta quinta-feira, às 18h30min, no Theatro José de Alencar, a exposição “Arte em Cartaz – Design e Fotografia nas Artes Cênicas”. A visitação é gratuita e segue até o dia 15 de setembro. A mostra de artes gráficas integra a Chamada de Ocupação do TJA 2017,  e acontece após a colaboração de amigos e admiradores do trabalho do artista, que fizeram uma campanha online de financiamento coletivo.

Em 2015, Tim Oliveira iniciou o trabalho de criação de identidade visual e materiais gráficos especificamente para espetáculos de teatro e dança. Desde então, seu portfólio já soma mais de 30 campanhas criadas para grupos de teatro e de dança de Fortaleza, entre elas: “Oxum de mim!”, da Cia. Vatá; “Devorando Heróis”, do Coletivo Pícaros Incorrigíveis e “Miau!”, do Cangaias Coletivo Teatral.

Além de homenagear grandes produções e artistas da cidade, a exposição Arte em cartaz destaca a importância de peças publicitárias bem planejadas e trabalhadas, de forma a contribuir na expansão do consumo de arte e cultura em Fortaleza.

SERVIÇO

Visitação
Terça à sexta, das 9 às 18 horas
Sábados e domingos, das 14 às 18 horas

Galeria Ramos Cotôco
Anexo Theatro José de Alencar
Rua Liberato Barroso, 525
Praça José de Alencar – Fortaleza.

(Foto – Divulgação)

Expocom Regional 2017 – Cursos de Jornalismo e Publicidade da UFC vencem em 11 categorias

Trabalhos de estudantes dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da Universidade Federal do Ceará venceram em 11 categorias da Expocom Regional 2017. A Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom), além de ser a mostra mais importante de trabalhos produzidos por estudantes de Comunicação no Brasil, é também uma premiação destinada aos melhores trabalhos experimentais desenvolvidos exclusivamente pelos estudantes da área. A etapa regional aconteceu como parte do congresso Intercom Nordeste, que neste ano foi promovido pelo Centro Universitário Estácio do Ceará, no Campus Via Corpvs. A premiação aconteceu no último dia 1º no Hotel Oásis Atlântico, em Fortaleza.

O Curso de Jornalismo venceu em sete categorias: Jornal-laboratório Impresso, Revista-laboratório Impressa, Livro-reportagem, Documentário Jornalístico e Grande Reportagem em Vídeo e Televisão, Produção Audiovisual para Mídias Digitais, Design Gráfico e Roteiro de não Ficção.

O trabalho Impressões na mesa ganhou em duas categorias, Jornal-laboratório Impresso e Design Gráfico. Outro trabalho que também levou dois prêmios foi o Co.nhe.cer – histórias e relações com a educação de jovens e adultos em Fortaleza, nas categorias Documentário Jornalístico e Grande Reportagem em Vídeo e Televisão e em Roteiro de não Ficção. Na categoria Revista-laboratório Impressa, a Revista Lume #2 levou o prêmio. Já o livro Perpétua ganhou na categoria Livro-reportagem. E o trabalho Sequidão – sol, poeira e esperança ficou com o prêmio de Produção Audiovisual para Mídias Digitais.

O Curso de Publicidade e Propaganda também foi vencedor, recebendo quatro prêmios, na categoria Vinheta, com Playground, a websérie; na categoria Campanha Publicitária, com o trabalho Criativas – a publicidade delas; na categoria Edição de Livro, com o livro-objeto Rosa rendeira: o design gráfico e o artesanato local; e na categoria Cartaz Avulso, com Um rosto de histórias – um cartaz de valorização do idoso.

SERVIÇO

*Mais detalhes sobre os trabalhos premiados e os alunos que os produziram estão no Portal da UFC (https://goo.gl/MGtDxd).

(Foto – Divulgação)

Fim do patrocínio de refrigerantes inviabilizaria eventos esportivos no País, diz COB

O fim do patrocínio de refrigerantes pode inviabilizar eventos esportivos no País, segundo o Comitê Olímpico do Brasil (COB). A medida está prevista no Projeto de Lei 4910/16, que foi tema de audiência pública da Comissão do Esporte da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (21). Pela proposta, de autoria do deputado Alfredo Nascimento (PR-AM), as indústrias de refrigerantes, bebidas com gás e derivados ficam proibidas de patrocinar modalidades esportivas.

O diretor de Relações Institucionais do COB, Bernard Rajzman, destacou a participação desses setores nos patrocínios esportivos. Ele estima que a proibição gere perdas de R$ 100 milhões por ano.

“No momento em que o País está mal economicamente, isso se reflete no esporte. Os patrocínios desceram 70%, 80%, às vezes 90%. As estatais praticamente saíram do esporte em função da economia. Então, é injusto punir o esporte que, indiretamente, combate a obesidade”, afirmou o diretor do COB, ressaltando que os atletas campeões olímpicos influenciam as crianças a praticar esportes.

Dados da Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas Não Alcoólicas (Abir) mostram que a indústria patrocina atualmente 3 times de basquete, 13 times de futebol profissional e 27 atletas de alto rendimento em 23 modalidades, além da Seleção Brasileira de Futebol. Só a Coca-Cola investiu R$ 14 bilhões, entre 2012 e 2016, para a realização das Olimpíadas do Rio de Janeiro. A Abir reúne 54 empresas do setor, que emprega 1,6 milhão de pessoas.

A representante do Conselho Federal de Nutricionistas na audiência, Regina Oliveira, alertou sobre os riscos do alto consumo de açúcar pelo brasileiro: 17% das calorias diárias, mais de três vezes a quantidade recomendada pela Organização Mundial da Saúde (5%).

A nutricionista chamou a atenção ainda para o consumo exagerado de refrigerantes: 23,4% dos adultos e 32,3% de crianças tomam refrigerantes ou suco artificial cinco vezes ou mais por semana. O resultado, segundo Regina, é que a obesidade e o excesso de peso triplicaram no Brasil nos últimos 20 anos.

A publicidade das bebidas e alimentos açucarados, para ela, é um dos fatores que contribuem para o problema, especialmente entre as crianças. “Se a criança está ali assistindo televisão e passa a propaganda de um alimento, seguramente ela vai querer consumir aquele produto, mas não é só aquela propaganda que está direto na TV, mas tudo aquilo que está escrito, uma marca, um letreiro. Se eu vou em um estádio e tem lá alguma marca relacionada a alimento, é uma forma de promoção, e isso têm incentivado o consumo”, afirmou.

Já o diretor-presidente da Abir, Alexandre Jobim, pediu confiança na autorregulamentação e informou que a entidade decidiu não fazer publicidade em programas cuja audiência seja direcionada a menores de 12 anos.

Sobre o agravamento da obesidade, especialmente entre crianças e jovens, Jobim afirmou que o problema é multifatorial, causado por questões genéticas, sedentarismo, stress, entre outros, e fez um apelo para que os refrigerantes não sejam transformados nos vilões da obesidade.

A pesquisadora do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) Ana Paula Bortolleto considerou o debate na comissão desequilibrado e cobrou maior participação de especialistas em saúde. Ela é nutricionista disse apoiar a proposta em discussão na comissão. “O consumo excessivo está associado a questões ambientais que influenciam as escolhas. A publicidade de bebidas açucaradas no esporte incentiva o consumo desses produtos”, afirmou.

(Agência Câmara Notícias)

Tony Ramos já não é mais garoto-propaganda da Friboi

Depois de Fátima Bernardes, apresentadora da Globo, chegou a vez de mais um global romper contrato de garoto-propaganda com o Grupo JBS. Tony Ramos, que fazia comercial da carne Friboi, encerrou seu contrato. Fátima era a garota-propaganda dos produtos Seara.

“Anunciei carne porque a consumo. Agora, frente a uma crise institucional provocada pela própria empresa, eu tenho direitos, inclusive contratuais, de rediscutir o cancelamento. É o que está sendo feito e, formalmente, estamos sem contrato”, revelou Tony para uma Rádio Gaúcha, de Porto Alegre.

O grupo é dos irmãos Joesley e Wesley Batista, delatores do presidente Temer. “Não me envergonho da campanha da carne, não me envergonho de ter anunciado uma ótima carne, não me envergonho de ter anunciado carne. Por quê? Se anunciasse perfume seria mais elegante?”, questiona o ator.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a JBS confirmou a saída do ator e agradeceu “a parceria e confiança nos últimos anos.”

Agência cearense marca presença num dos maiores festivais de propaganda do mundo

Marcel Pinheiro e Pádua Sampaio, diretores da agência de publicidade Delantero, participam do 64º Cannes Lions, o festival internacional que reúne os maiores profissionais de comunicação, marketing, entretenimento, design e tecnologia do mundo nessa cidade francesa.

A participação no evento é resultado de uma premiação deles na categoria “Melhor Comercial Regional do Brasil” concedida pelo SBT neste ano.

A Delantero é a única agência de publicidade do Ceará a estar presente nesse que é um dos mais respeitados festivais de propaganda do mundo.

(Foto – Divulgação)

Conta de propaganda da Petrobras fica com DPZ e Propeg

Depois de mais de dois meses de suspense, a Petrobras confirmou a Propeg e a DPZ como vencedoras da licitação para sua conta de propaganda. Será um contrato de dois anos e meio. A informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

A verba anual da Petrobras gira em torno dos R$ 250 milhões por ano. De acordo com a própria Petrobras, DPZ e Propeg foram classificadas como “médias” no quesito Grau de Risco de Integridade.