Blog do Eliomar

Categorias para Sem categoria

Pesquisa boca de urna dá Roberto Cláudio vitorioso

Saiu a pesquisa boca de urna TV Verdes Mares/Ibope sobre a disputa em Fortaleza:

Roberto Cláudio (PSB/PMDB) – 53%

Elmano de Freitas (PT) – 47%

A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. O Ibope ouviu 4 mil eleitores. Agora, é aguar da a apuração oficial para esse quadro se confirmar ou não.

(Foto – Divulgação)

Luizianne diz que ainda não avaliou candidatura ao Governo

A 64 dias para encerrar oito anos à frente da administração de Fortaleza, a prefeita Luizianne Lins (PT) assegurou neste domingo (28) que ainda não avaliou uma possível candidatura ao Governo do Estado, em 2014. “As torcem para isso e até me incentivam a uma candidatura, mas não tenho feito nenhum movimento para isso, nenhuma ação”, comentou a prefeita.

Presidente estadual do PT, até novembro do próximo ano, Luizianne disse que os partidos precisam conversar após a eleição deste domingo, como forma de avaliar a aliança feita em 2010, que reelegeu Cid Gomes.

“As pessoas que conduzem os partidos dessa aliança não podem ficar de mal. Sei que essa trairagem em Fortaleza nos deixou absolutamente livres para o debate ao Governo do Estado, mas o PSB precisa colocar às claras as suas propostas para 2014. O PSB que falo é o PSB atual, dos Ferreira Gomes, o quinto partido deles”, afirmou Luizianne Lins.

“Seria bom que o partido esclarecesse suas propostas, antes da próxima traição. Sei que essa atitude em Fortaleza reflete em outras cidades brasileiras, com o propósito de uma candidatura à Presidência da República, contra a presidente Dilma. É como eu disse, vamos esperar a próxima traição de lá”, completou.

Gustavo Fruet é o novo prefeito de Curitiba

Com 92% das urnas apuradas, Gustavo Fruet (PDT) foi eleito o novo prefeito de Curitiba, capital do Paraná. Até o momento, Fruet está com 60,59% dos votos apurados, enquanto Ratinho Junior (PSC) está com 39,41%. Com isso Ratinho Junior não tem mais chances de superar Fruet.

Gustavo Fruet tem 49 anos e é filho do ex-deputado federal Maurício Fruet. Começou na política como vereador, eleito em 1996 pelo PMDB. Em 1998, após a morte do pai, chegou à Câmara dos Deputados. Em 2004, tentou se candidatar a prefeito pelo PMDB, mas não conseguiu e filiou-se ao PSDB, pelo qual foi eleito deputado federal em 2006. Em 2010, disputou uma cadeira no Senado e ficou em terceiro lugar. Em 2011, deixou o PSDB e foi para o PDT.

(Agência Brasil)

Elmano é acusado de fazer boca de urna

75 1

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PT, Elmano de Freitas, está sendo acusado pelo PSB de fazer boca de urna. Ele chegou a entrar em seções eleitorais do Colégio Farias Brito, da avenida Dom Luís.

A denuncia foi feita por fiscais do PSB. A Justiça Eleitoral deve apurar.

Ganhe quem ganhar, Cid promete parceria. Com a prefeita, nada de conversa

O governador Cid Gomes afirmou, nesta manhã de domingo, no Colégio Batista, que, ganhe quem ganhar a Prefeitura de Fortaleza terá seu apoio para fechar “parcerias”. A fala de Cid foi transmitida pela FM Assembleia, numa coletiva quando ali estava votando o candidato a prefeito pelo PSB/PMDB, Roberto Cláudio.

Cid Gomes, no entanto, avisou: após as eleições não vai querer conversa com a prefeita Luizianne Lins. Luizianne encerra seu mandato no fim de dezembro.

Roberto Cláudio já votou

113 1

Roberto Cláudio e sua mulher, Carol, após votar.

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSB/PMDB, Roberto Cláudio, votou agora há pouco no Colégio Batista. Com ele, sua mulher, Carol, o governador licenciado Cid Gomes, o ex-ministro |Ciro Gome, o senador Eunício Oliveira e várias lideranças aliadas.

Roberto Cláudio deve agora acompanhar a votação de sua mulher e dos aliados para, depois, visitar colégios eleitorais.

Ele diz ter fé de que o povo entendeu que é preciso apostar na mudança.

Roberto Cláudio votará com caravana de aliados

O candidato a prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, acordo cedo neste domingo e curtiu as filhas antes de seguir para a votação. Ele, inclusive, vai votar no Colégio Batista.

Com o candidato, vão estar sua mulher, Carol, o seu candidato a vice, Gaudência Lucena, o governador licenciado Cid Gomes, o senador Eunício Oliveira e o ex-ministro Ciro Gomes.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza espera do futuro prefeito respeito com a cidade

O eleitor de Fortaleza volta hoje às urnas para a definição de quem irá gerir a cidade nos próximos quatro anos a partir de 1º de janeiro de 2013. De acordo com as recentes pesquisas de intenção de voto, o resultado do pleito deverá apontar que esta eleição na Capital foi das mais disputadas dos últimos anos, em claro sinal da representatividade dos candidatos e dos grupos que os apóiam. Por esse aspecto, é de certo modo compreensível a subida da temperatura na reta final da campanha, sem que isso tire o mérito de Elmano de Freitas (PT) ou Roberto Cláudio (PSB) de vir a ser o futuro prefeito. Tanto um como o outro demonstraram a capacidade de articulação e o conhecimento necessário que os credenciam a estar à frente da gestão.

Passada a disputa eleitoral, no entanto, é preciso agora que o vencedor tenha a humildade suficiente para entender que Fortaleza não pode ser tratada de forma diferenciada em termos de renda ou nível de escolaridade como, por alguns instantes, descambou o debate entre os candidatos. Isso é importante ser ressaltado, porque o futuro prefeito terá sob os ombros a responsabilidade de lidar com quase a metade do eleitorado que lhe foi desfavorável, a julgar pelo que indicam as pesquisas. Percentual considerável de fortalezenses entre seus 2,4 milhões de habitantes, que, sem dúvida, não pode ser ignorado.

Além disso, o próximo prefeito de Fortaleza terá o desafio de administrar uma cidade que cresce acelerada e desordenadamente tendo que conciliar mazelas e potencialidades, em meio a ilhas de prosperidade e bolsões de pobreza, que se assemelham a recantos dos mais degradantes do planeta. Situações que se colocam em um momento no qual a capital cearense também vive a possibilidade de se mostrar para o mundo através de eventos de grande repercussão.

Caberá ao futuro gestor, em vista disso, ter a grandeza necessária para exercer seu papel, buscando conciliar interesses comuns em prol da cidade, e não com revanchismo.

(O POVO / Editorial)

Ajuda a bancos públicos soma R$ 61,8 bilhões em 2012 e pressiona dívida pública

Para estimular a economia sem comprometer as metas de esforço fiscal, o governo tem buscado um novo mecanismo para ampliar o capital dos bancos públicos. Desde o início do ano, o Tesouro Nacional injetou R$ 61,8 bilhões no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal por meio da emissão de títulos públicos que são transferidos para as instituições financeiras.

Essa engenharia não tem impacto nos gastos do governo nem compromete o superávit primário (economia de recursos para pagar os juros da dívida pública) porque o governo não desembolsa o dinheiro diretamente para os bancos. No entanto, o procedimento tem aumentado o endividamento do governo federal, o que provoca questionamentos de especialistas.

A emissão de R$ 13 bilhões para a Caixa e de R$ 8,1 bilhões para o Banco do Brasil foi a principal responsável pela elevação da Dívida Pública Federal (DPF), segundo os dados mais recentes divulgados pelo Tesouro Nacional. Em setembro, a DPF subiu 2,02%, passando de R$ 1,867 trilhão para R$ 1,904 trilhão. O crescimento foi provocado pela emissão líquida de R$ 23,68 bilhões e pelo reconhecimento de R$ 13,97 bilhões em juros. Sem a ajuda para os dois bancos, a emissão líquida teria sido apenas R$ 2,58 bilhões.

Em outubro, a dívida pública voltou a ser pressionada pela ajuda aos bancos oficiais. No último dia 17, o Tesouro emitiu mais R$ 20 bilhões para reforçar o capital do BNDES. O governo havia injetado R$ 10 bilhões no banco em janeiro, mais R$ 10 bilhões em junho. Até o início do próximo ano, o Tesouro deve fazer mais um aporte de R$ 15 bilhões, já autorizados por medida provisória aprovada em julho pela Câmara dos Deputados e em agosto pelo Senado.

(Agência Brasil)

Terremoto na Costa Oeste do Canadá causa tsunami no Havaí

Um tsunami desencadeado por um terremoto de 7,7 graus na escala Richter, na Costa Oeste do Canadá, atingiu ilhas do Havaí, nos Estados Unidos. Não há, por enquanto, levantamento de vítimas e danos. Na noite desse sábado (27), foram ouvidas sirenes de emergência nas ilhas para advertir os moradores sobre os perigos. A previsão era ondas de até 2 metros de altura.

Depois do terremoto de 7,7 graus foram registradas pelo menos quatro réplicas. O terremoto atingiu a cidade de Prince Rupert, na Costa Oeste do Canadá. A estimativa é que os tremores de terra cheguem também à Costa Leste dos Estados Unidos.

Há informações de que o tsunami foi gerado em decorrência dos tremores no Canadá e que isso poderá causar estragos na região costeira de todas as ilhas do Estado do Havaí, que é formado por centenas de ilhas.

O Centro de Alerta de Tsunami da Costa Oeste do Alasca também emitiu advertência para as regiões próximas ao terremoto. O epicentro dos tremores ocorreu a 139 quilômetros na  cidade de Masset, na Ilha Graham (Columbia Britânica), a 17,5 quilômetros de profundidade, segundo dados do Instituto Geológico dos Estados Unidos.

(Agência Brasil)

“Eleitor brasileiro é livre e responsável”, diz presidente do TSE

“Sempre escolha o que você quer. Procure saber o que você quer da vida, porque é você que está fazendo a sua vida”. Esta foi a mensagem que a presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, enviou aos eleitores brasileiros, após participar neste sábado (27) da cerimônia de verificação dos sistemas de recepção de votos de toda a Justiça Eleitoral.

A ministra Cármen Lúcia destacou ainda que neste segundo turno mais de 31 milhões de eleitores de 50 municípios, divididos em 20 Estados brasileiros, irão ás urnas neste domingo (28). “O eleitor brasileiro é livre e responsável”, salientou a presidente do TSE ao firmar a expectativa de tranquilidade ao longo a votação.

Também neste sábado, às 20h30min (horário de Brasília), a ministra Cármen Lúcia fará um pronunciamento aos eleitores brasileiros em rede nacional de rádio e televisão, por ocasião da véspera do dia de votação do segundo turno das Eleições 2012.

Verificação dos sistemas

Realizada na manhã deste sábado, a verificação dos sistemas que serão utilizados na recepção e na totalização dos votos da eleição de domingo mostrou que todos os sistemas instalados nos Tribunais Regionais eleitorais dos 27 Estados estão íntegros e são realmente de autoria da Justiça Eleitoral, ou seja, a verificação garantiu que não houve nenhuma interferência externa nesses sistemas e, portanto, estão prontos para as Eleições 2012. Esses sistemas foram “blindados” por meio de certificados digitais na ocasião da cerimônia de lacração.

O sistema de recepção recebe os boletins de urnas que contarão os votos e o sistema de totalização faz a contagem dos resultados da votação. As seções eleitorais são abertas para colher os votos dos eleitores a partir das 8h e fecharão às 17h (horário local) e, a partir do encerramento da votação, as seções eleitorais emitem os boletins de urna por meio de uma mídia digital que será levada até um ponto de transmissão – cartório eleitoral – e esse boletim chega ao TRE de cada Estado, de onde serão contados os votos pelos sistemas informatizados.