Blog do Eliomar

Categorias para Trânsito

Câmara arquiva projeto sobre proibição de cobrança da taxa de inspeção veicular

A Comissão de Finanças e Tributação rejeitou projeto do deputado Augusto Coutinho (SD-PE) que proíbe a cobrança da taxa de inspeção veicular (PL 7373/14).

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9503/97), a inspeção veicular avalia as condições de segurança, de controle de emissão de gases poluentes e de ruído do veículo.

O parecer do relator, deputado Lucas Vergilio (SD-GO), foi contrário à matéria no mérito e pela não implicação da matéria em aumento ou diminuição da receita ou da despesa pública.

“A matéria não tem repercussão direta no Orçamento da União, tendo em vista que a vistoria e inspeção de condições de segurança veicular são realizadas por órgãos ou entidades executivos de trânsito dos estados e do Distrito Federal”, explica o relator.

Vergilio destaca ainda que, embora a União tenha competência privativa para legislar sobre trânsito e transporte, ela não pode restringir, por meio da edição de lei ordinária federal, a competência tributária dos estados, do Distrito Federal e de municípios. Esses entes podem, conforme a Constituição, instituir taxas em razão do exercício do poder de polícia ou pela utilização de serviços públicos.

(Agência Câmara Notícias)

Área de exames do Detran/CE da Maraponga volta a ser ocupada por servidores

Quase um ano e meio depois, a área de exames de direção e prática do Detran/CE da Maraponga voltou a ser ocupada por servidores, na tarde desta quinta-feira (22), após decisão de assembleia geral da categoria, que reivindica a entrega dos dados técnicos para estudo da descompressão salarial.

O Sindicato dos Trabalhadores na Área de Trânsito do Ceará i(Sindetran/CE) aponta que o governo havia sinalizado, há 30 dias, ser favorável à reivindicação do cálculo da repercussão financeira.

A categoria requer, agora, que o processo seja analisado na próxima semana, na Assembleia Legislativa.

(Foto: Divulgação)

Ministério vai revogar regra que exigia curso para renovar CNH

O Ministério das Cidades anunciou nesse sábado (17) que será revogada a resolução que tornava obrigatória a realização e aprovação em Curso de Aperfeiçoamento para motoristas renovarem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Por meio de nota, a pasta informou que a revogação se dará para “não afetar a rotina dos condutores que precisam renovar suas carteiras de habilitação/CNHs por todo o Brasil”.

O ministério informa ainda que a revogação vai reduzir custos. “Esta ação acontece em conformidade com os objetivos do Governo Federal, de reduzir custos e facilitar a vida do brasileiro”.

A resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) estabelecia que, a partir de junho deste ano, os condutores que fossem renovar a carteira de motorista teriam que passar por um curso teórico com exame para atualizarem seus conhecimentos. Esse curso de reciclagem seria composto por dez aulas e, para que os motoristas renovassem a documentação, deveriam obter um resultado favorável de, pelo menos, 70% da prova.

Ainda segundo a nota divulgada pelo Ministério das Cidades, a revogação acontecerá no próximo dia útil.

(Agência Brasil)

Fortaleza reduz mortes no trânsito pelo terceiro ano seguido, destaca vereador

O presidente da Comissão de Saúde e Seguridade Social da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Dr. Porto (PRTB), destacou o trabalho da Prefeitura na redução do número de vítimas fatais em acidente de trânsito na cidade. O parlamentar ressaltou que a redução nas taxas de mortalidade no trânsito segue pelo terceiro ano consecutivo.

O vereador apontou ainda a situação do Instituto José Frota, diante o número de acidentes no trânsito, e comentou da importância na redução do número de mortes. O parlamentar atentou para a politica de mobilidade urbana que o prefeito Roberto Cláudio vem implementando na cidade, com ciclovias e ciclofaixas, faixas elevadas para pedestre e o projeto esquina segura.

“O prefeito Roberto Cláudio vem mostrando que quer cada vez mais melhorar o trânsito e a vida das pessoas”, disse.

(Com a Agência Fortaleza / Foto: Divulgação)

Renovação da CNH vai exigir curso e prova teórica a partir de junho

A partir de junho deste ano, os condutores que renovarem a carteira de motorista terão que passar por um curso teórico com exame para atualizarem os seus conhecimentos. De acordo com resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o curso de reciclagem será composto por dez aulas e, para que os motoristas renovem a documentação, deverão obter um resultado favorável de, pelo menos, 70% da prova.

A deliberação do Contran foi publicada na semana passada. Além do curso e da prova, os condutores deverão se submeter aos exames de aptidão física e mental, que já são obrigatórios.

As mudanças começam a valer no dia 6 de junho e serão aplicadas aos motoristas das categorias A (moto) e B (carro). Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o prazo de vigência poderá ser prorrogado caso as “adequações e construção logística” das novidades não sejam concluídas dentro dos próximos três meses.

As condições gerais do chamado Curso de Aperfeiçoamento para Renovação da CNH são que os motoristas recordem as principais leis de trânsito, normas de circulação e conduta, tenham conhecimento das sinalizações de tráfego e ordem de prevalência no trânsito. Além disso, as aulas darão noções de segurança e inspeção do veículo e vão revisar as infrações, penalidades e medidas administrativas.

Os cursos, gratuitos, serão oferecidos pelo Denatran e os departamentos de Trânsito (detrans) estaduais. As aulas terão duração de 50 minutos e poderão ser feitas presencialmente ou à distância. Neste caso, porém, é preciso que o condutor conclua o curso em, no mínimo, cinco dias após a matrícula.

Já as provas, obrigatoriamente presenciais, terão 30 questões de múltipla escolha, deverão ser feitas no prazo de uma hora, e só serão aplicadas caso os motoristas tenham participado de todas as aulas do curso. Se os condutores não passarem na prova, poderão fazer um novo exame três dias depois de divulgado o resultado.

Segundo o Contran, estarão dispensados do aperfeiçoamento apenas os motoristas que já tiverem passado por outros cursos especializados, como os voltados para veículos de emergência, transporte de passageiros e entrega de mercadorias.

O objetivo principal da mudança, de acordo com o Denatran, é tornar os motoristas mais preparados para lidar com as situações de risco enquanto dirigem. De acordo com o órgão, a redução dos elevados índices de acidente de trânsito no país, responsáveis por elevados custos financeiros e emocionais para o Estado e a sociedade, “passa, necessariamente, por um processo de formação que possibilite termos condutores mais hábeis e conscientes de suas obrigações e responsabilidades no trânsito”.

(Agência Brasil)

Motoristas terão que fazer curso e prova teórica para renovar a carteira

A partir de junho deste ano, uma novidade na área da legislação do trânsito vai entrar em vigor: motoristas que precisarem renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), terão que se submeter a um curso teórico e prova, além dos exames médicos que já eram obrigatórios. A informação é do Portal G1.

A mudança foi publicada na última semana por meio de uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que redefiniu a formação de condutores no país. Confira as mudanças:

Curso de Aperfeiçoamento para Renovação da CNH

*Deve ser feito ao renovar a CNH (a cada 5 anos)
*Duração de 10 horas/aulas (máx. de 5 horas/dia)
*Poderá ser feito presencialmente ou à distância
*Prova teórica com 30 questões de múltipla escolha
*Exigência de 100% de frequência e 70% de acertos no exame

Ainda não há definição sobre o preço.

Estão dispensados deste curso apenas os motoristas que realizam atividades remuneradas em veículos, como transporte de carga e passageiros. Mas estes profissionais também passarão por outro curso específico, de maior duração, a cada 5 anos, define a nova resolução.

Em caso de reprovação no exame, o condutor poderá fazer uma nova prova 5 dias depois da divulgação do resultado. Se houver uma segunda reprovação, ele deverá passar por todo curso novamente. O curso a distância deve ser realizado em no máximo 5 dias, mas a prova será aplicada apenas presencialmente.

Detran-CE inicia nesta quinta-feira leilão de 949 lotes de moto e carro

O primeiro leilão de veículos apreendidos pelo Detran acontece nesta quinta-feira, dia 8, até sábado, dia 10, no pátio da Montenegro Leilões, na Rua Ademar Paula, 1.000, bairro Esplanada do Castelão, começando às 10 horas, informa a assessoria de imprensa do órgão. Serão ofertados 949 lotes, dos quais 714 de motocicletas e 26 de carros, além de 170 lotes de sucatas de motocicletas e 39 sucatas de carro. Cada lote de sucata há duas unidades do veículo, para aproveitamento somente das peças.

O lance inicial dos lotes de moto variam de R$ 500,00, como o lote 176: Honda CG 125 Fan 2008/2008; até R$ 3.000,00, como o lote 378: Honda CG 150 Titan Ex 2015/2015. Os lotes de carro variam de R$ 3.000,00: lote 959, VW Parati CL 1.8 1994/1994; até R$ 15.000: lote 947, VW Gol Especial MB 2015/2015.

O pagamento só pode ser feito mediante boleto bancário, impresso logo após o lote arrematado, em nome do arrematante. O bem pode ser retirado no primeiro dia útil, após a quitação do boleto. Tem que apresentar CPF, Identidade e comprovante de residência (conta de energia, telefone ou água).

Prefeito baixa edital nesta semana ampliando a Zona Azul

154 1

Da Coluna do Eliomar de Lima, do O POVO desta segunda-feira:

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai lançar, nesta semana, edital estipulando um novo sistema de Zona Azul. Atualmente, são cerca de 3 mil vagas, mas, de acordo com o chefe do executivo municipal, esse número será elevado para 9 mil ao longo dos próximos 12 meses.

“O que podemos adiantar é que haverá tempos diferentes por cartão Zona Azul, dependendo ainda da área da cidade”, informa o prefeito, observando que, pela nova sistemática, quanto maior o engarrafamento e dificuldade de estacionar, menor será o tempo disponível de uso do cartão. Áreas de trânsito menos complicado terão cartão oferecendo maior tempo de permanência. Ele diz que a ordem é “promover rotatividade” em pontos com pior trânsito.

Roberto Cláudio diz que essa nova sistemática nasceu de estudos prévio realizados pelo Paitt. O Centro terá prioridade e haverá ainda centrais de monitoramento da Polícia Militar e da Guarda Municipal. A comercialização seguirá o modelo de São Paulo: digital e antecipada, abrindo para aplicativos e sistemas de venda online para facilitar a vida do cidadão. A expectativa é de que isso resolve o velho problema de cartão do gênero aparecer nas mãos de flanelinhas.

Projeto quer fim do limite de velocidade nas madrugadas

O deputado federal Aureo Ribeiro (SD-RJ) quer o fim de punição aos motoristas que excederem o limite de velocidade durante a madrugada em vias com radares em áreas de risco.

A medida tem caráter de segurança, diante dos crescentes casos de violência no Rio de Janeiro. Um projeto de lei de sua autoria está em análise na Comissão Especial da Câmara.

(Foto – Julio Caesar)

PRF registra 87 mortes no feriado do Carnaval

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 249 acidentes graves e 87 óbitos nas rodovias federais desde a última sexta-feira (9). O balanço parcial da Operação Carnaval 2018 foi divulgado hoje (14) pelo órgão. Os números são menores que os do ano passado, quando foram registrados 309 acidentes graves e 131 óbitos até a terça-feira de Carnaval.

A operação segue até a meia-noite de hoje com o reforço de policiamento em trechos e horários críticos nas rodovias federais, aqueles que registram maior incidência de acidentes e de flagrantes de condutas irregulares. O balanço final da Operação Carnaval será divulgado amanhã (15).

Até 0h de ontem (13), as equipes da PRF fiscalizaram 144 mil veículos, com o objetivo de verificar as principais condutas irregulares – ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade, mistura álcool e direção, e falta de equipamentos de segurança. Foram autuados 1.497 motoristas por embriaguez ao volante, número 22% menor do que no mesmo período do ano passado, quando foram flagrados 1.914 motoristas embriagados até a terça-feira de Carnaval.

“Outro comportamento perigoso para os que estão nas rodovias e que ainda persiste é a ultrapassagem irregular, quer seja em locais proibidos ou em situações que não há possibilidades de ultrapassagem segura”, informou a PRF, em nota. Até meia-noite de ontem foram registradas 8.109 autuações por ultrapassagens irregulares, número 17% menor do que ano passado, “mas que ainda mostra uma frequência muito grande de um comportamento que pode definir a ocorrência de um dos acidentes mais letais, que é a colisão frontal”.

A Operação Carnaval 2018 é mais uma etapa da Operação RodoVida, que começou no dia 22 de dezembro de 2017 e se encerrará no dia 18 de fevereiro.

(Agência Brasil)

Projeto quer destinar parte das multas para o SUS

Valores das multas aplicadas na Operação Lei Seca, da Polícia Rodovia Federal, pelo menos boa parte, poderão ser destinadas ao Sistema Único de Saúde (SUS) .

É o que determina o projeto de lei nº 7848/2017, do deputado federal Aureo (SD-RJ). A matéria deve ir a votação no plenário nos próximos dias.

(Foto – Arquivo)

Morre o médico Carlos Luís Marcelo Antunes, perito do Detran-CE

1375 3

Em nota de falecimento, o Detran-CE lamenta a morte do médico Carlos Luís Marcelo Antunes, perito do órgão. Confira:

O Detran-CE comunica, com pesar, o falecimento do Dr. Carlos Luís Marcelo Antunes, que ainda estava na ativa, por isso era o único médico da Perícia de Tráfego não aposentado dos quadros do órgão.

Convida a todos os servidores para o velório, que permanece na Eternus, até as 16horas desta terça-feira (13), de onde sairá para ser sepultado no Parque da Paz.

O Detran se solidariza com a família por esse momento de saudade, ao mesmo tempo em que manifesta sua eterna gratidão ao excelente profissional que cumpriu fielmente sua missão.

Detran adota mão única em trecho da CE 025 no sábado de Carnaval

O tráfego de veículo na CE 025 ou Avenida Maestro Lisboa, no sentido rotatória da Cofeco até a para rotatória do Beach Park, Porto das Dunas, terá mão única neste sábado de Carnaval, dia 10, das 7 horas às 15 horas. A informação é da assessoria de imprensa do Detran.

Na Quarta-feira de Cinza, o sentido único será invertido: da rotatória do Beach Park para rotatória da Cofeco, no mesmo horário, das 7 horas às 15 horas.

A providência foi adotada pelo Detran para garantir a fluidez do tráfego de veículos que atinge mais que o dobro do fluxo nesses dois dias: sábado de Carnaval e Quarta-feira de Cinza.

Nos outros dias do Carnaval, domingo, segunda-feira e terça-feira, o fluxo os dois sentidos será mantido. Agentes do Detran e PRE orientarão os motoristas, nesse trecho.

Avenida Leste-Oeste tem velocidade máxima reduzida para 50 km

O limite de velocidade na avenida Presidente Castelo Branco (Leste-Oeste) estará reduzido de 60 km/h para 50 km/h na manhã desta quinta-feira, 8. A mudança, adotada pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), tem o objetivo de diminuir a quantidade e a gravidade dos acidentes na região. Só nos últimos dez anos, segundo a Prefeitura, 106 pessoas morreram no trânsito da Leste-Oeste; dez, ano passado.

A redução da máxima velocidade permitida segue, ainda, preceitos da Organização Mundial de Saúde (OMS), que orienta que vias arteriais urbanas como a Leste-Oeste não tenham mais de 50 km/h. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece 60 km/h para este tipo de via. A justificativa da OMS, contudo, tem base em métricas que constatam o óbvio: quanto mais rápido o veículo estiver, mais grave será o acidente e menor a chance da vítima tem de sobreviver.

Dos mortos na última década, na Leste-Oeste, 50% eram pedestres e 16% eram ciclistas. Os números transformaram a avenida, bem como a Osório de Paiva e a rodovia BR-116, numa das mais perigosas da Capital. Sendo assim, além da redução da velocidade e de outras intervenções no trecho entre a rua Jacinto Matos e a avenida Radialista José Lima Verde, foi preciso instalar seis novos semáforos, fechar pelo menos cinco retornos e pintar sete faixas de retenção para motocicletas e 3,5 km de ciclofaixa para melhorar a segurança viária do local.

“Essa avenida de 50 km/h é a primeira experiência” da Cidade, anunciou o superintendente da AMC, Arcelino Lima. De acordo com ele, num segundo momento, cuja data não foi divulgada, o trecho entre a rua Jacinto Matos e a avenida Dom Manuel também será reajustado. Por enquanto, durante seis meses, nenhum condutor que trafegar entre 50 km/h e 60 km/h na Leste-Oeste será multado, devido ao período de adaptação. Porém, o motorista que ultrapassar 60 km/h continuará a ser penalizado. Dez equipamentos de fiscalização eletrônica, agora, compõem o monitoramento da região.

(O POVO/Foto Aurélio Alves)

MPF – Donos de veículos podem pagar DPVAT até a data do licenciamento

Proprietários de veículos no Ceará poderão continuar pagando o seguro obrigatório (DPVAT) junto com o licenciamento sem que haja cobrança de multas e juros. Portanto, não haverá prejuízo financeiro nem de cobertura do seguro, já que uma liminar da Justiça Federal garantiu proteção aos motoristas e vítimas de eventuais acidentes independente da data de pagamento do DPVAT. Quem já pagou o seguro não precisará pagar novamente no licenciamento. A informação é da assessoria de imprensa do MPF do Ceará.

O pagamento do DPVAT foi pauta, nesta segunda-feira, 5 de fevereiro, de reunião promovida pelo Ministério Público Federal (MPF) com a proposta de padronizar a fiscalização da cobrança de taxas relacionadas ao licenciamento de veículos.

Durante a reunião, o procurador da República Oscar Costa Filho lembrou que o atraso no pagamento do DPVAT e do IPVA não constitui infração de trânsito, desta forma o motorista não fica sujeito a multa de trânsito e nem à apreensão do veículo até a data de vencimento do licenciamento. Polícia Rodoviária Federal (PRF), Detran e Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania de Fortaleza (AMC) confirmaram que durante fiscalizações continuarão exigindo apenas o comprovante de licenciamento.

Representantes da Seguradora Líder defenderam que os proprietários de veículos que não pagaram o seguro obrigatório até 31 de janeiro estariam descobertos. Apenas as vítimas de eventuais acidentes provocados por motoristas inadimplentes receberiam indenização. O argumento é contrário à liminar concedida pela Justiça Federal no Ceará que garante cobertura para ambos – motoristas e vítimas.

Em outros estados brasileiros, a cobrança do IPVA, que serve de referência para o pagamento do seguro obrigatório conforme previsto na legislação, coincide com o licenciamento. Oscar Costa Filho defende mudanças no calendário de cobrança do imposto no Ceará para a unificação das cobranças. A medida depende de decisão administrativa da Secretária da Fazenda do Estado (Sefaz), responsável pelo recolhimento do imposto.

Enquanto não há uma unificação das cobranças do seguro e do imposto ao licenciamento, o superintendente adjunto do Detran, Pablo Ximenes, informou que o órgão continuará enviando, junto com a correspondência de cobrança do licenciamento, o boleto do DPVat para os motoristas que não tiverem pago o seguro em dia.

DPVAT: MPF convoca seguradora, Detran, AMC e PRF para discutir fiscalização do licenciamento

A uniformização da fiscalização de veículos por parte dos órgãos executivos referente à cobrança de taxas, multas e encargos será tema de reunião do Ministério Público Federal do Ceará (MPF-CE) na próxima segunda-feira, 5.

Na oportunidade também será tratada a definição da data de pagamento desses valores para o licenciamento de veículos.

Deverão estar no encontro representantes da seguradora Líder, do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), da Polícia Rodoviária Federal e da Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) de Fortaleza.

A reunião foi convocada pelo procurador da República, Oscar Costa Filho. O magistrado é o autor da recomendação dada na última terça-feira, dia 30, para que a Seguradora Líder torne sem efeito a antecipação obrigatória do pagamento da taxa do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre.

(O POVO Online)

MPF convoca reunião para tratar sobre fiscalização na cobrança do licenciamento de veículos

O Ministério Público Federal no Ceará marcou, para as 9 horas da próxima segunda-feira, em sua sede, reunião com objetivo de tratar sobre a uniformização da fiscalização, por parte dos órgãos executivos de trânsito, quanto à cobrança de taxas, multas e encargos, no que diz respeito à definição da data de pagamento desses valores para o licenciamento de veículos.

A reunião foi convocada pelo procurador da República Oscar Costa Filho, autor da recomendação expedida nessa terça-feira, 30, para que a Seguradora Líder torne sem efeito a antecipação obrigatória do pagamento da taxa do Seguro DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre).

Deverão participar da reunião na próxima segunda-feira representantes da seguradora Líder, do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) de Fortaleza.

(Foto – Jarbas Oliveira)

AMC fechou 2017 arrecadando R$ 121 milhões com multas

3232 2

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) não tem do que reclamar em matéria de caixa.

No ano passado, arrecadou 121 milhões com multas e taxas, mas garante que investiu tudinho na educação e modernização do trânsito de Fortaleza.

Em 2016, essa arrecadação bateu nos R$ 88 milhões. O aumento em 2017, explica, foi porque o valor das multas sofreu reajuste, explica a autarquia.

Tá bom!

Seguro DPVAT deve ser pago até esta quarta-feira

Com alteração de data do seguro por Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de via Terrestre (DPVAT), motoristas cearenses têm até esta quarta-feira, 31, para efetuar o pagamento do seguro obrigatório, que não será mais pago junto com o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e o licenciamento. Apesar de administrado por outro órgão, a taxa do DPVAT deve ser emitida através do site do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE) ou da Seguradora Líder, e o pagamento efetuado à vista.

Em nota, o órgão informa que a Seguradora Líder é a “responsável pela administração do DPVAT em todo o território nacional” e que “valores, prazo e forma de pagamento”, bem como cobertura do seguro e reajustes, “são de responsabilidade” da Seguradora Líder.

Apesar da data estabelecida pela Líder, o Detran-CE também esclarece que a “checagem do pagamento DPVAT” será feita apenas na ocasião do licenciamento do veículo – visto que “é dever de todo proprietário” o pagamento do seguro “para que o veículo seja licenciado”. O Detran-CE possui um calendário próprio para o licenciamento dos veículos, de acordo com o final do emplacamento.

O pagamento da cota única do DPVAT sofreu outra alteração este ano, além da separação da taxa e da fixação de data única. Conforme resolução do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), o seguro obrigatório sofreu uma redução de 35% do valor.

Com isso, motoristas de automóveis e camionetes particulares ou oficiais pagam R$ 45,12. Já para motocicletas, o valor é de R$ 185,50.

O seguro DPVAT, segundo o Detran-CE, contempla cobertura de indenizações em caso de morte (R$ 13.479,48), invalidez permanente (até R$ 13.479,48) e reembolso de despesas médicas e hospitalares (até R$ 2.695,90).

(Com O POVO)

O pré-carnaval e o direito dos moradores

Em artigo enviado ao Blog, o conselheiro da Comissão Federal de Anistia do Ministério da Justiça, Mário Miranda de Albuquerque, reclama da falta de sinalização durante a realização do pré-carnaval. Confira:

É um absurdo o que está acontecendo aos moradores e seus familiares residentes nas ruas do entorno onde acontecem as apresentações de blocos nesse pré-carnaval em Fortaleza. O elementar direito de ir e vir está sendo flagrantemente violado, com o bloqueio das ruas pela AMC.

Simplesmente, moradores e familiares não conseguem entrar (sair ainda é possível, com enormes dificuldades). Tome-se o exemplo da rua Gonçalves Ledo, entre a Monsenhor Tabosa e a Tenente Benévolo, imediações do Mercado dos Pinhões. O acesso que normalmente é feito pela Monsenhor Tabosa está bloqueado e não há qualquer placa indicativa orientando como seria o acesso.

Por dois sábados consecutivos, vi frustrada a visita à minha mãe idosa e doente. A gente é jogado, por intuição, pois não há placa de orientação, como afirmado, a buscar uma saída pelo lado da praia da Monsenhor Tabosa, e o resultado é que fica-se perdido no meio do verdadeiro labirinto de ruelas e becos existentes nesse setor. Um absurdo.

Assim como eu, outros membros da família passaram pelo mesmo tormento e frustração e é de se supor que outras famílias residentes nesse trecho da rua Gonçalves Ledo também.

Apela-se medidas saneadoras do problema por parte das autoridades municipais e quiçá do Ministério Público. É possível que o mesmo esteja ocorrendo em outras áreas da cidade. Imagine em caso de emergência por doença.