Blog do Eliomar

Categorias para Transportes

Produção de bicicletas aumenta 15,9% no Brasil

As fabricantes de bicicletas produziram 773.641 unidades em 2018, volume 15,9% superior ao de 2017 (667.363 unidades), de acordo com dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), divulgados hoje (14) em São Paulo.

Em dezembro, foram produzidas 21.857 unidades, volume equivalente ao do mesmo período de 2017 (21.879 unidades). Na comparação com novembro de 2018 (83.726 unidades), houve queda de 73,9%.

Segundo o vice-presidente do Segmento de Bicicletas da Abraciclo, Cyro Gazola, a retomada nos negócios, após quatro anos em declínio, foi impulsionada pela maior oferta de produtos, preços mais competitivos e expansão da mobilidade urbana.

“Isso mostra com clareza o impacto positivo da ampliação das redes de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas nas cidades brasileiras”, disse. Ele ainda atribui ao desempenho positivo a uma redução do índice de inadimplência dos consumidores, aliada ao aumento da oferta de crédito pelas instituições financeiras.

Os volumes de bicicletas produzidos no Polo Industrial de Manaus (PIM) em 2018 foram distribuídos para comercialização para as seguintes regiões do País: Sudeste, com 55,4% das unidades; Sul, 19,5%; Nordeste, 14,7%; Centro-Oeste, 5,8%; e Norte, 4,6%.

Projeções

De acordo com a Abraciclo, a produção de bicicletas deve ter um aumento de 10,8% em 2019, chegando a 857.000 unidades.

Segundo Gazola, a expectativa está baseada nas mudanças e implantação de novas medidas na economia, que podem ocorrer com o novo governo, além da continuidade dos lançamentos de bicicletas de maior valor agregado.

De acordo com o executivo, o mercado percebe e responde positivamente à melhoria contínua da tecnologia, qualidade e gama de oferta dos produtos e marcas nacionais, que têm preços mais acessíveis aos consumidores.

“Com a redução do endividamento das famílias, devem ser retomadas as compras planejadas, tendo, ainda, o apoio do varejo na oferta de crédito mais acessível. Esses fatores podem levar a uma aceleração da demanda já no primeiro semestre do ano”, finalizou.

(Agência Brasil)

Ônibus vão operar com frota reduzida em Fortaleza a partir das 20 horas desta sexta-feira

A frota de ônibus na volta para casa será reduzida a partir das 20 horas desta sexta-feira, 11 de janeiro (11). Essa é uma medida de segurança anunciada no fim da tarde da quinta, 10, pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus). Durante o dia, 100% dos ônibus estavam circulando na cidade, segundo informou a Etufor.

A operação da quinta-feira, em que foi reduzido a frota de ônibus para 30% a partir das 20 horas, funciona também para esta sexta. A partir das 21 horas, as topiques devem parar de circular por medida de segurança. Continuará havendo policiais fardados e à paisana dentro do interior dos veículos.

(O POVO Online / Repórter Larissa Carvalho)

Presidente do Sindiônibus e a onda de ataques criminosos em Fortaleza

269 5

Em sua página no Facebook,  presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira, fala sobre o cenário atual de Fortaleza, com ataques criminosos e o transporte coletivo. Confira:

Venho a público dizer que sinto muito por esta difícil situação de insegurança que Fortaleza atravessa e por todos os impactos que nossos cidadãos vêm sofrendo em decorrência disto, especialmente quanto à precariedade causada ao serviço de transporte público.
Sempre em sintonia com os órgãos públicos de segurança, temos trabalhado intensamente no Sindiônibus e empresas associadas procurando criar estratégias para manter alguma oferta de transporte. Porém, diante da intensidade e quantidade de ataques criminosos, nestes momentos a oferta possível de serviços fica muito aquém das necessidades da população fortalezense, maior prejudicada por estes ataques.

Todos os dias nossos ônibus estão preparados e nossos funcionários estão prontos na expectativa de poder atender à população. A avaliação da segurança é permanente para identificar oportunidades seguras de aumentar gradativamente a oferta de transporte até a normalidade. Desde o dia 02/01/19, já tentamos algumas vezes retomar o serviço pleno ou ampliar, porém novos ataques causam perda de controle e recuo.

Chegamos a um ponto em que precisamos contar com o apoio da polícia para embarcar policiais nos ônibus, o que limita muito nossa capacidade de ofertar serviços. Neste momento, graças ao apoio da polícia, podemos contar com com 136 ônibus em 81 linhas operando, o que é muito pouco mesmo para um domingo, que normalmente tem cerca de 700 veículos circulando.

A queima de um ônibus prejudica toda a população, pois a reposição de cada um leva vários meses e isso traz sérios impactos negativos ao desempenho normal do sistema de transportes. Financeiramente o prejuízo é exclusivo das empresas, que muitas vezes nem têm condições de repor um ônibus em momento não previsto em seu planejamento financeiro, por não dispor do dinheiro ou do crédito disponível para uma operação financeira que não se encaixa na sua capacidade de pagamento.

Aproveito a oportunidade para deixar claro que não existe seguro para vandalismo em frotas de ônibus. Não há nenhum meio de amortecer o impacto financeiro causado às empresas.

Também é importante entender que outro grave prejuízo para as empresas decorre de estar impedida de exercer sua atividade, única fonte de receita para arcar com seus compromissos. Mais da metade do que arrecadamos é destinado a despesas com funcionários, que precisam receber normalmente, independente de as empresas não estarem arrecadando nestes dias.

Reitero à nossa população, especialmente a nossos clientes, que todos sentimos muito. Agradecemos sinceramente a nossos funcionários, em especial motoristas, cobradores e equipes de controle operacional, que se desdobram para fazer seu melhor e às vezes precisam enfrentar o medo para atender à população da melhor maneira possível.

Ainda, reitero minha confiança nas nossas forças de segurança para restabelecer rapidamente a normalidade no nosso estado para que nosso povo possa trabalhar em paz para reverter qualquer perda ocorrida neste triste período.

*Dimas Barreira,

Presidente do Sindiônibus/Fortaleza.

Após duas horas de paralisação, Fortaleza terá 81 linhas com 136 ônibus disponíveis neste domingo

Fortaleza terá 136 ônibus distribuídos em 81 linhas na tarde deste domingo, 6, conforme informa o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus). Cada coletivo contará com três policiais embarcados para segurança dos passageiros. A frota estará nas ruas logo após duas horas de paralisação, entre 13h30min e 15h30min, período de troca de turno dos agentes.

Confira a lista das linhas que devem operar neste domingo:

10 – Cumbuco
11 – Circular 1
15 – Conjunto Ceará/Antônio Bezerra I
23 – Corujão/Edson Queiroz/Papicu
26 – Antônio Bezerra/Messejana
29 – Parangaba/Náutico
31 – Avenida Borges de Melo I
32 – Avenida Borges de Melo II
34 – Corujão/Avenida Paranjana I
35 – Corujão/Avenida Paranjana II
36 – Corujão/Conjunto Ceará/Papicu/Montese
37 – Corujão/Conjunto Ceará/Aldeota
38 – Parangaba/Papicu
39 – Corujão/Avenida Bezerra de Menezes
44 – Parangaba/Papicu/Montese
45 – Iguape
46 – Corujão/Conjunto Ceará
48 – Corujão/Parangaba/Papicu
50 – Siqueira/Papicu/Washington Soares
53 – Messejana/Papicu/Washington Soares
54 – Corujão/Praia do Futuro/Caça e Pesca
55 – Corujão/Grande Circular I
56 – Corujão/Grande Circular II
57 – Itapebussu
58 – Corujão/Jardim Guanabara/Cj Nova Assunção II
59 – Corujão/Avenida Sargento Hermínio
62 – Corujão/Conjunto Esperança
63 – Corujão/Bom Jardim
64 – Corujão/Aeroporto/Centro/Rodoviária
65 – Corujão/Barroso/Jardim Violeta
66 – Parangaba/Papicu/Aeroporto
67 – Maranguape
69 – Lagoa/Papicu/Via Expressa
73 – Siqueira/Praia de Iracema
74 – Antônio Bezerra/Unifor
77 – Parangaba/Mucuripe
79 – Antônio Bezerra/Náutico
85 – Lagoa/Aldeota
88 – Antônio Bezerra/Albert Sabin
95 – Corujão/José Walter
101 – Beira Rio
210 – Quintino Cunha/Antônio Bezerra
211 – Vila Velha/Antônio Bezerra
212 – Jardim Guanabara/Conjunto Nova Assunção I
222 – Cascavel
326 – Jereissati/Fortaleza
327 – Conjunto Ceará/4ª Etapa
332 – Terminal Metrópole
335 – Bom Jardim I
336 – Parque Santa Cecília I
338 – Novo Maracanaú
341 – Conjunto Ceará/Centro/3ª Etapa
347 – José Walter/Parangaba/Avenida L
348 – Planalto Caucaia
350 – Novo Maracanaú II
360 – Siqueira/João Pessoa
361 – Siqueira/Osório de Paiva/Parangaba
362 – Siqueira/Vila Manoel Sátiro/Parangaba
364 – Parque Potira
373 – Maranguape
389 – Jovita Feitosa/Shopping Benfica
390 – Parangaba/João Pessoa
398 – Corujão/José Bastos/Genibaú
401 – Montese/Parangaba
405 – Parque Dois Irmãos/Expedicionários
603 – Jardim União/Centro
605 – José Walter/Br 116/Avenida I
621 – Pedras I
622 – Pedras II
629 – Conjunto Palmeiras/Perimetral
635 – Conjunto Tamandaré
650 – Messejana/Centro/Br Nova/Expresso
665 – Corujão/Messejana/Centro
676 – Conjunto Curió
680 – José Walter/Papicu/Cidade Jardim
685 – Messejana/Rodoviária
815 – Messejana/Papicu/Conjunto Tancredo Neves
841 – HGF/Papicu/Riomar
909 – Praia do Futuro/Caça Pesca/Beira Mar
1331 – Carlos Jereissati Rota 1
1332 – Carlos Jereissati Rota 2

(O POVO Online / Repórter Larissa Carvalho)

Ônibus não circulam por duas horas nesta tarde

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) informou que, entre as 13h30min e as 15h30min, não circulam ônibus na Grande Fortaleza por causa do período de rendição da Polícia – a troca de turno entre os PMs.

A paralisação do serviço ocorre porque, desde a noite desta sexta-feira, 3, só circulam na Grande Fortaleza coletivos com policiais militares fardados embarcados. São três por veículo. E eles têm esse momento de troca de turno.

Com a operação, segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), não foram registrados ataques a coletivos entre a noite desta sexta e este sábado. Já foram presas e apreendidas 86 pessoas por participação nos ataques. (O POVO Online)

DETALHE – Leitores reclamam ao Blog que as empresas estão à frente dos horários das linhas, não a Etufor, durante este período de ataques contra ônibus. Segundo leitor, fiscais do terminal da Messejana informaram o horário da linha Antonio Bezerra Messejana, por volta das 10 horas, mas, após a chegada do veículo ao terminal, por volta das 11h15min, a empresa determinou que o ônibus aguardasse no terminal, enquanto seria providenciado almoço aos policiais e intervalo de descanso. Como não havia precisão de outro horário, alguns usuários deixaram o terminal a pé.

Sindiônibus diz que coletivos iriam circular normalmente hoje, mas os ataques voltaram

Em nota enviada à imprensa, o presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira, relata que a frota iria circular normalmente nesta sexta-feira (4), mas foi retirada por causa de novos ataques na madrugada. Confira:

Os ônibus estavam saindo hoje normalmente quando reiniciaram os ataques. Atacaram mais dois veículos por volta das 5 horas.

Neste momento, há 30% de frota sendo colocada em operação de contingência combinada com a segurança do Estado, porque é o que está sendo possível dar segurança.

Estão para conseguir reforços e com isso a oferta de ônibus poderá aumentar.

Não podemos colocar frota na rua para encher de gente sendo alvo potencial de bandidos e também nossos funcionários, que têm enfrentado heroicamente essas ondas de violência desde 2014, entrando em bairros sob constantes ataques, inclusive à noite.

Além disso, ônibus não têm em prateleira. Portanto, se seguirmos só entregando mais ônibus para a queima, além do prejuízo imediato o serviço fica prejudicado por muito tempo depois.

É uma situação caótica, péssima para todos.

Confiamos nas forças de segurança do Estado para restabelecer a ordem o mais breve possível.

Sindiônibus

Terminal Rodoviário João Tomé terá 480 viagens extras por conta do Natal

As empresas de transporte que operam no Terminal Rodoviário Engenheiro João Tomé disponibilizarão 480 viagens extras neste período natalino, número que pode aumentar de acordo com a demanda. A estimativa é de que até o termino do período, somadas as viagens normais e extras, mais de 1.734 viagens sejam realizadas, o que representa um aumento de 38% nas viagens normais.

Essas informações são do Detran, adiantando que 60 mil passageiros devem movimentar o terminal rodoviário a partir desta quinta-feira e até o dia 25, o que representa quase 70% a mais do que o número de passageiros que normalmente embarcam e desembarcam pelo local.

Entre os destinos mais procurados estão Sobral, Juazeiro, Iguatu, Camocim, Viçosa, São Benedito, Baturité, Beberibe, Crateús, Jericoacoara, Canindé, Limoeiro do Norte. Para as viagens interestaduais, as cidades mais procuradas são Recife, Natal, João Pessoa, Maceió, Teresina e São Luiz.

Dicas importantes para os passageiros

1-Adquirir os bilhetes de passagens com antecedência;
2-Chegar ao Terminal Rodoviário com 1h de antecedência ao embarque;
3-Conferir a documentação necessária para o embarque, principalmente das crianças;
4-Checar se as bagagens estão identificadas com nome, telefone e endereço;
5-Dirigir-se ao embarque com 30 minutos de antecedência;

SERVIÇO

*Terminal Rodoviário (85) 3256-2040 e 3256-5786

*Juizado de Menores (85) 3231-1015.

(Foto – Arquivo)

Pedido de vista suspende julgamento sobre aplicativos de transporte

O Supremo Tribunal Federal (STF) começou a julgar hoje (6) a constitucionalidade de duas leis estaduais que proibiram a atuação dos motoristas particulares dos aplicativos Uber, Cabify e 99. Após 2 votos a favor dos aplicativos, um pedido de vista do ministro Ricardo Lewandowski suspendeu o julgamento. Não há data para retomada da análise da questão.

A decisão do STF poderá liberar definitivamente a atuação dos aplicativos e acabar com a guerra jurídica de liminares que autorizaram e proibiram a circulação dos motoristas em várias cidades do país.

A Corte iniciou o julgamento das ações relatadas pelos ministros Luiz Fux e Luís Roberto Barroso, que proferiram os únicos dois votos da sessão, contra leis de Fortaleza e de São Paulo proibindo a atuação dos motoristas. O caso foi julgado a partir de ações protocoladas pelo PSL e pela Confederação Nacional de Serviços (CNS).

Em seu voto, Fux argumentou que a restrição na atuação dos aplicativos é inconstitucional por violar os princípios da livre iniciativa e da liberdade de profissão.

Segundo o ministro, estudos mostram que o serviço de transporte de aplicativos não diminuiu o mercado de atuação dos táxis. Fux também citou em seu voto os casos de desvios na titularidade das permissões de táxis em todo o país.

“Essas vendas de permissão de táxi, um permissionário tem 300 táxis. É uma exploração do homem pelo próprio homem, pagam diárias, têm que superar o valor da gasolina para retirar resíduo ínfimo. A Uber veio vencer esse paradoxo. ”, afirmou.

Relator de outra ação sobre a questão, Barroso também votou a favor dos aplicativos e entendeu que o serviço prestado é de natureza privada e não se caracteriza como serviço público realizado de forma ilegal. Segundo o ministro, a plataforma da Uber trouxe uma revolução tecnológica nos meios de transporte. Para Barroso, não há como a velha economia não ser impactada.

“O que vem acontecendo é o que se chama de destruição criativa. Nós temos um ciclo próprio de desenvolvimento capitalista em que há substituição de velhos modos de produção por novas formas de produção”, afirmou.

Manifestações
No julgamento, o advogado Carlos Mario Veloso Filho, representante da Uber, defendeu a importância da empresa e afirmou que a plataforma trouxe benefícios para o consumidor e melhorou o serviço de transporte nas cidades. Segundo Veloso, a Uber tem cerca de 500 motoristas no Brasil e paga aproximadamente R$ 972 milhões em impostos.

“A chegada da Uber foi benéfica ao sistema concorrencial brasileiro sob todos os aspectos, inclusive na lealdade da concorrência. A Uber representou uma emulação na melhora do sistema de táxi”, argumentou.

O representante do Sindicato dos Taxistas de Porto Alegre (Sintaxi), Alexandre Camargo, defendeu as leis locais que restringiram a atuação dos motoristas de aplicativos. Segundo Camargo, os municípios podem legislar sobre a matéria e proibir a circulação da Uber e dos demais aplicativos.

Para o representante dos taxistas porto-alegrenses, “é um absurdo” permitir que um motorista que não é profissional atenda à a população.

“Parece lindo e sedutor o argumento de que a pessoa [motorista] pode aumentar sua renda, mas, na verdade, o que se está fazendo é colocando a vida daquela pessoa [cliente] em risco. O pai de família que vê o seu carro na garagem e sai dirigindo, ele tem informação para dirigir esse carro, fez curso de direção defensiva, existe na CNH [carteira nacional de habilitação] dele que exerce atividade remunerada, existe revisão periódica do veículo para a prestação do serviço? questionou o advogado.

(Agência Brasil)

Prefeitura vai lançar aplicativo para denunciar assédio sexual no transporte coletivo

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai  lançar, às 14 horas desta quinta-feira, o Programa de Combate ao Assédio Sexual no Transporte Público, com um projeto piloto que prevê ações de enfrentamento ao problema, incentivando a denúncia, buscando coibir o assédio, gerar informação e conscientizar a população. É o que ele informa para o Blog.

O aplicativo, de acordo com o prefeito, deve ser implantado a partir de janeiro, por meio, por exemplo, do botão de denúncia virtual “Nina”, nova função presente no aplicativo Meu Ônibus Fortaleza, além de outras ações como capacitações e campanhas para o combate à problemática do assédio sexual no transporte público.

A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos coordenadora esse novo programa, que surgiu a partir da problemática de que, no Brasil, a prática de assédio sexual no transporte público é recorrente, atingindo principalmente mulheres.

A ordem é reforçar o processo de denúncia de casos de assédio no transporte coletivo junto às entidades competentes, oferecendo as gravações em vídeo do incidente e estimulando vítimas e testemunhas a efetuar a denúncia na Delegacia da Mulher. Com isso, a ideia é que seja inibida a ocorrência de assédio no transporte coletivo, por meio da divulgação da nova ferramenta de denúncia, do aumento de denúncias às entidades competentes e da punição de agressores.

(Foto – Ilustrativa)

Banco do Brasil disponibiliza recarga do Bilhete Único via WhatsApp

O Banco do Brasil vai lançar para seus clientes a solução de recarga de cartões de transporte via WhatsApp. O primeiro convênio para disponibilização do serviço acaba de ser firmado no município de São Paulo com a SPTrans – consórcio de empresas de transporte coletivo que atende cerca de seis milhões de passageiros/dia. A informação é da assessoria de comunicação da Instituição.

A recarga do Bilhete Único dentro dos canais BB foi lançada no final de 2016 e o uso do WhatsApp representa uma evolução do serviço. Em outubro, o total de créditos transferidos para o cartão da SPTrans dentro dos canais BB chegou a R$ 3,9 milhões – incremento de 45% sobre o montante verificado em janeiro de 2018. A expectativa é de que, com a disponibilização da solução no WhatsApp, a quantidade de recargas aumente em, pelo menos, 20%.

A solução utiliza inteligência artificial para estabelecer a interação com o usuário. Para utilizar o canal, o cliente deve adicionar em seus contatos o número do Banco do Brasil – 4004-0001, cadastrar o celular para movimentações financeiras e solicitar a recarga por meio de palavras-chave como ‘Recarga’, ‘Bilhete Único” ou ‘Bilhete Único SPTrans’. A interação acontecerá por meio de um assistente cognitivo, com utilização de inteligência artificial.

Serviços via WhatsApp

Além da recarga do Bilhete Único, os clientes do Banco do Brasil podem realizar outros 11 serviços financeiros pelo WhatsApp: transferências, recarga de celular, liberação de cartão, saldo de conta corrente, extrato de conta corrente, extrato de poupança, saldo de poupança, extrato de fundos de investimento, rastreio de cartão, fatura de cartão e consulta código IBAN (sigla de International Bank Account Number).

VAMOS NÓS – E aí, BB, quando é que essa novidade chegará ao sistema Bilhete Único de Fortaleza?

Seminário no fim do ano marcará fortalecimento da Rede Cuca em tecnologias sociais

O prefeito Roberto Cláudio anunciou nessa segunda-feira (19), na sede da Cegás, durante a abertura da VII Semana da Inovação Suécia-Brasil, que ainda este ano haverá o seminário que marcará o fortalecimento das atividades da Rede Cuca em tecnologias sociais, em uma parceria com a Suécia, diante de uma política voltada à juventude e à prevenção de homicídios.

“No fim deste ano, realizaremos um seminário sobre as experiências suecas e brasileiras. A partir daí, vamos começar a trabalhar a instalação de um grande equipamento que agregue o nosso Cuca à tecnologia deles, denominada Fryshuset. A ideia é instalar esse equipamento na Regional II de Fortaleza, em parceria também com o Governo do Estado, agregando políticas de juventude, de educação integral e de outros setores afins”, destacou Roberto Cláudio.

No evento dessa segunda-feira, o prefeito esteve acompanhado da vice–governadora Izolda Cela, quando debateu o potencial da cadeia de biometano para cidades sustentáveis como Fortaleza. No próximo ano, uma linha de transporte público deverá circular com biometano, como programa piloto, para testar o tempo, eficácia e eficiência da nova tecnologia nos ônibus de Fortaleza.

“As principais emissões de carbono para a atmosfera são o transporte e o lixo nas cidades brasileiras. Usar o lixo para combustível de transporte público é atacar as duas principais fontes poluentes. Então, além da questão da inovação tecnológica, a sustentabilidade também é um ganho concreto”, avaliou o prefeito.

(Foto: Divulgação)

Fortaleza será sede da maior feira de logística de transportes do País

Fortaleza vai ser da Feira Nacional de Logística, a Expolog 2018 .

O encontro ocorrerá nos dias 28 e 29 deste mês de novembro, no Centro de Eventos, e terá como tema central “Intermodalidade e a Conexão Global no Brasil Pós-Paralisação”.

Um dos conferencistas confirmados é o secretário especial do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República, Adalberto Santos de Vasconcelos, que abordará “Os Desafios da Infraestrutura Nacional”.

(Foto – Reprodução de Youtube)

Zona azul digital: mais de 100 mil cartões já vendidos

Da Coluna Eliomar de Lima, no O POVO deste sábado (10):

Com pouco mais de dois meses de implantação do novo serviço de Zona Azul adotado em Fortaleza, os motoristas já estão se adaptando à facilidade de adquirir o Cartão Azul Digital (CAD) por meio de um dos sete aplicativos disponíveis para operar o serviço.

Segundo dados da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), até o momento, 100 mil cartões eletrônicos foram vendidos e mais de 30 mil downloads realizados. Todo o recurso obtido será revertido para a ampliação da infraestrutura cicloviária, garante o titular do órgão, Arcelino Lima. Ele adianta que, a partir do recurso arrecadado com o estacionamento rotativo, o sistema Bicicletar será ampliado.

A previsão é que em janeiro tenha início o processo de implantação, a ser feito por lotes, de um total de 250 novas bicicletas a serem distribuídas por 25 estações em diversos bairros da cidade. O Zona Azul Digital opera através de uma simples tela de celular. O motorista adquire os créditos e controla todos os processos e gastos.

A AMC garante que, além da comodidade, dá maior segurança para os cidadãos porque evita fraudes e preços exorbitantes. Outra: os cartões de papel só valerão até o fim deste ano.

Obras do VLT Parangaba-Mucuripe vão interditar continuação da Avenida Dom Luís

Há trechos do projeto com operação assistida.Para executar mais uma etapa das obras de implantação do VLT Parangaba-Mucuripe, a Rua Professor Silas Ribeiro (continuação da Aveida Dom Luís), entre a Avenida dos Jangadeiros e a Rua Castro Monte, no bairro Papicu, será interditada. O bloqueio total deve ocorrer das 22 horas de sexta-feira (09/11) até às 22 horas de domingo (11/11). A interdição é necessária para garantir a segurança durante operação de içamento de 8 vigas dos dois novos viadutos ferroviários que estão sendo construídos no trecho.

A informação é da Secretaria de Infraestrutura do Estado, adiantando que no local, haverá movimentação de guindastes e das vigas, que têm 17 metros de comprimento e pesam cerca de 40 toneladas.

Desvios 

A orientação para os condutores que trafegam pela Avenida Almirante Henrique Saboia (Via Expressa) e querem acessar a Avenida Engenheiro Santana Júnior é entrar à direita na Rua Alfredo Ladislau (continuação da Rua Maria Tomásia), à esquerda na Rua Frederico Borges, à esquerda na Av. Santos Dumont, à direita na Rua Desembargador Valdetário Mota e à direita na Rua Bento Albuquerque.

Para os veículos que trafegam pela Eng. Santana Júnior (sentido Papicu/Iguatemi) em direção à Av. Dom Luís o recomendado é que os motoristas dobrem à direita na Avenida Santos Dumont, utilizando a alça do viaduto, cruzem a passagem de nível provisória da Avenida dos Jangadeiros, entrem à direita na Avenida Almirante Henrique Saboia (Via Expressa), à esquerda na Rua Castro Monte e à esquerda na Avenida Dom Luís.

Quem vem na Av. Santos Dumont em direção à Avenida Dom Luís deve cruzar a passagem provisória da Avenida Jangadeiros, dobrar à direita na Av. Almirante Henrique Saboia (Via Expressa), à esquerda na Rua Castro Monte e à esquerda na Avenida Dom Luís.

A AMC alerta que a Avenida Jangadeiros, no trecho compreendido entre a Aveida Santos Dumont e a Rua Prof. Silas Ribeiro, ficará liberada apenas para acesso ao Terminal do Papicu e ainda servirá como rota de retorno para a Avenida Eng. Santana Júnior.

(Foto – Arquivo)

Salmito destaca retomada das obras da linha leste do metrô de Fortaleza

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito (PDT), deputado estadual eleito, parabenizou nesta quarta-feira (7), em Bogotá, na Colômbia, o governador Camilo Santana (PT) pela retomada das obras da linha leste do metrô.

Salmito disse que o reinício das obras significa trabalho e compromisso honrado de Camilo.

Operação Finados começa nas rodovias do País

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou hoje (1º) em todo o país a Operação Finados 2018, que reforça a fiscalização nas rodovias de todo o país no fim de semana prolongado até o próximo domingo (4). Como em anos anteriores, ao planejar a distribuição de seus agentes, a PRF, além de focar nas localidades com maior incidência de acidentes de trânsito, leva em conta os horários com maior movimento.

Nessa mesma época no passado, quando houve um dia a mais, foram registrados 224 acidentes graves, que resultaram em 73 mortes. Ao todo, segundo a PRF, 1.015 pessoas ficaram feridas. De 2 a 5 de novembro de 2017, as equipes de policiais rodoviários fiscalizaram mais de 59 mil veículos e aplicaram 31.241 testes de alcoolemia, como é formalmente chamado o bafômetro, autuando mais de 700 condutores que dirigiam sob o efeito de álcool.

No período, como de costume, foram organizadas também ações de educação para o trânsito, que serão repetidas este ano. Em 2017, 21.597 pessoas participaram das atividades de orientação.

Além das tarefas de prevenção, os agentes têm a função de combater o tráfico de drogas. Ao longo dos quatro dias da Operação Finados 2017, foram apreendidos mais de 770 quilos de maconha e quase 14 quilos de cocaína. Durante as abordagens aos motoristas, a PRF recuperou, ainda, 83 armas de fogo ilegais e 109 veículos roubados.

Dicas para as viagens

A PRF enumera algumas recomendações importantes para um trânsito mais seguro. Tudo começa com o planejamento da viagem, ou seja, o ideal é que o motorista verifique, antes de pegar a estrada, qual a distância e o trajeto que irá percorrer, buscando identificar os pontos em que poderá parar para descansar, postos de gasolina e restaurantes na região e fazendo um cálculo estimado do tempo de viagem.

Segundo sugestão da PRF, as pausas devem ser feitas a cada três horas. É prudente que se cumpra esse intervalo porque quem dirige por muitas horas fica sujeito ao fenômeno da “hipnose rodoviária”, quando, embora a pessoa se mantenha com os olhos abertos, a percepção da realidade e a resposta corporal a eventos à sua volta ficam comprometidas.

É importante também que o motorista verifique se está portando toda a sua documentação pessoal e também do veículo e que assegure que todo o mecanismo do veículo está em bom estado.

Os faróis, por exemplo, devem reluzir de forma que o veículo ilumine a pista e possa também ser visto por outros veículos. O conjunto de pneus deve estar calibrado e o motor, revisado, com óleo e nível de água do radiador em dia.

Outra dica da PRF é não esquecer de checar se equipamentos de porte obrigatório, sobretudo pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, estão dentro do veículo, além de examinar as condições dos limpadores de para-brisa, úteis para a visibilidade da pista.

Viagem com crianças

Crianças com até 12 anos de idade completos que não estejam na companhia dos pais ou responsáveis (tutores ou guardiões) só podem viajar para fora das comarcas onde residem mediante expressa autorização judicial, segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente.

A autorização é dispensada somente quando a criança estiver acompanhada de ascendente (avô ou bisavô) ou colateral (irmão ou tio), maior de 18 anos de idade. O parentesco deve ser comprovado por documentos do parente e da criança.

Ainda segundo o estatuto, a autorização judicial pode ser substituída por uma autorização elaborada pelo pai, mãe ou responsável da criança, se o adulto encarregado de acompanhá-la for citado nominalmente no documento assinado por eles.

(Agência Brasil)

Ufa! Dnit realiza paliativo e lança edital para obra definitiva de restauro em trecho da BR-116

Finalmente, o Dnit do Ceará ouviu as cobranças deste Blog e fez um tapa-buraco nas juntas de dilatação do viaduto que fica na área da Base Aérea de Fortaleza e que provocava, diariamente, enormes engarrafamentos.

Mas a superintendente  estadual do órgão, Liris Campelo, adianta que já assinou e lançou edital para a obra de restauro em definitivo desse trecho. A empresa, inclusive, terá 15 dias para mobilizar máquinas e iniciar o serviço na rodovia.

Nesta semana ainda o cronograma das ações chegará ao órgão, adianta a titular do Dnit.

Aplicativo Meu Ônibus já faz recarga online do bilhete único

O Sindiônibus já oferece ao usuário do transporte coletivo, segundo seu presidente, Dimas Barreira, a recarga online do bilhete único. Isso pode ser feito por meio do aplicativo Meu Ônibus Fortaleza).

Se o crédito demorava quase um dia para aparecer, tudo agora sai em 20 minutos, garante Dimas.

Pena que o aplicativo só aceite os cartões Visa e Mastercard.

(Foto – Reprodução do Youtube)

Ministro dos Transportes e uma via de muitas promessas

Camilo, ministro, deputada federal Gorete Pereira e Liris Campelo.

O ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Valter Casimiro, deixou Fortaleza nas últimas horas. Aqui, ele esteve tratando das obras do Anel Viário e da recuperação das BRs que cortam o Ceará.

Valter despachou com o governador Camilo Santana (PT), no Palácio da Abolição, quando se comprometeu a priorizar, em matéria de restauração, trechos como a Banabuiú-Quixadá e a conclusão da BR-222, em Tianguá, e BR-116 (Pacajus-Boqueirão do Cesário).

Com o ministro, estava a superintendente do Dnit-Ceará, Líris Campelo, que ainda não cuidou de uma reclamação que, há meses, entrou na pauta da mídia local: as junta de dilatação da BR-116, altura do viaduto da BR-116. Viraram buracos que, diariamente, causam grande engarrafamento.

(Foto – Divulgação)