Cinturão das Águas – Líder do Governo critica oposição e diz que verbas estão asseguradas

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=N-2lBRUI8IY[/youtube]

O líder do Governo na Câmara dos Deputados, José Nobre Guimarães (PT), garantiu, nesta segunda-feira, que os recursos para a continuidade das obras do Cinturão das Águas, estão assegurados. Ele repudia informações divulgadas pela oposição apontando para retenção das verbas do empreendimento.

Guimarães diz que, na semana passada, com oi governador Camilo Santana (PT), esteve em audiência com o ministro Nelson Barbosa (Planejamento) e ficou assegurado o calendário dos recursos para o Cinturão das Águas e para o projeto Lago de Fronteiras, que beneficiará Crateús.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

4 comentários sobre “Cinturão das Águas – Líder do Governo critica oposição e diz que verbas estão asseguradas

  1. Que coisa triste:
    * Líder Guimarães: atolado até o pescoço com o dinheiro na cueca
    * Mercadante ( casa civil): Pego em São Paulo com 1 milhão e setecentos mil
    Ver esses 02 indivíduos falando pelo governo, dá pra ver que tipo de governo temos.

  2. No dia 14/01/15 ele concedeu entrevista ao Eliomar.
    O deputado federal José Nobre Guimarães (PT) confirmou, nesta quarta-feira, que há uma Medida Provisória garantindo recursos para o inicio das obras das refinarias do Ceará e do Maranhão. Ele adiantou que a MP deverá ser aprovadas pelo Congresso, em fevereiro, para calar a boca dos agourentos.

    Ainda no mês de janeiro todos ficamos sabendo o que a Petrobrás fez com a refinaria.
    Então ….
    Podem esquecer!
    Não teremos Cinturão das Águas!

  3. Esse discípulo de Lula, fala como o mestre, nega o óbvio e fala do que não existe, é um método de enrolação do canelau ignaro, sempre mantendo as esperanças em algo que não há. E assim tem dado certo desde 2003.

  4. O jornalista poderia ter perguntado pelas verbas asseguradas para refinaria, conforme ele mesmo publicou. Como foi mentira, e não existe nenhum tipo de questionamento visando esclarecer,o leitor fica sem saber quem mentiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + treze =