Ciro Gomes acomoda interesses em mudança de partidos, diz Eunício ao criticar excesso de legendas no país

foto ciro e eunício dedos

Para o líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), o excesso de partidos políticos no país dificulta a governabilidade, diante da dificuldade da formação de uma base confiável. “Cada partido quer ter sua representação, isso cria embaraços”, comentou o senador cearense em entrevista na Revista Época, neste fim de semana.

Para Eunício, a redução de legendas melhoraria a imagem dos políticos e do Poder Legislativo, diante da acomodação dos partidos nos governos. “Eu nunca mudei de partido. Temos quem já mudou cinco vezes de partido, em cinco anos. O ex-governador Ciro Gomes já mudou de partido nove vezes para acomodar seus interesses, nunca os da sociedade. Esse modelo é malévolo para o Brasil”, avaliou.

Para o senador, o provável governo de Michel Temer contará com um quadro de “notáveis”, mas não poderá abrir mão das indicações políticas. “Não está fechado quantos ministérios serão e quem estará neles. É muito difícil formar uma base majoritária num país com mais de 30 partidos. (…) Acho que tem ministério demais, mas você não consegue formar base sem um número elevado de ministérios”, disse.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

2 comentários sobre “Ciro Gomes acomoda interesses em mudança de partidos, diz Eunício ao criticar excesso de legendas no país

  1. Francamente a mim é difícil entender porque alguém ainda pode considerar necessário rebater o Sr. Ciro Gomes. Alguém ainda acredita que ele tem alguma chance de voltar a ser relevane na política brasileira ou mesmo na política cearense. Ele agora esta colhendo o que plantou. Agora, parafraseando Castro Alves: “Deixa-o em paz morrer na solidão”…

  2. O ex tudo nunca trabalhou na vida, não herdou e muito menos casou com mulher rica. De onde vem tanto dinheiro pra financiar a vida milionária que o mesmo leva?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 5 =