Coreia do Norte acusa: os EUA querem provocar uma guerra

Donaldo Trump, presidente dos EUA, é alvo de protestos.

A Coreia do Norte acusou, nesta quinta-feira (7), os Estados Unidos (EUA) de querer provocar uma guerra na Península Coreana, uma decisão que se reflete na escalada das manobras militares de Washington e os comentários “belicistas” das autoridades sobre o país.

“Os comentários negligentes de guerra do círculo interno do presidente americano Donald Trump e os movimentos militares temerários dos EUA corroboram que o atual governo decidiu provocar uma guerra na Península Coreana”, disse um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores norte-coreano à agência estatal KCNA.

O governo da Coreia do Norte acredita que Washington optou pela estratégia de caminhar passo a passo para explodir o conflito e que o que pode ser perguntado agora é “quando explodirá a guerra”?

O porta-voz do Ministério da Coreia do Norte afirmou: “não desejamos uma guerra, mas não fugiremos dela” e advertiu os EUA de que “pagarão caro” por provocar um conflito com sua “poderosa força nuclear, que fortalecemos constantemente”.

A tensão na Península da Coreia aumentou nos últimos meses, após o último teste nuclear norte-coreano em setembro e os lançamentos de mísseis balísticos, o mais recente e mais avançado na semana passada.

O assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, o tenente-general Herbert Raymond “H.R.” McMaster, disse recentemente que a possibilidade de uma guerra com a Coreia do Norte “está aumentando a cada dia”, enquanto o senador republicano Lindsey Graham pediu ao Pentágono para começar a repatriar as famílias dos militares americanos, alegando que o conflito com o Norte está se aproximando.

(Agência Brasil)

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − dois =