Enquanto DEM trabalha cargos no ‘governo Temer’, Moroni defende eleições gerais

zuMoroni

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quarta-feira (27):

Enquanto o DEM trabalha em Brasília pela derrubada da presidente Dilma Rousseff – de olho em possíveis cargos federais, o presidente regional do partido, deputado federal Moroni Torgan prefere aderir à tese das eleições gerais como saída para o Brasil.

Moroni votou pelo impeachment de Dilma, mas não vê saída para o Brasil com Michel Temer. Ele reconhece que o peemedebista tem capacidade de gestão, mas prefere apostar na ideia de que a democracia precisa continuar sendo fortalecida, o que não passaria simplesmente pela posse de Michel.

Sobre as eleições municipais, o dirigente do DEM, sempre cotado como pré-candidato, foi pragmático: isso depende do cenário pós-impeachment. “A Dilma vai cair, mas eu gostaria de eleições gerais!”, reforçou o parlamentar.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − oito =