ÉPOCA TRAZ DENÚNCIA CONTRA DIRETOR DO BNB QUE É ALIADO DE CIRO GOMES

A Revista Época traz matéria bombástica que, sem sobra de dúvida, já é o prenúncio de que a campanha presidencial vai ser quente em 2010. Um amigo de Ciro, aparece envolvido com operações nada condizentes dentro do BNB. Pode-se dizer que Ciro é falastraão e algo mais. Ele, no entanto, é homem de conduta irreparável até hoje. Confira:

“Duas semanas atrás, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, telefonou ao deputado Ciro Gomes (PSB-CE) para relatar que aplicaria uma punição a um amigo de infância de Ciro. Mantega mandara abrir um processo administrativo contra Victor Samuel Cavalcante da Ponte, diretor de administração do Banco do Nordeste. O motivo de tamanha cautela com a situação de um funcionário periférico é a forte ligação entre Ciro e Ponte. Os dois são amigos desde o tempo em que moravam em Sobral, no interior do Ceará.
Seus pais eram aliados na política regional. Ponte está no Banco do Nordeste na condição de apadrinhado político de Ciro. Nas eleições do ano passado, ele era o responsável pela arrecadação de recursos para a campanha a deputado de Ciro e de seu irmão, Cid Gomes, ao governo do Ceará. Homem de confiança de Ciro, Ponte enfrenta mais que o processo administrativo do Banco do Nordeste. É investigado também pela Controladoria-Geral da União e pela Polícia Federal por suspeita de fraude no Banco do Nordeste. Victor Ponte é acusado de assinar, de maneira irregular, um acordo que reduziu – de R$ 65 milhões para R$ 6,6 milhões – uma dívida da empresa Frutas do Nordeste do Brasil S.A. (Frutan) com o Banco do Nordeste. Ele assinou sozinho o acordo, mas, como diretor-administrativo, não tinha competência funcional para isso. A redução da dívida desobedeceu a uma proibição expressa da Advocacia-Geral da União (AGU).
Em junho do ano passado, no mesmo período em que Ponte autorizou a redução da dívida da Frutan, Ciro mandou a empresários do Ceará uma carta com o seguinte conteúdo: “Apresento-lhe meu amigo Victor Samuel, que lhe falará em meu nome, de Cid Gomes e de nosso partido político, o PSB, acerca de uma contribuição para a campanha que o partido desenvolverá nas eleições próximas, de outubro do corrente ano”.
‘‘Apresento-lhe Victor Samuel, que falará em meu nome acerca de uma contribuição para a campanha ’’ CIRO GOMES (PSB-CE), DEPUTADO FEDERAL, em carta enviada a empresários na campanha de 2006. “Ele é meu amigo de cem anos”, disse Ciro no ano passado, quando sua carta veio a público. Casado, 50 anos, um filho, Ponte foi subsecretário de Indústria e Comércio do Ceará no governo Ciro Gomes e sempre trabalhou nas campanhas do amigo. As denúncias contra Ponte aparecem como um incômodo justamente num momento em que tudo vinha dando certo na carreira política de Ciro. As pesquisas de opinião pública mostram que, entre os possíveis candidatos governistas à sucessão de Luiz Inácio Lula da Silva, ele é quem tem as melhores chances. O próprio Lula mencionou o nome de Ciro no último Congresso do PT, como um possível candidato da esquerda. Além de ser um dos preferidos de Lula, Ciro já tem o apoio de um bloco formado por seis partidos de esquerda. Para um político que vive hostilizando as “elites” e as “oligarquias”, a ligação com Victor Ponte e as irregularidades do Banco do Nordeste representam um abalo em seu discurso político.”
(Da Época para Assinantes)
Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

9 comentários sobre “ÉPOCA TRAZ DENÚNCIA CONTRA DIRETOR DO BNB QUE É ALIADO DE CIRO GOMES

  1. Existe algo de podre no reino da Dinamarca! E deve ser só o começo. Aposto que o próprio PT instiga as revistas com o objetivo de frustrar a candidatura do Ciro.

  2. O que eu gosto nesse Blog é a agilidade. Um repórter como você é, sem sombra de dúvida, um trunfo pra qualquer jornal. Parbéns, como dizem seus colegas, Eliomáquina. O Ciro é um falastrão e que o PT não aguenta, pode ficar certo disso.

  3. A grande imprensa sulistra não perdoa Ciro, qeu escancara e enfrenta esses lobbies poderosos até hoje. É só alguém mais ou menos ligado a ele pisar fora do taco, pro Ciro virar manchete. Cambada de perseguidores. Que imprensa impacial essa… Ciro vá em frente, você é nosso candidato.

  4. É por essas e outras que esse tipo de político está ultrapassado, e graças a Deus vai ficando para trás. Não se pode nem se deve confundir a coisa pública com compadrios, amigos de infância, fisiologismos e nepotismo. Ser “pública” não significa não ser de ninguém. É patrimônio do povo, e como tal deve ser respeitado. Deus nos livre de mais um presidente deste naipe…FORA OLIGARQUIA!!!

  5. Brasileiro adora ser enganado. Agora a culpa é da imprensa sulista. Chega desse sepatismo idiota. Somos uma nação mesclada de povos diferentes. Esse tal Ciro nem nordestino é, pois nasceu no interior de São Paulo. Tem feito carreira no nordeste porque encontrou um campo propício, no meio de um povo cheio de carências, onde fica mais fácil cooptar as consciências menos favorecidas por séculos de descaso dos governos anteriores. A região é mantida pobre por pura maldade de seus políticos. Um povo menos esclarecido fica mais fácil de ser enganado nas urnas.

  6. MÁRIO ARRUDA, concordo em gênero, número e grau com seu comentário. Muito lúcido e racional, sem as paixões bestas de torcedores de times. Fico também indignada com essa idiotice de segregar nosso povo. Somos todos brasileiros, e se um paulista ou paraibano ou capixaba é melhor candidato, que seja respeitado como tal.Há quem goste de Ciro, quem acredita nele e coisa e tal. Mas quem não gosta e não acredita, tem de ser respeitado. Infelizmente, a imagem que ele passa pra quem tem um melhor nivel de informação é a de um político arrogante, prepotente e que mantém táticas políticas que não deixam muito a dever às dos velhos coronéis do Nordeste, viciados em currais eleitorais. Mas pra quem gosta, né? Nada podemos fazer, a não ser lamentar. Afinal, assim funciona a Democracia. É isso aí.Carol

  7. na verdade esta aparecendo , algo que ja e praticado amuito tempo no ceará pela familia gomes, pois voc ver o estado do ceara que e mandando por muito tempo por esta familia, que continua pobre, e achar que ciro seria um bom presidente e engraçadao ainda quando diz sobre o governo FHC no qual foi opoortunista na epoca pois fez parte do governo.não desmerecendo o povo de Sobral e muito menos do Cearamas cuidado Ciro gomes presidente irá transformar o brasil numa grande Sobral onde so a sua familia e alidaos mandam….

  8. O governo faz e o povo paga.
    O governo que não deveria aprovar medidas que prejudicasse a sociedade, diz fazer o melhor para o povo brasileiro e com isso prejudica a sociedade dando plenos poderes a empresários que só pensam em seu próprio crescimento financeiro.
    Hoje são comuns os monopólios entre empresas o que dificulta a negociação dos consumidores e a imposição da inflação pelos grandes empresários neste país.
    Vejam exemplos como o Pão de açúcar e a união de varias outras instituições financeira sendo a mais recente entre outras as do Banco do Brasil com Nossa Caixa.
    Uma instituição do Estado de São Paulo que era a principal detentora do contrato de prestação de serviços ao governo do estado (Banco Nossa Caixa). Com a junção ao Banco do Brasil eles já informaram da troca dos cartões que deveriam ser de chips, porém em alguns casos não enviaram o cartão. Um caso a parte de um funcionário público que ficou sem receber e se dirigiu a empresa Nossa Caixa e reclamou com o gerente que o informou que não estava no sistema e que deveria pedir, ou seja, efetuar outra chamada para a confecção do cartão de chips isso por que já havia se passado meses de todo marketing sobre esse novo cartão.
    E foi feito conforme orientação do funcionário, mas passaram outros longos meses e nenhum cartão recebeu e mesmo trocando seu endereço como orientou seu gerente nada foi o seu sucesso.
    O que aconteceu com tudo isso que o banco mudou sua agência e conta e nem um comunicado expediu a esse insignificante funcionário público que teve seus direitos desrespeitados e cancelados seus serviços como um todo e seu cartão de conta corrente nada mais é hoje do que um objeto sem valor e sem utilidade, sem receber pagamento, sem conseguir quitar suas dividas, sem comprar, sem locomoção, sem participação social, enfim, sem existir financeiramente devido ao descaso do Banco do Brasil/Nossa Caixa.

    Isso está acontecendo comigo,
    Sou Edson Melo,
    Funcionário público do Estado de São Paulo a qual recebia seus proventos pelo Banco Nossa Caixa agora Banco do Brasil.
    018 9129-9190/9706-6565

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − 6 =