Ex-zelador depõe na Lava Jato e diz que “todos sabiam” que tríplex era de Lula

O ex-zelador do Edifício Solaris, no Guarujá (SP), onde está localizado o apartamento tríplex atribuído ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela Operação Lava Jato, se irritou nessa sexta-feira (16) durante uma audiência com o juiz federal Sérgio Moro. Ele voltou a dizer que o ex-presidente e sua mulher, Marisa Letícia, frequentavam o local durante a reforma da unidade e que “todos sabiam” que a unidade era do ex-presidente, inclusive os condôminos. Após ser questionado pelo defensor Cristiano Zanin sobre o motivo pelo qual se candidatou a vereador em Santos nas eleições de outubro, José Afonso Pinheiro xingou um dos advogados de Lula. “Vocês são um bando de lixo!”, disse.

O profissional foi arrolado pela força-tarefa das investigador da Lava Jato para testemunhar na ação penal na qual o ex-presidente é acusado de receber R$ 3,7 milhões de propina de empresas envolvidas no esquema de corrupção da Petrobras, por meio de vantagens indevidas. Entre elas estariam a reforma do tríplex e pagamento de despesas com guarda-volumes.

Pinheiro se exaltou após o advogado Cristiano Zanin afirmar que ele não tinha isenção para testemunhar contra o ex-presidente por ter sido candidato a vereador nas eleições de outubro e exercer atividade política.

“Eu vou falar um negócio para você [advogado]. Depois dessa situação toda que teve no Solaris [Edifício], eu fiquei desempregado, numa situação difícil, onde você nem imagina. Você não sabe o que é ficar desempregado, passando por uma dificuldade terrível. O desemprego está altíssimo. Eu fui envolvido numa situação, que eu não tenho culpa nenhuma. Eu perdi o meu emprego, perdi a minha moradia, aí você vem querer me acusar, falar alguma coisa contra mim. O que você faria numa situação dessas? Como você sustentaria sua família? Você nunca passou por isso, quem é você para falar alguma coisa contra mim? Vocês são um bando de lixo!”, disse.

Após as declarações, o ex-zelador foi advertido por Sérgio Moro, que pediu ao depoente que se acalmasse e que não era o momento de “ofender ninguém”.

Em nota, a defesa de Lula afirmou que, a partir do depoimento de 23 testemunhas que foram ouvidas pelo juiz, entre elas o ex-zelador, é possível afirmar que “não se extrai das narrativas atuais qualquer elemento” para sustentar a acusação do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente. Sobre os xingamentos do ex-zelador, a defesa disse que José Afonso Pinheiro não foi contido pro Moro.

(Agência Brasil)

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

7 comentários sobre “Ex-zelador depõe na Lava Jato e diz que “todos sabiam” que tríplex era de Lula

  1. Se pode até prender o Homem, mais não prende o MITO. Fazendo um retrospecto dos governos de Getúlio Vargas até os dias de hoje, somente quem fez alguma coisa pela pobreza, sem sombra de dúvidas, Foi Getúlio Vargas e Lula, os demais foi somente enganação, por isto, pode até prender o Homem, mais jamais acabara com o MITO. Conhecedor profundo da politicagem nacional, soube com maestria levar avante seus projetos e hoje, vem de sofre todo tipo de chantagem

  2. MITO da corrupção!MITO dos desmandos! MITO da roubalheira, falência e quebradeira! MITO da mentira, desfarçatez. MITO dos 12 milhões de desempregados! LULA, MITO? Apenas para os doutrinados, que nos envergonham com tamanha cegueira e idolatria

  3. Um zelador de um condomínio, com todo respeito a profissão, não tem a importância ou as informações de quem é ou não é dono (verdadeiro) de um apartamento. O que eu creio é que ele se aproveitou da importância do caso para virar vereador . Creio também que muita gente da justiça esta em busca de se projetar ao ponto de serem senadores ou até presidente da republica, já que vereador, estes não querem ser.

  4. Triste de quem vive apenas para idolatrar mitos. Demonstra o vazio mental e estreiteza intelectual de quem prefere decorar palavras de ordem do catecismo alheio. É por causa desses “mitos” que esse país vive patinando na mediocridade cultivada e transmitida por gerações.

  5. este depoimento não teve repercussão alguma, visto que o referido porteiro claramente se aproveitou da situação pra ganhar fama, o repórte ja teve mais sabedoria nas suas reportagens, esta notícia é lixo jprnalistico…coisa que o jornal o povo que gozava de credibilidade tem feito com costume, nem a concorrente que é ligada a Globo publica tanta subnotícia política de direita rasa.

  6. Prezado Roger Barros, a matéria não é deste repórter com sua “menos sabedoria”, tampouco do jornal O POVO, mas da Agência Brasil. Pelo visto, o nobre leitor não chegou ao fim da matéria, pois não lhe era do agrado ou não condizia com a sua realidade. Este Blog promove o bom debate e o contraditório.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro + 4 =