Ivo Gomes e Doutora Silvana protagonizam primeira tensão política em 2015 no Ceará

foto ivo e doutora silvana

Quem pensou que os primeiros momentos de tensão política na nova composição da Assembleia Legislativa seriam gerados pelo Capitão Wagner (PR) ou pelo primeiro deputado do PSOL na Casa, Renato Roseno, ou ainda pelo tradicional opositor Heitor Férrer (PDT), foi surpreendido nessa sexta-feira (6) pelo “embate” nas redes sociais entre os deputados Ivo Gomes (PROS) e Doutora Silvana (PMDB). E o clima passou longe da batalha eleitoral travada entre os dois partidos na sucessão de Cid Gomes, em outubro último.

O motivo foi a indicação da deputada para a presidência da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania. Em sua página no Facebook, Ivo Gomes, que atualmente ocupa o cargo de secretário das Cidades, disse que a “Assembleia Legislativa do Ceará e o PMDB preparam-se para repetir a história. Terão um Marco Feliciano pra chamar de seu”. Ivo Gomes também apontou a peemedebista como “uma parlamentar evangélica fundamentalista e homofóbica”.

A reação do deputado do PROS foi motivada por uma declaração de Doutora Silvana, em 2013, quando na tribuna da Assembleia Legislativa a parlamentar justificou uma decisão judicial contra um casamento homoafetivo. “Deus não admite casamento gay, acabou com Sodoma por causa disso”, comentou a deputada na época.

Ivo Gomes prometeu levar o caso ao presidente da Casa e correligionário Zezinho Albuquerque.

“Achei perverso as duas palavras somadas que nada têm a ver com o meu perfil. Eu não sou uma fundamentalista religiosa, eu sou uma pessoa que tenho a minha fé”, reagiu a deputada do PMDB.

VAMOS NÓS – No último governo, Ivo Gomes era deputado, secretário municipal de Educação e irmão do governador (não há como desprezar essa última atribuição). Suas críticas eram ecos dos irmãos Cid e Ciro, ou se faziam ecoar nas mesmas duas personalidades políticas. Atualmente, Ivo trocou a condição de “irmão do governador” pela de cidadão. Acredito que a reação do deputado-secretário tenha sido de cidadão, apesar da promessa de intervir junto ao presidente do Legislativo Estadual, aliado do governador… o atual.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

6 comentários sobre “Ivo Gomes e Doutora Silvana protagonizam primeira tensão política em 2015 no Ceará

  1. Sou evangélico da Assembleia de Deus, e estou cansado dessa politicagem barata que invadem nossas igrejas de dois em dois anos. São três meses de sofrimento para os membros vendo essas raposas subirem no púbico, lugar que era para ser exclusivo da palavra de Deus, e vomitam suas asneiras, querendo enganar ou os incautos de mente fraca ou o capeta, porque quem é esclarecido politicamente não vota em raposa, mesmo que essa viva fingindo ser cristã.

    O estado é laico e é assim que deve ser, o estado deve cuidar igualmente de todos sem nenhum tipo de desigualdade ou diferença.

  2. Queria que a deputada me explicasse se é bíblico fazer campanha política na igreja, e se a bíblia diz que devemos ser sujeitos as autoridades públicas e as leis civis, como que se justifica uma desobediência da legislação eleitoral fazendo propaganda ilegal nos templos?

    A senhora quer tão rigorosa em tudo, deveria cumprir a risca a legislação vigente.

  3. É bom avisar a esse secretario (que nunca foi deputado e sim sempre na saia do poder como alguma coisa do irmao o REI SOL, digo Governado Cid ou colocado por ele como na prefeitura de fortaleza) que a casa caiu, agora ele é so um secretario, os FERREIRA GOMES no estado nao tem mais nada, so esse assento na assembleia que ele nem honra, a Dra. silvana devende os ideais e a parcela de eleitores que la a colocaram, o que esse rapaz pensa que é? quer debater volta para a AL, mais nao, tem medo de ser contrariado. Ele tambem nao pode esquecer ou nao saber porque os irmaos nao sao mais os donos do poder que essa comissão para a Dra. Silvana fez parte do acordo para o PT de Camilo, implodir o bloco de oposiçao que o PMDB ia fazer parte. ENTAO CALA A BOCA IVO, SABEMOS QUE VOCE E A FAVOR E PROTETOR DOS GLS, entao volta a AL.

  4. Caros Antonio e Roberto,
    Concordo plenamente com as suas colocações, mas acredito que uma pessoa religiosa possa ser um político descente, algo quase inexistente na política brasileira, contudo vejo um real absurdo que está sendo feito entre alguns religiosos, usar a sua religião para fazer campanha política.

  5. Essa secretaria de Direito Humanos deveria se preocupar com coisas importantes e defender a vida de pessoas ou ampara-la quando for vítima de injustiça, Principalmente vítimas de bala perdida. Defender direitos de comportamento sexual de uma minoria é perca de tempo e não é aprovado pela a sociedade é por esses e outros motivos que parte da população em peso não aprova a permanência desta secretaria que só causa polêmica e defende muito a bandidagem segundo a língua popular. Realmente nas passagens bíblicas Deus o todo poderoso realmente destruí Sodoma e Gamorra. Por lá existia muitos injustos e pecadores. O que acontece que hoje em dia Sodomia e a Gamozoária está em todos os lugares do mundo. Criar uma secretaria institucional para defender o pecado dos outros, não é bom. Temos outras coisa de interesse coletivo mais importante em favor da maioria para ser defendida. Todo mundo tem o livre árbitrio de escolher sua opção sexual. Tem que ser um comportamento discreto e tem que dar satisfação somente as quatro paredes. Lá na avenida Coronel Carvalho(Barra) próximo a rua Conselheiro Lafaiete(Jardim Iracema) a três semanas passadas um mecânico que estava na sua oficina foi vítima da bala perdida durante uma perseguição entre policia e bandidos, levou tiro no pescoço esta afastado do serviço. Gostaríamos de saber que esse tal direito humano tomou ciência do fato e tá dando assistência a família da trabalhador. Olha aí senhores, começou o BESTARAL de quem deveria presar pela seriedade. Gladson

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 1 =