Maldade de torcedor alvinegro pela internet

leaoo

DE LEÃO…

gatinho

A GATINHO.

DETALHE – Homenagem ao procurador da República Alessander Sales. Ele adora ironizar a galera do Ceará.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

3 comentários sobre “Maldade de torcedor alvinegro pela internet

  1. ACHO QUE ELE IRONIZA NAS REDES SOCIAIS QUE ELE PARTICIPA E NAO NO SEU BLOG, SOU TORCEDOR DO FORTALEZA REALMENTE COM AQUELE TIME E PARA VIRAR GATO MESMO, AGORA O PIOR DE TUDO E SER IRONIZADO PELO TORCEDOR DO GRANDE TIME O CEARA, PENSE QUE TIMAO!!

  2. Suplicamos ao nosso blogueiro-mor que pegue leve. A pancada já foi grande demais. Foi muito azar; e uma baita corrente negativa. E ainda tem quem não acredite em secação.
    A única resposta que poderemos dar, daqui até o fim do ano, é concentrar nossas forças mentais para que o Vovô fique em 5º (que é a mesma coisa de 16°).
    Vá para o QUINTO, alvinegro!

  3. Não se trata de corrente negativa, mas alguns exageram contra nós.
    Há uma diferença enorme entre 3000 cadeiras ou 82 cadeiras.

    A propósito a torcida do Ceará quebrou 34 no jogo contra o Paraná.

    Veja / Estadão
    A eliminação do Fortaleza no Campeonato Brasileiro da Série C deixou um saldo de 3.000 cadeiras destruídas na Arena Castelão, neste domingo, na capital cearense. O Fortaleza acabou empatando em 2 a 2 com o Sampaio Corrêa e viu fracassar o objetivo de voltar para a segunda divisão em 2014, o que provocou a fúria de dezenas de torcedores.

    Globoesporte
    O prejuízo não ficou somente no futebol. Após o empate contra o Sampaio Corrêa, neste domingo, e a consequente eliminação da Série C do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza terá de arcar com o pagamento de cerca de R$ 40 mil pelos danos causados por torcedores na Arena Castelão. Segundo Ferruccio Feitosa, secretário especial da Copa do Mundo de 2014, foram danificadas 82 cadeiras e uma série de itens do estádio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 4 =