No aeroporto de Fortaleza, a “Muriçoca Air”

Entrou em operações no Aeroporto Internacional Pinto Martins, de Fortaleza, uma “frota” áerea que virou tormento para funcionários e passageiros: praga de muriçoca.

Consequência de um córrego sujo próximo ao terminal que a Prefeitura podia mandar limpar. A reclamação é (ai!) é geral e não pega bem o órgãos de turismo investirem tanto na imagem e nos atrativos do Estado para se engasgarem com…muriçocas.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Um comentário sobre “No aeroporto de Fortaleza, a “Muriçoca Air”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + dez =