Novo comando da OAB-CE deve levar à frente a questão da venda de liminares

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (21), pelo jornalista Érico Firmo:

Uma das polêmicas da eleição da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE) no Ceará, realizada nessa sexta-feira (20), foi sobre as investigações sobre esquema de compra de liminares. Houve divergências sobre a divulgação ou não do nome dos investigados. Mas há uma questão mais relevante. Há investigações no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sobre esse esquema.

Se magistrados venderam decisões, houve alguém que comprou. Na ponta, foram favorecidos grandes traficantes. Porém, teriam havido advogados viabilizando as transações. A OAB-CE informou não ter encontrado provas. Porém, a situação não pode ficar por isso mesmo.

Seja no Ministério Público, na Polícia, onde quer que seja, é preciso que a investigação vá adiante e tenha consequência. Se há corrupto há corruptor. Essa questão está longe de estar encerrada. Para a própria advocacia, é imprescindível que a questão seja esclarecida.

É um dos assuntos a desafiar o novo comando da OAB no Estado, tendo à frente Marcelo Mota.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

3 comentários sobre “Novo comando da OAB-CE deve levar à frente a questão da venda de liminares

  1. Acho que o título da matéria deveria ser outro. Corrigindo: ”Será que o novo comando da OAB-CE levará à frente a questão da venda de liminares?”. Precisa responder? Acho que todos já sabem que não.

  2. Outro tema que exige a manifestação pública da OAB é o da NÃO convocação dos aprovados no último Concurso do TJCE, para favorecer “assessores” contratados sem qualquer meritocracia e apenas pelo QI (quem indica). Vamos lá MM! Foi um dos seus compromissos de campanha!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 5 =