O Ministério Público do Trabalho, a Ebserh e o grupo ameaçado de demissão

hospital_universitario_walter_cantidio_huwc

O tempo passa, o tempo voa e a Ebserh, nova gestora do Hospital Universitário Walter Cantídio e da Maternidade-Escola Assis Chateaubriand, continua sem abrir diálogo com os cerca de 700 funcionários do sistema ameaçados de demissão.

O caso, no momento, parou na Justiça. Há liminar evitando a demissão em massa desse grupo.

Exige-se, no entanto, uma solução para o impasse. Tanto para deixar a Ebserh em condições de operar sem problemas, como para tranquilizar as famílias desse pessoal.

Não é possível que o legalismo prevalecerá sobre o espírito de humanidade?

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × três =