Blog do Eliomar

Últimos posts

CSP tem presença de mulheres acima da média nacional no setor siderúrgico

Marília Oliveira Silva, 30 anos, tem muito do que se orgulhar neste Dia Internacional da Mulher, 8 de março. Bacharel em Química, com habilitação em Química Industrial, ela trabalhava na indústria farmacêutica e, após dois meses desempregada, concorreu a uma vaga na Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP).

Foi uma área nova para trabalhar no ramo da química e, após treinamento recebido pela empresa e visitas às siderúrgicas pelo Brasil, apaixonou-se pela atividade. Todo o aprendizado acaba de lhe render uma promoção profissional: de técnica de laboratório II para técnica de laboratório III. Assim, vai passar a gerir rotinas, orientar atividades, administrar material a ser consumido e cuidar para que os equipamentos se mantenham em conformidade para serem usados e contribuir para a produção de aço no Ceará.

Marília faz parte do time de 289 mulheres que compõem a CSP, empresa que tem um percentual de 11,4% de mulheres no seu quadro de trabalhadores, acima dos 8% da média nacional para o setor.

(Com Site da CSP)

Participação de investimentos no PIB teve menor patamar em 2016

A participação de investimentos no Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil atingiu o menor patamar da série histórica iniciada em 1996. O PIB é a soma de todas as riquezas produzidas no país. Os dados foram divulgados hoje (7) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e fazem parte da Pesquisa Trimestral de Contas Nacionais.

A taxa de investimentos chegou a 16,4% do PIB em 2016, após três anos seguidos de queda. Em 2013, a taxa era de 20,9%. Segundo a coordenadora de contas nacionais do IBGE, Rebeca Palis, o resultado negativo foi generalizado.

“Essa taxa caiu bastante nos últimos dois anos porque a gente teve duas quedas seguidas de mais de 10% no investimento. E, olhando por dentro dos componentes do investimento, houve queda em tudo. A construção, que pesa mais de 50% do investimento, é uma das atividades econômicas que mais sofreram com toda a crise que a gente está tendo. Além disso, a produção de máquinas e equipamentos caiu, e a importação também. Então, houve toda uma conjunção de fatores”, disse.

Desde 1996, o IBGE também não havia registrado um ano em que os três grandes setores da economia caíam. Em 2016, quando o setor de serviços passou a contribuir negativamente para o PIB, a agropecuária ainda tinha um peso positivo, que se inverteu em 2016. As três principais safras brasileiras, o milho, a soja e o arroz, tiveram queda e o setor amargou uma retração de 6,6%.

Indústria da transformação cai 5,2%

A contração menos acentuada da indústria foi o principal fator que levou o PIB a recuar 3,6%, uma variação 0,2 ponto percentual, menos negativa que a de 2015. Principal componente do setor, a indústria da transformação deixou uma queda de 10,4% em 2015 para cair 5,2% em 2016.

Segundo Rebeca Palis, o desempenho da indústria da transformação no quarto trimestre, com queda de 1% em relação ao trimestre imediatamente anterior, é um dos indicadores de que a economia terminou o ano com uma queda menos aguda.

“A indústria de transformação está apresentando taxas negativas menores e, na agropecuária, a gente tem perspectivas de melhora”, disse. Ela ponderou que os serviços continuam no mesmo patamar de queda e têm um peso de 70% na economia brasileira. A construção também manteve um desempenho negativo, tanto na parte imobiliária quanto na de infraestrutura, muito dependente de recursos públicos.

(Agência Brasil)

Edson Fachin não tem pressa para divulgar delações

Quando Rodrigo Janot levar ao Supremo Tribunal Federal os pedidos originários das delações dos executivos da Odebrecht, o que deve ocorrer entre amanhã e meados da semana que vem, o dono da peteca passará a ser o ministro Edson Fachin. A bomba só irá a público se e quando o relator da Lava Jato achar por bem. E ele não tem pressa.

Fachin avisou a colegas que vai analisar cada vírgula dos pleitos da PGR para, só então, caso considere cabível, autorizar a derrubada do sigilo dos depoimentos e a instauração de inquéritos. Ele deixou claro que ajustará o rigor das lentes com que vai decidir o que será ou não formalmente investigado e, principalmente, divulgado.

Mas em quanto tempo o ministro baterá o martelo?

Fachin demonstrou estar disposto a não demorar um tanto que transmita a impressão de letargia, tampouco pretende ser célere a ponto de parecer que agiu por pressão popular. Em termos objetivos, é praticamente impossível que o relator derrube sigilos ou abra inquéritos num prazo inferior ao de uma semana – numa perspectiva conservadora, por assim dizer.

(Veja Online)

Shopping Benfica oferecerá programação especial para as mulheres

Neste Dia Internacional da Mulher, o Shopping Benfica resolveu desenvolver programação especial para comemorar a data. Além de orientações sobre moda e beleza, informações sobre saúde, oficinas e palestras, um mimo: um combo gratuito (refrigerante mais pipoca) para as mulheres que forem aos Cinemas Benfica.

O Shopping Benfica fechou ainda parceria com lojas de todos os segmentos, que ofertarão descontos e promoções para as mulheres.

Na praça de alimentação, as mulheres poderão curtir show com a banda The Dillas, às 19h30min.

(Foto – Arquivo)

Temer pretende apresentar MP para simplificar regras do PIS e Cofins

O presidente Michel Temer disse hoje (7) que pretende, até o fim deste mês, apresentar uma medida provisória (MP) para simplificação das regras do PIS, e até o fim do primeiro semestre fazer o mesmo com relação à Cofins para, no segundo semestre, “cuidar do ICMS”.

As medidas foram anunciadas na reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), ao responder a recomendações do grupo. Foram feitas sugestões nas áreas de ambiente de negócios; agronegócio; educação básica; desburocratização e modernização do Estado; produtividade e competitividade.

Desburocratização

Ainda sobre a simplificação e a racionalização da legislação tributária, Temer instalou hoje uma comissão para consolidar decretos de caráter normativo do governo federal. “Essa instância ficará encarregada da revisão sistêmica dos atos normativos do Poder Executivo. Ela terá na segurança jurídica um dos seus critérios principais”, disse ele.

“O Executivo vai se engajar na aprovação de uma proposta de emenda constitucional que é relatada pelo senador Romero Jucá, que trata da estabilidade das regras sobre investimentos privados. Contribuirá também para a aprovação do projeto de lei do senador [Antonio] Anastasia sobre segurança jurídica, para dar segurança a aquilo que foi contratado, se contratarem”, acrescentou o presidente.

“Estamos também avançando com o projeto da lei das agências reguladoras. Nós ampliaremos a autonomia decisória e orçamentária dessas agências, bem como a transparência e o controle social de seus atos”, disse ele.

Com relação à questão da desburocratização e modernização do Estado, Temer anunciou que está criando hoje mesmo uma instância que o aconselhará sobre meios para simplificar e modernizar a lei de licitações. O presidente acrescentou que pretende reduzir de 100 para cinco dias o tempo que se leva para abrir uma empresa no Brasil. “Vocês cobrem do ministro da Fazenda se isso não der certo”.

Temer disse que determinou que sua equipe conclua em até 60 dias as propostas para simplificação e transparência do licenciamento ambiental, inclusive com a fixação de prazos máximos para a decisão sobre licenças. “Todos sabem que uma das grandes queixas hoje é sobre o retardamento da emissão de licenças ambientais”, afirmou o presidente.

(Agência Brasil)

Vereador quer espaços sob viadutos adotados com centros de convivência

O vereador Acrísio Sena (PT) apresentou um projeto de lei instituindo o Programa Municipal de Qualificação dos Espaços Públicos sob viadutos. Ele quer, na prática, que esses locais seja disponibilizados para a população, com ações coordenadas pelas secretarias municipais responsáveis e pelo Conselho Gestor da comunidade.

Acrísio explica: “Há vários espaços subutilizados sob viadutos, que podem funcionar como centros de convivência das comunidades do entorno, com função de entretenimento, cultural, esportiva, social ou de lazer, adequada às condições específicas de cada equipamento.”

Conforme Acrísio, o Município entraria com a manutenção do ajardinamento do espaço, implantação de mobiliário urbano, adequação às atividades – tais como jogos de tabuleiro (dama, xadrez ou gamão), práticas de Tai Chi Chuan, tênis de mesa, ping-pong, formação de acervo para bibliotecas itinerantes com contadores de estórias e artes circenses.

O projeto de Acrísio sugere ainda parcerias com órgãos públicos, iniciativa privada, Sistema FECOMÉRCIO, Sistema S, dentro das respectivas áreas de competência, no sentido de oferecer esclarecimentos acerca do exercício da cidadania, cursos rápidos, workshop, aperfeiçoamento, prestando serviços de orientação à comunidade, dentre outras atividades.

Domingos Neto: 65 anos como idade limite para aposentadoria, só se for para os homens

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=EZBfFcN5aoE[/embedyt]

A proposta de reforma da Previdência Social deve ir a plenário em abril próximo. A previsão foi feita nesta terça-feira pelo deputado federal Domingos Neto (PSD), adiantando que antes haverá uma série de debates, porque a matéria, polêmica, exigirá que seja esmiuçada para que não haja prejuízos para os trabalhadores.

Embora da base governista, Domingos Neto reconhece que como está a proposta de Reforma da Previdência tem aspectos passíveis de questionamento. Refere-se ao caso da idade de 65 anos para a aposentadoria. O parlamentar avalia que para os homens seja possível a fixação dessa idade limite.

Temer diz que economia do País está se recuperando

O presidente Michel Temer disse hoje (7) que os indicadores mais recentes mostram que a economia brasileira vem se recuperando. Para ele, a expectativa é de que, em 2017, a inflação fique abaixo do centro da meta e a taxa básica de juros, a Selic, apresente “queda paulatina e responsável”.

“A inflação vai recuando em ritmo mais acelerado do que muitos previam e até mais do que eu imaginava, abaixo do teto da meta. Já estamos derrubando a inflação para abaixo de 5% em fevereiro”, disse ele. O presidente acrescentou que acredita na possibilidade de, ao final do ano, esse índice ficar abaixo do centro da meta, que é de 4,5%.

Temer disse também ter a expectativa de queda da taxa básica de juros, a Selic, para abaixo dos atuais 12,25% ao ano. “A perspectiva é de uma queda paulatina e responsável. Não adianta diminuir os juros irresponsavelmente”. O presidente manifestou a expectativa de que a reforma da Previdência seja aprovada com facilidade pelo Congresso Nacional.

“Tenho convicção de que conseguiremos aprovar a reforma da Previdência. Quem examina a situação do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Sul e de Minas Gerais verifica que a razão marcante dos estados é exatamente a previdenciária. Trabalhamos para ajudar os estados, mas precisamos de contrapartida a ser dada por eles. A reunião de ontem [com ministros e parlamentares da base, no Palácio da Alvorada] foi feita com vistas a aprovar isso”, afirmou Temer.

Segundo ele, as críticas que têm sido feitas à reforma partem, em geral, de uma minoria que recebe benefícios mais vultosos, preocupada com eventuais ajustes a serem feitos. “Há um grupo de 27% que pode, eventualmente, merecer ajustamentos. Mas quem discute isso é o Congresso Nacional. E quem reclama é quem ganha muito mais”, comentou.

“Tudo isso será feito para preservar os mais carentes e os mais pobres, porque não poderemos alcançá-los se não tivermos recursos financeiros. O que não podemos é ficar inertes, porque é da inércia é que se produziu a recessão da qual estamos saindo”.

Temer acrescentou que saúde e educação são áreas prioritárias em seu governo e que. por isso, serão beneficiadas por meio de manejo orçamentário.

(Agência Brasil)

Moradores do bairro Luciano Cavalcante cobram linha de ônibus

Moradores do bairro Engenheiro Luciano Cavalcante mandam nota para o Blog, em tom de queixa, pedindo apoio da Etufor. Confira:

Caro Eliomar de Lima,

Na avenida Coronel Philomeno Gomes, que segue paralela a Washington Soares, ligando a Avenida Oliveira Paiva a avenida Engenheiro Santana Junior – passando pela Defensoria Pública, faculdades, comércios, inúmeros condomínios e casas, chegando ao Iguatemi, não é servida de nenhuma linha de ônibus ou Topic.

Gostaríamos de apelar às autoridades para que desafoguem a Washington Soares e atendam aos moradores do Jardim das Oliveira, Parque Manibura, Engenheiro Luciano Cavalcante e Guararapes. Uma linha de ônibus resolveria, sem dúvida, o problema.

*Grupo de Moradores do Luciano Cavalcante.

Heitor Férrer apregoa a devolução da mensagem do reajuste dos servidores estaduais

O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) solicitou, nesta terça-feira, o apoio dos demais parlamentares para que ocorra a devolução da mensagem nº 8.099, de autoria do Governo do Estado, que fixa o reajuste salarial de 2% para os servidores do Estado e 6,29% para quem recebe a remuneração mínima. A mensagem foi lida nesta terça-feira.

Ocupando a tribuna da Casa, o parlamentar expôs o porquê dessa medida: “O que o Governo do Estado está mandando para os deputados aprovarem não é sequer o reajuste. O reajuste seria a reposição da inflação do período de dois anos, que é de 18%. Eu não faço isso só e, por isso, pediria aqui o apoio dos demais deputados, para devolver a mensagem ao governador. Porque vai dizer que deu aumento ao servidor, sem ter dado.”

Heitor argumenta que no relatório apresentado pelo secretário da Fazenda, Mauro Filho, em audiência pública realizada na Assembleia em fevereiro, o governo informou que a situação financeira do Ceará estava muito boa, com as metas fiscais tendo sido alcançadas e com aumento real na arrecadação de tributos e na receita do Estado.

“Só tem coisa boa quando o secretário vem falar das finanças do Estado. Está tudo muito bem, mas quando vai para o reajuste dos servidores, o Estado não tem dinheiro. O que nós temos de comprometimento para pagamento de pessoal da receita corrente líquida é 40%, quando a Lei de Responsabilidade Fiscal diz que pode ir até 48%. Isso representa que dos R$ 17 bilhões, que é a receita corrente líquida, R$ 1,3 bilhão estão disponíveis como margem para que ele possa dar pelo menos 6% de reajuste”, disse Férrer.

Fortaleza ganhará o Museu da Fotografia

Com o título “O Museu da Fotografia”, eis artigo do secretário do Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira. Ele destaca novo equipamento que a cidade ganhará semana que vem e que surge por iniciativa cidadã. Confira:

Fortaleza ganha o Museu da Fotografia na próxima semana — 11 de março —, um presente para a cidade e a coroação de uma tradição que entre nós tem solidas raízes históricas. É a fotografia o principal registro iconográfico da nossa memória como enfatiza, neste momento, a exposição Arquivo Nirez, em curso no prédio da Alfândega, na Praia de Iracema.

Por nossa cidade vicejaram fotógrafos da maior grandeza, nativos ou alienígenas, mas sempre dando enorme contribuição à difusão desta atividade e deixando entre nós registros que valem ainda mais quanto quando distanciados no tempo. Podemos citar dois ícones da fotografia, Luciano Carneiro — no jornalismo principalmente nas páginas da revista O Cruzeiro — e Chico Albuquerque — pioneiro da fotografia da publicidade no Brasil e mestre no portrait. Através da arte do domínio da luz essas duas referências importantes, ao lado de centenas de outras, enriquecem a história das comunicações e das artes no nosso país.

Além desse aspecto real, indelével, atávico, outro me move a saudar a chegada do Museu da Fotografia e, este, quebra paradigmas. Trata-se de uma ação do setor privado, de cidadão apaixonado por fotografia, Silvio Frota, guardião de importante acervo objeto de exposições e que agora serão continuamente mostrados à cidade e aos seus visitantes. Silvio tomou a inciativa de construir o Museu da Fotografia, uma ação sua, com investimento seu e um presente que, para a cidade, não tem preço.

Torço para este exemplo seja inspirador. Ele mostra que todos nós somos responsáveis pela nossa cidade e as ações de criam novos equipamentos públicos podem e devem vir do setor privado até com mais regularidade. O exemplo nos é dado o tempo todo tanto em países da Europa quanto dos Estados Unidos. Lembramos rapidamente do Museu Guggenheim, mantido por uma fundação sem fins lucrativos, um presente que ajudou a revitalizar a cidade de Bilbao, na Espanha. Na área de Educação são dezenas de exemplos de mecenas que fundam universidades a partir de vultosas doações, caso da Universidade de Stanford, na Califórnia, entre tantos outros.

O Museu da Fotografia de Fortaleza, em belo projeto arquitetônico sintetizado no seu logotipo minimalista será rapidamente um ponto de visitação não somente para o morador da cidade. Com toda certeza as levas de turistas que tem nossa cidade como destino terá um novo ponto de atração ainda mais porque o Museu está situado em polo gastronômico, na Varjota.

Todos os operadores do turismo e toda a sua cadeia produtiva só tem a dizer “muito obrigado, Silvio” por esta iniciativa privada cheia de espírito público e de amor pelas artes e pela nossa Fortaleza.

*Alexandre Pereira,

Secretário do Turismo de Fortaleza.

Alô! É da Prefeitura de Itaitinga?

A situação dos moradores do bairro Parque Dom Pedro, na cidade de Itaitinga (Região Metropolitana de Fortaleza), está, a cada dia, pior.

Além de falta poste de iluminação pública e da onda de assaltos, a coisa ficou difícil ali pois, com as chuvas, a buraqueira passou a predominar. Nas vias de calçamento, o quadro é de horror.

na Coluna Vertical dessa segunda-feira, já havia uma denúncia sobre uma família que aguarda, desde agosto de 2016, a colocação de um poste com luminária na Rua S desse bairro, altura do número 35.

O prefeito Abel Cercelino (PMDB), pelo visto, não está ouvindo clamores da população ou sua assessoria deve ter ouvidos moucos.

Nascidos em março e abril receberão abono salarial

O Ministério do Trabalho libera, a partir da próxima quinta-feira (16), o pagamento do Abono Salarial do PIS/Pasep ano-base 2015 para nascidos em março e abril. A partir dessa data, também serão pagos servidores públicos com inscrições de final 6 e 7, que devem sacar o valor no Banco do Brasil. Já os trabalhadores da iniciativa privada poderão retirar o dinheiro em qualquer agência da Caixa Econômica Federal.

O recurso ficará disponível para saque até 30 de junho de 2017. Depois dessa data, o dinheiro retornará para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). O abono salarial ano-base 2015 é um benefício concedido a quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos um mês naquele ano, com remuneração mensal de até dois salários-mínimos.

O trabalhador também tinha que estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados corretamente informados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). O valor do abono é baseado no salário-mínimo vigente, que este ano está fixado em R$ 937, e é proporcional aos meses trabalhados durante o ano-base.

Quem trabalhou durante apenas um mês receberá o equivalente a 1/12 do salário-mínimo, e assim sucessivamente. Para receber o valor integral, é preciso ter trabalhado formalmente durante todo o ano de 2015.

(Portal Brasil)

Chove em 55 municípios cearenses

Choveu, nesta terça-feira, em 55 municípios cearense, segundo divulga o boletim da Funceme. Confira as 10 maiores chuvas:

Quixeré (Posto: Lagoinha) : 25.0 mm

Itapipoca (Posto: Arapari) : 24.0 mm

Itapipoca (Posto: Itapipoca) : 23.0 mm

Missão Velha (Posto: Gameleiro De S. Sebastiao) : 19.8 mm

Icapuí (Posto: Retiro Grande) : 17.2 mm

Paracuru (Posto: Poço Doce) : 17.2 mm

Redenção (Posto: Açude Acarape Do Meio) : 16.4 mm

Tianguá (Posto: Tiangua) : 14.6 mm

São Benedito (Posto: Sao Benedito) : 14.0 mm

Amontada (Posto: Icarai De Amontada) : 13.0 mm

Servidores da saúde estadual cobram auxílio-refeição

Um grupo de servidores da Secretaria da Saúde do Ceará ocupou, nesta manhã de terça-feira, o hall do prédio da Secretaria do Planejamento, no Cambeba. Foi cobrar a volta de benefícios como o auxílio-alimentação, suspenso em fevereiro.

Houve protesto com faixas e palavras de ordem, no que o grupo acabou formando comissão para ser recebida pelo chefe de gabinete da Seplag, José Luiz dos Santos.

Segundo o secretário estadual da Saúde, Henrique Javi, a suspensão foi determinada pela Seplag.

(Foto – SindSaude/CE)

UFCA abre concurso para professor efetivo na área de Design

A Universidade Federal do Cariri (UFCA) está com inscrições abertas, até 31 deste mês, para cinco vagas de professor na área de Design. Os docentes serão lotados no Instituto Interdisciplinar de Sociedade, Cultura e Artes (IISCA), no campus Juazeiro do Norte. A oferta faz parte do Edital 57/2016, divulgado no ano passado, disponibilizando 67 vagas.

Estão disponíveis vagas para Design e Métodos (1); Design de Moda (1); Design Gráfico – Design e Produção Gráfica (1); Design Gráfico – Design da Informação (1); Design Gráfico – Design e Comunicação (1).

O regime de trabalho para todos os cargos é de 40h/DE. Já a remuneração vai de R$ 4.904,51 a R$ 10.028,41 (valores já reajustados), conforme a titulação e o setor de estudo.

Provas

As etapas do concurso seguirão o Calendário das Provas, que está previsto para ser publicado no portal da UFCA até 60 dias após a divulgação da lista final de inscritos. O candidato poderá consultar na aba Concursos e Seleções >> Professor Efetivo – Link Calendário das Provas, referente ao Edital 57/2016.

O resultado de cada etapa e a conseguinte classificação para a fase posterior será divulgado no mesmo espaço do portal, na aba Resultados, conforme o calendário das provas.

SERVIÇO

*Mais informações envie e-mail para concursos.progep@ufca.edu.br (assunto: CONCURSO – “colocar nome do setor de estudo”).

*Link do edital: http://www.ufca.edu.br/portal/documentos-online/editais-2/concursoss/progep/5411–3601/file

Reforma da Previdência – Deputados terão prazo extra para apresentar emendas ao texto do governo

Com a aceleração dos debates na comissão que trata da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, da reforma previdenciária, os deputados terão um prazo extra para apresentar emendas ao texto encaminhado pelo governo ao Congresso. A perspectiva é de que caso não acabe na próxima sexta-feira (10), o prazo se estenda até o início da semana seguinte. Inicialmente, os deputados teriam até  quarta-feira (8) para apresentar as emendas, mas em razão da falta de quórum, o prazo acabou sendo estendido.

Até agora, foram encaminhadas oito emendas que visam a modificar a PEC da reforma da Previdência. Para a apresentação dessas emendas, são necessárias pelo menos 171 assinaturas de deputados apoiando a proposta.

O último dia para a apresentação de emendas não foi definido porque ainda faltam quatro sessões ordinárias da Câmara para o encerramento do prazo. O mais provável é que isso ocorra na sexta. Caso não haja quórum mínimo de 51 deputados para a abertura da sessão plenária da Casa na data, como ocorreu ontem (6) – quando compareceram apenas 21 dos 513 deputados -, o limite será estendido para a semana que vem.

A idade mínima de 65 anos para a aposentadoria de homens e mulheres, com a contribuição mínima de 25, é um dos pontos que têm recebido mais emendas, juntamente com as partes do texto que tratam da aposentadoria especial para professores, pessoas com deficiência e das regras para a concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

(Agência Brasil)

José Guimarães convoca para uma paralisação nacional contra a Reforma da Previdência

92 1

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=yk6-IHLWasg[/embedyt]

O deputado federal José Nobre Guimarães (PT) confirma: no próximo dia 15, com mobilização a cargo dos professores, centrais sindicais e movimentos populares, haverá uma paralisação nacional contra a proposta de reforma da previdência do governo Michel temer.

Para Guimarães, essa reforma só tem um nome: “perversidade”. Segundo o petista, porque atinge direitos históricos da classe trabalhadora. Aumentar a idade da aposentadoria para homens e mulheres aos 65 anos, reitera, é uma perversidade.

Indagado se a oposição teria fôlego para puxar essa paralisação nacional, José Guimarães lembrou: que, durante o Carnaval, houve protesto espontâneo pelo “Fora Temer”.

Residencial Alameda dos Palmares – onde faltar água virou rotina

De Aline Nobre, leitor deste Blog, recebemos nota em tom de queixa contra a Prefeitura e, principalmente, contra a Cagece. Confira:

Prezado jornalista Eliomar de Lima,

Quero, de antemão, parabenizá-lo pelo sucesso do trabalho que desenvolve através de seu Blog, o qual sempre acompanho. Por acompanhar e saber da seriedade e compromisso do mesmo, é que decidi expor uns problemas graves enfrentados pelos moradores do Residencial Alameda das Palmeiras, empreendimento financiado pelo Banco do Brasil a partir do Programa Minha Casa Minha Vida em parceria com a Prefeitura Municipal de Fortaleza.

Venho por meio deste registrar minha indignação em relação a uma situação de falta d’água frequente (semanal) que vem se dando no Residencial Alameda das Palmeiras, localizado no bairro Pedras e, recentemente, entregue a nós moradores, em dezembro de 2016, pela HABITAFOR / PMF.

O fato é que há várias semanas sofremos com faltas d’água frequentes no residencial por conta da má qualidade e diâmetro das tubulações ali instaladas, que acabam por não suportar a pressão da água que passa por eles, segundo comentários de alguns dos moradores que geralmente acompanham os reparos feitos pelos profissionais da CAGECE.

Só do período de Carnaval pra cá já faltou água mais de 06 (seis) vezes. Ou seja, chega a ser uma falta de respeito para com os moradores, pois alguma solução tem de ser vista para um problema que vem acontecendo de modo tão recorrente. Ocorre muitas vezes de chegar água à noite e no outro dia pela manhã já faltar novamente. Não aguentamos mais! Acho que as autoridades competentes tem de tomar alguma providência que não seja apenas paliativas, mas sim que visem sanar esse problema.

Outros grandes problemas são: a falta de creches e escolas próximas para nossas crianças e adolescentes, além da falta de uma sinalização que permita atravessar com segurança a estrada (BR 020 – 4º Anel Viário) de acesso à entrada do Residencial, onde já houve inclusive um capotamento com vítima fatal no início deste ano.

Como moradora do Residencial, venho solicitar a publicização dos problemas acima relatados, no sentido de pressionar às autoridades a tomarem as providências cabíveis, tendo em vista que os maiores prejudicados somos nós, os moradores.

Grata por sua valiosa colaboração!

*Arline Nobre

Graduada em Serviço Social pela UECE
Assistente Administrativo na FUNECE – Campus do Itaperi.

Quando a divergência política deve ficar em segundo plano

Com o título “Sinais de maturidade”, eis tópico da Coluna Política assinada pelo jornalista Érico Firmo, no O POVO desta terça-feira. Nestes tempos de intolerância, um bom exemplo. Confira:

A presença do governador Camilo Santana (PT) na posse do ex-governador Lúcio Alcântara (PR) na presidência do Instituto do Ceará é interessante sinal de maturidade política. O presidente estadual do PR foi talvez o primeiro grande opositor do grupo político que elegeu Camilo. Era aliado dos Ferreira Gomes, mas, desde o rompimento tornaram-se inimigos. Difícil imaginar o comparecimento de Cid Gomes (PDT), estivesse ele no Governo do Estado. Também não sei se Lúcio teria ido até o ex-governador fazer o convite, como fez com Camilo. Verdade que foi Cid quem bateu de frente com Lúcio, em duas oportunidades. Houve atrito pessoal, do qual Camilo não fez parte. E sobre o qual, felizmente, o atual governador soube manter o necessário distanciamento institucional.

Lúcio é presidente do partido do Capitão Wagner (PR), talvez o mais incômodo opositor do Governo do Estado. A ida de Camilo não significa qualquer forma de aproximação política. Permanecem tão adversários quanto quase sempre. O Instituto do Ceará existe há 130 anos. É uma das mais relevantes instituições científicas do Estado. Teve entre os fundadores gente como Juvenal Galeno e Barão de Studart. A ida do governador à posse é, antes de tudo, ato de justa valorização do instituto, muito acima de amizades ou divergências.

O gesto é também saudável demonstração de maturidade. Tem muita gente que acredita que a recusa a dialogar com alguém é sinal de firmeza e convicção ideológica. Acredito que é apenas sinal de falta de educação. Aliás, se a pessoa achar que estará ferindo seus ideais pelo simples fato de conversar com quem pensa diferente, isso mostra sim quão frágeis são os princípios.

Em tempos de tanta agressividade, virulência e intolerância, saúdo quando as pessoas mostram que conversar com quem pensa diferente não arranca pedaço, não violenta ideologias nem muda posição política de ninguém.