Blog do Eliomar

Últimos posts

Com pouco mais de 25% das urnas apuradas, RC mantém vantagem sobre demais candidatos

Com 1/4 das urnas apuradas, o prefeito Roberto Cláudio se mantém na liderança no primeiro turno à Prefeitura de Fortaleza, com 40,4% dos votos. Capitão Wagner se isola na segunda colocação com 31,3%.

Luizianne Lins aparece com 14,8%, seguida por Heitor Férrer aparece com 7,5%; Ronaldo Martins, com 3,6%; João Alfredo, com 1,6%; Tin Gomes, 0,3%; e Francisco Gonzaga, com 0,1%.

TRE do Ceará registra 47 crimes eleitorais

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) registrou 47 crimes eleitorais nos municípios do Ceará durante as eleições municipais. A maioria é de casos de boca de urna: 19, ao todo. Outros casos notificados pelos municípios ao tribunal foram de compra de votos (11), propaganda irregular (9) e transporte irregular (4). Também houve um caso de briga entre fiscais de duas coligações em Pacoti, a 85 quilômetros de Fortaleza.

Em Fortaleza, a candidatura do deputado estadual Wagner Souza Gomes (PR), o Capitão Wagner, à prefeitura vem gerando polêmica. O juiz expediu liminar proibindo o uso do símbolo do super-herói pela coligação de Wagner, que é militar reformado.

Segundo o promotor de Justiça coordenador das eleições, Emmanuel Girão, a compreensão de alguns promotores é de que Wagner associou sua candidatura à cor azul e à marca do personagem dos quadrinhos. Uma sargenta foi detida por chegar ao local vestindo a camiseta com o escudo do Capitão América.

(Agência Brasil)

Eleições em Caucaia – Sílvio Nascimento acredita que vá para o 2º turno

silviooo

O candidato a prefeito de Caucaia, Silvio Nascimento (PP), votou nesta tarde de domingo. Com ele, a sua  mulher, Milena Matos, e o filho Francisco Saulo, de 6 anos.

Sílvio Nascimento, que preside a Câmara Municipal, disse estar confiante no eleitorado. Ele não quis comentar que posição adotará no caso de não passara para o segundo turno.

(Foto – Epitácio Moura)

Lula vota entre vaias e aplausos

(FILES) This file photo taken on August 29, 2015 shows Brazilian former president (2003-2011) Luiz Inacio Lula Da Silva participating in the 12th Congress of the Brazilian Workers Union (CUT) in Belo Horizonte, Brazil, on August 28, 2015.  Brazil police search home on March 4, 2016 of ex-president Lula da Silva in corruption probe.  / AFP / DOUGLAS MAGNO

O ex-presidente Lula mostrou-se feliz neste domingo porque, segundo disse, hoje é um dia de eleições que “consolidam a democracia no Brasil” e dão oportunidade à população para escolher candidatos que vão gerar mais bem-estar nas localidades onde vivem.

“As pessoas não têm que votar com ódio, mas esperança, porque a eleição é para seu filho”, disse o ex-presidente, que fez as declarações após votar em um colégio em São Bernardo do Campo (SP).

Quando Lula chegou ao corredor da sala onde votaria, um coro de seis pessoas começou a vaiá-lo e gritar palavras como “vagabundo” e “ladrão.” Por outro lado, cerca de 50 pessoas que aguardavam o ex-presidente para fotografá-lo e apertar suas mãos iniciaram um grito único: “Olê, olê, olê, olá; Lula, Lula.” Para avançar 20 metros até chegar à urna, Lula levou pouco mais de dois minutos, devido aos pedidos de fotos e abraços.

Perguntado sobre as vaias em entrevista coletiva após votar, Lula respondeu sorrindo. “Eu não ouvi vaias. Isso é mais ou menos quando joga o Corinthians. Tem uma meia dúzia de pessoas que vaiam, mas 99% da torcida apoia.”

TAGSAGÊNCIA ESTADO LULA SÃO PAULO 2016 ELEIÇÕES
Recomendadas para você

Dilma vota em Porto Alegre em clima de tumulto

dilmamam

“Acho um absurdo. Acho antidemocrático e indigno de uma democracia como a brasileira. Acho um absurdo impedir a imprensa de chegar aqui”, afirmou a ex-presidente. “Eu sempre votei aqui, nunca houve isso. Nunca a Brigada [Militar] foi chamada, nunca fecharam as portas. É lamentável”, disse, quando chegou para seu local de votação, em Porto Alegre (RS), a ex-presidente Dilma Rousseff.

A chegada da petista ao local da votação foi marcada por tumulto. A multidão fez Dilma ter dificuldade de chegar à zona eleitoral e a Brigada Militar teve que intervir. Alguns militantes acusaram a polícia de agressão. Jornalistas que tentavam registrar a votação foram impedidos de entrar pelo escrivão eleitoral Luis Carlos Braga, que alegou a proibição do registro por Dilma agora se tratar de pessoa comum. A legislação eleitoral impede o registro de voto de cidadãos comuns.

Perguntada sobre o que achava de ser tratada como cidadã comum, Dilma afirmou: “Se sou uma cidadã comum, tenho muito orgulho disso. Há que se ter orgulho de ser cidadã neste país”.

Dilma chegou à escola estadual Santos Dummont, na zona sul de Porto Alegre, às 13h29min deste domingo (2) e foi recepcionada por grupos de militantes com flores e cartazes escritos “Fora, Temer”.

(Com Agências)

Gilmar Mendes considera pleito tranquilo

GILMAR-MENDES

“Na primeira entrevista coletiva concedida em Brasília, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, disse que as campanhas deste ano, com a proibição de doações de empresas a candidatos, estão mais modestas e mostram um aspecto positivo da reforma política aprovada pelo Congresso, “independente de outros debates que possam ter”.

“Os gastos declarados em 2012 foram de R$ 6,240 bilhões, e até agora, nesta eleição, sem doação de pessoa jurídica, temos R$ 2,131 bilhões. Uma diferença significativa. O que talvez reflita um caráter mais modesto da campanha com as mudanças ocorridas na legislação”, disse.

Perguntado sobre a continuidade da prática de caixa dois, Gilmar Mendes disse que a Operação Lava Jato mostrou que a prática continuou a funcionar. “Mas vamos admitir que, pelo menos no aspecto visual, os sinais mostram que as campanhas estão mais modestas. Isto é um dado positivo. Acho que houve redução de honorários, e de prolabore de marqueteiros”, completou.

Tranquilidade

Com pouco mais de seis horas desde que a votação foi aberta em 5.568 municípios, o presidente do TSE disse que todo o processo está correndo “a contento”. Segundo Gilmar Mendes, as ocorrências que estão sendo registradas pelo tribunal ao longo do dia são pontuais e não são motivos para preocupação.

O ministro atualizou os números do último boletim divulgado pelo TSE e antecipou que pouco mais de 2,2 mil urnas tiveram que ser substituídas, o que equivale a 0,53% do total de 432.959 equipamentos distribuídos pelo país. Até o último boletim divulgado, 1.675 urnas tinham sido substituídas em todo o país, sendo a maior concentração no estado do Rio de Janeiro (332 substituições), seguido por São Paulo (212), Rio Grande do Sul (158) e Ceará (137). Gilmar Mendes reiterou, como já havia declarado mais cedo, em São Paulo, que, em nenhum local, foi necessária a substituição do sistema pelo voto manual.

Perguntado sobre invasões ao sistema das eleições, o ministro ainda acrescentou que nenhuma urna sofre ataque de hackers. “Não há hackers nas urnas. Há ataques a pagina do TSE”, afirmou.

Segurança

Gilmar Mendes ainda descartou qualquer preocupação com a segurança de eleitores e candidatos. Segundo ele, até as 13h21min de hoje, foram registradas prisões de 83 candidatos e o envolvimento de outros 66, sem prisão. Nas primeiras cinco horas de pleito, foram registradas 1.410 ocorrências.”

(Agência Brasil)

Tasso promete estar na campanha do Capitão

tassioo

O senador Tasso Jereissati votou, neste começo de tarde de domingo, em seção do Colégio Farias Brito. Em conversa com a imprensa, ele admitiu que o PSDB estaria retomando seu espaço político no Ceará.

Tasso disse que, nos últimos anos, o PSDB “foi alvo de um verdadeiro ataque de dizimação”, mas afirmou que nestas eleições o partido está em processo de recuperação do seu espaço, principalmente nos grandes centros”.

O tucano, que apoia o candidato a Prefeito de Fortaleza pelo PR, deputado estadual Capitão Wagner, considerou importante que o postulant esteja no segundo turno. Tasso disse acreditar numa reviravolta, mas prevê que a disputa será bem acirrada.

“Mas o voto do Capitão, mais popular, irá se sobrepor”, estiou Jereissati. Ele prometeu estar na campanha de segundo turno, já que na primeira fase se dedicou mais ao Interior.

(Foto – Divulgação)

Tin Gomes lamenta não ir para o 2º turno

cristinnaa

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PHS, deputado estadual Tin Gomes, votou, nesta manhã de domingo, na Escola Joaquim Albano acompanhado da esposa e da filha.

Tin agradeceu o espaço que teve nos debates televisivos e disse que “o que salvou a democracia” nessas eleições foi a imprensa.

O candidato não concorda, porém, com a divulgação das pesquisas de intenção de voto. “Precisamos fazer uma reforma política pra que o Brasil volte a ser democrático”, disse. Disse também: “Não penso que vou chegar ao segundo turno”.

Sobre possível apoio, ele disse que dará a quem absorver mais das suas propostas, tendo como prioridade educação em tempo integral.

(Com Blog da Política)

TSE registra prisão de 21 candidatos e de 142 eleitores no País

“O número de candidatos que cometeram alguma irregularidade nas eleições e foram presos em flagrante no país subiu para 21. De acordo com o segundo boletim divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) desse total, 11 casos aconteceram em Minas Gerais e estão relacionados à divulgação de propaganda e boca de urna.

No Rio de Janeiro, foi registrada uma prisão por corrupção eleitoral. Outros candidatos foram presos nos estados de Mato Grosso do Sul, Piauí, Paraná, Santa Catarina e Sergipe. O motivo das prisões vai desde boca de urna, corrupção eleitoral e divulgação de propaganda a outros casos não especificados pelo tribunal.

Além dos candidatos, foram presos também eleitores. Das 265 ocorrências registradas hoje, 142 resultaram em prisões em flagrante. A maioria delas, 53, também ocorreu em Minas Gerais por divulgação de propaganda e boca de urna. Eleitores também foram presos no Espírito Santo, em Goiás, Mato Grosso, na Paraíba, Pernambuco, no Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, em Roraima, no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e São Paulo.

O TSE divulgou também dados relativos às urnas usadas para registrar o voto dos eleitores. Em todo o país, 786 urnas apresentaram algum tipo de problema e precisaram ser substituídas. Esse número corresponde a 0,179% do total de urnas usadas neste primeiro turno. O estado do Rio de Janeiro registrou o maior número de substituições até as 10h da manhã deste domingo: 165. O segundo estado com maior registro de trocas foi São Paulo, com 107 equipamentos substituídos.”

(Agência Brasil)

Critica Radical circula Fortaleza com a campanha do “Não Voto!”

naovogotr

Um trenzinho foi usado para circular pela cidade.

O grupo Crítica Radical, que tem á frente a ex-vereadora Rosa da Fonseca e a ex-prefeita de Fortaleza, Maria Luiza Fontenele, circula pelas seções eleitorais neste domingo.

É a pregação do “Não Voto!”, numa campanha contra o regime Capitalista, adianta Rosa da Fonseca. Em toda eleição, o Crítica Radical realiza esse tipo de manifestação.

Vereador Zier é conduzido à PF por boca de urna

Candidato à reeleição, o vereador Zier Ferrer (PDT) foi conduzido à Polícia Federal, por volta das 11 horas deste domingo. Estava sob suspeita de fazer boca de urna.

Zier foi flagrado por policiais militares na hora em que descia de um carro para entregar material de campanha a eleitores. Foi detido no bairro Tancredo Neves.

Zier diz que não sabe porque foi conduzido à PF. Ele alega que é uma pessoa pública e que muitas pessoas o abordam. Segundo ele, a denúncia é vazia.

O advogado de Zier, Leandro Vasques, diz que ele estava acompanhado de mulher e filhas e a mais de um quilômetro de qualquer local de votação. Ainda segundo ele, havia apenas resto de material de campanha no carro. “É natural que as pessoas o cumprimentem”, diz.

(Com Blog da Política)

Luizianne vota acreditando no segundo turno

luiziz

A candidata à Prefeitura de Fortaleza pelo PT, deputada federal Luizianne Lins, votou, nesta manhã de domingo, em seção da Assembleia Legislativa. Ela se disse confiante de passar para o segundo turno.

Com Luizianne, estavam o seu postulante a vice, Elmano de Freitas (PT), o deputado federal José Nobre Guimarães (PT), senador José Pimentel (PT) e o vereador Deodato Ramalho (PT), que postula a reeleição.

Ela avisou logo para a imprensa, em clima de coletiva, que ninguém indagasse dela sua posição no segundo turno, caso não passe para essa fase. Disse que iria avaliar todo o cenário por esses dias.

(Foto – Divulgação)

Em Maracanaú, Julinho vota confiante na vitória

185 1

julinhocesar

O candidato a prefeito de Maracanaú, Julinho César (PDT), votou às 10 horas deste domingo na Escola José Belisário de Sousa. Com ele, familiares e apoiadores.

“Fizemos uma campanha limpa e propositiva, em diálogo aberto e franco com a população. Nossas propostas são viáveis e vamos executá-las com a parceria do governador Camilo Santana”, disse.

Ao longo do dia, o candidato acompanhará a votação da candidata a vice, Rosa Dantas, e do pai, Júlio César, candidato a vereador.

(Foto – Divulgação)

João Alfredo vota e brada “Fora Temer!”

98 1

joalfif

Após votar, o postulante posou com grupo do PSOL.

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSOL, vereador João Alfredo, votou nesta manhã, em seção do Colégio Farias Brito. Com ele, o deputado estadual Renato Roseno, a vice Raquel Lima, a presidente estadual da sigla, Cecília Feitoza, e um grupo de militantes do partido. João não quis admitir estar fora do segundo turno.

“Nós vivemos uma das eleições mais marcadas por regras antidemocráticas”, disse o candidato. Ele criticou a sua ausência nos debates televisivos e o pouco tempo disponível na TV. Chamou de “invisibilização” da campanha do PSOL na mídia.

“Não dá pra pessoa fixar nada”. Disse também que achou que essa seria uma eleição mais barata, mas que empresas continuam apoiando financeiramente o RC. Criticou as pesquisas: “Acabam sendo de indução”. Elogiou a “militância aguerrida” do partido, que tentou compensar nas redes sociais a ausência nos debates. Não fala em segundo turno.

Aproveitou, após votar, para pedir licença aos mesários e bradar: “Fora Temer!”

(Foto – Divulgação)

RC vota confiante na vitória por ter apresentado “propostas realizáveis”

rcccvgg

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), disse, nesta manhã de domingo, após votar, estar confiante de que vai para o segundo turno e que vencerá ao final por ter propostas realizáveis para a cidade.

Roberto Cláudio votou ao lado da primeira-dama, Carol Bezerra, e das filhas, do candidato a vice, Moroni Torgan e do presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho (PDT).

(Foto – Divulgação)