Blog do Eliomar

Últimos posts

Luizianne propõe – Trabalhadores com até dois salários mínimos podem garantir integralidade

Trabalhadores que recebem até dois salários mínimos podem se aposentar com a integralidade dos valores, com reajustes pelo Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC). A proposta é da deputada federal cearense Luizianne Lins (PT), que conseguiu reunir 171 assinaturas necessárias para apresentar as duas emendas à reforma da Previdência.

“É preciso que fique nítido que nossa estratégia primeira é derrotar essa antirreforma da Previdência no plenário da Câmara. Mas não podemos correr riscos. E, caso essa trágica proposta seja aprovada, vamos passar à fase de apreciação das emendas, portanto precisamos ter alternativas que minimizem os efeitos desse projeto”, comentou a parlamentar.

A bancada do PT, em conjunto, já havia apresentado catorze emendas à PEC para manter as regras atuais de aposentadoria de idade e de tempo de contribuição, além de preservar categorias como professores, mulheres, trabalhadores rurais e pessoas com deficiência.

Banco Central bloqueia R$ 2 milhões de 46 investigados na Carne Fraca

211 1

O Banco Central bloqueou cerca de R$ 2 milhões de contas de 46 investigados na Operação Carne Fraca, deflagrada na sexta-feira (17) pela Polícia Federal. A Justiça Federal determinou que o Banco Central fizesse o bloqueio de até R$ 1 bilhão de cada uma das contas.

As contas bloqueadas tinham valores diversos, que iam de centavos a até mais de R$ 500 mil. O valor de bloqueio de R$ 1 bilhão era o teto estipulado pela Justiça, não significando a identificação desse valor durante as investigações.

A Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, desarticulou uma organização criminosa liderada por fiscais agropecuários que emitiam certificados sanitários sem fiscalização em troca de propina. Ao todo, cerca de 30 empresas fornecedoras de grandes frigoríficos estão sendo investigadas. Além disso, 33 fiscais federais também estão sob investigação.

Ainda segundo a PF, os frigoríficos envolvidos no esquema criminoso “maquiavam” carnes vencidas com ácido ascórbico e as reembalavam para conseguir vendê-las. A carne imprópria para consumo era destinada tanto ao mercado interno quanto à exportação.

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, defendeu o sistema de inspeção agropecuária brasileiro e disse que a fiscalização é “forte, robusta e séria”. Segundo ele, o ministério está tomando todas as providências sobre as denúncias levantadas pela operação, mas não há motivos para a população ter receio de consumir carne.

(Agência Brasil)

Os valores que unem Ciro Gomes e o Brizolismo

594 1

Em artigo enviado ao Blog, o presidente estadual do PDT, deputado federal André Figueiredo, aponta convergências nos valores defendidos por Brizola e Ciro Gomes. Confira:

Leonel Brizola e Ciro Gomes são lideranças históricas do cenário político brasileiro que defenderam, ao longo de suas trajetórias, apesar de em caminhos próprios, basicamente a mesma matriz de pensamentos e de valores.

Separados em corpo, mas juntos em pensamento, buscaram, cada um no seu tempo e do seu modo, defender e lutar por um bem comum: o empoderamento do Brasil e do povo brasileiro.

O momento agora é ímpar para o País, o fortalecimento de um casamento entre os valores defendidos por nosso saudoso Brizola e por nosso presidenciável Ciro Gomes.

Brizola defendeu a ideia de um Estado forte, respeitado, acatado e racionalizado. Colocando a educação como pilar central das suas administrações, também defendia que a base para a construção de um Brasil melhor estava (e ainda está) no trabalho do povo brasileiro. Manteve-se na luta constante pela defesa dos interesses nacionais e do trabalhador.

Ciro Gomes, por sua vez, traz, entre seus princípios, os valores do socialismo democrático. Defensor da questão nacional, Ciro se posicionou sempre contra as privatizações das riquezas estratégicas do Brasil e vem lutando por um modelo de desenvolvimento que tem como pilar central a preocupação com quem trabalha e produz. Além disso, tem sido um aguerrido combatente contra o capital especulativo e defende a fundamental redução de juros como caminho para combater a concentração de renda em nosso País.

Se questões históricas, por um lado, não haviam permitido que essas duas forças se encontrassem anteriormente sob a mesma bandeira partidária, Ciro e as lutas de Brizola, antes tarde do que nunca, encontraram finalmente um ponto de comunhão partidária.

Vale lembrar que Ciro Gomes foi o último candidato à Presidência da República que recebeu o apoio direto de Brizola e do PDT nas eleições de 2002.

É de suma importância para o País ter agora a combinação dessas forças que chega a um momento de grande necessidade para o Brasil.

Além disso, sabemos que estes ideais defendidos por Ciro e Brizola não vão navegar sozinhos. Vamos caminhar juntos com diversos outros movimentos, organizações, partidos e lideranças, partilhando dos mesmos valores, na luta por um Brasil forte e voltado verdadeiramente para o povo brasileiro.

André Figueiredo

Presidente da Executiva Estadual e

Vice-Presidente da Executiva Nacional do PDT

Outono tem início nesta segunda-feira e temperatura deve baixar no Nordeste

O outono começa nesta segunda-feira (20) no Hemisfério Sul, a partir das 7h29min, horário de Brasília, quando dia e noite têm praticamente a mesma duração. À medida que a estação avança, os dias ficam menores e as noites maiores até o início do inverno, em 21 de junho.

De acordo com o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o outono é uma estação de transição entre o verão e o inverno e, por isso, no início da estação, os dias ainda são quentes e há chuvas e, ao final do período, os dias começam a ficar mais frios e a chuva diminui em algumas partes do país, anunciando a chegada do inverno.

As regiões Norte e Nordeste têm temperaturas mais frias durante o outono. O trimestre março, abril e maio é chamado de inverno nessas regiões porque, em função do aumento de chuvas, há maior nebulosidade, menos irradiação solar chega para a Terra e a temperatura cai, mas não de forma abrupta.

No Nordeste, com exceção de quase toda a Bahia, o Maranhão e parte do Piauí, a previsão é de chuva abaixo da média histórica.

(Agência Brasil)

Legitimidade – Lula, Dilma e Ciro entregam neste domingo trecho das obras da transposição

154 2

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (19):

Os ex-presidentes Lula e Dilma, além do ex-ministro da Integração, Ciro Gomes, estarão juntos hoje, na cidade de Monteiro, na Paraíba, para inaugurar, legitimamente, o trecho leste da Transposição do Rio São Francisco, cuja paternidade Michel Temer tentou também usurpar, na semana passada.

Dilma vem de uma viagem exitosa à Europa, onde foi, à convite, explicar o que se passa no Brasil, como foi perpetrado o golpe e como se intensifica a perseguição a Lula, à medida de seu crescimento nas pesquisas eleitorais. Foi muito aplaudida e acolhida com todo carinho.

Lula, depois de imensas dificuldades e sabotagens (inclusive um golpe de permeio), consegue finalmente entregar o primeiro trecho da maior obra estruturante da história do País, que havia prometido aos nordestinos.

Jamais um governo antipovo e voltado para os ricos, como o atual, realizaria uma obra como essa (considerada “desperdício” pelos neoliberais). A obra só poderia ser feita mesmo por quem tem compromisso com a inclusão social e a integração nacional.

Foi para acabar com esse tipo de modelo econômico desenvolvimentista, nacional e inclusivo, que o golpe do impeachment foi dado, segundo ponderáveis analistas. Impotentes diante do reconhecimento dos nordestinos a Lula, os usurpadores praticam mesquinharias, como o adiamento da conclusão do pequeno trecho, inconcluso, que beneficia o Ceará.

Mas, com isso, só fazem dar um tiro no pé.

Agente penitenciário é detida com material ilícito em presídio

Uma agente penitenciário foi detida na noite desse sábado (18), em uma Casa de Privação Provisória de Liberdade (CPPL), na Região Metropolitana de Fortaleza, com 62 aparelhos celulares, carregadores de bateria, mais de 100 chips, além de cachaça.

Segundo a Polícia, a acusada de portar material ilícito, no interior de presídios, foi autuada em flagrante na Delegacia de Maracanaú. Ela também responderá a processo administrativo, quando poderá ser expulsa dos quadros.

Ministério diz que inspeção é eficiente e que denúncias são pontuais

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento divulgou nota nesse sábado (18) em que afirma que o “Serviço de Inspeção Federal brasileiro é considerado um dos mais eficientes e rigorosos do mundo”.

Segundo o governo, o serviço tem 2,3 mil funcionários que inspecionam 4.837 unidades produtoras habilitadas a exportarem carne para 160 países. “Foi com este Serviço que construímos uma reputação de excelência na agropecuária e conseguimos atender às exigências rigorosas de diferentes nações”, diz a nota.

O ministério afirma ainda que as denúncias que vieram à tona com a Operação Carne Fraca são “fatos pontuais”, após a denúncia inicial de um fiscal.

Ao todo, 33 fiscais federais estão sob investigação. “O governo brasileiro, através de seus serviços de fiscalização, da Polícia Federal e outros órgãos de controle cumpre seu papel de garantir a qualidade e sanidade, tanto dos produtos alimentícios destinados ao mercado externo quanto ao mercado interno, sejam de origem animal ou vegetal.”

Ainda de acordo com a nota, a investigação da Polícia Federal e as medidas tomadas pelas autoridades do Ministério da Agricultura são “a maior prova de que nossos sistemas de proteção e fiscalização está alerta e funcionando plenamente e servem como garantia ao consumidor da qualidade dos produtos de origem agropecuária de nosso país”.

(Agência Brasil)

Golpistas acompanham momento da economia e usam contas inativas do FGTS e restituição do IR para lesar vítimas

Um dos segmentos mais atentos às mudanças na economia do país é o da criminalidade. Para conseguir lesar suas vítimas, antes os golpistas se valiam de programas de tevês que sorteavam casas e outros prêmios. Agora os golpistas apostam nas contas inativas do FGTS e na restituição do Imposto de Renda para invadir computadores de suas vítimas, por meio de emails, além de depósitos em dinheiro para a “liberação antecipada” dos valores.

A Caixa Econômica Federal e a Receita Federal informam que não mandam emails sobre esse tipo de procedimento.

Temer se reúne com Maggi e associações para tratar da Operação Carne Fraca

O presidente Michel Temer deve se reunir neste domingo (19) com o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, para discutir as medidas do governo e a repercussão no mercado internacional depois da deflagração da Operação Carne Fraca. Também participarão do encontro representantes das associações brasileiras das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) e de Proteína Animal (ABPA), além da Confederação Nacional da Agricultura (CNA).

O objetivo será debater as medidas que já estão sendo tomadas pelo ministério e os possíveis impactos da operação sobre as exportações de carnes brasileiras. O governo federal também deve divulgar uma nota para as embaixadas na tentativa de esclarecer a amplitude do esquema de corrupção desvendado pela Polícia Federal.

Nessa sexta-feira (17), logo que soube da operação, Maggi informou que iria interromper uma licença de dez dias para tratar pessoalmente do caso. Neste sábado (18), ele concedeu entrevista em Cuiabá e disse que não há motivos para a população ter receio de consumir a carne dos mercados e que o caso foi de “desvio de alguns servidores e de algumas empresas”, que já foram interditadas.

(Agência Brasil)

Morre o ex-prefeito de Tauá

O agropecuarista Genésio Rodrigues Loiola, 93, morreu na manhã deste sábado (18), em Fortaleza, após falência múltipla dos órgãos. Ex-prefeito de Tauá, na Região dos Inhamuns, a 337 quilômetros da Capital, o corpo do agropecuarista será velado na Câmara Municipal de Tauá, a partir desta noite.

Genésio Rodrigues Loiola assumiu a Prefeitura de Tauá nos anos 1966 e 1967, após o então prefeito Júlio Rêgo ser eleito deputado estadual.  Ele era ligado atualmente ao grupo político do também ex-prefeito Domingos Filho, atual presidente do TCM.

Sindetran/CE lamenta em nota publicação do Detran sobre máfia de servidores no processo da CNH

731 1

Em nota enviada ao Blog, o Sindicato dos Trabalhadores na Área de Trânsito do Estado do Ceará aponta assédio moral contra servidores, por parte do Detran, quando o órgão aponta que o sistema de monitoramento do exame para a obtenção da CNH seria para impedir a eventual ação de uma máfia, acostumada a fraudar o processo. Confira:

O SINDETRAN/CE lamenta e repudia os atos anti-sindicais promovidos contra esta entidade e demais servidores pelo Superintendente do DETRAN/CE, Sr. Igor Vasconcelos Ponte, tanto em nota veiculada na data de 11.03.2017 quanto presencialmente na cidade de Sobral/CE, quando representantes sindicais compareceram ao Detran daquela cidade para, numa manifestação pacífica, registrar a implantação do sistema de monitoramento do exame de habilitação do Órgão, que não contou com o devido treinamento e qualificação dos servidores, colocando em risco a regularidade do procedimento.

O quadro de assédio moral no Órgão é preocupante e sua prática tem sido reiterada, em especial contra servidores integrantes da estrutura sindical, que lutam por dignidade e independência da categoria em todas as suas frentes.

Sábado passado, dia 11 de março, o Detran/CE fez publicar em seu site uma nota onde afirma que o monitoramento servirá para “impedir que eventual ação de uma máfia, que estava acostumada a fraudar o processo de obtenção da carteira de habilitação”, decidindo “começar esse sistema por Sobral, como uma resposta à ação de investigação do Ministério Público Estadual, que prendeu, no dia 19 de maio de 2016, três servidores do Detran e instrutores de duas autoescolas da cidade. Dois servidores foram demitidos e uma autoescola foi cassada, além da suspensão de 30 dias a um servidor e a uma autoescola”.

Essa informação repassada pelo Detran/CE em grande parte é falsa. Os servidores referidos na nota em nenhum momento foram demitidos dos seus cargos, atualmente os mesmos encontram-se apenas respondendo a processo administrativo disciplinar, ora em grau de recurso, sendo que um deles recebeu como penalidade administrativa apenas uma suspensão de 90 (noventa) dias, ou seja, foi absolvido das acusações. Some-se a isso o fato de que as supostas irregularidades teriam se dado na realização de provas teóricas para habilitação de condutores, e não em prova prática de direção veicular.

O que se percebe é que o Detran/CE, a exemplo de outras experiências do campo político do país, tenta justificar a exacerbada terceirização do órgão sob o argumento de corrupção, e o pior, de forma generalizada, como se todos os trabalhadores fossem, em sua totalidade, corruptos, o que não corresponde à realidade.

Hoje o Detran/CE mantém em contratos de terceirização mais de R$ 285.177.847,85 (duzentos e oitenta e cinco milhões, cento e setenta e sete mil, oitocentos e quarenta e sete reais e oitenta e cinco centavos), sendo que apenas o contrato da empresa de monitoramento em questão, FG CONSULTORIA E GESTÃO EMPRESARIAL E EDUCACIONAL EIRELI – EPP, alcança o valor de R$ 12.913.000,00 (doze milhões e novecentos e treze mil reais), sendo que estes serviços dizem respeito a atividade fim dos servidores, o que precariza a relação de trabalho pela falta de qualificação e precária remuneração, além de onerar ainda mais os usuários com o repasse de taxas embutidas nos valores cobrados pelas autoescolas a seus alunos.

Portanto, os servidores, através da entidade sindical SINDETRAN/CE, informa a toda sociedade que vai continuar no exercício do seu direito constitucional de reivindicar os direitos de sua categoria e dos usuários em geral, lutando pela suspensão de tamanha irregularidade nos âmbitos administrativo e judicial, a exemplo do que ocorreu recentemente com a determinação expedida pelo Ministério Público Federal na data de 08 de março de 2017 ao Superintendente do Detran/CE, acatando denúncia do Sindicato para recomendar que o Órgão se abstenha de aplicar exames de direção em vias que não disponham de condições de sinalização e conservação adequadas.

Reiteramos que o SINDETRAN/CE tem sido um guardião da honra e da dignidade do servidor público do Estado do Ceará, promovendo iniciativas que coíbam todo e qualquer ato que limite ou cerceie o direito dos seus pares.

SINDETRAN/CE

Custeio para TCM tem redução de mais de 80%

Um detalhamento do orçamento aprovado pelo Estado para o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), este ano, revela que, em comparação com o ano passado, os recursos disponíveis para custeio do órgão sofreram uma redução de 56% – de R$ 16,5 milhões para R$ 7,2 milhões.

Quando considerados nesse grupo de despesas especificamente o orçamento para contas como as de água, energia elétrica, telefone, coleta de lixo, postagem de documentos, manutenção predial e publicações legais o corte foi de 82%, tendo em vista que o valor passou de R$ 2,1 milhões para R$ 373 mil, suficiente para o pagamento de apenas dois meses.

Selecionando, dentre os gastos com custeio, somente serviços terceirizados, destinados, por exemplo, à limpeza, vigilância, serviços de tecnologia e atendimento ao público, a redução foi de 85%, passando de R$ 8,7 milhões em 2016 para R$ 1,3 milhão em 2017.

O orçamento total do TCM, que, além das despesas com custeio, contempla o pessoal concursado (folha de pagamento) e investimentos, foi reduzido em 20%, de R$ 102,8 milhões para R$ 82,7 milhões. Contudo, o detalhamento ora apresentado pelo órgão mostra que a redução ocorreu de forma não linear, dependendo do tipo de despesa realizada.

Enquanto as despesas para pagamento dos servidores efetivos teve um corte de 10% – de R$ 86,3 milhões para R$ 75,4 milhões – as despesas para manutenção do Tribunal sofreram um corte proporcionalmente maior, como mostra o levantamento acima.

De acordo com o presidente do TCM, Domingos Filho, “a redução do orçamento não ocorreu de forma linear, pois atingiu mais fortemente as despesas de custeio, que envolvem o funcionamento administrativo do órgão. Em termos práticos”, complementa o conselheiro, “a redução de recursos para essas despesas impacta nas ações finalísticas do TCM, expressas na Constituição, como fiscalização, orientação técnica e capacitação de mais de 3.700 unidades gestoras que gerenciam R$ 25 bilhões correspondentes à soma dos orçamentos dos 184 municípios do Ceará”.

Conforme anunciado em comunicado oficial no último dia 11, já há paralisação de serviços como atendimento ao público externo, capacitações presenciais, atendimento a denúncias sobre desvio de recursos por agentes municipais, fiscalização de licitações, contratos e convênios cujos documentos não estejam no TCM, e todas as viagens para inspeções especiais ou de rotina.

(TCM)

Celebrar a chegada da água ao sertão

Em artigo no O POVO deste sábado (18), o deputado federal José Guimarães reclama os benefícios da transposição das águas do São Francisco para os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Confira:

Por mais de 500 anos, o povo do sertão nordestino conviveu com a seca, miséria, fome e a degradação causadas pela estiagem prolongada. Só quando o País elegeu um filho do Nordeste, que conhece na pele o que é viver sem água, essa realidade começou a mudar. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tomou como missão cumprir uma promessa dos tempos do Império: levar água – e dignidade – ao sertanejo, com a transposição do rio São Francisco.

Por isso, nada mais justo que o próprio Lula venha agora comemorar com seu povo essa imensa conquista, juntamente a presidente Dilma Rousseff. Foi no mandato de Dilma que as obras chegaram a 86,3% concluídas.

Ao começar a obra, Lula recebeu críticas de todos os lados. De burocratas que nunca saíram de suas salas geladas, da mídia grande e de políticos adversários – os mesmos que agora, de forma cínica e oportunista, tentam tirar proveito do trabalho que antes execravam.

Ao todo, Lula e Dilma destinaram R$ 9,6 bilhões à transposição. Empenharam 92,4% e pagaram 87,5% da obra. Na nossa concepção de governo, o Nordeste não é problema, mas parte importante da solução para os problemas do País. Essa visão se concretizou em inúmeras políticas públicas, como Bolsa Família, microcrédito direcionado e valorização do salário mínimo vinculado à aposentadoria, por exemplo.

Como resultado, mesmo neste longo período de estiagem registrado na região – cinco anos -, não somos mais confrontados com as cenas chocantes de pessoas esquálidas de fome e sede, saques no comércio local em função do desespero e paus de arara cheios de retirantes rumo a outras regiões. Graças a muito trabalho e investimento social, essas imagens fazem parte do passado. E agora, com as águas do São Francisco, não voltam mais.

Depois de percorrer 477 quilômetros, o “Velho Chico” vai beneficiar 390 municípios e suas águas vão chegar a 12 milhões de nordestinos. O sertão vai virar um mar de prosperidade e esperança. E neste domingo vamos celebrar com Lula e Dilma a nossa maior conquista.

Executivo da BRF é preso no Aeroporto Internacional de Guarulhos

O gerente de Relações Internacionais e Governamentais da Brasil Foods (BRF), Roney Nogueira dos Santos, foi preso pela Polícia Federal (PF) neste sábado (18) no Aeroporto Internacional de Guarulhos após desembarcar vindo do exterior.

Segundo a assessoria da BRF, Santos se entregou às autoridades. O gerente teve a prisão preventiva decretada ontem pela operação Carne Fraca, da PF. Ele é acusado de influenciar fiscais do Ministério da Agricultura.

“[Roney Nogueira] remunera diretamente fiscais contratados, presenteia com produtos da empresa, se dispõe a auxiliar no financiamento de campanha política e até é chamado a intervir em seleção de atleta em escolinha de futebol. Com tantas benesses, há notícia de que ele possui login e senha para acessar diretamente o sistema de processos administrativos (SEI) do MAPA [Ministério da Agricultura], obviamente de uso restrito ao público interno”, disse o juiz federal Marcos Josegrei da Silva, que determinou a prisão do gerente.

Segundo a PF, os frigoríficos envolvidos na Operação Carne Fraca maquiavam carnes vencidas com ácido ascórbico e as reembalavam para vendê-las.

As empresas, de acordo com a polícia, subornavam fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para que autorizassem a comercialização do produto sem a devida fiscalização. A carne imprópria para consumo era destinada tanto ao mercado interno quanto à exportação.

(Agência Brasil)

A surpreendente criatividade criminosa

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (18), pelo jornalista Érico Firmo:

O Brasil não para de surpreender pela diversidade de ramos em que produz escândalos. Já houve punhado de casos de leite e de suco contaminados até com soda cáustica. Dessa vez, um dos mais caros produtos da refeição está envolvido em assustadora sequência de irregularidades. Foi identificada, segundo a Polícia Federal, carne estragada e contaminada com bactérias, uso de produtos químicos para maquiar o cheiro de podre, água injetada para aumentar o peso. Até produtos para merenda escolar foram adulterados. Não havia limites na atuação dessa gente.

Esse escândalo afeta a população de maneira particularmente sensível. As pessoas até ficam indignadas com casos de corrupção como os revelados na Lava Jato. Porém, não é tão palpável a forma como o dia a dia é afetado. No caso da operação Carne Fraca, creio que todo consumidor de carne ficou a se perguntar se chegou a comer os produtos nos quais foram constatados problemas.

Não se trata de empresas de fundo de quintal. São potências econômicas, que produzem para o mercado internacional. Como ocorre na Lava Jato, potências do setor privado nacional se veem envolvidas num esquema constrangedor para ludibriar o consumidor. Como consequência, risco à saúde de quem cometeu o desatino de comprar a porcaria que, conforme as investigações, estava sendo vendida como produto de grife.

Gigantes do mercado brasileiro não se consolidaram pela qualidade do que fazem. Os estratagemas para crescer e dominar o mercado são diversos. Muitos à margem da legalidade. Isso é amadurecimento que as mais recentes operações contra a corrupção tem explicitado: não só o setor público é corrupto. E raramente os desvios dos governos ocorrem sem conluio com a iniciativa privada. Pelo contrário, a forma de consolidação dos grandes negócios particulares no Brasil muitas vezes passa pela relação parasitária com o poder público.

No caso da Carne Fraca, parte central do esquema é a corrupção dos fiscais. O esquema é privado, mas dependia de conivência criminosa dos agentes estatais. Talvez aí esteja parte da explicação para a generosidade eleitoral de algumas das empresas envolvidas. Não necessariamente por fraude, mas seguramente pela busca de boas conexões.

Parte da propina paga pelas empresas ao Ministério da Agricultura abastecia PMDB e PP, segundo a Polícia Federal. Os investigadores disseram não saber as razões para os partidos receberem favorecimento pela fraude na comercialização de carne. É assunto que merece ser bem aprofundado. Pode ser o fio de uma meada bastante perigosa.

Água para o Nordeste

Em artigo no O POVO deste sábado (18), o presidente Michel Temer destaca a integração das águas do rio São Francisco. Confira:

As águas do rio São Francisco avançam céleres pelo projeto de integração que vai beneficiar 12 milhões de pessoas em 390 municípios de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte. Acabam de inundar o açude Poções, em Monteiro, na Paraíba, estrutura final dos 217 quilômetros de extensão do Eixo Leste do projeto.

O Nordeste é prioridade. Por isso, nosso governo retomou obras paradas e elevou, em 2016, para 96% o percentual de execução das obras físicas do projeto. Os repasses para o Eixo Leste aumentaram 23%, com desembolso de cerca de R$ 379 milhões.

O Eixo Norte da integração do São Francisco, que está com 94,52% de execução, será inaugurado ainda neste ano. Já repassamos R$ 224 milhões às obras, atingindo mais de 602 milhões.

Outras obras estão sendo tocadas com o mesmo comprometimento. A atenção especial ao projeto São Francisco foi estendida ao Cinturão das Águas do Ceará, à Adutora do Agreste Pernambucano, à Vertente Litorânea Paraibana e ao Canal do Sertão Alagoano.

A integração do São Francisco é uma obra redentora para toda a região. Assim como as reformas estruturantes vão revitalizar a economia brasileira, a água vai revitalizar o Nordeste. Vamos entregar a transposição ao fim de 2018, quando também teremos um país melhora quem venha assumir o governo.

Nosso trabalho pelo Nordeste não se restringe ao projeto de transposição do São Francisco. Lançamos, no ano passado, o Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco. É investimento de cerca de R$ 7 bilhões, até 2026, para recuperar o que foi degradado e evitar que o uso do solo e das águas prejudique o volume e a qualidade da água do São Francisco.

Estamos, também, expandindo os níveis de saneamento e de abastecimento de água nas comunidades da região. O Ministério das Cidades tem 327 obras em andamento, totalizando investimentos da ordem de cerca de R$ 12 bilhões.

A força do povo nordestino é como a força das águas do São Francisco, nada pode contê-la. É como a força do Brasil!

Nada pode impedir nosso país de ser grande.

Camilo garante apoio à população de Assaré

O rompimento de duas barragens no município de Assaré, no Sul do Ceará, a 520 quilômetros de Fortaleza, fez com que as águas invadissem ruas e casas, nessa sexta-feira (17).

Assim que tomou conhecimento dos alagamentos, o governador Camilo Santana ligou para o prefeito Francisco Evanderto Almeida (PSD) e assegurou ajuda.

Somente neste sábado (18) é que a população passou a receber melhor assistência da Defesa Civil do Estado e do Corpo de Bombeiros, diante do recuo das águas.

Os estragos serão avaliados no início da próximo semana, após a população conseguir alojamentos.

(Foto: Divulgação)