Blog do Eliomar

Últimos posts

Instituto JCPM oferece espaço em seus shoppings para entidades filantrópicas

O Instituto JCPM de Compromisso Social, em parceria com o RioMar Fortaleza e RioMar Kennedy disponibiliza, gratuitamente, um espaço nos shoppings para instituições sociais comercializarem produtos desenvolvidos por elas. Toda a renda arrecadada é administrada pela própria entidade. O espaço funciona em esquema de rodízio e a cada mês uma instituição diferente tem a oportunidade de ficar no local.

Neste primeiro semestre do ano, foram recebidas 12 instituições no Projeto Quiosque Social do IJCPM nos dois shoppings e gerados mais de R$ 50.000 em vendas.

No RioMar Fortaleza, o Quiosque Social fica na Área de Conveniência e Serviços, no Piso E2, e no RioMar Kennedy, na mesma área no Piso L1.

Entre as instituições beneficiadas no RioMar Fortaleza neste ano estão: Associação Cearense do Esporte Adaptado, Arte e Costura, Giro Social, Associação Brisa-Mar, Movimento de Saúde Mental e Povos do Mar (IPOM).

Já o RioMar Kennedy recebeu mais seis instituições: Paróquia N. S. de Fátima, Unicafés, AMÃE, Associação Proarte, Associação de Mulheres Dendê Sol e Associação de Mulheres e Amigos Especiais.

SERVIÇO

*Para participar do projeto, as instituições podem procurar as unidades do IJCPM, nos shoppings RioMar do bairro Papicu e do Kennedy.

(Foto – Divulgação)

Equipe de Paulo Guedes vai aos prantos após aprovação da reforma da Previdência; Ele não chorou

334 1

O ministro da Economia, Paulo Guedes, estava em uma reunião quando o resultado da votação na Câmara foi anunciado. Interromperam a conversa para avisá-lo. O ministro percorreu corredores parabenizando técnicos que trabalharam na proposta e estavam aos prantos, emocionados. Ele mesmo não chorou.

A informação é da Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quinta-feira.

No início do ano, Maia e Guedes estavam em sintonia. Nessa quarta (10), no discurso que fez antes de anunciar a aprovação da reforma, o presidente da Câmara mencionou diversos integrantes do governo e do Congresso, mas não citou o nome de Guedes.

(Foto – Agência Brasil)

Sindiônibus vai ampliar tarifa interbairros de R$ 1,00

O Sindiônibus vai estender para mais áreas de Fortaleza, neste semestre, mais uma modalidade de tarifa de ônibus em Fortaleza. Depois da tarifa social e Bilhete Único, vem aí, segundo o presidente da entidade, Dimas Barreira, a tarifa de R$ 1,00 interbairros ou intrabairros em novos trechos.

Nela, o usuário se desloca dentro do bairro ou de um bairro próximo para outro pagando apenas esse valor. “Começamos um piloto no Residencial Cidade Jardim (Conjunto José Walter), com bons resultados. Vamos expandir, pois o objetivo é baratear o custo”, afirma Dimas.

Há estudos sobre áreas da Capital para expandir o serviço, que chega também por conta da concorrência do transporte por aplicativo. Quem quiser se deslocar para outra área, é só completar o valor da passagem convencional: R$ 3,60.

(Foto – Arquivo)

Fortaleza registra chuva neste começo de manhã de quinta-feira

Fortaleza registra chuva com ventos neste começo de manhã de quinta-feira.

Pegou muita gente de surpresa, mas a Funceme havia divulgado a seguinte previsão: nebulosidade variável, com possibilidade de chuva na região Jaguaribana e nos litorais de Fortaleza e do Pecém. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado.

Motoristas devem dirigir com cautela em razão da pista molhada. Não há registro de alagamentos.

Em Quixeramobim, houve chuva de 34 milímetros e em Solonópole, 11 milímetros.

Lideres empresariais do Ceará comemoram a aprovação da reforma da Previdência

291 7

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará, Beto Studart, também membro do conselho da Confederação Nacional da Indústria (CNI), assim comentou a aprovação da reforma da previdência em primeiro turno:

“Graças a Deus passou. Um momento histórico e acho que vamos assistir agora um novo momento para o Brasil, um novo momento de prosperidade, com geração de emprego e clima para montagem da nossa infraestrutura. De parabéns os deputados que votaram por um novo Brasil”.

Beto Studart espera agora que, após a finalização do processo de votação da reforma da Previdência, venha a reforma tributária.

Da mesma opinião comunga Honório Pinheiro, ex-presidente da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e vice da FCDL e da CDL Fortaleza.

“Coma reforma da Previdência aprovada, teremos agora a abertura para novas reformas. E se constrói uma esperança para as famílias brasileiras. Esperamos que os investimentos comecem a chegar e que venha agora a reforma tributária, indispensável, pois sem ela não poderemos evoluir sob o ponto de vista dos ativos. Além de muito imposto, temos uma matriz complicada e cheia de altos e baixos”.

(Fotos  Fabio Lima e Gabriel Gonçalves)

Mercado comemora aprovação da reforma da Previdência em primeiro turno

O mercado comemora a aprovação da reforma da previdência em primeiro turno na Câmara. A expectativa é por retomada de investimentos a curto prazo, informa a Coluna Radar, da Veja Online.

Alexandre Pierantoni, responsável pela área de Fusões e Aquisições da Duff&Phelps, assim se manifestou:

“Com a aprovação em primeiro turno do texto-base por ampla maioria dos deputados da Câmara, o risco que era colocado na balança pelo investidor reduz-se substancialmente e o sinal positivo que os investidores esperavam consolida-se, o que deve estimular a economia.”

Pierantoni complementou: “Estes movimentos e oportunidade devem inclusive estimular um outro ângulo de visão de longo prazo: o da produtividade, campo em que o país necessita de grande atenção para se tornar mais competitivo internacionalmente”, completou.

Senado aprova projeto que criminaliza caixa 2 eleitoral

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nessa quarta-feira (10) a criminalização do caixa dois eleitoral. Por ser terminativo, o projeto será enviado para a Câmara dos Deputados, se não houver recurso para análise pelo plenário.

O projeto foi apresentado como parte do pacote anticrime e reproduzindo o teor das propostas enviadas à Câmara pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro. Pelo texto aprovado, torna-se crime “arrecadar, receber, manter, movimentar ou utilizar” dinheiro, bens ou serviços monetizáveis que não estejam registrados na contabilidade oficial de campanha.

A pena prevista é de dois a cinco anos de prisão. A mesma punição vale para quem doar, contribuir ou fornecer os recursos para os candidatos e integrantes de partidos. Se o autor do delito for agente público, a pena pode ser aumentada de um a dois terços. Ou seja, se o projeto virar lei, o uso de um avião na campanha, ainda que não haja dinheiro na operação, se não for declarado corretamente na prestação de contas, pode ser considerado caixa dois.

Emenda apresentada pelo relator, senador Marcio Bittar (MDB-AC), criou um agravante à pena, em um a dois terços, caso os recursos, valores, bens ou serviços usados em caixa dois eleitoral venham de ações criminosas.

“Serão punidos com mais rigor aqueles que utilizam dinheiro de corrupção, narcotráfico ou contrabando para financiar campanhas políticas. O caixa dois atenta contra a soberania popular e a inviolabilidade do voto”, afirma Bittar no parecer.

(Agência Brasil)

CCJ do Senado vai ouvir Gleen Greenwald sobre conversas vazadas de Moro

141 1

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) vai receber, a partir das 10 horas desta quinta-feira (11), o jornalista Glenn Greenwald, responsável pelo site The Intercept Brasil, para falar sobre os vazamentos de supostas conversas entre o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro, e o procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava-Jato.

O convite ao jornalista partiu do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), sob alegação de que o conteúdo revelado “traz enorme preocupação no que diz respeito a uma possível interferência em processos, na contramão do princípio da imparcialidade, que deve balizar a conduta de membro do Ministério Público e do Poder Judiciário”.

Segundo Randolfe, o jornalista vem sofrendo publicamente ataques de setores do governo, inclusive de Sergio Moro, que vem questionando a veracidade dos diálogos.

“Logo, a presença do autor dessas impactantes reportagens a esta comissão é fundamental para o esclarecimento de um assunto que vem trazendo enorme repercussão no país. É a oportunidade para que ele traga as explicações que considera necessárias à sociedade brasileira”, alegou Randolfe em seu requerimento.

Troca de mensagens

Desde 9 de junho, as reportagens assinadas por Glenn Greenwald no site Intercept e em outros meios de comunicação têm mostrado supostas trocas de mensagens pelo aplicativo Telegram entre Moro e procuradores, colocando em dúvida a necessária imparcialidade na condução dos processos judiciais, já que o então juiz aparece orientando os acusadores nos processos referentes à Lava Jato.

Glenn Greenwald já esteve na Câmara dos Deputados, onde defendeu a liberdade de imprensa e a transparência e reafirmou a autenticidade das conversas vazadas. O jornalista afirmou que o site está enfrentando pessoas poderosas do país, o que resultou em ameaças contra a sua vida e a de sua família.

(Com Agência Senado/Foto- Agência Câmara)

Del Paseo promove a partir de hoje oficina infantil gratuita de pintura em tela

O Shopping Del Paseo promove, a partir desta quinta-feira (11), uma oficina infantil de pintura em tela. A promoção segue até o domingo (14), no período da tarde e início da noite.

A atividade de férias é gratuita e aberta para crianças de todas as idades. A oficina de pintura do Del Paseo acontece também no próximo final de semana (de quinta a domingo), das 15 às 19 horas, no Piso L1 do shopping.

SERVIÇO

*Entrada: Gratuita

(Foto – Arquivo)

Comissão do Senado aprova meia-entrada para doadores de sangue

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou nessa quarta-feira (10) um projeto que concede meia-entrada em espetáculos artístico-culturais e esportivos para os doadores regulares de sangue. Por tramitar em caráter terminativo, o texto segue direto para a Câmara dos Deputados caso não haja recurso para votação no plenário.

De autoria do senador Fabiano Contarato (Rede-ES), o texto prevê que o critério para a concessão é a periodicidade mínima de três doações em um período de 12 meses. O benefício será concedido por meio de uma carteirinha feita por hospital, clínica, laboratório ou qualquer outra entidade autorizada para a coleta de sangue, a qual deve ser apresentada junto com documento de identidade.

Ao justificar a medida, Contarato afirmou que mesmo o Ministério da Saúde realizando campanhas anuais para incentivar a doação de sangue, um levantamento da pasta demonstrou, em 2016, que apenas 1,6% da população brasileira aderiu a essa prática.

“Esse percentual está abaixo de parâmetro da Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de engajamento de ao menos 4% da população de um país nesse tipo de doação. A escassez é então um grande problema para os bancos de sangue do país, visto que a doação é essencial para a saúde pública”, ressaltou o parlamentar.

(Agência Brasil)

Primeira vez – Sarto assume Governo do Ceará por 6 dias

262 1

Até a próxima quarta-feira (17), o Ceará terá à frente um inédito governador interino. Trata-se do presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Sarto (PDT), que assumirá o cargo a partir das 18 horas desta quinta-feira (11), diante dos dias de férias do governador Camilo Santana e da ausência da vice-governadora Izolda Cela, que participa de curso.

Por meio do Facebook, na manhã da terça-feira (9), Camilo anunciou a viagem. “Amigos e amigas, não teremos nosso bate-papo ao vivo nesta e na próxima terça, em razão de estar viajando. Mas retornamos normalmente na semana seguinte para conversarmos sobre todos os assuntos que interessam ao nosso Ceará e aos cearenses”.

José Sarto Nogueira Moreira é natural do município de Acopiara, interior do Estado. É formado em Medicina pela Universidade Federal do Ceará (UFC), com estágio nos Estados Unidos, na área da Ginecologia e Obstetrícia. Recentemente, ingressou no curso de mestrado de Ciência Política do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa.

(Foto: Arquivo)

Deputados aumentam idade para aposentadoria dos professores

Único destaque votado nessa quarta-feira (10), os deputados federais rejeitaram, por 265 votos contra e 184 votos a favor, a manutenção das atuais regras de aposentadoria para professores.

Pelo texto base aprovado, momentos antes, professores da rede pública de ensino e da rede privada passam a se aposentar com a idade mínima de 57 anos para mulheres e 60 anos para os homens, ambos com 25 anos de contribuição.

A idade mínima exigida no setor público era de 50 anos para as mulheres e 55 anos para os homens, com 25 anos de contribuição para as mulheres e 30 anos para os homens.

Nesta quinta-feira (11), os parlamentares votarão os demais destaques, com início pelo que busca impedir que pensões sejam inferiores a um salário mínimo, caso o beneficiário tenha outra fonte de renda.

(Foto: Arquivo)

Roberto Macêdo é agraciado com a Medalha Ambientalista Joaquim Feitosa

O empresário Roberto Macêdo, ex-presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), foi agraciado, nessa noite de quarta-feira, coma Medalha Ambientalista Joaquim Feitosa. Trata-se da mais alta comenda da Secretaria do Meio Ambiente do Estado.

Roberto ganhou a homenagem por sua dedicação à luta pela preservação do bioma caatinga, tendo, inclusive, criado uma entidade nessa área a partir de um sítio onde garante o plantio da espécie.

O ato, que ocorreu no auditório da cobertura da Fiec, foi presidido pelo secretário Artur Bruno e pelo presidente da federação, Beto Studart, contando com a presença de empresários, dirigentes de entidades públicas e ambientalistas. Roberto recebeu a comenda das mãos da viúva de Joaquim Feitosa, dona Dolores.

(Foto – Paulo MOska)

Domingos Neto diz que votou a favor do texto-base para defender os professores

Para o deputado Domingos Neto (PSD-CE), a votação a favor do texto-base da reforma da Previdência significa retirar da proposta aprovada a parte que muda a aposentadoria dos professores, mantendo o benefício da categoria da forma que se encontra hoje.

A justificativa do parlamentar cearense, um dos 11 deputados cearenses que votaram a favor do texto base, está no Destaque de número 9 da reforma da Previdência, que deverá ser votado nesta quinta-feira (11), depois que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encerrou a sessão porque os deputados estariam sem orientação de suas bancadas sobre o mérito dos destaques.

Os destaques serão explicados às lideranças partidárias nesta quinta-feira. Segundo Maia, o segundo turno da votação deverá ser concluído até a manhã do sábado (13).

(Foto: Arquivo)

Reforma da Previdência – Tasso aponta PEC paralela para inclusão de estados e municípios

“Sou extremamente favorável à inclusão de estados e municípios no texto (da reforma da Previdência, que tramita no Congresso Nacional). Acho que é absolutamente essencial à reforma a presença de estados e municípios. Estamos estudando com a assessoria técnica do Senado qual a saída que teremos que aplicar e, a princípio, a ideia é uma PEC paralela”.

A sugestão é do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), relator da matéria, após reunião da comissão especial do Senado que acompanha a reforma da Previdência, nesta quarta-feira (10), que recebeu os governadores Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, e Wellington Dias, do Piauí.

“O ideal é que estivesse agora na Câmara, que já viesse da Câmara”, comentou o senador cearense. Tenho a convicção da grande batalha que vamos ter que nos envolver, a partir do projeto que chegar da Câmara”, completou Tasso.

(Foto: Divulgação)

Moses vira de última hora e AJ Albuquerque surpreende aliados

469 4

A bancada cearense ficou dividida na noite desta quarta-feira (10), durante a votação do texto base da reforma da Previdência. Dos 22 parlamentares, 11 votaram contra a proposta e 11 a favor.

O deputado Moses Rodrigues, que horas antes acenava votar contra, acabou votando a favor da proposta.

A expectativa estava no voto de AJ Albuquerque, filho do secretário pedetista Zezinho Albuquerque e parlamentar aliado de primeira hora do governo petista Camilo Santana em Brasília, os dois partidos que encabeçam a oposição ao texto base da reforma da Previdência.

Até o momento, AJ Albuquerque não se pronunciou pelas redes sociais.

Veja como votaram os deputados cearenses:

Contra – André Figueiredo (PDT), Idilvan Alencar (PDT), José Guimarães (PT), José Airton (PT), Luizianne Lins (PT), Capitão Wagner (Pros), Denis Bezerra (PSB), Eduardo Bismarck (PDT), Leônidas Cristino (PDT), Robério Monteiro (PDT), Célio Studart (PV),

A favor – Heitor Freire (PSL), Genesias Noronha (SD), Domingos Neto (PSD), Pedro Bezerra (PTB), Dr. Jaziel (PL), Júnior Mano (PL), Vaidon Oliveira (Pros), Aníbal Gomes (DEM), Roberto Pessoa (PSDB), Moses Rodrigues (MDB) e AJ Albuquerque (PP).

(Foto: Arquivo)

Bolsonaro diz que Brasil está próximo do caminho do emprego e da prosperidade

O presidente Jair Bolsonaro disse há pouco, pelo Twitter, que o Brasil está próximo do caminho do emprego e da prosperidade, após a aprovação do texto base da reforma da Previdência.

Bolsonaro acompanhou pela tevê a votação na Câmara Federal, quando manteve contato com os deputados Major Vitor Hugo (PSL-GO), líder do governo na Câmara, e Joice Hasselmann (PSL-SP), líder do governo no Congresso.

379 x 131 – Rodrigo Maia anuncia aprovação do texto base da reforma da Previdência

140 1

Após ressaltar o gasto do Brasil com pessoal e Previdência Social, mais de 80% da arrecadação, enquanto países de igual porte, como Chile e México gastam cerca de 40%, o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou há pouco a aprovação da reforma da Previdência, por 379 a 131.

“Quem fala em reduzir impostos, hoje, não está falando a verdade. Temos que primeiro combater esse mosntro, que são as despesas públicas”, comentou Maia.

O presidente da Câmara ressaltou, ainda, que é preciso fortalecer o parlamento, como em um recado ao governo federal. “As soluções (no Brasil) passam pela política”, apontou.

“Em nenhum momento, quando a Câmara foi atacada, eu fui atacado, não saí em nenhum momento do meu objetivo”, lembrou Maia, ao destacar o trabalho do ministro Ônix, mas disse que “daqui para frente teremos uma relação diferente”.

(Fotos: Reprodução)