Blog do Eliomar

Últimos posts

Um destaque na Câmara Municipal de Fortaleza

185 2

Com o título “Política como Vocação”, eis artigo do professor universitário João Arruda. Ele destaca a figura de Salmito Filho (PDT), que foi reeleito, por unanimidade, com chapa única, para novo mandato como presidente da Câmara Municipal de Fortaleza. Confira:

No Brasil, a política e os seus agentes enfrentam uma grave crise de credibilidade. Se o brasileiro médio fizer uma leitura mais acurada da conjuntura política nacional, seguramente ele será contagiado por uma intensa e depressiva náusea, uma indescritível sensação de asco. E isto não se deu por acaso. Nos últimos anos, em consequência do criminoso nivelamento da política por baixo imposto pelos nossos governantes, falar que os políticos perderam os referenciais éticos ou que os seus valores morais foram relativizados em nome de um obsceno pragmatismo, nos soarão como uma enfadonha repetição de obviedades ululantes.

Se imitarmos o filósofo grego, Diógenes de Sinope, e sairmos com uma lamparina acesa procurando um político honesto, certamente, com alguma dificuldade, acharemos algumas dessas espécimes raras. Felizmente, dentro desse imenso mar de lama que envolve os Poderes da República, a sociedade começa a reagir, exigindo uma rigorosa assepsia moralizadora. Aos poucos, passamos a ver uma pequena luz no fim do túnel, nos dando a esperança de que poderemos passar o Brasil a limpo.

Ainda temos alguma razão para sermos otimistas, afinal, há políticos e políticos.  Max Weber, em uma célebre conferência realizada na Universidade de Munique, no início de 1919, no momento em que analisava a formação do Estado Moderno, diferenciou duas categorias de políticos na sociedade contemporânea: os políticos que vivem da política, e a utiliza como meio de vida, e os políticos que, por vocação, vivem para a política. Estes são apaixonados pela causa ou ideal que defendem, possuem um claro senso de responsabilidade e uma refinada capacidade de dimensionar a importância ou a gravidade de uma conjuntura sociopolítica.

Em Fortaleza, o jovem parlamentar Salmito Filho vem se destacando entre os seus pares. Ele se enquadra na categoria dos que, por vocação e em busca da concretização de suas utopias, vivem para a política e fazem dela uma das razões da sua existência. Apaixonado pela política e pela causa que defende, Salmito Filho tem o raro privilégio de, com impecável maestria, conseguir fundir a efervescência da paixão política e o frio senso da responsabilidade social.

Sociólogo e com boa formação acadêmica, Salmito começou sua militância ainda no movimento estudantil. Eleito à Câmara Municipal, em 2005, logo mostrou sua aptidão política, tendo presidido as importantes Comissões de Legislação (2005/07) e de Educação (2007/08), e sendo relator do Plano Diretor de Fortaleza. Reeleito em 2008, em confronto aberto com a prefeita Luizianne Lins, consegue se eleger, com ampla maioria, presidente da Câmara Municipal. Conhecedor da carência de planejamento da administração petista e contando com o apoio unânime dos seus pares e com grande adesão da sociedade civil, Salmito Filho formata o “Pacto por Fortaleza – A cidade que queremos até 2020″, com o objetivo de pensar e debater a cidade e apresentar soluções para os próximos 10 anos.

Em 2012, foi reeleito e, a convite do prefeito Roberto Cláudio, assumiu a Secretaria Municipal de Turismo de Fortaleza (SETFOR), ocasião em que imprimiu sua marca de grande gestor. Em 2014, recebendo apelo dos seus colegas da Câmara, reassumiu o mandato e foi eleito consensualmente presidente da Casa.

Salmito Filho assumiu a presidência da Câmara em meio a uma grande crise de credibilidade institucional. Ela estava acossada pelo Ministério Público, pelo Judiciário e pela polícia, que investigavam dezenas de denúncias de corrupção e outras acusações comprometedoras praticadas por vários dos seus membros. Sem perda de tempo, ele estabelece um pacto de compromisso ético com os vereadores, abre canais de diálogo com o Ministério Público e com o Judiciário, e consegue fazer os expurgos necessários na Câmara. Com grande credibilidade e um imenso poder de negociação, Salmito Filho, em pouco mais de um ano, conseguiu construir uma agenda positiva para a Casa, saindo dos noticiários policiais e retomando o seu papel de protagonista político.

Enfim, com competência, credibilidade e insuperável capacidade de administrar conflitos, Salmito Filho conseguiu resgatar a imagem da Câmara Municipal como a “Casa do Povo”, se reconciliando com a opinião pública fortalezense. Amparado em sua inquebrantável convicção da importância do respeito ao povo e do compromisso com a transparência, ele avançou na construção da democracia direta, levando sessões da Câmara para a Praça do Ferreira, dialogando com os nossos munícipes e franqueando os microfones da TV e Rádio da Câmara para o registro das legítimas manifestações populares.

Essa impecável vocação política acaba de garantir a Salmito Filho, por aclamação, o seu terceiro mandato de dirigente maior na Câmara Municipal, fato inédito para um parlamentar que está apenas na sua quarta legislatura. Essa sua singular biografia construída com muita dedicação, compromisso e responsabilidade, em um curto espaço de tempo, o diferencia e contrasta com a média dos nossos parlamentares. Fazendo política por vocação, tal como assim designa Max Weber, Salmito Filho se credencia para, no curto e médio prazo, assumir novos e maiores desafios.

Por isso, Salmito Filho, eu o parabenizo pelo seu brilhante histórico de vida parlamentar e lhe desejo muito sucesso no seu terceiro mandato como presidente da Câmara Municipal de Fortaleza. Espero que sua dedicação e seriedade sejam vistas como referência e inspiração para os demais colegas da Casa e que as mudanças continuem acontecendo, para melhor qualidade de vida dos fortalezenses.

*Professor João Arruda,

Sociólogo e Professor da UFC.

Eunício Oliveira tem um janeiro de articulações para alcançar a presidência do Senado

aboa-aaeunicio

O cearense tem o apoio do presidente Michel Temer.

Da Coluna de Sônia Pinheiro desta segunda-feira:

E os próximos dias serão determinantes para o projeto do senador Eunício Oliveira (PMDB) assumir a presidência da Câmara Alta, a partir de 1º de fevereiro.

Prioridades? Unificar a bancada do PMDB. Em seguida, buscar nos partidos aliados a ampliação dos votos.

Por fim, discutir com as demais siglas aliadas a definição da composição da Mesa Diretora e das Comissões Tecnicas.

(Foto – Agência Brasil)

Em Maracanaú, um vice que vale por um prefeito

possefirmoo

Firmo de Roberto prometem tocar a revitalização do Centro Histórico.

Em Maracanaú, Firmo Camurça tomou posse nesse domingo, durante cerimônia no Centro Cultural Dorian Sampaio. Com ele, o vice Roberto Pessoa, ex-prefeito desse município e presidente de honra do Partido da República.

Firmo Camurça foi reeleito com 72,10% dos votos válidos e prometeu reforçar investimentos na geração e atração de empregos.

O evento marcou ainda eleição da nova mesa diretora da Câmara Municipal. O vereador Carlos Alberto Gomes de Matos Mota foi reconduzido à presidência da Casa.

(Foto – Divulgação)

Roberto Cláudio empossa novo secretariado

possioo

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), está empossando, nesta manhã de segunda-feira, o seu secretariado. Ele apresenta e posa para fotos com cada um, nos jardins do Paço Municipal.

Nesta tarde, a partir das 14 horas, Roberto Cláudio comandará a primeira reunião de sua equipe, ocasião em que passará diretrizes no plano da contenção de gastos, mas, também, novos projetos que deverão ser tocados por cada secretaria.

ferruccii

O ex-presidente da Agência do Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece), Ferruccio Feitosa, assumiu como titular da Secretaria Executiva Regional 2, a que concentra bairros de maior poder aquisitivo.

Ferruccio, bom lembrar, foi pré-candidato a prefeito, mas acabou perdendo a indicação na primeira eleição de Roberto Cláudio.

Veja lista

Chefe de Gabinete – Francisco Queiroz Maia Filho
Secretário de Governo – Samuel Dias
Finanças – Jurandir Gurgel
Conservação e Serviços Públicos – João Pupo
Planejamento, Orçamento e Gestão – Philipe Nottingham
Procurador Geral do Município – José Leite Jucá
Urbanismo e Meio Ambiente – Águeda Muniz
Infraestrutura – Manuela Nogueira
Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Combate à Fome – Elpídio Nogueira
Cultura – Evaldo Lima
Controladoria, Ouvidoria e Transparência – Alcimor Rocha
Saúde – Joana Angélica
Educação – Dalila Saldanha de Freitas
Habitação – Sérgio Rocha
Desenvolvimento Econômico e Trabalho – Mosiah de Caldas Torgan
Turismo – Alexandre Pereira
Segurança Cidadã – Antônio Azevedo
Esporte – Ricardo Ferreira de Souza
Instituo de Planejamento de Fortaleza – Eudoro Santana
Secretário Regional I – Gilberto Bastos
Secretário Regional II – Ferruccio Feitosa
Secretário Regional III – Antônio Henrique
Secretário Regional IV – Francisco Sales
Secretário Regional V – Ronaldo Nogueira
Secretário Regional VI – Antônio José Albuquerque
Secretário Regional Centro – Adail Fontenele
Coordenador das Regionais – Renato Lima
Coordenador de Articulação Política – Lúcio Bruno

(Foto – Ana Aranha)

Sem abraço de urso, por favor!

amassou

Uma das cenas mais interessantes e que arrancou gargalhadas de quem estava, nesse domingo à noite, no ato de posse do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), foi esta aí da foto: RC ganhando abraço do seu vice de quase dois metros de altura, Moroni Togan.

O prefeito não foi abraçado, segundo comentavam alguns em tom de ironia, mas quase carinhosamente amassado. O presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho, e o governador Camilo Santana (PT), que estavam bem pertinho, não controlaram o riso.

(Foto – Evilázio Bezerra)

Líder do prefeito apregoa diálogo para momentos difíceis

https://www.youtube.com/watch?v=ZB9g0a7xdHw

O vereador Ésio Feitosa (PPL) foi confirmado pelo prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), como seu líder na Câmara Municipal. O anúncio ocorreu durante a posse do novo secretariado, que aconteceu nesta manhã de segunda-feira, no Paço Municipal.

Em conversa com o Blog, Esio Feitosa disse como será sua atuação. Ele reconhece que o diálogo será fundamental num cenário onde o arrocho financeiro persiste no País e tem consequências nas gestões municipais.

Mercado financeiro projeta inflação de 4,87% para este ano

O mercado financeiro espera que a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), fique em 4,87% este ano. A expectativa é que a inflação se situe bem abaixo da projetada para 2016, que passou de 6,40% para 6,38%, de acordo com pesquisa semanal – Boletim Focus – do Banco Central (BC) feita junto a instituições financeiras e divulgada às segundas-feiras.

Diante da recessão econômica e da melhora na inflação, o BC tem sinalizado que pode intensificar o corte da taxa básica de juros, a Selic.

Nas suas duas últimas decisões, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC cortou a Selic em 0,25 ponto percentual. Atualmente, a taxa está em 13,75% ao ano. A próxima reunião do Copom está marcada para os dias 10 e 11 deste mês.

Prefeito empossa equipe e acerta pacote de ajustes

02 de fevereiro de 2015. Abertura dos trabalhos legislativos da Camara Municipal de Fortaleza. Na foto o prefeito Roberto Claudio e o vereador Salmito Filho do PROS

Roberto Cláudio terá maioria na Câmara Municipal para tocar medidas de ajuste.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), empossa, nesta manhã de segunda-feira, no Paço Municipal, o seu secretariado. Logo mais, a partir das 14 horas, ele comandará a primeira reunião para fechar pacote de cortes, dentro de um ajuste necessário para manter contas equilibradas.

Segundo o prefeito, o pacote consta de medidas como cortes de despesas com uso de carro oficial, passagens aéreas e eventos. Haverá redução de terceirizados.

Roberto Cláudio, em contrapartida, garante que não virá aumento de impostos. Virão ações para reforçar a luta contra a sonegação fiscal. Ele também criará um fundo de incentivos a novos empreendimentos.

Sobre mudanças no plano do segundo escalão, o prefeito informa que isso ocorrerá numa conversa com cada titular de secretaria.

Prefeita de Canindé empossa secretariado

A prefeita de Canindé, Rozário Ximenes, deu posse ao seu secretariado. Ela é a primeira mulher a gerir o município e promete promete priorizar o desenvolvimento regional sustentável. Rozário adianta que vai reforçar o turismo religioso que vive em torno dos milagres de São Francisco das Chagas.

Confira o secretariado:

1. Secretaria de Planejamento e Finanças: Luiz Evangelista
2. Secretaria de Administração: Meire Alves
3. Secretaria de Educação: Arleise Martins
4. Secretaria de Saúde: Nilvania Magalhães
5. Secretaria de Assistência Social: Marcio Sousa
6. Secretaria de Cidadania, Segurança e Transportes: Coronel Luciano Wagner
7. Secretaria de Turismo: Socorro Bastos

– Chefia de Gabinete: Paulo Italo Sales
– Procuradoria Geral do Município: Júnior Portela
– Instituto de Previdência do Município: Eugênia Falcão
– Serviço Autônomo de Água e Esgoto: Francisco Rocha
– Ouvidoria Geral do Município: Aline Tavares

Prefeito de São Gonçalo do Amarante mantém critério técnico na área da atração de investimentos

sauelke

Victor Samuel foi mantido na Secretaria do Desenvolvimento Econômico.

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Cláudio Pinho (PDT), reunirá a equipe nesta segunda-feira. Hora de começar a planejar as atividades deste ano para seu segundo mandato.

A Assessoria de Comunicação do prefeito divulgou o novo secretariado:

SECRETARIO DE GOVERNO – Fred Parente
SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO – Arnaldo Forte (vice-prefeito)
EDUCAÇÃO – Marineide Clementino
SAÚDE – Luis Pessoa
FINANÇAS – Fernando Damasceno
SEINFRA – Vicente Rocha
SEMURB – Flavio Rosado
SEPLAG – Lúcio Freitas
CONTROLADORIA E OUVIDORIA – Marcos Beserra
ESPORTE E JUVENTUDE – Nilberto Filho
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO – Victor Samuel
SECRETARIA DO TRABALHO E DESENVOLVIMENTO SOCIAL – Vênus Andrade Cunha
PROCURADOR-GERAL – João Bosco

SECRETARIA EXECUTIVA DO PREFEITO – Elsa Rodrigues

*SECETARIA REGIONAL DO PECÉM – Cairon Luan
*ASSESSORIA ESPECIAL DE EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO – Alberto Teixeira
*ASSESSORIA RELAÇÕES INSTITUCIONAIS – Elder Gurgel
* ASSESSORIA LEGISLATIVA – Péricles Roberto
*ASSESSORIA DE MOBILIZAÇÃO SOCIAL – Roberto Coelho
*INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA – Pedro Paulo
* DEMUTRAN – Júlio César.

Estado islâmico reivindica atentado em boate na Turquia

O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) reivindicou o atentado na boate Reina, em Istambul, na Turquia, que matou 39 pessoas, sendo 24 delas estrangeiras, e feriu outras 70 durante a madrugada deste domingo (1º).

O EI disse ter sido responsável pelo ataque e fez o anúncio através de um comunicado divulgado pela sua agência de notícias, a Amaq.

Além de ter sido escrita em árabe, a nota também foi redigida pela primeira vez em turco. O atentado começou  quando um homem entrou na boate e atirou nos presentes. Algumas das pessoas que estavam no local disseram que o homem havia gritado “Allah Akbar”, enquanto realizava os disparos.

As imagens das câmeras de segurança conseguiram capturar a imagem de um homem vestido de preto com capuz e uma arma de cano longo que matou um policial e um segurança para entrar no espaço, frequentado por turistas, artistas e esportistas.

Muitos dos presentes acabaram mergulhando nas águas geladas do estreito de Bósforo, próximo do clube, para escapar do atirador.
Segundo as autoridades turcas, o ataque foi realizado por apenas um terrorista, um jovem de cabelo e barba pretos, mas essa teoria ainda gera dúvidas. Pessoas que estavam na boate disseram que os disparos pareciam terem sido realizados por mais de um atirador.

Entre os mortos estão pessoas da Turquia, da Arábia Saudita, Iraque, Jordânia, Líbano, Kuwait, Síria, Israel,  Bélgica e Canadá. Já entre os feridos estava um grupo de italianos que disse que se salvou do atentado se jogando no chão antes dos disparos começarem.

(Agência ANSA)

Cearense tem livros no catálogo da Biblioteca da Unesco

sisnando

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

A Unesco acaba de lançar a Biblioteca Digital Mundial (www.wdl.org/pt) destinada a disponibilizar conhecimentos educativos para professores, alunos e estudiosos de modo geral, em vários idiomas. A base da documentação dessa biblioteca é vasta, mas os pilares estão na Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos e na Biblioteca de Alexandria, do Egito.

O professor cearense Pedro Sisnando Leite consta do catálogo dessa biblioteca, com 19 livros indicados pela Biblioteca do Congresso dos EUA, onde estão registrados 31 livros de sua autoria sobre o Nordeste do Brasil e outros países contemplados pelos estudos do escritor cearense.

Dentre os livros dessa relação, encontram-se os recentes “Armas contra a Pobreza”, que trata do drama da pobreza do Brasil, e o “Desenvolvimento Includente”, que conta a história do Projeto Ceará construido no Governo Tasso e Lúcio Alcântara, com apoio da Universidade de Ben-Gurion (Israel).

*Começar Ano Novo com  cearense brilhando lá fora é bom demais.

(Foto – Divulgação)

 

2017 – Um ano de muitos desafios

311 1

Com o título “Reunificar a Nação: primeiro desafio de 2017”, eis o Editorial do O POVO desta segunda-feira. Confira:

Hoje é o primeiro dia útil do novo ano, data em que se inicia a adequação de nossas expectativas ao quadro real das contingências que nos cercam. Esse primeiro vislumbre nos dá a estimativa do quanto de energia pessoal e coletiva devemos contar para fazer a longa travessia até o final da jornada pré-determinada cronologicamente. Quanto mais aplainado e desobstruído for o caminho, menos dispêndio de energia será exigido para percorrê-lo.

Infelizmente, 2017 se apresenta como um desafio ainda maior do que o ano findo, em termos de obstáculos, pois nos desviamos da estrada central e enveredamos por uma trilha de chão batido e poeirento, cheia de obstáculos, que a cada trecho nos traz surpresas desagradáveis e inesperadas, retendo nossos passos. Isso exigirá energias redobradas para sair do cipoal em que nos metemos, e para que possamos voltar à via pavimentada, abandonada.

Voltar à estrada pavimentada significa retornar ao abrigo da institucionalidade democrática plena, sem simulacros. A legitimidade política deve ser indubitável para que a Nação possa ser reunificada em bases incontestáveis e as lideranças políticas possam ter a autoridade necessária para liderar as transformações que a sociedade julgar necessárias.

O ideal seria que houvesse um governo e um Congresso eleitos pelos cidadãos a partir de uma campanha eleitoral na qual as propostas de reformas fossem previamente debatidas e os eleitores elegessem os candidatos afinados com as propostas que julgarem adequadas para o País. Os eleitos teriam, então, legitimidade para concretizar a vontade da maioria.

A última eleição presidencial e congressual não teve em mira essas questões. As urnas aprovaram um rumo, e este foi mudado sem que houvesse a eleição de outra chapa presidencial para levar à frente outro programa. Esse é um fato, e a razão da crise de legitimidade que convulsiona o País. Fazer reformas do tipo proposto pela atual equipe governante exige governo respaldado pelas urnas. Sem isso, a democracia continuará manca e sem forças para realizar qualquer transformação profunda.

Há um consenso sobre a necessidade de reformas, mas, não sobre quais são elas e como deve ser sua implementação. Resolver essa questão de legitimidade é imprescindível para reunificar a Nação. Começar 2017 com a resolução desse quesito seria o mais sensato para o País.

Ilário Marques assume pela quarta vez como prefeito de Quixadá

ilariorr

O petista Ilário Marques (ao lado de Rachel) tomou posse, nesse domingo, na Câmara Municipal de quixadá, em seu quarto mandato. Com ele, a sua mulher, deputada estadual Rachel Marques, e o deputado federal Odorico Monteiro (Pros) que, inclusive, participou também da posse de Roberto Cládio (PDT), em Fortaleza.

Ilário reconhece as dificuldades que enfrentará à frente da nova gestão, mas disse estar acostumado a enfrentar desafios.

(Foto – Divulgação)

Um ano após anúncio, repelentes não foram entregues a grávidas do Bolsa Família

Um ano após o anúncio feito pelo governo federal, os repelentes prometidos a grávidas beneficiárias do Programa Bolsa Família ainda não começaram a ser entregues. O pregão para a compra dos produtos foi feito em dezembro do ano passado e o processo de licitação está em andamento.

A expectativa do Ministério da Saúde é de que, uma vez concluída a etapa, os repelentes passem a ser entregues cerca de 15 dias depois. Ainda segundo a pasta, a burocracia comprometeu a agilidade do processo, já que houve dificuldade em encontrar empresas com capacidade de fornecer o produto em grandes quantidades.

Diante dos entraves, a nova previsão do governo federal é que os repelentes comecem a ser distribuídos no fim deste mês – cerca de um mês após o início do verão, período em que as chuvas intensas contribuem para a proliferação do mosquito Aedes aegypti. O vetor transmite os vírus da dengue, febre chikungunya e Zika.

O anúncio

Em janeiro de 2016, o governo federal anunciou que distribuiria gratuitamente repelentes a grávidas que participam do Programa Bolsa Família. A ação buscava intensificar o combate ao mosquito, responsável pelo aumento dos casos de microcefalia no país.

O ministro da Saúde à época, Marcelo Castro, informou que iria se reunir com fabricantes de repelentes para estudar a viabilidade de fornecer a quantidade necessária. Segundo ele, o governo trabalha com o número médio de 400 mil gestantes aptas a receber o produto em todo o país.

O decreto

Em abril do ano passado, a então presidente Dilma Rousseff assinou decreto que instituía o programa de prevenção e proteção individual de gestantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica contra o Aedes aegypti.

De acordo com a publicação, se caracterizam como em situação de vulnerabilidade socioeconômica as gestantes que integram famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

(Agência Brasil)

Cid Gomes diz que candidatura presidencial de Ciro pode ter ajuda de prefeitos

cidiro

Camilo Santana, Roberto Cláudio e Cid Gomes durante ato na Câmara Municipal.

O ex-governador do Ceará Cid Gomes (PDT) disse neste domingo, durante a posse do prefeito reeleito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), que as gestões de prefeitos aliados terão papel importante para a candidatura de seu irmão, Ciro Gomes (PDT), à Presidência em 2018.

“Dentre os nomes já postos, penso que ele (Ciro) é o que mais conhece a realidade do País; tem mais experiência, tanto por gestões passadas como ministro quanto pelo que ele tem andado pelo Brasil”, avaliou Cid. Segundo ele, a definição da candidatura de Ciro depende apenas do calendário da legislação eleitoral. “Até lá, ele tem de viabilizar apoio popular e alianças com outros partidos”, ponderou.

De acordo com Cid, sendo Ciro pré-candidato a presidente, as administrações de Roberto Cláudio, em Fortaleza, e do irmão caçula dos Gomes, Ivo (PDT), empossado também neste domingo prefeito de Sobral, no Norte do Ceará, ajudarão na campanha presidencial. “Claro que ajuda. Se forem fazer uma relação com o Ciro, Roberto e o Ivo serão muito visados”, opinou.

Apoiado pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT), e pelos irmãos Gomes, o Roberto Cláudio foi reeleito prefeito de Fortaleza em segundo turno com 53,57% dos votos válidos. O prefeito terá ampla maioria na Câmara Municipal. A base aliada dele reúne 31 vereadores, ante dez da oposição e outros dois que se declaram independentes.

Ciro não participou da posse de Roberto Cláudio. Ele preferiu prestigiar a cerimônia de posse de seu irmão Ivo, que aconteceu no mesmo horário.

(Estadão/Foto – Paulo MOska)

Ivo Gomes assume prefeitura lançando o mote “Ocupa Sobral!”

ivovo

Empossado nessa noite de domingo como prefeito, Ivo Gomes (PDT) seguiu daa Câmara Municipal para o Paço , onde recebeu o cargo das mão de Clodoveu Arruda (PT).

Com a expressão de efeito “Ocupa Sobral”, o novo gestor municipal assume pela primeira vez a prefeitura que já foi ocupada pelo seu pai, José Euclides F. Gomes, e por seu irmão, o ex-governador Cid Gomes (PDT).

Após se despedir de Clodoveu, o novo prefeito, ao lado de sua vice, Cristiane Coelho (PT), deu posse ao seu secretariado.

(Com Blog Sobral de Prima)