Blog do Eliomar

Últimos posts

59 a 21 – Senado aprova parecer pela continuidade do processo contra Dilma Rousseff

foto impeachment senado 160810

O Plenário do Senado aprovou na madrugada desta quarta-feira (10) o parecer do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), pela continuidade do processo contra a presidente afastada Dilma Rousseff por crimes de responsabilidade. Por 59 votos a 21, os senadores optaram por levar Dilma a julgamento, o que deve acontecer ainda no final do mês. A presidente da República pode, assim, perder definitivamente o mandato.

Após a análise de três destaques para votação em separado, encerra-se a fase de pronúncia, segunda etapa do impeachment, e foi a conclusão de uma sessão que durou quase 15 horas. Ela foi presidida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. Foram 47 discursos de senadores, que se somaram às manifestações dos advogados da acusação, Miguel Reale Júnior, e da defesa, José Eduardo Cardozo.

A partir de agora a acusação e a defesa terão 48 horas para entregar ao Senado seus libelos. Depois disso, Lewandowski marcará a data para o julgamento final.

(Agência Senado)

Fortaleza é sede da XV Autop

A XV Autop 2016, a feira do mercado de autopeças no Norte e Nordeste, será aberta a partir das 14 horas desta quarta-feira, no Centro de Eventos. A realização é do Sistema Sincopeças/Assopeças (Ce) e se estenderá até sábado.

A feira reunirá os maiores fabricantes de autopeças, motopeças, equipamentos e serviços do setor e possibilitará a geração de grandes negócios. Haverá lançamento de produtos, novos serviços, tecnologias e palestras técnicas para um público especializado.

A feira terá ainda uma oficina modelo de alto nível, totalmente equipada e organizada para oferecer uma visão ampla e estratégica do negócio aos donos de oficinas, desde a parte estrutural, a disposição de produtos, equipamentos até o atendimento ao público.

Entre os expositores da AUTOP 2016 estão confirmadas algumas indústrias nacionais e multinacionais: Schaeffler (Luk, Ina e Fag), Eaton, Dayco, Continental, Bosch, Urba Brosol, NGK NTK, Durametal, BorgWarner, Dana, Mann Filter, Mobensani, Tecfil e Tecnomotor, Schadek.

Zico diz que Neymar não tem condições de ser capitão da Seleção Brasileira

zico

Neymar e a seleção masculina de futebol do Brasil foi um dos assuntos mais comentados dos Jogos Olímpicos do fim de semana até aqui, tudo por causa do fracasso do time nos dois primeiros na Rio-2016 e da postura do atacante do Barcelona em campo.

Em entrevista ao jornal O Globo, Zico disse acreditar na classificação do Brasil à fase seguinte, mas criticou o camisa 10 da seleção olímpica.

“O capitão do nosso time não tinha a menor condição de ser capitão. Ele tinha que se preocupar só com futebol. Os caras reclamarem que o Iraque fazia cera. Veja se tem que se preocupar com isso? Joga bola, pô”, disse o ex-jogador, lembrando do empate sem gols da seleção contra o Iraque.

Sobre o próximo duelo, contra a Dinamarca, nesta quarta-feira (10), Zico tem uma opinião positiva. ”Acho que ganha da Dinamarca e pode levar o ouro. Não tem nenhum bicho papão”, concluiu.

José Pimentel: “O futuro registrará quem escolheu a democracia e o lixo da história”

133 1

foto josé pimentel senador

“O senador José Pimentel (PT) manifestou, nesta terça-feira (9/8), seu voto contrário ao julgamento da presidenta da República afastada, Dilma Rousseff, por crime de responsabilidade. Pimentel afirmou que “o futuro registrará os que escolheram entre a democracia e o lixo da história”. E completou: “Eu escolho estar do lado correto. Por isso, meu voto é não ao impedimento”.

O pronunciamento ocorreu durante sessão de votação do parecer da Comissão Especial do Impeachment, que recomendou o julgamento da presidente afastada.

Pimentel alertou os demais senadores sobre o impacto histórico da decisão de derrubar uma presidenta eleita democraticamente por mais de 54 milhões de brasileiros e brasileiras. “Aqueles que o fizerem, não tenho dúvidas, estarão destinando suas biografias ao lixo da história”, disse.

O senador também apontou o real objetivo da articulação para garantir o impeachment da presidenta Dilma. ”Querem realizar o maior retrocesso nos direitos e garantias sociais, um verdadeiro ataque ao legado de Getúlio Vargas, Ulisses Guimarães e Lula”. E Pimentel questionou seus pares. “Pergunto se é desse lado da história que a maioria quer ficar. Afinal, estamos aqui de passagem, mas a história é permanente”, afirmou.

Segundo Pimentel, os principais prejuízos serão causados aos aposentados, ao Sistema Único de Saúde, às universidades e à educação básica. Para ele, o impedimento da presidenta Dilma também visa a promoção de privatizações em todas as áreas, entrega da exploração do petróleo às multinacionais e muitas outras ações já anunciadas pelo governo do presidente interino Michel Temer.

(Com Agências)

Planalto trabalha com a previsão de 60 votos a favor do julgamento de Dilma pelo Senado

timerr

“O Palácio do Planalto trabalha com a expectativa de que 60 senadores irão votar a favor de que a presidenta afastada Dilma Roussef seja julgada pelo Senado no processo de impeachment. Desde o início da manhã,  senadores debatem sobre o processo na chamada fase de pronúncia, que irá definir se a presidenta afastada Dilma Rousseff irá a julgamento por crime de responsabilidade.

Por meio de assessores e de ministros do núcleo político, o presidente interino Michel Temer acompanha os debates no Senado. Temer manteve a agenda de compromissos nesta terça-feira (9).

Ontem (8), o presidente interino recebeu o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, e o senador Romero Jucá (PMDB-RR), para discutir o assunto. Durante a conversa, no Palácio do Jaburu, ouviu a previsão de que em torno de 60 senadores devem concordar com o parecer do relator Antonio Anastasia (PSDB-MG), que defende o julgamento de Dilma.

Temer está sendo informado sobre as discussões no plenário do Senado e, de acordo com assessores, não tem feito telefonemas aos parlamentares. Em agenda não prevista, o presidente interino recebeu a senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) hoje no gabinete. Pela manhã, Temer participou do lançamento do programa de revitalização do Rio São Francisco, que teve a participação do presidente do Senado, Renan Calheiros. Após o evento, Temer se encontrou rapidamente com Padilha e o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, para se atualizar sobre as discussões no Senado.

Quem esteve com Michel Temer notou que a televisão ficou desligada durante a manhã, quando o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, que comanda a sessão, discutia questões de ordem levantadas pelos senadores. Dois assessores da articulação política do governo acompanham a sessão para repassar as informações ao gabinete presidencial. Desde o início da tarde, parlamentares favoráveis ao impeachment estão abrindo mão da palavra com o objetivo de agilizar e concluir a sessão ainda hoje. ”

(Agência Brasil)

Motorista larga ônibus, pede selfie a Rafaela Silva e emociona a Vila Olímpica

rafaela

“Uma cena emocionou a Vila dos Atletas nesta terça (9). Ao avistar a judoca Rafaela Silva, primeiro ouro do Brasil na Olimpíada, a motorista de um dos ônibus que faz o transporte dos esportistas desceu do veículo.

De celular em punho, pediu uma foto com a atleta e disse ser também da Cidade de Deus, comunidade pobre da Zona Oeste carioca. A motorista disse ainda que vai colocar a filha numa academia de judô, para que se torne um exemplo de vida tal qual Rafaela.

As pessoas que testemunharam a cena se emocionaram com as palavras da torcedora.”

(Coluna Radar – Veja Online)

Prêmio MPT de Jornalismo 2016 – O POVO está entre finalistas

FORTALEZA, CE, BRASIL, 26-04-2016: Dia do trabalho, aterro sanitário de Pacajus. (Foto: Fábio Lima/O POVO)

FORTALEZA, CE, BRASIL, 26-04-2016: Dia do trabalho, aterro sanitário de Pacajus. (Foto: Fábio Lima/O POVO)

Mais de 30 trabalhos finalistas do Prêmio MPT de Jornalismo 2016, anunciados na semana passada, concorrem a quase R$ 400 mil em prêmios, divididos em oito categorias por plataforma (jornal impressorevista impressaradiojornalismotelejornalismowebjornalismo, fotojornalismo, universitário e repórter cinematográfico) e duas especiais (Fraudes Trabalhistas e MPT de Jornalismo).

Os vencedores serão conhecidos em 1º de setembro, em Brasília.

Conheça os finalistas

  • As CEOs do BrasilAna Paula da Silva Lisboa – Correio Braziliense
  • As drogas que movem o BrasilPedro Rockenbach – RBS TV – SC
  • Carbonífera Criciúma: um caso de fraude trabalhista – Bruna Borges – Diário de Notícias
  • Das plantações de caju e mandioca ao lixão: trabalho infantil no Ceará, até quando?Roberta Farias – FM Dom Bosco
  • Documento Suape 2015Adriana Guarda – Jornal do Commercio
  • Ensaio fotográfico: lixão da EstruturalAndre Coelho – O Globo
  • Escravos da modaThiago Cianga Tanji – Revista Galileu
  • Filhos do fogoJosé de Paiva Rebouças – Novo Jornal
  • GameleiraMarcelo Canellas – Rede Globo
  • Haitianos e o mercado de trabalho­Caetano Cury Nardi – Rádio Bandeirantes de São Paulo
  • Identidades apagadasDaniel Motta – Rede Record
  • O ataque do capitalLilian Primi – Revista Caros Amigos
  • O mal do século!Thiago Antonio Correia da Silva – TV Pajuçara
  • Os meninos dos túmulosFabio Teixeira – Vice
  • Pescadores do ES enfrentam dificuldades meses após Rio Doce ser atingido por lama da SamarcoAntônio José Dutra – TV Educativa ES
  • Piaçabeiros: reféns do isolamento e da escravidãoRicardo Oliveira – Jornal Em Tempo
  • Piaçabeiros e Piabeiros, às margens do rio Negro e das leis trabalhistas – Emerson Quaresma – Em Tempo
  • Retratos da escravidãoRégis de Oliveira Júnior – Unisc – Universidade de Santa Cruz do Sul
  • Saúde à vendaJoão Guedes – Revista Proteção
  • Série “A caixa-preta dos sindicatos”Mikaella Campos – A Gazeta Online
  • Série “Tragédia na plataforma”Mikaella Campos – Jornal A Gazeta
  • Série “Um sonho chamado Brasil: os haitianos de Campo Grande”Izabela Sanchez – Top Mídia News
  • Série “Desempregadas domésticas: Indígenas de Roraima não têm os direitos trabalhistas respeitados”Janaína Souza – Rede de Notícias da Amazônia
  • Tempo PerdidoAngela Bastos – Diário Catarinense
  • Terceirização: avanço ou retrocessoPaula Groba – Rádio Senado
  • Trabalho Infantil de pai para filhoMarcos Meller – Rádio Peperi AM
  • Trabalho não é brincadeira de criançaMarta Thaís Alencar Cosme – Revista Cidade Verde
  • Trabalho que empobreceIago Porfírio – Jornal Projétil
  • Transporte dos garis – o lado sujo da históriaIcaro Prado Novaes – Contexto Online
  • Vidas mutiladasNáferson Cruz – Portal A Crítica
  • Vidas no Lixo 01 Fabio LimaJornal O POVO
  • Vítimas precoce do trabalhoBetina Humeres – Diário Catarinense

*A organização do prêmio não informou em quais categorias cada reportagem concorre.

(Site Portal dos Jornalistas)

Senadores retiram nome e votação pode ocorrer antes da meia-noite

 

Dilma e ministro Temporão são multados por propaganda antecipada

“Seguindo o exemplo dos senadores do PSDB, que aceitaram retirar suas inscrições para falar na sessão de pronúncia do impeachment da presidenta Dilma Rousseff, mais oito parlamentares retiraram o nome da lista de inscritos para discursar nesta noite. Com isso, a votação do relatório de Antonio Anastasia (PSDB-MG) poderá ocorrer antes da meia-noite desta terça-feira.

A retirada foi articulada pelo líder do PMDB, Eunício Oliveira (CE), que também abriu mão de falar na tentativa de tornar mais rápida a votação. Além dele, os senadores Garibaldi Alves (PMDB-RN), Wilder Moraes (DEM-GO), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Ciro Nogueira (PP-PI), Romero Jucá (PMDB-RR), Raimundo Lira (PMDB-PB), José Maranhão (PMDB-MA) e Zezé Perrela (PTB-MG) abdicaram do direito de discursar.

O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) aceitou reduzir seu tempo de fala de 10 para 5 minutos. “Com essa retirada, vamos ganhar quase três horas”, afirmou Eunício Oliveira em entrevista ao sair para o intervalo da sessão, que também foi reduzido de uma hora para 30 minutos. Mais cedo, seis senadores do PSDB abriram mão de falar para serem representados pelo presidente do partido, Aécio Neves (MG).

“Estamos ganhando tempo, ganhando prazo. Mesmo porque hoje é apenas a pronúncia da presidenta. Tanto é que o quórum [para aprovação] é maioria simples. O julgamento mesmo virá depois”, disse Eunício. Segundo o senador, o objetivo é evitar que o julgamento de Dilma seja concluído somente em setembro. “Estamos ganhando tempo para não postergarmos isso para o mês que vem.”

Defensora de Dilma, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) considerou a manobra para acelerar a sessão “lamentável”. “Eles já tinham orientado seus senadores a não se inscreverem. Como alguns, mesmo assim, se inscreveram, estão agora pressionando esses senadores fortemente para retirar os nomes a fim de que a votação ocorra até a meia-noite de hoje e o julgamento, antes do mês que vem.”

No dia 2 de setembro, o presidente interino Michel Temer participará da reunião do G20 (grupo formado pelas 20 maiores economias do mundo), e sua base de apoio entende que será melhor que ele viaje com o processo de impeachment concluído no Brasil, para se apresentar como presidente da República, e não mais como interino.”

(Agência Brasil)

Simulado do Enem é adiado para o dia 3 de setembro por causa da Olimpíada

O início do terceiro simulado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi adiado para o dia 3 de setembro, devido ao calendário dos Jogos Olímpicos Rio 2016. A previsão era que a prova fosse realizada neste final de semana. O simulado, promovido pelo governo federal, destina-se a quem está se preparando para o Enem e para participar basta se cadastrar no site Hora do Enem.  Os estudantes têm quatro horas para resolver 80 questões.

De acordo com a Geekie, responsável pelo desenvolvimento da plataforma de estudos, a intenção é que mais estudantes participem do simulado. Ao todo, 711 mil participaram da primeira edição, mas o número caiu na segunda edição para 360 mil. Entre os motivos averiguados pela Geeki, estão o longo prazo que o simulado ficou disponível – estudantes alegaram que acabaram esquecendo de acessar a prova – e as férias escolares.

Na terceira edição, com a proximidade do Enem, que será nos dias 5 e 6 de novembro, a expectativa é que o número de acessos aumente. Até a próxima semana, será definido o período em que o terceiro simulado ficará disponível. O primeiro simulado foi realizado nos dias 30 de abril e 1º de maio, e repetido nos dias 7 e 8 de maio e o segundo ficou disponível de 25 de junho a 3 de julho.

(Agência Brasil)

Fetrans e Sest/Senat vão entregar Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar

roberto-claudio-prefeito

Roberto Cláudio ganhará homenagem no evento.

Com o propósito de incentivar o investimento em projetos ambientais entre as empresas do setor, a Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Ceará, Piauí e Maranhão (Fetrans) promove, juntamente com o Sest Senat Fortaleza, pelo décimo quarto ano consecutivo, a entrega do Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar.

A solenidade ocorrerá, às 16 horas desta quarta-feira, no auditório da Unidade Sest/Senat (Rua Dona Leopoldina, 1050 – Centro). O ato contará com a presença de diretores, empresários, personalidades do setor e colaboradores das 20 empresas de transporte de passageiros e de cargas concorrentes ao prêmio. Na oportunidade, serão apresentadas as diversas iniciativas das participantes em prol da valorização e preservação do meio ambiente.

Dentre as 20 empresas inscritas para o Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar versão 2016, 13 são empresas de transporte de passageiros e sete de transporte de cargas. O período de avaliação dos veículos se deu de 1° de outubro de 2015 a 31 de maio de 2016.

Além do troféu principal às empresas vencedoras, a premiação contempla também outros reconhecimentos, como o Certificado de Qualidade Empresa 100% às empresas com frota totalmente aprovada pelo Programa Despoluir e que não tiveram nenhuma multa aplicada pelos órgãos fiscalizadores ambientais e o Troféu Destaque Ambiental, entregue a personalidades ou instituições cujas ações contribuem para um meio ambiente saudável.

Homenagem

Nesta edição, o homenageado com o troféu Destaque Ambiental é prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), médico sanitarista formado pela Universidade Federal do Ceará (UFC), com PHD em Saúde Pública pela Universidade do Arizona (EUA).

Senador quer Caetano Veloso convocado em futura CPI

caetano

“O senador Magno Malta (PR/ES) está irritado com o cantor e compositor Caetano Veloso desde que viu o artista segurando um cartaz de ‘Fora Temer’ nos bastidores da cerimônia de abertura das Olimpíadas.

Magno Malta diz que já está com 45 assinaturas para criar, no Senado, a CPI do Ministério da Cultura e da Lei Rouanet.

Quem encabeça a lista de artistas que Malta quer convocar para explicar o uso de recursos da Rouanet é Caetano Veloso.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Universitários ocuparão espaços no FNT 2016

homm

Alunos dos cursos superiores de teatro da UFC, IFCE, URCA, UFBA (Universidade Federal da Bahia) e UFPB (Universidade Federal da Paraíba) estão na Mostra Nordeste Universitária do 23° FNT – Festival Nordestino de Teatro, que acontecerá de 3 a 10 de setembro próximo, em Guaramiranga. Eles apresentam quatro espetáculos e quatro cenas curtas. A curadoria foi do diretor teatral, iluminador e ator Abimaelson Santos.

Com toda a programação gratuita, o 23° FNT é apresentado pela Coelce, tem o patrocínio da CAIXA, apoio cultural da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará/Secult – Lei Estadual de Incentivo a Cultura, e o apoio institucional da Prefeitura Municipal de Guaramiranga, via Secretaria da Cultura e Turismo.

*A realização é da Associação dos Amigos da Arte de Guaramiranga.

(Foto – Divulgação)

TRE alerta partidos sobre feriado pelo Dia dos Magistrados

“O Tribunal Regional Eleitoral não terá expediente no próximo dia 11, na sede do tribunal e nos cartórios eleitorais, por conta do feriado instituído pela Lei Federal nº 5010/66 – Dia dos Magistrados. O alerta é, principalmente, para os partidos políticos, que neste período estão solicitando os registros dos candidatos que disputarão as eleições deste ano.

O prazo para o registro de candidaturas termina na próxima segunda-feira, 15/8, data de feriado municipal em Fortaleza e Caucaia. Mas o TRE-CE informa que neste dia haverá plantão, das 8 às 19 horas, em todas as zonas eleitorais do Estado, inclusive na capital e em Caucaia. No sábado (13) e no domingo (14), os cartórios eleitorais permanecerão fechados.

Em Fortaleza, cinco zonas eleitorais compõem a Comissão do Registro de Candidaturas, coordenada pela juíza Sílvia Soares de Sá Nóbrega, da 112ª ZE. Fazem parte ainda da Comissão, que recebe e julga os pedidos de registro, os juízes Luiz Bessa Neto (2ª ZE), Andrea Mendes Bezerra Delfino (113ª ZE), Maria Marleide Maciel Queiroz (114ª ZE) e José Ricardo Vidal Patrocinio (118ª ZE).

Com relação ao julgamento dos recursos em registros de candidaturas, oriundos de todas as zonas eleitorais do Ceará, haverá uma força-tarefa de assessores para os juízes substitutos da Corte do TRE-CE e para a distribuição desses recursos, além de previsão de decisão monocrática (Resolução TRE nº 632/2016), “medidas necessárias para tornar mais célere os julgamentos, uma vez que a minirreforama eleitoral reduziu drasticamente todos os prazos”, destaca a secretária Judiciária do Tribunal, Orleanes Cavalcanti.

O TRE-CE estima que 15 mil candidatos concorram às eleições municipais, em todo o Estado do Ceará. Em Fortaleza, são esperados os pedidos de registro de cerca de 1 mil candidatos.

(Site do TRE/CE)

PCdoB questionou indicação de Moroni, mas cedeu em nome do projeto, diz presidente da sigla

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=2h6OP5sWwxw[/youtube]

O PCdoB está unido em torno da reeleição do prefeito de Fortaleza, Robeto Cláudio (PDT). Quem garante é o presidente estadual do partido, Luis Carlos Paes.

Ele fez questão de passar essa mensagem, ao ser lembrado de que a direção municipal do PCdoB queria indicar o vice de Roberto Cláudio, no caso o deputado federal Chico Lopes.

“O PCdoB avaliou que o principal era a continuidade do projeto. Roberto Cláudio defende um projeto para o País que se iguala ao nosso”, disse Luis Carlos Paes, confiante na vitória do prefeito.

Volks interrompe produção e antecipa férias de 11 mil empregados

“A produção da Volkswagen do Brasil, uma das maiores montadoras de veículos do país, será interrompida temporariamente nas unidades de São José dos Pinhais, Taubaté, Anchieta e a fábrica de motores de São Carlos. Apesar do mercado mais retraído no setor, o motivo não é o desempenho das vendas, mas a falta de peças.

De acordo com nota da montadora, após uma sequência de falhas na entrega dos componentes por parte das fornecedoras Keiper, Fameq, Cavelagni e Mardel, do Grupo Prevent, a Volkswagen decidiu rescindir os contratos. Conforme o comunicado, mais de 100 mil veículos deixaram de ser produzidos em razão do desabastecimento.

Além de encerrar o acordo com o fornecedor, a Volkswagen entrou com recurso na Justiça para recuperar ferramentais que estão nas fábricas do Grupo Prevent. “A retomada das ferramentas de sua propriedade permitirá que a Volkswagen restabeleça seu ritmo normal de produção, possibilitando o funcionamento normal de toda a cadeia produtiva e a tranquilidade de seus empregados e da rede de concessionários”, acrescentou a nota

Diante da situação, a montadora antecipou as férias coletivas programadas para outubro. A previsão é que 11 mil de um total de 18 mil empregados permaneçam afastados por um período de três a quatro semanas. Esse é o prazo estimado para que a empresa comece a receber componentes de novos fornecedores.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, o aviso de férias que os funcionários estão recebendo indica que elas começarão no próximo dia 16. No começo deste mês, a Volkswagen fechou um acordo com os trabalhadores prevendo a estabilidade no emprego até 2021.

Por meio de nota, o Sindicato da categoria informou que o acordo evitou cerca de 3,6 mil demissões por excesso de empregados. No entanto, foi mantido o processo de abertura de Programa de Demissão Voluntária (PDV), utilização de instrumentos de flexibilidade, como layoff e Programa de Proteção ao Emprego (PPE), além de alterações em cláusulas econômicas.”

(Agência Lusa)