Blog do Eliomar

Últimos posts

O PT errou, a imprensa também

Da Coluna Menu Político, no O POVO deste domingo (22), pelo jornalista Plínio Bortolotti:

A crise política em curso desvelou não apenas o esgotamento de um sistema político e a crise violenta de um partido, que surgiu prometendo romper com esse estado de coisas, mas deixando também a nu um bando de políticos que, entra governo, sai governo, só pensa neles mesmos, nos seus apaniguados e em seus interesses particulares.

Se, para manter tais privilégios, é necessária uma quartelada, bate-se às portas dos quartéis para bulir com os granadeiros; se o tempo da manu militari passou, tortura-se a lógica até fabricar um argumento “constitucional” para apear do poder o governante (no caso “a”) legitimamente eleito.

Por trás, os de sempre: as elites rentistas e industriais, que gostam do “choque de capitalismo” nos outros, mas continuam encostadas no Estado. E, na falta de militares, que, ajuizados, recolheram-se à sua missão constitucional, apela-se para uma trupe de deputados, possuidores de verdadeira ficha corrida, tendo à frente deles o “delinquente” (nas palavras do procurador-geral da República) Eduardo Cunha. Qual o problema? O instrumento e os meios não importam, mas o fim, que é a “salvação nacional” (deles), com “ordem e progresso”, e sem falar em crise, pois a palavra tornou-se proibida.

A tropa de choque dessa turma é um segmento da classe média, que fica com as sobras do banquete, batendo panela (eventualmente incensando Bolsonaro), mas sonha com o andar de cima, enquanto vai às compras em Miami.

Óbvio que PT precisa fazer profunda análise dos terríveis erros cometidos (corrupção grossa incluída), pela profunda frustração causada em seus eleitores e na dívida que sempre lhe pesará sobre os ombros por ter traído propostas centrais de seu próprio programa.

O reconhecimento dos erros talvez permita seguir em frente, juntando os cacos, pois, apesar de tudo, é um dos poucos agrupamentos no Brasil que se constitui como verdadeiro partido. Ademais, é preciso reconhecer que o PT mudou o País em vários aspectos, fazendo ascender os de baixo, com seus programas sociais, incluindo a possibilidade de jovens pobres e negros terem acesso à universidade.

Se a política, políticos e partidos foram reprovados no teste, a mesma crítica cabe à imprensa, cuja atuação deve ser questionada neste dramático episódio que ainda se desenrola.

Sem levar em conta os que se dizem jornalistas, porém são militantes (dos dois lados) – alguns fazendo um papel verdadeiramente ridículo, que envergonha o jornalismo -, é fato que a cobertura foi bastante desequilibrada em favor do impeachment.

Por essa tese, uniram-se os principais jornais, redes de TV e de rádio, e a esmagadora maioria de seus comentaristas políticos, que, em vez de analistas, viraram militantes de uma causa. Com isso, a imprensa ofereceu uma visão parcial e distorcida, que não foi capaz nem de enxergar com espírito crítico a votação circense na Câmara de Deputados (17/4/2016), que instaurou o processo contra a presidente.

A imprensa internacional deu uma visão bem mais abrangente e diversificada dos acontecimentos, incluindo suas representações no Brasil, como é o caso dos portais do El País (Espanha), BBC (Reino Unido) e Deutsche Welle (Alemanha). Essa amplitude de análise, cobertura mais contextualizada e equilibrada, foi sonegada pela imprensa brasileira de seus leitores, ouvintes e telespectadores.

Atentado – Ana Hickmann se diz “profundamente abalada e triste”

ana

“Ana Hickmann declarou, por meio de nota divulgada por sua assessoria neste domingo (22), que está “profundamente abalada e triste” com o episódio que terminou com um fã morto em Belo Horizonte. O homem foi baleado após ameaçar a apresentadora e os cunhados dela.

“Nunca pensei que isso poderia acontecer! Nunca pensei que o ser humano fosse capaz disso! Foi terrível! Estou profundamente abalada e triste! Só peço que todos rezem por minha cunhada para que ela se recupere logo”, afirmou. (Leia a nota na íntegra ao final da reportagem)

Rodrigo Augusto de Pádua foi morto, neste sábado (21), em um hotel na Região Centro-Sul da cidade. Gustavo Correa – que é irmão do marido de Ana Hickmann, Alexandre Correa – é suspeito de atirar no fã durante uma luta. A Polícia Civil vai investigar o caso como legítima defesa.

Em uma rede social, Gustavo classificou o caso como uma aberração. Já Alexandre, usando também a internet, chamou o irmão de herói.

O delegado de Homicídios Flávio Grossi disse que a família de Rodrigo Augusto de Pádua sabia do fascínio do jovem pela modelo. O fã, que é de Juiz de Fora, na Zona da Mata, e estava hospedado no mesmo hotel que a apresentadora, rendeu Gustavo e o obrigou a ir até o quarto de Ana, onde também estava a mulher dele, a assessora para moda Giovana Oliveira.”

(Portal G1)

Prefeito assina revitalização da área onde fica o “Raimundo dos Queijos”

queijooo

Sérgio Braga, animador cultural, Raimundo dos Queijos e vereador Acrísio sena (PT).

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), assinou, no início da tarde deste domingo, a ordem de serviço para a revitalização da Travessa Crato (Centro), situada entre as ruas Conde D’Eu e General Bezerril. Pelo projeto, o local receberá nova pavimentação e iluminação, além de toldos para proteção do sol.

No espaço, funciona há 38 anos o tradicional Bar Raimundo dos Queijos, que oferece, aos domingos, música ao vivo com forró pé-de-serra aos frequentadores.

Segundo o prefeito, está prevista a recuperação da drenagem superficial da via, a troca de toda a pavimentação do espaço por piso intertravado e a pintura de alguns dos empreendimentos do local. A Prefeitura planeja ainda instalar dois toldos na área e revitalizar marquises das lojas. Haverá ainda 14 novos postes distribuídos ao longo do passeio.

Outra mudança será a abertura do trecho da rua Senador Alencar próximo ao prédio dos Correios para permitir que os veículos atravessem a via. A mudança, porém, ainda deve preservar as vagas de estacionamento no local.

Que é isso, Venezuela?! – Manifestação sem a permissão das autoridades competentes não é pacífica

66 1

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) da Venezuela proibiu nesse sábado (21) a realização de manifestações nas proximidades do Conselho Nacional Eleitoral (CNE), três dias depois de manifestantes terem rompido uma barreira policial e tentado avançar até a sede do órgão.

A decisão do STJ foi tomada após um pedido dos funcionários do CNE que disseram ter sido expostos a situações de risco que ameaçavam sua integridade física. Os funcionários alegaram que não podiam considerar pacífica uma manifestação feita sem a permissão das autoridades competentes.

Segundo os trabalhadores do CNE, foi “fato notório que a Mesa de Unidade Democrática (aliança opositora) convocou concentrações para as proximidades do CNE, para exigir àquele organismo o cumprimento dos prazos para a realização de um referendo revogatório” do mandato do presidente Nicolás Maduro.

Os trabalhadores do CNE consideram que a insistência dos porta-vozes da oposição em marchar até as sedes do Poder Eleitoral leva a “supor que a finalidade dessas mobilizações não é pacífica”.

No dia 18 deste mês, manifestantes da oposição venezuelana ultrapassaram as barreiras policiais em Caracas, a capital, e tentaram dirigir-se ao Conselho Nacional Eleitoral para exigir o avanço do processo de verificação das assinaturas para o referendo revogatório do mandato de Maduro.

(Agência Brasil)

Fuga de adolescentes dos centros socioeducativos do Ceará vira rotina

Sobe para 278 o número de fuga dos Centros Socioeducativos no Estado do Ceará neste ano. Isso com a fuga de seis adolescentes registrada na noite desse sábado, segundo informação do juiz da 5ª Vara da Infância e da Juventude, Manuel Clístenes e Façanha.

Na última quarta-feira, 18, dez adolescentes também fugiram do Centro Educacional Dom Bosco.dez adolescentes também fugiram do Centro Educacional Dom Bosco.

A Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social, como sempre, não repassou as informações. Nem deu detalhes sobre o caso.

Essa é a transparência apregoada pelo Governo Camilo Santana?

A economia financeira e seu valor simbólico

Da Coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (22):

Quem conhece bem o PMDB certamente se surpreendeu com o modelo de Ministério adotado por Michel Temer, diante do corte na quantidade de pastas. Ora, esse partido é famoso por sua desenvoltura na ocupação de cargos públicos. Principalmente os ministérios de porteira fechada (aqueles em que um só partido o ocupa por inteiro).

Era natural esperar que Temer, uma veterana raposa política do PMDB, priorizasse a área econômica com a indicação de nomes respeitáveis (como, na verdade, o fez), mas deixasse o resto do Governo, com todos os seus generosos tentáculos, para atender as usuais e sempre insaciáveis, demandas políticas. Na verdade, fazer o que a antecessora fez. No fim das contas, menos tentáculos sobraram.

Foi um acerto de Temer. Muito menos pela economia financeira, que não é de grande impacto nas contas do Governo Federal, mas sim pelo valor simbólico. Quem se prepara para pedir mais arrocho do povo brasileiro precisa oferecer algo em troca. Além disso, esse valor simbólico pode gerar uma cultura que tende a se espalhar pelas diversas esferas públicas, alcançando estados e municípios. Aí a economia de dinheiro passa a ser grande.

A propósito, para efeito de comparação, os Estados Unidos mantêm 15 ministérios (ou departamentos). É uma estrutura que não fica mudando de acordo com a cabeça do plantonista na Casa Branca. Na Alemanha, a chanceler Angela Merkel cuida dos interesses da maior economia europeia com um gabinete de 14 membros. Na França, são 16; na Inglaterra, 17; no Japão, 13.

Exposição ‘O Fantástico Corpo Humano’ segue no RioMar

foto exposição corpos humanos

Doze corpos completos e cento e cinquenta exemplares de órgãos reais marcam a exposição “O Fantástico Corpo Humano”, no Shopping RioMar Fortaleza, no bairro Papicu, das 12 horas às 19 horas deste domingo (22). A exposição já percorreu vários países e os corpos foram doados para fins educativos. O ingresso custa R$ 50 (R$ 40, na semana), com meia entrada para estudantes, professores, doadores de sangue e maiores de 60 anos.

A responsável pelo gerenciamento da mostra, Ruth Carvalho, explica que as peças da mostra internacional passaram por um processo de conservação, chamado de plastinação, na qual a água e a gordura do corpo são substituídas por polímeros plásticos.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=tKNqx8IXH54[/youtube]

Futuro ministro da Cultura diz que setor é “estratégico” para o país

“É preciso compreender a cultura dentro de uma visão democrática e inclusiva, valorizando a diversidade de nossas manifestações, especialmente as que surgem em nossas periferias. A cultura, que representa o próprio lastro de nossa identidade como nação, deve ser compreendida como eixo estratégico para o desenvolvimento do Brasil”, afirmou em nota o secretário nacional de Cultura, Marcelo Calero, após a confirmação da recriação Ministério da Cultura, nesse sábado (21). Ele foi confirmado como novo ministro da pasta e deverá tomar posse terça-feira (24).

“A recriação do Ministério da Cultura indica o protagonismo do setor na sociedade brasileira e reforça o compromisso do presidente Michel Temer com a área. Agradeço a confiança em mim depositada pelo presidente e, de igual forma, as inúmeras mensagens de apoio que recebi da classe artística e dos realizadores”, completou.

(Agência Brasil)

Danilo Forte reclama do desencontro nos números do déficit primário

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=AgAAdASqWNY[/youtube]

O deputado federal Danilo Forte (PSB) reclamou do desencontro nos números do déficit primário do governo Dilma, que passa dos R$ 96 bilhões para R$ 170 bilhões. Para o parlamentar, a gestão da presidente afastada levou o país à deriva.

Sobre sucessão em Fortaleza, Danilo Forte destaca o desempenho de Heitor Férrer nas pesquisas internas do partido.

Afeganistão confirma morte do líder dos talibãs no Paquistão

Os serviços secretos afegãos confirmaram neste domingo (22) que o mulá Akhtar Mansur, chefe dos talibãs afegãos, foi morto em um ataque aéreo com drones das forças norte-americanas no Paquistão.

“O mulá Akthar Mansur foi vigiado durante um determinado tempo […] até se tornar um alvo juntamente com outros guerreiros em um veículo […] e ser morto no Paquistão”, afirmou em um comunicado a National Directorate of Security.

Os Estados Unidos haviam anunciado nesse sábado (21) a provável morte do líder dos talibãs afegãos em um ataque aéreo no Paquistão.

Akhtar Mansur tinha assumido oficialmente a liderança dos talibãs afegãos em julho de 2015, tendo sucedido ao mulá Omar, fundador do movimento islâmico.

(Agência Brasil)

Temer tenta sitiar Dilma na residência oficial

52 8

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (22):

A tensão política aumentou nos meios democráticos diante de duas notícias insólitas: o confinamento imposto pelo governo Temer à presidente constitucional do Brasil, Dilma Rousseff, na residência oficial desta (Palácio da Alvorada), e a suposta insatisfação dos militares com um dos pontos do documento de autocrítica do PT, que faz referência à necessidade de mudanças no currículo acadêmico das Forças Armadas, dentre outros pontos.

Ambos os episódios são uma demonstração da anormalidade em que vive o País. O Brasil acaba de sofrer um retrocesso cultural e político só comparável ao da ditadura de 1964 – esse é o pensamento corrente nos meios culturais e políticos democráticos. No Palácio do Planalto, até um garçom muito popular foi despedido pela suposição de ser petista. O clima de caça às bruxas traz de volta a lembrança do Febeapa – Festival de Besteiras que Assola o País, do saudoso Stanislaw Ponte Preta, crítico mordaz das estripulias da “Redentora”, em 1964. Enquanto isso, a presidente Dilma não abre nem para um trem.

Michel Temer não conseguiu disfarçar a hipocrisia quando mandou recolocar o retrato oficial da presidente Dilma Rousseff – que estava sendo retirado dos gabinetes do Planalto e dos ministérios – com a dissimulada argumentação de que estava apenas interinamente no governo e era preciso esperar a decisão final do Senado. Contudo, o respeito à interinidade só durou até aí, pois ele não teve escrúpulos de mudar algo muito mais sério: o programa de governo e decisões administrativas tomadas por Dilma.

O mais absurdo é a tentativa de sitiar a presidente legítima do Brasil em sua residência (Palácio do Alvorada). Alega-se serem normas para proteger a presidente. Como estamos no reino das dissimulações, aumentam as suspeitas sobre as intenções reais dos que se apoderaram do poder.

Éverson segura favoritismo alagoano e Ceará entra no G4

foto série b 2016 0522 crb 0x3 ceará

Em um jogo em que o Ceará goleou o CRB, por 3 a 0, em pleno estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), nesse sábado (21), pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, quem brilhou o goleiro alvinegro Éverson.

Com pelo menos oito difíceis defesas, o goleiro do Ceará segurou no primeiro tempo o ataque do CRB, que vinha de um empate com o Vasco (1×1), no Rio; da vitória sobre o Londrina, na estreia da Série B deste ano (1×0), além da conquista do campeonato alagoano.

A vitória do Vozão foi toda construída na segunda etapa, com gols de Diego Jussani (contra), aos 14 minutos; Ewerton Páscoa, aos 42 minutos; e Bill, aos 45 minutos.

Com o resultado, o Ceará é o terceiro colocado na tabela de classificação. O time volta a campo, na terça-feira (24), na Arena Castelão, diante do Atlético Goianiense, segundo colocado na competição.

Jucá diz que não há previsão de aumento de impostos em curto prazo

O ministro do Planejamento, Romero Jucá, disse nesse sábado (21), após se reunir com o presidente em exercício Michel Temer, em São Paulo, que em curto prazo não há previsão de aumento de impostos. Jucá, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o secretário executivo do Programa de Parcerias de Investimentos, Moreira Franco, passaram a tarde com Temer finalizando o pacote de medidas para aumentar a arrecadação e reduzir as despesas públicas, que deve ser anunciado esta semana.

“Quem pode definir isso é o presidente da República. Em curto prazo, não está no horizonte o aumento de impostos. Vamos começar a operar medidas que minorem essa dificuldade até fazermos essa travessia para outro tipo de situação, que é a ideal: equilíbrio fiscal, geração de emprego, crescimento econômico, enfim, credibilidade, estabilidade e segurança jurídica”, afirmou Jucá.

Henrique Meirelles disse acreditar que será “produtiva” a negociação com o Congresso Nacional para a aprovação das medidas destinadas a recuperar a economia. Para ele, deputados e senadores devem compreender o momento econômico que o país atravessa.

“Espero do Congresso que entenda as necessidades do povo brasileiro e das finanças públicas. Acredito que será uma negociação muito produtiva, e os contatos que tenho tido até o momento são muito positivos”, disse Meirelles.

(Agência Brasil)

Ministro da Fazenda de Dilma classifica nova meta fiscal de ‘cheque especial’

Em mensagem publicada nesse sábado (21) no perfil do Facebook da presidente afastada Dilma Rousseff, o ex-ministro da Fazenda Nelson Barbosa classificou a nova meta fiscal de R$ 170,5 bilhões, anunciada na sexta-feira (20) pela equipe econômica do governo do presidente em exercício Michel Temer, de um “cheque especial” e um “piso fiscal”, representando um “valor máximo” capaz de acomodar cenários mais pessimistas de redução de receita e aumento das despesas.

Barbosa argumentou que a mudança da estimativa fiscal seguiu os princípios que vinham sendo adotadas na gestão Dilma e que a nova meta permitirá “redução substancial” de receitas e “aumento substancial” de despesas.

“Independentemente das diferenças de projeções e avaliações sobre o cenário fiscal de 2016, é significativa a opção do governo [Temer] por seguir a estratégia fiscal anunciada no início deste ano [pelo governo Dilma], qual seja: combinar a flexibilização da política fiscal no curto prazo com reformas fiscais de longo prazo que diminuam o crescimento do gasto obrigatório da União”, disse Barbosa.

Ao anunciar a nova meta, Meirelles afirmou que a projeção de déficit primário, de R$ 170,5 bilhões em 2016, é “realista” e resulta da frustração de receitas e aumento de despesas devido a questões como a renegociação da dívida dos estados e pagamentos atrasados. Enquanto o governo federal deve ter déficit, a estimativa para estados e municípios é de um superávit primário de R$ 6,5 bilhões. Segundo o ministro da Fazenda, parte das despesas será descontingenciada para que os órgãos públicos não deixem de prestar serviços.

Para Nelson Barbosa, a nova proposta de redução da meta fiscal dá continuidade à estratégia de flexibilização da política fiscal anunciada pela sua gestão à frente do Ministério da Fazenda. A iniciativa, no entanto, ressaltou, foi prejudicada pela crise política que o país atravessa.

(Agência Brasil)

Rodrigo Janot ameaça pedir prisão de Cunha se ele voltar a frequentar a Câmara

131 1

“Na Procuradoria Geral da República ninguém entendeu as declarações de Eduardo Cunha dizendo que na próxima semana voltaria a frequentar a Câmara.

Procuradores acreditam que ele pode estar querendo se martirizar ou desafiar o Supremo Tribunal Federal.

Isso porque, se voltar ao Legislativo, estará descumprindo a decisão do STF e Rodrigo Janot irá pedir sua prisão.”

(Veja Online)

Termina a greve dos agentes penitenciários do Ceará

Os agentes penitenciários, reunidos nesta tarde de sábado, decidiram encerrar a greve, após reunião com o secretário da Justiça e Cidadania do Estado, Hélio Leitão.

Houve acordo com a categoria, que terá reajuste do valor das gratificações de 60% para 100% de forma escalonada. O anúncio foi feito pelo titular da Sejus, Hélio Leitão.

O secretário lamentou os problemas registrados com a greve dos agentes penitenciários, observando que, da parte do Estado, havia um processo de negociação. O prejuízo com a paralisação, decretada ilegal pela Justiça, de acordo com Leitão, foi “absurdo” para o sistema e famílias que não puderam visitar seus presos.

O sábado foi de terror no sistema prisional cearense, o que resultou pelo menos oito presos mortos. A Polícia Militar vai continua na segurança dos presídios. Os agentes retornam neste domingo ao trabalho.

MP vai apurar responsabilidade pelas mortes nos presídios

73 2

foto plácido rios promotor

“O Procurador-Geral de Justiça, Plácido Barroso Rios, determinou, no início da tarde deste sábado (21/05), a instauração de procedimento investigatório para apurar autoria e responsabilidades dos crimes de homicídio e danos ao patrimônio público que estão ocorrendo numa série de rebeliões no sistema penitenciário no Estado do Ceará.

Segundo informações preliminares, as rebeliões tiveram início após deflagração de greve por parte do Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará, a partir da zero hora deste 21 de maio. Com a greve, foram suspensas as visitas do fim de semana, alterando também o suprimento de alimentação dos presídios, o que teria gerado uma revolta nos detentos e uma série de rebeliões no Estado.

Em decisão liminar proferida na sexta-feira (20/05) pelo Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, a greve teria sido suspensa por decisão da Desembargadora Terese Neumann, apontando ainda um possível crime de desobediência por parte do Sindicato dos agentes prisionais, fato que também será objeto de investigação pelo Ministério Público.

Durante todo o dia de hoje, as promotoras de Justiça Joseana França, Promotora Corregedora dos presídios em Fortaleza, e Flávia Unneberg, Coordenadora do Centro de Apoio Operacional Criminal (CAOCRIM), acompanharam as rebeliões e todas as ações do Estado voltadas ao restabelecimento da segurança no interior dos presídios e fim das rebeliões.”

(Site do MP-CE)