Blog do Eliomar

Últimos posts

Heitor Férrer elogia iniciativa do prefeito Roberto Cláudio

foto heitor facebook RC

Oposição não é somente criticar, mas também reconhecer os feitos dos adversários. É o que mostrou o deputado estadual Heitor Férrer (PSB), pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza, em sua página no Facebook.

Heitor elogiou o programa Recicla Fortaleza, “uma boa política pública”, avaliou.

Cunha considera “irresponsabilidade fiscal” reajuste do Bolsa Família

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), considerou uma “irresponsabilidade fiscal” a decisão da presidente Dilma Rousseff de reajustar em 9% o valor dos benefícios do Programa Bolsa Família. A medida foi anunciada neste domingo (1º) pela presidente, em São Paulo, durante ato promovido pela Central Única dos Trabalhadores (CUT). De acordo com o peemedebista, não há espaço no Orçamento para o reajuste.

“É mais uma enganação do governo. A Dilma quebrou o país e agora esta aumentando o buraco”, afirmou Cunha.

O peemedebista lembrou que, no fim do ano passado, o governo propôs a mudança da meta fiscal, alterando a meta de resultado primário do ano, possibilitando o país fechar as contas de 2015 com déficit primário de até R$ 119,9 bilhões.

“O aumento do Bolsa Família agora é sim uma irresponsabilidade fiscal, até porque falar que está no Orçamento é mais uma enganação do governo. No Orçamento tinha, inclusive, receita CPMF inexistente. Vejo como agonia de fim de governo, com irresponsabilidade”, acrescentou Cunha.

Sobre a correção de 5% da tabela do Imposto de Renda para o próximo ano, o presidente da Câmara informou que a medida só terá efeito para 2017 e depende de aprovação do Congresso. “Não vemos nada demais. Porei para votar, como sempre pus, todas as matérias do Poder Executivo”.

(Agência Brasil)

Cid Gomes aposta dignidade de Teori, Janot e Moro como não é investigado pela Lava Jato

foto cid gomes 1503

“Por ter minha consciência tranquila, sou capaz de falar mal do ministro Teori Zavascki. Eu digo: ‘ministro, o senhor é corno, se eu tiver nessa operação’. Veja bem, eu tenho tanta segurança de que não estou nisso que, se estiver, o ministro Teori é corno, o Janot é ladrão, e o (juiz Sergio) Moro é um picareta”.

A declaração é do ex-governador do Ceará e ex-ministro Cid Gomes, após assegurar que não é investigado pela Lava Jato.

“Quero terminar meus dias com dignidade. Ninguém é besta, não fiz fortuna. Se eu roubasse 0,01% dos recursos que já tiveram sob minha gestão ao longo da minha vida, eu teria patrimônio de pelo menos R$ 300 milhões”, afirmou.

Apesar de garantir que não está arrependido da declaração, pois não teria ofendido as autoridades citadas, Cid Gomes disse que sua fala ocorreu “num ambiente íntimo, cercado de amigos, para quem estava tentando ser didático”.

“Eu não falei nada. Como não estou (envolvido), nem o Teori é corno nem o Moro é ladrão nem o Janot é desonesto”, comentou.

Teori Zavascki e Rodrigo Janot informaram, por meio de suas assessorias de imprensa, que não vão se pronunciar. O juiz Sergio Moro não foi localizado.

(com agências)

Assaltante é baleado, após ‘arrastões’ com arma de brinquedo

foto assalto mcastelo

Um assaltante foi baleado no olho, na noite deste domingo (1º), na avenida Sargento Hermínio, no bairro Monte Castelo, após praticar uma série de roubos com arma de brinquedo.

Segundo testemunhas, o suspeito estaria na companhia de outro assaltante e já havia roubado um frentista e um homem que caminhava pela avenida. De acordo ainda com testemunhas, a dupla vinha sendo seguida por um motoqueiro e, na tentativa de roubar um cliente de uma pizzaria, um dos suspeitos foi atingido por um disparo no olho, enquanto o outro fugiu.

Somente após o assaltante ser baleado é que a vítima percebeu que a arma era de brinquedo. O suspeito foi conduzido ao IJF, no Centro.

Fortaleza goleia Uniclinic e põe a mão na taça

foto fortaleza 4x1 uniclinic

Diante de um Uniclinic “travado” pela inédita participação em uma decisão de Campeonato Estadual, o Fortaleza botou a mão na taça do bicampeonato cearense, neste domingo (1º), no estádio Presidente Vargas, ao vencer o primeiro jogo da final, por 4 a 1. Lima, Anselmo, Juninho e Edimar marcaram para o Leão, enquanto Amaral descontou.

O segundo jogo da decisão será no domingo (8), na Arena Castelão, quando o Fortaleza confirmará o título estadual mesmo com derrota por até três gols. Na quarta-feira (4), o Leão enfrenta o Flamengo/RJ, pela Copa do Brasil, na Arena Castelão.

Roberto Cláudio e Camilo Santana acompanham título do Brasil no vôlei de praia

foto rc e camilo vôlei 160501

Não foi o que se poderia chamar de uma vingança pelos 7 a 1, da semifinal da Copa do Mundo, mas sobraram emoções no confronto entre brasileiros e alemães, neste domingo (1º), na Praia do Futuro, na final Open de Fortaleza, etapa do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. Após a derrota no primeiro set, por 21 a 15, a dupla brasileira André Stein e Oscar Brandão superou os alemães Jonathan Erdmann e Kay Matysik no segundo set, em 21 a 18, e levou a decisão para o tie-break.

O forte sol de Fortaleza foi um aliado importante dos brasileiros e o alemão Matysik literalmente desabou nas areias da Praia do Futuro, quando André e Oscar venciam o último set por 15 a 5.

Nas arquibancadas, o prefeito Roberto Cláudio e o governador Camilo Santana festejaram a vitória brasileira na capital cearense. Depois de entrarem em campo na partida inaugural da Copa Arena, o prefeito e o governador preferiram formar dupla na torcida a arriscar “bolas altas”. Em ano eleitoral, a estratégia é “baixar a bola”.

Jogo nas urnas

foto rc e psl 160501

Ainda neste domingo, o prefeito Roberto Cláudio se reuniu com dirigentes do PSL, além de 68 pré-candidatos do partido à Câmara Municipal de Fortaleza. Roberto Cláudio destacou o apoio que tem recebido do PSL em seu mandato. Já o presidente do partido em Fortaleza, vereador Zé do Carmo, destacou a presença do prefeito nos bairros.

Comércio entre a insegurança e a necessidade de funcionar 24 horas

Em nota enviada ao Blog, sindicatos do comércio querem estender o horário de funcionamento, mas receiam a falta de segurança. Confira:

O Sindicato do Comércio Varejista e Lojista Fortaleza – SINDILOJAS, o Sindicato Atacadista e Varejista de Carnes Frescas e Congeladas de Fortaleza – SINDICARNES e o Sindicato do Comércio Varejista de Maquinismo, Ferragem e Tintas de Fortaleza – SINDITINTAS, conjuntamente, destacam que no momento de profunda recessão o comércio de Fortaleza necessita de liberdade para abrir em horários estendidos nas vésperas de grandes datas e nas semanas que as antecedem, no entanto, observam que a abertura por 24 horas diárias, neste momento de profunda insegurança no Estado do Ceará, ainda não é necessária.

Fumar uma encruzilhada

Da Coluna Das Antigas, no O POVO deste domingo (1º), pelo jornalista Demitri Túlio:

Tive vontade de fumar por esses dias. Nunca fumei nem a inofensiva maconha, apesar de minha geração ter nascido com um cigarro na boca. Coisa esquisita a ânsia por um Hollywood, um Arizona seco de palha, um Mister.

Nem sei por que me veio tanta carência. Uma paura de não resistir e descer para a praça do prédio onde moro e tragar uma insônia. Noutra vez, assistindo ao seriado O Negócio, da HBO, veio o mesmo querer.

Lembrei de meu pai. Nas madrugadas, saía barroando nos punhos das redes atadas pela casa. Tateando os combogós no banheiro, caçando ponta de cigarros pra fumar o vinte.

Ou então bodejava da Cidade que ainda não eram 24 horas e não tinha uma birosca aberta nem puteiro no bairro de família. Onde pudesse comprar uma carteira ou pedir um cigarro emprestado.

Teve tanto esses talantes que um dia foi e sumiu. Imaginava-o fumando onde estivesse, um maço atrás do outro… Será que havia curado as paranoias, a metástase incontrolável da insatisfação? Teria resolvido o que lhe faltava? Pensava em nós?

Talvez a sanha por fumar tivesse a ver com a gastura coletiva do País. Com o cinismo em rede nacional online. Com a falsa perspectiva arquitetada pelo PMDB/PSDB.

Com Dilma e o PT que se afogaram no poder e nas armadilhas. Com a imparcialidade embusteira do STF.

E me deu mais vontade de fumar. Rosa da Fonseca se esgoela numa passeata e a ouço de uma varanda da Rui Barbosa. Ela nunca desiste?! Nunca aceita as coisas como elas são?!

Mesmo depois de ter sido torturada (por um psicopata que não deve ter contado aos filhos o que fez à Rosa). Aos 67 anos, a Radical acha que o País tem jeito. Deve ter.

Na Redação, fumo minha caneta pra não pedir um cigarro ao Henrique. E uma amiga me liga dizendo que está numa campanha para colocar meu nome na biblioteca da escola onde trabalha. Meu? Agradeço. Sugiro o da Ana Miranda.

Deve ser coisa da idade querer tragar. Faço 50 este ano e me iludo que ainda tenho 20. Lasco-me porque não é assim. Mas não posso ficar miando, querer fumar o tempo e as segundas-feiras estranhas…

Quem não teve o arrebatamento de fumar alguma encruzilhada? De comer até espocar. De chorar feito égua. De sair sem rumo ou ir nu de bicicleta?

É da prosa.

Dia do Trabalho – Papa pede modelo de desenvolvimento que respeite dignidade

O papa Francisco apelou neste domingo (1°), Dia do Trabalho, a um “modelo de desenvolvimento que tenha em conta a dignidade humana” e que respeite as normas trabalhistas. O sumo pontífice recordou que nesta segunda-feira (2) começa em Roma uma conferência internacional que abordará o tema desenvolvimento sustentável e as formas mais vulneráveis do trabalho.

“Espero que possa sensibilizar as autoridades, as instituições políticas e econômicas e a sociedade civil para que se promova um modelo de desenvolvimento que tenha em conta a dignidade humana, o pleno respeito das normas sobre o trabalho e o meio ambiente”, disse Francisco.

Ainda na oração Regina Coeli (Rainha do Céu), que substitui o Angelus no período pascal, o Papa qualificou de “tragédia” os abusos sexuais cometidos contra menores e pediu para serem “castigados severamente” os criminosos.

O papa falou sobre esse tema depois de saudar os membros da Associação Meter, que lutam contra qualquer tipo de abusos a menores e que estavam hoje na Praça de São Pedro, no Vaticano. Desde o início do seu pontificado, Francisco tem mostrado preocupação com os abusos cometidos por membros da Igreja contra menores e pediu inclusive perdão por esses atos.

(Agência Brasil)

Uma nova correlação de forças

70 1

Da Coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (1º):

A correlação de forças na política do Ceará está prestes a dar uma guinada. Em 11 dias, caso se confirme a tendência de afastamento da presidente Dilma Rousseff (PT) e a posse de Michel Temer (PMDB) no Palácio do Planalto, as forças que exercem o poder no Ceará e em Fortaleza por mais de uma década vão ser jogadas na oposição ao presidente da República plantonista.

Vamos a um histórico. Os oitos anos de Luizianne Lins à frente da Prefeitura de Fortaleza foram exercidos enquanto o PT, partido da prefeita, estava no comando da Presidência da República. Foram seis anos com Lula e dois com Dilma. Em 2012, Roberto Cláudio derrotou o PT na Capital, mas o novo prefeito também pertence a um grupo político que manteve o apoio ao petismo no âmbito federal.

No Governo estadual, as circunstâncias foram bem parecidas. Cid Gomes foi governador entre 2007 e 2014. Por oito anos, manteve-se como linha de apoio tanto a Lula quanto à presidente Dilma. Em 2015, assumiu Camilo Santana, um petista membro do grupo político de Cid, no mesmo momento em que Dilma iniciava seu segundo mandato.

No próximo dia 11, sendo Dilma afastada, o quadro muda. O dono da caneta passará a ser Michel Temer, que vem sendo duramente atacado tanto por Ciro quanto por Cid Gomes. Como o prefeito e o governador devem continência a esse comando político no Ceará, significa que os dois gestores estarão no campo da oposição a Temer.

Em sentido contrário, o senador Tasso Jereissati (PSDB), oposição ao PT nos dois mandatos parlamentares, passa a ser um aliado do novo plantonista no Palácio do Planalto. Mais ainda se os tucanos assumirem posições importantes na estrutura administrativa do “Governo Temer”. Naturalmente, Tasso passa a exercer mais influência na política do Ceará.

Já o senador Eunício Oliveira (PMDB) vai ficar onde sempre esteve: na posição de aliado no presidente ou da “presidenta” de plantão. Porém, agora, com uma diferença. Caso Temer assuma, será o PMDB no poder. Sem intermediários. Registre-se ainda que Eunício é membro da cúpula do partido e possui interlocução direta com o ainda vice-presidente.

Ou seja, caso as tendências se confirmem, a dinâmica da política jogará o grupo político dos Ferreira Gomes, o qual inclui o prefeito e o governador, na oposição ao comando do Governo Federal. Uma virada de jogo. Já Eunício e Tasso, os dois rivais políticos desse grupo, ficam politicamente mais vitaminados.

A postura extremada de Cid e Ciro Gomes em relação a Michel Temer e a todo o PMDB não é confortável para Camilo Santana (PT). Governador, principalmente de estado pobre, não faz oposição ao presidente. Não é do interesse de quem esta à frente do executivo estadual ser identificado como membro de um grupo que queima e destroça qualquer possibilidade de estabelecer qualquer tipo de diálogo e interlocução com o Governo central.

No caso de Camilo, o problema é duplo: o governador é do PT, que vai para a oposição radical ao “golpista” e “conspirador” Temer. Além disso, seu mandato foi bancado por Ciro e Cid, que usam o termo “ladrão” e “chefe de quadrilha” para caracterizar o vice-presidente.

Dilma anuncia reajuste de 9% do Bolsa Família e correção de 5% do IR

foto dilma 160501

A presidente Dilma Rousseff anunciou neste domingo (1º), em ato promovido pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), o reajuste de 9% para os beneficiários do Programa Bolsa Família – o aumento entrará em vigor ainda em 2016. Dilma Rousseff anunciou também correção de 5% da tabela do Imposto de Renda para o próximo ano; a contratação de, no mínimo, 25 mil moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida e a extensão da licença-paternidade de cinco para 20 dias aos funcionários públicos federais.

“Quero lembrar que essa proposta [de reajuste do programa Bolsa Família] não nasceu hoje. Elas estavam previstas quando enviamos o Orçamento em agosto de 2015 para o Congresso. Essa proposta foi aprovada pelo Congresso. Diante do quadro atual, tomamos medidas que garantam a receita para este ano e viabilizar tudo isso sem comprometer o cenário fiscal”, disse a presidente.

Segundo a CUT, o ato reúne mais de 60 entidades que formam as frentes Brasil Popular e Povo sem Medo. As centrais sindicais realizam o ato “em defesa da democracia, contra o golpe e contra a retirada de direitos”.

(Agência Brasil)

1º de Maio – Manifestação em Fortaleza reúne cerca de 6 mil na Leste Oeste

foto manifestação 160501 leste oeste

Cerca de seis mil pessoas, segundo a organização do evento, participaram neste 1º de Maio de uma manifestação em defesa da democracia e das conquistas sociais, na avenida Castelo Branco, conhecida como Leste Oeste. Apesar do forte sol de Fortaleza, os manifestantes seguiram do kartódromo, no bairro Jacarecanga, até o polo da Barra do Ceará, em um percurso de cerca de seis quilômetros. O ato foi promovido pela Frente Brasil Popular, que congrega vários movimentos sociais, centrais sindicais, categorias profissionais, partidos políticos e representantes de diversos setores, unidos contra o golpe e pela democracia.

“O povo está atento ao que está acontecendo, a essa tentativa de tomar o poder, desrespeitar o resultado das eleições, impor um golpe de estado no Brasil, mais de 50 anos depois do golpe de 1964, que acabou levando a uma ditadura de 21 anos”, ressaltou Chico Lopes, que ironizou os deputados que votaram pelo impeachment como “bons pais” e “bons maridos”.

“Nos últimos 14 anos, o Brasil conquistou a inclusão social de 40 milhões de pessoas, viu o trabalhador com mais comida na mesa, com reajustes reais anuais do salário mínimo e com filho na universidade, coisa que antes era direito exclusivo da Casa Grande, do filho do patrão. Se o golpe se confirmar, os direitos trabalhistas e o acesso à educação vão sofrer grandes riscos, nas mãos de Michel Temer e dos neoliberais do PSDB, que fizeram o que fizeram durante o governo FHC”, completou Chico Lopes.

(Foto: Comunicadores pela Democracia / Portal Vermelho)

Na Avenida Paulista, ato da Conlutas pede novas eleições gerais no Brasil

Em manifestação na Avenida Paulista, pelo Dia do Trabalho, a Central Sindical Popular (Conlutas), PSOL e PSTU pedem a realização de novas eleições gerais no país. O ato ocorre desde a manhã deste domingo (1º).

Os manifestantes dizem ser contrários à presidente Dilma Rousseff, ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ); ao vice-presidente Michel Temer; ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); e ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Eles defendem a saída de todos esses políticos dos respectivos cargos.

De acordo com a Conlutas, a manifestação é um contraponto aos atos programados para hoje pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), que teve início às 12h, no Vale do Anhangabaú, além da Força Sindical, em programação na Praça Campo de Bagatelle, na zona norte da capital paulista.

(Agência Brasil)

O Ministério da Verdade

130 5

Em artigo no O POVO deste domingo (1º), o psicanalista Valton de Miranda Leitão avalia o que supõe vivermos a Indústria da Mentira. Confira:

É possível analisar um mentiroso? Os mentirosos estão em várias categorias, sendo a mentira inerente à natureza humana. A criança engana a mãe para obter satisfação, mas é uma mentira boa, que pode se transformar na mais brutal perversão individual e coletiva.

Orwell, no seu 1984, escrito depois da Segunda Guerra, previu o avanço da mentira universal e dessa forma sugeriu que os governos criassem o Ministério da Verdade. O escritor não compreendera que a mentira seria o próprio cerne do funcionamento político mundial na sua aliança fundamental com os mass media e/ou rádio, televisão etc., espalhados pelo mundo.

Umberto Eco no seu livro Número Zero mostra como se opera a transformação no laboratório da imprensa, da verdade em mentira e da mentira em verdade, num jogo diabólico que apenas mentes lúcidas percebem.

O redator chefe desse jornal fictício é Aleteu, uma palavra grega derivada de Aleteia, que significa verdade, e é precisamente o senhor Verdade quem determina as diretrizes do jornal imaginário de Eco.

O redator sempre afirma aos seus repórteres (majoritariamente escravizados à engrenagem midiática) que não existe notícia, mas, sim, fabricação da notícia, conforme as diretrizes ideológicas da empresa que domine um determinado monopólio comunicacional. Os jornalistas ficam emparedados para acompanhar o ziguezague informacional e a idolatria que está implicada neste sistema mundializado que articula a CNN americana com a rede Globo, embora essa última seja a mais obscena de todas.

Tal dispositivo foi notavelmente caracterizado tanto na filosofia quanto na literatura e na cinematografia. Francis Bacon diz que a coletividade humana funciona a partir de idolatrias ou imagens mágicas, que denomina ídolos da caverna, do fórum, do teatro e da tribo. A tribo ou coletivo de pessoas é o mais irredutivelmente resistente à busca da verdade.

Esse funcionamento foi mostrado no filme Matrix, no qual o deus do sono, Morfeu, tenta mostrar a Neo, a diferença entre sonho e realidade. A notável capacidade do complexo midiático para manipular a mente individual e a consciência coletiva é um dos maiores desafios contemporâneos da humanidade, pois esse dispositivo é propriedade do mercado capitalista.

A vergonhosa combinação desse mecanismo com o judiciário e uma ética evangélica perversa, esteve grotescamente presente na votação que o mundo da intelligentsia embasbacado assistiu. Os pronunciamentos sem nenhuma lógica ou compreensão racional daquilo em que votavam mostraram um bando anárquico de bufões, votando impulsionados por esta engrenagem, cujo maestro certamente passará à história como o cínico mais calhorda deste processo nojento.

Caso o Senado confirme Temer como presidente, nenhum grande filósofo ou cientista político, de Norberto Bobbio a Agamben, deixará de chamar isso de golpe de Estado. É bom lembrar que após o Golpe de 1964, o STF legitimou os atos institucionais que deram voz à Ditadura. Moro recebeu a bênção dos Estados Unidos, e Eduardo Cunha pode assumir o Ministério da Verdade!!!

Taxistas de Fortaleza se mobilizam contra o Uber

85 1

Táxis

O Sindicato dos Taxistas de Fortaleza está convocando, via redes sociais, a categoria para uma assembleia geral nesta segunda-feira (2), a partir das 17 horas, na sede da entidade. O assunto é um: discutir ações contra a chegada do aplicativo Uber.

“Vamos fazer uma assembleia para decidir como vai ser o movimento contra o Uber”, avisa Vicente de Paula Oliveira, presidente do Sinditaxi.

As perdas dos taxista com a chegada do Uber já são sentidas pela categoria. Uma corrida, por exemplo, de Fortaleza para o Porto das Duns, que saia por R$ 150,00, caiu para R$ 70,00. Uma corrida do bairro Parquelândia para a Praia do Futuro, que custava R$ 70,00, caiu para R$ 35,00.

Na Câmara Municipal, o vereador petista Ronivalo Maia deu entrada numa  lei para regulamentar o serviço Uber. Já o prefeito Roberto Cláudio deve tratar do assunto nesta semana.

Acrísio convoca reunião para discutir poluição da Praia do Futuro

foto acrísio sena cmfor

A manchete do O POVO da última quinta-feira estampando que 100% da Praia do Futuro está poluída e, portanto, imprópria para banho, movimentou a Câmara Municipal.

O vereador Acrísio Sena (PT) convocou reunião de emergência para discutir a questão nesta segunda-feira, às 15 horas, na Sala das Comissões da Casa. Serão convidados representantes da SEUMA, SEMACE, CAGECE, REGIONAL II, SPU e da Associação dos Empresários das Barracas da Praia do Futuro.

“Não é possível que uma cidade como a nossa, que respira turismo, tenha pouco mais de dois quilômetros de balneabilidade de um total de 34 quilômetros de orla”, lamentou Acrísio sena. Para ele, esse tipo de quadro “compromete a imagem de Fortaleza em todo o país e temos obrigação de resolver este problema com o máximo de urgência, sob pena de comprometer a saúde da população e toda a cadeia de investimentos do trade turístico”.

Dilma Rousseff vai anunciar o reajuste do Bolsa Família e da tabela do Imposto de Renda

foto dilma video 160415

“A presidenta Dilma Rousseff deve anunciar hoje (1º) reajustes no benefício do programa Bolsa Família e na tabela do Imposto de Renda Pessoa Física. As medidas devem ser anunciadas em evento do Dia do Trabalho, no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, promovido pela Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Segundo a CUT, está confirmada a presença do ministro do Trabalho e Previdência Social, Miguel Rossetto, e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no ato, que reunirá mais de 60 entidades que formam as frentes Brasil Popular e Povo sem Medo. As centrais sindicais realizam o ato “em defesa da democracia, contra o golpe e contra a retirada de direitos.”

Bolsa Família

A ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, dará entrevista coletiva às 15h, no Palácio do Planalto, para detalhar a correção dos benefícios do programa.

Para este ano, o Bolsa Família tem R$ 28,11 bilhões. O montante é superior aos R$ 26,41 bilhões gastos em 2015. Durante as discussões do Orçamento deste ano, a Comissão Mista de Orçamento tentou cortar R$ 10 bilhões do Bolsa Família, alegando que o atendimento aos atuais beneficiários não seria prejudicado, mas o governo negociou para reverter a proposta.

Atos do 1º de Maio

Manifestantes ligados ao Movimento Revolucionário dos Trabalhadores (MRT) fazem nesta manhã um protesto em frente ao Theatro Municipal, no centro de São Paulo. Com bandeiras do movimento, eles protestam contra a aprovação do pedido de abertura de processo deimpeachment da presidenta da República Dilma Rousseff, que eles chamam de golpe, e contra o ajuste fiscal. O número de manifestantes não foi divulgado pela Polícia Militar. O ato transcorre de forma pacífica.

Segundo militantes do movimento, os manifestantes devem se juntar mais tarde ao ato promovido pela CUT no Vale do Anhangabaú. Neste ano, o lema do evento é Brasil: Democracia + Direitos.”

(Agência Brasil)

Copa Arena – E para quem duvidava que Roberto Cláudio e Camilo jogam no mesmo time…

foto rc e camilo areninha 160430

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) e o governador Camilo Santana (PT) participaram, na noite desse sábado (30), no bairro Quintino Cunha, da abertura da Copa Arena Fortaleza da Juventude, que reunirá 32 equipes de 17 bairros da cidade.

Mais do que a participação formal, Roberto Cláudio e Camilo Santana entraram em campo e protagonizaram a partida de abertura, ao lado de servidores municipais e estaduais, além de ex-atletas, como Marquinhos Capivara, que incentiva crianças da periferia ao esporte.

Para o prefeito, as Areninhas têm transformado cenários de falta de oportunidade para os jovens de alguns bairros em prática de esporte, de lazer, de entretenimento e de promoção da paz. “Já são sete Areninhas e serão 21 até outubro deste ano”, assegura o prefeito.

“Quero agradecer especialmente o apoio firme e forte do governador Camilo Santana, que teve a sensibilidade de perceber a oportunidade que as Areninhas dão para a organização dessa competição. Eu e o Camilo entramos em campo e sentimos a emoção de jogar numa Areninha acompanhado de craques do futebol cearense do passado. Foi muito bacana”, completou.

DETALHE – Roberto Cláudio, bom lembrar, foi da equipe de futsal do seu colégio.

Indústria perde espaço na economia de 22 estados e do DF em três anos, diz CNI

foto indústria índices 160501

A perda de competitividade, provocada por problemas como falta de infraestrutura, burocracia e baixa produtividade, está trazendo consequências drásticas para um dos principais setores da economia brasileira. O peso da indústria no Produto Interno Bruto (PIB) de 22 estados e do Distrito Federal diminuiu de 2010 a 2013. No mesmo período, o peso da indústria no PIB nacional caiu 2,5 pontos percentuais, de 27,4% para 24,9%.

A queda na participação econômica em quase todas as unidades da Federação consta do estudo Perfil da Indústria nos Estados, elaborado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Ao comparar o valor produzido pela indústria local com a soma de todos os bens e serviços produzidos em cada estado e no DF, o levantamento comprovou a redução da importância do setor.

O maior recuo ocorreu na Bahia, onde a participação da indústria na economia do estado caiu 6,6 pontos percentuais, de 27,1% em 2010 para 20,5% em 2013. Em seguida, vêm Amazonas, com retração de 5,7 pontos (de 42,7% para 37%) e Tocantins, com queda de 4,3 pontos (de 21% para 16,7%).

Responsável pelo maior parque industrial do país, São Paulo está em quarto lugar, com retração de 4,2 pontos percentuais, de 27,1% para 22,9%. A perda de espaço refletiu-se na queda da participação do estado na composição nacional da produção industrial. Em 2010, São Paulo concentrava 32,1% de todos os produtos industrializados fabricados no país. A proporção caiu para 28,6% em 2013.

(Agência Brasil)