Projeto Paulo Freire é aprovado na Assembleia

O deputado Audic Mota (PMDB), primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, votou a favor e comemora a aprovação de mensagem governamental que autorizou a liberação de R$ 37,9 milhões para associações e cooperativas de agricultura familiar selecionadas
pelo Projeto Paulo Freire.

O Projeto Paulo Freire é uma iniciativa concentrada no desenvolvimento produtivo e de capacidades concorre para fortalecer a agricultura familiar e incentiva o desenvolvimento das alternativas de convivência com o semiárido. Ao todo, deverá alcançar 600
comunidades rurais de 31 municípios cearenses, utilizando recursos da ordem de US$ 80 milhões, cerca de R$ 264 milhões, provenientes de empréstimo junto ao Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e do Governo do Estado.

Inhamuns

Para a Região dos Inhamuns, segundo o parlamentar, significa a transferência de recursos da ordem de R$ 9,7 milhões, em benefício de 69 comunidades rurais distribuídas por cinco municípios: Tauá (11 entidades / R$ 1,79 milhão), Quiterianópolis (16 entidades / R$ 2,26 milhões), Parambu (16 entidades / R$ 2,37 milhões), Aiuaba (22 entidades / R$ 2,9 milhões) e Arneiroz (04 entidades / R$ 460 mil).

(Foto – ALCE)

Ataque a tiros em escola de Goiânia deixa ao menos dois mortos e feridos

Um ataque a tiros em uma escola de Goiânia, em Goiás, deixou ao menos dois mortos e pelo menos quatro feridos na tarde desta sexta-feira. Uma professora Colégio Goyazes acionou o Corpo de Bombeiros. A assessoria dos militares destacou que a mulher pediu socorro relatou que uma pessoa entrou na instituição de ensino e realizou disparos de arma de fogo contra crianças e adolescentes. O atirador era aluno do colégio.

Os feridos — uma menina e três meninos — têm entre 12 e 13 anos. Os bombeiros informaram que o atirador tem 14. Segundo a Polícia Civil, ele é filho de um major da Polícia Militar.

A escola fica no bairro Conjunto Riviera. Os bombeiros enviaram cinco viaturas de resgate e um helicóptero para o local. A vítima em estado mais grave já foi resgatada pela aeronave e levada à Hospital de Urgências da cidade. As demais foram encaminhadas à mesma unidade de saúde.

(Jornal Extra)

Privatização vai trazer mais eficiência e dinamismo para a Eletrobras, defende ministro

O ministro de Minas e Energia em exercício, Paulo Pedrosa, defendeu que a privatização da Eletrobras vai elevar o nível de eficiência e trazer dinamismo à empresa. Pedrosa participou hoje (20) de workshop de energia promovido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na capital paulista.

Segundo o ministro, o objetivo do governo não é arrecadar com a venda, mas possibilitar a competição da empresa em um setor elétrico hoje altamente competitivo. “O antigo modelo esgotou. As estatais estão em situação dificílima. A Eletrobras perdeu R$ 175 bilhões em 13 anos. A Eletrobras não tem investido, a sua participação no setor caminha para ser irrelevante”, disse ele.

A Eletrobras ainda é a maior elétrica do Brasil, responsável por 32% da geração e quase metade das linhas de transmissão do sistema integrado, que transfere energia de uma região para outra do país. Para Pedrosa, o sucesso do leilão das quatro usinas hidrelétricas operadas pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), realizado no mês passado, trouxe otimismo. “Sem esse leilão da Cemig, não teríamos a condição de avançar também na Eletrobras”, disse.

O ministro afirmou que a incapacidade de o governo federal injetar recursos na empresa reduz o seu poder de competição. Além disso, de acordo com ele, esgotou-se a capacidade do país de financiamento pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) de 0,5% para a geração de energia.

Quanto à tarifa de energia aos consumidores, Pedrosa admitiu a possibilidade de aumento. “Mas não adianta ter energia barata e encargos enormes pagos por fora. Teremos um preço justo, transparente, da energia”, afirmou.

Segundo ele, o modelo de cotas ilude a sociedade, pois apresenta a cota a baixo preço, que pode ser encarecido devido ao risco hidrológico associado.

(Agência Brasil)

Portaria de Temer envergonha o País, diz presidente da CUT do Ceará

Com o título “Escravidão completa circo de horrores do golpe”, eis artigo do presidente da CUT do Ceará, Will Pereira. Ele bate duro na portaria do Ministério do Trabalho que flexibiliza relações de trabalho e impede a divulgação do ranking de empresas que exploram trabalhadores. Confira:

O circo de horrores parece não ter fim. Sem pudor algum, o governo golpista segue, dia a dia, comandando o País sob a égide de uma troca de favores mesquinha e injusta em benefício não de uma nação inteira, mas de um governante. O mesmo que alcançou o poder de forma ilegítima e que segue afogado em sua própria impopularidade e por denúncias de crimes de toda sorte. No mais recente ataque dos inúmeros que nos assolam cotidianamente, foi divulgada, na última segunda-feira (16), a portaria nº 1129/2017 do Ministério do Trabalho. Ela modifica o conceito de trabalho escravo e traz novas regras sobre a publicação da “Lista Suja”.

Para nós, que fazemos a Central Única dos Trabalhadores, a referida portaria é mais um benefício concedido à bancada ruralista e a setores como o têxtil e da construção civil, que têm forte incidência de trabalho análogo à escravidão no País. Pela legislação vigente, uma situação de trabalho forçado, ou servidão por dívida, ou condições degradantes, ou jornada exaustiva já é o bastante para que se identifique o conceito de escravidão contemporânea. Essa medida, repugnante, nada mais é que a tentativa de se reduzir esse conceito.

A precarização das condições de trabalho no Brasil segue veloz desde que o golpe parlamentar se consolidou em 2016. Modificar o conceito de trabalho escravo hoje fere gravemente os direitos respaldados pela legislação brasileira e pelas Convenções 29 e 105 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), ratificadas pelo Brasil. Tanto que o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) já anunciaram que vão recomendar a revogação imediata da portaria.

Não bastasse a imagem vexatória que o ilegítimo Michel Temer representa do nosso País a cada aparição fora de nossas fronteiras, segue nos envergonhando e atacando diante de organismos internacionais. A própria Organização das Nações Unidas (ONU) já defendeu, oficialmente, a manutenção do atual conceito de trabalho escravo vigente no Brasil – apontado por ela como referência no combate ao trabalho escravo para a comunidade internacional. E até isso Michel Temer nos quer usurpar. Logo ele, que é referência para quem?

*Wil Pereira

presidencia@cutceara.org.br
Presidente da Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE).

Em Brasília, prefeito agiliza projetos com apoio de Danilo Forte

Danilo e o prefeito RC.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, é aguardado de Brasília nesta sexta-feira. Isso, depois de ter circulado, com apoio do deputado federal Danilo Forte (PSB), pelo Ministério das Cidades.

Ali, o prefeito deixou pleito relacionado a BRT (sistema de transporte de ônibus especiais), que deve contemplar os terminais do Conjunto Ceará e Parangaba.

O ministro Bruno Morais sinalizou com a liberação para essa intervenção com o valor de R$ 25 milhões.

VAMOS NÓS – Nessas horas, para um prefeito que é do PDT, oposição a Temer, ajuda ter um deputado da base oficial para chamar de seu.

Ceará deve alcançar novo recorde de público no Castelão

“Pelo menos 40 mil torcedores queremos ver hoje, no Castelão”, apela o conselheiro do time do Ceará e ex-presidente do clube, deputado estadual Evandro Leitão (PDT).

O alvinegro já sonha, inclusive, em ser campeão da Série B. Mas é preciso derrotar o Figueirense nesta noite de sexta-feira.

(Foto – Blog Edmilson Maciel)

Ex-prefeito de sobral diz que Ciro está certo ao criticar Tasso Jereissati

Com o título “Ciro está certíssimo”, eis comentário do ex-prefeito de Sobral, Veveu Arruda (PT), em suas redes sociais, acerca da fala do presidenciável Ciro Gomes (PDT) chamando Tasso de traidor por bater no governo e manter o tucano Maia Júnior (Seplag) na equipe de Camilo Santana:

Uma das principais lideranças e dirigentes do PSDB, o Maia Júnior, assume uma das mais estratégicas secretarias do Governo do Estado (Planejamento), inclusive a coordenação do projeto para o futuro, “FUTURO” dos cearenses, o Ceará 2050.

Outro dos principais dirigentes e lideranças do PSDB, o Luis Pontes, diz que essa atitude não tem significado político, é só técnico (gargalhavel). Coisa do Maia Jr, diz LP, que largou o que fazia para cuidar do Governo, cujo partido (de quem é dirigente, do núcleo duríssimo) fez e fará oposição, segundo o seu presidente estadual. Desculpe-me, mas falta-me inteligência para entender!

E mais:
Senador Tasso, o líder e o dirigente, fica com o bico calado. Caladíssimo, mas aparece uns ventríloquos…

O Ciro, experiente, observa o jogo, mata a xarada e revela a trama.

Aí, aparecem uns “ingênuos” e atacam o Ciro, porque ele levantou o pano do picadeiro da desfaçatez!!

Lá, no sertão, a gente chama isso de arapuca.

*Veveu Arruda

Pesquisador Convidado, com bolsa da Columbia University, de Nova York.

Xandy e um forró atravessado com Aécio

Há muita gente arrependida de ter feito campanha pró-Aécio Neves (PSDB).

Por aqui, claro, não faltou famoso que até gravou vídeo de apoio ao tucano durante a campanha de 2014. Como o cantor Xandy Aviões, por exemplo.

(Foto – Paulo MOska)

O dia em que o Blog botou o maior… boneco

Eis mais uma homenagem pelos 10 anos deste Blog. Veio do vereador Michel Lins (PPS), que encomendou este belo trabalho da figurinista, cenógrafa e artista plástica Lana Benigno.

A turma da redação do O POVO adorou e, claro, o presente vai ocupar generoso espaço em nossa casa. Mais uma homenagem aos nossos familiares, amigos e fontes.

SERVIÇO

*Instagram da artista – @lannabenigno e também

(Fotos – Fábio Lima)

Preço do botijão de gás leva prévia da inflação oficial a 0,3% em outubro, diz IBGE

Pressionada pela terceira alta consecutiva no preço do gás de botijão, a prévia da inflação oficial do país, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), fechou o mês de outubro com variação de preços de 0,34%. Em relação a setembro, o índice subiu 0,23 ponto percentual.

Divulgado hoje (20), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA-15 fechou o acumulado no ano (janeiro-outubro) em 2,25%, resultado que chega a ser 3,86 pontos percentuais inferior aos 6,11% do mesmo período do ano passado.

Este é o menor acumulado para um mês de outubro desde os 2,22% de 2006. Nos últimos doze meses, o índice ficou em 2,71%, resultado acima dos 2,56% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em outubro de 2016, o IPCA-15 havia sido de 0,19%.

Botijão de gás

A alta foi pressionada pelos preços dos combustíveis, em especial o gás de botijão, que fechou outubro com alta de 5,72%. Foi o terceiro aumento consecutivo e a maior alta desde outubro de 2015. O impacto do gás de botijão no IPCA-15 deste mês foi de 0,07 ponto percentual.

O gás de cozinha impactou a alta de 5,36% dos combustíveis domésticos, que influenciaram o grupo habitação, que fechou o mês com elevação de 0,66%.

Segundo o IBGE, a influência da habitação na medição geral ficou abaixo dos transportes (impacto de 0,11 ponto percentual), afetado também pelos reajustes nos combustíveis. A gasolina teve alta de 1,45% entre setembro e outubro, mesmo com a leve desaceleração em relação período anterior, quando a taxa foi de 3,76%. Pesou ainda o aumento de 7,35% nas passagens aéreas.

O grupo dos alimentos fechou outubro com deflação (inflação negativa) de 0,15%. A nova queda foi menor que a de -0,94% de setembro. Contribuíram para a baixa nos preços o alho (-9,88%), o feijão-carioca (-5,95%), o açúcar cristal (-3,63%) e o leite longa vida (-3,52%). Enquanto isso, tiveram alta no período as carnes (0,54%) e frutas (1,40%) tiveram alta no período.

Nos índices regionais, a região metropolitana de Curitiba teve a maior alta nos preços (0,66%), seguido por Salvador (0,64%). Por outro lado, as quedas mais intensas ocorreram na regiões metropolitanas do Rio de Janeiro (-0,08%) e do Recife (-0,07%).

Com a mesma metodologia do IPCA (indicador que mede a inflação oficial do país), o IPCA-15 tem periodicidade diferente: vai da segunda metade do mês anterior à primeira metade do mês de referência. Ele diz respeito à variação dos preços para as famílias de um a 40 salários mínimos, e abrange as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia.

(Agência Brasil)

Camilo, Ciro e um silêncio nada inocente

Nas rodas políticas locais um mote é alvo de comentários: o silêncio dos aliados depois que o governador Camilo Santana (PT) acabou desmentindo Ciro Gomes (PDT).

O presidenciável havia dito que o secretário do Planejamento do Estado, Maia Júnior, era da cota do PSDB de Tasso Jereissati.

Camilo garantiu que Maia era da sua cota pessoal.

(Foto – PDT)

 

PIB sinaliza crescimento de 0,2% em agosto, diz FGV

O Produto Interno Bruto do Brasil (PIB – a soma de todos os bens e serviços produzidos) teve crescimento de 0,2% em agosto, comparado com julho. A informação é do Monitor do PIB, divulgado hoje (20) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV).

No trimestre móvel encerrado em agosto, o crescimento foi de 0,6%, em comparação ao trimestre imediatamente anterior, de acordo com a série ajustada sazonalmente. Em ambas as comparações, os resultados apontam para a terceira variação positiva consecutiva do indicador.

Em termos monetários, o PIB acumulado em 2017 até o mês de agosto, em valores correntes, alcançou a cifra aproximada de R$ 4,368 trilhões.

Na avaliação do coordenador do Monitor PIB-FGV, Caludio Considera, em agosto a economia continuou a crescer devido “não só ao bom desempenho da agropecuária, mas também de segmentos que, apesar de ainda continuarem em níveis muito baixos, já começaram a mostrar sinais de melhora”. Segundo o economista, este é o caso da construção civil e o da formação bruta de capital fixo “que são fundamentais para uma recuperação mais consistente da economia a médio e longo prazo”.

Na comparação com o mesmo período do ano anterior, o PIB apresentou crescimento de 1,1%, no trimestre móvel encerrado em agosto. Os destaques foram os desempenhos da agropecuária (+12%), da indústria extrativa mineral (+3,5%), da indústria de transformação (+1,9%), do comércio (+3,5%) e dos transportes (+2,9%).

Apesar da tendência ascendente, a construção ainda se encontra em retração (-6%). Já os serviços de informação apresentaram taxas mais negativas desde o trimestre findo em maio de 2017, chegando a 3,6% no trimestre encerado em agosto. Já na com o mesmo mês do ano anterior, o PIB apresentou crescimento de 2% no mês de agosto, o quarto mês positivo consecutivo.

Consumo das famílias

O consumo das famílias apresentou crescimento de 1,8% no trimestre móvel findo em agosto, comparativamente ao mesmo trimestre em 2016; esta é a terceira variação positiva do componente após registrar 28 trimestres móveis consecutivos de queda em relação ao ano anterior, com aceleração do crescimento de todos os segmentos de bens de consumo: o de bens não duráveis cresceu 1,3%, o de semiduráveis, 9%, e o de duráveis, 9,3%. A única taxa negativa foi a de consumo de serviços, que ao fechar em queda de 0,5%, contribuiu com -0,3 ponto percentual para o resultado total do consumo das famílias.

Formação de capital

Embora todos os componentes da formação bruta de capital fixo (FBCF) terem apresentado melhora com relação às taxas divulgadas no trimestre móvel até julho, o indicador fechou o trimestre móvel de junho e agosto com retração de 3%, comparativamente ao mesmo trimestre do ano passado.

O componente de máquinas e equipamentos continua na trajetória de crescimento (+5,1%), contribuindo com 1,8 ponto percentual para a melhora do indicador. Já o componente de construção, apesar de ainda muito negativo (-8,5%), está em trajetória ascendente pelo terceiro mês consecutivo; o mesmo ocorre com o componente de outros que apresentou queda de -4,5% no trimestre móvel até agosto após ter apresentado retração de 6% no 2º trimestre do ano.

A FGV ressalta o fato de que a taxa de investimento (FBCF sobre o PIB) a preços constantes fechou agosto com sinais nítidos de melhora, ao atingir 18,3%. Seu ápice foi em outubro de 2013 (24,3%), mas vinha declinando sistematicamente até o início de 2017.

Crescimento das exportações

Outro avanço significativo e que sinaliza o processo de recuperação da economia diz respeito às exportações, que apresentaram crescimento de 7,3% no trimestre móvel de junho a agosto, comparativamente ao mesmo trimestre de 2016. O destaque positivo se deve aos desempenhos da exportação dos produtos da agropecuária (+20,8%), da indústria extrativa mineral (+27,7%) e da de bens de consumo duráveis (+38,3%).

Por outro lado, a importação apresentou retração de 0,3% na comparação do trimestre móvel com o do ano anterior. “Chama a atenção o desempenho negativo dos produtos agropecuários (-36,9%) e dos bens de capital (-25,6%); e, de destaque positivo, o desempenho dos bens de consumo semiduráveis (+52,1%)”, ressalta a publicação.

(Agência Brasil)

Seminário Empreender faz circular a moeda do microcrédito do Banco Palmas

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

O XI Seminário Empreender, aberto ontem à noite, no Centro de Negócios do Sebrae, traz uma novidade: a circulação da moeda palmas, do Banco Palmas, nesta sexta e sábado, durante a feira. Todas as transações envolverão essa moeda para toda e qualquer compra no ambiente do seminário.

As moedas do palmas valerão de 30 a 80 reais. Isso deve gerar em circulação no evento cerca de R$ 10 mil nessa mesma moeda. Ao todo, são 60 expositores que venderão de tudo um pouco: confecção, sapato, sorvete, dindim e uma variedade de produtos que nasceu a partir do apoio do Crediamigo do Banco do Nordeste.

O Banco Palmas, bom que se diga, opera com microcrédito no Conjunto Palmeiras. O organizador do XI Empreender, Nazareno Albuquerque, informa que, até amanhã, a expectativa é que o seminário/feira atraia quatro mil pessoas. Pelo menos.

83 Prefeituras do Ceará gastam acima do limite com pessoal

Oitenta e três prefeituras cearenses – quase a metade dos 184, extrapolaram o limite de gastos com o funcionalismo público. A informação é do Tribunal de Contas do Ceará (TCE), que abriu processos para análise de cada situação. O levantamento feito pelo órgão de controle indica que essas gestões fecharam o segundo quadrimestre de 2017 (maio-agosto) descumprindo o máximo permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Essa lei estabelece o limite de 54% da Receita Corrente Líquida (RCL) para o Poder Executivo e 6% para o Legislativo, informa a assessoria de imprensa do TCE.

A constatação tem como base as prestações de contas dos municípios enviadas ao Tribunal e pode resultar em aplicação de multas, desaprovação de contas e impedimento para receber transferências voluntárias da União e do Estado (aquelas decorrentes de convênio, por exemplo), contratar operações de crédito (exceto aquelas destinadas ao refinanciamento da dívida mobiliária e as que visem à redução das despesas com pessoal) e obter garantia desses entes. Os prefeitos estão ainda sujeitos ao pagamento de multa, após processo na Corte, no valor de 30% da remuneração anual.

As administrações que se encontram nessa condição e também outras 38 onde a despesa atingiu o nível prudencial, isto é, 95% da RCL, não podem – salvo determinadas exceções previstas na LRF – conceder vantagem, aumento, reajuste ou adequação de remuneração a qualquer título; criar cargo, emprego ou função; alterar estrutura de carreira que implique aumento de despesa; preencher cargo público, admitir ou contratar pessoal a qualquer título; e contratar hora extra.

Operação Salvação – Temer exonera oito ministros que votarão contra denúncia na Câmara

Diário Oficial da União publica hoje (20) decretos assinados pelo presidente da República, Michel Temer, com a exoneração de oito ministros de Estado.

Os ministros exonerados têm mandatos de deputados e voltam à Câmara, onde deverão participar da votação, em plenário, prevista para a próxima quarta-feira (25), da segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o presidente Temer.

Na Comissão de Constituição e Justiça da Casa, em sessão realizada na última quarta-feira (18), o relatório a favor da inadmissibilidade da denúncia foi aprovado pela maioria dos deputados que integram o colegiado.

Nos decretos de exoneração publicados nesta sexta-feira constam os nomes dos seguintes ministros: Antonio Imbassahy, da Secretaria de Governo; Leonardo Picciani, ministro do Esporte; Ronaldo Nogueira, ministro do Trabalho; Sarney Filho, do Meio Ambiente; Marx Beltrão, do Turismo; Maurício Quintella Lessa, dos Transportes; Mendonça Filho, da Educação; e Bruno Cavalcanti, das Cidades.

(Agência Brasil)

Tasso ameaça deixar comando do PSDB

O senador Tasso Jereissati deu um ultimato, nessa quinta-feira (19), aos aliados do senador Aécio Neves (PSDB): se o senador mineiro não renunciar definitivamente da presidência do partido até a próxima semana, deixará o comando da sigla. No momento, Tasso é o presidente nacional interino.

Tasso disse que chegou “ao limite” na queda de braço interna no PSDB e que não pretende continuar brigando publicamente com o senador Aécio Neves.

Já o tucano Aécio, que foi pego em gravação pedindo R$ 2 milhões em propina ao empresário Joesley Batista, dono da JBS, é o principal apoiador da manutenção do PSDB na base do presidente Michel Temer (PMDB).

(Com Agências)

“Eu sou eleitor do Lula”, afirma Eunício

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), afirmou ao O POVO que “votará em Lula” para a Presidência da República em 2018. “Se não houver um entendimento nacional, se não houver uma aliança local que me obrigue diferente, eu sou eleitor do Lula”, disse ontem à noite, após abertura do Seminário Empreender, no Centro de Negócios do Sebrae.

Como o peemedebista avalia que a sua legenda não vai lançar candidato próprio à Presidência, Eunício defende a liberação de alianças nos estados. “O PMDB é um partido livre”, diz. “Se tiver liberado, se (o voto) for livre, obviamente votarei no presidente Lula”, repetiu o senador.

A declaração fortalece tese de que Eunício estaria se aproximando do governador Camilo Santana (PT) com a intenção de disputar uma das vagas ao Senado dentro da possível aliança com o petista. A outra já estaria fechada com o ex-aliado Cid Gomes (PDT).

Se a hipótese se confirmar, as eleições do próximo ano reviverão 2010, quando Lula pediu votos para Cid ao Governo do Estado e para Eunício no Senado.

Camilo, que já declarou voto em Ciro para 2018, tem negado que as conversas com o senador sejam motivadas eleitoralmente. De acordo com ele, os frequentes encontros com Eunício têm acontecido para destravar recursos para o Estado.

Nem Cid nem Eunício, no entanto, afastam a possibilidade de aliança. O próprio presidente estadual do PT, De Assis Diniz, já chegou a afirmar em outras oportunidades que, se o peemedebista se submeter ao programa da sigla, isso poderia ser discutido.

Para o petista, a fala do senador “reflete o bom senso de qualquer político” do Estado. “O Lula detém no Ceará, segundo pesquisas internas, 72% das intenções de voto. Qualquer político de bom senso vai olhar esse patrimônio do Lula”, analisa. O dirigente defende também que “quem quer ser eleito não pode estar negando receber apoio para a sua eleição”, referindo-se a Lula.

Se a declaração vai levar de fato a uma aliança com o governador, porém, ele pondera que não pode dizer. “Mas se ele (Eunício) assumir compromisso, por que não?”, questiona. Na tarde de hoje, em São Paulo, De Assis vai se reunir com Lula, quando deve tocar no assunto.

Oposição

Ainda sem nome certo para lançar ao Governo, a oposição no Estado apostava em Eunício até o meio deste ano. Quando as tratativas com Camilo ficaram mais fortes, o senador Tasso Jereissati (PSDB) admitiu possibilidade de candidatura. A ideia do tucano, porém, era estar ao lado do PMDB, possibilidade que se distancia agora com declaração do peemedebista.

Saiba mais

O rompimento oficial entre o PMDB e o PT só aconteceu em março de 2016, deixando espaço livre para que o senador votasse a favor do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. A partir daí, passou a ser chamado, ao lado do presidente Michel Temer (PMDB), de quem é bastante próximo, de “golpista” por partidos da oposição.

Rompimento entre Eunício e os Ferreira Gomes, atualmente no PDT, aconteceu em 2010. Desde então, eles já trocaram diversas farsas públicas. O ex-ministro Ciro Gomes é quem tece mais críticas ao peemedebista, já tendo o chamado de “aventureiro, lambanceiro e mentiroso”. Em evento regional da legenda este ano, Eunício chegou a dizer que “perdoou” a todos que o traíram, fazendo referência aos irmãos.

(O POVO – Repórteres Eliomar de Lima e Letícia Alves/Foto – Paulo MOska)

Padre Reginaldo Manzotti ganha recepção de pop star no Pinto Martins

O padre Reginaldo Manzotti já está na Capital cearense para comandar mais uma edição de “Evangelizar é Preciso Fortaleza,” que acontecerá neste sábado, no Aterro da Praia de Iracema, a partir das 12 horas.

No desembarque, no fim da tarde dessa quinta-feira, Manzotti, que vinha de São Paulo, ganhou recepção de pop star. Foi das mais movimentadas e concorridas. A Infraero não precisou número dos que estavam no saguão.

Manzotti atendeu a todos carinhosamente aos fieis católicos, tirou selfies e deu autógrafo para quem estava com seu último livro – “Batalha Espiritual entre anjos e demônios”. A assessoria do religioso não divulgou sua programação desta sexta-feira em Fortaleza.

(Com Blog Sagrada Família)

“Mulheres estupendas” – U2 homenageia Maria da Penha durante show em São Paulo

A farmacêutica cearense Maria da Penha, vítima de violência contra a mulher e que cedeu seu nome para a lei que ampara mulheres da violência doméstica, foi homenageada na noite dessa quinta-feira (19), em São Paulo, durante o show da banda irlandesa U2.

O vocalista da banda, Bono Vox, chamou as mulheres brasileiras homenageadas de “mulheres estupendas”, no idioma português, antes de iniciar a música Ultra Violet.

Além de Maria da Penha, outras homenageadas foram: irmã Dulce, Conceição Evaristo, Tarsila do Amaral e Taís Araújo.

(Foto: Divulgação)

Polícia Federal cumpre 10 mandados em operação relacionada a Petrobras e Odebrecht

A Polícia Federal está cumprindo, nesta manhã de sexta-feira, 10 ordens judiciais da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba. O objetivo, segundo informa o Valor Econômico, é apurar o pagamento de vantagens indevidas a executivos da Petrobras pelo Setor de Operações Estruturadas, o departamento de propinas do Grupo Odebrecht. Em nota, a PF informou que estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, um mandado de condução coercitiva e um de prisão temporária.

São realizadas três intimações determinadas pelo Justiça, com a imposição de outras medidas cautelares, conforme estabelecem os artigos 282 e 319 do Código de Processo Penal.

Conforme as investigações, há indícios concretos de que um grupo de gerentes da Petrobras se uniu para beneficiar a Odebrecht em contratações com a petroleira, mediante o pagamento de valores de forma dissimulada em contas de empresas offshore estabelecidas no exterior. Os investigados responderão pela prática dos crimes de associação criminosa, corrupção e lavagem de dinheiro. O investigado preso temporariamente será conduzido à carceragem da PF no Paraná.